Você está na página 1de 10

...

INSTITUTO ...PROMINAS

PSICOPEDAGOGIA ...CLÍNICA ...E ...INSTITUCIONAL

KARINA ...VERAS ...DE ...ANDRADE

O ...IMPORTANTE ...PAPEL ...DO ...PSICOPEDAGOGO ...EDUCACIONAL

GRANJA/CE

... ... ... ...2021


...

O ...IMPORTANTE ...PAPEL ...DO ...PSICOPEDAGOGO ...EDUCACIONAL

... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ...
... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ...
Karina ...Veras ...de ...Andrade1
...
...

RESUMO

Este ...trabalho ...tem ...como ...finalidade ...entender ...e ...mostrar ...a ...suma ...importância ...do ...psicoped
agogo ...na ...observação ...dos ...aspectos ...da ...aprendizagem ...dos ...alunos. ...O ...profissional ...da ...psic
opedagogia ...busca ...sanar ...as ...diferentes ...as ...dificuldades ...de ...aprendizagem ...que ...não ...tem ...co
mo ...causa ...somente ...as ...dificuldades ...dos ...discentes, ...mas ...sim ...de ...problemas ...do ...ambiente ...
escolar. ...Seu ...objetivo ...é ...estudar ...os ...fatores ...que ...favorecem ...ou ...prejudicam ...uma ...boa ...apr
endizagem ...escolar. ...O ...profissional ...assumirá ...o ...compromisso ...com ...a ...mudança ...do ...ambient
e ...escolar, ...à ...medida ...que ...se ...propõe ...a ...fazer ...uma ...reorientação ...do ...processo ...de ...ensino-
aprendizagem ...refletindo ...os ...métodos ...educativos ...e ...numa ...atitude ...investigativa ...descobrir ...as .
..causas ...dos ...problemas ...de ...aprendizagem ...que ...se ...apresenta ...na ...instituição ...e ...que ...se ...dep
ara ...em ...sala ...de ...aula. ...Seu ...papel ...é ...analisar ...e ...assinalar ...os ...fatores ...que ...favorecem, ...int
ervêm ...ou ...prejudicam ...uma ...boa ...aprendizagem ...em ...uma ...instituição. ...Entende-
se ...que ...são ...vários ...os ...fatores ...que ...influenciam ...a ...aprendizagem, ...e ...o ...reconhecimento ...de
stes ...são ...vantajosos ...para ...que ...as ...intervenções ...alcancem ...seus ...objetivos, ...propondo ...e ...auxi
liando ...no ...desenvolvimento ...de ...projetos ...favoráveis ...sobre ...as ...mudanças ...educacionais, ...visand
o ...evitar ...processos ...que ...conduzam ...a ...dificuldades ...da ...construção ...do ...conhecimento. ...
...
Palavras ...Chave: ... ...Escola; ...Família. ...Trabalho. ...Transformação
...
...

