Você está na página 1de 9

Procuradoria Consultiva

BOLETIM Nº12 / 2021

INFORMATIVO Orientações

Atualizações legislativas
LICITAÇÕES E CONTRATOS

Regulamentação estadual da Lei Federal 14.133/2021. Agentes de

1 Contratação e demais agentes públicos que desempenham funções


essenciais no processo de contratação. Lei nº 17.554, de 22.12.2021,
e Decreto nº 51.651, de 27.10.2021.

1.1. O regime transitório da Lei 17.554/2021 Os agentes de contratação contarão


com o auxílio permanente de equipe de apoio,
Durante o período de convivência que poderá corresponder aos atuais membros
legislativa previsto no art. 191 da Lei de comissão de licitação ou ser composta por
14.133/2021, é facultado à Administração profissionais terceirizados que neste caso não
Estadual optar por licitar de acordo com o perceberão a referida gratificação.
novo regime jurídico, sendo necessária pelo
órgão licitante prévia consulta à Procuradoria 1.2. Divisão de competências entre o Agente
Geral do Estado, conforme previsto no art. 2º de Contratação e a Comissão de
da Portaria Conjunta SAD/PGE nº 82/2021. Contratação
Nessas hipóteses de adoção da Nova
Lei de Licitações e Contratos, a Lei Estadual De acordo com a Lei 17.554/2021 e o Decreto
17.554, de 2021 instituiu um regime 51.651/2021, as comissões de contratação
transitório, para dispor que os atuais serão responsáveis pela condução dos
Presidentes das Comissões de Licitação e seguintes procedimentos: a) pré-qualificação,
Pregoeiros da Central de Licitações, registro cadastral e procedimento de
disciplinados na Lei 15.972, de 2016, serão manifestação de interesse, previstos nos arts.
designados Agentes de Contratação e que as 80 e 87 da Lei Federal nº 14.133, de 2021; b)
atuais Comissões de Licitação, permanentes concorrência com critério de julgamento por
ou especiais, serão designadas Comissões técnica e preço ou melhor técnica;
de Contratação. concorrência para contratação integrada ou
Ressalta-se que somente poderão atuar como semi-integrada; concorrência com valor
Agentes de Contratação os Presidentes de estimado de contratação considerado de
Comissão e os Pregoeiros da Central de grande vulto; c)   a critério da autoridade
Licitações que sejam servidores efetivos ou competente, as demais concorrências para
empregados públicos do quadro permanente registro de preços e/ou contratação de bens e
da Administração Pública, podendo ser serviços especiais; d) diálogo competitivo,
servidor ou empregado cedido ao Poder previsto no art. 32 da Lei Federal nº 14.133, de
Executivo Estadual.

Página 1/9
Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

2021; e e) concursos. propostas com as especificações do edital;


