1

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO PEDAGOGIA VOLNIN GUIMARÃES DOMINGUES JÚNIOR LEIDIMAR ALVES DE LIMA KEILA SANTOS PEREIRA

O PEDAGOGO EM ESPAÇOS EDUCATIVOS

Água Boa - MT 2010

Orientador: Prof. como requisito parcial para a atividade de: O Trabalho do Pedagogo nos Espaços Educativos.MT 2010 .UNOPAR.2 VOLNIN GUIMARÃES DOMINGUES JÚNIOR LEIDIMAR ALVES DE LIMA KEILA SANTOS PEREIRA O PEDAGOGO EM ESPAÇOS EDUCATIVOS Trabalho de Atividade de Portifolio apresentado à Universidade Norte do Paraná . Vilze Vidotte Costa Água Boa .

Decisão tomada. a integração na sociedade. para atendimento das mesmas desde o pré-adolescente. Nelci Soares Dickmann. com formação do curso de magistério. situada na Avenida Tropical na cidade de Água Boa no estado de Mato Grosso. No mesmo ano. sob a coordenação do primeiro presidente eleito da Sociedade Pestalozzi. A referida educadora teve total apoio das autoridades competentes. Dalcy Militão Bagolim. a sua pareceria para a criação da Sociedade Pestalozzi. Joana Vieira. Em 1987 foi aprovado o estatuto.associação Pestalozzi. passou-se então a elaboração do estatuto. propôs à comunidade de Água Boa.1 INTRODUÇÃO Escola Nova Esperança. A professora Nelci Soares Dickmann. . adolescentes. a qual trabalhava com educação especial. dos pais e muitos amigos que aderiram a essa causa. a Sra. sendo a primeira diretora. tiveram início as atividades educacionais. Maria Pereira. No ano de 1986 surgiram as primeiras idéias a respeito de um espaço com fins educacionais destinado à criança carente. destacando-se a colaboração da prof. alimentação e socialização. e crianças com necessidades especiais. com finalidade de preparar as crianças e adolescentes especiais. dentre outros. Nelci Soares Dickmann. Houve toda a assistência na área da saúde. Délcio Rorato e Luiz Schuster. tendo como primeiros professores.

que é a coordenadora Kátia Spuri Donato. orientar os professores no desenvolvimento das atividades técnicas-pedagógicas da escola. acompanhando a avaliação do aluno junto ao professor. A escola conta com a seguinte equipe multidisciplinar e funcionários: 01 diretora. 01 motorista. a ação pedagógica. os programas e planos de cursos de acordo com as normas do órgão competente. coordenar as atividades curriculares com base nas diretrizes e prioridades estabelecidas para a educação especial. Algumas de suas atribuições são planejar. adequar os métodos didático-pedagógicos à filosofia educacional assumida pela escola. 01 fonoaudiólogo. executar e avaliar. . 11 professores. compatibilizando com o plano curricular da escola. manter a direção da escola informada sobre o desempenho de suas atividades. 01 cozinheira. analisar. participar da elaboração do plano curricular e do calendário escolar. 02 secretárias. 01 fisioterapeuta. avaliar e concluir. 98 alunos matriculados com uma procura considerável de vagas. 01 coordenadora pedagógica. 01 psicólogo. Na instituição existe uma pedagoga formada na área. 02 auxiliares de limpeza. acompanhar o desenvolvimento das atividades curriculares. da avaliação e do replanejamento. analisar e avaliar a produtividade do ensino-aprendizagem na unidade escolar. que trabalha com a formação continuada. visando a melhoria do processo ensino-aprendizagem. 01 auxiliar de enfermagem. sistematicamente. assessorar os professores na elaboração do planejamento e na sua execução. 08 salas de aula. juntamente com os professores.2 DESENVOLVIMENTO A educação é formal e atende à educação básica. Seu serviço de coordenação escolar tem por objetivo promover o contínuo aperfeiçoamento das atividades pedagógicas do estabelecimento. supervisionando o processo pedagógico em todas as fases do planejamento.

Lidar com educando tornou-se hoje uma atividade completamente diferente do que se fazia a algum tempo atrás. .3 CONCLUSÃO Diante do que vimos. Portanto o presente trabalho vem mostrar que cabe ao pedagogo auxiliar no processo de desenvolvimento que permite ao indivíduo a desenvolver-se. a escola tem a carência de uma ampliação no espaço físico. as escolas enfrentam um desafio importantíssimo na educação e nesse impasse de mudanças são necessárias para uma nova estrutura organizacional em busca de melhor atender as condições de cada pessoa. Hoje em plena era da informação. preparando-as e qualificando-as de acordo com o perfil desejado pela escola sendo então devidamente preparadas e motivadas. com rampa para cadeirantes. instrumentos estes que os capacitarão para um melhor rendimento e propondo medidas para o seu desempenho. ar condicionado e poltronas acolchoadas para atender as crianças e adolescentes. para melhor acolher as crianças com necessidades especiais. Teria que ter uma condução urbana capaz de transportar para essa unidade. com obtenção de dados e informações a fim de obter um aumento na produtividade tanto pessoal quanto organizacional.

2009. ed. Antônio Vieira. .4 REFERÊNCIAS: COSTA. São Paulo: Cortez. Pedagogia e Pedagogos. 2002. São Paulo: Pioneira. José Carlos. Vilze Vidotte. Aprendizagem Organizacional em Tempos de Mudança. para que? 5. O Trabalho do Pedagogo nos Espaços Educativos. CARVALHO. LIBANEO. São Paulo: Pearson Education do Brasil. 1999.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful