Você está na página 1de 237

Melody e seus romances

Sinopse:

Emily era uma garota simples que vivia uma vida simples quando um dia
uma ligação da polícia mudou toda a sua vida. Tudo o que aconteceu desde
então foi como uma montanha-russa.

Ela rapidamente descobriu que seu namorado de longa data, Jack Gu, a
estava traindo com sua melhor amiga. Como se as coisas não fossem ruins o
suficiente, ela acidentalmente se viu no carro do tio de Jack, onde eles
acabaram fazendo a coisa. Logo depois, Emily se viu em uma luta amarga
entre seu ex, Jack, e seu tio, Jacob.

"Você ainda quer fugir depois do que aconteceu ontem à noite?"

Seu relacionamento muda durante a noite. Ela tenta manter distância dele,
enquanto ele se aproxima cada vez mais.

Mimando-a, ele dá a ela tudo o que ela deseja. Seu único desejo é mantê-la
por perto. O mundo inteiro tem inveja do que ela tem.

“Nunca se apresse em um relacionamento,” ela diz calmamente.

“Vou esperar até que você se apaixone por mim”, ele responde
afetuosamente.

Nota: este livro é traduzido por máquina.

Total de Capítulos: 1599

Melody e seus romances


Índice
Conteúdo
Capítulo 1345 Hospitalizado
Capítulo 1346 Visitando Louis
Capítulo 1347 Leve-o para jantar
Capítulo 1348 Coalhada de feijão fermentada valiosa
Capítulo 1349 A babá de Darren
Capítulo 1350 De volta ao normal
Capítulo 1351 Uma mudança no plano
Capítulo 1352 Louis sendo dispensado pela força
Capítulo 1353 A condição de Emily piorou
Capítulo 1354 Não seja muito entusiasmado
Capítulo 1355 interfere nos negócios
Capítulo 1356 Um dos Subordinados de Darren
Capítulo 1357 Terapia cooperativa em Emily
Capítulo 1358 Jacob foi envenenado
Capítulo 1359 Algo Não Resolvido
Capítulo 1360 Desenterrando o Traidor
Capítulo 1361 A Morte de Charlie
Capítulo 1362 Interceptação inesperada
Capítulo 1363 Um Jogo
Capítulo 1364 Fim do jogo
Capítulo 1365 A culpa de Taylor
Capítulo 1366 Não quero ver você de novo
Capítulo 1367 A confiança de Emily
Capítulo 1368 Tornando-se amigos
Capítulo 1369 Tornando-se amigos íntimos
Capítulo 1370 Encontrando Antigos Conhecidos
Capítulo 1371 Flower Hairpin
Capítulo 1372 Tornando-se sem-teto
Capítulo 1373 Discussão entre Estelle e Ethan
Capítulo 1374 Chegando a um acordo
Capítulo 1375 Palavras desagradáveis
Capítulo 1376 Corrida para obstáculos
Capítulo 1377 Bonnie sendo abduzida
Capítulo 1378 Sr. Ciúme
Capítulo 1379 O dedo de meu pai se moveu!
Capítulo 1380 Uma ideia ousada começou a se formar
Capítulo 1381 Disfarce
Capítulo 1382 Cancelando o mandado de prisão
Capítulo 1383 Falsa
Capítulo 1384 Disse-lhe Tudo
Capítulo 1385 Não me importo!

Melody e seus romances


Capítulo 1386 Memória do passado
Capítulo 1387 Um Convidado Não Convidado
Capítulo 1388 A Razão
Capítulo 1389 Resgate
Capítulo 1390 Cuidando de Carlos
Capítulo 1391 O Retorno de Darren Ferido
Capítulo 1392 Mais Conflitos
Capítulo 1393 Plano de tratamento
Capítulo 1394 Eu quero tentar
Capítulo 1395 Faça-me um favor
Capítulo 1396 Uma experiência trágica
Capítulo 1397 A primeira tentativa de tratamento
Capítulo 1398 Um Encontro
Capítulo 1399 Ajuda oportuna
Capítulo 1400 Conheça Scott novamente
Conteúdo
Capítulo 1345 Hospitalizado
Capítulo 1346 Visitando Louis
Capítulo 1347 Leve-o para jantar
Capítulo 1348 Coalhada de feijão fermentada valiosa
Capítulo 1349 A babá de Darren
Capítulo 1350 De volta ao normal
Capítulo 1351 Uma mudança no plano
Capítulo 1352 Louis sendo dispensado pela força
Capítulo 1353 A condição de Emily piorou
Capítulo 1354 Não seja muito entusiasmado
Capítulo 1355 interfere nos negócios
Capítulo 1356 Um dos Subordinados de Darren
Capítulo 1357 Terapia cooperativa em Emily
Capítulo 1358 Jacob foi envenenado
Capítulo 1359 Algo Não Resolvido
Capítulo 1360 Desenterrando o Traidor
Capítulo 1361 A Morte de Charlie
Capítulo 1362 Interceptação inesperada
Capítulo 1363 Um Jogo
Capítulo 1364 Fim do jogo
Capítulo 1365 A culpa de Taylor
Capítulo 1366 Não quero ver você de novo
Capítulo 1367 A confiança de Emily
Capítulo 1368 Tornando-se amigos
Capítulo 1369 Tornando-se amigos íntimos
Capítulo 1370 Encontrando Antigos Conhecidos
Capítulo 1371 Flower Hairpin
Capítulo 1372 Tornando-se sem-teto

Melody e seus romances


Capítulo 1373 Discussão entre Estelle e Ethan
Capítulo 1374 Chegando a um acordo
Capítulo 1375 Palavras desagradáveis
Capítulo 1376 Corrida para obstáculos
Capítulo 1377 Bonnie sendo abduzida
Capítulo 1378 Sr. Ciúme
Capítulo 1379 O dedo de meu pai se moveu!
Capítulo 1380 Uma ideia ousada começou a se formar
Capítulo 1381 Disfarce
Capítulo 1382 Cancelando o mandado de prisão
Capítulo 1383 Falsa
Capítulo 1384 Disse-lhe Tudo
Capítulo 1385 Não me importo!
Capítulo 1386 Memória do passado
Capítulo 1387 Um Convidado Não Convidado
Capítulo 1388 A Razão
Capítulo 1389 Resgate
Capítulo 1390 Cuidando de Carlos
Capítulo 1391 O Retorno de Darren Ferido
Capítulo 1392 Mais Conflitos
Capítulo 1393 Plano de tratamento
Capítulo 1394 Eu quero tentar
Capítulo 1395 Faça-me um favor
Capítulo 1396 Uma experiência trágica
Capítulo 1397 A primeira tentativa de tratamento
Capítulo 1398 Um Encontro
Capítulo 1399 Ajuda oportuna
Capítulo 1400 Conheça Scott novamente

Melody e seus romances


Capítulo 1345 Hospitalizado
Estelle levantou-se distraidamente, pegou a bolsa e saiu.
Desde que voltou da prisão, ela estava distraída e claramente
distraída. No entanto, no fundo de seu coração, ela ainda confiava em
Ethan. Ela também acreditava que seus instintos estavam corretos.
No entanto, após as palavras venenosas de Ellen, Estelle começou a
suspeitar dele.
Quando ela voltou para casa e abriu a porta, não havia ninguém em
casa e a sala estava vazia. Ela se sentiu imediatamente confusa. No
passado, Ethan estaria em casa mais cedo.
O que aconteceu para atrasá-lo hoje?
Enquanto ela lutava com sua confusão, de repente ouviu sons vindos
da cozinha. Estelle silenciosamente se moveu na direção de onde vinham os
sons e descobriu que Ethan estava cozinhando.
Ela caminhou em direção a ele, a surpresa estampada em seu rosto
quando perguntou: "Quando você aprendeu a cozinhar?"
Ethan se virou para encará-la com uma espátula na mão. Ele estava
preparado para cozinhar, tinha até vestido um avental rosa e estava muito
bonito.
Assim que viu que Estelle havia retornado, ele caminhou até ela com
passos largos. Ele passou os braços ao redor dela e colocou sua testa contra
a dela enquanto dizia em uma voz gentil: "Aprendi especialmente para
você."
A felicidade inundou seu coração, e ela transbordou com um sorriso
brilhante curvando seu rosto. Então, ela ouviu Ethan dizer: "Vá e lave as
mãos. O jantar estará pronto em breve."
"Ok," ela concordou facilmente. Estelle sorriu e espiou por cima do
ombro por curiosidade. "Que pratos você preparou?"
No passado, ela era a única responsável por cuidar dele. Mas hoje, ele
de repente voltou para casa mais cedo para cozinhar para ela. Estelle não
estava acostumada a tal tratamento, mas estava muito mais curiosa sobre
as habilidades culinárias desta nova cozinheira.
Ethan bloqueou sua visão de brincadeira e disse com um sorriso
malicioso: "Você saberá o que eu preparei. Apenas espere e veja."

Melody e seus romances


Depois de lavar as mãos, Estelle sentou-se pacientemente à mesa de
jantar, e quando ela olhou para a cozinha onde Ethan ainda estava ocupado
cozinhando, ela de repente percebeu que seu coração estava agitado
enquanto uma mistura de emoções agitava seu coração.
Logo, Ethan felizmente trouxe os pratos para a mesa de jantar. Os
dois eram como um casal comum e feliz, que compartilhava três refeições
por dia e gostava de sua vida juntos. Depois de servir todos os pratos, Ethan
se sentou ao lado dela com um olhar de pura virtude no rosto. Então,
entregando-lhe os pauzinhos com um sorriso, ele convidou: "Faça uma
tentativa".
Estelle viu que Ethan havia preparado dois pratos principais e uma
panela de sopa fumegante. Todos eram caseiros, mas cada prato parecia
delicioso e apetitoso. Ela espetou um pedaço de carne com seus pauzinhos e
provou. Quando ela o viu esperar por ela para comentar sobre suas
habilidades na cozinha, ela não pôde deixar de sorrir. Ela fez um sinal de
positivo com o polegar antes de mastigar a comida. "Isso é realmente
delicioso. Eu realmente não posso acreditar que esta é a primeira vez que
você cozinha por conta própria."
Ela ficou bastante surpresa que Ethan sabia cozinhar. O que era ainda
mais inesperado é que ele cozinhava tão bem.
Ao ouvir o elogio de Estelle, Ethan brilhou de orgulho. Ele não pôde
deixar de se gabar com uma promessa: "Se você gostar desta refeição, farei
o jantar para você com mais frequência no futuro, quando estiver livre."
Estelle ficou momentaneamente atordoada, mas então respondeu com
um sorriso: "Ok, você pode ficar encarregada de cozinhar de agora em
diante. Vou descansar um pouco enquanto espero ser servido."
"Sem problemas, Sra. Gu."
Estelle olhou para seu rosto sorridente e olhos sensuais. Então, seu
sorriso desbotou um pouco. Depois de um tempo, ela disse suavemente:
"Fui ver Ellen hoje. Ela parecia um pouco abatida, mas parecia mentalmente
instável."
"Ela merece sofrer e aprender com seus erros."
"Ela me disse algo que me confundiu."
Estelle olhou para Ethan, enquanto ele continuava servindo sopa em
sua tigela. Ele colocou a tigela na frente dela e disse gentilmente:
"Experimente. Estou cozinhando há cerca de uma hora, então acho que deve
estar bem preparado. O que sua irmã disse a você que o deixou tão
confuso? É algo ridículo? "

Melody e seus romances


"Bem, sim." Estelle assentiu pensativamente. Ela olhou para Ethan,
mas ainda não queria dizer nada para ele, para não desagradá-lo. Por isso,
ela sorriu e apenas acrescentou: "Acho que ela pode ter inventado histórias
fantásticas. É melhor não insistir muito nisso."
"Você provavelmente está certo." Ethan acenou com a cabeça. "Não a
trate como uma criança inocente que precisa de sua proteção o tempo todo.
Em seu estado de espírito, ela é mais madura do que qualquer outra pessoa,
e ela até pensa que é emocionalmente superior. Eu esperava que ela se
tornasse menos arrogante após este incidente. "
Estelle concordou.
Embora ela não quisesse suspeitar de Ethan, ela não pôde deixar de
lembrar o que Ellen havia lhe contado. Sempre que ela pensava nessas
acusações amargas, ela ainda se sentia inquieta, talvez porque se
importasse muito com Ethan.
Mas a julgar pelo quão calmo Ethan ficou ao ouvir suas palavras,
Estelle estava mais certa de que ela estava pensando demais.
Suas vidas não eram da conta de ninguém, então por que ela
acreditaria em algo ridículo, que poderia ter sido falado com más
intenções? Para um casal, a confiança mútua era algo sagrado.
Aparentemente despreocupado, Ethan ainda estava colocando comida
em sua tigela. Estelle podia sentir claramente como ele a tratava bem. Ela
estava cheia de felicidade com a chance de estar com este homem
agora. Então, por que ela não podia simplesmente aproveitar o tempo juntos
e se sentir satisfeita?
Sentada na sala de estar, Emily sentiu um tom frio no
ar. Recentemente, o clima tem mudado com as estações. Estava ensolarado
e quente no dia anterior, mas este dia amanheceu frio e com vento.
Ela lembrou que Louis sofreu de pneumonia quando criança. Ele sofreu
complicações com esta doença, porque sua família era tão pobre que não
tinha como pagar os cuidados adequados para ele. Conseqüentemente, ele
às vezes tossia quando estava frio.
Pensando que seu irmão não tinha mulher para cuidar dele e que ele
estava sempre enterrado no trabalho, ela imaginou que ele poderia não ter
tempo para cuidar de si mesmo. Com isso em mente, Emily se levantou e
chamou o mordomo. Em seguida, ela cuidadosamente anotou uma lista de
medicamentos a serem comprados. Ciente de que havia coberto todos os
remédios possíveis de que ele poderia precisar, ela entregou a lista ao
mordomo e o instruiu a providenciar alguém para comprar os remédios e
levá-los à companhia de Louis.

Melody e seus romances


Além disso, ela repetidamente lembrava ao mordomo para dizer ao
mensageiro que não voltasse até que Louis tivesse recebido pessoalmente
os remédios, caso contrário ele poderia simplesmente esquecer de tomar as
tinturas.
O mordomo assentiu amigavelmente e disse com um sorriso: "Minha
senhora, por favor, fique tranquila. Como você disse, será feito."
Emily acenou com a cabeça e não pode deixar de suspirar suavemente
enquanto puxava o xale mais perto dela. "Está esfriando. Mais atenção será
dada à saúde",
Carter concordou, ainda sorrindo. "Minha senhora, você também deve
cuidar bem de si mesma. Só assim Mestre Jacob não precisará se preocupar
com você."
Duas horas depois, Carter voltou para a villa, mas seu relatório para
Emily não foi satisfatório. "Minha Senhora, eu pessoalmente levei os
medicamentos para a empresa do Sr. Louis, mas não o vi. Seu assistente
me disse que ele não estava em seu escritório. Mais precisamente, ele não
está no escritório há um bom tempo . No momento, ele trabalha pela
internet e a assistente não sabe onde ele está. No entanto, ela prometeu
que lhe passaria as instruções e que faria o possível para lhe dar os
remédios assim que possível."
Ao ouvir isso, Emily ficou bastante chocada por um tempo. Louis não
tinha trabalhado na empresa recentemente?
Mas ele tinha um caráter semelhante ao de Jacob. Nenhum deles se
importava consigo mesmo quando se tratava de trabalho. Não importava o
que acontecesse, era impossível para eles relaxarem em seu trabalho.
Ela se levantou e andou de um lado para outro enquanto seu rosto se
contraiu de preocupação. Quando ela quis perguntar mais, ela ergueu os
olhos e viu Jacob entrando. Ela caminhou apressadamente até ele e
perguntou: "Jacob, algo aconteceu com meu irmão recentemente?"
Jacob ficou surpreso com esta pergunta repentina. Ele foi pego de
surpresa e parou, pensando no que dizer a ela. Ele não disse a ela a verdade
sobre a cirurgia de Louis, porque temia que isso causasse uma tensão
indevida.
Em teoria, ninguém mais sabia sobre a doação de rim, exceto ele e
Taylor.
Jacob olhou para Emily e explicou suavemente, "Você não precisa se
preocupar tanto. Na verdade, ele está bem. Ele esteve doente recentemente

Melody e seus romances


e está se recuperando no hospital agora. Ele tinha medo que você ficasse
preocupada, então ele me pediu para não dizer nada a você por um tempo. "

Capítulo 1346 Visitando Louis


"Louis foi hospitalizado?" A voz de Emily indicou como isso a deixou
tensa. "O que o está afetando?"
Olhando para o rosto nervoso dela, Jacob gentilmente pegou sua
mãozinha e sussurrou: "Não é grande coisa, e eu não sei exatamente o que
há de errado com ele. O médico disse que sua imunidade está enfraquecida,
e que ele deve ficar hospitalizado por um tempo. Pode até ter sido causado
por sua natureza workaholic e sua autonegligência habitual. Talvez isso
tenha afetado sua saúde agora. Venha, vou levá-lo para vê-lo, então você
não precisa se preocupe muito. "
Jacob abaixou a cabeça para beijá-la ternamente na testa enquanto
falava.
Ele não revelou a Emily o que havia acontecido entre Louis e
Taylor. Considerando o estado emocional frágil de Emily agora, ele não
queria que ela pensasse demais novamente. Ela sempre confiou em Taylor
antes. Se ela descobrisse que Taylor a havia traído, poderia sofrer uma
grave recaída.
Agora que seus nervos finalmente estavam mais acalmados, Jacob não
queria que ela caísse em depressão ou ansiedade. Ele realmente se
importava profundamente com ela.
"OK." Emily acenou com a cabeça e disse: "Bem, vamos lá agora."
Da última vez, quando Jacob apareceu na ala de Louis, Taylor também
estava lá. Embora Jacob não se vingasse dela por causa de Louis, ele ainda
estava preocupado que Emily descobrisse o que tinha acontecido.
No carro, ele segurou suas mãos protetoramente. Emily ficou um
pouco surpresa e se virou para ele. "O que está errado?"
Ela tinha a suspeita de que Jacob estava escondendo algo dela.
"Por que sua mão está tão gelada?" Jacob franziu a testa com
desgosto, então ele envolveu as mãos sobre as dela e disse, "Coloque suas
mãos no meu bolso. Eu vou aquecê-las."
Emily sorriu, dizendo: "Não sinto frio. Além disso, quando você segura
minhas mãos assim, já me sinto muito mais quente."
Jacob percebeu seu vestido fino e franziu a testa. Ele estava
preocupado quando eles saíram de casa, então não percebeu o que ela

Melody e seus romances


estava vestindo. Recentemente, o tempo definitivamente tinha mudado para
uma temperatura mais fria. Emily era muito descuidada e não se preocupou
em se vestir bem.
Jacob tirou o casaco e envolveu-a com ele. "Vista isso antes de sair do
carro. Está frio lá fora. Não quero que você adoeça."
O que quer que acontecesse, Jacob sempre se preocupava com Emily e
a colocava em primeiro lugar em tudo.
"OK." Emily quis recusar, mas quando viu a determinação em seus
olhos, ela aceitou sua instrução sem questionar.
Ela apreciava sua ternura amorosa.
Quando o carro chegou ao hospital, Jacob ajudou Emily a sair do
carro. Segurando seu braço protetoramente, Jacob levou Emily para a ala de
Louis. Antes de entrarem, eles ouviram uma explosão de risos ecoando de
dentro.
Jacob bufou suavemente. Parecia que Louis estava se divertindo no
hospital.
Ele gentilmente empurrou a porta e entrou, segurando a mão de
Emily. Naquele momento, Louis estava sentado ereto na cama, e Taylor
estava ao lado dele com uma tigela de sopa na mão. Parecia que eles
estavam discutindo algo interessante. Ambos pareciam contentes e riam
alegremente.
No momento em que Taylor viu Emily, o sorriso em seu rosto congelou
e sumiu. Percebendo sua aparência, Taylor forçou um sorriso artificial ao
dizer: "Oi, Sr. Gu, Emily ..."
Emily olhou para ela, bastante surpresa. Jacob havia dito a ela há um
tempo que Taylor tinha ido trabalhar para o exterior, razão pela qual ele
teve que mudar seu psicólogo durante este período. Mas agora parecia ...
Mas, como Louis adoeceu, também era possível que Taylor tivesse
voltado para cuidar dele, talvez por isso ela tivesse voltado. Em
retrospectiva, isso também fazia sentido. Emily se sentiu em conflito. Afinal,
ela sabia o quanto seu irmão adorava essa mulher.
"Emily, o que você está fazendo aqui?" Louis ficou surpreso ao vê-
la. Ele olhou para Jacob e o repreendeu: "Jacob, o que há de errado com
você? O clima está desfavorável hoje. Como marido dela, por que você leva
Emily para passear à noite? Pode chover mais tarde, e se ela pegar um
resfriado? Se minha irmã ficar doente, não vou poupá-lo! "
Jacob bufou. "Não se preocupe. Ela vai ficar bem."

Melody e seus romances


"Você é realmente o homem mais arrogante deste mundo!"
Emily sorriu e caminhou até Louis enquanto dizia: "Irmão, pedi a Jacob
para me trazer aqui. Por que você não me disse que estava doente? Mandei
alguém trazer um remédio para você, e foi assim que descobri. Se eu não
tivesse descoberto por mim mesma, você planejava me manter no escuro
para sempre? "
Olhando para Jacob, Louis percebeu que Jacob não tinha deixado o
gato fora da bolsa ainda. Ele disse com um sorriso: "Emily, a culpa é minha.
Eu só não queria que você se preocupasse comigo. Além disso, olhe para
mim. Estou bem, certo? Já me sinto muito melhor. Como bem todos os dias
e dormir como um bebê todas as noites. Eu estava exausto por causa das
montanhas de trabalho em que estava mergulhando. Eu só precisava de um
bom descanso. "
Emily ficou ao lado de sua cama e franziu a testa ligeiramente,
perguntando: "Sério? O que o médico disse? Ele fez alguns testes?"
Nesse momento, Taylor falou de repente, acrescentando o valor de um
centavo: "O médico disse que ele precisa descansar um pouco e que
devemos prestar atenção ao seu estilo de vida e dieta. Depois de alguns
dias, quando seus testes estão normais, ele pode ser descarregado. "
Emily olhou para Taylor e acenou com a cabeça. "Eu vejo."
Taylor olhou para Emily e seu coração estava explodindo de vergonha
e desejo de se desculpar. Ela realmente queria implorar o perdão de Emily,
mas não sabia como abordar o assunto.
No entanto, a julgar pela expressão normal de Emily, Taylor poderia
dizer que Emily estava alheia à verdade.
- Bem, o estado emocional dela ainda está instável, então agora não é
hora de contar a ela o que aconteceu. Jacob fez a coisa certa escondendo
isso dela, 'ela pensou severamente.
Mas estando nesta sala, especialmente tendo que enfrentar Jacob e
Emily, ela se sentiu desconfortável, então ela encontrou uma desculpa e saiu
para dar a eles um pouco de privacidade.
"Irmão, o Dr. Tang tem cuidado de você estes dias enquanto você
estava no hospital?" Emily perguntou com preocupação.
"Sim." Louis concordou. Quando estava com sua família, ele sempre
queria falar bem de Taylor. "Ela é uma mulher muito gentil e gentil. Sem
ela, eu não teria me recuperado tão rapidamente."

Melody e seus romances


"Isso é bom." Emily sorriu e disse: "A Dra. Tang é uma mulher muito
legal e uma psicóloga talentosa que se destaca em resolver as preocupações
e preocupações das pessoas. Será bom se você puder ficar com ela."
Jacob olhou para ele e ergueu as sobrancelhas em um leve sinal de
zombaria. "Vamos lá, seu irmão é um covarde quando está com sua amada.
Você não fez nenhum progresso nessa avenida, certo?"
Louis revirou os olhos para ele. "Estou falando com Emily agora. Por
que você tem que contribuir? Apenas nos deixe em paz!"
Jacob riu. "Ela é sua irmã, mas também é minha esposa, então agora
ela é minha. Se você quiser falar com ela, você tem que pedir minha
permissão."
Esses dois homens, ambos poderosos nos negócios e muitas vezes
maduros o suficiente, estavam sempre brigando como dois meninos no
parquinho.
Emily não pôde evitar um sorriso tolerante. Ela olhou para Louis com
preocupação e perguntou: "Irmão, a respeito da sua doença, você realmente
não escondeu nada de mim, certo?"
Louis ficou surpreso com a preocupação dela. Ele olhou para Jacob,
indicando com os olhos. "Emily, é compreensível se você não acredita em
Jacob. Mas você não acredita em seu próprio irmão agora? Por que eu
mentiria para você? Terei alta do hospital após uma semana de descanso.
vejo você então."
"Está bem, está bem." Emily sorriu e disse apelativamente: "Claro, eu
confio em você."

Capítulo 1347 Leve-o para jantar


Vendo que a noite estava chegando ao fim, Jacob disse: "Emily, como
eu disse, ele está bem. Olha, já estamos aqui, então podemos ir comer
alguma coisa agora."
Ouvindo que Emily ainda não tinha comido, o rosto de Louis ficou
sombrio e ele perguntou com uma carranca, "Sério? O que há de errado com
você, Jacob? Por que você não cuida melhor da minha irmã? Você está
deixando ela passar fome? Leve-a para lá coma algo agora. "
"Uau, com quem você pensa que está falando? Você está até mesmo
me dando ordens agora", Jacob disse enquanto erguia as sobrancelhas. "Se
você se cuidasse melhor e não fosse internado no hospital, Emily não teria
que correr aqui para vê-lo sem comer alguma coisa primeiro. Huh?"

Melody e seus romances


Virando-se para Emily, Jacob ergueu a mão suplicante. "Agora, você
vê que ele está muito vivo e chutando? Ele ainda tem energia para brigar
comigo. Então você pode ficar tranquilo agora, não pode?" Jacob olhou para
Emily com uma expressão de pesar exagerada nublando seu rosto. "Já que o
vimos, podemos ir comer alguma coisa agora? Estou com tanta fome."
"Sim, Emily. Estou bem. Por favor, não se preocupe comigo", Louis
acrescentou com um sorriso.
Emily deu um suspiro e acenou com a cabeça enquanto dizia:
"Descanse um pouco, e irei ver você amanhã."
Jacob ergueu ligeiramente as sobrancelhas para Louis enquanto
abraçava Emily. Então, ele disse: "Estamos indo embora. Cuide-se e não
cause mais problemas."
"Cuide bem da minha irmã."
Os dois homens pareciam completamente indiferentes às palavras um
do outro e só se importavam com as ordens que cada um emitia como
generais no campo de batalha.
Jacob e Emily deixaram a enfermaria, mas quando viram Taylor
parado do lado de fora, Emily parou.
Taylor não esperava que sua visita fosse tão breve. Ela segurava um
saco de frutas na mão e sorriu sem jeito. "Você está visitando há pouco
tempo. Você está saindo com tanta pressa?"
"Sim, ainda não comemos. Vamos jantar fora." Emily assentiu
levemente. "Taylor, por que você não se junta a nós?"
"Não, não, não, obrigado." Olhando para Emily sem jeito, Taylor
acenou com a mão e balançou a cabeça rapidamente. Depois, ela
acrescentou preocupada: "Emily, sua ... condição está estável agora?"
Quando Emily estava prestes a responder, Jacob interrompeu
abruptamente. "Obrigado por sua preocupação, Dr. Tang. Minha esposa está
bastante estável agora."
Taylor assentiu, sua consciência culpada queimando-a. Ela sabia que
Jacob estava evitando que ela dissesse algo. "Então, estou satisfeito. Vocês
dois se cuidem e viajem com segurança."
Antes que Emily pudesse responder, Taylor se virou e saiu.
Emily olhou para as costas dela, confusa. "Por que eu acho que Taylor
está um pouco estranho hoje?"
Ouvindo isso, Jacob bufou. "Temo que ela tenha feito algo ruim."

Melody e seus romances


Suas palavras mal foram frias quando ele recebeu um tapa forte no
rosto de Emily. Irritada, ela disse: "Não fale essas bobagens. Eu arriscaria
adivinhar que é porque o relacionamento amoroso dela com meu irmão
progrediu tão bem durante a internação dele. Ela provavelmente se sentiu
um pouco envergonhada porque não sabia como nos contar sobre o
relacionamento deles. "
Olhando para o rosto inocente de Emily, a voz de Jacob suavizou
quando ele respondeu, "Talvez. Eu também não sei sobre isso. Bem, me
leve para jantar rapidamente! Estou morrendo de fome!"
Emily assentiu e impulsivamente agarrou sua gravata. Ela caminhou
na frente dele, puxando-o junto enquanto dizia: "Ok, vou levá-lo para jantar
agora!"
Ao saírem do hospital, Jacob seguiu Emily como um cachorrinho na
coleira. Para os transeuntes, a ação de Emily de agarrar sua gravata foi
obviamente uma exibição rude e inadequada em público. No entanto, Jacob
sempre gostou de um tratamento um pouco rude por parte dela.
Ele tinha se acostumado a ver Emily sendo taciturna e emocionalmente
instável recentemente, então já fazia muito tempo que ela não ficava
animada e impulsiva.
Assim que chegaram ao carro, Jacob deixou Emily subir primeiro e
colocar o cinto de segurança. Então, ela viu seu belo marido aproximar-se
enquanto exibia um sorriso radiante. Com ternura, ele segurou a cabeça
dela com as mãos grandes e beijou-a preventivamente nos lábios.
Emily ficou atordoada e olhou para ele com os olhos bem abertos e a
boca escancarada. Depois de um momento, ela fez beicinho e disse como
uma criança mimada: "Jacob, a porta do carro ainda está aberta!"
Assim como Emily disse, Jacob a beijou antes mesmo de fechar a porta
do lado do motorista. Ele simplesmente não podia esperar mais para beijar
Emily. Seu momento íntimo havia acontecido para chamar a atenção de três
enfermeiras que estavam indo para casa.
Embora as jovens enfermeiras não reconhecessem Jacob e Emily, elas
acharam que o casal se beijando no carro era particularmente
bonito. Quando eles quiseram tirar seus telefones celulares para tirar fotos,
foram recebidos pelo rosto sombrio de Jacob quando ele bateu a porta.
Emily não pôde deixar de rir levemente ao ver o rosto zangado de
Jacob. Foi ele quem escolheu ser tão íntimo dela em público sem primeiro
fechar a porta, e agora, era ele quem estava ficando com raiva. Como ele
era irracional!

Melody e seus romances


"Onde vamos jantar?" A raiva de Jacob não durou muito. Quando ele
ouviu a risada de Emily, ele sentiu seu coração derreter. Percebendo que sua
linda esposa estava finalmente de bom humor, sua raiva desapareceu como
uma névoa diante do sol.
Emily pensou por um momento e sugeriu: "Vamos para o leste da
cidade. Recentemente, vi um novo restaurante hotpot no círculo de amigos
do WeChat. É relatado como muito especial."
"Especial? Como se chama?" Imediatamente, Jacob pegou seu celular
e clicou na interface para enviar uma mensagem. Mas, ao mesmo tempo, ele
disse: "Diga-me onde fica o restaurante e irei procurá-lo no GPS".
Emily olhou para o celular e viu que estava na interface de
mensagens. Jacob imediatamente deslizou o polegar pela tela para mudar
para a interface GPS. Com uma voz calma, ele explicou: "Meu dedo
escorregou e cliquei na interface errada."
"Hmm," Emily respondeu brevemente enquanto pegava seu celular e
também procurava. De repente, seus olhos brilharam. "Vamos jantar no
restaurante Paradise, no sul da cidade. Também é um restaurante recém-
inaugurado. Vai ter uma noite especial esta noite."
"Paraíso?" Jacob murmurou. Em seguida, ele silenciosamente trocou as
interfaces do telefone e, quando a interface do GPS fechou, ele voltou à
interface de mensagens. Ele enviou uma mensagem para Sam, que
respondeu a sua mensagem com algumas elipses. No entanto, Jacob os
ignorou imediatamente.
"Jacob, você tem algo com o que você tem que lidar?" Emily perguntou
modestamente.
Jacob se virou para olhar para Emily, acariciou seu cabelo macio,
balançou a cabeça e respondeu: "Querida, jantar com você é a coisa mais
importante."
"Bem, você disse que queria procurar o restaurante com o GPS ..." ela
lembrou Jacob do que ele deveria estar fazendo.
Depois de um momento de reflexão, ele beliscou seu queixo e
respondeu: "Estou familiarizado com o sul da cidade. Parece que me lembro
de ter visto um restaurante conhecido como Paraíso."
"Então ..." Emily gaguejou enquanto um sorriso astuto surgiu em seus
lábios. "Vamos lá."
O tempo tinha ficado mais bom e Emily estava de bom humor. Provou
não ser tão fácil encontrar o restaurante quanto Jacob imaginara. A julgar
pelo nome, ele pensou que o restaurante seria um estabelecimento

Melody e seus romances


sofisticado, mas dirigindo ao longo da rota mostrada no GPS, ele finalmente
descobriu que Paradise era apenas uma pequena taberna primorosamente
decorada quando ele estacionou do lado de fora.
Ao olharem para ela, as decorações pareciam um pouco antigas e
antiquadas.
Jacob olhou para o celular e notou uma mensagem de Sam. Dizia:
"Tudo foi organizado!"
Seus lábios se curvaram em um sorriso satisfeito. Não importa o quão
pequena esta taverna fosse, ele iria jantar aqui com Emily, já que tinha sido
sua escolha.
Recebidos cordialmente por um garçom na entrada da taverna, Emily e
Jacob foram conduzidos a uma sala privada. Havia uma pequena janela
dentro da sala que dava para um pequeno pátio. Dentro do espaço, eles
viram dois cães grandes e fortes que o dono havia criado.
Os cães estavam reclinados no chão e baixaram a cabeça novamente
após olharem por um momento para o casal na janela.
Jacob cheirou como um cachorro e perguntou: "Emily, você está
sentindo um cheiro estranho? Talvez sejam os dois cachorros?"
Emily fungou como Jacob e riu, balançando a cabeça
imediatamente. "Acho que o ar está cheio com o cheiro de comida deliciosa
em todos os lugares."
Qualquer que fosse o cheiro, Jacob tinha o prazer de comer aqui,
desde que Emily estivesse feliz.

Capítulo 1348 Coalhada de feijão fermentada


valiosa
Jacob não disse mais nada. Depois de um tempo, o telefone localizado
na sala privada tocou. Emily atendeu o telefone e ouviu o garçom educado
do outro lado da linha. Com a orientação do garçom, ela pediu uma
variedade de pratos especiais.
Jacob estava com medo de que Emily não tivesse pedido comida
suficiente, então ele perguntou: "Você quer pedir mais alguma coisa?"
Emily balançou a cabeça e disse: "Não, é o suficiente!"
"Querida, por favor, peça o suficiente para garantir que não irei para
casa com fome esta noite. Do contrário, não terei forças para levá-la de
volta para casa." Jacob pousou a mão na de Emily. Ela ainda parecia um
pouco pálida, então ele era extremamente cauteloso em incomodá-la

Melody e seus romances


sempre que eles estavam juntos, porque temia que ela sofresse um revés
emocional.
"Tudo bem, mas se você ganhar peso, será apenas minha!" Emily
disse meio brincando.
No entanto, Jacob de repente ficou sério. "Eu sempre serei seu.
Sempre!"
Esta simples declaração instantaneamente derreteu a depressão
persistente que atormentava o coração de Emily. Seus olhos brilhavam como
estrelas, e ela disse com determinação em sua voz: "Sim, Jacob, você
sempre é meu."
Enquanto Jacob estava hipnotizado pelo grande sorriso de Emily, a
porta da sala privada foi repentinamente aberta. "Senhor, senhora, seu
pedido está pronto."
Tendo colocado os pratos com comida bem quente na mesa, o garçom
disse a Emily: "Senhora, por favor, coma devagar e com cuidado. Há uma
surpresa para você."
Uma surpresa? Emily piscou, sentindo-se um pouco confusa, e acenou
com a cabeça. O garçom saiu imediatamente com a bandeja vazia e fechou
a porta para lhes dar um pouco de privacidade.
O rosto de Jacob escureceu quando ele olhou para a mesa enfeitada
com os chamados "pratos deliciosos" que Emily havia pedido.
Ela olhou para Jacob, que parecia abatido ao ver os pratos. Apontando
para o bolo de durian, ela disse: "Vamos, pode haver uma surpresa!"
"Tudo bem que você pediu um bolo com sabor de durian. Mas o que
são esses? Ovos em conserva? Ovos em conserva misturados com tofu.
Bem, então o que é essa coisa preta? É quadrada e cheira muito mal."
Na verdade, Jacob queria perguntar a Emily por que aquele
restaurante insignificante chamou sua atenção e por que ela pediu a ele para
dirigir todo o caminho da parte central ao lado sul da cidade apenas para
jantar aqui. Anteriormente, ele havia pedido a Sam para esconder um colar
em um dos pratos. Seria possível que Sam o tivesse colocado dentro do bolo
de durian?
Os olhos de Jacob se voltaram para inspecionar o bolo de durian.
Emily percebeu que Jacob não parecia interessado na comida e que
seus olhos estavam fixos no bolo de durian. Ela empurrou o bolo para Jacob
com consideração e disse: "Este é um bolo de durian. Os pretos são feitos

Melody e seus romances


com coalhada de feijão fermentada e também há alguns ovos em conserva.
Todos eles são realmente deliciosos, então experimente alguns!"
O rosto de Jacob ficou ainda mais carrancudo. Quando ela se tornou
uma conhecedora de comida exótica?
O que ele não sabia era que esses pratos exóticos eram conhecidos
por serem os pratos de assinatura do paraíso. Ela tinha vindo aqui para
jantar com ele com o único propósito de provocá-lo. Recentemente, ela
notou que ele andava sobre cascas de ovos quando estava com ela, e ela
sentiu que ele poderia relaxar quando a visse parecendo mais feliz.
No entanto, Jacob se recusou a provar a comida de sabor forte na
frente dele. Seus olhos ainda permaneceram esperançosamente fixos no
bolo de durian. "Ouvi dizer que as mulheres gostam de comer bolos. Vá em
frente."
"Parece que você gostou do bolo. Jacob, coma uma fatia. Do contrário,
você vai dizer que não comeu o suficiente quando sair daqui." Emily adorava
durian, então, além do bolo de durian, ela também pediu sorvete de durian,
crepe de mille de durian e panquecas de durian. Ela estava estragada de
gosto agora e poderia cavar em qualquer um dos pratos arranjados à sua
frente.
"Não, não! Isso é para você!" Jacob estava imaginando como Emily
ficaria feliz quando de repente descobrisse um colar escondido dentro do
bolo.
Vendo que Jacob estava apenas olhando para ela comer de todos os
pratos, mesmo que seus olhos estivessem ansiosos para a comida, ela
franziu as sobrancelhas. "Jacob, você me despreza, não é? Você acha que eu
nem tenho dinheiro suficiente para comprar um bolo para você?"
Emily explodiu com raiva.
Percebendo sua deterioração de humor, as sobrancelhas de Jacob se
contraíram. Ele rapidamente deu uma mordida no bolo de durian, e seu
coração logo se encheu de pesar por ele ter decidido presenteá-la com um
colar caro, escondendo-o dentro do bolo. Foi uma escolha tão tola e de
sabor desagradável.
"Você gosta do sabor?"
"Não é ruim!" Emily colocou um pedaço da coalhada de feijão de sabor
forte em sua tigela e disse: "A coalhada de feijão fermentada tem um sabor
único aqui. E é preparado em condições muito higiênicas também, então
experimente um pouco!" O cheiro enjoativo da coalhada de feijão
fermentada era bastante desagradável quando subia de sua tigela.

Melody e seus romances


Como Jacob poderia comer isso? Afinal, ele só queria terminar de
comer o bolo de durian e tirar o colar do bolo antes de sair daqui com sua
esposa e seu palete de sabor forte.
Jacob ansiava por ir para casa e escovar os dentes.
Vendo que Jacob tinha acabado de comer mais da metade do bolo,
Emily erroneamente acreditou que ele gostava de comer bolos com sabor de
durian, então ela empurrou todos os outros alimentos durian para ele e
disse: "Se você gosta tanto, coma um pouco mais."
Naquele momento, o telefone de Jacob vibrou pesadamente e ele o
agarrou ansiosamente.
Foi uma ligação de Sam. Jacob olhou para Emily e se afastou
ligeiramente. Antes que Sam pudesse dizer qualquer coisa, ele perguntou
evasivamente: "Onde é a ... ah, reunião?"
Ele parecia e soava como se estivesse discutindo trabalho.
"Chefe, você está finalmente disposto a falar comigo. Já mandei
algumas mensagens ..." Sam estava preparado para reclamar, mas Jacob o
interrompeu impiedosamente e exigiu: "Pare com essa merda! Onde está?"
"Está escondido dentro da coalhada de feijão fermentada."
De todos os lugares, foi dentro da coalhada fermentada! Jacob de
repente se sentiu mal ao pensar que o colar estava escondido dentro da
coalhada de feijão. Ele olhou para Emily, que estava comendo lentamente a
coalhada de feijão fermentada, e de repente encerrou a ligação. Ele se
inclinou mais perto e começou a embalar o resto da coalhada fermentada
em sua tigela, um após o outro, com seus pauzinhos.
"Jacob, é isso que você está procurando?" Um tesouro brilhava nas
pontas dos hashis de Emily.
Jacob concordou imediatamente. "Sim, isso é para você! Mas espere ...
Não, deveria haver mais um pingente no conjunto! ”Procurando, ele
olhou para a tigela de Emily, mas não encontrou nada, então ele começou a
empurrar a coalhada de feijão fermentada para longe novamente, mas ainda
não encontrou nenhum vestígio do pingente perdido.
Vendo como Jacob estava perturbado, Emily de repente caiu na
gargalhada. "Você é tão incrível! Você poderia ter escondido o colar em
qualquer lugar. Por que você o colocou dentro da coalhada de feijão
fermentada? De todos os lugares!"

Melody e seus romances


Jacob ficou sem palavras. Ele então refletiu que seria melhor encontrar
algo para manter Sam ocupado na próxima semana. Na verdade, Jacob
temia que Sam tivesse ideias mais desajeitadas.
Procurando pelo pingente que faltava em toda a coalhada restante,
Jacob ainda não conseguia encontrá-lo na coalhada. Embora Jacob não se
importasse que o pingente tivesse custado uma pequena fortuna, ele refletia
seu amor por Emily. Não tendo encontrado nenhum vestígio do pingente, ele
sentiu como se a tivesse desapontado, então ele disse, "Emily, o pingente
sumiu!"
"É possível que talvez tenha acabado nos outros pratos? Você deveria
fazer outra ligação para Sam para verificar." Emily não era estúpida. Ela
sabia muito claramente que Jacob e Sam estavam discutindo sobre o
pingente e o colar agora há pouco.
"Fique de olho nisso." Jacob ligou rapidamente para Sam. Ele
imediatamente perguntou: "Por que você não escondeu o colar dentro do
bolo? Por que você o escondeu dentro da coalhada fermentada?"
"Chefe, você não disse que queria garantir que Lady Emily se
lembrasse disso para sempre?" A voz de Sam tornou-se um pouco chorosa e
ele parecia bastante magoado. Jacob discretamente olhou para Emily,
apenas para vê-la agarrar a comida na mesa enquanto engolia a coalhada.
De repente, seu humor melhorou.
Seu tom de voz mostrou seu alívio. "Então, onde você colocou o
pingente?"
"O pingente?" Sam pareceu surpreso. "Coloquei o colar e o pingente
na coalhada fermentada, chefe."
"Ambos na coalhada, então onde ..." Os olhos de Jacob se arregalaram
de repente, e ele olhou para Emily quando o pânico encheu seus
olhos. "Emily, você talvez tenha uma sensação estranha na garganta? Você
sentiu algo duro quando estava comendo a comida?"
"Hã?" Emily engoliu a boca cheia de coalhada e tocou a garganta
reflexivamente enquanto balançava a cabeça. "Eu não sou estúpido. Se
realmente houvesse um pingente na coalhada, eu certamente não poderia
ter comido."

Capítulo 1349 A babá de Darren


Emily olhou para Jacob como se ele fosse um idiota. Para ser honesto,
na maioria dos aspectos, Jacob era o homem mais astuto e competente que
ela já vira. No entanto, sempre que se deparava com um assunto

Melody e seus romances


relacionado a ela, o homem se comportava como um tolo. Era como se ele
tivesse sido reduzido ao nível de uma criança onde ela estava envolvida,
mas era muito doce também.
Emily se sentiu aquecida em seu coração.
"Chefe, se eu não conseguir encontrar o pingente, você ainda vai me
reembolsar?" Sam parecia um pouco confuso. Se ele não conseguisse
encontrar, Jacob ficaria furioso. O que era pior, seu chefe poderia se recusar
a reembolsá-lo pelo dinheiro que ele havia usado para comprar o pingente,
que era a impressionante marca de meio milhão de dólares!
Ao mesmo tempo, Sam se sentiu com sorte por não ter escolhido o
pingente mais caro, ou teria perdido ainda mais.
"Procure! É melhor você virar este restaurante até encontrá-lo!" Sam
não teve escolha a não ser seguir a ordem de Jacob, pois isso determinaria
se ele receberia o reembolso ou não.
Meia hora depois, Sam apareceu na porta da sala privada com o dono
da taverna, segurando o pingente na mão. Era sem dúvida o pingente de
meio milhão de dólares que faltava!
"Estava na frigideira", Sam respondeu com um encolher de ombros
desamparado, e o dono da taverna assentiu vigorosamente, mas seus olhos
estavam nervosos.
Na verdade, o pingente não tinha caído na frigideira por acidente. O
chef do pub era um personagem avarento e, quando viu o pingente, o jogou
deliberadamente no pote de óleo. Ele tinha pensado que a panela seria um
bom esconderijo, já que era improvável que eles olhassem lá. Mas assim
que Sam chegou, ele pediu para vasculhar todos os cantos do pub, incluindo
a frigideira.
Claro, o chef assistente rapidamente ligou o chef principal, de modo
que o homem foi imediatamente demitido.
Além da taberna, havia um estabelecimento de pequena escala. Se
Jacob descobrisse a verdade, certamente estaria fechado.
Portanto, o proprietário implorou a Sam para esconder a verdade.
Mas Emily era tão sensível que percebeu imediatamente o ardil do
dono da taverna. Ela disse suavemente: "É realmente descuido do seu
pessoal da cozinha ter cometido esse erro. Como você pôde deixar um item
tão valioso como um pingente no pote de óleo?"
"Sim, foi ... Caiu na panela por acidente quando os chefs estavam
fritando asas de frango", o proprietário tentou explicar.