1
...karinaveras2018@gmail.com
3

1. INTRODUÇÃO ...
...
...A ...área ...da ...psicologia ...se ...constitui ...de ...dois ...saberes, ...na ...Psicologia ...e ...Pe
dagogia, ...que ...vão ...muito ...além ...da ...simples ...união ...dessas ...duas ...palavras. ...Isso ...signi
fica ...que ...é ...muito ...mais ...complexa ...do ...que ...a ...simples ...aglomeração ...de ...duas ...pala
vras, ...visto ...que ...visa ...identificar ...a ...complexidade ...inerente ...ao ...que ...produz ...o ...saber
...e ...o ...não ...saber. ...É ...uma ...ciência ...que ...estuda ...o ...processo ...de ...aprendizagem ...hum
ana, ...sendo ...o ...seu ...objeto ...de ...estudo ...o ...ser ...em ...processo ...de ...construção ...do ...con
hecimento. ...
...Surgiu ...no ...Brasil ...devido ...ao ...expressivo ...número ...de ...crianças ...com ...fracasso
...escolar ...e ...que ...a ...psicologia ...e ...a ...pedagogia, ...separadamente, ...não ...darem ...conta ...d
e ...resolver ...tais ...fracassos. ...O ...Psicopedagogo, ...por ...sua ...vez, ...tem ...a ...função ...de ...ana
lisar ...e ...avaliar ...qual ...a ...verdadeira ...necessidade ...da ...escola ...e ...atender ...aos ...seus ...obj
etivos, ...bem ...como ...verificar, ...junto ...ao ...Projeto ...Político-
Pedagógico, ...como ...a ...escola ... ...deve ...conduzir ...o ...processo ...ensino, ...como ...garante ...o
...sucesso ...de ...seus ...alunos ...e ...como ...a ...família ...exerce ...o ...seu ...papel ...de ...parceira ...n
esse ...processo. ...
... ... ... ... ...A ...atividade ...do ...psicopedagogo ...se ...distingue ...de ...todas ...as ...outras, ..
.pela ...sua ...natureza ...e ...pelo ...seu ...valor ...social. ...O ...psicopedagogo ...tem ...uma ...função ..
.complexa, ...considerando ...que ...a ...criança ...e ...o ...adolescente ...têm ...características ...únicas .
..e ...necessidades ...muito ...diferentes. ...Conforme ...os ...conhecimentos ...se ...ampliam ...e ...o ...
mundo ...se ...transforma ...por ...meio ...de ...inovações ...tecnológicas ...e ...de ...comunicação ...glo
balizada, ...as ...dificuldades ...se ...acumulam ...para ...o ...psicopedagogo ...que ...precisa ...se ...ada
ptar ...a ...novas ...exigências ...que ...promovam ...a ...aprendizagem ...do ...conhecimento ...que ...se
...propõe ...integrar ...conhecimentos ...científicos ...compreendendo ...e ...intervindo ...nos ...process
os ...de ...aprendizagem ...humana. ... ...
...Considerando ...a ...escola ...responsável ...por ...grande ...parte ...da ...formação ...do ...ser
...humano, ...o ...trabalho ...do ...Psicopedagogo ...na ...instituição ...escolar ...tem ...um ...caráter ...pr
eventivo ...no ...sentido ...de ...procurar ...criar ...competências ...e ...habilidades ...para ...solução ...d
os ...problemas. ...Com ...esta ...finalidade ...e ...em ...decorrência ...do ...grande ...número ...de ...cria
4

nças ...com ...dificuldades ...de ...aprendizagem ...e ...de ...outros ...desafios ...que ...englobam ...a ...f
amília ...e ...a ...escola, ...a ...intervenção ...psicopedagógica ...ganha, ...atualmente, ...espaço ...nas ...
instituições ...de ...ensino. ...

2. DESENVOLVIMENTO ... ... ...


...
...Quando ...analisamos ...um ...problema ...de ...aprendizagem ...imaginamos ...as ...várias ...
etapas ...que ...podem ...conter ...este ...problema: ...Qual ...a ...ordem ...deste ...problema? ...
Da ...escola? ...Da ...Família? ...Do ...individuo? ...Da ...sociedade? ...De ...todos ...estes ...fat
ores ...associados? ... ... ...Os ...docentes ...que ...não ...possuem ...um ...olhar ...da ...psicologia ...sob
re ...o ...entendimento ...que ...envolve ...o ...desenvolvimento ...e ...da ...aprendizagem ...dos ...seus .
..alunos, ...no ...que ...tange ...às ...relações ...entre ...afetividade ...e ...cognição, ...apresentam ...mai
ores ...dificuldades ...na ...organização ...de ...uma ...proposta ...de ...intervenção ...pedagógica, ...que
...contribua ...para ...a ...prevenção ...das ...dificuldades ...de ...aprendizagem. ... ...
...A ...psicologia ...estuda ...e ...analisa ...o ...processo ...de ...aprendizagem ...e ...suas ...dific
uldades ...e ...tem ...como ...objeto ...de ...estudo ...e ...trabalho ...o ...desenvolvimento ...da ...aprendi
zagem ...humana. ...Segundo ...Kiguel ...
(1991), ...o ...objetivo ...principal ...do ...estudo ...da ...psicopedagogia ...está ...em ...torno ...do ...pro
cesso ...da ...aprendizagem ...humana: ...seus ...padrões ...evolutivos ...normais ...e ...patológicos ...b
em ...como ...a ...influência ...do ...meio ...
(família, ...escola ...e ...sociedade) ...no ...seu ...pleno ...desenvolvimento. ...
... ...Pode-se ...concluir ...que ...a ...atuação ...desse ...profissional ...na ...escola ...inicia-
se ...por ...uma ...análise ...sobre ...vários ...aspectos ...da ...organização ...escolar. ...Além ...de ...ser .
..primordial ...um ...trabalho ...coletivo, ...junto ...com ...os ...professores, ...alunos, ...equipe ...pedag
ógica ...e ...pessoal ...administrativo, ...procurando ...dentro ...deste ...contexto ...melhorar ...o ...relac
ionamento ...entre ...si ...e ...entre ...grupos, ...tendo ...como ...meta ...a ...melhoria ...das ...condições
...de ...aprendizagem ...individual ...e ...do ...grupo.
...O ...surgimento ...dessa ...área ...pode ...ser ...entendido, ...segundo ...Kiguel, ...citada ...por
...Bossa ...
(2007, ...p.20), ...a ...partir ...de ...duas ...possibilidades. ...Sendo ...na ...primeira, ...a ...autora ...suge
re ...que ...a ...psicopedagogia ...surgiu ...na ...fronteira ...entre ...a ...pedagogia ...e ...psicologia ...dev
5