As demais modalidades de licitação e  X - coordenar a fase de lances,
os procedimentos auxiliares de quando for o caso;
credenciamento e de registro de preços para  XI - analisar e julgar as condições de
bens e serviços comuns serão conduzidos por habilitação, facultada a requisição de
Agente de Contratação.   subsídios formais aos setores responsáveis
  pela elaboração desses documentos;
1.3. Atribuições do Agente de  XII - realizar as negociações
Contratação/Comissão de Contratação cabíveis, inclusive das condições mais
vantajosas com o primeiro colocado no
O art. 4º do Decreto 51.651/2021 certame;
prevê o seguinte rol exemplificativo de  XIII - sanear erros ou falhas que não
atribuições:   alterem a substância das propostas e a
I - zelar pelo bom fluxo das etapas validade jurídica dos documentos de
preparatórias da licitação; habilitação;
II - realizar a análise de conformidade XIV - declarar o licitante vencedor;
das justificativas apresentadas para as XV - receber, instruir e analisar
exigências de qualificação técnica e de recursos, facultado o exercício de juízo de
qualificação econômico-financeira, bem como retratação;
das demais regras e condições de  XVI - adjudicar o objeto, quando não
participação; houver recurso ou quando houver juízo de
III - promover diligências necessárias retração;
para a adequada instrução processual; XVII - quando não houver juízo de
IV - elaborar e assinar o edital, retratação, encaminhar o processo
seguindo  a minuta padrão pertinente ao devidamente instruído, à autoridade
objeto, editada pela Procuradoria Geral do competente para fins de julgamento de
Estado, quando houver; recurso e adjudicação; e XVIII - elaborar
V - encaminhar o edital para controle relatório final após a adjudicação e
prévio de legalidade por parte da assessoria encaminhar o processo à autoridade
técnica de apoio à Procuradoria Geral do competente para fins de homologação;
Estado ou da Procuradoria Geral do Estado, XVIV- coordenar os trabalhos da
conforme o caso; equipe de apoio.
VI - conduzir a sessão pública; Já nos processos de contratação
VII - receber, examinar e decidir as direta, caberá ao agente contratação ou à
impugnações e os pedidos de comissão de contratação a análise de
esclarecimentos ao edital e anexos, facultada conformidade da instrução processual, nos
a requisição de subsídios formais aos setores termos dos incisos I a IV do art. 72 da Lei
responsáveis pela elaboração desses Federal nº 14.133, de 2021, competindo-lhe
documentos; atestar a habilitação e a qualificação do
VIII - dar conhecimento à assessoria contratado, bem como verificar a existência
técnica de apoio à Procuradoria Geral do de razões suficientes para a escolha do
Estado sobre qualquer alteração do contratado e para a justificativa do preço (cf.
instrumento editalício em razão das art. 6º, caput, Decreto 51.651/2021).
impugnações ou pedidos de esclarecimento; Ressalta-se que a norma previu,
IX - analisar a conformidade das expressamente, que o agente ou a comissão

PGE – Procuradoria Consultiva Página 2/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

de contratação, em qualquer caso, não se 1.4 Demais agentes públicos essenciais no


responsabilizará pelas especificações processo de contratação.
técnicas do objeto, pela validação da
pesquisa de preço ou pela compatibilidade do O Decreto 51.651/2021 contempla
orçamento referencial com os parâmetros de também regras específicas sobre as
mercado, nem responderá pelas decisões que atribuições e funções da banca especializada
envolvam discricionariedade da Administração para julgamento dos requisitos qualitativos em
(cf. art. 4º, § 1º, Decreto 51.651/2021). licitação sob a modalidade concurso (art. 5º);
No exercício de suas atribuições, os da comissão responsável pelo processamento
agentes e as comissões de contratação de licitações na modalidade Diálogo
poderão contar, sempre que necessário, com Competitivo (art. 7º, § 2º); do leiloeiro
o suporte técnico dos órgãos de administrativo (art. 9º); da equipe de apoio
assessoramento e controle interno, para (art. 9º); da alta administração (art. 12); do
dirimir dúvidas ou obter subsídios, sendo-lhe gestor e dos fiscais do contrato (arts. 15 a
facultada também a formalização de consulta 17); da assessoria de Apoio Técnico e da
à Procuradoria Geral do Estado, por PGE (arts 10 e 19) e da CGE (art. 14).
intermédio da Assessoria Técnica de Apoio à
Procuradoria-Geral do Estado, que deverá
emitir nota técnica preliminar sobre a matéria
(cf. art. 11, Decreto 51.651/2021)

2 Promulgação de nova lei estadual sobre reajuste de contratos


celebrados pela Administração.