Melody e seus romances


"Oh," Jacob simplesmente disse. Em seguida, lançou um olhar de
advertência ao dono da taverna e disse: "Não seja tão descuidado
novamente no futuro, ou seu negócio estará arruinado."
Depois da ameaça mal disfarçada, Jacob se levantou e levou Emily
para fora. Ele instruiu Sam: "Limpe adequadamente este pingente. Examine
o circuito interno de TV desta taverna e descubra se alguém queria roubar o
pingente ou se ele foi realmente perdido por acidente!"
Parecia que Jacob tinha dado grande importância a este
pingente. Percebendo isso, o dono da taverna começou a suar frio. Depois
que Jacob e Emily foram embora, ele rapidamente agarrou a mão de Sam e
implorou, quase se ajoelhando, "Sr. Shen, por favor, você tem que me
ajudar!"
"Não posso ajudá-lo. Pelo que sei, o chef é seu cunhado. É melhor
você se comportar melhor no futuro. Como ele ousa cobiçar as coisas do Sr.
Jacobs? Você está arriscando suas vidas, não por mencione seus meios de
subsistência! " Com essa repreensão, Sam pegou o pingente e também saiu.
Assim que saiu, viu que o carro de Jacob ainda não havia partido. Ele
imediatamente o alcançou, perguntando: "Chefe, quais são minhas
obrigações na próxima semana?"
"A equipe de construção no País C ainda não foi designada. Você pode
assumir o comando deste projeto. Não volte até que eu esteja satisfeito com
o seu progresso!" Com essas palavras, Jacob pisou fundo no acelerador e
saiu correndo.
No carro, Emily sorriu. "Que cena esta noite! Eu nunca vou esquecer
esse presente!"
"Você gosta disso?" Quando o semáforo ficou vermelho, Jacob parou e
olhou para Emily com olhos afetuosos. Emily logo se sentiu um pouco
envergonhada por seu olhar, e um brilho vermelho imperceptível corou em
suas bochechas pálidas. Ela rapidamente se sentou e gaguejou: "O sinal está
verde agora. Concentre-se na direção, Sr. Gu!"
Jacob sorriu feliz ao ver o rosto tímido de Emily.
Depois de dirigir por um tempo, Emily reuniu seu juízo e fingiu estar
calma. "Ouvi dizer que a situação no País C não é boa. Por que você está
mandando Sam para lá? É uma punição? Afinal, ele não fez nada de errado
desta vez. Então, isso é justo com ele?"
"Eu queria mandá-lo para lá há muito tempo, mas não consegui
encontrar uma boa desculpa!" Jacob disse em um tom sério enquanto dava
de ombros.

Melody e seus romances


Emily sentiu pena de Sam em seu coração.
Na verdade, apenas Sam era qualificado o suficiente para realizar o
projeto no país C. Embora Jacob tivesse milhares de homens à sua
disposição, Sam era o mais confiável de todos eles.
Bonnie entrou na sala de estar. Assim que ela se sentou, Darren a
chamou. "Água."
Bonnie rangeu os dentes com resignação e se levantou. Ela pegou a
jarra de água e serviu um copo grande de água para Darren. Então ela
caminhou para o quarto com o copo na mão.
Quando Darren a viu na porta, ele arqueou as sobrancelhas. "Por que
você está parado aí como um tronco? Entre."
Bonnie caminhou friamente em direção a ele e colocou o copo na
mesa. Seu rosto se contraiu com um sorriso fingido quando ela disse: "Aqui
está sua água. Eu também preparei uma tigela de frutas. Está aí na mesa. O
que mais você precisa?"
Ela pensava que tinha sorte o suficiente por ter um homem rico para
cuidar, mas não esperava que ele fosse tão difícil. Assim que ela tivesse um
momento de sobra, ele começaria a chamá-la e exigir sua atenção. Parecia
que ele sentia que era um jogo mandar nela.
Darren zombou depois de ouvir suas palavras. "Você é médico. Como
pode ser tão impaciente com seu paciente?"
"Você é realmente um homem mau!" Bonnie não pôde deixar de gritar
com ele. Ela cerrou os dentes e disse: "Não sou paciente o suficiente para o
seu gosto? Para cuidar de você, tirei uma licença prolongada do hospital!
Trabalho todos os dias 24 horas por dia para cuidar de você . Embora você
tenha me dado muito dinheiro, ainda tenho o direito de recusar, ok? "
Notando sua expressão exasperada, Darren sorriu com um sorriso
provocador. "Eu estive com você por tanto tempo, e só agora você percebe
que eu sou uma pessoa má? Bonnie, você é uma péssima juíza de caráter.
Seus instintos são ainda piores do que os de um estudante primário."
Bonnie não pôde deixar de olhar para ele. "Ok, meu julgamento é
ainda pior do que uma criança. Então, esta noite, você não vai comer nada,
pois é cozinhado por uma criança!"
Darren franziu a testa. "Não ponha tanto sal na comida de novo. Eu
juro, você põe sal suficiente na comida para salgar o mar!"
Bonnie ficou lá, sem fala.

Melody e seus romances


Às vezes ele a provocava por sua estupidez e às vezes por suas
terríveis habilidades culinárias. Ao todo, ele encontrava cem motivos todos
os dias para reclamar dela.
Ela pediu que ele contatasse sua família ou amigos para que eles
pudessem ir buscá-lo, mas ele não fez tal movimento e, obviamente, ele não
tinha família nem amigos. Ela estava confusa.
Ele estava pagando dez mil dólares por dia para cuidar dela. No
entanto, mesmo se ele estivesse dizendo a verdade que não tinha ninguém
para cuidar dele, ele certamente poderia ter usado o dinheiro para contratar
um servo melhor para cuidar de suas necessidades.
"Descasque uma maçã para mim," Darren ordenou
indiferentemente. Quando ele a viu parada ali como uma coluna de sal
congelada em confusão, ele imediatamente decidiu encontrar algo para ela
fazer.
Bonnie pegou uma maçã, sentou-se ao lado de sua cama e gemeu em
voz baixa, "Homem morre em busca de riqueza. Você é o chefe, então você
tem a palavra final."
Darren riu amargamente. "Então você finalmente percebeu que eu sou
seu pai de açúcar, hein?"
As mãos de Bonnie congelaram enquanto ela descascava a maçã. Ela
não pôde deixar de refutá-lo: "Eu estava apenas brincando. Se eu quisesse
encontrar um pai de açúcar, não teria recorrido a alguém tão mesquinho
como você."
Darren zombou. "Todos os homens usam dinheiro para comprar uma
mulher, e ela é apenas uma mercadoria para nós. Quem prestaria muita
atenção a um objeto?"
Bonnie estava atordoada e não pôde deixar de olhar para ele. "Você
também me vê como um objeto para você usar?"

Capítulo 1350 De volta ao normal


"Não, eu não," Darren respondeu secamente. "Não vou gastar um
centavo com uma mulher tão estúpida como você."
Bonnie olhou feio para ele, percebendo que este homem era excelente
em ridicularizar outras pessoas.
Mas a aparição inesperada dele em sua vida mudou completamente o
curso de sua vida.

Melody e seus romances


Bonnie era apenas uma garota comum. Depois de se formar na escola
de enfermagem, ela seguiu passo a passo sua carreira como
enfermeira. Seus pais eram professores em um pequeno condado, enquanto
seu irmão mais novo estava estudando no ensino médio. Eles foram criados
com a tradição familiar de serem pessoas amáveis e corajosas desde a
infância.
Com a aparição de Darren em sua porta da frente, ela de repente
descobriu um novo mundo estranho. Este era um mundo que ela nunca
poderia ter imaginado, muito menos experimentado antes.
Seus olhos escureceram e ela perguntou impulsivamente: "Darren,
para onde você vai depois que seu ferimento estiver curado?"
Darren olhou para ela sem expressão. "Então, você não pode esperar
para me afastar? Bonnie, você tem um coração cruel."
"Eu não disse isso." Bonnie franziu a testa e entregou a maçã fatiada
para ele. "Eu estava apenas perguntando. Seu ferimento vai se curar em
breve. Você é um homem rico e não pode ficar aqui comigo nesta cabana
miserável pelo resto de sua vida."
Depois de dizer isso, o coração de Bonnie de repente bateu mais forte
do que o normal. Ela não sabia por que disse isso de repente.
Darren ficou em silêncio. Ela ficou subitamente envergonhada. 'Por
que ele não diz nada?' ela imaginou.
Depois de um tempo, Darren viu que ela estava muito envergonhada e
não pôde evitar zombar: "Bonnie, você realmente é uma megera astuta.
Você estava tentando me sondar?"
Ele já havia descoberto o caráter dela com bastante clareza durante o
tempo que passaram juntos.
Ela era uma pessoa simplória, fácil de manipular, e seus pensamentos
e mente eram previsíveis. Para Darren, a maioria das mulheres com quem
ele interagiu, exceto Rita, eram simplesmente ferramentas em sua
mente. Eles estavam lá para serem usados.
Anteriormente, ele também tinha visto Bonnie como qualquer outra
ferramenta. Mas de alguma forma, ele gradualmente mostrou um senso de
misericórdia para ela, talvez porque sua aparência fosse semelhante a de
Rita, ou porque ela era muito ingênua e simples.
Bonnie tossiu levemente para disfarçar seu constrangimento. Ela olhou
desconfortavelmente para ele, pensando que este homem parecia capaz de
ler sua mente com os olhos como se eles pudessem escanear seu próprio
cérebro.

Melody e seus romances


Ela era totalmente transparente aos olhos dele.
“Vou tomar um banho. Descanse um pouco. Vou trocar os curativos e
a medicação em sua ferida para você amanhã de manhã”, disse Bonnie.
Darren acenou com a cabeça e instruiu com uma voz fria: "Não feche a
porta quando for para a cama. Quero ter certeza de que você estará sempre
nesta casa."
Bonnie olhou para ele sem palavras. "Tudo o que eu possuo está nesta
casa. Você acha que vou desistir de todos os meus pertences e fugir?
Darren, me diga a verdade. Você tem medo de dormir sozinho?"
Os olhos de Darren nublaram-se de raiva. Ele zombou: "Parece que
você ainda está com bastante energia. Você precisa que eu atribua outra
coisa para você fazer?"
Bonnie sorriu sem jeito e acalmou, "Eu só estou brincando. Não leve
isso tão a sério. É tarde, e é melhor você ir para a cama cedo. Se você tiver
algum problema, ligue para mim. Por favor, não se vire quando você dormir.
Se você pressionar a ferida, terá que ir ao hospital para novos pontos. "
Então ela girou nos calcanhares e saiu da sala. Quando Bonnie estava
prestes a fechar a porta de passagem, Darren chamou em voz baixa: "Não
feche a porta, lembre-se!"
Bonnie congelou e sorriu se desculpando. "Desculpe, estou
acostumada a fechar a porta sempre que saio de um quarto."
"É melhor você mudar seus hábitos para mim no futuro."
"Bem ..." O coração de Bonnie disparou com suas palavras.
Do outro lado da cidade.
Depois que o incidente com Dina virou manchete, houve muitos
abusos online dirigidos contra ela. Ela enfrentou a possibilidade de sanções
demoradas e pode deixar de ser uma estrela feminina de primeira linha para
uma estrela de terceiro ou quarto nível. Ela sabia que sua carreira doméstica
não poderia ser salva e ela não tinha nenhuma esperança. Assim, depois de
resolver as disputas internas sobre as taxas de contrato, ela foi para o
exterior o mais rápido possível. Ninguém sabia para onde ela tinha ido e
ninguém se importava também.
Sempre havia novos atores e estrelas surgindo para satisfazer o
público na indústria do entretenimento.
Xandria também ganhou popularidade e elogios, atraindo muitos fãs
por causa da briga com Dina. Agora ela poderia finalmente voltar ao palco
público novamente. Ela havia optado por retornar à sua equipe de filmagem

Melody e seus romances


anterior. Por causa dos rumores recentes sobre ela, o diretor foi forçado a
suspender as filmagens e eles ainda não haviam encontrado um substituto
adequado. Agora que ela poderia voltar ao trabalho e seu nome estava
limpo, o diretor a recebeu com alegria. Além disso, ela era um assunto
quente agora e certamente atrairia multidões para ver o filme.
Um dia, depois que Xandria terminou seu dia de trabalho, ela se
despediu dos tripulantes. Ela mal podia esperar para ir embora porque Perrin
viria buscá-la hoje.
Assim que saiu do estúdio, viu o carro de Perrin estacionado na porta
do prédio. Ao vê-la sair, Perrin sorriu. Ele imediatamente tirou um casaco e
o cobriu com ela. "Como foi seu trabalho hoje? Está tudo bem?"
"Está tudo bem", respondeu Xandria com um sorriso caloroso. Quando
estava prestes a entrar no carro, viu Ray do outro lado da rua. Ela ficou
surpresa e ergueu a mão para acenar, querendo dizer oi. Mas no segundo
seguinte, ela viu Michelle vindo do outro lado. Ray se virou e abraçou
Michelle calorosamente. Então eles acordaram, conversando e rindo.
"O que você está olhando?" Perrin não pôde evitar se virar na direção
em que ela olhava, mas, a essa altura, Ray e Michelle já haviam sumido de
vista.
"Acabei de ver o Ray. Mas, quando ia dizer olá, ele se virou e foi
embora", explicou Xandria.
Então ela voltou para o carro. Perrin entrou no carro pelo outro
lado. Ele fechou a porta e apertou o cinto de segurança para ela. Então ele
disse a ela em uma voz suave: "É tarde. Vamos para casa e descansar um
pouco."
"Cherish esteve em casa recentemente?" Xandria recostou-se no
banco do carro e não pôde deixar de dizer: "Tenho estado tão ocupada com
o trabalho que não a vejo há algum tempo".
"Ela raramente esteve em casa nos últimos dias. Na maioria das vezes
ela está visitando Carlos."
Xandria riu baixinho e disse: "E daí? Ela vai se casar com Carlos em
breve. O amor entre os dois é realmente precioso. Espero que possamos
comparecer à cerimônia de casamento o mais rápido possível este ano."
Perrin acenou com a cabeça e disse: "Embora o relacionamento deles
tenha começado em uma estrada rochosa, parece que está indo bem agora.
De qualquer forma, não quero lembrá-la das outras coisas que aconteceram
desde que ela gosta tanto dele. Além disso, os dois nossas famílias já se
prepararam para o noivado, então vamos esperar e ver como eles vão

Melody e seus romances


decidir. É problema deles. Vejo que Carlos também desenvolveu alguns
sentimentos por Cherish. "
"Isso é ótimo. Mas a coisa com Nora foi um golpe para ele. Não sei se
ele seguiu em frente ou não."
Perrin franziu a testa. Ele se sentiu desconfortável com o pensamento
disso. Ele disse: "Foi realmente inesperado para Nora morrer, mas a vida
precisa continuar com os negócios da vida. Carlos não é alguém que se
apegaria ao passado. Como seu coração já se abriu para Cherish, isso prova
que seu o amor por Nora não era tão constante. "
Xandria não pôde deixar de se virar para ele, perguntando: "Os
homens sempre são tão lógicos e de sangue frio no amor?"
Perrin ficou chocado por um tempo. Ele não esperava que sua própria
linha de raciocínio cavasse uma armadilha para si mesmo. Ele não pôde
deixar de rir e disse: "Os homens sempre são lógicos quando olham para
outros relacionamentos, mas quando se trata de seu próprio amante, sua
lógica os trai."
Bufando, Xandria disse, "Você é muito bom em inventar desculpas
plausíveis."
"Querida, sempre vou te amar. Como ouso te enganar?"
Xandria sorriu e parou de provocá-lo.

Capítulo 1351 Uma mudança no plano


O trauma do sequestro de Cherish mal havia passado, enquanto a
morte de Nora impôs um impacto significativo em Carlos. Parecia que ele
havia fechado seu coração. Ele não conseguia se abrir e compartilhar sua
dor, mesmo com Chuck ou Leah. Ele mergulhou ainda mais em seu próprio
desespero.
Leah se sentia mais e mais desanimada a cada dia. Mesmo que Nora
tivesse sido morta enquanto salvava seu filho, ela ainda amaldiçoou Nora
para nunca reencarnar, porque foi por causa de Nora que Carlos ficou tão
abatido.
Em seus esforços para prender Darren o mais rápido possível e levá-lo
à justiça, Chuck raramente estava em casa. Ele estava ocupado trabalhando
junto com Jacob na missão de prender Darren dia e noite.
Mas Darren era muito astuto. Ele havia caído e não havia sinal dele.
No escritório da Procuradoria da cidade de Jingshi, Chuck ficava
andando de um lado para o outro enquanto se preocupava com a data em

Melody e seus romances


que Darren seria preso. Ele já havia acendido vários cigarros, um após o
outro, enquanto fumava dentro do corredor, enchendo o espaço com uma
densa névoa azul.
De repente, ele ouviu uma batida na porta. "Entre, por favor." Então, a
pessoa do lado de fora empurrou a porta e entrou. Era Jacob.
Assim que viu Jacob, Chuck largou rapidamente o cigarro e preparou
rapidamente uma xícara de chá de folhas de bambu para ele.
"Por que você veio aqui?" Chuck perguntou em voz baixa. Ele não
tinha comido ou dormido bem nos últimos dias, porque estava ocupado com
o mandado de prisão de Darren, e a situação de Carlos também o
aborreceu. Ele havia se tornado extremamente mais abatido.
Depois de entrar na sala, Jacob sentou-se no sofá, cruzou as pernas
elegantemente e aceitou o chá de folhas de bambu de Chuck. Em um tom
calmo, ele comentou: "Peça aos homens que você enviou em busca de
Darren para voltar. A partir de hoje, seguiremos uma abordagem mais
secreta para pegá-lo."
"Então, será muito mais difícil capturar Darren, não é?" Chuck temia
que Darren simplesmente pregasse peças neles novamente. Ele não pôde
deixar de franzir a testa ao ouvir a ordem de Jacob, porque ele não era a
favor dessa ideia.
"Como está funcionando para você, tentar capturá-lo com seus
homens correndo por toda a cidade? Você acha que pode prendê-lo dessa
maneira?" Jacob perguntou com uma carranca. "Depois de cometer seus
crimes, Darren ainda conseguiu escapar para um lugar seguro novamente.
Ele é tão idiota que vai ficar esperando para ser preso?"
Chuck balançou a cabeça taciturnamente. Após a repreensão de Jacob,
ele se sentiu ainda mais confuso sobre o que fazer a seguir.
Jacob colocou a xícara de chá na mesa e, em seguida, explicou
pacientemente: "Só se pedirmos aos nossos homens que parem de procurar
por enquanto é que Darren vai baixar a guarda. Enquanto ele ainda estiver
vivo, vamos capturá-lo mais cedo ou mais tarde. Por enquanto, precisamos
apenas ser pacientes. "
"Tenho medo de que ele possa machucar os outros. O homem é um
pedaço de imundície e nada é baixo demais para ele. Ele é exatamente como
um demônio e faz coisas más!" O rosto de Chuck estava pálido de
ressentimento. Ele sabia que havia muitas pessoas más neste mundo, mas
Darren era o pior de todos. Ele era alguém que havia desrespeitado mais leis
do que Chuck jamais vira. Além disso, nada era tabu para ele e não tinha
medo da morte.

Melody e seus romances


Darren era o mal encarnado!
Chuck fez todos os esforços para ajudar na prisão de Darren, não
apenas porque Darren o feriu ao ameaçar seu filho, mas também porque
Chuck era um cidadão moral e obediente à lei.
"É inútil ter medo. Se você tiver tempo para sentar aqui e se
preocupar com isso, é melhor você ir para casa e ficar com seu filho!" Então,
Jacob espiou pela porta e disse: "Não tome decisões precipitadas. Do
contrário, você não saberá se sua Família Li será condenada à morte ou
não."
O aviso de Jacob foi sutil, mas poderoso. Ele sabia o que se passava
na mente de Chuck. Darren já havia ameaçado seu filho antes. À luz do
atual estado mental de Carlos, Chuck inevitavelmente colocou a culpa em
Darren.
Ele agora odiava Darren profundamente.
Hoje, Jacob tinha vindo aqui não apenas para instruir Chuck a enviar
unidades secretas para tentar prender Darren, mas também para avaliar o
quão determinado Chuck estava. Com o passar do tempo, a relação entre
Carlos e Chuck piorou e as tensões aumentaram. Jacob estava realmente
preocupado que Chuck sofresse um colapso mental.
Felizmente, Chuck estava mostrando alguma firmeza de caráter e
Jacob acreditava que ele era confiável.
Antes de partir, Jacob virou a cabeça e disse: "Posso recomendar
vários bons psicólogos para você, se precisar. Não deixe Carlos lidar com
seus problemas sozinho sem conseguir o tratamento certo. Ele é um gênio!"
Jacob não precisa dizer mais. Ele sabia que Chuck tomaria as medidas
adequadas e, mais importante, em comparação com Chuck, Carlos era uma
ferramenta muito mais adequada para ele usar. Um gênio tão natural como
Carlos não poderia ser arruinado por causa de uma mulher enganadora.
Como Jacob havia ordenado, Chuck lembrou todos os seus homens de
suas tentativas de prender Darren por enquanto. No entanto, os homens de
Jacob ainda estavam à espreita, procurando por qualquer sinal de
Darren. Eles se misturaram à multidão, uma presença vigilante constante,
pronta para quando Darren aparecesse.
Depois de dar a Chuck suas instruções, Jacob finalizou os preparativos
para todos os seus negócios corporativos. Ele fez as malas e voltou para
casa. Ele estava muito envolvido em seu trabalho e na busca por
Darren. Como resultado, ele não passava muito tempo com Emily.

Melody e seus romances


A condição de Emily melhorava a cada dia. Mesmo que ela
frequentemente se sentasse sozinha, seu olhar não estava mais vazio. Jacob
ficou tão feliz que até levou Tim para jantar como forma de agradecimento.
Mas essa refeição acabou deixando Jacob sobrecarregado de
preocupação e mal-estar novamente.
Tim admirou o vinho em sua taça e brindou suavemente com
Jacob. Depois de beber uma taça de vinho, de repente ele fez uma
observação estranha que deixou o ambiente frio e tenso.
"Sr. Jacob, temo não poder curar sua esposa."
Quando Jacob ouviu isso, suas sobrancelhas se arquearam e ele
perguntou: "O que você quer dizer? Você está pedindo mais dinheiro?"
Tim balançou a cabeça instantaneamente. Ele estava confiante em seu
próprio talento, mas nunca tinha visto outro homem tão rico quanto Jacob
que fosse mais generoso. Se ele pudesse trabalhar para Jacob por um
período indefinido de tempo, ele seria capaz de levar uma vida muito
confortável com muito dinheiro para gastar.
No entanto, a condição de Emily provou ser mais difícil do que parecia
ser tratada.
"Não, não estou. Só que o prognóstico sobre a doença de sua esposa
não é otimista." Tim franziu a testa com mais força. Batendo nervosamente
na mesa com os dedos, Jacob parou por um longo tempo e disse: "Vá em
frente!"
Tim assentiu. "Pode parecer que a condição de sua esposa melhorou,
mas, na verdade, ela está fingindo isso."
"Fingindo?" Jacob instantaneamente lembrava das expressões fofas de
Emily toda vez que eles saíam para se divertir juntos. Ele não conseguia
acreditar no que Tim acabara de dizer. "Quer dizer que Emily está
controlando suas emoções? Então, se ela pode controlar suas emoções, isso
também significa que ela está melhorando, não é?"
Ao ouvir isso, Tim balançou a cabeça, abaixou o garfo e a faca antes
de cruzar as mãos enquanto dizia seriamente: "Controlar e reprimir as
emoções dela só fará com que a condição dela se aprofunde e se agrave!
Hipnotizei sua esposa e descobri que ela era emocionalmente instável e
muito pior após a hipnose. Recentemente, ela tem sofrido cada vez mais
com dores de cabeça, devido a complicações de sua depressão. "
"Eu ..." Jacob queria questionar por que ele nunca tinha sido
informado disso antes, mas ele escolheu manter a boca fechada.

Melody e seus romances


Embora ele tivesse voltado para casa com Emily todas as noites
ultimamente, ele raramente falava com ela.
Cada vez que Emily o via, ela parecia ser sensata e calma. Ele nem
tinha notado que sua condição havia piorado.
"Além do mais, sua esposa desenvolveu um problema de audição e
sente dormência nos ouvidos." Tim parecia temer que Jacob não entendesse
suas implicações, então ele explicou: "É um sintoma bem documentado que,
nos estágios intermediários e posteriores da depressão, os pacientes
também sentem dormência nos ouvidos. Isso varia de pessoa para pessoa
Apesar."
"Portanto, é por sua falta de competência suficiente que você se
recusa a tratá-la?" Os olhos de Jacob escureceram, tornando-se
assustadores, e sua aura dominadora fez Tim tremer.
"Não, não é. É simplesmente porque não me atrevo a atrasar o
tratamento dela. Se eu continuar fingindo que ela vai se recuperar quando
eu estiver perto dela, eu estaria mentindo, e isso está me deixando louco.
Não posso Ofereça que ela levará uma vida maravilhosa novamente. Eu
simplesmente não posso! " Tim falou francamente com Jacob. Ele sabia, sem
dúvida, que tinha a responsabilidade de respeitar suas patentes e considerar
seus sentimentos. No entanto, ele não podia mentir para controlar a
condição de Emily. Isso tornava complicado para ele tratá-la.
A mão esquerda de Jacob inconscientemente cerrou os punhos, até
que as falanges dos nós dos dedos ficaram brancas sob a pele.
Percebendo a mão de Jacob, Tim respirou fundo e reuniu o que restava
de sua coragem para continuar: "Ou, é melhor você pedir ao psicólogo que
já tratou sua esposa de depressão para vir tratá-la novamente."
"De jeito nenhum!" Jacob não conseguiu conter sua raiva quando
lembrou o que Taylor tinha feito com Emily anteriormente. Ele ficou furioso,
porque Taylor foi quem fez o estado de Emily piorar progressivamente.
Assim, ele rejeitou a sugestão de Tim sem nem mesmo considerá-la.
Tim ficou consternado porque, para um resultado bem-sucedido, as
intervenções psicológicas precisavam da cooperação dos pacientes e de suas
famílias. O ato de Emily de fingir que havia se recuperado estava se
mostrando inútil para qualquer uma das opções terapêuticas que Tim havia
tentado implementar.
"A primeira psicóloga que tratou de sua esposa teve um impacto
significativo sobre ela, e ela sabe mais sobre como os sintomas de sua
esposa se desenvolveram. Espero que você considere minha sugestão com

Melody e seus romances


cuidado e não acabe fazendo nada de que se arrependa! " Tim acreditava ter
deixado clara sua posição sobre o assunto para Jacob.

Capítulo 1352 Louis sendo dispensado pela


força
Jacob simplesmente permaneceu em silêncio. O ar estava cheio de um
silêncio constrangedor e constrangedor.
Tim olhou para o caro vinho tinto e o bife com espaguete em seu
prato. Tudo parecia delicioso e de dar água na boca, mas ele não se atreveu
a comer agora.
O homem sentado à sua frente tinha uma expressão severa no rosto, e
Tim se sentiu como se estivesse olhando para um animal. Ele sabia que
Jacob devia estar furioso agora. Ele estava tentando descobrir uma maneira
de resolver a situação pacificamente.
Finalmente, Tim reuniu coragem e disse: "Que tal isso? Estou disposto
a cooperar com o médico anterior de sua esposa. Vou verificar
cuidadosamente todos os remédios que ela usou. Se você não confiar mais
em mim, posso convidar alguns outros psicoterapeutas que estão no topo da
área para vir e colaborar nisso. "
Enquanto dizia isso, Tim não tinha muita confiança de que Jacob
aceitaria sua sugestão. Mas ele não teve escolha a não ser fingir estar
calmo. Pensativo, ele acrescentou: "Estou até disposto a permitir que você
diminua meu salário."
"Eu vou considerar isso." Sem se despedir, Jacob se levantou e
saiu. Ele estava ansioso para chegar em casa e ver sua garota boba. 'Por
que ela fingiu estar se recuperando na minha frente? Por que ela não
recebeu tratamento de acordo com seu estado real? ' ele pensou.
Quando Jacob voltou para casa, ele descobriu que Emily estava
ocupada limpando o chão de seu quarto. Ele pegou o esfregão das mãos
pequenas de Emily e disse: "Por que você não deixa isso para os criados?"
"É tão chato ficar em casa", Emily fingiu reclamar. Ela tinha saído há
alguns dias, e recentemente estava ansiosa para passar o tempo no mundo
natural externo com montanhas e rios. Mas ela sabia que, como Darren
ainda não tinha sido preso, não era seguro para ela sair. Essas preocupações
e ansiedades agravavam sua doença. Então era melhor para ela ficar em
casa, esfregando o chão e se exercitando.
"Devo levar você para dar um passeio?" Após essa sugestão, Jacob se
virou e abriu o armário. Ele se preparou para tirar algumas roupas para
Emily.

Melody e seus romances


Emily não o impediu de vasculhar seu armário. Mas ela olhou para ele
com hesitação. De repente, uma ideia surgiu em sua mente. Ela perguntou:
"Você já pegou Darren?"
Jacob já havia escolhido um suéter branco para ela. Sua delicada
trama era adequada para esta estação, não sendo nem muito fria nem muito
quente.
Ele se virou e segurou o suéter contra Emily, ignorando totalmente a
pergunta dela. Ele então perguntou: "Com o que você gostaria de combiná-
lo?"
"Jacob, você prendeu Darren?" Emily perguntou novamente.
"Não. Mas isso não precisa estragar o nosso dia. Ainda podemos sair
para nos divertir." Jacob queria levar Emily para sair e se divertir, na
esperança de melhorar seu humor. No entanto, Emily não concordou desta
vez. Ela balançou a cabeça lentamente e se sentou na cama, segurando o
esfregão com força. "Eu não quero sair antes de lidarmos com Darren!"
Emily havia desenvolvido um medo intenso de Darren, e ele a
perseguia, mas ela não podia dizer isso a Jacob. Ela estava com medo de
que Jacob se preocupasse com ela.
"Darren se escondeu em algum lugar. Você quer se esconder como
ele?" Jacob a confortou, se aproximando e segurou Emily em seus
braços. Ele assegurou-lhe com uma voz suave: "Você sempre estará segura
comigo!"
"Mas eu ainda não quero sair! Eu não posso," Emily murmurou.
Embora ela falasse com uma voz recatada, Jacob sabia que ninguém
poderia mudar a opinião de Emily depois que ela decidisse.
Jacob se lembrou do que Tim havia lhe contado recentemente. Ele
olhou para Emily e disse: "Emily, Louis terá alta do hospital amanhã. Vamos
ao hospital para vê-lo sair. E podemos fazer uma festa de boas-vindas para
celebrar sua recuperação. O que você acha?"
"Eles não disseram que é apenas uma doença leve? Por que fazer uma
festa de comemoração?" Emily pensou que Jacob estava transformando um
pequeno morro em uma montanha com essa sugestão.
"Você vai comigo ao hospital para buscá-lo amanhã?" Jacob perguntou
novamente, evitando responder a sua pergunta.
"OK!" Emily olhou para Jacob, reclamando timidamente, "Você pode
me deixar terminar de limpar o chão agora? Eu quase terminei. Suas
pegadas estão por todo o chão. Não estrague meu trabalho, ok?"

Melody e seus romances


"Claro."
Jacob não se demorou no quarto depois disso. Olhando para as costas
dele, Emily coçou a cabeça, sentindo-se um pouco chateada. Ela murmurou
para si mesma: "Eu não deveria ter me comportado assim. Eu deveria ter
sido mais feliz e mais vigorosa para agradá-lo!"
Sem saber o que Emily estava fazendo pelas costas, Jacob desceu as
escadas e saiu de casa. Ele entrou no carro e deu um telefonema para Louis,
que não fazia ideia de que logo teria alta.
Ele comia contente a maçã que Taylor o alimentava com
alegria. Quando viu o identificador de chamadas de Jacob em seu telefone
tocando, ele não pôde deixar de se sentar ereto e nervosamente engolir a
maçã enquanto olhava para Taylor.
Taylor se levantou imediatamente e encontrou uma desculpa para ir
embora, dizendo: "Eu preciso ir ver Amy. Ela pode estar acordada agora."
"OK!" Na verdade, Louis não achava que Taylor deveria sair enquanto
falava com Jacob. No entanto, ele temia que Jacob dissesse algo hostil
contra Taylor, o que quebraria seu coração. Portanto, era melhor para ela ir
embora.
Durante os dias em que Louis esteve no hospital, Taylor cuidou bem
dele. Gradualmente, o relacionamento entre eles se aprofundou.
Vendo-a sair, Louis estava prestes a atender o telefone, mas Jacob já
havia desligado.
O coração de Louis vacilou uma batida. 'Provavelmente irritei esse
cara', pensou.
Decidindo evitar atritos, Louis ligou de volta imediatamente. Logo,
Jacob perguntou friamente do outro lado da linha, "O que você está
fazendo?"
"O que mais eu posso fazer? Estou no hospital, descansando e
trabalhando um pouco enquanto isso", Louis respondeu rapidamente. Jacob
apenas projetou um silêncio agourento. Quando Louis estava prestes a
perguntar por que ele havia ligado, Jacob perguntou de repente: "Quanto
tempo você vai ficar no hospital?"
"O que?" Louis sorriu e não pôde deixar de perguntar: "Desde quando
você começou a se importar comigo desse jeito, meu cunhado?"
"Não é que eu me importe com você. É que a condição de Emily está
piorando, em vez de melhorar." Enquanto Jacob falava, ele fechou a porta
do carro caso alguém pudesse ouvi-lo.

Melody e seus romances


Louis ficou chocado. Ele quase se ofereceu para convidar Taylor para
checar Emily novamente, mas ele segurou sua língua no último momento.
Ele sabia exatamente o quanto Jacob odiava Taylor agora, e a
sugestão não seria bem-vinda.
Após um momento de reflexão, Louis perguntou: "Então o que
devemos fazer?"
"Emily concordou em buscá-la no hospital amanhã!" Jacob o informou
seriamente.
A mente de Louis estava cheia de preocupações sobre a saúde de
Emily e o problema com Taylor. Portanto, ele não processou totalmente as
palavras de Jacob e simplesmente respondeu: "Tudo bem."
"Tudo bem. Vejo você amanhã", Jacob reconheceu e desligou o
telefone.
Louis segurou o telefone, sentindo-se atordoado, então começou a se
lembrar das palavras de Jacob. De repente, ele percebeu por que Jacob o
havia chamado. Ele imediatamente apertou a rediscagem. Jacob atendeu a
chamada após alguns toques.
"Jacob, o que você quis dizer agora? Quando eu te disse que terei alta
do hospital amanhã?" Fisicamente, Louis ainda não havia se recuperado
totalmente. Como ele poderia ter alta do hospital?
Batendo no volante, Jacob disse calmamente: "Eu disse a Emily que
você deixará o hospital amanhã, e Emily também concordou em buscá-lo.
Você deve deixar o hospital amanhã."
"Eu ainda não estou recuperado!" Se ele tivesse alta do hospital
amanhã, Taylor não seria capaz de cuidar dele todos os dias como
agora. Havia dois motivos pelos quais ele não queria receber alta. Uma era
que ele não estava totalmente curado. A segunda era que ele queria que
Taylor ficasse com ele dia e noite.
"Você vai deixar o hospital amanhã de manhã. Depois de levá-lo para
casa e depois de sairmos, você pode encontrar outra desculpa para ser
hospitalizado novamente." Jacob ofereceu a ele uma má ideia.
Louis ficou totalmente pasmo. Depois de um longo silêncio. Ele
respondeu desamparado: "É isso que você quer fazer? A saúde de Emily é
importante, claro, mas minha saúde também importa, ok?"
"Não!" Jacob disse secamente. Ao não ouvir nada do outro lado da
linha, ele acrescentou: "Se você não puder cooperar comigo neste assunto,
vou arranjar alguém para ajudá-lo."

Melody e seus romances


"Bem!" Louis bateu o telefone ao encerrar a ligação.
No dia seguinte, Louis foi despedido por uma multidão de funcionários
do hospital, todos com sorrisos rígidos no rosto.
Na entrada do hospital, o diretor do hospital apertou a mão de Louis e
disse: "Sr. Ke, se sentir alguma dor ou complicações, lembre-se de vir ao
hospital para um reexame. A porta do nosso departamento de internação
está sempre aberta para voce."
Com um sorriso severo no rosto, Louis respondeu: "Bem, obrigado por
suas amáveis palavras, diretor."

Capítulo 1353 A condição de Emily piorou


Os médicos acenaram um adeus a Louis com sorrisos rígidos em seus
rostos. Eles o viram entrar no carro de Jacob.
Depois que Jacob empacotou todos os pertences de Louis no hospital,
ele e Emily também entraram no carro.
Quando o carro saiu do hospital, Emily olhou para Louis, que estava
sentado no banco de trás, muito pálido. Ela perguntou preocupada: "Irmão,
você está bem?"
"Estou bem. O diretor do hospital me disse para monitorar minha
condição de perto. Se eu começar a me sentir mal, posso voltar para
tratamento a qualquer momento." Louis então sorriu e perguntou: "Como
você tem estado recentemente?"
"Estou muito melhor agora." Jacob esperava essa resposta de Emily.
Emily olhou para a mala ao lado de Louis, perguntando: "Mas onde
está Taylor? Por que ela não acompanhou você agora que você saiu do
hospital?"
"Ela foi para o exterior," Jacob imediatamente interrompeu, temendo
que Louis dissesse algo errado.
"Sim, ela foi para o exterior", Louis repetiu isso com um sorriso.
Emily assentiu e suspirou. "Eu não a vejo há muito tempo. Nosso
último encontro foi tão apressado. Quando Taylor voltar, devemos ter uma
reunião."
Embora seu terapeuta atual, Tim, também fosse muito profissional, ele
não era tão competente quanto Taylor. Taylor era mais do que uma
terapeuta e, às vezes, ela se sentia como uma amiga para Emily. Eles
formaram um vínculo estreito.

Melody e seus romances


Ouvindo o que Emily havia dito, Louis assentiu
distraidamente. "Quando ela voltar, vou trazê-la para ver você."
Depois de encerrada a discussão, o carro voltou a ficar quieto. Emily
estava sentada em silêncio no banco do passageiro. Assim que o carro
estava prestes a entrar no estacionamento do restaurante, Emily de repente
murmurou: "Jacob, talvez eu tenha que checar o almoço".
"O que está errado?" Jacob rapidamente se virou para olhar para ela
assim que ouviu sua voz fraca.
Emily estava recostada na cadeira com os olhos fechados e parecia
estar em agonia. Jacob rapidamente liberou o cinto de segurança para
ela. Quando ele estava prestes a abrir a porta do carro para que Emily
pudesse respirar um pouco de ar fresco, ele ouviu a voz de Emily.
"Estou bem. Só preciso voltar para casa e deitar." Esses foram os
primeiros sinais de sua dor de cabeça. Cada vez que ela sentia uma dor de
cabeça, ela sentia sua visão ficar embaçada. Ela se tornou muito sensível à
luz e ao ruído.
"Eu vou te levar para o hospital!" Jacob disse inquieto. Mesmo que ela
precisasse deitar para descansar, ele se sentiu melhor em levá-la ao
hospital, onde ela poderia descansar sob a supervisão de um médico.
"Jacob, eu só quero ir para casa e deitar na minha própria cama!" A
voz de Emily ficou estridente de ansiedade.
Jacob fechou a porta do carro novamente e pisou no acelerador. Ele
disse a Louis para cuidar de Emily, e ele foi direto para o hospital.
Emily sabia que Jacob a levaria para o hospital, já que ele não
respondeu. Ela tentou engolir a agonia e abriu os olhos. Ela disse palavra
por palavra: "Jacob, estou muito doente agora. Leve-me para casa e chame
o Dr. Tim para vir cuidar de mim!"
Emily ficou furiosa!
Sua voz estava pesada. Jacob sabia que ela estava com muita dor
agora. No entanto, Tim pediu para renunciar ontem. Nesse momento crítico,
ele ainda poderia confiar nele?
"Jacob, leve-a para casa", disse Louis.
A expressão pálida e abatida de Emily fez seu coração doer. Mas ele
tinha que respeitar o apelo de Emily.
Percebendo que a testa de Emily agora estava coberta de suor, Louis
só queria levá-la para casa o mais rápido possível.

Melody e seus romances


Jacob não disse mais nada. Ele fez uma rápida meia-volta e se dirigiu
para a Mansão Tyrone.
Quando eles chegaram, Jacob pegou Emily e a tirou do carro, levando-
a direto para a cama. Ao mesmo tempo, Tim também correu, logo chegando
lá. Ele deu a Emily alguns analgésicos e um tranqüilizante. Depois que ela
finalmente se acalmou e cochilou, ele e Jacob saíram.
"Sr. Gu, você já tomou uma decisão? Se você não decidir rapidamente,
a saúde de sua esposa vai sofrer ainda mais. A condição dela vai piorar e até
piorar." Com um olhar sério, ele olhou para Louis antes de continuar: "Bem,
ela está com uma dor de cabeça hoje e amanhã pode se tornar dispnéia. O
que é pior, seus problemas emocionais podem levar a danos nos nervos. Se
você deixá-la continuar assim, sem drogas na terra vai salvá-la. "
"O que você quer dizer? O que há de errado com minha irmã?" Louis
exigiu. Louis sabia sobre o estado de Emily, mas erroneamente acreditava
que ela quase se recuperara.
Ele tinha pensado que Emily havia melhorado depois que Jacob mudou
de terapeuta. Além do mais, Emily parecia normal e relaxada o suficiente
quando o visitou no hospital outro dia.
"O que quero dizer é que ela está sofrendo de depressão severa. Ela
vai acabar sofrendo danos físicos e mentais permanentes se não receber os
cuidados corretos. Então a situação ficará totalmente fora de
controle!" Enquanto falava, ele estudou cuidadosamente a expressão de
Louis, avaliando sua reação a essa notícia. Já que Jacob não apoiou sua
sugestão anterior, ele queria convencer Louis em vez disso.
Previsivelmente, Louis ficou extremamente preocupado depois de ouvir
esse prognóstico.
Ele então continuou: "Se a Sra. Gu não pode ter os cuidados de seu
terapeuta anterior, você não mudará nada, mesmo que convide uma dúzia
de outros terapeutas de elite!"
"Você pode resolver essas dores de cabeça terríveis dela
primeiro?" Louis perguntou. O rosto de Jacob tinha uma aparência
severa. De alguma forma, assim que Tim ofereceu sua solução, a expressão
preocupada de Louis pareceu relaxar. Seus olhos estavam cheios de outros
pensamentos.
Uma pitada de decepção passou pelos olhos de Tim. Parecia que Louis
não poderia ajudar muito com esse problema.
"Suas dores de cabeça vão melhorar lentamente durante o tratamento
da depressão. Mas a Sra. Gu está alerta às minhas táticas. Toda vez que

Melody e seus romances


pratico hipnose profunda nela, ela sempre cria barreiras psicológicas em sua
consciência. Você pode procurar o psicólogo anterior, ou encontre um novo
psiquiatra em quem a Sra. Gu confie. "
Ao dizer isso, ele esperava que Jacob pudesse tomar uma decisão o
mais rápido possível. Era melhor para Tim contar a verdade sobre a condição
de Emily do que ser culpado por Jacob se alguma coisa acontecesse com ela.
"Emily vai se sentir melhor hoje?" Tudo em que Jacob conseguia
pensar era Emily.
"Temporariamente, sim. Esses analgésicos são muito eficazes. Quando
ela acordar, ela deve tomar o remédio que vou receitar para nutrir seus
nervos, e a dor não deve ocorrer novamente por alguns dias", respondeu
Tim com cuidado. Então ele ficou em silêncio, esperando por uma decisão de
Jacob.
"Jacob, posso ter uma palavra com você?" Louis perguntou sério.
"Eu sei o que você está planejando dizer." Os olhos de Jacob brilharam
de impaciência. "Quando você se recuperar, encontre uma boa desculpa e
traga-a de volta. Só ela conhece Emily."
Tim deu um suspiro de alívio com a aprovação repentina de Jacob de
sua sugestão anterior. Como Tim gostaria de voltar àquele restaurante
chique agora e comemorar. Enquanto isso, Louis também ficou muito feliz ao
ouvir o que Jacob havia dito. Ele olhou diretamente para Jacob com
felicidade.
Jacob revirou os olhos com indiferença e disse: "Não me olhe assim.
Você deveria ficar de olho em sua namorada. Não a deixe fazer nada para
machucar Emily novamente. Vou arranjar alguém para levá-lo de volta."
"Obrigado!" Louis sabia que era difícil para Jacob confiar em Taylor
novamente. Mas Jacob desistiu de seus princípios pela primeira vez e fez
concessões. Isso significava que se Taylor pudesse de alguma forma curar
Emily, eles viveriam em paz para sempre.
"Ainda é muito cedo para você me agradecer. Se alguma coisa
acontecer com Emily, você pode ir em frente e escolher um belo caixão para
sua amada Sra. Tang!" Com essa ameaça, Jacob ignorou os dois homens e
voltou direto para seu quarto.
Emily ainda estava dormindo profundamente.
Tim e Louis trocaram olhares. Envergonhado, Tim coçou a cabeça e
perguntou: "Onde você está indo? Posso levá-lo até lá."

Melody e seus romances


"O hospital? Vamos pelo mesmo caminho?" Louis respondeu com um
sorriso. Se esse psicólogo consentisse, ele gostaria de levá-lo para ver
Taylor e fazer com que eles trocassem ideias sobre como tratar a condição
de Emily.
"Claro. Independentemente de onde você esteja indo, eu posso ir na
mesma direção", respondeu Tim com um sorriso tenso.