ido ...à ...necessidade ...de ...atendimento ...para ...as ...crianças ...consideradas ...inaptas ...dentro ...d
o ...sistema ...educacional, ...por ...apresentarem ...distúrbios ...de ...aprendizagem. ... ...
...A ...segunda ...possibilidade, ...se ...refere ...que ...a ...psicopedagogia ...pode ...ter ...surgid
o ...como ...uma ...possibilidade ...de ...explicação ...para ...o ...fracasso ...escolar, ...por ...outras ...vi
as ...que ...não ...a ...pedagógica ...e ...a ...psicológica. ... ...
...Percebe-
se ...que ...o ...campo ...epistemológico ...da ...Psicopedagogia ...é ...o ...processo ...de ...aprendizage
m ...humana. ...Característica ...essa ...multidimensional ...do ...objeto ...de ...estudo ...que ...refere-se
...a ...uma ...complexa ...série ...de ...fatores: ...questões ...pré-subjetivas ...
(social, ...linguagem, ...conformação ...neurobiológica) ...e ...a ...questões ...subjetivas ...
(processos ...de ...construção ...do ...conhecimento ...e ...da ...constituição ...da ...subjetividade ...e ...
a ...dinâmica ...afetiva). ...Ampliando ...as ...ideias ...trabalhadas ...temos ...as ...contribuições ...de ...
Lemme ...(2009) ...ao ...enfatizar: ...

Dificuldade ...de ...aprendizagem ...é ...um ...termo ...genérico ...que ...se ...refere ...a ...um ..
.grupo ...heterogêneo ...de ...desordens, ...manifestadas ...por ...dificuldades ...na ...aquisição
...e ...no ...uso ...da ...audição, ...da ...fala, ...da ...leitura, ...da ...escrita, ...do ...raciocínio ...o
u ...das ...habilidades ...matemáticas. ...É ...importante ...não ...se ...confundir ...dificuldade ..
.de ...aprendizagem ...com ...fracasso ...escolar, ...que ...embora ...tenham ...semelhanças ...n
a ...forma ...de ...se ...manifestarem, ...pertencem ...a ...categorias ...diferentes. ...
(LEMME, ...2009, ...p.167-168) ...

