Você está na página 1de 6

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO


PRÓ-REITORIA DE ENSINO - Proen
Av. José de Sá Maniçoba, s/nº. Centro - Caixa Postal 252 – 56304-205 - Petrolina-PE
Telefone: (87) 3862 3869. E-mail: proen@univasf.edu.br

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO


PROGRAMA DE DISCIPLINA
NOME COLEGIADO CÓDIGO SEMESTRE

Práticas do Cuidar em Enfermagem II-teoria CENF ENF0088 2021.1

HORÁRIO:

CARGA HORÁRIA SÍNCRONA ASSÍNCRONA Aula teórica: segunda (09:00 às 11:00 Hs)

60T 20 40 terça-feira (09:00 às 11:00)


quarta-feira (09:00 às 11:00)

CURSOS ATENDIDOS SUBTURMAS


Enfermagem 1 teórica- 40 vagas

PROFESSOR (ES) RESPONSÁVEL (EIS) TITULAÇÃO


Maria de Fátima Alves Aguiar Carvalho Doutora
Luiza Taciana Rodrigues de Moura – coordenadora Doutora
Tatiana de Oliveira Benevides Especialista
Luciana Patrícia Brito Lopes Mestra

EMENTA

Abordagem de conteúdo que constitui a base da formação profissional. Correlaciona e integra conhecimento das Bases
Morfosiológicas II à Semiologia e Semiotécnica II, facilitando a compreensão das intervenções indicadas para atendimento das
necessidades básicas da pessoa com alterações nos sistemas respiratório, digestório, mamas e axilas e geniturinário. Construção
da aplicabilidade do Processo de Enfermagem (PE).

OBJETIVOS

Geral
✔ Compreender e aplicar o Processo de Enfermagem (PE) na semiologia e semiotécnica relacionada aos sistemas
respiratório, digestório, mamas e axilas e geniturinário de forma processual e sistematizada.

Específicos:

● (Co) relacionar e integrar os princípios científicos das bases morfofisiológicas ao método científico da enfermagem
durante a coleta de dados da pessoa com base em situações problemas;
● Identificar os principais problemas da pessoa e elaborar os diagnósticos de enfermagem com base em situações
problemas;
● Planejar e executar as intervenções para atender as necessidades básicas da pessoa com base em situações
problemas;
● (Re) avaliar os diagnósticos e as intervenções de enfermagem
● Construir habilidades e atitudes do/a discente inerentes ao processo de cuidar na enfermagem pautados nos princípios
éticos e legais da profissão.

METODOLOGIA

● Está ancorada em metodologias ativas do processo ensino-aprendizagem que instiga e estimula o senso crítico e
reflexivo do/a discente, utilizando como ferramentas Tecnologias digitais de informação e comunicação (TDIC): problematização
com sondagem prévia do conhecimento e percepções sobre o tema da aula; Aprendizagem Baseada em equipe (ABE); rodas
de conversa com estímulo disparador da temática; situações - problema, construção de mapas conceituais, infográficos,
portfólios, cartografia, participação em fóruns de discussão, Tutoria individual e ou grupal de acordo com a demanda do/a
discente. Os encontros síncronos serão realizados no Google Meet. Para a integração e correlação dos conteúdos, os mesmos
são discutidos previamente no módulo de BMF, de modo que quando ocorrem as discussões sobre sistematização da
assistência de enfermagem os discentes já possuem a fundamentação teórica necessária para o desenvolvimento das
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO - Proen
Av. José de Sá Maniçoba, s/nº. Centro - Caixa Postal 252 – 56304-205 - Petrolina-PE
Telefone: (87) 3862 3869. E-mail: proen@univasf.edu.br

competências e atitudes. Será criada uma turma no google classroom para compartilhamento de material de referência e
postagem de atividades avaliativas.
.
FORMAS DE AVALIAÇÃO
06 notas (EE1 + EE2 + EE3+EE4+EE5+EE6)
Unidade I- trabalho escrito em grupo (7,0) + participação individual na discussão (3,0)= 10,0
Unidade II- trabalho escrito em grupo (7,0) + participação individual na discussão (3,0)= 10,0
Unidade III- trabalho escrito em grupo (7,0) + participação individual na discussão (3,0)= 10,0
Unidade IV- trabalho escrito em grupo (7,0) + participação individual na discussão (3,0)= 10,0
Unidade V- trabalho escrito em grupo (7,0) + participação individual na discussão (3,0)= 10,0
Unidade VI- trabalho escrito individual (7,0) + participação individual na discussão (3,0)= 10,0