Capítulo 1354 Não seja muito entusiasmado


Quando Taylor ainda estava ocupada cuidando de Amy no hospital, ela
recebeu um telefonema de Louis. Ela imediatamente preparou uma nova ala
VIP para ele se recuperar. O diretor do hospital o recebeu pessoalmente,
embora ele tivesse se despedido de Louis naquela manhã. Louis estava
sendo hospitalizado novamente após o fingimento da manhã.
Tim havia acompanhado Louis. Quando ele viu Taylor, ele
imediatamente se ofereceu para apertar a mão dela, mas foi parado por
Louis.
Louis disse educadamente: "Dr. Guo, este é o ex-terapeuta assistente
da sra. Gu, Dr. Tang."
Claro, Tim sabia quem era Taylor. Embora ela pudesse parecer muito
tranquila e gentil, ela era na verdade uma lenda no campo da psicologia. Ele
a admirava do fundo de seu coração, e ele queria apertar sua mão
novamente. No entanto, Louis o parou mais uma vez.
Com um sorriso forçado no rosto, Louis olhou para ele e disse: "Dr.
Guo, não é necessário ser tão entusiasmado!"
Vendo como Louis estava com ciúme, Taylor não pôde evitar explodir
em gargalhadas. Ela o provocou: "Como você se sente agora? Parece que
está em perfeitas condições!"
"Ai! Ainda estou com dores consideráveis, Dr. Tang. Mais uma vez
preciso de seus cuidados e do delicioso jantar que você vai cozinhar para
mim esta noite!" Enquanto Louis falava, ele fingiu estar fraco e se inclinou
para ela. Ao ver sua intimidade, Tim deu um passo para trás. Então ele
disse: "Já faz algum tempo que ouço falar do Dr. Tang. Hoje posso
finalmente conhecê-lo pessoalmente. Você é realmente mais bonito
pessoalmente do que suas fotos nas redes sociais."
"Dr. Guo, você está me lisonjeando. Louis me disse que você veio me
ver sobre Yvonne. Por favor, me dê algum tempo para cuidar dos
procedimentos de check-in para Louis. Uma vez feito isso, eu gostaria de
tome uma xícara de café com você, e podemos conversar sobre a situação

Melody e seus romances


atual com Yvonne. " Taylor sorriu ao ver a expressão confusa de Tim ao
ouvir o nome de Yvonne. Então ela explicou: "Yvonne é Emily."
Ao ver o rosto confiante de Taylor, o coração de Louis se iluminou.
Ele sabia que o que Taylor e Tim estavam prestes a discutir era um
assunto sério, então ele não queria interrompê-los. Depois que os dois
saíram da ala juntos, Louis não pôde deixar de se sentir feliz por Taylor. Ele
esperava que seu constante ato de descaramento aliviasse as pressões
sobre Taylor.
Alguns dias se passaram e o tempo estava ficando mais frio.
Emily tinha experimentado cada vez menos mudanças de humor
recentemente. Enquanto ela estivesse sozinha, ela olharia para o espaço
com uma expressão vaga no rosto.
Jacob estava ansioso e preocupado cada vez que a via assim.
No entanto, ele fez o melhor que pôde por Emily. Ele tinha ficado ao
lado dela o maior tempo possível, mas mesmo sua presença não ajudava
muito. Darren permaneceu solto, então não teve escolha a não ser ligar para
Louis e perguntar quando ele poderia trazer Taylor para verificar Emily.
Infelizmente, a resposta não foi o que ele esperava. Louis, taciturno,
disse a ele que Taylor realmente tinha ido para o exterior para mais estudos
e para encontrar algo que pudesse ser útil no tratamento da doença de
Emily. Naquele dia, depois que Tim e Taylor se falaram, ela foi para o
exterior depois de arranjar uma assistente de enfermagem para Amy e
Louis.
"Jacob, você chamou Tim? Ele parece confiável."
"Sim. Mas agora os medicamentos prescritos não podem mais aliviar a
deterioração mental de Emily. Ela se tornou cada vez mais lenta, parecendo
perder o juízo, e suas dores de cabeça também recaíram com mais
frequência." Jacob olhou para Emily, que estava sentada em silêncio lendo
na sala. No entanto, ele percebeu que ela estava segurando o livro de
cabeça para baixo! Ele suspirou. "Ela nem fala mais comigo!"
Na visão de Jacob, Emily só o abraçaria e beijaria à noite antes de
irem dormir. Durante o dia, era como se vivessem em dois mundos
diferentes.
"Quanto tempo ainda podemos esperar? Isso vai arruinar o resto da
vida dela?" Louis perguntou. Ele tinha pesquisado alguns livros sobre
depressão maníaca e Taylor também compartilhou algumas idéias sobre a
doença com ele, então ele sabia o quão sério poderia ser. Em alguns casos,
a depressão maníaca pode até colocar em perigo a vida do paciente.

Melody e seus romances


"Talvez." Jacob suspirou, balançando a cabeça. "Tudo bem. Descanse
e se recupere, mas pergunte a Taylor quando ela estará de volta."
"Ha-ha, Jacob! Lembro que você disse que nunca ..." Louis pretendia
amenizar a tensão com uma piada, mas Jacob de repente ficou furioso. Ele
gritou ao telefone: "Se você acha que é hora de rir de mim, vou garantir que
fique naquela cama para sempre!"
"Eu estava apenas brincando!" Louis imediatamente tentou acalmá-lo.
"Humph ..." Jacob bufou e encerrou a ligação.
Depois que Jacob jogou o telefone no balcão, ele preparou o café da
manhã para Emily e saiu correndo de casa.
No início desta manhã, ele recebeu a notícia de que um paciente GSW,
ou paciente com ferimento por arma de fogo, tinha vindo ao Hospital RD
para tratamento. Mas quando ele foi investigar os vídeos de vigilância
daquela época, as gravações daqueles dias haviam desaparecido, e apenas
alguns médicos disseram que se lembravam de tê-los visto.
Não querendo alertar seu inimigo, Jacob pediu a Chuck que arranjasse
secretamente alguém para visitar o médico que tratou aquele paciente. No
entanto, o médico desapareceu!
Chuck e o diretor do Hospital RD esperavam no consultório há muito
tempo. Finalmente, Jacob correu. Ao abrir a porta, Jacob perguntou: "O que
quer dizer com o desaparecimento do médico?"
Chuck e o diretor trocaram olhares nervosos. O diretor tomou um gole
de água, sentindo-se bastante irritado com a falta de educação de Jacob. Ele
respondeu secamente: "Quero dizer no sentido literal. Ele se foi."
No início, ele estava de bom humor quando estava conversando com
Chuck, que era considerado o juiz-chefe do Supremo Tribunal Popular. No
entanto, esse homem desconhecido veio do nada e os questionou de
maneira rude. Portanto, ele estava particularmente insatisfeito com o jovem
arrivista à sua frente.
Até mesmo o juiz principal havia mostrado respeito por ele, então
quem esse cara pensava que estava agindo de forma tão indelicada?
"Você é o Diretor Wang, certo?" Jacob ergueu as sobrancelhas e olhou
para Steven Wang. Colocando as mãos sobre a mesa, Jacob perguntou:
"Ouvi dizer que você estava no conselho no mês passado?"
"Certo!" Steven Wang olhou para as mãos fortes de Jacob com
desprezo. "O quê? Meu trabalho tem algo a ver com você?"

Melody e seus romances


"Bem, não tem nada a ver comigo. Mas aposto que você não conhece
as regras da selva muito bem, e ainda assim pensa que é muito
inteligente!" As palavras de Jacob foram duras, o que enfureceu Steven
Wang. Ele bateu na mesa e imediatamente saltou. Ele gritou: "Jovem, o que
o qualifica para falar assim comigo?"
"Jovem? Já vi pessoas jovens e bem-sucedidas, mas nenhuma delas
era tão ignorante quanto você!" Com esse castigo, Jacob ignorou o rosto
zangado e corado de Steven Wang. Em seguida, acrescentou: "Estou
avisando, o paciente que veio ao seu hospital para tratamento médico
devido a um ferimento à bala é um criminoso procurado!"
"Um criminoso procurado ..." Steven Wang olhou para Chuck e disse:
"Tenho certeza de que isso não tem nada a ver com meu hospital. De acordo
com o registro, o paciente em questão era um fazendeiro que se feriu em
um acidente de caça. "
"Você sabe de quem é a identidade que ele usou para registrar no seu
hospital?" Jacob estreitou os olhos, e o que ele disse emprestou a Chuck
uma compreensão repentina. No início, ele apenas percebeu que o médico
havia desaparecido, mas não esperava que Jacob fosse verificar o registro
do hospital.
No entanto, Steven Wang não queria cooperar com alguém como
Jacob.
“Temos regras no hospital, por isso não podemos revelar as
informações privadas dos pacientes. Se você realmente quer esse tipo de
informação, precisa nos mostrar as ordens judiciais corretas. Claro, se a
pessoa na lista não tiver nada a ver com este criminoso procurado, temos o
direito de nos recusar a cooperar na sua investigação! " Depois de dizer isso,
aconteceu de Steven Wang olhar para cima e para os olhos de águia de
Jacob. De repente, ele sentiu um arrepio subir por sua espinha e seu
pescoço se encolheu reflexivamente. Embora continuasse teimoso em
cooperar, ele disse: "É inútil você me olhar assim!"
Jacob não olhou mais para Steven Wang. Seu olhar mudou para a
cadeira de madeira ao lado dele, e ele se sentou vagarosamente.
Ele também indicou que Chuck se sentasse.
Steven Wang estava com tanta raiva que queria afastar Jacob. Mas
como Chuck também estava aqui, ele não poderia fazer isso. Ele só podia
controlar sua raiva e se contentar em encarar Jacob.
Quando Jacob viu Chuck sentado, ele sorriu de repente. "Diretor
Wang, você é realmente estúpido. Não admira que só possa ser o diretor de
um hospital pequeno e insignificante com uma idade tão avançada!"

Melody e seus romances


Steven Wang sempre se sentia angustiado quando era forçado a
refletir sobre sua carreira malsucedida.
Esta foi a razão pela qual ele foi desprezado por sua filha, esposa e
sogro. Eles o estavam insultando incessantemente por isso.
Agora, as palavras de Jacob eram como sal em seu ego ferido.
"Diretor Wang, por favor, nos dê as informações. Então podemos partir
agora!" Chuck não aguentava mais a tensão e tentou ser o pacificador.
Steven Wang olhou para Chuck com uma expressão relutante. Antes
que ele pudesse dizer qualquer coisa para recusar, Jacob disse lentamente:
"Diretor Wang, você quer fazer isso de boa vontade e receber meu favor, ou
deseja que procedimentos formais sejam instituídos?"

Capítulo 1355 interfere nos negócios


"O que você quer dizer?"
O diretor do hospital sabia que Jacob era influente com conexões tanto
na sociedade legal quanto na gangue, mas ele não entendia o que Jacob
queria dizer.
Jacob explicou em termos inequívocos: "Você quer morrer ou ajudar a
polícia a prender um criminoso procurado?"
O diretor ficou chocado e sem palavras. Galvanizado em uma série de
indagações e negações, ele finalmente encontrou a informação sobre
Bonnie, que havia trazido seu "irmão" para ver um médico no dia em
questão.
Mas, de acordo com a carteira de identidade, Bonnie provou não ser
uma residente local e, na coluna da residência atual, apenas a cidade de
Jingshi havia sido escrita. Seria como procurar uma agulha em um palheiro
para encontrar Bonnie com base em informações tão vagas.
Além disso, até o número de telefone indicado no cartão de
identificação era falso.
Bonnie, que trouxera Darren, era muito inteligente, mas Jacob
acreditava que, como sua carteira de identidade foi fotocopiada para o
arquivo, seu número de telefone também seria encontrado mais cedo ou
mais tarde.
No entanto, para a decepção de Jacob, o número de telefone
registrado por Bonnie estava fora de serviço.

Melody e seus romances


Chuck, que estava ao lado de Jacob, perguntou: "Não é um problema
encontrar alguém? Vá para a cidade dela e encontre todas as informações
sobre ela perguntando aos pais dela!"
"Não, isso só vai alertar nossos inimigos. Bonnie está tão vigilante,
possivelmente porque ela foi treinada por Darren." Jacob estava enganado
sobre isso. Bonnie só estava tão vigilante porque tinha visto o ferimento de
Darren à bala. Como diz o ditado: "Deve-se estar alerta ao fazer algo
perigoso."
Claro, ela nunca havia considerado substituir seu cartão SIM. Foi
porque Darren de repente disse a ela para não continuar usando seu número
de telefone que ela mudou seu número.
Afinal, ela receberia 30.000 dólares em troca por usar um novo
número de telefone. Não houve razão para ela recusar.
Além disso, ela não tinha muitos amigos. Além disso, toda a sua
família já a considerava morta e raramente a contatava.
Recentemente, Darren estava silenciosamente se recuperando na
pequena casa de Bonnie. Ele dava telefonemas de vez em quando, mas não
fazia mais nada. Na maior parte do tempo, ele ficava deitado na cama e
apontava os defeitos de Bonnie. Por exemplo, ele reclamou com ela que sua
decoração bloqueava a luz do sol, ou gemeu que ela havia acrescentado
pimenta vermelha demais no repolho em conserva com peixe de hoje, ou
mesmo argumentou que ela estava tomando banho há muito tempo.
Bonnie não aguentou mais suas críticas inconstantes e disse: "Vou
para o hospital fazer um estágio a partir de amanhã. Quando você vai
embora?"
Quando Darren ouviu isso, ele imediatamente ergueu as sobrancelhas
e olhou fixamente para Bonnie. Seu rosto ficou ainda mais sombrio, o que
fez com que a pequena casa instantaneamente se transformasse em um
freezer com seu semblante gelado. Bonnie não pôde deixar de tremer e
rapidamente explicou: "Eu tenho que fazer planos para o meu futuro!"
"Seu futuro? Já lhe dei muito dinheiro. Não é o suficiente para você
desperdiçar? Cuide bem de mim e eu lhe darei dinheiro suficiente para levar
uma vida pacífica de agora em diante." Darren sempre teve como certo que
ele era superior a todos os outros, e quando ele olhou para Bonnie, ele
gradualmente se acalmou. Recostando-se na almofada, perguntou: "Ou você
quer me levar embora?"
"Você está quase completamente recuperado. Embora a pele ao redor
da ferida ainda esteja um pouco vermelha e inchada, você é mais do que
capaz de se cuidar!" Bonnie reuniu muita coragem para dizer isso. Antes

Melody e seus romances


disso, ela havia passado um bom tempo pensando em como pedir de
maneira apropriada que ele fosse embora.
"Eu ainda preciso de mais descanso," Darren disse calmamente.
Na verdade, ele já vinha fazendo seus preparativos secretamente há
algum tempo e poderia sair daqui a qualquer momento. Mas, por alguma
razão, ele passou a gostar de ver Bonnie limpar e cozinhar para ele.
Ele tinha lidado com muitas mulheres, mas apenas com a presença de
Bonnie ele encontrou contentamento. Ela era tão estúpida, doce e de bom
coração. Foi muito agradável de se ver.
"Eu dei a você dinheiro suficiente para cuidar de mim por mais um
mês." Darren reclamou em voz alta novamente quando viu Bonnie ficar com
raiva e sair andando, com a intenção de fechar a porta ruidosamente quando
ela saiu. Bonnie o ignorou, apesar de ter sido tão obediente a ele até
agora. Antes de ela ir embora, ele acrescentou: "Partirei um mês depois.
Então, você poderá encontrar uma casa melhor. Esta cabana em ruínas
realmente fede e é tão pequena quanto um caixão".
"Embora seja pequeno como um caixão, você tem ficado
confortavelmente aqui por muitos dias. Eu simplesmente nasci sem sorte,
mas estou disposto a viver em uma casa assim." Darren quis se oferecer
para comprar uma casa melhor para ela, mas quando falou, ele a irritou, e a
repreensão simplesmente escapou de seus lábios.
Tendo cuspido as palavras raivosas, Bonnie se virou e saiu correndo.
Darren já foi ganho sozinho na sala. Depois de uma longa e confusa
contemplação, os lábios de Darren de repente se curvaram em um pequeno
sorriso finalmente. Então, ele olhou sem expressão para a porta fechada e
murmurou para si mesmo: "Foi certo que eu a repreendi? A donzela estava
ficando cada vez mais desobediente."
Darren pensou que tinha dado a Bonnie dinheiro suficiente para o
privilégio de alugar sua casa e por seus serviços como sua serva pessoal.
Quanto a onde Bonnie moraria depois que ele partisse, ele não queria
se envolver nisso, mas após alguma contemplação, ele agora decidiu
escondê-la.
Por isso, ele se opôs veementemente a que ela fosse trabalhar como
estagiária no hospital.
Darren pegou o telefone e ligou para seu subordinado, instruindo-o a
ficar de olho em Bonnie do lado de fora.

Melody e seus romances


No dia em que Taylor voltou do exterior, Emily voltou a ter uma forte
dor de cabeça e vomitou pesadamente em todo o quarto. Como resultado,
Tim não teve escolha a não ser injetar sedativos nela. No entanto, Jacob não
estava em casa e nem mesmo foi encontrado pelo telefone.
Dominado pela ansiedade, o mordomo perguntou repetidamente: "Dr.
Guo, a sua terapia é viável? Se não, devemos levar a Sra. Gu ao hospital?"
Tim suspirou enquanto guardava a seringa. "Formulei um novo plano
de tratamento, mas ainda não posso implementá-lo. Só posso decidir se
devo executar esse plano de tratamento depois de discutir com outro
médico."
O mordomo não se confortou com as palavras do médico. Ele olhou
para a pálida e trêmula Emily que estava deitada na cama e disse: "Ela pode
morrer se você não se apressar e tratá-la!"
"Não, ela não vai. Embora a Sra. Gu não pareça bem agora, ela não
está tão doente. Ela ficará bem depois de algumas horas de sono." Tendo
explicado isso, Tim limpou o material médico, deixando a bagunça para o
mordomo cuidar, e se levantou antes de continuar: "Apenas encontre
alguém para cuidar da Sra. Gu. Estou saindo."
"Obrigado!"
O mordomo dispensou Tim. Depois que o médico saiu, o mordomo
informou a Jacob sobre a dor de cabeça e o vômito de Emily, enviando uma
curta mensagem de texto para ele.
Por acaso, um novo criado passou e, ao vê-la, o mordomo a deteve
imediatamente. "Você! Suba comigo."
A nova serva recatadamente baixou os olhos ao concordar
rapidamente e abaixar a cabeça. "OK." Então, ela seguiu o mordomo até o
quarto de Emily.
Parado na porta da sala, ele gesticulou para que o criado ficasse quieto
com dois dedos levantados aos lábios. "Qual o seu nome?"
O criado ficou obedientemente em frente ao mordomo e respondeu em
voz baixa: "Meu nome é Lilian. Fui recrutada recentemente e estou aqui há
três dias."
"Ok, você terá que cuidar da Sra. Gu da porta. Ligue-me
imediatamente se alguma coisa acontecer com ela." Então, o mordomo
desceu correndo.

Melody e seus romances


Lilian assentiu levemente enquanto olhava para as costas dele. Ela
olhou hesitante para a maçaneta da porta e, finalmente, parecia que ela
havia decidido fazer algo. Ela empurrou a porta e entrou no quarto de Emily.
Emily estava deitada, pálida e quieta na cama.
Lilian ficou parada ao pé da cama de Emily por um tempo, suas mãos
puxando seu uniforme indecisa. De repente, ela sussurrou para Emily: "Não
me culpe. Fui forçada a fazer isso."
Ela falou em voz tão baixa que Emily não a ouviu. Sem se importar se
Emily a tinha ouvido ou não, a empregada começou a procurar por algo no
quarto.
Neste momento, Jacob entrou pelo lado de fora e viu Lilian parada na
frente da mesa em uma confusão. Ele olhou para ela e disse: "O que você
está fazendo aí? Saia agora!"
- Agora mesmo, Lady Emily disse que queria beber um pouco de água.
Eu estava derramando água para ela, senhor. O servo era inteligente. Havia
um conjunto de xícaras e uma garrafa de água sobre a mesa, tornando sua
desculpa plausível.
Jacob acenou com a cabeça enquanto respondia brevemente,
"Hmm." Ele se aproximou para se sentar ao lado da cama de Emily, ciente
de que Lilian tinha saído correndo em uma confusão quando ele estava de
costas.
No momento em que Lilian fechou a porta, Emily de repente abriu os
olhos e disse: "Jacob, aquela garota estava vasculhando o quarto em busca
de alguma coisa!"
"Eu sei."
Jacob já havia determinado que o servo só estava lá para vasculhar o
quarto. Tudo em sua mesa estava sempre em ordem. Mesmo se Emily
tivesse trabalhado em sua mesa, ela definitivamente teria colocado todas as
coisas de volta no lugar. Mas este servo tolo e enganador não tinha colocado
tudo de volta no lugar depois de vasculhar suas gavetas e documentos.

Capítulo 1356 Um dos Subordinados de


Darren
"Ela poderia ser um dos subordinados de Darren?" Na verdade, Emily
acordou assim que Lilian entrou em seu quarto. Para ser mais exato, ela não
tinha dormido profundamente.

Melody e seus romances


Tim acreditava erroneamente que sua injeção funcionaria para sedar
Emily. Na verdade, a droga ajudou a acalmá-la, mas não teve nenhum efeito
em ajudá-la a dormir em paz.
Jacob permaneceu quieto. Vendo que Emily queria se sentar, ele a
ajudou a se levantar primeiro. Quando ele olhou para seu rosto pálido, seu
coração doeu por ela, mas ele não sabia como expressar sua preocupação
por ela.
Emily apontou para a mesa e continuou: "Ela continuou revistando
suas coisas."
"Ela deve ter procurado o documento sobre a prisão de Darren. Eu
espalhei rumores intencionais lá fora recentemente. Darren deve ter
decidido tomar alguma atitude!" Jacob disse, acariciando as mechas macias
de cabelo de Emily. "Mas aconteceu de eu atrapalhar os planos da
empregada hoje, então ela não ousará ser tão presunçosa novamente.
Vamos ficar de olho nela!"
"Não deveríamos despedi-la? Ela é uma pessoa perigosa de se ter aqui
..." O pensamento de que alguém tinha violado a privacidade de seu quarto
remexendo em suas coisas aterrorizou Emily.
Jacob balançou a cabeça. "Ela está aqui, e nós sabemos disso. Se nós
a despedirmos, Darren plantaria um segundo espião em nossa casa. É
melhor mantê-la à vista e providenciar um bom show para Darren."
Jacob fez pouco do assunto de propósito, pois temia que Emily ficasse
preocupada.
Na verdade, Darren estava sempre cambaleando no escuro. Isso
angustiou Jacob e Chuck.
Obviamente, Jacob agiu com pressa espalhando a notícia.
No entanto, ele não poderia ter previsto que seu movimento
imprudente quase colocaria Emily em perigo novamente.
Enquanto Jacob e Emily discutiam sobre Darren, o mordomo de
repente bateu na porta e entrou. "Jovem Mestre, há parceiros de negócios
para lidar agora. Eles estão esperando por você lá embaixo."
Jacob não pôde deixar de franzir a testa. Ele olhou para Emily e
beliscou seu rosto magro. "Eu irei trabalhar primeiro e levarei você para
jantar mais tarde esta noite, ok?"
"Olhe para mim. Você acha que eu posso sair? Vá lidar com seus
negócios primeiro. Estou bem e estou bem satisfeito, desde que você esteja
seguro." A voz de Emily ainda soava um pouco fraca, e Jacob olhou para ela

Melody e seus romances


sem piscar. Ela se sentiu desconfortável sob seu olhar. Ela se deitou
imediatamente, se cobriu com a colcha e se virou antes de acrescentar:
"Vou dormir um pouco. Vá cuidar de seus negócios!"
Jacob acenou com a cabeça e seguiu o mordomo para fora da sala.
Embora Emily estivesse exausta recentemente, ela não estava com
sono algum.
Sua audição estava degradando tão rápido que ela podia sentir, e ela
estava agitada com o zumbido em seus ouvidos. Mesmo quando ela tapou os
ouvidos, o som de toque ainda persistia, ecoando em seu cérebro.
"Minha senhora, há um visitante lá embaixo para você!"
A voz de Lilian a despertou. Emily abriu os olhos de
repente. Instintivamente, ela quis se levantar imediatamente. No entanto,
ela fez o possível para não ser impulsiva. Com isso em mente, ela se virou,
fingiu bocejar e disse em voz baixa: "Tudo bem, vou descer em um minuto!"
Ela podia imaginar como teria ficado em pânico se não tivesse sido
capaz de controlar suas emoções.
Se Lilian notasse que ela estava nervosa, ela começaria a se perguntar
se Emily talvez a tivesse ouvido e a visto remexendo na sala. Se isso
acontecer, todos os esforços de Jacob podem se tornar inúteis.
Na hora do almoço, Emily desceu lentamente as escadas. Ela pensara
que o visitante tinha vindo visitar a família Gu, mas quando viu Taylor
segurando um cachorrinho, sua mente ficou completamente vazia e ela ficou
paralisada.
Taylor lutou com sua emoção crua também. No momento em que viu
Emily, um sentimento de culpa surgiu imediatamente. De repente, ela teve
que lutar para controlar sua vontade de chorar. No entanto, em pouco
tempo, as lágrimas escorreram por seu rosto.
Vendo os olhos marejados de Taylor, Emily voltou à realidade e
caminhou em sua direção rapidamente. Então, ela perguntou com um
sorriso: "Por que você está chorando?"
Taylor segurou o cachorrinho com força contra o peito e enxugou as
lágrimas em seu rosto com as costas da mão enquanto farejava
emocionalmente. Ela respondeu: "Sinto muito. Só não vejo você há muito
tempo. Além disso, fiquei chateada por estar no exterior, então ..."
Não tendo escolha, Taylor teve que encontrar uma desculpa.

Melody e seus romances


Emily acenou com a cabeça e estendeu a mão para abraçar o
cachorrinho fofo nos braços de Taylor. "É tão fofo. É um presente do meu
irmão?"
"Taylor está muito ocupada para criar um cachorro. Eu até mandei um
coelho para ela antes. Alguns dias depois, o coelho desapareceu. Uma
semana depois, ela me ligou e disse que o coelho tinha sido encontrado,
mas estava morto. Ela me perguntou se eu queria experimentar carne de
coelho em conserva ", Louis acrescentou enquanto olhava para o perfil
elegante de Taylor. A julgar pelos olhos azuis do irmão, que brilhavam com
intenso afeto, Emily podia ver que ele amava tanto Taylor e queria mimá-la.
"Então, e esse cachorro ...?" Emily pegou o cachorro de Taylor e
segurou o pacote de penugem se contorcendo em seus braços. Com alguma
empolgação no rosto, ela perguntou provocativamente: "É para mim?"
"Sim, seu irmão e eu passamos muito tempo decidindo e finalmente
escolhemos este para você. Bem, o cachorro tirou todas as injeções
necessárias. Escolhemos especialmente um cachorro que era bonito com
baixo QI para apelar para você!" Depois de dizer isso, Taylor ficou
imediatamente com medo de que Emily rejeitasse o presente, e ela
imediatamente acrescentou com toda a seriedade: "Não me rejeite. É bom
para sua doença."
"Minha doença?" O sorriso no rosto de Emily congelou de repente
antes de deslizar para fora de seu rosto.
Ela não podia acreditar que se recuperaria em pouco tempo. Ela estava
gravemente doente e, como esta era a era da informação, ela sabia que
seus sintomas correspondiam ao estágio avançado da depressão e talvez um
dia ...
Emily deu um sorriso rígido novamente, fingindo alegria enquanto
colocava o cachorrinho peludo no chão. No entanto, assim que o cachorro foi
colocado no chão, Taylor o pegou e perguntou: "Você não gostou? Levei
muito tempo para escolher este cachorro para você."
Taylor fingiu estar ofendido e fez uma careta.
Ouvindo a voz soluçando de Taylor, Emily se apressou em explicar:
"Sim, eu gosto. Eu só quero ir encontrar algo para comer na cozinha."
"Não precisa, querida irmã. Eu pedi comida para viagem, e a panela
quente está a caminho aqui." Louis sacudiu o celular para Emily como se
tivesse providenciado para que um presente fosse entregue a ela.
Ao mesmo tempo, Taylor repetiu: "Sim, enquanto seu irmão estava
doente no hospital, muitas vezes eu levava a panela quente deste

Melody e seus romances


restaurante para ele como uma sopa nutritiva. Olhe para o seu irmão! Ele
não engordou?"
"Sim ele tem." Emily sorriu brevemente.
Taylor sabia que Emily estava desesperada, então entregou o
cachorrinho a Louis e tirou um frasco de remédios de sua bolsa. "Aqui, isso
vai ajudar com sua dor de cabeça. Embora você precise de um pouco de
paciência, já que este medicamento não funciona imediatamente, essas
pílulas podem ajudar a prolongar o tempo entre as dores de cabeça. Com o
uso contínuo, você pode ter dor de cabeça apenas uma vez por ano."
"Mesmo?" Os olhos de Emily brilharam e finalmente se encheram de
esperança.
"Sim. Eu fui para o exterior desta vez com o único propósito de
estudar medicamentos e procurar algo que fosse útil para aliviar seus
sintomas, mas você também deve fazer a sua parte. Não fique sempre em
casa. Em vez disso, você deve ir e fazer coisas que te deixam feliz! " Taylor
falou abertamente com Emily. Depois disso, ela segurou a mão de Emily e
acrescentou: "Não se preocupe. Dr. Guo é um profissional altamente
qualificado. Ele é melhor do que eu em hipnose. Se você confiar em mim e
cooperar com o tratamento do Dr. Guo, você se recuperará em um mês."
"Mesmo?" Emily estava tão animada que só conseguiu encontrar uma
palavra para expressar sua alegria.
Ela esperava confirmar com Taylor se ela realmente poderia se
recuperar tão cedo. Finalmente, Emily viu a luz no fim do túnel escuro em
que sua vida havia se tornado, e ela, finalmente, seria capaz de viver feliz
junto com Jacob.
"É a verdade absoluta, mas você tem que seguir nossas
recomendações. Você tem que cooperar com qualquer tratamento e ..."
Lançando um olhar para Louis, Taylor continuou, "Você precisa cuidar bem
deste cachorro. Alimente-o e leve-o para passear todos os dias. Vá e corra
com seu cachorro quando for necessário para fazer algum exercício. "
Não querendo deixar o gato fora da bolsa, Taylor tinha planejado
secretamente tratar Emily distraindo seu foco de si mesma.
As dores de cabeça, em essência, eram causadas pela neurastenia. Se
Emily concentrasse toda sua energia em sua depressão, nem mesmo Deus
poderia salvá-la.
Claro, Taylor não disse nada disso em voz alta.

Capítulo 1357 Terapia cooperativa em Emily

Melody e seus romances


Ao ouvir isso, o coração de Emily ficou profundamente tocado. Ela
lambeu os lábios nervosamente e pegou o cachorrinho fofo de Louis,
perguntando: "Você decidiu um nome?"
"Ainda não", Louis respondeu.
"Então vamos chamá-la de Emi." Emily enterrou o nariz na pele de Emi
e disse: "Ela cheira bem."
Enquanto estavam se unindo, a governanta trouxe a panela de costela
de porco e molhos e os colocou na mesa um por um. Emily passou as tigelas
e os hashis para Taylor e Louis, sorrindo. "Você é realmente tão atencioso
que trouxe a comida você mesmo, embora tenha vindo nos visitar."
"Isso é porque seu irmão quer comer salsicha!" Taylor deu uma
risadinha.
Assim que Taylor terminou de falar, Jacob entrou de fora. Ele tirou o
casaco e Emily correu até ele, dizendo: "Jacob, olha quem está aqui!"
Emily sorriu abertamente com os braços apontando para Taylor para
mostrar a Jacob, como se ela fosse uma distinta convidada.
Jacob olhou para Taylor, então ele caminhou até Emily e pegou sua
mão. Ele respondeu em um tom ambíguo: "Contanto que você esteja feliz!"
Embora Jacob se ressentisse de Taylor, ele podia ver o quanto Emily
havia se recuperado sob o tratamento de Taylor. As reações de Emily ainda
eram um tanto letárgicas, mas seu sorriso finalmente havia retornado após
várias semanas de depressão.
Mesmo que Jacob estivesse feliz que Emily estivesse se recuperando,
sua resposta revelou claramente sua atitude em relação a Taylor.
Ele não podia perdoar a traição de Taylor, mas estava disposto a fazer
algumas concessões pelo bem de Emily.
"Sim!" Emily assentiu com um sorriso e, ainda segurando a mão de
Jacob, ela se moveu para se sentar na cadeira. Taylor estava aquecido e
relaxado antes de Jacob entrar. Agora, de repente, ela começou a agir de
forma nada natural. A mão segurando seus hashis até tremeu várias
vezes. Se não fosse por Louis, que a ajudou a colocar um pouco de comida
em sua tigela, ela provavelmente não teria comido nada.
Emily sempre foi sensível, especialmente depois que adoeceu, e ela
sabia ler as flutuações de humor.
Vendo que Taylor se comportou estranhamente depois que Jacob
voltou, ela não pôde deixar de perguntar: "Você não está se sentindo bem,
Taylor?"

Melody e seus romances


Taylor balançou a cabeça e forçou um leve sorriso, dizendo: "Não
dormi bem ontem à noite e me levantei cedo esta manhã. Estou um pouco
cansada".
"Você gostaria de ir se deitar no quarto de hóspedes?" Emily
perguntou com preocupação. Taylor involuntariamente olhou para Jacob. Ela
não recusou e assentiu imediatamente. "Tudo bem, vou fazer isso. Além
disso, tenho que esperar pelo Dr. Guo."
"Vou te mostrar lá em cima."
Emily levou Taylor para o quarto de hóspedes. Assim que entraram no
quarto, Emily fechou a porta, tirou a colcha usada da cama e trocou-a por
uma nova do armário.
Depois de trocar a colcha, Emily pegou a mão de Taylor e puxou-a
para se sentar ao lado dela na cama e perguntou de repente: "Você tem
medo de Jacob?"
"O que?" Taylor ficou imediatamente um pouco nervosa e suas
bochechas arderam de culpa. Assim que Taylor desviou os olhos para evitar
o olhar intenso de Emily, Emily de repente sorriu e disse: "Estou apenas
brincando. Por favor, descanse."
Emily já havia obtido sua resposta.
Mais tarde naquela tarde, Tim foi conduzido à sala de estar pelo
mordomo. Ele já havia entrado em contato com Taylor antes de vir
aqui. Então, quando Taylor ouviu a voz de Tim, ela imediatamente saiu do
quarto de hóspedes e desceu as escadas. Entrando na sala de estar, Taylor
se sentou ao lado de Emily e evitou olhar para Jacob.
Tim ainda tinha trabalho para fazer à tarde. Quando viu Taylor
descendo as escadas, foi direto ao ponto, perguntando: "Vamos começar
agora?"
"Tudo bem. Vamos encontrar um lugar mais silencioso", sugeriu
Taylor. Então ela se virou para pegar a mão fria de Emily e disse
suavemente: "Não fique nervosa, estou bem aqui com você."
A rotina de hipnotismo de Tim era muito profissional.
No entanto, ele não teve muito sucesso com Emily porque ela não
confiava nele.
Essa também foi a razão pela qual ele pediu a Jacob que o deixasse
renunciar em primeiro lugar.
Vendo o efeito calmante que Taylor tinha sobre Emily, Tim pensou que
Taylor era realmente o médico em quem Emily mais confiava.

Melody e seus romances


"O quarto de hóspedes que usei esta tarde é bom. As cortinas vão
ajudar a manter a luz apagada", sugeriu Taylor.
"Ok, parece perfeito", Tim concordou.
Ele respirou fundo e pensou: 'Eu realmente não fui capaz de entrar no
mundo interior de Emily em nenhuma de nossas sessões anteriores. Se
Taylor pode oferecer a ela alguma orientação psicológica ao mesmo tempo,
deve ser muito melhor hoje. '
Como ele esperava, com a ajuda de Taylor, Emily logo caiu em um
sono profundo. Embora ele não tenha acesso total ao mundo interior de
Emily, ele fez um grande progresso.
Com a orientação cuidadosa de Taylor, Emily fez uma mudança mental
completa de como ela era antes, quando em casa. Em vez de ser uma
reclusa, ela agora cuidava de Emi todos os dias, passeando com o cachorro
pela manhã e à noite. Às vezes, ela se deparava com os vizinhos que
estavam fazendo exercícios matinais, e ela até se juntava a eles.
Um mês depois, a condição de Emily havia melhorado aos trancos e
barrancos. Desde que sua depressão não fosse deflagrada, ela poderia
funcionar como qualquer pessoa comum.
Hoje em dia, Jacob saía de casa mais cedo e voltava tarde, e todo o
seu foco estava voltado para os assuntos de Darren.
No dia do Festival do Solstício de Inverno, ele recebeu um telefonema
de Emily, que lhe pediu para voltar para casa e comer bolinhos com ela. Ela
disse que era tradição comer bolinhos durante o Festival do Solstício de
Inverno, porque isso traria sorte para eles.
Jacob sorriu e disse em um tom indulgente, "Minha pequena tola,
mesmo que hoje fosse apenas um dia normal, eu ainda iria jantar com você
porque você me ligou."
"Eu sei que você vai. Tudo bem, vou levar Emi para um passeio. Vou
esperar por você depois. Venha para casa mais cedo!"
Emily propositalmente não pediu à governanta que comprasse a
comida, porque ela queria fazer sozinha dessa vez. Depois de passear com o
cachorro, ela foi comprar um pouco de abóbora, que usaria para fazer
sopa. Depois, comeriam o prato principal e a sobremesa com bolinhos e
sopa de abóbora.
O supermercado estava lotado de compradores de última hora. Emily
segurou Emi nos braços e esperou na fila do caixa por um longo tempo.

Melody e seus romances


Emi era tão fofa que atraiu bastante a atenção dos espectadores. De
vez em quando, eles vinham brincar com Emi, perguntando a Emily sobre a
raça e o nome de seu cachorro.
Emily ficou encantada por ter tantas pessoas amigáveis falando com
ela.
Momentos depois de pagar a conta, Emily recebeu um telefonema de
Jacob. Emily atendeu o telefone que tocava e garantiu que logo estaria em
casa. Em seguida, ela colocou o telefone no bolso e caminhou para casa em
um ritmo vagaroso com Emi a reboque.
Na mansão Tyrone
Depois de encerrar a ligação, Jacob serviu uma xícara de chá quente
para si mesmo. Enquanto ele bebia o chá, ele folheou as manchetes de
notícias online. Ele esperou que Emily voltasse, para que pudessem fazer
bolinhos juntos.
No entanto, antes que Emily voltasse, Jacob ouviu um farfalhar. Ele
virou a cabeça e viu uma empregada limpando o chão de ladrilhos do
quarto.
No entanto, ele anteriormente não a tinha notado.
A empregada ergueu os olhos e viu Jacob. Ela imediatamente abaixou
a cabeça e correu para explicar: "O mordomo me pediu para limpar o chão,
senhor. Ele disse que havia algumas manchas que precisavam ser limpas!"
A empregada não era outra senão a empregada de que Jacob tinha
suspeitado antes, Lilian.
Sob o olhar gelado e sem piscar de Jacob, ela estremeceu e se sentiu
envergonhada. "Sr. Gu, se você não quer que eu esteja aqui, posso sair
imediatamente!"
Lilian resmungou submissamente.
Jacob não respondeu, mas continuou a olhar para o celular.
Depois de beber a xícara de chá quente, Jacob sentiu suas pálpebras
ficando pesadas. Ele olhou ao redor, apenas para descobrir que o mundo ao
seu redor havia escurecido e estava se enchendo de sombras. Jacob ficou
vigilante e olhou desconfiado para a xícara de chá vazia. Ele nunca teria
esperado que alguém ousasse drogá-lo em sua própria casa!
Ele cambaleou e tentou o seu melhor para permanecer no controle. Ele
gritou para Lilian com uma voz arrastada: "Você, saia!"

Melody e seus romances


Lilian recuou em choque. Ela largou o pano na mão e se levantou. Ela
perguntou em um tom ofendido: "Sr. Gu, eu fiz algo errado?"
"Saia!"
Jacob sentiu a tontura inundá-lo em ondas enquanto o mundo
começava a girar. Ele balançou a cabeça desesperadamente para tentar
limpar sua mente. Antes de Lilian sair, ele tropeçou, tentando subir as
escadas, mas conseguiu apenas dois passos antes que a tontura o
derrubasse.
Jacob caiu no chão e a parte de trás de sua cabeça bateu na borda da
mesa de centro com um grande estrondo!
A explosão de dor trouxe Jacob de volta aos seus sentidos por um
momento, mas então ele sentiu toda sua força se esvair, e ele só conseguiu
se recostar no sofá e respirar fundo.

Capítulo 1358 Jacob foi envenenado


Vendo isso, Lilian correu rapidamente para o lado de Jacob, agachou-
se e disse preocupada: "Mestre Jacob, você está bem? Deixe-me buscar um
pouco de água quente!"
"Foda-se!"
Jacob não podia dizer mais nada, porque de repente ele estava muito
fraco. Mas então, a porta foi aberta e Emi entrou correndo.
Emily estava um pouco além da porta na varanda com uma abóbora
nas mãos.
Lilian gritou de repente e caiu nos braços de Jacob. Jacob não queria
nada mais do que afastá-la, mas seus braços estavam dormentes e
pendurados frouxamente. Ele nem mesmo teve forças para levantá-los.
"Mestre Jacob ..." Lilian gritou para ele com uma voz suave,
recusando-se a se levantar.
Ela até olhava para Emily de vez em quando. Jacob cerrou os dentes
em agonia. Como ele desejava poder matar Lilian! Ela estava se
aproveitando de sua condição.
Emily pigarreou. Só então Lilian fingiu perceber que Emily havia
voltado para casa e olhou para ela em pânico. Ela se levantou e disse com
uma voz um tanto confusa, "É o Mestre Jacob ..."
"É Mestre Jacob? Eu não acredito que meu Jacob teria algum interesse
em uma garota como você!" Aos olhos de Lilian, Emily era apenas uma

Melody e seus romances


paciente fraca que sempre falava em tons suaves. Portanto, Lilian não via
Emily como uma ameaça para ela.
Mas agora, quando ela ouviu Emily falar de maneira tão direta, ela foi
pega de surpresa. Assim, ela correu para explicar: "Mestre Jacob caiu, e eu
estava ajudando-o a se levantar."
"Você teve que se deitar tão perto do corpo dele, não é? Foi assim que
você o ajudou a se levantar? Huh?" Emily respondeu com um tom de
zombaria, mas parecia completamente indiferente a Lilian. Em vez disso, ela
se agachou e desamarrou a coleira de Emi. Depois de acariciar o cabelo de
Emi vagarosamente por um tempo, ela se levantou novamente, foi até Lilian
e deu um tapa forte no rosto dela.
Lilian nunca esperava que Emily possuísse uma força tão poderosa.
"Sra. Gu, você não tinha motivo para me dar um tapa!"
"Bem, você não é nada além de uma prostituta sem vergonha. Sem
dúvida, tenho motivos suficientes para dar um tapa em você." Emily lançou
um olhar para Jacob e percebeu que seu rosto estava pálido e com gotas de
suor. Ela chamou imediatamente o mordomo. Quando o mordomo entrou na
sala, Lilian começou a chorar, quase chorando.
"Providencie para que Lilian possa podar as mudas de flores de agora
em diante. Ela está proibida de pisar em casa!" Depois de entregar seus
pedidos, Emily tocou a palma da mão na testa de Jacob e perguntou: "Você
está queimando de febre. Precisamos chamar uma ambulância?"
Ela dirigiu sua pergunta a Jacob.
Emily começou a se preocupar. Ela temia que sua ação precipitada
colocasse Jacob em perigo.
E, na verdade, ele estava em grande perigo agora.
Jacob assentiu fracamente. Ele havia sido envenenado, mas não queria
que Emily se preocupasse com ele, então ele tentou o seu melhor para
parecer indiferente ao dizer: "É possivelmente porque eu não dormi bem na
noite passada."
"Como você pode parecer tão fraco só porque não teve uma boa noite
de sono? Jacob, você honestamente acha que eu sou estúpido? Ou você está
apenas fingindo ser estúpido?" Enquanto o repreendia, Emily chamou o
hospital para uma ambulância. Imediatamente depois disso, ela ligou para
Louis e Taylor para informá-los da situação de Jacob.
Quando Taylor e Louis chegaram ao hospital, uma lavagem gástrica já
estava sendo administrada a Jacob para esvaziar seu estômago.

Melody e seus romances


Emily lançou um olhar desamparado para Taylor antes de reclamar:
"Minha família não está em paz novamente. Agora, uma empregada até
tentou seduzir Jacob."
"Seduzir Jacob? Então, como Jacob foi envenenado?" Louis acreditava
que o envenenamento e a sedução eram as duas faces da mesma moeda.
"Eu pedi aos seguidores de confiança de David e Jacob para chegar ao
fundo deste assunto." Emily se sentiu tão desamparada. "Talvez não seja
tão simples como a sedução?"
"Eu preciso fazer uma investigação completa deste incidente. Eu
também vou encontrar as melhores pessoas para me ajudar a investigar se
tiver alguma coisa a ver com ele!" Louis afirmou resolutamente. O primeiro
nome que veio à mente de Louis foi Bill, enquanto Emily deu como certo que
Louis havia adivinhado que Darren estava envolvido no incidente
perturbador.
Emily balançou a cabeça e disse: "Irmão, Taylor, já que você está
aqui, voltarei para casa para buscar algumas roupas para Jacob e para lidar
com a mulher que tentou seduzi-lo."
"Eu irei com voce!" Louis temeu pela segurança de Emily.
Emily balançou a cabeça, mas depois cedeu. "Então, deixe Taylor vir
para casa comigo. Acontece que eu tenho algo para discutir com ela."
"OK!"
Recentemente, Amy teve alta do hospital e, portanto, Taylor tinha
focado toda a sua atenção em Amy. Várias vezes, Tim fora encontrar Taylor
com sua assistente para consultá-la sobre o estado de Emily. Com a ajuda
de Taylor, Tim garantiu cada vez mais a confiança de Emily, então ficou
mais fácil para ele tratá-la.
Além disso, as crises de dor de cabeça de Emily tinham diminuído de
frequência, exatamente como Taylor previra. Anteriormente, ela tinha dor de
cabeça a cada duas semanas. Após esse tratamento, ela sofria de dor de
cabeça apenas de vez em quando.
Como sua condição estava melhorando a uma velocidade mensurável,
Emily gradualmente se tornou mais confiante e não se recusava mais a falar
com outras pessoas.
No carro, Taylor estava compartilhando algo engraçado que acontecera
entre Amy e Louis recentemente. Emily a estava ouvindo em silêncio.