...Observa-
se ...que ...o ...estudo ...é ...o ...processo ...de ...aprendizagem ...humana, ...envolvendo ...os ...padrõe
s ...evolutivos ...normais ...e ...patológicos, ...levando ...em ...consideração ...a ...influência ...do ...me
io ...
(família, ...escola, ...sociedade) ...no ...desenvolvimento. ... ...Inicialmente, ...tanto ...os ...teóricos ...a
rgentinos ...como ...os ...teóricos ...brasileiros ...ocupavam-
se ...do ...tema ...da ...aprendizagem, ...tendo ...como ...causa ...e ...razão ...os ...problemas ...advindo
s ...do ...processo ...de ...aprendizagem. ...O ...foco ...era ...o ...sujeito ...que ...não ...podia ...aprender
. ...
...Segundo ...Sánchez ...
(2008), ...o ...campo ...epistemológico ...da ...psicopedagogia ...caracteriza-
se ...por ...um ...raciocínio ...diagnóstico ...e ...uma ...metodologia ...de ...intervenção ...que ...busca ..
.ter ...um ...olhar ...o ...sujeito ...na ...relação ...com ...o ...objeto ...de ...conhecimento ...em ...situaçã
o ...de ...aprendizagem; ...busca ...considerar ...sujeito ...e ...objeto ...como ...entidades ...indissociáve
6

is; ...conceber ...o ...sujeito ...em ...seu ...contexto ...socio ...e ...histórico; ...admitir ...a ...possibilidad
e ...de ...um ...conhecimento ...transdisciplinar, ...embora ...ele ...se ...tenha ...construído ...na ...persp
ectiva ...interdisciplinar; ...e ...ter ...a ...clínica ...das ...dificuldades ...de ...aprendizagem ...como ...es
paço ...privilegiado ...para ...o ...desenvolvimento ...da ...teoria ...psicopedagógica. ...
Diante ...dessas ...afirmações ...esses ...pesquisadores ...enfatizam ...a ...grande ...importância
...da ...ligação ...entre ...a ...psicopedagogia ...e ...seu ...contexto ...histórico, ...conhecer ...o ...ambien
te ...em ...que ...o ...aluno ...está ...inserido ...é ...o ...principal ...ponto ...para ...fazer ...um ...levantam
ento ...das ...suas ...necessidades. ... ...
...Este ...trabalho ...destaca ...o ...campo ...de ...atuação ...da ...prática ...psicopedagógica ...e .
..nos ...relata ...sobre ...a ...Psicopedagogia ...Escolar, ...no ...qual ...a ...escola ...é ...a ...principal ...e .
..mais ...importante ...instituição ...a ...reivindicar ...pela ...presença ...e ...pela ...intervenção ...psicop
edagógica ...em ...seu ...cotidiano. ...
O ...Projeto ...de ...Lei ...3.124/97 ...descreve ...as ...funções ...do ...psicopedagogo, ...estabele
cendo ...um ...perfil ...desse ...profissional, ...cujo ...saber ...diversificado ...oriundo ...de ...várias ...ár
eas ...do ...conhecimento ...humano ...o ...torna ...competente ...para: ... ...

[...] ...realizar ...intervenção ...visando ...à ...solução ...dos ...problemas ...de ...aprendizagem
...tendo ...como ...enfoque ...o ...educando, ...instituição ...de ...ensino ...pública ...ou ...priva
da; ...efetuar ...o ...diagnóstico ...e ...intervenção ...psicopedagógica, ...utilizando ...métodos,
...instrumento ...e ...técnicas ...próprias ...da ...Psicopedagogia; ...intervir ...na ...prevenção ...
de ...problemas ...de ...aprendizagem; ...pesquisar ...cientificamente ...o ...processo ...ensino-
aprendizagem, ...assim ...como ...os ...problemas ...que ...dele ...decorrem; ...oferecer ...asses
soria ...psicopedagógica ...aos ...trabalhos ...realizados ...em ...espaços ...institucionais; ...coo
rdenar, ...orientar ...e ...supervisionar ...cursos ...de ...especialização ...em ...Psicopedagogia .
..em ...nível ...de ...pós-graduação, ...oferecidos ...por ...instituições ...credenciadas. ...
(COSTA, ...2007, ...pag.98) ...

