Você está na página 1de 9

Philip Kotler explica em seus livros que o marketing já passou por diferentes

fases. Isso acontece porque a atividade acompanha a evolução do mercado,


da sociedade, da tecnologia e, principalmente, do comportamento do
consumidor, com quem deve criar uma conexão.

Atualmente, vivemos a quarta fase, chamada de Marketing 4.0. Portanto, já


passamos pelo Marketing 1.0, 2.0 e 3.0.

Porém um estágio não vem para substituir o outro, pois existem empresas
vivendo nas fases anteriores, porque não reagiram às mudanças.
Evolução do
Marketing
Marketing 1.0
As empresas estavam focadas
na sua produção e nos seus
Trata-se do modelo tradicional; produtos. Basicamente, elas
olhavam apenas para o seu
próprio umbigo.

Era o Marketing original que


Era preciso se preocupar com começou a utilizar o Mix ou
construção de marca, composto de Marketing, ou
segmentação de mercado, como era conhecido
muito menos personalização. popularmente: os 4 Ps: Produto,
Preço, Praça e Promoção.
Marketing 2.0
O Foco se volta para o cliente durante o início dos anos 90

Inicio de uma associação do produto às características e perfil dos consumidores


de uma forma genérica;

São incluídos os 4 Cs: Consumidor, Custo, Conveniência e Comunicação.

Início da utilização da Internet, onde os consumidores poderiam encontrar todas


as informações dos milhares de produtos; (PC’s)

Assim, o consumidor poderia encontrar não apenas o produto que queria, mas
outros que pudessem substituir o que procurava.
Marketing 3.0

Devido à grande passividade gerada pelo Marketing 2.0, Philip Kotler


desenvolve o Marketing 3.0; (2010)

A internet entra em cena. A sociedade se torna digital, conectada, sem


fronteiras. As pessoas ganham o poder de se manifestar em sites, blogs e
redes sociais e serem ouvidas do outro lado do mundo.

Os consumidores não querem mais apenas empresas que vendem


produtos ― eles querem marcas que assumam compromissos.
Marketing 4.0
Atua no conhecimento não apenas dos consumidores atuais, mas dos futuros; (prospecção
e tendências)

Inicia a busca por consumidores via Internet, com determinadas necessidades e desejos
que possam ser atendidas pelo produto genérico, customizado ou com pequenas
alterações, antecipando o que o consumidor iria buscar. (Grupo Pão de Açucar – Cliente
mais)

Os fabricantes trocam as lojas físicas com altos custos, por sites de venda.

Quase tudo é baseado na Internet, aplicativos, sites, portais, blogs;


Marketing 5.0
É um conceito e movimento pautado pela combinação entre tecnologia e
o fator humano para atrair, conquistar e ganhar a lealdade dos clientes.

Busca atingir o lado emocional dos consumidores (Youtube, WhatsApp,


Instagran, Ferramentas de Análise de perfil, baseada na busca por
produtos e interesses comuns, propagandas regionalizadas e grupos
segmentados). – Marketing Sensorial

Converte os consumidores a embaixadores da marca;


Marketing 5.0
Apoia causas justas, demonstra responsabilidade social e
ambiental corporativa;

Utiliza o Marketing sensorial para atingir os 5 sentidos do


consumidor;

Envolve o consumidor de uma forma invasiva, sem, que,


no entanto, seja intrusivo.

Você também pode gostar