Melody e seus romances


De repente, ela interrompeu com uma pergunta: "Taylor, se eu não
tivesse te contado que Jacob estava doente e te chamado aqui, você teria
continuado a me evitar?"
Coincidentemente, o semáforo ficou vermelho ao mesmo tempo, o que
deixou Taylor atordoado por um momento. Se Emily não a tivesse lembrado
do semáforo vermelho, ela teria dirigido direto no cruzamento movimentado.
Taylor pisou no freio em uma reação instintiva. Como consequência,
ela e Emily foram lançadas para a frente pela inércia, embora os cintos de
segurança as salvassem de bater no painel.
Quando os dois se endireitaram, eles esperaram silenciosamente pelo
sinal verde. Taylor imediatamente fingiu estar surpreso e perguntou: "Como
pode ser? Estou ocupado cuidando de Amy ..."
"Eu sei que Amy é o que mais importa para você. Ela esteve doente e
hospitalizada. Eu entendo que você se preocupa com ela e quer cuidar dela.
Mas você não pode dispensar nem um pouco de tempo para mim? Você
poderia trazer Amy para a Mansão Tyrone. Com certeza vou cozinhar comida
deliciosa para você, "
Emily ofereceu antes que Taylor pudesse terminar sua frase.
Taylor ficou sem palavras, mas decidiu ficar quieta. Emily zombou e
disse: "Eu só queria convidar você para vir ver Emi. Ela já cresceu muito,
mas ainda cabe em meus braços."
"Ok, vou trazer Amy comigo para uma visita quando estiver
livre!" Quando o semáforo ficou verde, Taylor ligou o carro
novamente. Deixando o momento embaraçoso para trás, ela ligou a música
para que Emily pudesse fechar os olhos para descansar um pouco.
De volta à mansão Tyrone, Emily foi direto para o jardim no
quintal. Como esperado, Lilian estava parada ali, olhando para as flores e
folhas murchas no jardim com alguma confusão. Ela não tinha ideia sobre
jardinagem.
"Lilian!" Emily chamou baixinho.
Lilian se virou para trás e olhou para Taylor e Emily com medo. Ela
rapidamente balançou a cabeça e começou a explicar em uma enxurrada de
palavras, "Sra. Gu, eu não abracei Mestre Jacob. Em vez disso, ele me
puxou para seus braços. Eu queria ajudá-lo a se levantar, mas ele ..."
Recorrendo à velha arma da mulher, Lilian desatou a chorar
novamente.

Melody e seus romances


Emily não se comoveu com sua atuação. Em vez disso, ela ergueu os
lábios, sorrindo. "Você quer dizer que Jacob queria seu corpo?"
Vendo que estava sendo bastante ineficaz contra Emily e ouvindo o
que ela havia dito, Lilian tentou uma abordagem diferente, balançando a
cabeça repetidamente. "Eu ... eu não quis dizer isso!"
"Acalme-se. Só vim ver se o novo emprego se encaixa nas suas
habilidades. Não esperava que você cuidasse tão bem dessas lindas flores.
Portanto, você ficará encarregado desse trabalho por enquanto ! " Emily
instruiu, dando tapinhas no ombro de Lilian. "Certifique-se de fazer bem o
trabalho!"
"Obrigado pelo seu incentivo, Sra. Gu. Não vou decepcioná-la."
Sem outra palavra, Emily levou Taylor de volta ao quarto, pediu ao
mordomo para destrancar o dormitório da empregada e pegou seu telefone
para chamar a polícia.
Jacob havia sido envenenado e ela queria ver quem ousaria puxar a lã
sobre os olhos de Jacob.
"Yvonne ..." Taylor instintivamente chamou Emily pelo nome
anterior. Emily olhou brevemente para ela, enquanto continuava folheando
as interfaces de seu celular. Depois, ela se virou e olhou para Taylor em
confusão.
"Agora que Jacob está no hospital, se você chamar a polícia e deixá-los
revistar a vila em busca do veneno e do culpado, irá ..." Depois de pensar
por um momento, Taylor continuou: "Você não alertaria o inimigo?"
Taylor sabia que Jacob tinha recentemente se envolvido em uma
enorme caça ao homem por Darren para que ele pudesse ser preso, e que
Darren tinha ido para o chão, sem deixar vestígios a serem
encontrados. Jacob havia descoberto onde Darren estava escondido várias
vezes, mas quando ele e seus homens foram prendê-lo, Darren sempre
pareceu estar um passo à frente deles.
Devido a isso, Jacob começou a suspeitar que Darren havia plantado
um espião entre os homens dele ou de Chuck.
Isso exigiu que ele implementasse o plano de prisão em segredo.

Capítulo 1359 Algo Não Resolvido


Emily permaneceu em silêncio por um momento.

Melody e seus romances


Taylor ficou um pouco preocupado. Se a polícia viesse, certamente
haveria grandes notícias sobre o incidente de envenenamento com
Jacob. Então Darren saberia.
Então, Taylor tentou segurar as roupas de Emily, na esperança de
detê-la. No entanto, inesperadamente, Emily sorriu feliz e disse: "Se Jacob
foi envenenado e eu não chamo a polícia, isso também seria estranho.
Hoje, dei um tapa em Lilian, fazendo-a pensar que estou furioso com
seu esquema. Então, Jacob foi levado às pressas para o hospital por causa
de envenenamento. Se eu continuar a escondê-lo do mundo, uma pessoa
inteligente como Darren certamente vai achar estranho e tomar nota. "
O raciocínio de Emily parecia bastante correto para Taylor.
Ela assentiu e perguntou: "O que devemos fazer então?"
"Quando a polícia aparecer, você pode revistar Lilian com cuidado e
interrogá-la. Se ela for verdadeira e tentou matar Jacob, então apenas leve-
a embora. Se eu puder lidar com o espião de Darren desta vez, lidando com
outros que tentam entrar a mansão não seria um problema, "
Emily argumentou.
Taylor achou que era arriscado, mas ela não tinha outra escolha. Ela
era impotente para impedir Emily de fazer o que ela queria. No entanto, a
polícia logo chegou e levou Lilian embora, mas uma busca em seu dormitório
não revelou nenhum veneno.
Lilian se sentiu profundamente magoada e continuou insistindo que era
inocente.
Depois que a polícia passou algum tempo questionando Lilian, eles
também concluíram que Lilian era realmente inocente.
Emily duvidou dessa conclusão. Ela só podia sentar-se ao lado da
cama de Jacob e calmamente ponderar essa questão.
Assim que Jacob acordou, Emily contou a ele o que havia
acontecido. Ela tinha pensado que Jacob iria repreendê-la por ser ignorante
ou atrasar seus planos. Em vez disso, ele riu baixinho, puxou o cabelo de
Emily e disse: "Você fez um bom trabalho. Lilian não pode mais ser
permitida na mansão."
Emily se sentiu aliviada, mas Jacob continuou, "Mas você foi um pouco
imprudente e Lilian escapou sem o castigo que ela tanto merece."
"Deve haver uma punição?" Emily estava confusa.
"Sim, onde ela está agora?" Jacob respondeu com um tom firme.

Melody e seus romances


Emily pensou um pouco. "A polícia deteve Lilian temporariamente na
delegacia para o caso de haver mais perguntas no futuro imediato. Mas se
as provas contra ela não puderem ser apresentadas em 48 horas, ela será
libertada da delegacia."
"Vou mandar o mordomo ir buscá-la. Basta tolerá-la em nossa casa
por um pouco mais de tempo", Jacob estreitou os olhos e disse.
"Por quê?" Emily não entendia o que Jacob estava planejando.
"Eu tenho algo para lidar." Tendo dito isso, Jacob suspirou de
repente. "Estou doente e deitado aqui com paciência, mas você sempre
consegue dizer algo que me deixa preocupado. Você pode mudar de
assunto?" ele disse.
"OK." Emily estava um pouco mimada. Ela riu de repente. "Estou lhe
dizendo, agora que você está aqui no hospital, vou ligar para David e pedir-
lhe para ajudar a administrar os negócios da sua empresa!"
"Sério? Ele está disposto a deixar sua esposa?" Jacob também sentiu
um aperto no coração. Se Emily realmente podia pedir a David para vir e
cuidar da empresa, isso mostraria do que ela era capaz.
Emily balançou a cabeça e disse: "Claro que não! David disse que,
enquanto você não estiver morto, eu não devo perturbá-lo!"
Emily colocou a palma da mão sobre a boca como se tivesse
derramado o feijão sem querer.
Jacob agarrou sua mãozinha macia e disse: "David sempre fala antes
de pensar. Mas não se preocupe. Está tudo bem. Você não precisa pedir
ajuda a ele. Afinal, há funcionários mais do que suficientes na empresa. "
Emily balançou a cabeça e um olhar astuto brilhou em seus olhos
brilhantes. "Embora ele tenha dito isso, eu não acreditei, então liguei para
Rita. Cerca de meia hora depois, David já estava morando no escritório."
Jacob sacudiu o dedo contra a testa de Emily e disse: "Você é tão
inteligente."
"Claro!" Emily estava exalando arrogância, e era óbvio que ela estava
ansiosa pelo elogio de Jacob.
Jacob ficou no hospital por mais três dias, enquanto Emily cuidava dele
o tempo todo. Durante esse período, Tim nunca a verificou, mas o humor de
Emily melhorava a cada dia. Às vezes ela até cantarolava canções, como se
fosse uma senhora rica e despreocupada.
No último dia, Jacob teve alta do hospital, e Emily preparou uma série
de iguarias deliciosas para Jacob, incluindo pés de porco, costela de porco,

Melody e seus romances


carne de camarão, carpa e, claro, bolinhos, que ele não tinha comido no
solstício de inverno.
"Jacob, é do seu agrado?" A mente de Emily estava fixada em Jacob. E
Tim, que não vinha trabalhar há muitos dias, foi chamado para almoçar com
eles.
"É delicioso. Mas há tantos pratos diferentes. Por favor, coma
alguns!" Jacob gesticulou para Emily comer vários dos pratos, mas depois de
um tempo, ela balançou a cabeça e disse que não estava com fome.
Jacob não teve escolha a não ser terminar sua refeição o mais rápido
possível e dar a tigela de Emily para ela. Com a ajuda dele, Emily comeu
muito.
Todos os dias depois do almoço, Emily descansava um pouco, colocava
os pés para cima e relaxava.
Jacob tremulamente serviu uma xícara de chá para Tim e disse: "Emily
parece muito feliz e relaxada desde que fui hospitalizado, mas parece que
ela precisa que eu a alimente ou não quer comer!"
"É uma espécie de barreira de dependência. Na percepção dela, se ela
se recusar a comer qualquer coisa, você vai ceder e alimentá-la! Quando a
Sra. Gu olhou para você, seus olhos estavam cheios de admiração. Você se
tornou tudo para ela agora. Nós também pode considerar que este sintoma
foi causado pelo seu envenenamento. Ela foi dominada pela preocupação por
você ", disse Tim diretamente.
"Isso também é um sinal da doença?" Embora Jacob realmente
quisesse que Emily confiasse nele, ele não queria que ela se tornasse uma
eremita total e se escondesse - tudo dependia dele agora.
Ele era um homem que sempre enfrentou situações perigosas de
frente. Se um dia algo de ruim realmente acontecesse com ele, o que Emily
faria?
Jacob não conseguia sequer considerar uma questão tão hipotética.
"Talvez você possa testar a teoria. Você não deveria alimentar a sra.
Gu. Se ela não sentir fome depois de dois dias, isso significa que ela está
sofrendo de uma doença psicológica, que precisa ser tratada com
remédios." “Achei que a condição dela havia melhorado. Por que isso
aconteceu de novo? ' Tim se perguntou.
Quando ele poderia finalmente se livrar da pressão que Jacob estava
colocando sobre ele para salvar Emily?

Melody e seus romances


"Ok, vou tentar!" Jacob sentiu vergonha de forçar o tratamento a
Emily, mas não queria que ela sofresse de depressão incurável.
"Sr. Gu, acho que preciso voltar para minha cidade natal por uma
semana. Meu assistente e o Dr. Tang vão segurar o forte por alguns dias",
acrescentou Tim.
"Vou te dar três dias!"
Jacob disse. Vendo a expressão envergonhada no rosto de Tim, Jacob
continuou: "Depois de quatro dias, não vou mais precisar do seu assistente.
Você só precisa entregar o trabalho para Taylor."
"OK!"
Com isso, Tim se levantou e saiu.
Jacob não foi ao quarto de Emily, mas se dirigiu ao local onde Lilian
estava limpando os canteiros de flores. Vendo Jacob se aproximando, o rosto
de Lilian imediatamente ficou vermelho. Antes que ele dissesse qualquer
coisa, ela disse rapidamente: "Obrigada, Sr. Jacob!"
"Obrigado?" Seus olhos estavam desprovidos de emoção e seus olhos
estavam fixos e fixos.
Mas Lilian ergueu a cabeça corajosamente para olhar diretamente para
Jacob e disse alegremente: "Obrigada, Sr. Gu, por me dar a chance de
manter meu emprego aqui."
"Sério, é mesmo? Então você pode ter entendido mal minhas ordens.
Eu pedi para você ficar só porque o problema ainda não foi resolvido!" Jacob
zombou.

Capítulo 1360 Desenterrando o Traidor


A expressão de Lilian mudou instantaneamente, e sua alegria se
transformou em pânico. As palavras de Jacob fizeram seu coração tremer, e
ela queria desesperadamente deixar escapar que não tinha feito de
propósito.
Mas ninguém quis ouvir sua explicação, assim como a polícia se
recusou a ouvi-la na delegacia. Eles a ameaçaram para tentar fazê-la
confessar. Se ela não tivesse mantido sua inocência e não tivesse ignorado o
chamado envenenamento, ela estaria na prisão agora.
"Sr. Gu ..." Lilian implorou, abaixando a cabeça ainda mais e se
preparando para rastejar.
Jacob não respondeu, simplesmente acenou com a mão. De repente,
três homens apareceram atrás dele.

Melody e seus romances


Os homens usavam máscaras e óculos escuros, disfarçando suas
identidades e formando uma presença intimidante e ameaçadora. Lilian não
pode deixar de dar alguns passos para trás com medo.
Jacob nem pareceu notar o pânico de Lilian. Ele apenas riu brevemente
e malevolamente. "Mutile as mãos dela e descubra seu propósito em minha
casa!"
"Sim senhor!"
Ouvindo suas ordens, Lillian estremeceu, mas esses homens que
estavam falando sobre este negócio cruel estavam tão calmos, como se
estivessem apenas conversando um pouco.
"Sr. Gu ..." A voz de Lilian estava fina e trêmula. Vendo a escuridão
nos olhos de Jacob, ela repentinamente mudou de tom. "Sr. Gu, eu estava
apenas ..."
"Faça agora", Jacob reiterou friamente.
Ele nunca se permitiu as explicações fracas de outras pessoas. Ele
havia investigado tudo sobre o assunto e tinha certeza de que sabia muito
mais do que aquela garota. Ele olhou em volta e então se virou.
Mas logo depois que Jacob saiu, um dos homens de repente ficou na
frente dos outros dois e abriu os braços como se quisesse proteger
Lillian. “Se realmente quebrarmos suas mãos, a vida da garota ficará
arruinada para sempre”, disse ele.
"Ninguém pode desobedecer à ordem do Sr. Gu!" outro homem
respondeu com uma voz sombria.
"Ei, senhores, por favor. Eu posso sair agora. Por favor, me soltem, e
eu vou sair agora. Na verdade, eu só vim aqui por dinheiro. Não quero ter
nada a ver com o Sr. Gu . " Na verdade, ela não estava trabalhando para
Darren. Ela havia feito seus atos por dois motivos. Uma era que ela
pretendia seduzir Jacob porque se considerava uma mulher bonita, enquanto
Jacob era bonito e rico.
O segundo motivo era o dinheiro. Ela entrou no quarto de Emily para
fazer uma busca porque alguém a pagou para fazer isso.
"Bem, não se mova. Deixe-me pensar em como posso ajudá-la", disse
o homem que protegera Lillian de repente. Ele então se virou. Embora Lilian
não pudesse ver seus olhos por trás dos óculos de sol pretos, ela pensou
que eles deviam estar cheios de ternura agora.
"Obrigado, gentil senhor!" Lilian de repente começou a chorar, com as
mãos tremendo incontrolavelmente. Se suas mãos fossem mutiladas, ela se

Melody e seus romances


tornaria inútil, uma mulher inválida que nunca mais poderia trabalhar ou
ganhar a vida.
"Vocês dois realmente têm coragem de ver uma jovem sendo tão
injustiçada?" o homem perguntou a seus dois companheiros.
Uma nuvem de constrangimento pairou no ar. Depois de cerca de um
quarto de hora, os três homens finalmente chegaram a um consenso de que
iriam encontrar um lugar secreto para onde a pobre Lilian pudesse escapar!
Lilian estava profundamente grata a esses três homens desconhecidos.
Depois que os três saíram, Lilian se voltou para o jardim para se
esconder. Ela se enrolou sob alguns arbustos, tremendo de medo. Ela temia
que Jacob voltasse para lidar com ela antes que os três homens pudessem
encontrar uma saída.
Um som farfalhante veio de perto. Lilian estava com tanto medo que
seu couro cabeludo formigou de dormência. Ela estava com medo de que
fosse Jacob. Ela enfiou a mão no pescoço e olhou para a figura. Foi uma
mulher. Lilian chamou incrédula: "Rosa?"
"Sou eu!"
A mulher fora do canteiro de flores de repente se aproximou. Ela se
abaixou para as plantas e acenou para Lillian. "Na verdade, estive aqui todo
esse tempo. Mas eu vi o Sr. Gu aqui com você, então me escondi embaixo
de algumas plantas longe de você", disse ela.
Ela também estava vestida com um uniforme de empregada, mas era
mais velha que Lilian.
"Rosa, estou com tanto medo. O Sr. Gu disse que mutilaria minhas
mãos!" Vendo que a mulher realmente era Rosa, Lilian rapidamente ficou de
joelhos e correu para abraçá-la com força.
"Não tenha medo. Eu ouvi o que eles disseram agora. Mas sua garota
boba, você não deveria fugir!" Uma luz intrigante brilhou nos olhos de
Rosa. Ela era realmente uma mulher insidiosa.
Quando Lilian veio pela primeira vez à Mansão Tyrone, ela foi treinada
por Rosa. Na mente de Lilian, Rosa era como uma irmã mais velha para ela.
Lilian confidenciou a Rosa que ela havia vivido no campo e que seu pai
era um bêbado de longa data. Sua mãe havia levado sua irmã mais nova
para escapar dos horrores desta vida. Ela precisava desesperadamente de
dinheiro. Ela pensava que ganharia muito dinheiro enquanto trabalhasse na
Mansão Tyrone, mas descobrira que seu salário era apenas um pouco mais
alto do que o das pessoas comuns.

Melody e seus romances


E ela estava desesperada por dinheiro.
Portanto, Lilian concordou em trabalhar secretamente para um dos
parentes de Rosa por dinheiro.
Ela tinha sido paga para ir ao quarto de Emily e Jacob tirar algumas
fotos dos arquivos na mesa. Ela acreditava que era uma tarefa muito fácil e
inofensiva. Ela só precisava tirar algumas fotos e receberia trinta mil
dólares. Isso era muito dinheiro para Lilian.
Mas ela não esperava que Jacob voltasse para casa tão cedo. Antes
que ela pudesse limpar os arquivos espalhados, ele entrou no quarto.
Depois desse incidente, Lilian ficou com medo e nervosa. No entanto,
Jacob e Emily agiram como se nada tivesse acontecido depois, então ela se
atreveu a torcer para que eles não tivessem suspeitado dela, e ela relaxou
um pouco. No entanto, seu pai tinha se endividado por causa do jogo, então
ela teve que pedir ajuda a Rosa novamente.
Rosa não teve escolha a não ser emprestar-lhe 3.000 dólares. No
entanto, 3.000 eram apenas a ponta do iceberg e não podiam cobrir toda a
dívida crescente do pai de Lilian.
Rosa suspirou. "Garota boba, não chore. Se os três homens voltarem e
pedirem que você saia, por favor, não concorde. Você deveria preferir deixá-
los cortar suas mãos do que fugir!"
"O que? Por que?" Lilian levantou a cabeça e perguntou com lágrimas
de confusão nos olhos.
"Você não trabalha na Mansão Tyrone há muito tempo e ainda não
sabe que homem poderoso e sem coração é o Sr. Jacob. Ele nunca permitiria
que seus subordinados o traíssem. Esses três homens são obviamente seus
guarda-costas. Cada um dos seus guarda-costas assinaram uma promessa
de vida ou morte a Jacob, e eles nunca desistiriam de suas vidas para salvá-
lo. "
Lilian entrou em pânico novamente. "Se eu não fugir, vou realmente
perder minhas mãos se eu ficar?"
"O que você estava pensando naquela hora? Por que você fez isso com
Jacob?" Rosa suspirou e acrescentou: "Todos os criados aqui sabem que se
comportam bem".
"Percebi que Jacob não estava se sentindo bem naquele momento,
então eu queria ajudá-lo. Mas quando Emily abriu a porta, fiquei ansioso
para fazê-la entender mal nosso relacionamento. Eu queria provocar uma
briga entre eles, para que Eu posso ter a oportunidade de estar com Jacob! "

Melody e seus romances


"Como você era boba! O que te fez pensar que Jacob iria gostar de
você?" Rosa suspirou e não pôde deixar de se ressentir de Lilian por sua
estupidez.
Tendo planejado usá-la, Rosa agora descobriu que ela era
completamente inútil.
"Eu ..." Lilian não se atreveu a explicar que havia lido sobre esses tipos
de cenários em romances.
Embora Rosa não fosse muito mais velha do que Lilian, ela era mais
sábia do mundo. Assim que ouviu passos se aproximando à distância, ela
ficou alerta e olhou para a porta dos fundos do viveiro de flores. "Estou
saindo agora. Lembre-se, não siga a sugestão deles! Segui-los será apenas
outra maneira de morrer.
Defenda-se com a lei como arma. Até Jacob tem que respeitar a lei, e
ele sabe disso. Rosa saiu correndo depois de lembrar Lilian.
Lilian ainda estava soluçando. Incentivada por Rosa, ela agarrou com
firmeza seu telefone celular e parou na frente das três. Ela disse: "Já pensei
sobre isso. Não posso sair daqui com você!"
"Já planejamos uma rota de fuga segura para você. Como você pode
voltar atrás em sua palavra agora?" um homem perguntou com raiva.
"Não, não vou embora. Não cometi nenhum erro. Não fui eu quem fez
com que o Sr. Gu fosse hospitalizado. Se eu sair com você, isso só prova
que sou culpado e não sou. O que acontecerá com o meu registro de
emprego, então? "
Lilian assoou o nariz e cobriu o rosto com a mão trêmula. "Eu estava
tentando ajudar o Sr. Gu naquela noite, e sua esposa simplesmente me deu
um tapa sem motivo. Fui acusado injustamente e fui interrogado pela polícia
na prisão, mas eles não têm provas. Agora o Sr. Gu até ameaçou mutilar
minhas mãos. Não tenho direitos humanos básicos neste mundo?
Você realmente acha que os ricos podem fazer o que quiserem? Seus
servos nem mesmo são humanos aos seus olhos? "
De alguma forma, Lilian parecia ter mudado e encontrado uma coluna
vertebral ao enfrentar esses homens.

Capítulo 1361 A Morte de Charlie


Naquele momento, as mãos de Lillian ainda tremiam.

Melody e seus romances


Então, ela levantou o telefone e gritou no receptor em uma voz quase
desesperada e tremendo de medo: "Polícia, ajude! Jacob Gu, o dono da
Mansão Tyrone, quer me matar!"
Na verdade, antes que os três guarda-costas voltassem para ela, Lilian
já havia chamado a polícia.
Ela percebeu que o que Rosa havia dito fazia sentido. Os três homens
não escolheriam trair Jacob por causa dela.
Deve ser uma conspiração contra ela.
Como resultado, Emily perdeu uma boa noite de sono por causa das
travessuras de Lilian. Os policiais vieram e levaram Lilian e Jacob para a
delegacia.
Emily estava tão preocupada com ele. No final, ela ligou para Jacob
várias vezes para descobrir o que estava acontecendo.
Jacob continuou a tranquilizá-la de que estava bem e que nada de
ruim estava acontecendo até que Emily finalmente se sentiu aliviada. Ela
desceu e preparou uma comida deliciosa para ele, esperando que ele
voltasse para o jantar.
No entanto, já era meia-noite quando Jacob chegou em casa. Emily
ficou sentada segurando Emi nos braços, olhando para os pratos de comida
na mesa, completamente distraída. Quando ela viu Jacob entrar, ela
rapidamente se levantou e foi até ele antes de aquecer a comida enquanto
expressava sua preocupação.
Jacob acariciou o cabelo de Emily e disse: "Já é tão tarde. Você ainda
não jantou?"
Emily ficou chocada porque isso nem havia ocorrido a ela, e ela
balançou a cabeça. "Não."
“Resolvemos o problema da empregada. De agora em diante, você é
responsável pela limpeza da casa. Se sentir cansaço, pode avisar a
empregada, e podemos pedir a ele que mande um ex-empregado vir fazer o
serviço. " De acordo com a sugestão de Tim, ele sabia que era melhor
manter Emily ocupada. Seria útil para Emily desviar sua atenção de Jacob
para coisas que eram mais imediatas e concretas, como limpar a casa.
"OK." Emily sorriu de repente como se um pensamento tivesse
ocorrido a ela. Ela perguntou: "Já que resolvemos o mistério do homem de
Darren, ele ..."

Melody e seus romances


"Lilian não trabalha para Darren." Jacob abraçou Emily novamente. Ele
suavemente acrescentou, "Agora, a Mansão Tyrone está segura. Os homens
de Darren ainda não penetraram em nossa equipe."
"Então quem é ela ..." Emily pensou que Jacob estava apenas tentando
confortá-la.
"Ela é apenas uma garota do campo sem cérebro que teve que
trabalhar para pagar a dívida de jogo de seu pai. Você não precisa se
preocupar mais com ela. Emily ..." Jacob suspirou. "Tudo que eu quero é que
você viva feliz todos os dias e cuide de Emi. Eu cuidarei de todo o resto."
"OK." Emily acenou com a cabeça e disse: "A propósito, querida, eu fiz
um cheesecake hoje. Você tem que ..."
Antes que Emily pudesse terminar de falar, o celular de Jacob
tocou. Era de Chuck. Ele informou a Jacob que o Doutor Charlie estava
morto.
Charlie era o médico-chefe que tratou Darren do ferimento à bala.
Jacob agarrou o telefone com força em seu punho e não pôde evitar
xingar, "Bastardo!" Seu aperto foi tão forte que os nós dos dedos ficaram
brancos.
Nesse ínterim, Emily aqueceu os pratos de comida e os colocou na
mesa um por um. Quando Jacob se sentou, ela perguntou: "É um grande
problema?"
"Darren desrespeita totalmente a lei." Jacob disse: "É
inimaginavelmente difícil pegar alguém como ele. Ele conhece a letra da lei e
é bom em tirar vantagens de brechas legais."
Jacob sabia que Emily havia preparado a comida para ele, mas ele não
tinha apetite nenhum. Darren era como um rato fedorento de esgoto; não só
sujo, mas também sorrateiro.
Ele não só podia evitar suas tentativas de prendê-lo todas as vezes,
mas também criar problemas para eles repetidas vezes.
"Jacob, você deve comer algo primeiro." Já que Jacob estava na
delegacia há muito tempo, Emily temia que ele estivesse morrendo de fome
agora. Jacob olhou para ela e concordou, "Ok, mas você deveria comer
comigo."
Emily queria dizer que não estava com fome, mas quando viu o rosto
cansado de Jacob, foi até a cozinha pegar uma tigela e um par de hashis
para ela. Então, ela se juntou a ele e comeu devagar.

Melody e seus romances


Jacob estava bastante satisfeito por ela estar melhor. Pelo menos,
parecia que Tim estava errado ao dizer que ela só comeria a comida que ele
lhe dava.
"Jacob, o Tim me mandou dois ingressos de cinema para um cinema
na zona sul da cidade. O filme é sobre a história de um psicólogo. Queria
convidá-lo para ir assistir comigo, mas você tem estado ocupado
recentemente .. . ”Emily hesitou por um momento e continuou,“ Então eu
convidei Taylor para ir assistir o filme comigo amanhã ”.
"Ok, contanto que você esteja feliz." Pelo que Emily podia se lembrar,
Jacob não gostava de Taylor em nada.
Então, ela sentiu que era necessário informá-lo sobre com quem ela
estava indo.
Jacob ainda estava preocupado com a segurança de Emily. Na manhã
seguinte, enquanto Emily ainda estava dormindo, ele ligou para Taylor para
avisá-la para proteger Emily com sua vida.
Depois que Emily saiu, Jacob foi cuidar dos negócios de Charlie.
"Você não pode levar animais ao cinema", disse Taylor assim que viu
Emily com Emi nos braços. Taylor tinha pensado que Emily viria sozinha
hoje, mas ela também trouxe Emi com ela. Emily respondeu: "Tudo bem,
vou levar Emi à loja de animais para um banho e tratamento profissional
para cães."
"Tudo bem, vamos fazer isso agora. Temos tempo suficiente para ir às
compras primeiro e depois almoçar. Iremos ao cinema alguns minutos antes
do filme começar. O que você acha?" Enquanto Taylor falava, ela acariciava
carinhosamente a cabeça de Emi. Ela então continuou: "Há uma nova loja de
pratos quentes. Ouvi dizer que o pão de sorvete deles é excelente."
"A loja de hotpot também vende pão de sorvete?" Emily perguntou
incrédula.
"Quando você comer uma panela quente, vai ser bom refrescar-se com
um sorvete depois, não acha? Aliás, eles oferecem tantos alimentos
diferentes que você nem conhece." Taylor falava com tanta vivacidade ao
falar sobre comida que quase teve vontade de voar até aquela loja para
acalmar sua boca salivando.
Emily não estava muito interessada em comida, então ela
simplesmente respondeu com indiferença: "Tudo bem."
Enquanto Taylor falava, ela observava de perto a expressão facial de
Emily. Ela tinha notado que Emily só mostraria algum interesse real quando
se tratasse de Emi.

Melody e seus romances


Taylor não conseguiu evitar um suspiro. Embora a hipnoterapia e os
medicamentos fossem importantes no tratamento da depressão, a
mentalidade de Emily também era um fator importante.
Agora, ela começava a se ver como o apêndice de Jacob. Claramente,
ela não queria ficar longe dele.
Não havia muitas pessoas circulando no shopping. Ainda era muito
cedo para o almoço, então Taylor arrastou Emily pelo shopping por um
tempo. Assim que a loja do hotspot abriu, eles entraram como os primeiros
clientes do dia.
Um garçom educado anotou os pedidos. Taylor pediu peixe, carne e
vegetais para a sua panela quente.
Quando a comida chegou, Taylor encheu uma tigela grande com
comida para Emily, mas Emily não tinha apetite.
"Emily Ke, ouvi dizer que você nem tomou café da manhã!" Taylor
usou seu nome completo, o que implica que ela agora estava com muita
raiva!
Ela pegou os pauzinhos e os colocou nas mãos de Emily, dizendo:
"Coma um pouco ou seu marido me responsabilizará."
"Eu não estou com fome!"
Emily falou apenas três palavras, mas Taylor ficou furioso e bateu com
força na mesa. Naquele momento, uma garçonete passou por sua mesa e
ficou chocada com a explosão de Taylor. Ela perguntou rapidamente:
"Senhorita, como posso ajudá-la?"
"Por favor, vá embora. Estou ensinando uma lição a essa garota
ignorante!" Taylor cerrou os dentes com uma raiva
incandescente. Obviamente, ela estava toda empolgada agora.
Emily ficou boquiaberta com ela, estupefata. Ela apontou para si
mesma, murmurando: "Eu? Uma garota ignorante?"
Taylor concordou. A garçonete deixou o "campo de batalha" correndo,
pois não ousava interferir no conflito dessas duas mulheres.
"Emily, você tem idade suficiente para pensar sobre as coisas por si
mesma. Você realmente quer se agarrar a Jacob para sempre usando a
desculpa de sua doença? Você não tomou café da manhã, e agora se recusa
a almoçar. Pergunte a si mesma, é isso realmente porque você não está com
fome? "
A maneira como Taylor se dirigiu a Emily foi como um leão
furioso. Vendo que Emily permaneceu em silêncio, Taylor deu um tapinha na

Melody e seus romances


cabeça de Emily e disse: "Pense bem em sua cabecinha. Que benefício você
terá se deixar ir e se entregar a sua doença assim?"
"Eu realmente não estou com fome!" Emily insistiu inocentemente com
lágrimas brilhando em seus olhos.
Sua expressão triste amoleceu o coração de Taylor, que mordeu os
lábios e disse em um tom frio, "Você ainda tem que comer algo, mesmo se
você realmente não estiver com fome. Bem, você ainda está esperando
Jacob para alimentá-la? Você não está criança mais! Coma! "

Capítulo 1362 Interceptação inesperada


O rosnado zangado de Taylor deixou Emily ainda mais confusa. Então,
ela agarrou os pauzinhos rapidamente e murmurou como uma criança que
fez algo errado, "Tudo bem, tudo bem, eu comerei. Não fique tão zangado."
Ao ouvir essas palavras, Taylor ficou pasmo. Então Emily só tinha
entendido que ela queria que ela comesse? Esse não tinha sido seu
verdadeiro propósito. Ela queria que ela não fosse tão dependente de Jacob.
Mas pensando bem, a briga parecia ter sido sobre a relutância de
Emily em começar a comer. Taylor suspirou e finalmente agarrou seus
hashis e serviu um pouco de comida para ela.
Depois de assistirem ao filme, estava ficando tarde e a noite se
aproximava. Emily verificou seu pulso e disse: "Eu tenho que ir para casa.
Emi pode estar muito infeliz, já que ela não me viu o dia todo."
"Deixe-me levá-lo para casa."
Na verdade, Emily não estava apenas preocupada com Emi, mas
também com Jacob, que ela não tinha visto desde o café da manhã. Ela não
sabia se ele havia comido hoje e como foi a busca por Darren.
Mas como Taylor havia insinuado que ela dependia excessivamente de
Jacob, Emily só poderia usar Emi como desculpa para ir para casa mais
cedo.
O carro dirigia firmemente na estrada. Ao passar por uma zona recém-
desenvolvida, Emily ficou impressionada com a paisagem ao longo do
caminho. Fazia muito tempo que era inverno, mas esta área ainda era linda.
Embora todas as árvores em outras áreas tivessem murchado com o
inverno, as plantas nesta área ainda pareciam lindas, como se não tivessem
sido influenciadas pela estação.
Mais importante, as linhas desenhadas na estrada eram coloridas como
arco-íris.

Melody e seus romances


O brilho do sol se pondo banhou tudo ao redor deles em tons rosados,
tornando-os bonitos e relaxantes.
"Algo está errado aqui", disse Taylor de repente em um tom
vigilante. Emily virou a cabeça para olhar para Taylor e viu que seu rosto
estava sério. Ela rapidamente ficou tímida e perguntou com medo: "O que
há de errado?"
"Há três carros nos seguindo", disse Taylor.
"Talvez eles estejam apenas indo na mesma direção que nós?" Emily
confortou: "Se realmente houvesse bandidos nos seguindo, não seriam
apenas três carros!"
Como se falasse do diabo, outro carro de repente se aproximou deles,
vindo pela frente. Ao mesmo tempo, os três carros atrás deles aceleraram,
correndo na direção deles. Taylor, estando hiper vigilante, fez uma curva
rápida e conseguiu escapar do carro à sua frente!
Mas suas habilidades de direção não eram tão desenvolvidas quanto as
dos motoristas dos outros três carros. Logo, ela foi encurralada pelos quatro
carros novamente.
Ela foi forçada a parar e bateu com força no volante. Ela
imediatamente ligou para Louis e instruiu Emily para ligar para Jacob
imediatamente.
Infelizmente, apenas Louis atendeu seu chamado; Emily não conseguia
falar com Jacob.
"Não seja tão teimoso. Saia do carro agora!" um homem gritou com
eles depois que ele enfiou a cabeça para fora de uma das janelas do
veículo. Ele estava com um sorriso sombrio no rosto.
Taylor não se atreveu a abaixar a janela para responder, e ela só pôde
pedir a Emily que desabotoasse o cinto de segurança. Então, ambos se
arrastaram para baixo do painel com os braços protegendo a cabeça. Eles
tentaram desesperadamente pensar em uma saída.
Taylor estava com medo de que Emily se tornasse emocionalmente
instável com o medo, então ela fez o possível para parecer menos
assustada, dizendo: "Emily, não tenha medo desses caras. Estamos seguros
no carro e eles não podem nos machucar . "
"Sim!"
A resposta firme de Emily aliviou as preocupações de Taylor. Quando
pensaram que estavam seguros dentro do carro, de repente ouviram o
estrondo de um tiro.

Melody e seus romances


Emily soltou um pequeno grito de pavor. Então ela disse com a voz
trêmula: "É melhor eu chamar a polícia."
"Sim, ligue para eles. Mas temo que eles não cheguem a
tempo." Taylor então sugeriu: "Se realmente não houver outra solução,
podemos ligar o carro e tentar partir".
"Não. O tiro foi obviamente apontado para o nosso volante. Mesmo se
você pudesse ligar o carro, ele não permaneceria equilibrado enquanto
dirigia. Além disso, se aqueles homens mirassem na janela da próxima vez
..."
Quanto mais Emily pensava nisso, mais o medo consumia seu
coração. Ela só conseguiu balançar a cabeça e tentar não fazer
suposições. Certamente as consequências seriam piores do que ela poderia
imaginar.
Os bandidos que os cercaram pareceram silenciar depois de chamarem
a polícia.
Taylor esticou ligeiramente o pescoço, encostou-se à porta e espiou
pela janela. Os quatro carros ainda estavam lá.
"Eles parecem estar dando partida em um dos carros!"
Taylor se sentiu exultante e disse: "Talvez eles estejam saindo porque
não podem nos tirar do carro."
"EU realmente espero!"
Na verdade, Emily não compartilhava do otimismo de Taylor.
Antes que pudessem pensar mais sobre isso, eles ouviram o som de
rodas rangendo. Então, o carro bateu no carro de Taylor com uma força
tremenda. Emily e Taylor gritaram e se encolheram ainda mais, sem saber o
que fazer a seguir.
Emily agarrou a cabeça e murmurou: "Não, vá embora, estou
morrendo!"
Sabendo que Emily estava prestes a desmaiar, Taylor rapidamente
sacudiu seu ombro e disse: "Emily, seja forte. Não deixe suas emoções
assumirem o controle de você."
Emily simplesmente acenou com a cabeça desesperadamente.
Taylor queria tranquilizar Emily, mas ela descobriu que não havia
trazido sua bolsa usual hoje e não tinha remédio. Ela gesticulou para Emily
ficar quieta e disse resolutamente, "Emily, Jacob me pediu para protegê-la.
Então eu vou sair e distraí-los, e você se esconder aqui."

Melody e seus romances


"Não vá lá fora!" Emily gritou como se tivesse acabado de acordar de
um sonho.
"Acho que eles só querem nos capturar, não nos machucar",
acrescentou Taylor, tentando acalmar Emily.
Emily balançou a cabeça desesperadamente, e suas lágrimas estavam
riscando caminhos prateados por seu rosto pálido. "Não vá lá. Você vai
morrer!"
"Mas este carro não pode resistir a outro ataque. Se eu ficar aqui, nós
dois seremos mortos. Não estou mais com medo. Sua condição está
melhorando, e Louis cuidará de Amy por mim. Realmente não tenho medo
da morte. "
No entanto, a voz de Taylor estava tremendo.
Ela estava com medo da morte, é claro.
Vendo que Emily não respondeu, Taylor lentamente se encostou no
banco do carro e ergueu as mãos para mostrar sua rendição.
O carro, que estava acelerando para atingir o carro de Taylor
novamente, parou em um instante. Os três homens desceram do
carro. Taylor também abriu a porta e saiu. Ela disse com voz decidida, mas
trêmula: "Eu irei com você."
"Queremos vocês dois. Vocês dois vêm conosco!" o homem de preto
disse.
Com o desespero martelando em seu coração, Taylor deu um sorriso
amargo e disse: "A mulher no carro é minha paciente. Você não pode levá-la
embora."
"Essa menina é a namorada de Jacob. Vou levar vocês dois comigo." O
homem vestido de preto sorriu, e parecia que estava executando um plano
bem pensado.
"Ok, ok! Eu vou com você!" Emily chamou de repente de dentro do
carro.
Taylor se virou para olhar para Emily. Embora houvesse lágrimas no
rosto de Emily, ela estava tentando manter a calma. Se eles estivessem em
qualquer outra situação, Taylor a teria abraçado e encorajado dizendo:
"Muito bem! Você tem melhor controle de suas emoções e é um grande
progresso."
Taylor, ainda tentando confortar Emily, disse: "Não se preocupe. Já
disse a seu irmão onde estamos."

Melody e seus romances


Emily concordou.
Os homens se aproximaram e os subjugaram rudemente. Eles
vasculharam todos os seus pertences e pegaram o celular de Taylor.
Taylor estava com tanto medo, mas ela também estava feliz que
aqueles homens tivessem levado seu celular. Dessa forma, Louis seria capaz
de rastrear sua localização.
"Entra no carro!" o homem gritou para eles, e então eles foram
arrastados para o outro carro.
Vendo o rosto pálido de Emily, Taylor ficou com medo de que ela
sofresse um colapso nervoso novamente por causa de todo o estresse, então
ela conversou com as pessoas no carro, tentando distrair a atenção de
Emily. "Existem tantas profissões para escolher neste mundo, por que você
escolheria ser rufião?"
"Tantas profissões? Essas são reservadas apenas para vocês,
ricos!" disse o homem no banco do passageiro, conversando com Taylor.
Ele acrescentou com um sorriso de escárnio: "Homens como nós só
podem seguir nosso chefe".
"E quem é o seu chefe?" Taylor continuou perguntando.
O homem no banco do passageiro bufou: "Vadia! Como se atreve a
perguntar o nome do meu chefe? Que direito tem uma vadia como você?"
"Você quer dizer que só uma cadela pode perguntar o nome do seu
chefe, certo?" Emily se intrometeu. Taylor ficou tão surpreso que Emily
poderia contar uma piada neste momento. Ela começou a torcer para que a
saudável e confiante Emily tivesse retornado.

Capítulo 1363 Um Jogo


O homem sentado ao lado do motorista ficou atordoado e
repentinamente furioso. Ele girou em seu assento e olhou ferozmente para
Emily. "Que diabos você está falando?"
Emily manteve a calma e explicou sem pressa: "Eu disse, você quer
dizer que só uma cadela pode saber o nome do seu chefe? É uma pena.
Tanto o Dr. Tang quanto eu somos boas mulheres, então não podemos
saber o nome do seu chefe. "
Embora Taylor soubesse que ela não deveria rir, dada a situação, ela
ainda não pôde deixar de dar uma risadinha.

Melody e seus romances


O homem no banco da frente de repente jogou todo o corpo para trás,
tentando agarrar o rosto de Emily, mas o motorista gritou: "Ron, não aja tão
precipitadamente!"
Suas palavras fizeram Emily e Taylor soltarem um suspiro coletivo de
alívio.
No entanto, assim que eles haviam resolvido o medo, o homem no
banco do motorista falou novamente, dizendo: "Ron, jogue fora o telefone!"
Suas palavras realmente gelaram o coração de Taylor.
Com uma sensação de pavor em seu coração trêmulo, ela observou o
homem chamado Ron jogar seu telefone pela janela.
Depois disso, o carro acelerou ainda mais. Depois de passar por três
encruzilhadas consecutivas, o carro deu uma guinada e seguiu na direção
oposta.
"Para onde você está nos levando?" Perguntou Taylor.
"Não se preocupe. Eu sei que você quer ver Louis, e ela quer ver
Jacob. Vou conceder os dois desejos", disse o motorista em uma voz fria,
brevemente olhando para eles pelo espelho retrovisor.
Emily estremeceu convulsivamente quando ouviu o nome de Jacob, e
sua fachada calma desmoronou em um instante. Taylor rapidamente
envolveu seus braços em volta de Emily, e o homem no banco da frente
zombou, "Ela é apenas uma vadia psicopata. Eu realmente não sei por que
Jacob se preocupa tanto com ela."
"Você tem esposa e filho? Acho que você não tem mulher, filho ou
pais, porque você não conhece o amor e ninguém poderia amar alguém
como você!" Taylor zombou.
Nem é preciso dizer que Taylor tinha uma capacidade inata de irritar
as pessoas de uma forma excepcional.
Se o carro não estivesse se movendo, o homem no banco do
passageiro provavelmente teria saído do carro para bater nela.
Depois de chegar ao destino, o homem no banco da frente saltou e
rudemente agarrou Taylor pela nuca antes de arrastá-la para um depósito
cheio de gasolina.
Antes de partir, ele não se esquecia de lembrar às duas mulheres para
não agirem precipitadamente, ou ele ficaria excitado e iluminaria o
armazém.