...
...Portanto, ...diante ...dos ...estudos ...que ...investigaram ...a ...Psicopedagogia ...escolar ...p
ode-
se ...delinear ...a ...trajetória ...percorrida ...para ...garantir ...a ...presença ...do ...psicopedagogo ...no
...espaço ...escolar ...para ...que ...através ...de ...saberes ...próprios ...da ...área, ...integrados ...as ...ár
eas ...afins, ...possam ...atuar ...na ...prevenção ...e ...na ...intervenção ...apropriada ...a ...fim ...de ...e
ntender ...e ...minimizar ...os ...problemas ...de ...aprendizagem. ...Para ...tanto, ...porém, ...é ...necess
ário ...que ...se ...lute ...pela ...implantação ...de ...fato, ...do ...que ...já ...está ...estabelecido ...em ...le
i. ... ... ...
7

Segundo ...Pombo ...(2000, ...p.80), ...o ...educador ...deveria ...ter ...por ...objetivo ...preparar
...adultos ...livres ...de ...traumas ...psicológicos, ...pessoas ...que ...não ...estivessem ...intencionadas
...de ...tirar ...dos ...outros ...a ...felicidade ...que ...delas ...próprias ...foi ...retirada. ...
...A ...interação ...professor ...aluno ...tem-
se ...tornado ...muito ...mais ...dinâmica ...nos ...últimos ...anos. ...O ...professor ...tem ...deixado ...de
...ser ...um ...mero ...transmissor ...de ...conhecimentos ...para ...ser ...mais ...um ...orientador, ...um ..
.estimulador ...de ...todos ...os ...processos ...que ...levam ...os ...alunos ...a ...construírem ...seus ...co
nceitos, ...valores, ...atitudes ...e ...habilidades ...que ...lhes ...permitam ...crescer ...como ...pessoas, ..
.como ...cidadãos ...e ...futuros ...trabalhadores, ...desempenhando ...uma ...influência ...construtiva. .
..
...Dentro ...deste ...contexto, ...é ...imprescindível ...proporcionar ...aos ...discentes ...uma ...c
ompreensão ...racional ...do ...mundo ...que ...o ...cerca, ...levando-
os ...a ...um ...posicionamento ...de ...vida ...isento ...de ...preconceitos ...ou ...superstições ...e ...a ...u
ma ...postura ...mais ...adequada ...em ...relação ...a ...sua ...participação ...como ...indivíduo ...na ...s
ociedade ...em ...que ...vive ...e ...do ...ambiente ...que ...ocupa. ...
...Partindo ...desta ...concepção ...pode-
se ...considerar ...o ...professor ...como ...principal ...agente ...no ...processo ...de ...aprendizagem, ...t
endo ...um ...papel ...ativo ...na ...formação ...de ...seus ...alunos, ...auxiliando ...e ...incitando ...a ...re
construção ...dos ...esquemas ...de ...pensamento, ...sentimento ...e ...comportamento ...de ...cada ...in
divíduo. ... ... ...
... ...Outro ...fator ...importante ...que ...auxilia ...no ...processo ...de ...aprendizagem ...é ...a .
..presença ...e ...acompanhamento ...da ...família ...na ...vida ...estudantil ...da ...criança. ...
... ...A ...família ...continua ...sendo ...o ...primeiro ...local ...de ...aprendizado ...das ...criança
s, ...é ...através ...dela ...que ...acontece ...os ...primeiros ...contatos ...sociais ...e ...as ...primeiras ...ex
periências ...educacionais. ...A ...família ...está ...diretamente ...ligada ...as ...atitudes ...comportamen
tais ...da ...criança. ... ...

Os ...pais ...têm ...um ...papel ...importante ...no ...processo ...de ...desenvolvimento ...da ... ..
. ... ...autonomia. ...Se ...eles ...encorajarem ...as ...iniciativas ...da ...criança, ...elogiarem ...o
... ... ...sucesso ...der ...tarefas ...que ...não ...excedam ...as ...capacidades ...da ...criança ...for
...coerentes ...em ...suas ... ... ...exigências ...e ...aceitarem ...os ...fracassos ...estarão ...contri
buindo ...para ...o ...aparecimento ...do ...sentimento ...de ...auto ...confiança ...e ...auto ...esti
ma. ... ... ...(SABINI, ...1998, ...p.65) ...
8