ATENDIMENTO EXTRACLASSE AO/À DISCENTE:

Tutoria individual e ou grupal de acordo com a demanda do/a discente utilizando os recursos de videoconferência, fórum no
google classroom e e-mail disponibilizado pelo tutor.

CONTEÚDOS DIDÁTICOS
CARGA/HORARI
DATA A
PROFESSOR
(Dia/Mê TEMAS ABORDADOS/ ATIVIDADES DESENVOLVIDAS ASSÍN
(ES) SÍNCR
s) CRON
ONA
A
Atividade síncrona Taciana
Apresentação do PD e dos docentes e discentes, discussão dos Fátima 02
instrumentos e forma de avaliação. Tatiana
15/02/22 Luciana
Elaboração compartilhada e assinatura do acordo pedagógico.

Divisão dos subgrupos e tutoria de referência.

Sala virtual: Google meet

UNIDADE I: Processo de Enfermagem (PE)


Objetivo: Compreender e aplicar o Processo de Enfermagem (PE) com base nas nomenclaturas NANDA, NIC e NOC
Atividade assíncrona Taciana
16/02/22 Teorias de Enfermagem x Metodologia da Assistência 02
Fundamentação teórica conceitual do processo de Enfermagem:
Histórico; Diagnóstico de Enfermagem; Planejamento e Intervenção;
Evolução, Prescrição de Enfermagem, Registro e documentação.
Avaliação da Assistência de Enfermagem.
Estratégia metodológica: sala de aula invertida
Atividade Proposta: assistir vídeo aula sobre Processo de Enfermagem

Será assegurado envio do material e situação problema com no mínimo


uma semana de antecedência

Atividade Assíncrona Taciana


21/02/22 Teorias de Enfermagem x Metodologia da Assistência Fátima 04
Fundamentação teórica conceitual do processo de Enfermagem: Tatiana
Histórico; Diagnóstico de Enfermagem; Planejamento e Intervenção; Luciana
Evolução, Prescrição de Enfermagem, Registro e documentação.
Avaliação da Assistência de Enfermagem.
Estratégia metodológica: situação- problema.
Atividade proposta: desenvolvimento de PE, utilizando as nomenclaturas
de Diagnóstico de Enfermagem NANDA, NOC e NIC
Tutoria por subgrupo
Monitoria por subgrupo
Atividade síncrona Taciana 02
22/02/22 Teorias de Enfermagem x Metodologia da Assistência Fátima
Fundamentação teórica conceitual do processo de Enfermagem:
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO - Proen
Av. José de Sá Maniçoba, s/nº. Centro - Caixa Postal 252 – 56304-205 - Petrolina-PE
Telefone: (87) 3862 3869. E-mail: proen@univasf.edu.br

Histórico; Diagnóstico de Enfermagem; Planejamento e Intervenção;


Evolução, Prescrição de Enfermagem, Registro e documentação.
Avaliação da Assistência de Enfermagem.
Estratégia metodológica- situação-problema
Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em
grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