Melody e seus romances


Emily estava à beira de um colapso. Tudo o que Taylor pôde fazer foi
confortá-la lentamente e dizer-lhe para não ter medo enquanto a abraçava
com força.
Mas depois que Emily sentiu os braços em volta dela, ela lutou
desesperadamente como se seu corpo estivesse sendo prejudicado por
algo. Ela se livrou do abraço de Taylor e suas mãos agarraram o ar com
violência e loucura.
Ela continuou gritando: "Estou condenada. Jacob não pode vir!"
Sua boca mal se abriu e sua voz soava rouca como se tivesse sido
queimada por um incêndio.
Taylor não podia fazer nada além de deixar sua raiva
loucamente. Então Emily parou de repente, congelou no lugar, e seu corpo
amoleceu quando ela desmaiou.
Não havia remédio para aliviar o colapso nervoso de Emily. Embora
Taylor soubesse que às vezes a depressão não podia ser controlada, o
coração de Emily estava na verdade muito mais forte do que eles
imaginavam.
Não havia situação que não pudesse ser controlada, a menos que ela
não estivesse disposta a controlar suas emoções negativas.
Taylor deixou Emily descansar em suas pernas para que ela ficasse
mais confortável. Depois de muito tempo, Emily acordou e a primeira
palavra que saiu de sua boca foi: "Jacob!"
"Como você está se sentindo?" Taylor perguntou e suspirou.
Emily sentou-se do chão, lembrando-se de sua histeria antes de
desmaiar. Ela apertou os lábios e murmurou: "Estou muito melhor."
"Você precisa se controlar melhor. Não deixe suas emoções engolirem
você", Taylor instruiu com uma voz cansada.
"Vou tentar o meu melhor para me controlar." Emily sabia que o
princípio por trás de controlar suas emoções era minimizar o pânico e o
desespero em seu coração, e ela não deveria ser tão pessimista sobre tudo.
Mas quando ela ouviu o nome de Jacob, ela imediatamente entrou em
pânico.
"Você tem que aprender a ficar em seus próprios pés. Jacob não pode
protegê-lo pelo resto de sua vida. Mesmo se vocês dois vivessem uma vida
segura, vocês dois podem não morrer ao mesmo tempo. , deixe-me deixar
claro para você, e aqui está o inferno humano, nós, seres humanos, não
temos nenhuma utilidade. Sejamos velhos ou jovens, todos morreremos

Melody e seus romances


definitivamente. A única maneira de deixar um legado é fazer algo de bom e
tornar-se famoso, ou fazer algo ruim e se tornar notório ", continuou Taylor.
Emily queria refutar o que Taylor dissera, mas não encontrou palavras
que pudessem servir a esse propósito.
Vendo a expressão confusa no rosto de Emily, Taylor sorriu e disse:
"Deixe-me dizer algo que provavelmente não deveria dizer. Olhe para esses
homens. Por que eles nos trouxeram aqui?"
"Para conhecer Jacob e meu irmão?" Emily ofereceu ceticamente.
"Acho que provavelmente é o caso. Para sobreviver, entramos em
contato com os dois", disse Taylor. Depois de um breve silêncio, Taylor
acrescentou: "Assim como liguei para Louis imediatamente, e sua primeira
reação foi ligar para Jacob."
"Sim, entendo," Emily respondeu, enquanto seu humor melhorava
lentamente.
“Éramos obrigados a pedir ajuda a Jacob e Louis. Se tivesse acontecido
novamente, acredito que teríamos feito exatamente o mesmo”, acrescentou
Taylor.
"Sim, eu também acho," Emily concordou.
À medida que falavam, o cheiro irritante de combustíveis no ar parecia
gradualmente desaparecer um pouco.
"Então o que precisamos fazer a seguir é não deixá-los se preocupar
conosco ou ser um fardo para eles. Se você não conseguir controlar suas
emoções melhor de agora em diante, mesmo que Jacob venha, ele só
morrerá com você!
Se você realmente se preocupa com Jacob ou seu irmão, você deve
ser forte e não ser um fardo para eles! ”Taylor tocou o rosto de Emily
enquanto ela falava.
Depois de ouvir o que Taylor disse, Emily ficou pensativa por um
momento. Antes que ela pudesse dizer qualquer coisa, ela ouviu o rangido
da porta do armazém sendo aberta. Um homem entrou; era Ron. Ele havia
sido provocado por Taylor no veículo.
Ron entrou, seguido por alguns de seus asseclas atrás dele. Com um
sorriso malicioso, ele se aproximou de Emily e Taylor. "Bem, bem, eu não
esperava que um homem inteligente como Louis fosse tolo o suficiente para
vir aqui sozinho!
Quem ele vai escolher? Rapazes, levem essas duas vadias embora!
"Ron disse com um sorriso pendurado em seus lábios.

Melody e seus romances


Taylor deu uma olhada em Emily, e seus olhos estavam cheios de
preocupação, pois ela temia que Emily acabasse se machucando novamente.
Felizmente, Emily se acalmou rapidamente meia hora depois de ser
transferida do armazém para uma cabana. Ela apenas ficou lá sentada em
silêncio, sem dizer nada.
De repente, a pequena porta de madeira se abriu, e Louis foi jogado
na sala por Ron.
“Taylor, Yvonne,” Louis disse com alívio.
Taylor correu rapidamente para Louis, e Emily também levantou a
cabeça, perguntando: "Irmão, você entrou em contato com Jacob? Nós
também chamamos a polícia! Não sei se ele ..."
Louis e Taylor trocaram olhares e então Louis balançou a
cabeça. "Não, eu vim aqui sozinho. Talvez seja pura sorte eu ter te
encontrado."
Na verdade, Louis estava rastreando o celular de Taylor mais cedo,
mas a busca levou ao local onde o celular tinha sido jogado na
grama. Então, ele tentou fazer sua própria sorte indo em frente, mas não
conseguiu encontrar o armazém abandonado onde as meninas estavam
escondidas sozinho.
Foi com a ajuda de Jacob que ele chegou aqui em primeiro lugar.
Mas ele teve que considerar que alguém poderia estar espionando fora
da sala. Então, ele não poderia confortar Taylor e Emily com essa notícia.

Capítulo 1364 Fim do jogo


"Você chegou a uma decisão? Não? Então faça sua escolha!" A voz de
Ron soou de repente. Emily, Louis e Taylor olharam para a fonte do
som. Eles viram uma pequena janela meio escondida que não haviam
notado anteriormente. As pessoas do lado de fora podiam monitorar a
situação na pequena sala claramente através daquela janela.
"Que tipo de escolha?" Taylor perguntou com cautela.
"Ele terá que escolher quem ele quer salvar - você ou ela!" Com essas
palavras, Ron acrescentou com um sorriso sombrio: "Aquele que Louis
escolheu para salvar irá embora com ele. No entanto, o perdedor ficará aqui
para receber a punição. Que jogo interessante!"
"Isso é necessário?" Taylor zombou. "Eu mal conheço esse homem,
então estou certa de que não serei uma opção para ele. Você o está fazendo
escolher entre mim e sua irmã. Isso é justo para mim?"

Melody e seus romances


Ron latiu de tanto rir, um som curto e perverso. "Sério? Pelo que eu
sei, não é isso que Louis pensa."
Taylor olhou para Louis e Emily. Ela estava muito pálida. Se eles não
pudessem resolver o assunto o mais rápido possível, Emily sofreria uma
recaída.
"O que ele pensa não é da minha conta. Mas não me faça parte deste
jogo! Afinal, eu não os conheço. Sou apenas um médico." Ela queria
distanciá-los com essas palavras.
Mas Ron não era crédulo o suficiente para acreditar. Afinal, quando seu
chefe lhe atribuiu a tarefa, ele já havia sido informado da relação entre os
três. Também havia um homem envolvido chamado Jacob. Infelizmente,
esse Jacob não apareceu.
Se ele também estivesse aqui, as coisas teriam ficado ainda mais
interessantes.
"Sério? Então você vai se revezar e tirar a sorte para decidir quem vai
jogar o jogo primeiro. O que você acha?" Embora Ron parecesse estar
pedindo a opinião deles, a expressão resoluta em seu rosto mostrava
claramente que não havia nenhuma barganha a ser feita.
Ron bateu palmas três vezes depois de terminar suas palavras.
Os homens que controlavam os três prisioneiros se soltaram. Em
seguida, eles assumiram uma posição de combate, prontos para atacar.
Sabendo que Emily e Taylor precisavam de proteção, Louis os
empurrou para trás e se preparou imediatamente para lutar por eles.
Taylor sabia que Louis lutaria contra os homens, mas ela estava tão
preocupada com ele que não pôde evitar levantar a voz e gritar: "Louis, não
se force!"
Ron ouviu claramente. Ele lambeu os lábios secos e olhou para Louis
trêmulo sob uma nova luz. "Não se force? Há algo de errado com você?" ele
brincou.
Louis sentiu um arrepio percorrer sua espinha. Ele adivinhou que Ron
já devia ter sido informado sobre sua recente doação de rim.
Mas ele não podia deixar Emily descobrir sobre isso.
"Não há nada de errado comigo. Faça o seu pior." Louis o encarou
furiosamente. Ele obstinadamente manteve Taylor e Emily atrás de suas
costas, como um general. Ele estava cercado por bandidos. Finalmente, ele
se concentrou em um homem musculoso e investiu contra ele.

Melody e seus romances


O rosto de Taylor empalideceu de medo, mas ela não ousou dizer mais
nada, já que Emily estava aqui.
Em pânico, Emily não pode deixar de sentir seu coração batendo
explosivamente quando ela testemunhou a luta.
Ela pareceu perceber algo.
Mas permaneceu evasivo, na ponta da língua.
Taylor cerrou as mãos com força enquanto observava Louis
lutando. Emily silenciosamente estendeu a mão para cobrir sua mão com a
sua. Mas Taylor podia sentir que Emily ainda controlava suas emoções
agora.
Como Louis não quis ouvir seu conselho de levar Emily embora, ela
tentou convencê-la.
Taylor agarrou a mão de Emily e disse: "Yvonne, seu irmão com
certeza vai escolher você se tiver que decidir. Que tal isso? Você apenas
concorda com as condições daquele homem e vai encontrar Jacob o mais
rápido possível."
Emily olhou para Taylor sem piscar e disse com uma voz fria: "Eu não
acho que você precisa se preocupar muito. Meu irmão é um lutador muito
poderoso. Ele certamente vai derrotar esses idiotas."
Na opinião de Emily, embora Louis estivesse em menor número e não
tivesse a vantagem, ele não estava completamente em desvantagem agora.
Taylor ficou pasmo. Vendo que Emily não iria ouvi-la, ela só poderia se
virar para Louis e dizer: "Louis, Yvonne não está saudável. Se você não tirá-
la daqui agora, seu estado vai piorar se alguma coisa a desencadear. Coisas
vai ficar fora de controle! "
Obviamente, o que Taylor disse funcionou. A luta de Louis diminuiu no
momento em que a ouviu ... mas apenas por um momento. No próximo
segundo, ele atacou os rufiões ainda mais forte.
Finalmente, todos os homens foram espancados e deitados no chão.
Ron estava assistindo o tempo todo. Assim que aqueles homens
caíram, ele estalou os dedos novamente como um sinal.
Seis homens extras entraram.
Louis estava cansado demais para enfrentar esses novos lutadores,
mas ainda se manteve firme para proteger Taylor e Emily.
Ron inclinou a cabeça e olhou para Louis, dizendo: "Bem, você ainda
tem força para lutar?"

Melody e seus romances


Ao som de sua provocação, Louis não aguentou mais e perdeu o
equilíbrio. Taylor correu imediatamente e o apoiou. Quando Emily também
se aproximou, ela o soltou silenciosamente.
"O que é isso? Apenas lutar? Se você quer ter a vitória em virtude dos
números, você é extremamente desavergonhado. Mas eu acredito que seu
jogo é mais do que apenas uma luta tola."
Emily disse.
Louis bateu na mão de Emily, tranquilizando-a.
Ron hesitou por um momento antes de finalmente abrir um sorriso e
responder, "Claro que não. Não temos espaço suficiente para jogar aqui.
Todos, vamos embora!"
Os três foram então arrastados de volta para o armazém onde Emily e
Taylor haviam sido presos anteriormente. A luz ofuscante pendurada no
telhado de ferro ainda estava lá, mas a sala estava limpa agora.
Havia, no entanto, um tanque de água nele.
"É bom ter vocês três aqui. Deixe-me apresentar este jogo a vocês. É
um aquário. As pessoas vão entrar, mas podem não sair de novo." Seu tom
era quase sereno quando ele falou.
Mas Taylor e Emily instantaneamente ficaram alertas.
Eles se entreolharam. Louis perguntou: "Como você joga? Vou
enfrentá-lo."
Louis sentiu uma dor surda e latejante no estômago e sabia que havia
se ferido durante a luta. Como ele já estava ferido e poderia não sobreviver,
ele não se importou em sacrificar ainda mais. Pelo menos ele pode morrer
protegendo Taylor e Emily.
Emily deu uma olhada em Louis e perguntou: "Irmão, você realmente
veio aqui sozinho?"
Louis assentiu, mas a luz da decepção em seus olhos revelou que ele
não estava dizendo a verdade.
Claro, no fundo do coração de Emily, ela também tinha toda a
confiança em Jacob.
"Taylor, meu irmão parece estar ferido. Nenhum de nós vai sair daqui
no final. Deixe-me ficar para trás. Eu acho que eles estão realmente atrás de
Jacob", disse Emily. Depois de dizer isso, Emily olhou novamente para
Louis. Ele disse com um sorriso: "Estou bem."
No entanto, o suor escorria de sua testa.

Melody e seus romances


Taylor também percebeu que algo estava errado com Louis. Mas ele
ainda não iria embora e insistiu em esperar pela chegada de Jacob. Se ele
fosse embora, como esses homens malvados tratariam sua irmã?
Ron bateu palmas e sorriu, "Isso é tão comovente! Mas é tarde
demais! Eu te dei a chance, mas você sabe o que eles dizem: você cochila,
você perde!
Sorteio. Vamos ver quem será o primeiro a entrar na caixa d'água!
”Depois de terminar suas instruções, ele gesticulou para seus homens,
sinalizando para que entregassem uma caixa de papel aos três.
"Vamos lá. Vamos ver quem é o sortudo!" Ron não se preocupou que
os três representassem qualquer ameaça. Afinal, seus homens foram
escolhidos por Darren e todos eram bons lutadores.
Mas a tarefa deles hoje não era matar essas três pessoas. A tarefa
deles era atrair Jacob aqui, e então sua tarefa seria completada.
De repente, Louis tossiu forte. Preocupado com ele, Taylor
rapidamente se ofereceu: "Não há necessidade de loteria. Vou para o tanque
de água".
"Como você é corajoso! Eu vou te ajudar!" Enquanto Ron acenava com
a mão, dois de seus homens avançaram para segurar Taylor. Emily
imediatamente puxou um dos braços dos homens e disse: "Espere, já que é
um jogo, devemos ter regras!"
"Regras? Eu sou a regra!" Com a recusa de Ron, os dois caras que
agarraram Taylor a puxaram direto para a caixa d'água.
Percebendo o que estava acontecendo, Louis barrou o caminho antes
de Taylor para protegê-la. Ele tentou ignorar a dor na barriga e correu para
lutar contra os dois homens. Ao mesmo tempo, Emily se encostou no tanque
de água, empurrando-o.
Bem, agora o jogo foi cancelado.
Embora Taylor e Emily não fossem tão fortes quanto os homens, eles
ainda podiam ajudar Louis de alguma forma.
No meio da violenta confusão dentro do armazém alagado, houve um
tumulto repentino do lado de fora. Ron olhou nervoso para a porta atrás dele
e disse: "Bem, eles estão vindo mais cedo do que o esperado. Vamos
recuar!"
- Eles decidiram recuar tão cedo? os três cativos pensaram.
Emily e Taylor ficaram totalmente confusos ao ver aqueles homens
dobrando o rabo e recuando.

Melody e seus romances


Então, Louis repentinamente cambaleou e caiu no chão enquanto suas
pernas fraquejavam. A última coisa que viu foi a luz brilhante da lâmpada
incandescente, e então desmaiou!
Taylor e Emily ficaram chocados. Ao mesmo tempo, Jacob entrou
correndo, apoiado por uma equipe de policiais uniformizados. Antes que Ron
e seus homens pudessem escapar, eles interromperam a retirada.
"Jacob, meu irmão ..." Emily chamou.
Taylor chorava inconsolavelmente. Ela sabia que o rim de Louis devia
estar danificado, mas não ousou contar a Emily.

Capítulo 1365 A culpa de Taylor


Assim que Louis chegou ao hospital, ele foi levado para a sala de
cirurgia. Emily, que não sabia da gravidade de sua condição, finalmente
percebeu que algo estava errado.
Emily pegou a mão de Jacob e perguntou: "Jacob, certamente você
deve saber o que há de errado com meu irmão?"
Jacob sabia tudo sobre isso. Mas ele também temia que Emily
estivesse exausta depois de uma provação tão terrível, então ele não
poderia lhe contar a verdade, ou sua condição pioraria.
Emily olhou para Jacob com um par de olhos expectantes, esperando
que ele contasse a verdade. No entanto, Jacob ficou em silêncio por um
longo tempo. Finalmente, ele tocou o cabelo bagunçado e emaranhado de
Emily antes de decidir mentir para ela, dizendo: "Eu também não sei o que
há de errado com ele!"
Taylor de repente levantou a cabeça e olhou para Jacob. Vendo que a
expressão em seu rosto permanecia tensa, Emily rapidamente perguntou a
ela também. No entanto, olhando para Jacob, Taylor simplesmente se
abaixou e balançou a cabeça.
"Pare de me embrulhar em algodão! Você tem medo que eu não
agüente? Eu agüento, de verdade! Apenas me diga!" Emily exigiu
exasperada.
Se eles não contassem a ela, ela pensaria demais e se preocuparia
mais.
Jacob temia que Emily não fosse capaz de controlar suas emoções,
então ele teve que protegê-la. Ele pensou em distraí-la e disse: "Emily, você
vê, Taylor está cansada depois de hoje. Você deveria levá-la para nossa
casa. Vocês, meninas, tomem um banho quente e durmam um pouco. Taylor

Melody e seus romances


está triste agora e você precisa confortá-la, ok? Quando seu irmão sair da
cirurgia, vou te contar tudo. "
Jacob sabia que não poderia revelar tudo para Emily agora, então ele
teve que usar Taylor como uma desculpa para distraí-la da ideia.
Emily também sabia que não deveria ser muito obstinada no
momento, então ela balançou a cabeça rapidamente e disse: "Tudo bem,
então. Taylor e eu vamos embora agora."
"Ok, vá em frente. Vou ficar aqui e avisar você."
Com Jacob assumindo a responsabilidade por Louis, Taylor poderia
ficar tranquilo. Ela estava realmente exausta. Mas Amy estava em casa
sozinha, então ela teve que passar por sua própria casa. Justamente quando
Taylor levantou a cabeça para protestar, Jacob acrescentou: "Amy está na
minha casa."
"Obrigado!"
Jacob providenciou um motorista para levar Emily e Taylor de volta
para casa. Assim que chegaram, os dois receberam um grande abraço de
Amy. Emily sempre se sentiu incomodada com crianças. Então, quando Amy
colocou os braços em volta de Emily, ela congelou e ficou imóvel como um
tronco.
Felizmente, o mordomo percebeu seu constrangimento e levou Amy de
volta para dentro imediatamente.
Emily finalmente relaxou um pouco.
"Você vai dormir em sua casa com Amy esta noite?" Emily perguntou.
Taylor balançou a cabeça. "Eu acredito em Jacob. Ele vai cuidar de
tudo. Quanto a Amy, tenho certeza que ela está em boas mãos aqui."
"Então durma ao meu lado esta noite." Emily sorriu.
Taylor assentiu, mas agarrou as mãos sujas de Emily. "Você precisa
lavar as mãos primeiro. Preciso falar um pouco com Amy. Depois que você
terminar o banho, me ligue!"
Depois que ambos limparam completamente a sujeira do armazém de
seus corpos, Taylor e Emily foram para o quarto de hóspedes. Eles deitaram
um ao lado do outro na cama. Ambos se olharam em silêncio.
Depois de um tempo, Emily de repente deu uma risadinha. "Aquele
homem, Ron, era realmente bobo e engraçado. Ele correu para as colinas
assim que ouviu Jacob!"

Melody e seus romances


"Eu não acho que seja tão simples!" Taylor disse isso com uma
expressão pesada no rosto. Emily só conseguiu acenar com a cabeça e dizer:
"Sim, acho que eles nos alvejaram de propósito e havia algo por trás de
tudo isso."
"Sim, receio que Darren deve ter organizado tudo. Claramente, ele
está por trás de tudo novamente."
Emily ficou perdida em pensamentos por um momento. Depois de um
tempo, ela de repente sentou-se e disse: "Então Jacob foi enganado, não
foi?"
"Sim", disse Taylor amargamente e depois acrescentou: "Então, temos
que ser mais cuidadosos quando sairmos no futuro. Vamos dormir um pouco
agora. Precisamos pegar Emi amanhã!"
"Pedi ao mordomo para ir buscá-la. Quero visitar meu irmão amanhã
de manhã." Tudo em que Emily conseguia pensar era no ferimento de
Louis. De alguma forma, ela se lembrou de como os lindos olhos azuis de
Louis pareciam cópias carbono dos de Amy, e ela não pôde deixar de
perguntar: "Taylor, meu irmão realmente não tem nenhuma relação com
Amy? Ambos os olhos parecem tão ..."
A expressão no rosto de Taylor vacilou. Logo, ela se desculpou e
desviou o olhar antes de responder: "Talvez seja apenas uma coincidência."
Ao ouvir isso, Emily rapidamente ficou em silêncio. 'Foi realmente
estúpido e inapropriado para mim fazer tal pergunta,' Emily pensou. Afinal,
eles nem se conheciam anos atrás.
No meio da noite, Emily parecia ter adormecido. Taylor segurou a
cintura de Emily e sussurrou lentamente em seu pescoço, "Emily, você está
dormindo?"
A princípio, Emily quis responder que ela ainda não estava dormindo,
mas Taylor continuou falando, então ela ficou quieta e fingiu dormir,
querendo saber o que Taylor iria dizer.
"Eu tenho algo a confessar para você,"
Taylor sussurrou suavemente.
Emily não se mexeu, então Taylor continuou: "Na verdade, eu
trabalhava originalmente para Darren. Amy estava terrivelmente doente e
precisava fazer um transplante de rim. Apenas Darren era compatível para
fornecer um rim de doador para ela. Portanto , Ajudei Darren a piorar sua
condição.

Melody e seus romances


Eu acreditava que Amy seria capaz de conseguir uma doação de rim
dele assim que eu fizesse o que ele queria. Mas eu não esperava ... "
Antes que ela pudesse terminar de falar, Emily falou, com os olhos
ainda fechados, "Você não esperava que Darren fosse voltar atrás em sua
palavra. Ele não deu a você o rim que você queria. Jacob descobriu sua
culpa, e é por isso você tem tanto medo dele. "
O rosto de Taylor ficou pálido e depois ficou vermelho antes de passar
do vermelho para um tom acinzentado. Ela olhou para Emily com a boca
aberta antes de perguntar: "Você não está dormindo?"
Emily balançou a cabeça e explicou: "Quando você começou a falar
comigo, eu estava pensando no por que Darren tinha feito isso hoje. Afinal,
ele não nos machucou mesmo depois de nos pegar com sucesso."
"Talvez tenhamos que perguntar a Jacob sobre isso. Yvonne, você me
culpa pelo que fiz?"
"Culpar você? Claro, eu faço! Como eu poderia não te culpar?" Emily
bufou. "Você não sabe há quanto tempo tenho enfrentado a agonia
torturante desta doença, Taylor? Você deveria se sentir culpado pelo resto
de sua vida pelo que você fez comigo!"
"Eu ..." Taylor não tinha mais palavras para se defender.
Emily continuou: "Com essa quantidade de culpa, você terá que me
compensar pelo resto da sua vida. Você terá que ser minha médica para
sempre. Mesmo se eu estiver curada, você não tem permissão para me
deixar , nem meu irmão! "
Emily sabia que Taylor carregava um enorme fardo de culpa. Seria
muito irreal para ela dizer que perdoá-la foi fácil. Afinal, a doença fez Emily
se sentir pior do que a morte.
Mas ela não podia realmente usar isso contra sua amiga, que tentou
protegê-la quando os dois estavam em perigo. Taylor já havia se mostrado
tão cheia de culpa que nem se atreveu a olhar para o marido de Emily,
Jacob.
Se não fosse pelo sequestro desta vez, Emily não teria sido capaz de
perdoar Taylor tão cedo.
"Ok, eu prometo que vou passar o resto da minha vida com
você." Instantaneamente, os olhos de Taylor ficaram vermelhos e suas
lágrimas caíram em um dilúvio no travesseiro. Ela abraçou Emily, fungou e
disse: "Obrigada!"

Melody e seus romances


"Por que você me agradece? Se você realmente queria me agradecer,
deveria comprar algo delicioso para comer. Quero salada de manga agora."
"Sem problemas, vou pedir comida para viagem agora mesmo."
Depois que a comida foi entregue, os dois comeram a comida
deliciosa. Embora Emily não comesse perto o suficiente, Taylor ainda se
sentia grato por Emily estar disposta a comer as coisas que ela
comprou. Mesmo assim, Taylor não se atreveu a contar a Emily a notícia de
que Louis havia doado seu rim para Amy.
Enquanto Emily devorava a sobremesa, ela perguntou de repente:
"Então, como Amy encontrou um doador de rim adequado?"
Taylor engoliu em seco e seu rosto ficou pálido quando ela fez uma
pausa. "Bem..."
Depois de um momento de reflexão, Taylor reuniu toda a sua coragem
e disse: "O rim do seu irmão era uma combinação perfeita para o dela!"
Emily ficou mais surpresa com a notícia do que Taylor esperava. Ela
imediatamente largou o garfo e vestiu um vestido, pedindo ao mordomo que
arranjasse um carro e a levasse imediatamente ao hospital.
Taylor puxou o braço de Emily, tentando contê-la. Ela disse: "Yvonne,
não faça isso. Você pode ir amanhã. Jacob está lá com Louis. Ele ficará
bem."
"Não, meu irmão ..." Emily não pôde evitar chorar. Taylor abraçou
Emily e disse: "Sinto muito! É tudo minha culpa! Eu machuquei você e seu
irmão!"
Desta vez, Emily não se ofereceu para aliviar mais a culpa de
Taylor. As duas mulheres se abraçaram e choraram juntas.
O mordomo sentiu pena deles e disse: "Minha senhora, Srta. Tang,
vocês duas precisam descansar um pouco. Se você aparecer no hospital
neste estado, temo que o Sr. Gu apenas se preocupe com você. Então , ele
terá mais duas pessoas para cuidar. "
"Você está certo!" Taylor fungou, mas continuou tentando persuadir
Emily a desistir da ideia de ir para o hospital agora.

Capítulo 1366 Não quero ver você de novo


Eventualmente, Taylor conseguiu persuadir Emily.
Eles deitaram na cama sem dizer nada. Uma atmosfera estranha
impedia qualquer um deles de dormir até o amanhecer.

Melody e seus romances


Quando o despertador começou a tocar, Emily pulou da cama
imediatamente e correu para o banheiro sem perder mais um
minuto. Depois de se refrescar, ela puxou Taylor, que fingia ainda estar
dormindo, para fora da cama. Quando Taylor estava pronto para sair pela
porta, eles correram para o hospital sem qualquer demora.
Na noite anterior, Jacob já havia enviado uma mensagem para eles,
informando que Louis havia saído da cirurgia e estava em recuperação.
Na enfermaria, Louis e Jacob se encaravam de mau humor. Jacob
acabara de receber uma mensagem de Emily, pedindo o número da ala de
Louis. Quando ele estava prestes a digitar uma resposta, Louis estalou os
lábios e disse: "Jacob, você não deveria ir comprar um café da manhã para
mim? Afinal, eu sou o paciente aqui! Você não vê que estou morrendo de
fome!" Foi um momento embaraçoso para Louis. Quando ele acordou, foi
imediatamente repreendido por Jacob por sua fraqueza. Jacob o arengou por
não ter conseguido proteger melhor sua amada e até o culpou por acabar no
hospital.
"Não posso me incomodar em providenciar qualquer café da manhã
para você! Tenho certeza que Taylor atenderá às suas necessidades quando
ela chegar." Jacob não ergueu a cabeça enquanto falava sem emoção com
Louis. Ele estava ocupado verificando as últimas informações sobre Darren
em seu telefone.
"Ei, seja legal! Eu sou seu cunhado. Como você pode me negligenciar
assim?" Louis queria ligar para Taylor, mas também não queria que ela o
visse tão fraco no hospital. Ele queria esconder sua vulnerabilidade dela.
Jacob apenas franziu o cenho ainda mais e não deu atenção aos
gemidos de Louis. Sem outra palavra, Jacob apenas se levantou e saiu da
enfermaria.
Logo Louis ouviu a voz de Taylor vindo de fora da enfermaria. Ela
estava maravilhada com Jacob por tê-los resgatado; portanto, seu tom era
quase reverente.
"Louis está acordado agora?"
"Sim, ele acordou há alguns minutos e deseja tomar o café da manhã.
Por favor, leve um pouco de comida para ele,"
Jacob disse a Taylor com um sorriso amigável. Assim que ele terminou
de falar, Emily passou correndo por ele com Taylor no braço. No entanto, ela
foi parada instantaneamente por Jacob, que a agarrou pela gola como se ela
fosse apenas um gatinho indefeso.

Melody e seus romances


Ele olhou para o rosto surpreso dela e explicou: "A equipe do hospital
vai verificar as enfermarias em breve, e apenas um visitante é permitido por
vez com o paciente. Por que você não vem e toma o café da manhã
comigo?"
Emily estava preocupada com a saúde de Louis. Ela queria saber se ele
estava bem, então recusou veementemente a sugestão de Jacob. "Não, eu
só quero dar uma olhada no meu irmão."
"Acredite em mim, ele está bem. Ele já está reclamando de estar com
fome. É um sinal claro de que ele está se recuperando!" Jacob percebeu que
Emily havia mudado. Seus olhos não eram mais tão tímidos e ela estava
muito mais comunicativa do que antes.
"Tudo bem. Taylor, por favor, cuide bem do meu irmão!"
Emily lançou um olhar pensativo para Taylor, esperando que não fosse
muito cansativo para ela cuidar do paciente.
Taylor assentiu e entrou na enfermaria, carregando a lancheira cheia
de comida. Louis ficou tão animado em vê-la que quase pulou da cama para
recebê-la.
Arrumando cuidadosamente a comida para ele, Taylor até colocou uma
pequena mesa na cama para que pudesse comer sozinho e ainda se sentir
confortável.
Os grandes olhos azuis de Louis estavam cheios de uma sagacidade
travessa. Ele olhou para Taylor e piscou. "Você não pretende me alimentar?"
"Sua mão está bem. Por que eu deveria alimentá-lo?" Taylor olhou
para o café da manhã e friamente instruiu: "Coma sua comida rapidamente.
O médico virá examiná-lo em breve."
Louis a conhecia bem. Aparentemente, ela estava chateada com
ele. Ele perguntou gentilmente: "O que há de errado? Yvonne intimidou
você?"
Taylor ficou chocado com sua suposição. Ela retrucou: "Que absurdo
você está dizendo?"
"Então por que você está de tão mau humor? Você não consegue nem
me agraciar com esse seu esplêndido sorriso?" Louis piscou inocentemente
para ela, seu rosto emoldurado por um sorriso malicioso. Taylor fez uma
pausa, balançou a cabeça lentamente e disse: "Não, não estou de mau
humor. Você está pensando demais de novo."
"Muito justo. Pode ser minha imaginação, então." Ele empurrou a
tigela de congee para longe dele e suspirou. "Você me alimentou quando eu

Melody e seus romances


estava me recuperando no hospital antes. Por que você não me alimenta
com congee hoje?"
"Eu não quero que ninguém veja isso!" Taylor rapidamente deu uma
desculpa e esquivou-se de seu olhar.
Ao ouvir isso, Louis imediatamente colocou a mão sobre o peito e
tossiu algumas vezes. Seu rosto ficou vermelho por causa da tosse. Taylor
ficou com medo e rapidamente se aproximou para ver como ele estava.
No entanto, assim que ela se moveu para o alcance de Louis, ele
rapidamente a pegou pelo pulso e imediatamente a puxou para seus
braços. Seu hálito quente acariciou sua orelha enquanto ele sussurrava,
"Jacob e Emily já foram tomar café da manhã. Presumo que eles não voltem
logo. Os médicos costumam verificar as enfermarias às 7:30. Temos muito
tempo livre antes disso. . Você pode me alimentar rapidamente para que
ninguém veja. O que você me diz? "
O rosto de Taylor instantaneamente ficou vermelho. Louis sabia como
persuadi-la.
Achando difícil recusar seus apelos inocentes, Taylor pegou a colher e
o alimentou.
Seu sorriso torto a lembrou de quão fraco ele estivera ontem. Ele
desmaiou de dor então. O pensamento fez seu coração doer.
Depois que ela terminou de alimentá-lo, Taylor embalou
silenciosamente todos os talheres. Então, ela se sentou na beira da cama de
Louis e disse abruptamente: "Louis, acho que devemos parar de nos ver.
Não quero ver você de novo".
"Taylor, acabei de sair da cirurgia algumas horas atrás. Você está
tentando me matar enquanto estou fraco e indefeso?" ele disse meio
brincando. A atmosfera na enfermaria tornou-se tão intensa que poderia ser
cortada por uma faca. Estranhamente, Louis previu que Taylor diria algo
horrível assim.
Desde o momento em que entrou na enfermaria, ela estava agindo de
forma bastante estranha. Seu rosto era uma máscara de tristeza e
solenidade.
Algo terrivelmente pesado deve estar pesando sobre ela.
"Não é bem assim. Pensei bem. Desde que entrei na sua vida, você
tem sofrido. Até perdeu um rim." Taylor começou a chorar e ela falou com a
voz quebrada. Ela tentou fingir ser forte na frente dele, mas no fundo, ela foi
tomada pela tristeza e não podia mais suportar a agonia. Assim que ela

Melody e seus romances


conseguiu cuspir a verdade, suas lágrimas se tornaram uma tempestade
incontrolável.
Antes que Louis pudesse responder, a porta da enfermaria se
abriu. Foi o médico assistente que veio verificar o paciente.
Sem saber o que estava acontecendo entre os dois, o médico
assistente deu uma olhada no rosto marcado pelas lágrimas de Taylor e
tentou confortá-la dizendo: "Não chore, mocinha. Ele está bem e não vai
morrer."
As palavras diretas do médico fizeram Taylor corar de vergonha. Ela
rapidamente se levantou e correu para o banheiro.
Ela esperou lá até que o médico concluísse a verificação de Louis e
fosse embora. Então, ela saiu e continuou o assunto com
determinação. "Então, é melhor não nos vermos de novo!"
"Você não quer me ver de novo? Amy já me chama de tio Ke, e ela
tem meu rim. Já ficamos tão próximos um do outro. Como você pode me
olhar nos olhos e nos pedir para nos separarmos?" A voz de Louis ficou
animada e ele tagarelou: "Se você realmente acha que conhecê-la foi o
começo dos meus problemas, que tal isso? De agora em diante, você pode
tentar o seu melhor para me proteger melhor!"
"Sim, Taylor, meu irmão é muito fraco, então você deve protegê-lo de
agora em diante." Só então, Emily entrou e deu uma risadinha. Ela fez uma
careta para Taylor, mas abriu um sorriso encorajador. Quando ela viu o
rosto de Taylor ficar vermelho cereja de vergonha, Emily rapidamente
acrescentou: "Eu não vou incomodar vocês. Vou para casa com Jacob para
descansar um pouco!"
Deixando os dois resolverem seus problemas sozinhos, Emily segurou
a mão de Jacob e saiu do hospital.
Assim que chegaram à Mansão Tyrone, Emily subiu as escadas para
preparar um banho quente para Jacob, para que ele pudesse relaxar e ter
uma boa noite de sono. Embora Jacob tivesse planejado sair, ele não queria
decepcioná-la ou minar suas boas intenções.
"Emily ..." Jacob fez uma pausa hesitante.
Emily olhou para Jacob e fez beicinho. "Não diga nada. Quando você
acordar, teremos uma boa conversa."
"Emily, você se lembrou de tomar seu remédio hoje?" O rosto de Jacob
estava cheio de preocupação.

Melody e seus romances


Emily assentiu e sorriu. "Eu tomo meu remédio na hora todos os dias.
Não há necessidade de você me lembrar disso."
"Isso é bom. Venha e deite-se em meus braços!"
Para ser honesto, enquanto Emily estava nos braços de Jacob, ela foi
instantaneamente tomada por uma sensação de segurança e logo ficou
sonolenta. Olhando para Emily, que respirava continuamente em seu peito,
Jacob a segurou com mais força. No dia anterior, embora tivesse tentado ao
máximo reprimir suas emoções, ele ainda temia que Emily se machucasse.
Felizmente, ela sabia perfeitamente como se proteger.
Se não fosse pelo que Louis lhe contara, ele nunca teria acreditado que
ela havia realmente derrubado o tanque de água.
Parecia que Emily já estava se recuperando.
Jacob pensou no que Tim havia dito, e isso o fez franzir as
sobrancelhas de preocupação. Ele soltou um longo suspiro e encontrou uma
posição mais confortável na cama. Ele então desligou o telefone na mesa de
cabeceira e segurou Emily com força antes de cair em um sono exausto.
Mais tarde naquela noite, Emily acordou de seus sonhos. Jacob não
estava mais na cama ao lado dela. Ela se vestiu rapidamente e chamou
Jacob, apenas para descobrir que ele estava lá embaixo, lendo jornais.

Capítulo 1367 A confiança de Emily


"Achei que você estava ocupado trabalhando", disse Emily. A mesa
estava repleta de deliciosos pratos. Emily escolheu um assento ao lado de
Jacob e se serviu de um copo de água morna.
"Beber água morna antes do jantar vai estragar seu apetite", disse
Jacob, sorrindo. Quando ele se levantou para servir uma concha de arroz
para Emily, ela agarrou sua mão, implorando: "Jacob, me diga o que está
acontecendo com as coisas sobre Darren. Já fizemos algum progresso?"
"Você não precisa se preocupar com isso." Jacob tocou carinhosamente
a cabeça de Emily e disse: "Tudo o que você precisa fazer é cuidar de Emi e
de você mesmo. Quero que você passe todos os dias sendo feliz e se
mantendo saudável."
"Jacob, eu quero lutar ao seu lado. Não quero ser sempre a ignorante
Sra. Gu que sempre precisa da sua proteção." Emily olhou para ele com
determinação. "Eu posso ficar forte. Você deveria pelo menos me contar o
suficiente sobre Darren, para que ele não possa me usar para ameaçá-la
novamente."

Melody e seus romances


"Minha pequena Emily cresceu!" Jacob brincou.
Emily fez beicinho docemente e disse: "Eu sempre cresci o suficiente.
É que estou doente há algum tempo. Taylor disse que se eu quiser derrotar
minha doença, tenho que enfrentá-la com bravura."
"OK!" Jacob decidiu ceder aos desejos de Emily desta vez. Ele contou a
ela tudo o que Darren tinha feito recentemente. Quando ele discutiu os
eventos recentes, ele hesitou antes de dizer: "Na verdade, foi toda trama de
Darren de que você e Taylor seriam pegos ontem. Darren tinha subornado
Tim. Tim lhe enviou os ingressos de cinema para dar a Darren a
oportunidade de levá-lo dois."
"Tim?" A impressão de Emily sobre Tim não foi boa nem ruim. Mas sua
terapia de hipnotismo a impressionou.
"Bem. Quanto ao motivo pelo qual ele sequestrou você e Taylor, o
motivo foi muito simples. Ele queria usar a distração para esconder
secretamente a garota que cuidou dele. Essa garota se chama Bonnie, e ela
é muito jovem". Jacob explicou a situação para Emily aos poucos.
"Uma garota chamada Bonnie? Por que uma garota escolheria ficar
com um demônio como Darren?" Emily imediatamente ficou com raiva,
pensando que essa criança não devia ter respeito próprio.
"Quando Darren foi ferido, Bonnie o resgatou. Os dois estavam se
escondendo em um prédio residencial esse tempo todo. Agora que Darren se
recuperou e ele sabe que ainda o estamos perseguindo, ele levou Bonnie
embora com ele." Jacob tamborilou pensativamente na mesa enquanto seu
cérebro corria sobre os eventos.
"Por que uma jovem se arriscaria a salvar um cara aleatório crivado de
ferimentos à bala?" Emily estava muito confusa. Parecia que Bonnie era uma
alma simplória por ter participado de um negócio tão arriscado.
Jacob balançou a cabeça. "Também descobrimos que Bonnie se formou
em enfermagem. Mas recentemente, por causa das manipulações de Darren,
ela não pôde ir trabalhar no hospital."
"Você sabe onde Bonnie está agora? Talvez eu possa tentar convencê-
la." A mente ágil de Emily já havia bolado um plano. Se ela pudesse
determinar que tipo de pessoa Bonnie era, ela poderia começar a controlá-
la.
Se ela pudesse fazer amizade com Bonnie, então era apenas uma
questão de tempo antes que eles pudessem finalmente pegar Darren.
Mas não foi isento de riscos.

Melody e seus romances


"O que você planeja fazer?" Jacob perguntou.
“Eu quero chegar perto de Bonnie,” Emily disse secamente.
"Isso também é o que queríamos fazer. Quando descobrirmos onde
Bonnie está, vamos pegá-la e usá-la para atrair Darren!" Embora o método
de Jacob fosse potencialmente violento, também seria absolutamente eficaz.
Emily balançou a cabeça em desaprovação. Ela disse: "Talvez
possamos encontrar outra maneira de atingir nossos objetivos. Conhecerei
Bonnie primeiro."
"Não! É muito perigoso!" Jacob a recusou veementemente.
Emily pensou um pouco antes de dizer: "Se você ameaçar Darren com
Bonnie, qual é a diferença entre você e Darren? Por enquanto, não sabemos
que tipo de pessoa Bonnie é. Por que não arriscamos minha sugestão e ver o
que podemos alcançar? "
Emily sabia que ela estava apostando. Mas ela pensou que já que
Bonnie era enfermeira, ela provavelmente teria uma natureza gentil.
Jacob ficou em silêncio por um tempo e então consentiu. "Eu vou
providenciar isso. Enquanto isso, você apenas descanse primeiro."
"OK!"
Bonnie não sabia que Jacob a estava mirando. Alguns dias atrás, ela
concordou em visitar a casa de Darren. Depois disso, ela foi trazida para
esta fazenda isolada por ele.
Na verdade, era mais uma grande propriedade do que uma
fazenda. Havia tantos criados lá dentro. Todos se dirigiram a ela com
respeito.
"Minha senhora, o que você gostaria de comer hoje?" Uma mulher na
casa dos trinta se aproximou de Bonnie, vestida com um uniforme
arrumado.
"Não quero comer nada. Só quero saber onde está o Sr. Yu." Darren
nunca revelou seu nome verdadeiro para Bonnie. Ela só havia sido
informada de que seu sobrenome era Yu.
"Nós também não sabemos onde o Sr. Yu está. Mas ele nos disse para
cuidarmos bem de você!" o servo disse educadamente.
Bonnie estava totalmente sem palavras. Parecia que as pessoas aqui
não podiam mostrar nenhuma emoção natural. Eles apenas trabalharam
duro e raramente falavam com ela.

Melody e seus romances


Checando seu celular, Bonnie percebeu que seus colegas, que estavam
no mesmo período que ela, haviam entrado no hospital para os
estágios. Mas ela estava ficando aqui sem nada para fazer.
Bonnie olhou para a mulher e disse: "Você pode preparar o que
quiser."
"OK." A mulher se afastou rapidamente assim que falou.
Mesmo que Bonnie se sentisse muito mimada por ser servida como
uma senhora rica, ela ainda se preocupava porque não tinha ideia do que
estava acontecendo agora. Portanto, quando o centésimo telefonema ainda
não tinha chegado a Darren, ela resolveu partir o mais rápido possível.
Felizmente, as pessoas aqui não a tinham trancado, e ela estava livre
para sair. Mas ainda seria constrangedor se alguém a visse escapar, então
Bonnie decidiu deixar a mansão às 2 da manhã, quando todos estavam
dormindo.
Ela conseguiu escapar da mansão com sucesso. Estava frio e ventoso
lá fora, e não havia carros à vista na estrada principal.
Bonnie brincou com seu telefone celular para reunir coragem enquanto
caminhava cautelosamente pela estrada. De repente, uma luz ofuscante se
aproximou. Bonnie ficou muito feliz em encontrar alguém nesta hora
solitária e rapidamente acenou com a mão para parar o carro.
Um Bentley Azure parou ao lado dela.
"Mocinha, esta é a estrada para a cidade?" a motorista
perguntou. Bonnie planejou pagar o carro para levá-la para a cidade, mas
ela não esperava que a mulher que dirigia o carro também estivesse indo
para lá.
Bonnie balançou a cabeça honestamente. "Não, esta estrada leva a
uma residência. A cidade fica na outra direção."
"Ah eu vejo." A motorista sorriu timidamente. "Parece que me perdi!"
Bonnie sorriu. "Eu também estou indo para o centro da cidade. Você
poderia me levar com você se possível? Eu pagarei, é claro."
"OK."
O motorista era ninguém menos que Emily. Jacob havia enviado uma
mensagem a ela, então Emily sabia que Bonnie havia fugido da residência
arranjada para ela por Darren. Ela havia dirigido rapidamente até aqui e
felizmente se encontrou com Bonnie bem a tempo.
Claro, Bonnie não conhecia Emily.

Melody e seus romances


Assim que entrou no carro, esfregou as mãos congeladas para se
aquecer e disse: "Está frio lá fora. Que sorte ter conhecido você".
"Você parece uma menina. Por que estava caminhando sozinha nesta
estrada tão tarde?" Emily imediatamente começou a conversar com
ela. Bonnie ficou atordoada por um momento, e então ela arrumou o cabelo
e inventou uma explicação. "Tive uma briga com meu pai e fugi de casa.
Porém, aluguei uma casa na cidade, então eu ..."
Bonnie estava mentindo. Emily sabia disso muito bem, mas não a
expôs.
"Não é seguro sair à noite. Se você quiser fugir de casa na próxima
vez, deve fazê-lo durante o dia." Emily sorriu. "Estou feliz por ter conhecido
você esta noite, caso contrário, ainda estaria perdida. Diga-me onde fica sua
casa alugada e eu o levarei de volta."
"Muito obrigado." Bonnie sorriu e apertou o cinto de segurança com
gratidão. Suas mãos pararam de repente, e um silêncio repentino encheu o
carro enquanto Bonnie desajeitadamente se virou para Emily. Ela lambeu os
lábios e perguntou: "Há apenas um caminho para a propriedade lá atrás.
Como você se perdeu?"
Emily ficou pasma e quase pensou que sua mentira havia sido
descoberta.

Capítulo 1368 Tornando-se amigos


Antes que ela pudesse pensar em uma explicação, Bonnie riu e disse:
"Você é o tipo de pessoa que perde toda a direção à noite?"
"Bem, sim." Emily acreditava cada vez mais que Bonnie era uma
garota tão inocente e adorável. Bonnie foi complacente com seu julgamento
de Emily.
De repente, eles viram o brilho das lâmpadas da rua à frente. Bonnie
exclamou: "Olha! Chegamos ao centro da cidade."
"Eu vi. A propósito, meu nome é Emily. Qual é o seu?" Emily se
apresentou, pois queria que eles se conhecessem.
"Bonnie Sun, mas você pode apenas me chamar de Bonnie."
Bonnie lambeu os lábios, claramente um pouco tímida. O carro parou
diante de um antigo prédio residencial. Bonnie saiu do carro e acenou para
Emily. Mas Emily a parou e disse: "Espere, está tão escuro no prédio. Você
precisa de mim para acompanhá-lo?"