A Lei Estadual nº 17.555, de 22 de destinados à recomposição inflacionária dos


dezembro de 2021, fixou novas regras sobre preços contratados de acordo com o tipo de
reajustamento de contratos celebrados no contratação envolvida, a nova lei remete para
âmbito da Administração Pública Estadual normativo infralegal o disciplinamento dessa
direta, autárquica e fundacional, revogando os matéria (art. 1º).
artigos 1º e 2º da Lei nº 12.525/2003, que Na esteira do previsto no art. 25, § 7º,
tratavam da matéria (art. 14). da Lei 14.133/2021, a lei estadual previu a
As novas regras incidem sobre possibilidade de fixação de mais de um índice
contratos administrativos de fornecimento, específico ou setorial na mesma contratação,
prestação de serviços em geral, obras e em conformidade com a realidade de
serviços de engenharia, nos contratos de mercado dos insumos envolvidos, desde que
locação de imóveis em que o Estado, suas expressamente previsto no edital e no
Autarquias e Fundações Públicas são contrato.
locatários, assim como nas permissões e Foram fixadas regras específicas para
concessões onerosas de uso de bens os contratos de serviços com dedicação
públicos estaduais e em instrumentos exclusiva de mão-de-obra relacionadas à
congêneres (art. 3º, §2º). data-base e ao percentual de reajuste,
Diferentemente do diploma anterior, diferenciando a situação dos itens da planilha
que fixava os índices de correção monetária de composição de custos vinculados às

PGE – Procuradoria Consultiva Página 3/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

normas coletivas de trabalho dos demais, que contínuos, com vigência plurianual, quando o
se vinculam a índice setorial ou específico, pedido deve ser formalizado no prazo de até
prevendo a possibilidade de os 12 (doze) meses após completado o período
reajustamentos, nessa espécie contratual, aquisitivo de 1 (um) ano;
acontecer em momentos distintos quando o b) Nos aditivos de prorrogação de
transcurso do período aquisitivo ocorrer em prazo dos contratos de serviços e fornecimento
datas diferentes (art. 2º). contínuos, quando o instrumento for assinado
O marco para contagem do interregno sem que haja prévio pedido protocolado;
mínimo de 1 (um) ano para a incidência do c) Nos contratos em geral, quando os
reajustamento dos contratos foi fixado, como pedidos forem apresentados após a extinção
regra, da data do orçamento estimado que da vigência contratual.
compõe o processo licitatório, quando Foram excepcionados das hipóteses
existente, e da data de apresentação da de preclusão acima descritas, porém, os itens
proposta, nos casos de contratações da planilha de composição de custos
decorrentes de dispensas e de vinculados às normas coletivas de trabalho dos
inexigibilidades (art. 3º). contratos de prestação de serviços com
Nos contratos de serviços com dedicação exclusiva de mão de obra incidentes
dedicação exclusiva de mão-de-obra, durante a vigência contratual (art. 5º, parágrafo
contudo, o interregno mínimo de um ano para único).
o reajuste dos itens vinculados às normas Com vistas a viabilizar a manutenção
coletivas de trabalho deve ser contato da da vantajosidade do ajuste, a nova lei previu a
data-base do Acordo, Convenção, Dissídio possibilidade de o direito ao reajustamento ser
Coletivo de Trabalho ou equivalente vigente à objeto de negociação entre as partes, inclusive
época da elaboração do orçamento estimado de renúncia parcial ou total pela contratada
pela Administração (art. 3º, §1º). (art. 6º).
Já nas contratações de locação de O art. 7º da nova lei disciplinou,
imóveis de terceiros pela Administração, nas outrossim, a hipótese de extinção antecipada
permissões e concessões onerosas de uso de de ajustes plurianuais prevista no art. 106, §1º,
bens públicos estaduais, data-base do da Lei 14.133/2021, quando diante de
reajuste deve ser fixada a partir da assinatura insubsistência da necessidade ou utilidade
do ajuste (art. 3º, §2º). pública da contratação ou por motivos de
A lei cuidou também de disciplinar o contingenciamento ou insuficiência
procedimento de concessão do reajuste, orçamentária, prevendo a necessidade, nessas
impondo à contratada a obrigação de hipóteses, de que se aguarde a data de
apresentar requerimento formal, que deve ser aniversário do contrato e de que seja a
protocolado durante a vigência contratual, contratada comunicada com antecedência
cabendo à Administração apreciá-lo no prazo mínima de 2 (dois) meses (art. 7º).
máximo de 60 (sessenta) dias, a contar da Considerando a possibilidade de as
instrução completa do pedido pela atas de registro de preços celebradas sob o
requerente. regime da nova lei de licitações terem vigência
Inovação importante deu-se em superior a 12 meses, a nova lei estadual
relação à fixação dos seguintes marcos de estendeu a aplicação de suas regras a tal
preclusão ao exercício do direito ao reajuste situação (art. 11).
pela contratada (art. 5º): Por fim, em seu art. 13, o novel
a) Nos contratos por escopo ou diploma limitou a incidência das regras