UNIDADE II: Política Nacional de Segurança do Paciente


Objetivo: Compreender e discutir a redução de riscos relacionados à assistência à saúde
Atividade Assíncrona Taciana 04
Política Nacional de Segurança do Paciente. Protocolos de segurança Tatiana
23/02/22 do paciente; Redução de riscos de infecção relacionada à assistência à Fátima
saúde; Segurança medicamentosa; Prevenção de quedas; Prevenção Luciana
de LPP; Investigação de eventos adversos.
Estratégia metodológica: Estudo dirigido
Atividade proposta: Assistir filme “Aprendendo com os erros” e resolver
estudo dirigido.
Tutoria por subgrupo
Atividade síncrona Tatiana 02
07/03/22 Política Nacional de Segurança do Paciente. Protocolos de segurança Luciana
do paciente; Redução de riscos de infecção relacionada à assistência à
saúde; Segurança medicamentosa; Prevenção de quedas; Prevenção
de LPP; Investigação de eventos adversos.
Estratégia metodológica: Estudo dirigido
Atividade proposta: discussão do estudo dirigido, exposição dialogada.
Avaliação: Resolução do estudo dirigido em grupo (7,0) e participação
individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

UNIDADE III: Processo de Enfermagem na semiologia e semiotécnica do sistema respiratório


Objetivo: Compreender e aplicar o Processo de Enfermagem (PE) na semiologia e semiotécnica do sistema respiratório
Atividade Assíncrona Taciana 04
Semiologia do sistema Respiratório. Histórico: Entrevista; Exame físico Tatiana
08/03/22 do Sistema Respiratório: Inspeção, Palpação, Ausculta e Percussão. Luciana
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema Fátima
Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema
Tutoria por subgrupo
Monitoria por subgrupo
Será assegurado envio de vídeo aula e situação problema com no
mínimo uma semana de antecedência

Atividade Assíncrona Taciana 04


Semiotécnica do sistema respiratório: nebulização, inalação, Tatiana
09/03/22 oxigenoterapia, Aspiração de VAS. Fátima
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema Luciana
Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema
Tutoria por subgrupo
Monitoria por subgrupo

Será assegurado envio de vídeo aula e situação problema com no


mínimo uma semana de antecedência

Atividade síncrona Fátima 02


14/03/22 Semiologia e semiotécnica do sistema Respiratório Luciana
Estratégia metodológica- situação-problema
Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em
grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

Atividade síncrona Fátima 02


15/03/22 Semiologia e semiotécnica do sistema Respiratório Luciana
Estratégia metodológica- situação-problema
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO - Proen
Av. José de Sá Maniçoba, s/nº. Centro - Caixa Postal 252 – 56304-205 - Petrolina-PE
Telefone: (87) 3862 3869. E-mail: proen@univasf.edu.br

Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em


grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

UNIDADE IV: Processo de Enfermagem na semiologia e semiotécnica do sistema digestório


Objetivo: Compreender e aplicar o Processo de Enfermagem (PE) na semiologia e semiotécnica do sistema digestório
Atividade Assíncrona Taciana 04
16/03/22 Semiologia do Sistema Digestório: Histórico: Entrevista; Exame físico do Tatiana
Sistema Digestório: Inspeção, Palpação, Ausculta e Percussão. Fátima
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema Luciana
Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema
Tutoria por subgrupo

Será assegurado envio de vídeo aula e situação problema com no


mínimo uma semana de antecedência

Atividade Assíncrona Taciana 04


21/03/22 Semiotécnica do sistema digestório: Medicação oral, sublingual e retal. Tatiana
Finalidades, vantagens e desvantagens. Material necessário. Fátima
Procedimentos: Cateterismo nasogástrico, Cateterismo nasoenteral, Luciana
Lavagem intestinal.
Cuidados com dietoterapia por cateterismo nasoenteral, nasogástrico.
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema
Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema

Será assegurado envio de vídeo aula e situação problema com no


mínimo uma semana de antecedência

Atividade síncrona Tatiana 02


22/03/22 Semiologia e semiotécnica do sistema Digestório Luciana
Estratégia metodológica- situação-problema
Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em
grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

Atividade síncrona Tatiana 02


23/03/22 Semiologia e semiotécnica do sistema Digestório Luciana
Estratégia metodológica- situação-problema
Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em
grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

UNIDADE V: Processo de Enfermagem na semiologia e semiotécnica do sistema geniturinário, mamas e axilas