Melody e seus romances


"Obrigado. Mas estou bem por conta própria." Bonnie começou a
entrar em um beco. No entanto, enquanto falava, ela acidentalmente pisou
em um galho e gritou quando quase caiu. A essa altura, Emily já havia saído
do carro. Ela sorriu e disse: "De nada. Mas deixe-me entrar com você".
"Obrigado!"
Bonnie não recusou desta vez. Ela achava que o mínimo que podia
fazer para agradecer a Emily era convidá-la para seu quarto alugado e lhe
oferecer um copo d'água. No entanto, ela não conseguiu destrancar a porta.
Bonnie tentou várias vezes e checou o número do quarto várias
vezes. Ela tinha certeza de que aquele era seu alojamento alugado, mas sua
chave não abria a porta.
"O que está errado?" Emily não pôde deixar de perguntar quando viu a
expressão estranha de Bonnie.
"Não consigo abrir a porta. Mas este é o quarto que estou
alugando." Bonnie estava à beira das lágrimas. Todos os seus pertences,
incluindo seus livros e objetos pessoais, estavam trancados lá.
"Devemos pedir a um chaveiro para vir ajudar amanhã?" Emily não
pôde deixar de oferecer uma sugestão a ela.
Bonnie acenou com a cabeça. O pensamento dos olhos sombrios de
Darren a encheu de terror, embora ela tivesse planejado ligar para ele. No
entanto, pensando que ela poderia parecer ingrata por ter escapado
secretamente da casa de Darren esta noite, ela não ousou ligar para ele
agora.
"Emily, posso ficar na sua casa por uma noite?" Bonnie perguntou em
voz baixa.
Ela achava que Emily parecia uma boa pessoa.
"Bem, minha casa é um pouco longe daqui para chegar a esta hora da
noite, mas minha família me comprou um novo apartamento recentemente.
Podemos morar lá." Emily acrescentou com certo embaraço: "Mas eu tenho
um cachorro em minha casa. É um Samoieda e é um pouco travesso".
"Isso não me incomoda." Bonnie se sentiu um pouco triste. "Eu gosto
de cachorros", acrescentou ela.
Quando Bonnie era criança, ela criou um cachorrinho. Cada vez que
ela havia sofrido uma surra, ela segurava seu cachorro e lhe contava suas
queixas. Infelizmente, depois que ela terminou os estudos na escola de
enfermagem, o cachorro foi vendido pela família.
Ela chorou por seu amado animal de estimação por muito tempo.

Melody e seus romances


"Vamos lá."
Quando chegaram ao novo apartamento de Emily, já eram cinco horas
da manhã. O sol lentamente tingiu o céu com listras vermelhas. Bonnie
olhou para o céu, gradualmente se perdendo em pensamentos. Quando
chegaram à porta, Bonnie ficou muito envergonhada e disse: "Obrigada,
Emily."
"De nada. Além disso, eu deveria agradecer. Se não fosse por você, eu
ainda poderia estar perdido no caminho errado." Emily sorriu e destrancou a
porta. No momento em que ela abriu a porta, um pacote branco de
penugem correu em sua direção.
A cachorrinha balançou o rabo e passou seu pequeno corpo ao lado de
Emily.
Bonnie silenciosamente observou a interação de Emily e Emi, e ela não
pôde deixar de dizer: "Ela é tão fofa!"
Emily abraçou Emi e sorriu. "Emi, esta é Bonnie. Vocês duas podem
ser boas amigas."
Depois de ser apresentada por Emily, Bonnie se agachou e estendeu a
mão para tocar a cabeça bonita de Emi. Emi instantaneamente aceitou
Bonnie e tornou-se menos cautelosa em sua presença.
Eles dormiram até a tarde. Bonnie tinha planejado dizer adeus a Emily
e depois ir embora. Mas para sua surpresa, Emily queria ajudá-la a resolver
seus problemas, então ela acompanhou Bonnie até a velha casa alugada.
A porta ainda estava bem trancada, aparentemente bem fechada.
"A fechadura pode ter sido trocada por alguém!" Emily apontou para a
fechadura nova e sugeriu isso a Bonnie.
“Então vamos pedir a um chaveiro para mudar a fechadura
novamente,” Bonnie sugeriu. Mas Emily balançou a cabeça e disse: "Não,
você não pode provar ao chaveiro que é o locatário legal desta casa. Que tal
isso? Você pode pedir ajuda ao proprietário."
“O senhorio ...” Bonnie não tinha estado em contato com o senhorio
por um longo tempo, e ela não tinha certeza se era o senhorio quem tinha
trocado a fechadura.
"Não sei se consigo falar com o proprietário." Bonnie ligou para a
senhoria imediatamente. Para sua surpresa, a senhoria atendeu o telefone
rapidamente. Assim que ela terminou, a senhoria perguntou: "Alô?"

Melody e seus romances


"Senhora, a fechadura da porta do meu quarto foi trocada. Eu quero
solicitar uma nova!" Depois que Bonnie explicou a situação, houve um longo
silêncio do outro lado da linha.
Depois de um longo tempo, a proprietária respondeu: "Espere um
pouco." Então ela desligou abruptamente.
Bonnie olhou para seu telefone surpresa. Ela estava totalmente
atordoada.
Depois de um tempo, ela se virou para Emily e disse relutantemente:
"Ela desligou!"
"Está tudo bem. Vamos apenas esperar!"
Bonnie acenou com a cabeça, e eles esperaram por cerca de meia hora
antes que a senhoria subisse lentamente as escadas. Quando ela viu Bonnie,
ela disse: "Eu mudei a fechadura e tenho o direito de impedir você de morar
aqui."
"Senhora, está brincando comigo? O aluguel do meu quarto só vence
no final do mês. Como você poderia mudar a fechadura sem minha
permissão?" Bonnie sempre pode ser persuadida pela razão, mas nunca
intimidada pela força. Ao ouvir a declaração arrogante da senhoria, ela ficou
muito zangada.
"Por que não posso fazer isso? Quando você alugou um quarto na
minha casa, eu disse que nenhum homem podia morar aqui com você. No
entanto, você estava em um relacionamento recentemente e tinha um
namorado que morava com você. Além disso, , ele havia levado um tiro. "
Bonnie ficou chocada com a revelação da senhoria e imediatamente
perguntou: "Como você descobriu?"
Sua falta de negação provou indiretamente que ela de fato abrigou um
homem ferido por arma de fogo.
Emily ficou em silêncio e ouviu, optando por não dizer nada.
"Você não precisa saber como eu descobri. Como dona da casa, tenho
muitas fontes de informação. De qualquer forma, não vou deixar você alugar
mais minha casa. Tire todas as suas coisas daqui! "
a senhoria insistiu enquanto tirava uma chave e destrancava a porta.
"Apresse-se! É melhor você sair antes das 6 horas da noite, ou eu
chamarei a polícia!" Ela apenas olhou para Emily antes de se virar para sair.
Bonnie se sentiu tão ofendida. Ela acabara de pagar o aluguel do mês,
mas a senhoria quebrou o contrato de repente, deixando-a na miséria.

Melody e seus romances


"Não chore. Vamos encontrar uma empresa de mudanças e você pode
se mudar para o meu apartamento. Afinal, há um quarto de hóspedes ao
lado do meu quarto." Bonnie olhou para Emily, seus olhos brilhando de
gratidão enquanto ela dizia, "Emily, você é tão gentil comigo."
- Foi o destino que nos encontramos. Mas estou curioso para saber por
que você abrigaria um homem com um ferimento à bala. Os olhos de Bonnie
brilharam incertos com a pergunta de Emily.
Ela ficou em silêncio, sem saber como explicar.
Emily sorriu e disse: "Você não precisa dizer nada se não quiser, mas
deve ter cuidado. Houve muitos criminosos procurados à solta na cidade
recentemente."
"Ele definitivamente não era um criminoso procurado." Bonnie quase
gaguejou e corou quando disse, "Um criminoso procurado não pode ser tão
bonito." Mas ela mordeu os lábios e murmurou as palavras com o canto da
boca. Esse tipo de raciocínio não era de forma alguma uma explicação
convincente.
"Ok, não vou mais pressioná-lo sobre isso." Emily puxou
delicadamente o rabo de cavalo de Bonnie e perguntou: "Quanto aluguel a
senhoria lhe deve?"

Capítulo 1369 Tornando-se amigos íntimos


"Paguei à senhoria 7.000 dólares há poucos dias pelo aluguel do ano
inteiro." Bonnie se sentia totalmente deprimida, já que havia perdido tanto
dinheiro. Ela não se atreveu a gastar o dinheiro que Darren tinha dado a ela.
Ela tinha medo de ter problemas se usasse o dinheiro dele. Portanto,
suas despesas de subsistência vinham do dinheiro que ela ganhava
trabalhando. Seu objetivo de vida era encontrar um bom hospital e trabalhar
lá como enfermeira.
Quanto ao misterioso Sr. Yu, a quem ela salvou, ela só poderia
considerá-lo como um transeunte em sua vida, um obstáculo na estrada.
Mas quando ela pensou sobre o quão arrogante e autoritário o Sr. Yu
era, ela não pôde deixar de sorrir docemente.
"Bonnie, você precisa de uma empresa de mudanças?" Emily lembrou
Bonnie, que estava sentada em silêncio na cama por um bom tempo. Por um
tempo, ela parecia triste, mas agora, ela estava sorrindo docemente.
"O que?" Bonnie foi puxada de volta à realidade e gaguejou: "Sinto
muito, Emily. O que você acabou de dizer?"

Melody e seus romances


"Eu disse, você deve pedir um reembolso da senhoria e encontrar uma
empresa de mudanças para ajudá-lo a se mudar. O que você acha?" Emily
mais uma vez repetiu o que havia dito anteriormente, quando percebeu que
Bonnie não a estava ouvindo.
Bonnie acenou com a cabeça.
Logo, eles conseguiram os serviços de uma empresa de
mudanças. Bonnie não tinha muitos itens de valor em sua acomodação para
aluguel, então ela se mudou muito rápido. No entanto, seus olhos estavam
vermelhos quando ela saiu, ainda resmungando que a senhoria tinha ido
longe demais.
Emily não concordou com ela. Se o contrato declarasse que Bonnie não
poderia trazer um homem para casa, a senhoria tinha o direito de rescindir o
contrato, já que Bonnie havia trazido para casa um homem que sofreu um
ferimento a bala. Era bastante razoável que a senhoria ficasse preocupada.
Mas não fazia sentido para ela se recusar a reembolsar Bonnie os 7
000 dólares que ela pagou adiantado pelo aluguel.
"Muito obrigado, Emily. Eu não sei como vou retribuir. Que tal eu
pagar a você 3.000 dólares de aluguel por mês para dividir o seu
apartamento?" O aluguel de três mil dólares era um valor médio neste
mercado. O apartamento de Emily ficava em uma boa área e também era
bem decorado.
Emily estacionou o carro no estacionamento subterrâneo e olhou para
Bonnie com um sorriso. "Se você realmente quer pagar o aluguel, 300
dólares são mais do que suficientes por mês. De qualquer forma, está vazio.
Raramente fico aqui."
"300 dólares por mês?" Bonnie engasgou e exclamou enquanto
balançava a cabeça, "Isso é pouco mais que 3.000 dólares por ano. Eu
estaria me aproveitando de você!"
"Não, você é apenas uma garota de sorte!" Emily realmente começou
a gostar de Bonnie.
"Emily, obrigado!" Bonnie expressou sua gratidão sinceramente. Emily
sabia que a senhoria fora informada do problema de Darren por causa de
Jacob. Ela se sentiu um pouco envergonhada quando ouviu a sincera
gratidão de Bonnie.
Emily desamarrou o cinto de segurança e disse sem jeito: "Bem, não
me agradeça. Ainda estou cobrando o aluguel. Além disso, tenho negócios a
tratar agora, então ficarei no apartamento por um tempo".
"Sem problemas!" Bonnie acenou com a cabeça feliz.

Melody e seus romances


O pessoal da empresa de mudanças já estava esperando na porta há
bastante tempo quando eles chegaram. Emily subiu as escadas e destrancou
a porta com sua impressão digital de identificação. Quando ela estava
prestes a agradecer a mudança, dois homens saíram do apartamento oposto
e disseram: "Ei, senhoras, vocês precisam de ajuda?"
"Não, obrigado!" Emily estava sempre vigilante.
Olhando para suas pilhas de coisas, Bonnie perguntou timidamente,
"Sim, por favor. Você poderia nos ajudar?"
"Sim, claro!" Os dois homens sorriram e rapidamente carregaram os
itens grandes para o apartamento. Seguindo as instruções de Emily e
Bonnie, elas colocaram os itens no quarto de hóspedes, que ficava ao lado
do quarto de Emily.
Os dois homens pareceram gentis e partiram logo depois de
terminarem de ajudá-los.
De pé na sala de estar, Bonnie suspirou e disse em um tom satisfeito,
"Existem tantas pessoas gentis no mundo!"
Emily estava pasma. Parecia que Bonnie era totalmente sem noção e
ingênua, e ela não tinha percebido que havia abrigado um demônio cruel
quando cuidou de Darren.
Mas o que foi mais surpreendente foi que Darren deixou Bonnie
ir. Emily pensara que poderia ser uma conspiração, mas mesmo que fosse
uma conspiração, ela enfrentaria seus medos.
"Sim, boas pessoas são recompensadas neste mundo. A propósito, o
que você faz para viver, Bonnie?" Emily decidiu começar a se aproximar de
Bonnie passo a passo.
"Eu? Eu realmente não me dediquei a nada ainda. Estou planejando
me candidatar a um emprego como enfermeira no hospital nos próximos
dias!" Sentindo-se satisfeita com suas escolhas, Bonnie virou a cabeça e
perguntou a Emily, "E você, Emily?"
Emily sorriu. "Eu? Não tenho um emprego estável. Espero fazer algo
significativo. Então você quer ser enfermeira? Eu conheço um bom hospital.
Que tal ..." Emily refletiu por um tempo, e então ela acrescentou: "Eu
poderia recomendar você lá?"
"Qual hospital?" Os olhos de Bonnie brilharam como sóis de alegria.
"Hospital RD." Emily sorriu como se não soubesse das histórias
anteriores de Bonnie. "Eu conheço o diretor lá."
Na verdade, ela nem tinha conhecido o diretor, mas Jacob sim.

Melody e seus romances


No entanto, o rosto rosa de Bonnie instantaneamente ficou branco. Ela
balançou a cabeça e disse teimosamente: "Não, não posso ir trabalhar no
Hospital RD".
"Por que não?" Emily fingiu confusão. "Embora o RD Hospital seja um
hospital pequeno, é altamente recomendado para estudantes como você que
precisam concluir um estágio em enfermagem. Você pode aprender
habilidades valiosas e obter mais oportunidades."
“Emily, eu sei que você está certa, mas eu ...” Bonnie queria dizer
algo, mas pensando bem, ela mordeu os lábios. Antes de conhecer o Sr. Yu,
o RD Hospital foi de fato sua primeira escolha.
Emily esperou em silêncio. Depois de um tempo, Bonnie disse: "Eu
ajudei um homem que havia levado um tiro."
"Eu sei." Emily explicou calmamente: "A senhoria não teria trocado a
fechadura do seu quarto sem motivo."
Bonnie corou e perguntou nervosa, "Você ainda quer que eu more na
sua casa?"
"Foi a sua gentileza que o fez acolher o homem ferido, e acho que
mostra que você é uma boa pessoa, então é razoável para mim aceitá-
lo." Emily sorriu e puxou uma pequena cadeira enquanto se sentava em
frente a Bonnie. "Além disso, você vai pagar o aluguel para mim, não é?
Então, sua mudança ainda é um bom negócio para mim."
Vendo que Bonnie tinha ficado pensativa, Emily continuou, "Garota
boba, é possível que o homem que você salvou seja um criminoso
procurado?"
O rosto pálido de Bonnie ficou ainda mais branco. Ela balançou a
cabeça, dizendo: "É impossível! Ele parecia tão limpo e inocente e era muito
..."
Bonnie imediatamente cobriu a boca quando percebeu que tinha falado
muito rápido.
"Muito o quê?" Emily cutucou, olhando de perto para ela.
"Embora fosse mal-humorado, ele era muito razoável. Ele ficou em
minha casa e me deu muito dinheiro. Além disso, ele era muito bonito. É
impossível para ele ser um criminoso procurado." Emily quase riu alto. Ela
nunca pensou que Bonnie pudesse ser crédula o suficiente para julgar
alguém pela aparência.
Mas também revelou que ela era uma garota simples.

Melody e seus romances


Emily piscou os olhos lentamente, como uma coruja, e perguntou:
"Então, o que esse homem ferido tem a ver com você ir ao Hospital RD para
fazer o seu estágio lá?"
"Porque eu o levei ao RD Hospital para tratamento e usei meu próprio
cartão de identificação." Bonnie suspirou e disse: "Embora eu tenha certeza
de que ele não era um criminoso procurado, ele tinha uma maneira muito
secreta de fazer as coisas."
"Onde ele esteve recentemente?" Emily hesitou antes de fazer essa
pergunta, pois ela não queria fazer Bonnie suspeitar dela. Mas se ela
perguntasse diretamente, talvez ela obtivesse uma resposta mais cedo.
Bonnie olhou para Emily com olhos grandes e balançou a cabeça. "Eu
não sei!"
Bonnie estava dizendo a verdade. Poucos dias atrás, ela disse a Darren
que iria encontrar um emprego, e então Darren transferiu dezenas de
milhares de dólares para sua conta bancária.
Isso deixou Bonnie muito nervosa. Por um lado, ela queria escapar,
mas por outro, ela estava relutante em fazê-lo.
Quando a ferida de Darren quase cicatrizou, ele disse a Bonnie que
estava indo embora. Bonnie acreditava que ele iria embora assim que
dissesse adeus. No entanto, ele acrescentou: "Bonnie, você sabe a extensão
do meu ferimento. Você tem que voltar comigo e explicar o assunto ao meu
médico de família."

Capítulo 1370 Encontrando Antigos


Conhecidos
Bonnie tinha pensado que Darren estava certo. Se procurassem
tratamento médico com um novo médico, não saberiam ao certo se o novo
era capaz de tratar a ferida ou não. Devido a esta consideração, ela
concordou.
Ela havia chegado à mansão de Darren na época que havia prometido
a ele. Darren estava ocupado atendendo telefonemas com uma carranca
gravada na testa.
Ele partiu depois de recebê-la na mansão.
Bonnie ficou na mansão por muitos dias, mas ela não tinha visto
Darren novamente. Ela tinha ligado para ele e enviado muitas mensagens
curtas. No entanto, ele parecia ter desaparecido da face da terra. Ele não
respondeu às comunicações dela.

Melody e seus romances


Claro, Bonnie não poderia revelar isso a Emily. Embora ela fosse gentil
e não tivesse pensado duas vezes quando salvou Darren, ela era realmente
inteligente. Ela sempre fingiu fraqueza na frente de Emily apenas para
garantir sua própria segurança.
Mais importante, Bonnie subconscientemente sabia que havia
realmente algo errado com o "Sr. Yu" que ela salvou.
"Está tarde. Vá para a cama cedo." Emily entendeu que Bonnie não
queria mencionar os ferimentos do homem, então ela não fez mais
perguntas.
Com isso, ela silenciosamente saiu da sala, dando a Bonnie o espaço
para pensar de forma independente.
Depois de um tempo, Bonnie foi até o quarto de Emily e disse: "Emily,
eu pensei sobre isso. Vou pedir à senhoria para devolver o aluguel que
paguei. Paguei um depósito justo para ela. Mesmo se eu violasse o contrato
contrato, a senhoria só tem o direito de deduzir o meu depósito. "
"Sim, você está certo. Mas temo que você possa sofrer bullying, já que
é apenas uma menina. Devo acompanhá-la?" Emily se ofereceu para apoiá-
la, embora soubesse que não era da sua conta.
No entanto, ela não tinha certeza se Bonnie aceitaria sua proposta ou
não.
Claro, poderia parecer suspeito se ela ficasse impaciente, então sua
sugestão foi formulada provisoriamente.
"Bem ..." Bonnie estava um pouco hesitante ao ouvir a sugestão de
Emily. No entanto, vendo que Emily parecia realmente sincera em ajudá-la,
ela assentiu com decisão. "A senhoria é muito rude. Devemos ter cuidado!"
"Sem problemas." Para acalmar os medos de Bonnie, Emily ergueu o
polegar com um gesto de 'OK'.
Depois que Bonnie e Emily se encontraram e negociaram com a
senhoria, Bonnie ficou surpresa, olhando para os sete mil dólares em sua
mão. Ela ainda não conseguia entender como foi possível ter recuperado o
aluguel com tanta facilidade. Assim, ela perguntou a Emily atordoada:
"Emily, por que a senhoria foi tão gentil? Ela parecia estar pronta para me
devolver os sete mil dólares antes mesmo de eu ir vê-la."
"Bem, talvez o coração dela tenha suavizado, já que você é uma
menina e ela sentiu pena de você." Emily não poderia dizer a Bonnie que foi
Jacob quem intercedeu por ela.

Melody e seus romances


Secretamente, Emily e Jacob estavam trabalhando juntos para fazer
Darren preso.
"Emily, já que tenho o dinheiro agora, vou pagar adiantado o aluguel
de um ano." Depois de dizer isso, Bonnie contou o dinheiro e pagou o
aluguel para Emily.
Emily não teve misericórdia dela e aceitou o dinheiro dela sem
hesitação. Batendo de brincadeira na palma da mão com o maço de dinheiro
de Bonnie, ela sugeriu: "Agora, que tal eu convidá-la para jantar? Depois,
iremos para casa e teremos um bom descanso depois do jantar!"
"Ok, e amanhã, vou encontrar um emprego." Bonnie parecia estar
fazendo uma promessa a si mesma.
Os dois não tinham pressa para comer e caminharam pelo
shopping. Quando chegou a hora do jantar, Bonnie olhou para a placa do
lado de fora do restaurante e perguntou: "Chefe, você oferece um desconto
para seus primeiros clientes do dia?"
"O que?" O gerente da loja ficou surpreso com a pergunta de Bonnie, e
Emily também se sentiu confusa.
Mas Emily ficou quieta, apenas esperando a resposta do gerente.
"Não temos nenhum desconto para nossos primeiros clientes",
respondeu o gerente respeitosamente. Bonnie estourou a língua e
respondeu: "Oh, me desculpe. Talvez eu tenha cometido um erro."
Emily sorriu. "A panela desse restaurante é realmente deliciosa. A
comida deles não tem gosto residual e é preparada com muita higiene. Além
disso, a panela aqui não é cara."
"Bem, obrigado pelo tratamento." Bonnie era uma pessoa muito
grata. Depois que o gerente saiu, ela sussurrou: "Será que eu te
envergonhei agora? Só queria ver se há desconto neste restaurante.
Normalmente, quando pergunto aos gerentes, eles me dão um cupom".
Emily sorriu e encolheu os ombros, pensando que Bonnie gostava
muito de tirar vantagem de coisas mesquinhas.
Ela não entendia que benefício isso traria para Bonnie.
Mesmo se ela tivesse recebido um cupom, ela teria que comer no
restaurante de hotpot novamente no futuro para resgatá-lo.
Bonnie foi muito diligente. Ela lavou uma xícara para Emily antes de
preparar tigelas, pauzinhos e um avental. Ela até serviu sopa de abóbora
para Emily.

Melody e seus romances


Quando eles quase terminaram seu hotpot, um casal de repente
entrou no restaurante. Eram Ethan e Estelle.
Estelle encontrou o olhar de Emily. De repente, seu rosto ficou sem
cor. Quando Estelle estava prestes a sair correndo do restaurante hotpot,
Emily se levantou e foi até ela. "Faz muito tempo desde que nos
conhecemos."
Estelle sorriu sem jeito antes de responder: "Sim. Há muito tempo que
não a vejo."
Ethan colocou o braço protetoramente em volta do ombro de Estelle e
lançou um olhar na direção de Bonnie. Bonnie estava olhando para eles
cheia de curiosidade, ainda com os pauzinhos na mão, mas Emily deu de
ombros e disse indiferente: "Como você pode ver, estou aqui com uma
amiga. Você gostaria de se juntar a nós?"
As palavras de Emily indicavam claramente que as duas eram amigas.
Ela havia avisado indiretamente ao casal que seria melhor se eles não
conhecessem Bonnie, e mesmo que eles já soubessem quem ela era, seria
melhor que eles calassem a boca e não estragassem seu plano.
"De repente estou com vontade de comer a caçarola naquele
restaurante lá embaixo, Ethan. Vamos descer para comer!" Nos últimos dias,
Estelle foi protegida por Ethan, então ela não conhecia Bonnie, mas Ethan
reconheceu Bonnie instantaneamente.
Vendo que Estelle estava pálida e trêmula, ele sentiu pena
dela. Embora ele estivesse bastante confuso sobre por que Emily estava aqui
com Bonnie, ele ainda ouviu sua esposa e desceu com ela para pedir um
pouco de caçarola.
Assim que deixaram o restaurante de hotpot, Estelle respirou fundo e
disse: "Emily ainda deve estar me culpando!"
"Não sei se ela te culpa ou não, mas acho que ela estava protegendo a
garota que estava comendo panela quente com ela!" Com essas palavras,
Ethan olhou de volta para o restaurante de hotpot novamente várias
vezes. Estelle ficou intrigada e não pôde deixar de perguntar: "Quem é ...
Quem é essa garota?"
Ethan queria dizer a Estelle quem era Bonnie, mas de repente ele se
lembrou do olhar que Emily tinha dirigido a ele agora. Ele abriu a boca para
dizer algo, mas fechou a boca novamente. Finalmente, ele respondeu com
um sorriso indiferente: "Não sei, mas parece que ela vem de uma família
poderosa."
Estelle olhou para Ethan, mas não perguntou mais nada.

Melody e seus romances


Ela não conseguia se livrar da sensação de que ele estava mentindo
para ela.
"Estelle, vou te levar para casa depois do jantar, ok?" Ethan tinha
estado ainda mais ocupado nos últimos dias. Já fazia muito tempo que ele
não levava Estelle para jantar.
"Você está indo para a base de novo?" Recentemente, Ethan estava
cada vez mais ocupado - até mesmo quando estavam juntos. Estelle
também podia sentir isso.
Ele sempre dizia que estava indo para a base, mas depois que ele não
atendeu o telefone várias vezes seguidas, ela ligou para o chefe da base,
apenas para saber que Ethan não estava lá há um tempo .
Portanto, Estelle intencionalmente fez a pergunta a ele. Depois de
piscar lentamente os olhos escuros, Ethan respondeu: "Bem, há mais e mais
coisas exigindo minha atenção na base, e minha presença é necessária lá
para lidar com essas coisas."
Estelle não questionou sua mentira. Ela olhou para o vermicelli em sua
tigela, largou os hashis e sorriu com força. "Eu posso pegar um táxi para
casa."
"Não. Deixe-me levá-lo para casa." Por insistência de Ethan, Estelle
concordou com um pequeno aceno de cabeça, e ele a levou para casa em
segurança.
Estelle olhou em volta para as decorações opulentas da mansão onde
ela já morava há algum tempo. De repente, ela se sentiu estranhamente
deslocada aqui. O que Ellen havia dito na prisão começou a ecoar alto em
sua mente. Ela não pôde evitar engolir enquanto caminhava pela casa passo
a passo.
Ela sabia que Ethan demoraria horas para voltar, então precisava fazer
algo que não tinha coragem nem desejo de fazer.
Era inegável que Ethan a tratou muito bem. No entanto, foi
exatamente porque este homem era tão bom e excelente que ela perdeu
todo o seu senso de segurança.

Capítulo 1371 Flower Hairpin


Estelle pousou a mão na maçaneta que abriria a porta do escritório de
Ethan.
Ela respirou fundo e tentou reunir coragem, mas não conseguiu evitar
que sua mão tremesse. Ela lentamente fechou os olhos e lambeu os
lábios. Então, de repente, ela se virou, pegou um copo de água fria da mesa

Melody e seus romances


e engoliu-o. Soprando ar fresco sobre os lábios quentes, ela caminhou para
o escritório novamente, mas ainda estava nervosa.
Rangido...
Eventualmente, a porta fez um pequeno som de protesto quando
Estelle a abriu.
As cortinas do escritório tremulavam com o vento que soprava de
fora. Mas Estelle não prestou atenção às cortinas. Em vez disso, seu foco
permaneceu fixo em uma pequena gaveta na grande escrivaninha que
ocupava o escritório.
Ela tinha estado em seu escritório antes para limpá-lo, mas Ethan
nunca permitiu que ela abrisse a gaveta. De acordo com suas instruções, ela
nunca o abriu. No entanto, as palavras de Ellen estavam assombrando sua
mente como uma força demoníaca. Ela só queria encontrar alguma prova
sobre se Ethan estava realmente procurando por outra garota enquanto a
puxava.
Se sim, o que ela valia para ele?
A mão de Estelle já havia se acomodado na maçaneta da gaveta, mas
ela recuou. Ela massageou a palma da mão. Estava entorpecido e frio.
Estelle saiu correndo do escritório o mais rápido que pôde, apenas
para voltar momentos depois com um espanador de pano na mão. Parecia
que agora ela havia aprontado tudo. Ela respirou fundo novamente, fechou
os olhos com força e abriu a gaveta enquanto uma sensação de pavor a
enchia.
A gaveta estava vazia ... exceto por ...
Dentro da gaveta havia uma caixa delicada.
O coração de Estelle deu um pulo. A primeira coisa que lhe veio à
mente foi que poderia ser um anel de noivado.
Mas então, ela riu alto. Já que Ethan havia dito especificamente para
ela não abrir a gaveta, deve haver algo mais valioso ou secreto do que um
anel de noivado dentro da caixa.
Estelle colocou o pano de pó sobre a mesa. Com medo de que suas
mãos estivessem sujas, ela as enxugou nas roupas. Então, ela
cuidadosamente tirou a delicada caixa de joias. No momento em que ela
abriu, seu queixo caiu, e ela lutou para acreditar em seus próprios olhos.
A caixa requintada não continha um anel, mas um grampo de cabelo
velho e comum.

Melody e seus romances


Era o grampo de cabelo de uma menina. Quase um tesouro.
Então, como se fosse uma deixa, as palavras de Ellen tocaram na
mente de Estelle sem parar. "Ele está com você apenas para se divertir. Ele
vai se cansar de você um dia. Ele não gosta de você ... Ele está
secretamente procurando por outra garota ... uma garota mais nova."
Havia outra garota!
Ele estava claramente apaixonado por outra pessoa, já que mantinha
um pequeno grampo de cabelo gasto na delicada caixa de joias.
A gaveta que ela havia sido proibida de limpar servia apenas para
guardar aquele grampo de cabelo. Tal era a sua importância.
Naquele momento, Estelle ficou com o coração totalmente partido e
não pôde acreditar no que tinha visto. Bem quando ela estava prestes a
chorar, de repente ela sentiu uma presença atrás dela. Não era outro senão
Ethan.
Ethan congelou no local quando entrou no escritório e viu Estelle com
a conhecida caixa de joias e o grampo de cabelo na mão.
"Estelle, o que você está fazendo?"
Ele originalmente queria agarrar o grampo dela, mas quando a viu
chorando tão tristemente, ele não se atreveu a expor sua fraqueza. Ele
parou na porta do escritório, secretamente engolindo suas próprias
emoções.
Na verdade, a preocupação e a ansiedade que ardiam em seus olhos
eram como um fogo queimando seu coração, e ela lutou para respirar.
Então, Estelle cautelosamente colocou o grampo de volta na caixa.
Ela respondeu: "Ethan, sou apenas uma mulher com quem você brinca
para se divertir, certo?"
"O que?" ele perguntou confuso.
Na verdade, Ethan temia que Estelle o entendesse mal depois de ver o
grampo de cabelo. Além do mais, vê-la chorar partiu seu coração e o encheu
de medo.
"Você está comigo apenas para se divertir!" Estelle rugiu. Seu rosto
tinha ficado vermelho brilhante do pescoço à coroa. Ethan deu um passo à
frente, com a intenção de correr até ela, mas ela estendeu a mão e disse:
"Ethan, não chegue mais perto!"
"Ok, eu não vou. Acalme-se!" Ethan disse nervosamente, levantando
as mãos para tentar aliviar a preocupação dela.

Melody e seus romances


"Sempre acreditei firmemente no amor. Uma vez que amo alguém,
nunca enganaria ninguém com meu amor. Já que você já tem outra pessoa
em seu coração, terminamos um com o outro. De agora em diante, seremos
pequenos mais do que estranhos uns para os outros! " Tendo falado com
lábios trêmulos, Estelle empurrou Ethan de lado e saiu correndo do escritório
como um foguete, ainda com o espanador de pano na mão.
Olhando para a caixa de joias sobre a mesa, Ethan ficou
instantaneamente perdido em pensamentos.
Ele percebeu que Estelle estava se comportando de maneira diferente
hoje. Foi por isso que ele não foi encontrar Jacob, mas correu para casa.
Inesperadamente, ele encontrou Estelle no escritório, e ela estava
chorando enquanto falava muitas palavras confusas com ele. A mente de
Ethan estava uma bagunça.
Estelle estava ocupada arrumando suas coisas no quarto por um
tempo. Ethan não podia fazer nada além de esperar em silêncio do lado de
fora. Quando ela puxou a mala, ele se ajoelhou e segurou seus pés
enquanto implorava. "Estelle, vamos apenas conversar sobre isso com
calma. Você não pode fugir de casa!"
Estelle continuou chorando quando viu o quão sem vergonha Ethan
estava sendo na frente dela.
Vendo seu ato desavergonhado, ela não sabia se ria ou chorava.
"Ethan, você pode sair com aquela garota. Sinto muito, mas não posso
ficar com você!" Dizendo isso, Estelle jogou a chave na mesa.
Claro, Ethan não podia deixar Estelle ir embora. Ele segurou suas
pernas com força. Quando Estelle resistiu a seu aperto, ele se virou e
segurou sua mala.
Estelle não conseguiu resistir mais a ele. Finalmente, ela gritou com
ele, "Ethan, que vergonha! Como você é desavergonhado e desleal por me
trair! Agora, você vai ser tão desavergonhado a ponto de me impedir de ir
embora?"
"Por que você diz que eu sou desleal?" Confuso com as palavras de
Estelle, Ethan levantou a cabeça e queria conversar sobre o assunto com
ela. Vendo que Estelle ainda chorava, ele disse: "Estelle, vamos ter uma
conversa calma?"
"Me solte. Eu não irei embora por enquanto!" Estelle sabia que não
poderia partir hoje até que falassem sobre isso.

Melody e seus romances


O que mais importava era que ela ainda o amava. Depois de prometer
ser sua namorada, ela sempre o teve em seu coração.
Ethan afrouxou o aperto obedientemente.
Ele se sentou em uma cadeira e, em seguida, deu um tapinha na
cadeira à sua frente, gesticulando para que Estelle se sentasse.
"Ethan, vou lhe fazer perguntas e você vai me responder com
sinceridade!" Estelle fungou e se esforçou para não chorar. Então, ela
acrescentou séria, mas timidamente, "Ethan, aquele grampo de cabelo ..."
Ela sabia que talvez nem tivesse o direito de fazer essa pergunta.
Mas qualquer que fosse o resultado da pergunta, ela queria esclarecer
sua confusão.
Como esperado, a expressão facial de Ethan mudou. Ele levantou a
cabeça e olhou para Estelle por vários segundos. Depois de hesitar por um
longo tempo, ele finalmente respondeu tristemente: "Estelle, aquele grampo
de cabelo de flor não tem nada a ver com você. Ela também não pode afetá-
la."
"Ela não pode me afetar?" Estelle bufou friamente. "Ethan, se ela
realmente não pode me afetar, você teria me explicado prontamente, assim
como fez no seu encontro com Ellen."
Uma expressão de culpa cruzou seu rosto, mas ele ainda estava
relutante em explicar.
Estelle esperou por Ethan por cerca de vinte minutos na esperança de
obter uma resposta dele. Quando seu celular piscou 19h30, ela se levantou
e disse: "Estou perguntando pela última vez. Você vai me responder ou
não?"
"Estelle, por favor, me dê mais algum tempo."
Ethan coçou a cabeça. Seu cabelo, que estava bem penteado, de
repente ficou uma bagunça. Estelle mordeu os lábios e sorriu, mas havia um
traço de tristeza em seus olhos. "Ethan, vou te dar um tempo, mas acho
melhor nos separarmos por um tempo. Nós dois temos que nos acalmar."
"Onde você irá morar?" Ethan perguntou tristemente.
Estelle respirou fundo e olhou ao redor da sala decorada de forma
simples. "A cidade de Jingshi é tão grande. Não acredito que não haja
nenhum lugar lá para eu morar."

Melody e seus romances


Desta vez, Ethan não tentou impedi-la de sair. Quando Estelle se
virou, ela não pôde deixar de chorar. Ela mordeu os lábios para conter os
soluços.
Ela disse a si mesma: "Ethan, certamente não nos encontraremos de
novo!"
Na verdade, Estelle não tinha para onde ir agora depois de deixar
Ethan, então ela pegou um táxi de volta para a família Wang. Estava escuro
na casa da família Wang quando ela chegou. Ela ficou na porta da frente por
um longo tempo. Sybil não atendeu o telefone até que Estelle ligou várias
vezes.
"Abra a porta para mim!"
Estelle e Sybil não estavam em pé bem, mas agora, ela era a única
pessoa que poderia abrir a porta para ela.

Capítulo 1372 Tornando-se sem-teto


Do outro lado da ligação, Sybil ficou em silêncio por um longo
tempo. Então ela zombou: "Ei, é a Srta. Wang? Quais são as ordens de
Vossa Excelência?"
Sua voz estava cheia de sarcasmo. Estelle franziu os lábios e
respondeu com uma voz fria: "Pare com essa merda. Venha aqui e abra a
porta!" Parecia haver uma risada soando de Sybil, e então ela ficou em
silêncio. Depois de um tempo, a ligação foi encerrada.
Estelle sabia que Sybil nunca sairia para abrir a porta para ela.
Ela cerrou os dentes e ligou para Sybil várias vezes, mas ninguém
respondeu. Sybil a ignorou completamente.
"Você não quer atender minha ligação?" Estelle murmurou para si
mesma. "Ok, então vou escalar a parede e arrombar a porta!" Então, ela
arregaçou as mangas e começou a escalar a parede.
No entanto, não importa o quão duro ela lutou em sua tentativa de
escalar a parede, ela fez pouco progresso. De repente, um garotinho saiu de
casa com uma bola nas mãos. Ele olhou para Estelle, estupefato. Dez
segundos depois, ele pareceu perceber o que estava acontecendo e então
começou a chorar.
Estelle ficou assustada e rapidamente saltou da parede. Ela perdeu o
equilíbrio e caiu no chão.

Melody e seus romances


De alguma forma, quando ela viu o menino chorando, suas próprias
emoções cruas foram acionadas, e um nó se formou em sua garganta. Ela
começou a chorar, gemendo ainda mais alto do que o menino.
Naquele momento, a porta atrás do menino se abriu novamente de
repente. Um casal de meia-idade apareceu.
O homem pegou o menino e olhou para Estelle confuso. Quanto à
mulher, ela abriu a porta, foi até Estelle e puxou-a do chão.
A mulher olhou nervosa para Estelle e perguntou: "Ai, você está
chorando tanto! Você se machucou?"
Ao ouvir suas palavras, Estelle não conseguiu falar por um tempo. Ela
até tinha esquecido por que estava chorando. Ela fungou e sacudiu as mãos
da mulher. Ela deu alguns passos para trás e olhou para a casa de sua
família, apontou para a casa e perguntou: "Esta é sua casa?"
"Sim!" a mulher respondeu.
"Então, você mora aqui há muito tempo?" Estelle perguntou à mulher,
não querendo desistir.
A mulher balançou a cabeça e olhou para o homem em busca de
apoio. Ele imediatamente avançou com o menino nos braços.
Seus olhos penetrantes olhavam para Estelle de cima a baixo. Estelle
se encolheu com medo. O olhar deste homem era muito feroz.
O menino havia parado de chorar nos braços do homem e ele olhou
para Estelle com curiosidade. Estelle reuniu coragem e perguntou
novamente: "Com licença, você mora aqui há muito tempo?"
A resposta do homem foi curta e direta. "Não."
"Mesmo?" Os olhos de Estelle ficaram vermelhos novamente. Ela olhou
para a mulher, querendo pedir mais detalhes.
Após uma breve pausa, a mulher olhou para trás e disse: "Compramos
há três dias."
"Tudo certo!" Estelle sorriu de repente, embora houvesse amargura
em seus lábios. Ela acenou com a cabeça para expressar seu agradecimento,
se virou e saiu.
Sybil realmente sabia como destruir sua vida. Ela até ousou vender a
casa!
Para onde ela poderia ir agora?

Melody e seus romances


Estelle ficou desapontada. Ela caminhou em meio à multidão nas ruas
como um zumbi. Tudo o que ela podia ver era o rosto de Ethan. De repente,
ela ouviu o barulho agudo de freios rangendo e, no momento seguinte, ela
desmaiou.
"Oh, meu Deus! Emily, batemos em alguém!" Bonnie desamarrou o
cinto de segurança imediatamente e estava prestes a pular do carro, mas
Emily a parou.
"Espere. Ainda estamos no meio da estrada. O semáforo está verde e
há tantos carros vindo de todas as direções. É perigoso simplesmente sair
daqui." Emily puxou o freio de mão e ligou as luzes de perigo do carro para
garantir alguma segurança. Então, ela acenou para Bonnie, e as duas saíram
do carro.
Emily viu uma mulher deitada na estrada. Ela não conseguia ver seu
rosto deste ângulo. As roupas que ela usava eram muito familiares, mas ela
parecia não ter sofrido ferimentos óbvios.
Emily franziu a testa, agachou-se e puxou suavemente seu
ombro. "Senhorita, você está bem?"
A mulher na estrada não respondeu.
"Emily, parece que ela desmaiou." Bonnie tremia de medo. Um
acidente de carro não foi um problema pequeno. O que eles devem fazer?
Emily não estava tão nervosa quanto ela. Ela pediu a Bonnie para
ajudá-la a virar a mulher. Naquele momento, ela viu o rosto da vítima.
"É ela!" Bonnie estava totalmente surpresa. Eles conheceram essa
mulher no restaurante de hotpot apenas algumas horas atrás.
Emily também ficou surpresa. Ela apressadamente ajudou a mulher a
se sentar e a apoiou no ombro. "Estelle, acorde", ela chamou suavemente.
Pela reação de Emily, Bonnie sabia que Emily devia conhecer essa
mulher. Já que Estelle permaneceu sem resposta, Bonnie não pôde evitar
ficar ansiosa e preocupada. Ela disse: "Emily, infelizmente ela está ferida.
Vamos levá-la ao hospital imediatamente."
O hospital não ficava longe, então não chamaram uma ambulância. Os
dois não perderam tempo e levaram Estelle para o banco de trás. Bonnie
descansou a cabeça de Estelle em seu colo e deitou seu corpo contra o
assento. De vez em quando, ela estendia a mão para verificar o hálito de
Estelle, temendo que algo terrível acontecesse com ela.

Melody e seus romances


Seis minutos depois, eles chegaram ao hospital. Emily dirigiu o carro
direto para o prédio do departamento de emergência e gritou: "Doutor,
preciso de ajuda! Há uma mulher inconsciente em nosso carro!"
Ouvindo a comoção, as enfermeiras do departamento de emergência
desenrolaram uma maca, colocaram Estelle sobre ela e a levaram para a
sala de emergência.
"O que aconteceu com essa mulher?" perguntou um médico enquanto
começava a examinar Estelle.
Emily olhou para ele em um silêncio perplexo. Quando ela finalmente
abriu a boca para explicar, Bonnie falou primeiro. "Ela atravessou a rua de
repente, embora fosse um sinal vermelho. Nosso carro pode tê-la
derrubado."
O médico não fez mais perguntas e pediu que esperassem do lado de
fora.
Depois de um tempo, ele voltou.
"Como ela está, doutor?" Emily deu um passo à frente. Ninguém tinha
visto que suas palmas estavam suando o tempo todo por causa do
medo. Ela não queria que nada acontecesse com Estelle, não importa o
quanto ela se ressentisse dela.
"Não há nenhum trauma físico óbvio. Mas sua pressão arterial ficou
um pouco baixa. Ela vai acordar depois de alguns tratamentos IV. Não se
preocupe. Ela desmaiou principalmente por causa da pressão arterial baixa e
algum sofrimento emocional."
Suas palavras foram um conforto, pois significavam que o carro não
tinha derrubado Estelle, e Emily não tinha causado um acidente.
Depois que o médico saiu, Emily deu um suspiro de alívio. Olhando
para a mulher deitada na cama, ela pegou seu telefone celular.
"Ethan, Estelle está no hospital", ela falou no receptor.
Ethan correu, chegando ao hospital menos de dez minutos depois.
Quando Emily o viu, ela ergueu as sobrancelhas em surpresa. Ela sabia
que ele devia ter pulado muitos sinais vermelhos para conseguir cortar o
tempo de viagem pela metade para chegar aqui tão cedo.
"Onde ela está?" Ethan correu até Emily e respirou fundo.
Emily silenciosamente apontou para a cama atrás dela.
Naquele momento, Estelle acordou. Assim que ela abriu os olhos, ela
viu Ethan olhando para ela com os olhos nublados pela preocupação. Seu

Melody e seus romances


cabelo estava tão despenteado como quando eles se separaram. Era óbvio
que ele tinha vindo aqui com pressa. O coração de Estelle deu um salto
repentino. Ela queria se forçar a não olhar para ele, mas temia que ele fosse
embora se ela se afastasse.
Ela esfregou a cabeça, que doía com uma dor surda. A lembrança de
sua briga voltou quando ela recuperou a consciência. Finalmente, ela virou a
cabeça, recusando-se a falar com ele.
"Estelle, como você está se sentindo agora? Você está com dor?" Ele
olhou para ela tantas vezes, querendo confirmar se ela estava bem. Quando
ele teve certeza de que ela estava ilesa, exceto pelo rosto pálido, ele sentiu
uma sensação de alívio inundar seu coração.
Estelle não respondeu a ele. Quando ela se virou, ela viu Emily e a
outra garota. Seus olhos brilharam no início, mas depois ficaram sombrios.
Bonnie percebeu a tensão e constrangimento entre as três pessoas,
então ela explicou: "O médico disse que ela está bem. Mas sua pressão
arterial está muito baixa e ela sofreu uma crise emocional. É por isso que
desmaiou de repente. Ela vai ficar bem depois de algum descanso. "
"Crise emocional?"
Ethan não pôde deixar de pensar no que havia acontecido antes. Ele
coçou a cabeça com pesar e apelou em voz baixa: "Estelle, sinto muito! Por
favor, volte para casa comigo!"
Pela primeira vez, Estelle percebeu que Ethan poderia se rebaixar para
até implorar a ela na frente de outras pessoas, independentemente da
situação. No entanto, ela ainda estava com raiva por causa dos eventos
recentes, então ela disse friamente, "Ethan, apenas vá. Eu quero ficar
sozinha."
"Estelle, não seja infantil. Aonde mais você poderia ir a esta
hora?" Ethan implorou.
"Estelle ..." ele chamou seu nome repetidamente.
No entanto, Estelle não queria mais vê-lo, e fechou os olhos,
ignorando o quão desesperadamente Ethan implorou a ela.
Emily assistiu à cena à sua frente e adivinhou que os dois haviam
brigado. Do contrário, Estelle não teria ficado tão perturbada que nem olhou
para o semáforo.
Os cantos de seus lábios se ergueram ligeiramente. Ela não pretendia
continuar assistindo essa novela. "Ethan, já que você está aqui, vamos

Melody e seus romances


embora agora." Então, ela pegou a mão de Bonnie, com a intenção de ir
embora.
Estelle finalmente criou coragem para chamá-la. "Emily." Ela queria
dizer algo, mas hesitou enquanto lutava contra sua turbulência interna.