...Percebe-se ...a ...grande ...importância ...dos ...pais ...no ...desenvolvimento ...cognitivo ...e
...evolutivo ...da ...criança, ...a ...sua ...ausência ...no ...ensino ...aprendizagem ...dos ... ... ...alunos ...
podem ...ocasionar ...baixo ...desempenho ...e ...até ...mesmo ...a ...repetência ...escolar. ...
...Sem ...a ...família ...não ...há ...como ...promover ...uma ...boa ...educação. ...A ...participaç
ão ...dos ...mesmos ...na ...vida ...escolar ...de ...seus ...filhos ...é ... ... ...indispensável ...para ...que ...
a ...criança ...se ...sinta ...amada ...e ...motivada ...a ...obter ...avanços ...em ...sua ...aprendizagem. ...
Sendo ...assim ...a ...família ...e ...a ...escola ... ... ...precisam ...ser ...parceiras ...para ...que ...os ...alu
nos ...possam ...realmente ...ter ...um ...maior ...aproveitamento ...na ...aprendizagem, ...não ...basta ..
.apenas ...à ...escola ...se ...preocupar ...na ...aprendizagem, ...e ...os ...pais ...não ... ... ...se ...preocup
arem. ...O ...conhecimento ...e ...o ...aprendizado ...não ...são ...adquiridos ...somente ...na ...escola, ..
.mas ...também ...são ...construídos ...pela ...criança ...em ...contato ...com ...o ...social, ...dentro ...da
...família ...e ...no ...mundo ...que ...a ...cerca. ... ...
...A ...família ...é ...o ...primeiro ...vínculo ...da ...criança ...e ...é ...responsável ...por ...grand
e ...parte ...da ...sua ...educação ...e ...da ...sua ...aprendizagem. ...O ...que ...a ...família ...pensa, ...seu
s ...anseios, ...seus ...objetivos ...e ...expectativas ...com ...relação ...ao ...desenvolvimento ...de ...seu
...filho ...também ...são ...de ...grande ...importância ...para ...o ...psicopedagogo ...chegar ...a ...um ...
diagnóstico. ...
...Nessa ...perspectiva, ...o ...psicopedagogo ...não ...é ...um ...mero ...“resolvedor” ...de ...pro
blemas, ...mas ...um ...profissional ...que ...dentro ...de ...seus ...limites ...e ...de ...sua ...especificidad
e, ...pode ...ajudar ...a ...escola ...a ...remover ...obstáculos ...que ...se ...interpõem ...entre ...os ...sujei
tos ...e ...o ...conhecimento ...e ...a ...formar ...cidadãos ...por ...meio ...da ...construção ...de ...prática
s ...educativas ...que ...favoreçam ...processos ...de ...humanização ...e ...reapropriação ...da ...capacid
ade ...de ...pensamento ...crítico. ...
...

3. CONCLUSÃO ...
...
...Neste ...trabalho ...abordamos ...a ...grande ...importância ...do ...profissional ...da ...psicol
ogia ...no ...ambiente ...escolar, ...pois ...essa ...profissão ...atualiza ...e ...amplia ...a ...apresentação ...
completa ...e ...sucinta ...dos ...procedimentos ...básicos ...da ...ação ...psicopedagógica. ...
... ...Acredita-
se ...que ...as ...intervenções ...no ...âmbito ...da ...formação ...de ...profissionais ...da ...educação ...p
9