Objetivo: Compreender e aplicar o Processo de Enfermagem (PE) na semiologia e semiotécnica do sistema geniturinário,
mamas e axilas
Atividade Assíncrona Taciana 02
28/03/22 Semiologia das Mamas e axilas. Histórico: entrevista e exame físico: Tatiana
Inspeção e Palpação; identificação das necessidades afetadas do Fátima
paciente e elaboração dos Diagnósticos de Enfermagem. Luciana
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema
Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema
Tutoria por subgrupo

Será assegurado envio de vídeo aula e situação problema com no


mínimo uma semana de antecedência

Atividade Assíncrona Taciana 02


28/03/22 Semiologia do Sistema Geniturinário. Histórico: Entrevista e Exame Tatiana
Físico do SGU/mamas. Inspeção, Palpação e percussão. Fátima
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema Luciana
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO - Proen
Av. José de Sá Maniçoba, s/nº. Centro - Caixa Postal 252 – 56304-205 - Petrolina-PE
Telefone: (87) 3862 3869. E-mail: proen@univasf.edu.br

Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema


Tutoria por sugrupo

Será assegurado envio do vídeo aula e situação problema com no


mínimo uma semana de antecedência

29/03/22 Atividade Assíncrona Taciana 05


Semiotécnica do sistema geniturinário: Cateterismo Vesical masculino e Tatiana
Cateterismo Vesical feminino: Indicações, cuidados, técnica adequada, Fátima
complicações. Luciana
Estratégia metodológica: sala de aula invertida e situação-problema
Atividade proposta: assistir vídeo aula e resolver situação-problema
Tutoria por subgrupo

Será assegurado envio do vídeo aula e situação problema com no


mínimo uma semana de antecedência

Atividade síncrona Taciana 02


30/03/22 Semiologia e semiotécnica do sistema geniturinário, mamas e axilas Fátima
Estratégia metodológica- situação-problema
Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em
grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

Atividade síncrona Taciana 02


04/04/22 Semiologia e semiotécnica do sistema geniturinário, mamas e axilas Tatiana
Estratégia metodológica- situação-problema
Atividade proposta: Apresentação de situação-problema e discussão em
grupo
Avaliação: resolução de situação-problema: trabalho escrito em grupo
(7,0) e participação individual na discussão (3,0)
Sala virtual: Google meet

UNIDADE VI: Processo de Enfermagem em cuidados paliativos e terminalidade de vida


Objetivo: Compreender e aplicar o Processo de Enfermagem (PE) em cuidados paliativos e terminalidade de vida.
Atividade assíncrona Taciana 02
05/04/22 Concepções sobre morte; Aspectos éticos e biopsicoespirituais, Tatiana
cuidados paliativos, terminalidade de vida. Fátima
Luciana
Estratégia metodológica- estudo dirigido individual
Atividade proposta: assistir documentário sobre Cuidados Paliativos e
resolver estudo dirigido (individual)

Será assegurado envio do vídeo documentário e questões reflexivas


com no mínimo uma semana de antecedência
Atividade síncrona Taciana 03
Concepções sobre morte; Aspectos éticos e biopsicoespirituais, Tatiana
06/04/22 cuidados paliativos, terminalidade de vida. Fátima
Luciana
Estratégia metodológica: roda de conversa: Discussão do documentário
Avaliação: Resolução do estudo dirigido individual (7,0) e participação
individual na discussão (3,0)
Avaliação do módulo
Sala virtual: Google meet

Carga horária total 21 39


11/04 Avaliação final
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BIBLIOGRAFIA BÁSICA:
ANDRIS, D. A. Semiologia: bases para a prática assistencial. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.
BARROS, A.L.B.L (Org.). Anamnese e exame físico: avaliação diagnóstica de enfermagem no adulto: 3. ed. Porto Alegre: Artmed,
2016.
JENSEN, S. Semiologia para Enfermagem. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2013.
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
PRÓ-REITORIA DE ENSINO - Proen
Av. José de Sá Maniçoba, s/nº. Centro - Caixa Postal 252 – 56304-205 - Petrolina-PE
Telefone: (87) 3862 3869. E-mail: proen@univasf.edu.br