Capítulo 1373 Discussão entre Estelle e


Ethan
Emily parou e se virou, esperando que Estelle continuasse.
"Posso ... Posso ficar na sua casa por alguns dias?" Estelle
perguntou. Ela realmente não podia ir a lugar nenhum agora, e Sybil vendeu
a casa deles.
De repente, ela se perguntou como seu pai estava agora.
Emily zombou. "O quê? O médico disse que o seu desmaio foi apenas
por causa da pressão arterial baixa. Você vai colocar a culpa em mim? Você
está tentando me assediar?"
O rosto pálido de Estelle ficou vermelho brilhante
imediatamente. Então, ela gaguejou: "Não ... eu não quis dizer isso."
"Então, o que você quis dizer? Fiz minha parte trazendo você para o
hospital. Preciso hospedá-la na minha casa também? Estelle, foi você quem
cruzou a rua durante um sinal vermelho", Emily disse em uma voz fria
enquanto ela avançava.
"Eu não tenho nenhum outro lugar para ir." Estelle baixou os olhos
enquanto as lágrimas brotavam sob seus cílios.
"Isso não é da minha conta", respondeu Emily.
Bonnie, que estava ao lado dela, lutou para entender a situação.
Ela não entendia como Emily, que era tão gentil com ela, podia ser tão
fria com Estelle. Vendo que Estelle era tão humilde, ela não pôde deixar de
dizer: "Emily, ela não está se sentindo bem agora. Se ela ficar muito
emocionada, ela pode desmaiar de novo. Por favor, ajude-a ou posso até
mesmo dividir a casa que você alugou para mim com ela. "
Emily não respondeu, mas pegou a mão de Bonnie e se afastou.
"Emily, vamos conversar!" Estelle ainda não desistiu.
Emily parou, mas não se virou para encarar Estelle.

Melody e seus romances


"Estelle, não há mais nada a dizer entre você e eu!" Emily disse
friamente. Então, ela acrescentou por cima do ombro, "Ethan, cuide da sua
mulher!"
Com uma força imparável, ela saiu do hospital com Bonnie a reboque.
Foi muito mais tarde naquela noite, depois que Emily deixou Bonnie de
volta e voltou para sua própria casa. Ela havia tomado banho e agora estava
secando o cabelo enquanto estava sentada ao lado da cama. As palavras de
Estelle ecoaram em sua mente novamente. "Eu não tenho nenhum outro
lugar para ir."
"Emily, o que aconteceu?"
Emily estava deprimida desde que voltou. Jacob circulou sua cintura
por trás com seus braços fortes, e ele gentilmente apoiou o queixo em seu
ombro. Seu hálito quente fez cócegas em sua orelha, formigando em sua
espinha.
Emily parou o que estava fazendo, inclinou levemente a cabeça para
olhar para Jacob e disse: "Jacob, você pode me ajudar a descobrir o que
aconteceu com a família de Estelle?"
Jacob pegou seu telefone e mandou uma mensagem para um de seus
subordinados sem hesitação. Três minutos depois, ele recebeu um e-mail.
Jacob olhou o e-mail e entregou o telefone para Emily. Ele se
encarregou de secar seu cabelo molhado com movimentos suaves.
Emily olhou com atenção para o documento anexado ao e-mail e
amaldiçoou Sybil em seu coração.
De acordo com o documento, Sybil vendeu a casa às escondidas, sem
se importar em informar Estelle. Com o dinheiro da venda, Sybil comprou
uma nova propriedade e se mudou - deixando Estelle na miséria.
Olhando para o endereço residencial no final do documento, ela
zombou. Jacob sussurrou ao lado de seu ouvido, "Você quer que eu cuide
disso para você?"
Ele sabia como sua esposa era bondosa. Mesmo que Estelle a tivesse
traído, Emily ainda não suportava deixá-la sozinha nesta confusão.
"Tudo bem. Vamos dormir um pouco. Podemos lidar com isso juntos
amanhã." Emily se sentiu cansada após o incidente da noite e se recostou
nos braços seguros de Jacob. Sentindo seu calor e ouvindo seu poderoso
batimento cardíaco, ela imediatamente se acalmou.
"OK." Jacob enterrou a cabeça no lindo cabelo de Emily, beijou seus
exuberantes cabelos e gentilmente a segurou em seus braços.

Melody e seus romances


Na manhã seguinte, Sybil estava de bom humor. Afinal, ela havia se
mudado para sua nova casa. Depois de se vestir, ela saiu para comprar duas
bolsas novas para ela no shopping. Mas assim que ela saiu pela porta da
frente, ela viu Emily e Jacob.
Abaixando a cabeça, ela amaldiçoou em sua mente sobre o quão infeliz
foi para ela encontrar seus inimigos nesta estrada. Ela fingiu não vê-los e se
virou, preparando-se para seguir em uma direção diferente.
No entanto, ela viu dois carros pretos estacionados no cruzamento
bem na frente dela.
"Então, você se atreve a se virar e fugir logo depois de me ver. Você
cometeu um crime?" Emily zombou. Sempre que Jacob estava com ela, ela
estava sempre cheia de confiança.
Envergonhada, Sybil se virou com um sorriso forçado e secretamente
olhou para o homem ao lado de Emily. "Oh, é Emily. Eu não te vejo há muito
tempo."
Sybil não podia ofender Emily nem se esconder dela. Percebendo isso,
ela sentiu que era apenas seu azar hoje. Afinal, ela sabia, sem dúvida, o
quão poderoso era o homem ao lado de Emily.
"Não tenho tempo para meditar com você. Seus lucros com a venda de
sua casa serão divididos com qualquer pessoa que mereça receber uma
parte de acordo com a lei. Não é, Sybil?"
Emily não mencionou o nome de Estelle, mas era óbvio que ela estava
insinuando que, como Estelle era filha de Sybil, ela merecia receber uma
parte do dinheiro com a venda da casa de Sybil.
Sybil valorizava o dinheiro tanto quanto sua vida. Além disso, ela
sempre acreditou que Estelle era apenas sua filha adotiva, então ela não
estava disposta a dividir o dinheiro com ela.
"Eu a criei, comprei comida e roupas e ensinei-a a ser excelente. Ela
voluntariamente renunciou à sua parte como pagamento para mim. Sim, ela
voluntariamente desistiu."
Emily tinha visto pessoas sem vergonha, mas ela nunca tinha visto
ninguém tão sem vergonha como Sybil antes. Ela realmente não queria
ouvir mais nenhuma palavra dela.
Jacob sabia o que Emily estava pensando, então perguntou friamente:
"Você vai dividir o dinheiro com Estelle ou não?"

Melody e seus romances


Sybil estava assustada. Sem dúvida, ela nunca poderia ficar cara a
cara com Jacob. Mas ela estava relutante em dividir o dinheiro com Estelle
apenas por causa das ameaças desse homem.
Ela sorriu obsequiosamente. "Não é que eu não queira dividir o
dinheiro com Estelle. Porém, já paguei minha dívida com o dinheiro da
venda da casa. E agora, realmente não tenho mais dinheiro para dar a ela.
Como você bem sabe , O pai de Estelle está gravemente doente e Ellen está
na prisão. É difícil para mim cuidar dos negócios da família sozinha. "
O rosto de Jacob ficou ainda mais frio. "Então, você afirma que não vai
dividir o dinheiro com ela?"
Sentindo-se mortificada ao ouvir essa pergunta, Sybil deu um sorriso
estranho nos lábios.
Ela amaldiçoou Jacob em seu coração. Ela sabia que, se não desse a
parte de Estelle do dinheiro hoje, talvez não pudesse continuar na cidade a
partir de amanhã. Para ser mais direto, seria impossível para ela continuar
vivendo nesta cidade a partir de hoje.
"Claro, vou dar a ela o que é dela. Mas Estelle não é minha filha. Eu só
vou dividir o dinheiro com ela porque o nome dela está em nosso registro
doméstico."
Estelle ficou chocada ao receber a notificação de transferência de
dinheiro. Ela não podia acreditar que Sybil algum dia estaria disposta a
transferir o dinheiro para ela. Ela estava fora de si?
Ela olhou para Ethan, que estava ocupado preparando comida para
ela. Seria devido a ele que Sybil havia transferido o dinheiro para ela?

Capítulo 1374 Chegando a um acordo


Na manhã seguinte, Emily voltou ao apartamento da cidade, o Sanva
Apartment.
Ela pretendia passar mais tempo com Jacob, mas também o ouviu
dizer que Darren não tinha feito nenhum movimento desde que Bonnie
escapou. Este não era seu estilo.
Então, Emily queria ir verificar Bonnie o mais rápido possível. Afinal,
ela precisava saber os detalhes da vida de Bonnie para rastrear Darren,
mesmo que fosse injusto com Bonnie, já que ela não tinha ideia do que
estava acontecendo.
Assim que Emily abriu a porta, Bonnie, com Emi em seu braço, a
abraçou com uma saudação amigável. Ela parecia ainda mais feliz do que

Melody e seus romances


Emi em ver Emily. Ela disse rapidamente, "Emily, você saiu com tanta
pressa ontem. Eu temi que você demoraria alguns dias para voltar!"
Ontem, Emily parecia sem cor. Quando ela disse que precisava ir para
casa, Bonnie não se atreveu a pedir que ela ficasse, embora também
estivesse preocupada com a menina ferida, Estelle.
Emily sorriu e acariciou a cabeça de Emi. "Claro que eu teria voltado
assim que tivesse arrumado minhas coisas."
"Emily, eu quero ir para a entrevista no Hospital RD amanhã. Não
quero perder mais tempo. Você acha que eu deveria fazer um novo
penteado em um salão de beleza hoje? Ou comprar algumas roupas
novas?" Bonnie agora era responsável por seu próprio futuro, especialmente
agora que ela havia perdido contato com Darren. Ela queria colocá-lo para
trás, deixando-o em seu passado para que pudesse continuar com uma vida
normal.
Ela pediu a opinião de Emily porque se sentia insegura. Se Emily
acreditasse que poderia ser indicada no Hospital RD, ela tentaria. Se Emily
não confiasse nela, Bonnie mudaria seu objetivo e encontraria uma nova
carreira.
"Você definitivamente deveria tentar, é claro. Eu acho que você é
bonita o suficiente, e você não precisa fazer nenhuma mudança. Você
precisa que eu vá com você ao hospital?" Emily perguntou, com a intenção
de apoiar Bonnie. Ela queria acompanhar Bonnie, mas foi cautelosa para que
Bonnie não suspeitasse de seu entusiasmo excessivo.
Como ela esperava, Bonnie balançou a cabeça e recusou. "Obrigado
pela oferta, Emily. Eu irei lá sozinha."
"Tudo bem. Vou esperar por suas boas notícias amanhã. Bem ..."
Emily fez uma pausa. "Você precisa que eu dê uma nota ao diretor do
hospital antes da entrevista?"
Bonnie balançou a cabeça e disse com firmeza: "Não, não. Ainda
prefiro ser empregada com base em minhas próprias habilidades."
Emily concordou com a cabeça.
No dia seguinte, Bonnie saiu do apartamento mais cedo. Emily, que
ficou sem nada para fazer em casa, de repente ouviu uma batida na
porta. Pensando que foi Bonnie quem pode ter esquecido algo em casa,
Emily abriu a porta. No entanto, ela ficou surpresa ao ver Estelle parada do
lado de fora da porta. Ela parecia magra e a mala em sua mão estava
manchada.
Estelle sorriu. "Emily, você poderia me colocar em sua casa?"

Melody e seus romances


Seu sorriso era triste e seus olhos estavam desesperados.
Emily franziu a testa e olhou para Estelle, depois riu alto. De repente
impaciente, Emily perguntou: "O quê? Você falhou em me chantagear antes,
e agora você tenta uma nova tática?"
O rosto de Estelle ficou sem cor. Ela lambeu os lábios secos e disse:
"Estou aqui para lhe agradecer!"
"Para quê?" Uma pontada de constrangimento brilhou nos olhos de
Emily. Embora ela não tenha revelado nada em seu rosto, ela ainda deixou
Estelle entrar.
Ontem, Jacob disse a Emily que se Estelle realmente queria fazer as
pazes com eles, eles poderiam muito bem lhe dar uma chance.
Afinal, Darren ainda estava no escuro. Quanto menos problemas,
melhor.
"O que você quer beber? Só há água da torneira em minha
casa!" Vendo que Estelle estava sentada no sofá parecendo inquieta, Emily
não conseguiu encontrar outro assunto para acalmar a atmosfera estranha.
"Não preciso de nada. Na verdade, vim aqui para te contar uma
coisa." Estelle tentou puxar Emily para sentar ao lado dela, mas Emily se
esquivou.
Retirando a mão desajeitadamente, Estelle esfregou as mãos
incessantemente. Mas quanto mais ela esfregava, mais fria ela sentia. Ela
decidiu pular e disse: "Obrigada por recuperar o dinheiro para mim!"
"Não foi culpa minha!" Emily negou com arrogância.
"Eu vim aqui hoje não apenas para expressar minha gratidão. Eu
também não tenho outra escolha a não ser pedir sua ajuda. Você sabe que o
dinheiro que Sybil me deu não é suficiente. Você poderia me ajudar a
conseguir mais dela?"
As palavras de Estelle deixaram Emily atordoada. Ela piscou como uma
coruja e perguntou: "Não é o suficiente? O que diabos? Quanto ela te deu?"
"Cem mil!" No entanto, cem mil não satisfizeram Estelle, porque ela
queria comprar sua casa de volta, o que custaria mais de um milhão!
Ela conheceu o novo dono de sua casa e descobriu que o certificado de
propriedade ainda não havia sido transferido. Ela tinha até a próxima
semana para devolver a casa, se conseguisse dinheiro suficiente.
"Quanto você quer?" Emily ergueu as sobrancelhas. Ela não conseguia
entender Estelle de forma alguma. Cem mil eram suficientes para atender às

Melody e seus romances


suas necessidades por um tempo, sem mencionar que Sybil havia admitido
para ela que Estelle não era filha da família Wang.
“Eu quero levar minha casa de volta! Aquela mulher não tinha o direito
de vendê-la!
Ela não tinha o direito! "Emily pensou um pouco antes de responder:"
Pelo que eu sei, ela tem mais direito do que você de ser dona daquela casa.
"
"E se eu encontrar evidências de sua infidelidade?" Estelle deu um pulo
de repente e olhou para Emily séria.
"E daí? Não tem nada a ver comigo. Cem mil é o máximo que eu
poderia conseguir por você." A voz de Emily ficou cada vez mais fria. Ela não
conseguia entender como essa mulher que a havia traído teve coragem de
exigir sua ajuda.
Esta mulher até fingiu estar em uma condição tão pobre e miserável
para ganhar sua simpatia.
"Não é da sua conta, é claro. Mas você é a esposa de Jacob, e Jacob é
o inimigo jurado de Darren. Talvez Bonnie devesse saber disso!"
Aparentemente, Estelle pretendia ameaçar Emily para ajudá-la.
"Estelle, você não quer que eu pense que você tem uma alma
ingrata!" Emily avisou sombriamente.
Estelle encolheu os ombros e disse com indiferença: "Silêncio, dinheiro
é barato. Eu só quero pedir a Jacob um pequeno favor! Leve minhas
evidências para Sybil e obtenha meu certificado de propriedade de volta
dela. Isso é tudo!"
"Vou ter que perguntar a Jacob sobre isso." Emily não fez
promessas. Vendo Estelle em tal confusão, ela acrescentou: "Se você não
tem mais medo da morte, pode tentar falar mais bobagens!"
Um traço de tristeza passou pelos olhos de Estelle. Ela sabia que Emily
havia perdido o último resquício de respeito por ela agora. Como sua missão
original havia sido cumprida hoje, ela decidiu partir.
Vendo Estelle se preparar silenciosamente para sair com sua bagagem,
Emily não teve coragem de deixá-la ir. "Você não pode ir!"
"Por que não?" Estelle se virou surpresa. Emily olhou para ela com
impaciência. Mas Estelle simplesmente olhou para Emily sem falar.

Melody e seus romances


"Temo que você fale bobagem quando for embora, e eu não posso te
vigiar. Então, vou deixar você viver aqui com Bonnie. Se Bonnie descobrir
alguma coisa, será por sua conta. Isso vai seja o seu fim, então. "
Portanto, com essas palavras indelicadas, Emily deixou Estelle ficar.
Quando Bonnie voltou mais tarde, ela estava muito deprimida. A
entrevista tinha corrido bem no início, mas depois ela descobriu que o
diretor do hospital fora chamado a negócios, então ela não poderia conhecê-
lo hoje. Ela não sabia quando ele poderia voltar, mas não podia esperar
mais.
No momento em que ela abriu a porta, ela viu Emily e Estelle sentadas
no sofá. Ela de repente se sentiu encantada. Descobriu-se que Emily era
muito mais gentil do que fingia ser, porque agora decidira abrigar Estelle.
Emily conteve seus sentimentos de relutância e perguntou a Bonnie
com um sorriso, "Você parece tão feliz. Você passou na entrevista?" Ela já
sabia a resposta, porém, porque Jacob havia organizado tudo.
Bonnie balançou a cabeça tristemente e fez beicinho. "Não!"
"O Hospital RD não tem vaga?" Emily pareceu um pouco
surpresa. Jacob garantiu a ela que mesmo se o RD Hospital não precisasse
de mais funcionários, eles ainda contratariam Bonnie, já que ele havia dito
isso.
"Não, não foi isso que aconteceu. Disseram que só o diretor deles
poderia tomar a decisão final. No entanto, ele está em viagem de negócios e
pode se ausentar por um tempo. Mas, dada a minha situação financeira
atual, mal posso esperar. longo." Bonnie desabou no sofá desanimada.
Nem um pouco incomodada com o constrangimento, Bonnie não se
importou em discutir a situação vergonhosa. Ela já havia começado a
considerar Emily como um membro da família, então ela conversou
alegremente com ela sobre tudo francamente.
"Espere alguns dias. Deixe-me ver se posso ajudá-lo nesse assunto",
disse Emily. Então, Emily pegou seu celular e se preparou para ligar para
Jacob e contar o que havia acontecido.
Inesperadamente, Estelle interrompeu: "O RD Hospital é sua única
opção? Você já pensou em se inscrever em outros hospitais?"
"Mas os outros hospitais não estão com falta de pessoal no momento,"
Bonnie respondeu francamente, já que ela não tinha ideia sobre o acordo
entre Estelle e Emily. Mas antes que Estelle pudesse dizer mais alguma
coisa, Emily se levantou e convidou Estelle para seu quarto.

Melody e seus romances


Capítulo 1375 Palavras desagradáveis
"Estelle, lembre-se da sua promessa. Mantenha sua boca fechada e
não diga nada. Por favor, não interfira no assunto de Bonnie, ou nosso
acordo será rescindido. Não me importo de derrotar meu inimigo a qualquer
custo", disse Emily em voz baixa com uma cara fria enquanto ela se
encostava na porta.
'Inimigo? Eu sou seu inimigo? '
Diante das ameaças de Emily, Estelle ficou chocada por um momento,
mas de repente sorriu, parecendo ainda mais feia do que quando chorava.
Afinal, Estelle havia traído Emily no passado. Agora, era impossível
para Emily tratá-la como amiga novamente.
"Emily, agora que fiz uma promessa a você, não vou voltar atrás na
minha palavra, mas minha paciência é limitada. Eu só vou esperar por você
até as 9 horas desta noite, e não vou perder mais um minuto depois que
está esperando por você. Eu juro que Bonnie então descobrirá
imediatamente sua trama. "
Depois de dizer isso, Estelle deu uma olhada do lado de fora e
acrescentou: "Vou manter minha palavra".
Emily olhou para a mulher estranha à sua frente. Ela se perguntou
como Estelle havia se tornado tão terrível, apesar de ainda ter o mesmo
rosto e voz gentis.
Foi a primeira vez que ela se arrependeu de ter pedido a Jacob para
soltar Estelle. Ela até tentou ajudar Estelle pedindo a Sybil para dividir o
dinheiro com Estelle, e agora, Estelle a estava ameaçando cara a cara.
Ela abriu a porta e deixou Estelle sair primeiro. Então, ela pescou o
celular do bolso e ligou para Jacob.
"Jacob, Estelle descobriu sobre a situação de Bonnie." A voz de Emily
estava muito calma, mas do outro lado da linha, Jacob ficou quieto por um
momento antes de perguntar, "Ela está com você?"
Então, ele acrescentou: "Ela ameaçou você?"
Emily sentiu um calor no coração, porque as primeiras preocupações
de Jacob sempre foram com ela, e ele entendia muito de suas palavras.
"Ela quer ter sua casa de volta", Emily zombou, pensando que Estelle,
que sempre fingiu estar infeliz e gostava de colocar a culpa nos outros, havia
cruzado sua linha repetidamente.

Melody e seus romances


Jacob permaneceu em silêncio por um momento. Por fim, ele suspirou
ao telefone e sua voz tornou-se mais gentil. "Não se preocupe, eu vou
resolver."
Meia hora depois, o carro de Jacob parou em frente ao apartamento
Sanva.
Depois de se acalmar, Emily piscou para Estelle, gesticulando para que
ela a seguisse escada abaixo.
"Bonnie, Estelle esqueceu algo. Vou com ela buscar. Você come
primeiro - não espere por nós." Emily casualmente inventou uma desculpa.
Bonnie olhou brevemente para as duas mulheres que estavam agindo
de forma tão estranha. Estelle parecia bastante tensa. À luz disso, Bonnie
concluiu que deve haver algo acontecendo entre Emily e Estelle.
Um brilho de confusão brilhou em seus olhos. No entanto, Bonnie deu
um sorriso doce e respondeu: "Ok, já que Estelle vai morar aqui, vou
arrumar um quarto para ela mais tarde."
“Ok! Obrigada, Bonnie,” Emily respondeu com um sorriso.
Assim que Emily e Estelle desceram, Jacob e Ethan saíram do carro.
Estelle congelou quando viu Ethan. Sentindo-se consciente de si
mesma, ela se virou e quis ir embora.
Mas Emily agarrou a mão dela. Puxada por Estelle, que tentava fugir,
quase tropeçou e caiu.
Emily não esperava que Ethan viesse também. Mas já que Jacob o
trouxe aqui, ele deve ter um plano. Ela caminhou até Jacob e acenou para
Ethan.
A atenção de Ethan estava fixada em Estelle. Ele caminhou até ela e
tentou segurar sua mão, mas ela deu um passo para trás e se esquivou de
seu alcance.
Estelle temia que se reconciliasse com ele devido às suas doces
palavras, pois não suportava a ideia de ser novamente traída por ele.
"Estelle." Sentindo-se ofendido, Ethan olhou para ela, sua expressão
tão triste quanto a de uma dona de casa abandonada.
Estelle se afastou intencionalmente com indiferença dele e olhou para
Emily um tanto zangada. "Emily, agora você está quebrando sua promessa?"
"Você acha que eu sou como você?" Emily olhou para ela com desdém.
Ao ouvir a repreensão, o rosto de Estelle ficou vermelho de raiva.

Melody e seus romances


Jacob protetoramente pegou Emily em seus braços. Parecendo calmo,
ele disse em uma voz monótona, "Ethan irá ajudá-lo a realizar seu plano. Ele
é meu homem."
Estelle ficou chocada com a revelação de que Ethan era o homem de
Jacob. Por que ela não sabia disso? Afinal, ela estava com ele há muito
tempo.
Ou Ethan tinha escondido tantas coisas dela? Estelle sentiu que era
apenas o animal de estimação de Ethan.
Ela havia tentado muito escapar dele, mas ele parecia puxá-la como se
ela estivesse na coleira e não tivesse chance de escapar.
Seu rosto ficou pálido. Estelle olhou para Jacob e perguntou: "Quando
vocês se deram tão bem um com o outro?"
Ela ainda não conseguia acreditar que Ethan era o homem de Jacob.
Mas Jacob parecia não ter necessidade ou desejo de explicar.
Estelle não teve escolha a não ser olhar para Ethan, seus olhos cheios
de dúvidas. "Ethan, o que ele quis dizer? E eu não disse para você me deixar
em paz? Não continue me importunando. Terminamos!"
Depois do acidente de carro, Estelle havia falado muitas palavras duras
e veementes, especialmente para Ethan. Agora, ela havia perdido
tudo. Assim, ela não se importava mais com nada nem ninguém, incluindo
seu amante e amigos!
Ethan não esperava que Estelle reagisse tanto ao ver o grampo da flor.
Quando Jacob ligou para Ethan e disse que iria providenciar para que
ele visse Estelle, Ethan correu sem hesitar.
Vendo que Estelle estava tão chateada e angustiada, Ethan sentiu
pena dela. Ele não se atreveu a dizer que Estelle o tinha entendido mal em
relação ao grampo de flor, mas ele realmente não tinha outra maneira de
explicar a ela.
Além disso, uma vez que Estelle deixara tudo muito claro e até o
avisara para não importuná-la, ele não tinha outra escolha a não ser fingir
que também não se importava com o relacionamento amoroso deles.
Assim, ele abriu as mãos e sorriu. "Eu não queria vir aqui. Eu apenas
apostei contra Jacob e perdi. Desde que perdi, não tive escolha a não ser vir
aqui para fazer um favor a ele, conforme combinado na aposta."
Ele apontou para Jacob e continuou a explicar: "Eu não sabia que ele
iria me pedir para fazer um favor. Se eu soubesse que era você que eu tinha

Melody e seus romances


que ajudar, eu teria vindo mesmo se tivesse ganhou a aposta. No entanto,
isso só prova que estamos destinados a ficar juntos. Estelle, você não
concorda comigo? "
O tom de voz e atitude de Ethan mudou muito do começo ao fim.
Se fosse qualquer outra garota que o estivesse ouvindo, ela teria
concordado animadamente.
Mas Estelle era diferente. Ela apenas sentiu que não conseguia
distinguir entre a verdade e as mentiras com este homem. Sua língua doce
poderia enganá-la tão facilmente. Não querendo continuar enredada com
ele, ela passou por ele e caminhou em direção a Emily.
Ela iria ter sua casa de volta, mas ela nunca pediria a Ethan para
ajudá-la. Ela não queria mais ter nada a ver com ele. Além do mais, ela
estava relutante em estar em dívida com ele.
"Emily, encontre alguém para me ajudar. Eu vou manter
absolutamente tudo sobre Bonnie confidencial."
Estelle estava disposta a aceitar a ajuda de qualquer pessoa, exceto
Ethan.
Emily zombou e suspirou ao pensar em como o coração de Estelle era
insondável. Pareceu a Emily que Estelle era apenas uma mulher
insaciávelmente gananciosa.
Jacob se virou, tirou do carro um envelope com documentos e
entregou a Estelle. Sem dar a ninguém a chance de contribuir, ele disse
decisivamente: "Aqui está tudo o que temos sobre as transgressões
anteriores de Sybil e informações sobre o melhor advogado. Isso será
suficiente para Ethan ajudá-lo a recuperar a casa. Não seja assim insaciável.
Não tome como certo que você pode me ameaçar com Bonnie como sua
moeda de troca. Estou disposto a pedir a Ethan para ajudá-lo apenas porque
Emily ainda se preocupa com sua amizade com você. Caso contrário, posso
garantir que você terá nenhum lugar para ficar desde que você se atreveu a
ameaçar Emily esta noite. Mesmo se você for a mulher de Ethan, eu não vou
mostrar misericórdia. Não seja tão desavergonhado. "
Jacob estava obviamente zangado. Na verdade, ele desenvolvera uma
profunda antipatia por Estelle. Ela cometeu uma transgressão tão terrível,
mas ela nunca sentiu qualquer culpa. Em vez disso, ela se tornou cada vez
mais gananciosa. Jacob achou isso realmente nojento.
Emily não parou Jacob dessa vez. Embora ela fosse muito mais
temperamental do que Jacob, ela também estava lutando para tolerar o
comportamento de Estelle.

Melody e seus romances


Capítulo 1376 Corrida para obstáculos
As palavras de Jacob foram duras. O rosto de Estelle ficou pálido e
uma pedra parecia ter se alojado em sua garganta. Ela não podia dizer
nada.
Vendo isso, Ethan deu um passo à frente imediatamente e protegeu
Estelle de Jacob. Então, ele olhou para ele com uma expressão insatisfeita.
Ele sempre protegeria sua mulher, não importa o quão cruel ela fosse.
Ele pegou o envelope com os documentos de Estelle e segurou sua
mão. Só então ele percebeu que sua mão estava tremendo e viu que seu
rosto estava terrivelmente pálido. Lembrando-se de como ela parecia
extremamente cansada no hospital, ele de repente ficou preocupado.
Ele apertou a mão de Estelle com força, na esperança de aquecer seus
dedos gelados. Seus olhos se encontraram, e os dele estavam cheios de
profundo afeto.
"Estelle, se você não quiser me ver, irei desaparecer assim que tiver
ajudado a resolver este assunto. Não vou pedir que volte para casa comigo.
Se quiser ficar sozinha, vou te dar espaço e tempo. Só quero levá-lo para
jantar fora. Você está sofrendo de pressão baixa. Se algo acontecer com
você de novo, como você vai ter sua casa de volta? "
Estelle não disse nada sobre isso. Ela não tinha mais forças para
discutir com Ethan.
Agora, Ethan parecia ser a gota d'água que ela tinha que agarrar para
salvá-la desse dilema. Ela não o recusou desta vez e saiu com ele.
Depois que eles desapareceram na esquina, Jacob de repente abraçou
Emily e deu-lhe um beijo apaixonado em sua testa.
"Minha querida Emily, demorei muito tempo e energia para consertar
isso. Como você vai me retribuir? Huh?" Sua coquete repentina assustou
Emily, dissipando seus escrúpulos e dando-lhe arrepios.
Ela não pôde deixar de perguntar: "Onde você aprendeu a falar em um
tom tão coquete?"
Emily estava profundamente preocupada por causa de Estelle e sentiu
um aperto no peito. No entanto, com Jacob agindo como uma criança
mimada, sua infelicidade parecia ter desaparecido.
Na verdade, Jacob havia notado o desconforto de Emily. Ele também
notou como as ações infantis de Ethan deixaram Estelle feliz. Portanto, ele
agiu como um jovem com o propósito de divertir Emily.

Melody e seus romances


Ele só queria que Emily relaxasse mais.
Afinal, seu estado emocional ainda estava em tratamento. Embora ela
parecesse bem, era muito importante ter cuidado com suas emoções.
"Aprendi com Ethan. Também parece funcionar bem com você", disse
Jacob com orgulho.
"Bem, se você quer que eu te retribua, que tal eu te oferecer um
jantar chique?" Emily disse, sentindo-se estranha.
"Bem, está quase escuro. É realmente hora de ... um
banquete." Enquanto Jacob falava, ele olhou ansiosamente para o pescoço
branco e delicado de Emily, claramente querendo dizer outra coisa.
Emily estava bastante ciente de suas intenções. De repente, ela corou
do rosto ao pescoço, a cabeça zumbindo. Ela bateu no peito forte de Jacob e
tossiu. "Há comida lá em cima."
Jacob balançou a cabeça. "Eu não posso deixar Bonnie saber sobre
mim por enquanto."
Emily concordou. "Há um novo restaurante ocidental no shopping nas
proximidades. É muito bom. Vou convidá-lo para jantar como uma
recompensa pelo seu 'trabalho árduo' hoje!"
Ela enfatizou sensualmente as palavras "trabalho duro" de propósito.
Jacob riu. Esta Emily animada e enérgica era tão charmosa.
No caminho para o shopping, Emily disse a Jacob que o diretor do RD
Hospital tinha ido embora a negócios por um tempo.
Eles planejaram providenciar para que Bonnie trabalhasse no Hospital
RD, mas, inesperadamente, o diretor saiu abruptamente. Uma vez que Jacob
já havia organizado tudo de antemão, mesmo que o diretor precisasse viajar
para uma viagem de negócios, ele deveria ter dito a seus subordinados para
dar um emprego a Bonnie. Mas ele não tinha feito isso.
Ela tinha um pressentimento de que algo estava errado.
Jacob pensou um pouco antes de responder. "O diretor não está
viajando a negócios. Ele está desaparecido. A verdade foi encoberta por
enquanto."
"O quê? O diretor do Hospital RD sumiu? Quem tem o poder de
encobrir uma história tão grande?" Emily ficou muito surpresa. Um diretor
de hospital não era qualquer pessoa. Quem poderia ocultar notícias tão
grandes, exceto Jacob?

Melody e seus romances


Jacob não respondeu imediatamente, mas ergueu as sobrancelhas
para ela.
Emily franziu a testa e pensou por um momento, e então de repente
disse: "Então, é o que Darren está fazendo?"
Jacob sorriu e acariciou carinhosamente sua bochecha. "Minha Emily é
muito inteligente."
Ele então explicou: "O médico que tratou Darren em seu ferimento à
bala morreu. Uma semana depois, o diretor do hospital desapareceu.
Quando descobri este incidente, não consegui encontrar nenhum sinal dele!"
Enquanto Jacob falava sobre este assunto, seu tom ficou obviamente
mais frio. Ele tinha acabado de receber a notícia hoje cedo, mas até então,
ele não conseguia encontrar nenhum vestígio do diretor em qualquer lugar.
Emily de repente teve uma sensação de mal-estar.
Darren estava se escondendo na escuridão, mas ainda tinha o poder
de controlar o Hospital RD e até mesmo fazer o diretor desaparecer.
Mais cedo, Jacob havia contado a ela sobre a morte daquele médico, o
que a assustou. Portanto, Emily decidiu ser a única que tomou a iniciativa, e
ela decidiu começar com Bonnie. Mas agora, até o diretor do hospital estava
desaparecido.
Do que mais Darren era capaz? Ao mesmo tempo, seus pensamentos
se voltaram para Bonnie, a garota boba e ingênua. Ela era tão inocente que
acreditava que todos neste mundo eram gentis e bons. Ela não tinha ideia
da pessoa horrível que ela salvou.
Jacob sentiu o medo de Emily, então balançou a cabeça e disse: "Não
tenho certeza. Não tenho todos os fatos agora. Bem, não vamos falar sobre
isso esta noite. Onde fica o restaurante ocidental de que você falou?"
Jacob ainda estava preocupado com Emily.
Emily então percebeu que eles já haviam chegado ao shopping. Ela
levou Jacob para o restaurante ocidental distraidamente. Embora ela
estivesse caminhando, pensamentos sobre o médico morto e o diretor
desaparecido giravam em sua mente.
Emily já havia percebido a gravidade da situação. Ela informou Jacob
sobre o que Bonnie estava fazendo todos os dias e descreveu seu
temperamento.
Enquanto isso, em sua casa, Bonnie estava com medo de que eles não
tivessem comida suficiente para quando Emily e Estelle voltassem, então ela
pediu muita comida por meio de um aplicativo para viagem, incluindo pizza

Melody e seus romances


e sobremesa. Ela pensou que Emily e Estelle poderiam comer juntas quando
voltassem.
Ela poderia dizer que algum conflito deve ter surgido entre Emily e
Estelle que as deixava tão irritadas.
Ela havia lido o ódio em seus olhos. Mas ela também tinha visto um
toque de sinceridade neles, o que pode ter sido uma evidência de sua
amizade anterior verdadeira.
Bonnie esperou muito tempo em casa, mas nenhum dos dois
voltou. Finalmente, ela não teve escolha a não ser ligar para Emily. Ela
soube que os dois não voltariam para o jantar esta noite.
Nos dias seguintes, nem Emily nem Estelle retornaram.
Bonnie estava entediada sozinha em casa, então ela saiu para procurar
um emprego sem discutir isso com Emily.
Tinha planejado procurar emprego como enfermeira ou farmácia, mas
ninguém queria contratá-la e havia muitos motivos para recusá-la.
Ela era apenas uma garotinha. Por isso, algumas entrevistadoras
temiam que ela engravidasse e pedisse licença-maternidade assim que a
contratassem. Isso era tão ridículo!
Depois de várias entrevistas fracassadas, Bonnie reduziu seus
requisitos para encontrar um emprego.
No entanto, ela até falhou em ser aprovada na entrevista para
empregos comuns, como ser escriturária ou trabalhar no atendimento ao
cliente, o que a frustrou muito.
Ela até começou a suspeitar que havia falhado nas entrevistas porque
não era bonita o suficiente.
Então, ela ligou para Emily, embora ela hesitasse por um longo
tempo. Finalmente, ela foi direto ao ponto. "Emily, você acha que eu sou
feio?"
Emily recentemente tinha ficado atolada com o assunto da casa de
Estelle e as preocupações com Darren. Quando ela ouviu a pergunta de
Bonnie, ela ficou chocada. Depois de um longo tempo, ela respondeu: "Não,
eu ... acho que não."

Capítulo 1377 Bonnie sendo abduzida


"Oh, entendo," Bonnie respondeu desanimada. Ela detectou a
hesitação quando Emily garantiu que ela não era feia. Isso a fez acreditar
que Emily estava apenas tentando ser legal e disse isso para confortá-la.

Melody e seus romances


Ela se sentou no parterre, sentindo-se extremamente chateada. Assim
que decidiu continuar procurando emprego, ela recebeu uma ligação de um
número estranho.
Bonnie atendeu o telefone imediatamente. Quando ela ouviu a voz
familiar do outro lado da linha, ela se sentiu quase hipnotizada. No entanto,
quando ouviu as palavras que se seguiram ao telefone, desejou nunca ter
atendido.
"Sr. Yu, você não pode ser um pouco mais atencioso comigo? Eu não
sou sua babá!"
Era Darren na linha. Ele a acusou assim que a ligação foi completada,
dizendo: "Como você ousa fugir de novo! Desta vez, você fugiu com meu
dinheiro!"
Depois que Bonnie ouviu essas palavras, ela olhou para cima, apenas
para descobrir que Darren estava parado na frente dela. Ele ficou ereto
enquanto se elevava sobre ela com o sol cegando atrás de suas costas. Ele
usava um chapéu preto, deliberadamente dobrado para baixo para cobrir o
rosto.
Bonnie estava sentada e, portanto, em uma altura mais baixa do que
ele, caso contrário, ela não teria reconhecido seu rosto.
Mesmo estando disfarçado da cabeça aos pés e usando um chapéu,
sua figura esguia era bonita demais para ser ignorada. Muitos transeuntes
olharam para ele com interesse.
O coração de Bonnie disparou. Ela se levantou, foi até ele e
murmurou: "O que você está fazendo aqui?"
"Estou aqui para te levar de volta!" Com essas palavras, Darren
estalou os dedos e dois homens vestidos à paisana apareceram ao lado
dele. Sem esperar pela reação de Bonnie, Darren imediatamente exigiu:
"Você quer que eu te force a voltar, ou você virá comigo por sua própria
vontade?"
“Eu não vou com você,” Bonnie respondeu resolutamente. Com essas
palavras de desafio, Bonnie se virou e estava prestes a voltar para casa.
Darren não ficou chateado. Ele a seguiu e disse: "Você sabe que sou
um homem muito mau, não é?"
Bonnie revirou os olhos para Darren e disse: "Eu não sabia disso
antes, mas agora eu sei. Obrigada por me lembrar."
Darren ficou chocado com as palavras duras de Bonnie. Ele olhou em
volta vigilantemente. Quando viu seus homens o seguindo de perto, ele

Melody e seus romances


continuou: "Então, terei de forçá-lo a voltar comigo! Por todos os meios
necessários."
"Eu não vou voltar!" Bonnie insistiu.
No entanto, ela não sabia como sua insistência aborreceu Darren
dessa vez. Ele não planejou culpá-la por fugir sem sua permissão, mas
agora ele ficou seriamente ofendido com isso.
Darren agarrou Bonnie e avisou-a em voz baixa, "Bonnie, se você não
me ouvir, seus pais vão pagar o preço. E sua irmã e irmão."
Bonnie estava atordoada e finalmente parou. "Você está falando
sério?"
"Sim eu estou!"
Com a confirmação dele, Bonnie estava com tanta raiva que ela queria
dar um tapa na cara de Darren. Ela reagiu, tentando fazer isso. No entanto,
Darren foi mais rápido do que ela.
Darren agarrou ambas as mãos com força. Não importa o quão furiosa
Bonnie estava, ele segurou suas mãos e olhou para ela com um olhar triste.
Bonnie era uma garota teimosa. Ela instantaneamente cerrou os
dentes e praguejou: "Você é apenas uma escória, seu bastardo!"
Darren apenas sorriu, como se esse tipo de abuso chato não tivesse
nenhuma influência sobre ele.
Quando o pulso de Bonnie ficou vermelho de raiva, Darren afrouxou o
aperto. Ele pegou a pequena e teimosa Bonnie imediatamente e
voltou. Naquele exato momento, um carro preto parou na frente deles. Eles
entraram no carro.
Bonnie nem mesmo teve a chance de pedir ajuda. Ela tentou gritar,
fazendo um pequeno som, mas aqueles que testemunharam o que estava
acontecendo só pensariam que estavam flertando.
"Sr. Yu, você não é uma pessoa tão cruel para fazer algo assim!" Já
que eles estavam em um espaço fechado, Bonnie sabia que ela não poderia
escapar. Ela também sabia que Darren era o tipo de homem aberto à
persuasão, mas que não tolerava coerção. Então, ela decidiu usar uma
abordagem mais suave.
Caso contrário, ele estava certo de ser tão irritado como uma besta.
"Cruel? Eu sou cruel? Eu te machuquei de alguma forma?" Darren
respondeu, lançando várias perguntas para ela.

Melody e seus romances


"Quero dizer ..." Bonnie não sabia o que dizer. Percebendo que ela
ficou sem palavras, Darren imediatamente perguntou: "Por que você fugiu?"
Desta vez, Bonnie encontrou as palavras para argumentar
novamente. "Eu também tenho minha própria vida, Sr. Yu. Foi por acaso que
nos conhecemos."
"Só por acaso nos conhecemos? Você não deveria dizer que salvou
minha vida?" Era raro Darren admitir que devia a alguém por salvar sua
vida. Se Jacob tivesse ouvido, ele teria dito que Darren deve ter
enlouquecido.
Não, claramente, ele era realmente um homem enlouquecido.
"Eu salvei sua vida? Você realmente me vê como seu salvador, Sr.
Yu?" Os olhos de Bonnie brilharam como se ela tivesse encontrado alguma
esperança em que se agarrar. Ela continuou: "Então por que você acabou de
me ameaçar com minha família?"
"Eu só estava te avisando para não ser desobediente. Embora você
tenha salvado minha vida, ainda sou seu empregador!"
O argumento de Darren quase deixou Bonnie sem fôlego de raiva.
Bonnie olhou para Darren com um sorriso forçado. "Eu posso devolver
o seu dinheiro para você."
"Você não pode devolver meu dinheiro", disse Darren friamente.
Isso foi puro absurdo. Como alguém pode se recusar a receber o
reembolso de seu dinheiro? Bonnie não podia acreditar no que ele disse. Ela
pegou o celular, pronta para transferir o dinheiro de volta para Darren.
No entanto, ao desbloquear o celular, ela recebeu uma notificação de
transferência. Darren disse, sem nem mesmo olhar para o celular dela:
"Acabei de transferir oito milhões de dólares para a sua conta".
A absurda soma de dinheiro deixou Bonnie estupefata e, por vários
minutos, ela ficou atordoada. Então, Darren continuou: "Tenho poder sobre
você e não preciso recorrer a seus queridos pais."
Bonnie sabia que o mundo estava cheio de truques e enganos, mas ela
não conseguia entender qual era o propósito de Darren.
Darren viu a expressão de confusão em seus olhos e sorriu
alegremente.
Quando Bonnie olhou para ele boquiaberta, Darren continuou: "Você
recebeu oito milhões de dólares. Isso é um grande negócio! A polícia pode
pensar que você está envolvido em uma fraude! Uma fraude muito séria!"

Melody e seus romances


Como ele esperava, o rosto de Bonnie ficou pálido com a ameaça. Ele
riu de repente, mas então sua risada tornou-se um som vicioso.
"Isso te assusta? Então venha comigo!" Darren disse novamente.
Bonnie olhou para Darren, olhou para ele e disse sombriamente, "Não
me atrevo a pular do carro."
Ela finalmente admitiu que não tinha escolha agora a não ser ir com
ele.
Darren finalmente deu um sorriso de sucesso. Bonnie tinha pensado
que voltar com Darren era apenas uma viagem de volta, mas agora ela
estava presa por ele.
Ele até confiscou o telefone dela!
Bonnie foi forçada a ficar em seu quarto. Ela estava sendo observada e
monitorada mesmo quando estava apenas relaxando em frente à TV. Os
guardas eram tão inexpressivos quanto máquinas.
De volta ao apartamento, Emily descobriu que Bonnie havia saído de
casa, então ela ligou imediatamente.
No entanto, nenhuma de suas chamadas foi conectada.
No terceiro dia, Emily decidiu pedir ajuda a Jacob. No entanto, Jacob
também não conseguiu encontrar nenhum vestígio de Bonnie.
"Ela deve ter ido com Darren!" Jacob franziu a testa e acariciou a
cabeça de Emily para confortá-la. "Você não precisa mais se preocupar com
Bonnie. Talvez ela estivesse disposta a ir com Darren, e você simplesmente
não viu suas verdadeiras cores."
"Eu acho que não. Ela é uma garota simples e ingênua", Emily disse
inflexivelmente. Enquanto conversavam, um grupo de rapazes saiu de
repente do prédio.
Eles continuaram olhando para Emily e Jacob. Emily ficou intrigada
com seus olhares estranhos, mas então o grupo de homens de repente
cumprimentou Jacob.
Emily estava pasma. Ela olhou para Jacob e depois para os rapazes
que continuaram a cumprimentá-la.
Emily ficou ainda mais surpresa. "Olá. Mas quem são vocês? Vocês
dois parecem tão familiares", Emily disse a dois deles.
"Sim, nós ajudamos você e seu amigo a mudar a mobília há alguns
dias", os dois rapazes responderam com alegria, claramente lisonjeados por
ela ter se lembrado de sua gentileza.