odem ...servir ...de ...referencial ...para ...a ...ação ...de ...psicopedagogos ...e ...formadores ...dos ...fu
turos ...profissionais ...da ...psicopedagogia, ...favorecendo ...assim ...aprendizagem. ... ...
...E ...também ...as ...funções ...multidisciplinar ...que ...esse ...profissional ...exerce, ...sendo
...que ...nessa ...perspectiva, ...o ...psicopedagogo ...não ...é ...um ...mero ...“resolvedor” ...de ...probl
emas, ...mas ...um ...profissional ...que ...dentro ...de ...seus ...limites ...e ...de ...sua ...especificidade,
...pode ...ajudar ...a ...escola ...a ...remover ...obstáculos ...que ...se ...interpõem ...entre ...os ...sujeito
s ...e ...o ...conhecimento ...e ...a ...formar ...cidadãos ...por ...meio ...da ...construção ...de ...práticas .
..educativas ...que ...favoreçam ...processos ...de ...humanização ...e ...reapropriação ...da ...capacida
de ...de ...pensamento ...crítico. ... ...Sobre ...o ...docente ...esse ...trabalho ...deixou ...claro ...que ...o
...mesmo ...deve ...está ...preparado ...e ...ciente ...de ...sua ...principal ...função ...e ...responsabilidad
e, ...que ...é ...a ...de ...auxiliar ...na ...construção ...do ...aluno ...e ...não ...apenas ...um ...transmissor
...de ...conteúdos ...do ...currículo ...escolar. ...Consequentemente ...os ...alunos ...não ...ficarão ...reti
dos ...somente ...em ...conteúdos, ...mas ...se ...preocuparão ...com ...a ...postura ...que ...devem ...ter
...para ...se ...relacionar ...com ...o ...conhecimento. ... ...
...Assim ...sendo, ...considera-se ...que ...os ...educadores ...são ...responsáveis ...pelo ...saber
...fazer ...em ...seu ...contexto ...educacional, ...construirão ...alunos ...e ...se ...construirão ...numa ...r
elação ...permanente ...e ...diária ...fundamentada ...na ...consciência ...crítica, ...reflexiva ...e ...políti
ca, ...em ...que, ...cidadãos ...se ...transformarão ...e ...transformarão ...a ...sociedade, ...com ...novos .
..olhares, ...novos ...pensamentos ...pautados ...num ...progresso ...pátrio. ...
...A ...Psicopedagogia, ...na ...instituição ...escolar, ...tem ...uma ...função ...complexa ...e ...p
or ...isso ...provoca ...algumas ...distorções ...conceituais ...quanto ...às ...atividades ...desenvolvidas .
..pelo ...psicopedagogo. ...Numa ...ação ...interdisciplinar ...ela ...dedica-se ...a ...áreas ...relacionadas
...ao ...planejamento ...educacional ...e ...assessoramento ...pedagógico, ...colabora ...com ...planos ...
educacionais ...e ...lúdicos ...no ...âmbito ...das ...organizações, ...atuando ...numa ...modalidade ...cuj
o ...caráter ...é ...clínico ...institucional, ...ou ...seja, ...realizado ...diagnóstico ...institucional ...e ...pr
opostas ...operacionais ...pertinentes. ...
...
10

4. BIBLIOGRÁFIA ...

Cadernos ...de ...Avaliação ...Psicopedagógica ...da ...Criança ...de ...Zero ...a ...Seis ...anos ...Vera ..
.Barros ...de ...Oliveira, ...Nádia ...Aparecida ...Bossa ...Editora ...Vozes ...Brasil ...2011 ...19ª ...ediç
ão. ...
BOSSA, ...Nadia ...A. ...A ...Psicopedagogia ...no ...Brasil: ...contribuições ...a ...partir ...da ...prátic
a. ...RS, ...Artmed, ...2007. ...BRASIL, ...BOSSA, ...Nádia ...A. ...A ...Psicopedagogia ...no ...Brasil:
...Contribuições ...a ...partir ...da ...prática. ...Porto ...Alegre: ...Artmed, ...1994. ...
Lei ...n°. ...9394 ...de ...dezembro ...de ...1996. ...Lei ...de ...Diretrizes ...e ...Bases ...da ...Educação .
..Nacional. ...Brasília: ...Congresso ...Nacional, ...1996. ...Acesso ...em: ...junho ...2021.
ESCOLA, ...Equipe ...Brasil. ..."Psicólogo ...na ...Escola"; ...Brasil ...Escola. ...Disponível ...em: ...h
ttps://brasilescola.uol.com.br/psicologia/psicologo-na-
escola.htm. ...Acesso ...em ...06 ...de ...junho ...de ...2021.
PERES, ...M.R. ...
(2007). ...Psicopedagogia: ...limites ...e ...possibilidades ...a ...partir ...de ...relatos ...de ...profissiona
is. ...Tese ...
(Doutorado). ...Pontifícia ...Universidade ...Católica ...de ...Campinas. ...Campinas, ...São ...Paulo. ..
.pp.xvi+200. ...Psicopedagogia, ...v.3, ...n. ...6, ...70-71, ...junho ...2004. ...

Você também pode gostar