PGE – Procuradoria Consultiva Página 4/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

contidas no art. 3º, caput (data base do normas coletivas de trabalho contidos em
reajuste); art. 5º, inciso I (preclusão em contratos com dedicação exclusiva de mão de
contratos plurianuais); e no art. 7º (extinção obra da ocorrência da preclusão do direito ao
antecipada em contratos plurianuais) aos reajustamento, a Lei nº 17.555 previu sua
contratos celebrados com base no regime da incidência apenas a partir dos reajustes
Lei nº 14.133/2021. devidos após o início de sua vigência (art. 13,
No que tange à regra relacionada à parágrafo único).
exclusão dos itens de custos vinculados às

Autorização temporária, enquanto não realizada a integração do PE-


Integrado com o Portal Nacional de Contratações Públicas - PNCP,
3 para a publicação de atos, avisos de editais e extratos de contratos
no DOE e no próprio Sistema PE-Integrado; nas contratações
baseadas na Lei Federal nº 14.133/2021.

A Lei Estadual nº 17.554, de 22 de lei de licitações, mais precisamente quanto


dezembro de 2021, em seu art. 2º, autorizou, aos procedimentos de contratação direta (art.
de forma temporária, a publicação de atos, 75 da Lei nº 14.133/2021), para órgãos não
avisos de editais e extratos de contratos no vinculados ao Sistema de Serviços Gerais
Diário Oficial do Estado e no sistema PE- (Sisg). O fundamento é similar ao utilizado
Integrado, enquanto não implementada a pela legislação estadual e reside na
integração daquele sistema ao Portal necessidade de integração dos sistemas
Nacional de Contratações Públicas - PNCP, informatizados.
de que trata o art. 174 da Lei Federal nº Nesse diapasão, entendeu o TCU que
14.133/2021. Tal disposição tem aplicação tais órgãos podem transitória e
para as contratações que se baseiem no novo excepcionalmente, utilizarem-se do
marco normativo federal, que já está em vigor dispositivo contido no art. 75, I e II, da NLLC,
e em convivência com o regime de até que se ultimem os procedimentos de
contratação da Lei nº 8.666/1993. Desta feita, integração para acesso às funcionalidades do
a legislação desobstrui a possibilidade de PNCP. Em contrapartida, prestigiando-se o
utilização, ainda que parcial, dos institutos da princípio da transparência das contratações
nova lei de licitações, mesmo enquanto não públicas, as publicações respectivas devem
providenciada a integração do PE-Integrado ser publicadas no Diário Oficial da União
ao PNCP. A lei expressamente prevê que (DOU) e na internet, devendo-se adotar as
deve haver a publicidade do inteiro teor dos providências para a efetiva integração dos
documentos, editais e contratos no próprio sistemas internos com o PNCP. Nesses
sistema PE - Integrado e no Portal da casos, também se deve observar a
Transparência. necessidade de publicização das
Em sentido semelhante, o Tribunal de contratações nos termos delineados pelo
Contas da União, em 13/10/2021, TCU.
respondendo consulta por meio do Acórdão nº Para ambas as hipóteses, uma vez ultimados
2458/2021 – Plenário, entendeu pela os autos de implementação e integração do
possibilidade de aplicação imediata da nova PNCP com os sistemas respectivos, se torna