NORTH American Nursing Association. Diagnósticos de enfermagem da NANDA: definições e classificações 2018-2020. Porto
Alegre: Artmédica.
POSSO, M. B. S. Semiologia e Semiotécnica de Enfermagem. São Paulo: Atheneu, 2010.
POTTER, P.et al. Fundamentos de enfermagem.8.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.
SMELTZER, S. C.; BARE, B. G. Brunner & Suddarth: tratado de enfermagem médico-cirúrgico. 11. ed. Rio de
Janeiro:Guanabara Koogan, 2011. 2 v.
PORTO, C. C. Exame clínico: bases para a prática médica. 6. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2008.
BULECHEK, G.M. NIC Classificação das Intervenções de Enfermagem. Elsevier, 2017.
MOORHEAD, S. et al. NOC Classificação dos Resultados de Enfermagem. Elsevier, 2016.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:
ALFARO-LEFEVRE, R. Aplicação do processo de enfermagem: promoção do cuidado colaborativo. 5. ed. Porto Alegre:Artmed,
2005.
ANDERSON, L. E. M. Dicionário de enfermagem. 2. ed. São Paulo: Roca, 2001.
ASPERHEIM, M. K. Farmacologia para enfermagem. 9 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2004.
ATKINSON, L. D.; MURRAY, M. E. Fundamentos de enfermagem: introdução ao processo de enfermagem. Rio de Janeiro:
Guanabara Koogan, 1989.
Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Assistência Segura: Uma Reflexão Teórica Aplicada à Prática.Agência Nacional
de Vigilância Sanitária. Brasília: Anvisa, 2017. Disponível em: https://www.gov.br/anvisa/pt-
br/centraisdeconteudo/publicacoes/servicosdesaude/publicacoes/publicacoes/caderno-1-assistencia-segura-uma-reflexao-
teorica-aplicada-a-pratica.pdf/view.

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária Medidas de Prevenção de Infecção Relacionada à Assistência à Saúde. Brasília:
Anvisa, 2017. disponível em: https://www.gov.br/anvisa/pt-
br/centraisdeconteudo/publicacoes/servicosdesaude/publicacoes/publicacoes/caderno-4-medidas-de-prevencao-de-infeccao-
relacionada-a-assistencia-a-saude.pdf/view

CIANCIARULLO, T. I. Instrumentos básicos para o cuidar: um desafio para a qualidade da assistência. São Paulo: Atheneu, 2003.
DOENGES, M. E.; MOORHOUSE, M. F.; GEISSLER-MURR, A. Planos de cuidado de enfermagem: orientações para o cuidado
individualizado do paciente. Tradução Isabel Cristina Fonseca da Cruz. 5. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2000.
DOENGUES, M. Diagnósticos de enfermagem: intervenções, prioridades, fundamentos. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan,
2009.
CARRARO, T. E.; WESTPHALEN, M. E. A. (org.). Metodologia para a assistência de enfermagem: teorizações, modelos e
subsídios para a prática. Goiânia: AB, 2001.
LEÃO, E. R.; CHAVES, L. D. Dor 5º sinal vital: reflexões e intervenções de enfermagem. 2. ed. Curitiba: Maio, 2004.
NEVES, R.S.(org) Sistematização da Assistência de Enfermagem – SAE: guia para o cuidado organizado. – Quirinópolis, GO:
Editora IGM, 2020.
PINHEIRO, R, MATTOS, R. Construção da integralidade: cotidiano, saberes e prática em saúde. UERJ-IMS- Abrasco, Rio de
Janeiro, 2010.

_/____/______ _____________________________ ____/____/______ __________________________


DATA ASSINATURA DO PROFESSOR APROV. NO COLEGIADO COORD. DO COLEGIADO

Você também pode gostar