PGE – Procuradoria Consultiva Página 5/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

imperativa a publicação dos atos naquele considerando a regulamentação necessária à


portal, dando eficácia ao texto do art. 174 da aplicação da NLLC, nos termos da Portaria
nova lei de licitações. Conjunta SAD/PGE nº 082/2021.
Vale anotar que eventual contratação
baseada nos termos da Lei nº 14.133/2021 (Fontes: Lei nº 17.554/2021 e
depende de prévia remessa do processo a Acórdão TCU nº 2458/2021 – Plenário)
esta Procuradoria para verificação quanto à
operacionalidade em cada caso,

INOVAÇÕES LEGISLATIVAS

EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 113, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2021 (Publicada no


1
DOU de 09.12.2021)

Altera a Constituição Federal e o Ato das Disposições Constitucionais Transitórias para


estabelecer o novo regime de pagamentos de precatórios, modificar normas relativas ao
Novo Regime Fiscal e autorizar o parcelamento de débitos previdenciários dos Municípios;
e dá outras providências.
(http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/Emendas/Emc/emc113.htm)

EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 114, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2021 (Publicada no


2
DOU de 17.12.2021)

Altera a Constituição Federal e o Ato das Disposições Constitucionais Transitórias para


estabelecer o novo regime de pagamentos de precatórios, modificar normas relativas ao
Novo Regime Fiscal e autorizar o parcelamento de débitos previdenciários dos Municípios;
e dá outras providências.
(http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/Emendas/Emc/emc114.htm)

3 LEI FEDERAL Nº 14.259, DE 07.12.2021 (Publicada no DOU de 08.12.2021)

Altera a Lei nº 14.124, de 10 de março de 2021, que dispõe sobre as medidas


excepcionais relativas à aquisição de vacinas e de insumos e à contratação de bens e
serviços de logística, de tecnologia da informação e comunicação, de comunicação social
e publicitária e de treinamentos destinados à vacinação contra a covid-19 e sobre o Plano
Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19.
(https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/lei-n-14.259-de-7-de-dezembro-de-2021-365395809)

PGE – Procuradoria Consultiva Página 6/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

4 MEDIDA PROVISÓRIA Nº 1.077 DE 07.12.2021 - (Publicada no DOU de 08.12.2021)

Institui o Programa Internet Brasil .


(https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/medida-provisoria-n-1.077-de-7-de-dezembro-de-2021-3
65394895)

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 1.082, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2021 (Publicada no DOU


5
de 23.12.2021)

Altera a Lei Complementar nº 79, de 7 de janeiro de 1994, para dispor sobre o percentual
mínimo do repasse obrigatório da União aos fundos dos Estados, do Distrito Federal e dos
Municípios.
(https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/medida-provisoria-n-1.082-de-22-de-dezembro-de-2021
-369668823)

DECRETO FEDERAL Nº 10.888, DE 9 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicado no DOU


6 de 09.12.2021 – EDIÇÃO EXTRA)

Dispõe sobre a publicidade e a transparência das comunicações realizadas entre os


órgãos, fundos e entidades do Poder Executivo federal e o relator-geral do projeto de lei
orçamentária anual sobre a execução de recursos decorrentes de emendas.
(https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/decreto-n-10.888-de-9-de-dezembro-de-2021-3660383
43)

DECRETO FEDERAL Nº 10.890, DE 9 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicado no DOU


7
de 10.12.2021

Altera o Decreto nº 9.492, de 5 de setembro de 2018, e o Decreto nº 10.153, de 3 de


dezembro de 2019, para dispor sobre a proteção ao denunciante de ilícitos e de
irregularidades praticados contra a administração pública federal direta e indireta.
(http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2021/Decreto/D10890.htm)

DECRETO FEDERAL Nº 10.922, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicado no DOU


8 de 31.12.2021)

Dispõe sobre a atualização dos valores estabelecidos na Lei nº 14.133, de 1º de abril de


2021 - de Licitações e Contratos Administrativos.
(https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/decreto-n-10.922-de-30-de-dezembro-de-2021-371513
785)

PGE – Procuradoria Consultiva Página 7/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

 LEI ESTADUAL N° 17.549, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2021.  (Publicada no DOU de


9 22.12.2021)

Dispõe, em cumprimento ao que preceitua o artigo 124, § 1º, inciso IV, da Constituição do
Estado de Pernambuco, com a redação dada pela Emenda Constitucional nº 31 de 27 de
junho de 2008, sobre a revisão do Plano Plurianual do Estado, para o período 2020-2023,
exercício de 2022.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61169)

LEI ESTADUAL Nº 17.550, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2021.  (Publicada no DOE de


10
22.12.2021)

Estima a Receita e fixa a Despesa do Estado de Pernambuco para o exercício financeiro


de 2022.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61170)

LEI ESTADUAL Nº 17.554, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicada no DOE de


11
23.12.2021)

Altera a Lei nº 15.972, de 23 de dezembro de 2016, que institui as gratificações de


presidente e membros de comissões de licitação, no âmbito da administração direta, dos
fundos, das fundações, das autarquias e das empresas públicas e sociedades de
economia mista dependentes do Tesouro Estadual.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61182)

LEI ESTADUAL Nº 17.555, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicada no DOE de


12
23.12.2021)

Estabelece normas especiais relativas aos procedimentos de reajustamento de preços dos


contratos firmados no âmbito da Administração Pública Estadual.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61183)

LEI ESTADUAL Nº 17.556, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicada no DOE de


13
23.12.2021)

Dispõe sobre a Política de Assistência Social, a organização do Sistema Único de


Assistência Social – SUAS, no Estado de Pernambuco, e altera a Lei nº 11.297, de 26 de
dezembro de 1995.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61196)

PGE – Procuradoria Consultiva Página 8/9


Boletim Informativo – Licitações e Contratos Nº12/2021

DECRETO ESTADUAL Nº 52.005, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicado no DOE


14 de 15.12.21)

Regulamenta o art. 11 da Lei nº 17.269, de 21 de maio de 2021, que institui o Estatuto do


Desenvolvimento Econômico do Estado de Pernambuco.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61067&tipo=)

DECRETO ESTADUAL Nº 52.050, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2021.  (Publicado no


15
DOE de 23.12.2021)

Mantém a declaração de situação anormal, caracterizada como “Estado de Calamidade


Pública”, no âmbito do Estado de Pernambuco, em virtude da emergência de saúde
pública de importância internacional decorrente do coronavírus.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61179&tipo=)

DECRETO ESTADUAL Nº 52.060, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicado no DOE


16
de 28.12.21)

Regulamenta a Lei nº 12.045, de 17 de julho de 2001, que estabelece a gratuidade no uso


dos transportes coletivos intermunicipais às pessoas com deficiência, física, visual, auditiva
e mental.
(https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?id=61208&tipo=)

PORTARIA CONJUNTA SAD/SES Nº 117 DE 09 DE DEZEMBRO DE 2021. (Publicada


17
no DOE de 10.12.21)

Determina que o ingresso nos prédios públicos dos serviços de saúde e unidades
hospitalares da Rede Estadual de Saúde de Pernambuco, deverá ser precedido de
comprovante de vacinação contra a COVID-19, a ser apresentado na recepção de cada
serviço.
(https://diariooficial.cepe.com.br/diariooficialweb/#/visualizar-diario?dataPublicacao=10-12-2
021&diario=MQ%3D%3D)

PGE – Procuradoria Consultiva Página 9/9

Você também pode gostar