Melody e seus romances


"Tudo bem, e vocês?" Emily se virou para olhar para o resto deles,
pensando que deviam ser um grupo.

Capítulo 1378 Sr. Ciúme


"Cunhada, prazer em conhecê-la. Somos todos amigos de Jacob",
explicou um jovem.
"Olá, você pode me chamar de Emily", Emily respondeu com um
sorriso.
O homem que falou primeiro coçou a cabeça e disse: "Não ousamos
chamá-lo pelo seu nome. Jacob ficará zangado." Ele deu a Jacob um olhar de
soslaio enquanto falava.
Todos riram da piada inteligente. Até os lábios de Emily se curvaram
em um sorriso, e ela deu mais alguns olhares para o jovem.
Jacob, que estava observando Emily o tempo todo, naturalmente não
perdeu a mudança em sua expressão. Finalmente, ele se sentiu um pouco
mais aliviado. Claramente, ela conseguia rir com mais facilidade, indicando
que sua condição estava melhorando.
Mas quando ele percebeu que os olhos de Emily pousaram naquele
homem, ele sentiu um pouco de ciúme e seu rosto escureceu
inconscientemente.
Logo, o ar ficou com uma pitada de ciúme.
"Se você não tem mais nada para fazer, você deve ir agora. Não nos
perturbe!"
"Sim Sim." Vendo a mudança de atitude de Jacob, os rapazes não se
atreveram a ficar mais e rapidamente se despediram. Se o demônio ficasse
com raiva, seria terrível.
Depois que eles saíram, Jacob se virou e olhou para Emily. "Emily,
seus olhos devem olhar apenas para seu marido. Você não pode olhar para
outros homens!" ele disse vivamente.
"Jacob, não aprenda com Ethan," Emily o repreendeu impotente. Ele
era um homem decidido e indiferente, mas podia se tornar tão infantil por
causa dela. Seria uma mentira se ela dissesse que não se sentiu
tocada. "Além disso, eles não são seus amigos?" Emily perguntou.
"Sim, mas isso não faz diferença."
As palavras de Jacob foram decisivas e Emily o observou
cuidadosamente. Notando o olhar sério em seus olhos, ela não sabia se
chorava ou ria.

Melody e seus romances


'Senhor. Ciúmes!' ela pensou.
Pensando nisso, Emily sentiu que era frustrante e doce. Então, ela se
inclinou e beijou Jacob na bochecha.
Seu toque suave fez Jacob sorrir. Quando Emily estava prestes a se
afastar, Jacob a pegou novamente e selou seus lábios com um beijo
verdadeiro, que se aprofundou sem piedade.
O homem bonito e a mulher bonita já chamavam a atenção, sem falar
que estavam se beijando. Embora Emily tentasse o seu melhor para se
libertar, ela foi agarrada com força por Jacob, tornando impossível para
aqueles de fora verem sua luta.
O rosto de Emily logo ficou vermelho como um camarão cozido. Ela
teve um vislumbre dos olhares de soslaio dos transeuntes e sentiu como se
estivesse enlouquecendo.
Mas Jacob era tão autoritário que não se importava com estranhos
olhando. Quando se sentiu satisfeito em beijar Emily, ele a soltou e
acrescentou: "Não olhe para outros homens aleatórios de agora em diante."
Emily não se atreveu a discutir e assentiu obedientemente.
Afinal, ele era Jacob.
Ele não mudaria de ideia facilmente.
Ao meio-dia, depois do almoço, Ethan levou Estelle direto para onde
Sybil estava hospedada.
Mas antes que Estelle pudesse dizer uma palavra, os olhos de Sybil se
iluminaram. Então, seu ódio forte explodiu, e ela ergueu os braços enquanto
corria para o rosto de Estelle.
Estelle não teve tempo de se esquivar de seu ataque. Ela estava
pronta para aceitar a dor que Sybil estava prestes a infligir em seu rosto,
mas a dor antecipada não diminuiu.
Ela abriu os olhos, apenas para ver Ethan segurando o pulso de Sybil e
sacudindo-a tão facilmente quanto sacudir uma mosca.
A força de Ethan era tão grande que Sybil deu alguns passos para se
equilibrar. No final, ela não conseguiu fazer isso, tropeçou e caiu no chão.
Ela olhou para Ethan com raiva, mas desistiu da ideia de tentar revidar
contra ele ao perceber que não poderia derrotá-lo com sua força inferior.
Tendo evitado a dor esperada, Estelle não olhou para Ethan, apenas
disse "obrigada" a ele levianamente.

Melody e seus romances


Agora que eles haviam terminado, ela não achava que protegê-la fosse
algo que Ethan fosse obrigado a fazer.
Este "obrigado" feriu Ethan em seu coração. Quando coisas ruins
aconteciam, ela preferia pedir ajuda a Emily, e não a ele. E agora, ela ainda
estava tão distante dele.
"Estou aqui para recuperar minha casa. É melhor você me pagar até o
último centavo da venda porque você agiu ilegalmente ao vendê-la. Se você
recusar, não haverá lugar para você na cidade de Jingshi", Estelle
ameaçou. Ela não sentia mais nenhuma simpatia pela mulher à sua
frente. Agora, ela só queria receber o dinheiro de volta para poder voltar
para a casa do pai.
Assim que Sybil viu Estelle parada sobre ela com altivez, ela pensou na
filha que ainda estava na prisão e ficou furiosa. "Você colocou minha filha na
prisão! Como ousa me pedir dinheiro?"
Quanto mais ela olhava para Estelle, mais Sybil a odiava do fundo de
seu coração. Parecia que ela queria rasgar Estelle em pedaços. No entanto,
com a presença maciça de Ethan, ela não se atreveu a agir
precipitadamente.
"Essa casa foi comprada pelo meu pai e é propriedade da Família
Wang. Você a vendeu sem me avisar antes porque aproveitou a chance e
agiu contra a lei. Meu pai está doente na cama, mas com certeza vou ficar
com a casa dele seguro para ele. Eu não vou deixar você escapar vendendo
isso! " Estelle não queria falar com sua mãe nominal por muito tempo. Seu
tom era tão frio quanto o inverno.
Estelle sabia que a casa da Família Wang foi a primeira propriedade
que seu pai comprou. Quando ele esteve fora de casa no passado, ele
sempre disse que se sentia muito aquecido e seguro toda vez que voltava
para casa. A casa da família parecia ter uma atmosfera especial. Estelle
nunca permitiria que fosse mudado tão facilmente sem o conhecimento de
seu pai.
Ouvindo suas palavras, Sybil bufou de repente e lentamente se
levantou do chão. Ela se levantou e disse: "Com que amor você o chama de
'pai'. Mas estou lhe dizendo, Estelle, você não merece falar dele assim! "
Estelle ficou pasma. Instantaneamente, suspeita sombria e
sentimentos de inquietação surgiram em seu coração.
'Sobre o que ela está falando?' ela pensou.
Antes que Estelle estivesse pronta para aceitá-lo, palavras mais
implacáveis derramaram da boca de Sybil sem aviso enquanto ela dizia:

Melody e seus romances


"Seu pequeno bastardo! Você não é a filha da Família Wang. Se o seu
suposto pai não tivesse tido pena em você e salvou sua vida, você teria
morrido! "
Estelle sentiu como se um zumbido tivesse começado em seu
cérebro. Ela havia duvidado de sua origem familiar antes, mas agora que a
verdade foi revelada, seu coração não pôde evitar doer.
Não era de se admirar que, por tantos anos, Sybil sempre tivesse sido
tendenciosa a favor de Ellen, só porque Estelle não era sua filha. Ela era
uma criança descartável que ninguém queria!
"Mas e você? A família Wang salvou você e ofereceu uma boa vida.
Então, o que você fez em troca? Você jogou minha filha na prisão. Agora,
você ainda insiste em me pedir dinheiro?" Sybil continuou com raiva. Mas
Estelle não estava com humor para ouvi-la.
Vendo a expressão de Estelle, Sybil sabia que Estelle devia estar
arrasada. A infelicidade de Estelle era pura felicidade para ela. Com um
sorriso de sucesso no rosto, Sybil girou nos calcanhares e saiu andando.
Ethan tinha planejado pará-la, mas vendo que Estelle quase desabou
naquele momento, ele só poderia deixá-la ir.
Tudo poderia ser resolvido mais tarde. No momento, a felicidade e a
segurança de Estelle eram mais importantes.
Afinal, ninguém poderia aceitar uma verdade tão dolorosa em tão
pouco tempo.

Capítulo 1379 O dedo de meu pai se moveu!


Ele lentamente acariciou suas costas em uma tentativa de confortá-la
e aquecê-la. Ele queria dizer a ela que não importava o que acontecesse, ele
sempre estaria ao lado dela.
Seu corpo tremia, mas ela teimosamente se recusou a deixá-lo
envolver os braços ao redor dela.
Com o passar dos anos, embora tivesse sofrido a antipatia de Sybil por
ela, seu pai sempre fora bom para ela. Ele amava ela e sua irmã Ellen da
mesma forma.
Foi por causa do amor dele que ela sentiu que sua casa era quente. Foi
o amor dele que a fez acreditar que fazia parte da Família Wang nos últimos
vinte anos.
Foi também por causa do amor de seu pai que ela ficou triste e
desesperada quando soube que não era sua filha biológica.

Melody e seus romances


Contudo...
De repente, ela se lembrou de que havia pedido a Ethan para ajudá-la
a determinar a verdade sobre esse assunto. Com sua habilidade, era
impossível para ele não ter descoberto esse fato.
Se ele já sabia a verdade, por que não disse a ela?
"Você já sabia a verdade?" Estelle olhou para ele de perto, finalmente
tendo visto tudo.
Olhando em seus olhos, Ethan hesitou por um longo momento, mas
acenou com a cabeça no final.
"Mas ..." Ele abriu a boca e ia explicar, mas Estelle o
interrompeu. "Então você já sabia de tudo e decidiu não me contar nada.
Você apenas me manteve no escuro como um idiota, não
é?" Instantaneamente, seus olhos se encheram de lágrimas, mas Estelle não
se preocupou em enxugá-los.
Olhando para o pequeno rosto dela coberto de lágrimas, o coração de
Ethan se despedaçou.
Se possível, ele teria contado a ela assim que descobrisse a verdade.
Naquela época, quando Estelle lhe pediu que a ajudasse a investigar o
assunto, ele descobriu os fatos no dia seguinte. Mas ele sentiu que este
assunto não era tão simples e muitos detalhes precisavam ser verificados
novamente.
Ele pretendia verificar os fatos com mais testemunhas, mas poucas
pessoas sabiam de nada sobre isso originalmente. Muitos anos se passaram,
então realmente demoraria algum tempo para desenterrá-lo novamente.
Ethan queria contar a verdade, mas o pai dela ainda estava doente na
cama, então ele não foi capaz de confirmar. Mais tarde, Ellen teve
problemas. Ele não queria aumentar as preocupações de Estelle, então
planejou contar a ela o que descobrira depois que tudo fosse esclarecido.
Se ele soubesse que a situação iria sair pela culatra assim, ele teria
contado a ela assim que descobrisse a verdade!
Mas não havia remédio para o arrependimento no mundo.
Mesmo assim, ele ainda queria explicar.
Ele estendeu a mão e segurou seus ombros trêmulos, olhando em seus
olhos com sinceridade enquanto dizia: "Ouça-me, Estelle. As coisas não são
como você pensa. Não tive a intenção de esconder de você, mas ..."

Melody e seus romances


"O suficiente!" Estelle não queria mais ouvi-lo. Ela afastou as mãos
dele, olhou para ele com decepção e disse: "Ethan, eu dei minha confiança a
você, mas você destruiu tudo!"
Ela fechou os olhos por um momento e disse: "Não vou mais acreditar
nas suas mentiras, Ethan."
Depois de falar, ela olhou nos olhos dele uma última vez e se virou
para sair.
Ethan sentiu como se seu coração estivesse partido e sangrando. Ele
deu um passo à frente e tentou segurá-la ao seu lado. No entanto, Estelle,
que parecia ter antecipado suas ações, ergueu a mão em um gesto para
detê-lo, sem nem olhar para trás, ao dizer: "Basta. Eu quero ficar sozinha.
Não me siga, a menos que me queira odiar você também. "
Ouvindo o que ela disse, ele rapidamente moveu os pés para trás. Ele
não podia fazer nada além de olhar para as costas dela recuando cada vez
mais para longe dele.
Lágrimas correram por seu rosto e ela saiu, uma mulher lamentável e
chorosa. A multidão pela qual ela passou olhou para trás com curiosidade de
vez em quando, mas ela não se importou com a curiosidade deles. Nesse
momento, tudo que ela queria era ir ao hospital e ver seu pai, o homem que
a salvou e sempre a amou.
Quando ela chegou ao hospital, seu pai ainda estava em coma.
Todas as vezes antes de vir para cá, ela verificava suas próprias
emoções e tentava ser positiva. Ela acreditava que, embora seu pai
estivesse em coma, ele ainda podia sentir seus sentimentos. Até o médico
disse a ela que, embora o paciente estivesse em um sono profundo, ele não
estava completamente alheio ao mundo exterior.
Essas palavras vieram para motivar Estelle, e ela se apegou a elas por
inúmeras visitas.
Foi o mesmo dessa vez. Ela enxugou as lágrimas e arrumou as roupas
fora da enfermaria. Ela não entrou na enfermaria até sentir que havia se
acalmado.
Ela colocou uma cadeira ao lado do leito de doente do pai. Então, ela
se sentou e segurou a mão do pai com força.
"Pai, sinto muito não ter vindo ver você há um tempo." Embora ela
tivesse tentado o seu melhor para cobrir sua frustração, sua voz trêmula a
traiu. Ela disse desanimada: "Muitas coisas aconteceram nos últimos dias, o
que me deixou muito triste."

Melody e seus romances


Se fosse no passado, seu pai teria lhe dado um abraço caloroso,
tocado sua cabeça e dito que tudo iria passar. Não importa o que
acontecesse, ele sempre a apoiaria silenciosamente.
Mas agora, ela não conseguia mais sentir esses atos calorosos.
Ela sorriu ligeiramente e então olhou para o pai. Ela contou a ele tudo
o que havia acontecido hoje como se estivesse contando uma piada. "Pai,
Sybil me disse hoje ... Ela me disse que eu fui adotado por você. Foi uma
piada tão engraçada! Ela estava mentindo, não estava? Você sempre foi tão
bom para mim. Eu sinto que sou mesmo sua filha biológica. "
Embora tivesse feito o possível para manter a compostura, Estelle
ainda não conseguiu evitar o soluço. "Eu deveria ter adivinhado a verdade
há muito tempo. Minha própria mãe não gosta de mim. Ela só gosta da
minha irmã ... No entanto, nenhum pai de verdade neste mundo poderia não
gostar de seus próprios filhos! Você é o único que já me amou. Você me
deixou sentir o que é o amor. "
Estelle se abaixou e encostou a cabeça na mão quente do pai, o que a
lembrou das boas lembranças da infância.
"Pai, você se lembra? Quando éramos crianças, você deixava Ellen e
eu adivinhar o que você comprou para nós. Aquele que acertasse receberia o
presente. Mas não importa se adivinhemos corretamente ou não, você ainda
dê esses presentes para nós ", disse Estelle com um sorriso no rosto. Era
como se ela realmente tivesse voltado àqueles anos, quando gozava de uma
felicidade pura e simples. "Da minha infância à idade adulta, nunca me senti
um estranho na Família Wang. Mesmo quando Sybil me tratou com dureza,
você sempre me defendeu. Você me ensinou muito. Você me deu todo o seu
amor e ternura. Você é um ótimo pai. "
Olhando para o rosto gentil e pacífico do homem dormindo no leito do
doente, ela parecia se lembrar de um fluxo de memórias. Estelle
rapidamente se acostumou com a atitude ruim de Sybil para com ela quando
criança. Ela já havia aceitado e até esperado o comportamento sanguinário
de Sybil e decidiu não lhe dar mais atenção. O que importava mesmo que
ela não fosse uma filha da Família Wang? Contanto que seu pai ainda
estivesse vivo, e ele ainda a amasse, o que importava se ela era sua filha
biológica ou não?
Pensando nisso, ela segurou a mão do pai com força e disse: "Pai, de
repente sinto que nada disso importa mais. Eu só preciso saber que você
sempre será meu pai. Para mim, isso é o suficiente."
Quando ela terminou de falar, a mão de seu pai, que estava
fortemente envolvida na dela, moveu-se um pouco.

Melody e seus romances


Ela piscou os olhos marejados, querendo ter certeza de que não era
um sonho. Então, de repente, ela gritou: "Doutor, o dedo do meu pai está se
movendo!"

Capítulo 1380 Uma ideia ousada começou a


se formar
Uma multidão de médicos se reuniu em torno da cama logo. Após um
exame minucioso, um médico balançou a cabeça com grande pesar, dizendo
que não havia nenhum sinal de que o pai de Estelle iria acordar.
"Como pode ser isso, doutor? Eu vi o dedo do meu pai se
mover!" Estelle disse ansiosamente.
"Srta. Wang, acalme-se. Podemos entender como você está se
sentindo agora. Não se preocupe. Nosso hospital acaba de comprar um lote
de medicamentos experimentais. Esses medicamentos são bastante úteis
para o tratamento de pessoas em estado vegetativo. Nesta fase, nós decidi
usar esses medicamentos nele. " O médico olhou para Estelle e não suportou
dizer a ela que o que ela vira havia sido apenas sua imaginação.
Os médicos frequentemente viam Estelle visitar seu pai e sabiam que
ela sempre cuidava bem de seu pai todas as vezes que ia.
Dizia-se que a maioria das pessoas não permaneceria fiel se seus pais
ficassem doentes por muito tempo. Mas Estelle havia insistido em cuidar do
pai por muito tempo.
O médico ficou comovido, mas tudo o que ele podia fazer era tratar
seu pai da melhor maneira possível.
Estelle entendeu o que o médico quis dizer. Quando soube que seu pai
não dava sinais de acordar, ficou desapontada, mas não teve escolha a não
ser acenar com a cabeça e dizer: "Obrigada, doutor. Enquanto você achar
que isso pode salvar meu pai, eu aceitará qualquer medicamento que você
queira usar. "
Talvez ela tivesse se enganado em sua crença anterior.
No entanto, ao ouvir que o hospital parecia ter algumas novas opções
terapêuticas, Estelle se sentiu renovada com esperança.
Ela sabia que era improvável que seu pai recuperasse a consciência
logo.
No momento, Ethan ainda estava pagando pelo tratamento médico de
seu pai, mas considerando seu relacionamento arruinado, ela pensou que
realmente não poderia deixá-lo pagar os honorários médicos mais.

Melody e seus romances


Portanto, ela tinha que encontrar um emprego primeiro e, em seguida,
ela deveria pensar em maneiras de comprar a casa de sua família de volta.
Na verdade, depois de vender a casa da família Wang, Sybil comprou
um pequeno apartamento. Além da dolorosa preocupação com o
encarceramento de Ellen, ela estava levando uma vida idílica.
Às doze horas da noite, Sybil finalmente voltou para casa. Ela estava
cheirando a álcool, o que indicava sua diversão durante a noite.
Ela estava cantarolando uma melodia e parecia estar de bom
humor. Mas quando ela abriu a porta, ela ficou chocada e não pôde deixar
de gritar de surpresa.
Sua casa vazia estava iluminada por uma luz forte. Ethan estava
sentado no sofá e podia ser visto da entrada, olhando para ela
fixamente. Parecia que ele estava esperando por ela há muito tempo.
Havia também vários homens de aparência muito hostil ao redor de
Ethan.
Quando Sybil reconheceu o homem sentado no sofá como Ethan, ela
sentiu seu medo desaparecer, e foi substituído por alívio. Afinal, ele não a
machucaria.
Mas ela ainda sentia raiva ao pensar em como ele havia entrado em
sua casa sem ser convidado.
Ela franziu a testa e até deu alguns passos para perto dele. "Sr. Gu,
você não sabe que é contra a lei você invadir minha casa?"
Ao ouvir isso, um sorriso zombeteiro apareceu em seu rosto, e seus
olhos brilharam maliciosamente quando ele disse: "Não se preocupe. Dê
uma olhada nisso primeiro."
Enquanto Ethan falava, Marc, que estava ao lado dele, já havia tirado
algo e estendido para ela com a mão. Quando Sybil olhou para ele, quase
desmaiou.
Esses homens terríveis não só invadiram sua casa, mas também
roubaram seu certificado de propriedade. Ela não tinha ideia do que fazer
sobre isso.
Ela inconscientemente estendeu a mão para pegar o valioso
documento, mas o vilão foi mais rápido. Assim que ela estendeu a mão, ele
tirou o pedaço de papel de seu alcance.
Ela mudou seu olhar cheio de raiva para Ethan, apenas para descobrir
que ele estava olhando para ela com calma. Parecia que ele já havia
adivinhado como ela reagiria ao ver o certificado de propriedade.

Melody e seus romances


"O que diabos você planeja fazer?" Sybil olhou para o homem à sua
frente com raiva e disse: "Estelle não é nenhum membro de nossa família.
Acho que não preciso lhe dizer isso."
Quando ele ouviu isso, o rosto de Ethan escureceu em um instante. Ele
desviou os olhos dela, enquanto Marc tirava um cheque.
"Sra. Wang, aqui estão vinte milhões de dólares. Você vai comprar a
casa da Família Wang com esse dinheiro. Depois disso, o dinheiro restante
deve ser suficiente para você desperdiçar por algum tempo. Mas se você
rejeitar esta oferta, você vai provavelmente perderá tudo. Então, não haverá
nenhum lugar para você morar na cidade de Jingshi de agora em diante ",
disse Marc friamente e sem expressão para a mulher na frente dele.
Em sua opinião, Ethan estava sendo muito gentil com essa mulher.
Sybil ficou chocada com a oferta. O que Ethan fez foi muito mais gentil
do que ela esperava.
Foi um bom negócio. Sem perder nada, ela ainda ganharia muito mais.
Na verdade, ela havia vendido a casa da família Wang para conseguir
dinheiro. Agora que uma quantia tão considerável de dinheiro estava sendo
oferecida a ela, não havia dúvida de que ela teria que aceitar a oferta. Seria
tolice recusar.
No entanto, ela não pôde deixar de ficar com raiva quando percebeu
que Ethan estava fazendo tudo isso apenas para agradar Estelle.
Enquanto ela estava perdida em pensamentos e atordoada por sua
bondade, a voz fria de Ethan soou novamente. "Vou te dar três dias. Então,
o prazo vai expirar. Daqui a três dias, você vai dar o certificado de
propriedade da casa da Família Wang para Estelle. Não acho que tenho que
dizer quem é o dono do casa deveria ser. "
Parecia que ele tinha certeza de que Sybil concordaria com o acordo,
então ele saiu sem dizer mais nada.
Por precaução, ele levou consigo o certificado de propriedade de Sybil
de seu novo apartamento.
Três dias se passaram muito em breve. Emily estava procurando por
Bonnie há dias, mas não havia notícias dela, e era como se ela tivesse
desaparecido.
Ela não pôde deixar de se perguntar se Darren havia sequestrado
Bonnie. Afinal, ninguém mais era tão capaz.
Para onde Darren poderia ter levado Bonnie?

Melody e seus romances


De repente, Emily se lembrou do primeiro dia em que conheceu
Bonnie. Remexendo sua mente com cuidado, ela até se lembrou de alguns
dos detalhes que antes achava sem importância.
Jacob descobriu que Darren tinha uma mansão no campo, mas seus
homens não encontraram Darren em qualquer lugar perto da mansão depois
de assisti-la. Isso significava que Darren não morava lá.
Mas a segurança lá era tão forte. Sem dúvida, havia pessoas
importantes hospedadas lá.
Bonnie tinha vindo de lá antes, então a única possibilidade era que
Bonnie estivesse morando lá.
Os guardas foram designados para cuidar de Bonnie.
Se então...
Uma ideia ousada começou a se formar na mente de Emily.
Bonnie foi levada de volta para o lugar de onde ela havia escapado
anteriormente. Ao contrário da última vez, ela agora era uma prisioneira.
Depois que seu telefone foi levado, os criados não falaram mais com
ela, e ela não tinha mais liberdade para ir a qualquer lugar como quisesse.
Bonnie estava enojada com tudo o que estava acontecendo e queria
falar com Darren, mas não conseguiu encontrar nenhum sinal dele. Isso a
deixou com raiva e a deixou impotente.
Finalmente, um dia ...
Bonnie queria fazer algumas tarefas domésticas para matar o tempo,
mas foi interrompida pelo servo. Depois, ela foi com raiva para o mordomo.
"Eu quero ver o Sr. Yu."
"O Sr. Yu está muito ocupado para vê-lo agora", disse o mordomo
friamente.
Foi por causa de sua fuga da última vez que todos os funcionários da
mansão foram punidos por Darren, então o mordomo não teve uma boa
impressão de Bonnie.
Mas desde que Darren ordenou que eles cuidassem dela, ele não
ousou tratá-la mal.
“Vá e diga a ele que se ele não aparecer hoje à noite, eu irei ...”
Bonnie pensou por um longo tempo, mas não conseguia pensar em uma
maneira de ameaçá-lo.

Melody e seus romances


“De qualquer forma, diga a ele que é melhor ele vir me ver às 8 da
noite,” Bonnie disse com raiva. Mas sabendo que os criados estavam apenas
seguindo as ordens de Darren, ela não desabafou sua raiva nos inocentes
nem dificultou as coisas para o mordomo.
O mordomo transmitiu suas palavras a Darren. Naquela noite, Darren
apareceu no quarto de Bonnie no momento em que o mordomo lhe contou.

Capítulo 1381 Disfarce


"Sr. Yu, você claramente se recuperou totalmente. Presumo que você
não precise mais de mim. Posso ir agora?" Bonnie olhou para seu captor
com raiva, mas ela não se atreveu a levantar a voz para ele. Embora ela
realmente quisesse descarregar sua raiva nele, ela se controlou, pois sabia
que ele tinha poder sobre ela.
"Como eu disse antes, mocinha, farei o que for preciso para mantê-la
aqui e nunca a deixarei ir!" Darren estreitou os olhos e olhou para ela, como
se estivesse zangado com ela por sua ignorância.
Seu olhar fixo lembrou Bonnie de suas ameaças anteriores, e ela
imediatamente ficou em silêncio quando seus medos vieram à tona. A
atmosfera ficou tão tensa que ela podia ouvir sua própria respiração rápida.
Bonnie cerrou os punhos enquanto pensava, 'Seu bastardo! Como se
atreve a me ameaçar com a vida da minha família! Você é um idiota! '
A raiva queimou em seu peito, mas ela não se atreveu a expô-la. Ela
temia que, se o irritasse, poderia trazer um desastre para sua família.
Ela não teve escolha a não ser conter sua raiva. Em vez disso, ela
perguntou educadamente: "Sr. Yu, salvei sua vida. Posso pelo menos fazer
um pedido?"
A raiva em sua voz pode ter sido escondida, mas o ressentimento e o
desafio em seus olhos não podiam ser ignorados. Sendo uma mulher simples
e ingênua, Bonnie não era páreo para Darren.
Darren podia lê-la como um livro. Ele viu as emoções furiosas em seus
olhos e achou muito divertido. Do nada, ele decidiu tirar sarro dela.
Com um sorriso no rosto, ele estalou os lábios e disse: "Claro, você
pode fazer um pedido. Ouvi dizer que, nos tempos antigos, para
homenagear o salvador, alguém oferecia seu próprio corpo. I acho que não
tenho outra escolha a não ser me oferecer a você, então? "
Sua sugestão ousada pegou Bonnie completamente desprevenida. Ela
engasgou com a própria saliva e tossiu violentamente. Ela entrou em pânico

Melody e seus romances


e gaguejou: "Sr. Yu, não é necessário que você se ofereça para mim.
Apenas me deixe ir."
"E se ... eu decidisse agradecer com meu corpo?" Com essas palavras
ousadas, Darren de repente deu um passo à frente e ergueu o queixo de
forma intimidante.
Bonnie engoliu em seco e olhou em pânico para o rosto bonito que
pairava sobre ela. A proximidade entre eles a deixava inquieta e ela
gaguejou: "Bem, você não precisa. Apenas esqueça. Você não precisa me
retribuir."
"Tudo certo." Darren a soltou, embora houvesse um traço de decepção
em sua voz enquanto falava.
Assim que a mão dele deixou seu queixo, Bonnie suspirou baixinho.
Ela teria acreditado nele se não tivesse visto a óbvia luz de travessura
em seus olhos. Aparentemente, ele estava brincando com ela.
Vendo que uma abordagem suave não funcionava, Bonnie tentou
endurecer. Ela fez beicinho com os lábios e o desafiou. "Sr. Yu, agora você
me prendeu ilegalmente, então acredito que posso processá-lo por isso!"
Darren caiu na gargalhada quando ouviu isso. Ele sorriu para ela e
disse: "Bem, você precisa primeiro sair do terreno."
Seu sorriso exultante a calou com sucesso. Bonnie estava
completamente impotente sob tais circunstâncias. Darren certamente tinha a
vantagem aqui.
Uma terrível estranheza os envolveu. Darren esperou muito tempo e
descobriu que a garota havia ficado completamente em silêncio. Por fim, ele
respondeu com uma cara séria: "Bonnie, vou te dizer uma coisa. Já que eu
trouxe você aqui, é óbvio que não vou te soltar. Então é melhor você parar
de pensar nisso."
Antes que Bonnie pudesse reagir, ele continuou: "Quando você me
salvou, eu disse que não era uma boa pessoa. No entanto, você optou por
não acreditar em mim. Além do mais, muito dinheiro mudou de mãos. Não
vou deixar você pega esse dinheiro de graça. "
Depois de dizer isso, ele saiu sem sequer olhar para trás, deixando
para trás a perturbada Bonnie.

Emily queria ficar de pé ao lado de Jacob. A ideia de estar com ele e
poder ajudá-lo fez seu coração cantar. Um esplêndido sorriso apareceu em

Melody e seus romances


seu rosto quando ela decidiu agir. Ela não havia contado a Jacob seu plano e
agora estava pronta para agir sozinha.
Na manhã seguinte, ela se disfarçou e saiu de casa sem contar a
ninguém seus planos.
"Olá, estou aqui para me candidatar ao cargo de empregada
doméstica." Emily estava um pouco nervosa, temendo que a pessoa que a
entrevistou na mansão de Darren a reconhecesse.
Ela estava confiante em seu disfarce, mas ainda tinha muito medo de
ser descoberta. Emily engoliu em seco, sentindo como se estivesse fazendo
algo errado.
Pensando que a entrevista seria um desastre, ela tentou se preparar
para todos os desafios que enfrentaria. Afinal, ela precisava estar pronta
para o pior resultado. No entanto, para sua grande surpresa, o entrevistador
olhou preguiçosamente para ela e disse: "Você veio na hora certa.
Precisamos de um novo servo no momento. Você parece inteligente o
suficiente. Por que não tenta?"
Ao ouvir isso, Emily não pôde deixar de se regozijar em seu
coração. As coisas estavam indo melhor do que o esperado!
O recrutador parecia casual e irresponsável, e Emily secretamente
decidiu que, depois de voltar para casa, contrataria alguém mais
responsável para fazer a contratação em casa.
Apesar da alegria com seu estratagema de sucesso, Emily também se
sentiu um pouco inquieta. Ela pensou sobre seu plano e respirou fundo.
Alguém a conduziu pelas instalações e explicou-lhe os deveres do
trabalho. Ela foi informada de que oficialmente começaria a trabalhar
amanhã.
Emily viu uma chance e vagou pela mansão. Ela tinha sua própria
agenda.
No entanto, para seu azar, ela rapidamente se perdeu. Já que ela não
estava familiarizada com o layout da mansão, foi realmente difícil para ela
descobrir o paradeiro de Bonnie. Emily logo percebeu que estava
completamente perdida.
Não tendo tempo para enxugar o suor ansioso que escorria de sua
testa, ela tentou manter a calma e encontrar o caminho de volta para
fora. Felizmente, ela esbarrou em uma empregada e mentiu para ela que
queria usar o banheiro, mas a mansão era tão grande que ela não conseguia
encontrar o caminho de volta e queria que a empregada a mostrasse para
sair.

Melody e seus romances


A empregada a conduziu de volta para a porta da frente sem qualquer
hesitação.
No caminho de volta, Emily queria obter mais informações da
empregada, então ela conversou casualmente.
Emily era uma pessoa tão fácil de lidar que a empregada logo baixou a
guarda. Assim como Emily esperava, a empregada casualmente revelou
todos os meandros da mansão enquanto eles caminhavam. Ao ouvir essa
informação crucial da empregada, Emily ficou radiante. De acordo com a
empregada, Darren estava mantendo Bonnie aqui desde que ele a trouxe de
volta, e ele não havia retornado desde então.
Infelizmente, a agenda de Emily não foi concluída. Ela tinha pensado
que encontraria Bonnie assim que viesse aqui, mas para sua decepção, ela
não a encontrou, embora tivesse procurado por toda a mansão o dia todo.
Gradualmente, o crepúsculo se aproximou. Emily ficou
preocupada. Seu rosto empalideceu enquanto suas bochechas ardiam
quando ela começou a entrar em pânico.
Ela trabalhou tão duro para entrar na mansão. Não havia como ela
desistir tão facilmente!
Após dias conhecendo Bonnie, ela descobriu que Bonnie era uma
garota inocente e gentil. Ser controlada por Darren não era o tipo de destino
que Bonnie queria. Caso contrário, ela não teria tentado fugir dele à meia-
noite da última vez.
O pensamento de Bonnie sendo detida contra sua vontade irritou
Emily. Ela estava determinada a libertar a garota dessa prisão a qualquer
custo.
No entanto, antes de partir, ela não disse a Jacob para onde estava
indo. Pensando que ele poderia estar preocupado com ela assim que
descobrisse que ela havia partido, ela decidiu enviar-lhe uma
mensagem. Conhecendo seu temperamento, Emily não queria que ele se
preocupasse com ela.
Para garantir que ele não ligasse de volta, Emily se desfez de seu
cartão SIM assim que enviou a mensagem.
Na mansão Tyrone
"Emily, onde você está?" Jacob gritou por ela assim que voltou do
trabalho. O bem-estar dela sempre foi sua prioridade, e ele sempre a
verificaria todos os dias.

Melody e seus romances


Estranhamente, ninguém respondeu à sua chamada. As sobrancelhas
de Jacob se franziram e ele a procurou em todos os lugares. Emily não
estava em lugar nenhum. Ele pensou que ela poderia ter ido levar Emi para
passear, portanto, ele caminhou até a porta, indo para o lugar onde ela
normalmente passeava com o cachorro. Ele esperava encontrá-la lá.
Quando ele estava prestes a sair de casa como um furacão, Jacob de
repente percebeu algo branco na casinha de cachorro.
Ele parou e se aproximou para olhar. Era Emi, deitada ali dormindo!
A visão do cachorro congelou instantaneamente o sangue de Jacob. Ele
sentiu um nó se formar em sua garganta. Com a voz trêmula, ele chamou o
criado e exigiu saber para onde Emily tinha ido.
"Madame saiu cedo esta manhã. Ela não permitiu que ninguém fosse
com ela e nos disse que não havia necessidade de cozinhar para ela. Ela
também mencionou que não voltaria para casa o dia todo."
A raiva de Jacob disparou. Ele retrucou o servo: "Ela disse para não
segui-la, e você simplesmente não a seguiu? Por que você não a seguiu em
segredo então? Não está ciente de sua condição? Como você pôde deixá-la
sair sozinho?"
A raiva de Jacob era quase tangível. A criada estremeceu de medo e
não se atreveu a responder.
Só então, um alerta soou no telefone de Jacob e momentaneamente
congelou sua ira.
Era o tom de notificação de mensagem exclusivo que ele havia
estabelecido para Emily. Ele rapidamente checou seu telefone em busca de
uma mensagem, esperando que ela estivesse voltando. Ele deu um suspiro
de alívio. Apenas o som do alerta de alguma forma parecia indicar que ela
estava bem. Sua raiva desapareceu e seu rosto voltou à calma normal.
No entanto, em seu alívio, ele havia esquecido que Emily geralmente
ligava para ele. Só quando não era conveniente ligar para ele, ela mandava
uma mensagem. Algo estava claramente errado!
Portanto, quando ele pegou o telefone e leu a mensagem, Jacob sentiu
seu sangue ferver. A calma foi arrancada de seu rosto, substituída por
pânico e medo extremos.

Capítulo 1382 Cancelando o mandado de


prisão
"Jacob, eu sei onde Bonnie está. Ela é uma prisioneira na mansão
perto do lugar onde a conheci. Eu me juntei com sucesso como empregada

Melody e seus romances


doméstica aqui. Vou encontrá-la o mais rápido possível e trazê-la de volta.
Não se preocupe, Darren não está aqui. A propósito, para evitar ser
descoberto, não vou usar este número de telefone por enquanto. Espere eu
retornar. "
Jacob agarrou o telefone e discou o número dela imediatamente. Não
importa quantas vezes ele discou, ele só foi atendido com a voz fria ao
telefone. "Desculpe, o assinante que você discou não está disponível no
momento."
"Foda-se! Emily, como você ousa!" Jacob não pôde deixar de gritar
alto e seu rosto escureceu de raiva.
Ele ficou absolutamente apavorado quando pensou no que ela havia
feito. A mansão era a casa de Darren, e Darren era uma velha raposa
astuta. Como poderia ser possível que Emily tivesse entrado ali tão
facilmente e sem ele saber?
Deve haver algo suspeito acontecendo.
Reunindo todos os seus subordinados, Jacob correu para a mansão de
Darren. Enquanto isso, ele murmurava para si mesmo: "Emily estará segura.
Ela estará segura!"
Uma vez que Emily foi vista por Darren ... Jacob não se atreveu a
pensar no que aquela raposa astuta faria com ela.
Como Jacob previra, assim que Emily enviou a mensagem, ela se
sentiu bastante emocionada com seu progresso, mas então, de repente, ela
teve uma sensação de condenação que a fez entrar em pânico. Sentindo
alguém atrás dela, seu batimento cardíaco de repente começou a acelerar, e
ela estava com tanto medo que ficou sem fôlego.
Ela se virou lentamente e gritou instantaneamente quando viu o rosto
da pessoa atrás dela.
Ela nunca esqueceria aquele rosto.
Foi Darren!
Suas feições eram uma máscara de intenção mortal e maligna.
Isso abalou Emily profundamente.
As estrelas estavam veladas pelas nuvens, parcialmente ocultas e
parcialmente visíveis. As nuvens ao redor corriam pelo céu noturno. O
crepúsculo deu lugar à escuridão da noite, e as lâmpadas laranja à distância
brilhavam ameaçadoramente.

Melody e seus romances


A jornada até a mansão foi quase surreal. Como resultado do silêncio,
até mesmo os batimentos cardíacos agitados de Jacob podiam ser ouvidos.
"Depressa! Dirija mais rápido!" Jacob estava tão ansioso que insistia
para que o motorista acelerasse.
Darren sabia que Jacob viria no momento em que percebesse que
Emily fora levada, então ele pediu a seus homens para abrirem a porta para
Jacob.
No momento em que Jacob viu Darren, ele sentiu seu coração de
repente sendo torcido como se fosse um pano molhado sendo torcido por
uma enorme mão invisível. Uma onda de dor apunhalou sua mente,
entorpecendo seus sentidos.
Seus olhos ficaram vermelhos como sangue em um instante, enquanto
sua respiração acelerou ainda mais. Jacob olhou para Darren, cuja boca
tinha se torcido nos cantos em um sorriso sádico.
Que malandro refinado!
Jacob não saiu do carro imediatamente. Ele se acalmou no carro até
recuperar algum controle. Então, ele saiu lentamente, uma vez que não
estava tão irritado.
"Você chegou aqui tão rápido." Darren sorriu zombeteiramente, como
se estivesse anunciando a todos os presentes que havia derrotado Jacob, e
que ele era muito mais forte do que Jacob.
Jacob não respondeu à provocação de Darren. Ele secretamente
acenou para seu homem com uma das mãos.
Parecendo calmo, Jacob olhou para Darren. "Darren, muito tempo sem
ver. Por que você não me convida a entrar em sua casa para uma xícara de
chá? Você vai ser rude o suficiente para me deixar ficar aqui no seu quintal?"
Jacob ainda não sabia se Emily havia tirado seu cartão SIM para que
ele não pudesse entrar em contato com ela, ou se ela havia sido pega por
Darren.
Mas seja qual for o caso, ele não poderia agir impulsivamente. Jacob
não teve escolha a não ser esperar até que pudesse descobrir o paradeiro de
Emily.
Enquanto pensava nisso, ele sentiu uma sensação de calma e um
propósito se estabelecer nele.
"O quê? Você planeja ganhar tempo? Você está esperando seu homem
encontrar Emily?" Darren adivinhou a intenção de Jacob imediatamente e
percebeu as instruções sutis de Jacob para seu homem.

Melody e seus romances


Ele estalou os dedos e dois homens de preto avançaram e arrastaram
alguém para fora.
Imediatamente, Jacob reconheceu o homem que eles estavam
arrastando como aquele que ele havia enviado para encontrar Emily.
"Bem, eu sou tão estúpido? Como eu poderia deixar você entrar sem
antes me preparar para você?" Darren zombou de Jacob e riu.
Com a aparência dos dois homens de preto, o rosto de Jacob ficou
sombrio e taciturno. Ao ouvir as palavras de Darren, seu rosto ficou pálido e
ele parecia extremamente frio.
Seus próprios homens podiam sentir a frieza que emanava de Jacob e
não podiam deixar de estremecer.
Jacob e Darren pararam de discutir. O ar fedia com o fedor do conflito
entre os dois homens. Uma guerra estava prestes a estourar entre os dois
homens.
Por fim, Darren rompeu o impasse primeiro. Ele acenou com a mão
para os dois homens de preto. Então, um dos homens acenou com a cabeça,
virou-se e saiu.
Alguns momentos depois, ele voltou com uma mulher casualmente
jogada por cima do ombro.
Quando Jacob viu a mulher desmaiada sobre o ombro do homem, ele
não conseguiu mais esconder sua raiva. Ele olhou para Darren com os olhos
queimando como os portões do inferno.
"O que diabos você quer?" Ele não pôde deixar de perguntar, sua voz
pingando de raiva e ódio.
"Muito simples. Anular o meu mandado de prisão." Darren
desenvolveu um respeito relutante por Jacob, e ele sabia que Jacob era um
homem inteligente. Ele tinha certeza de que Jacob o entenderia facilmente.
Na verdade, Darren preferia lidar com pessoas inteligentes como
Jacob. Seria melhor se Jacob pudesse trabalhar para ele.
Jacob concordou sem hesitação. Enquanto pudesse salvar Emily, ele
faria qualquer coisa, mesmo ao custo de sua própria vida.
Ele pegou o celular e pediu a Chuck que retirasse o mandado de prisão
de Darren.
Chuck, que estava do outro lado da linha, não tinha ideia de por que
Jacob de repente estava dizendo a ele para cancelar o mandado de

Melody e seus romances


prisão. Ele ainda estava prestes a perguntar a Jacob sobre a mudança
repentina quando a ligação terminou.
Talvez algo tenha acontecido!
Com esse pensamento, Chuck instruiu seus homens a retirarem o
mandado de prisão de Darren imediatamente, e então os instruiu a descobrir
onde Jacob e Emily estavam.
Quando ele descobriu que Emily havia ido para uma mansão disfarçada
e não havia retornado, ele rapidamente entendeu a essência do que havia
acontecido. Mas ele também sabia que nada poderia fazer para ajudá-la. O
que ele poderia fazer era retirar o mandado de prisão conforme as
instruções.
Afinal, todos tinham alguém por quem se importavam. Ele faria o seu
melhor para salvar Emily, se possível.
Assim que Chuck rescindiu o mandado de prisão, os homens de Darren
receberam a notícia.
Depois de verificar se a informação estava correta ou não, Darren
acenou com a cabeça para o homem de preto que ainda estava segurando
Emily e pediu que ele a levasse até Jacob.
Olhando para o rosto pálido e sonolento de Emily, Jacob ficou
preocupado. Ele levantou a cabeça e olhou para Darren com os olhos
encharcados de ódio. Darren sorriu para ele e disse: "Não se preocupe.
Estou acostumado a fazer transações de boa fé. Emily está bem."
Então, Darren pareceu se lembrar de algo e acrescentou: "Oh, a
propósito, depois que a Sra. Emily acordar, estenda minha gratidão a ela.
Gostaria de agradecê-la por resolver meu maior problema."
Jacob zombou e olhou para Darren friamente com olhos
maliciosos. "Darren, você realmente acha que venceu? Vou levá-lo à justiça
mesmo que a lei não o faça."
"Mesmo?" Darren sorriu e disse em um tom agradável: "Bem, vou
esperar para ver isso."
Jacob olhou para ele ferozmente mais uma vez. Então, ele segurou
Emily com força em seus braços e rapidamente entrou no
carro. Imediatamente, os carros dispararam.
Durante toda essa conversa, Emily ainda estava inconsciente e sem
resposta. Ele teve que verificar seu estado imediatamente, então eles
tiveram que deixar a mansão o mais rápido possível.

Melody e seus romances


Felizmente, os resultados do hospital mostraram que Emily tinha
acabado de ser drogada.

Capítulo 1383 Falsa


A notícia de que Emily havia sido pega por Darren também chocou
Taylor e Louis, então os dois correram para a casa de Jacob assim que
souberam que Emily havia retornado em segurança com Jacob.
Vendo que Emily ainda estava inconsciente, Louis ficou furioso. "Jacob,
é assim que você cuida da minha irmã? Você não sabe que ela-". . . . .
Ele não terminou a frase, mas todos sabiam o que ele queria dizer.
Jacob não discutiu, mas abraçou Emily com ainda mais força. Parecia
que só assim ele poderia sentir a vida em Emily, através da respiração dela
em seus braços.
Ele realmente tinha medo de perdê-la. Seu maior medo era nunca
mais vê-la.
Ninguém sabia o quanto ele ficou angustiado quando soube que ela
fora à casa de Darren. Felizmente, ele foi capaz de salvá-la.
"Bem, ninguém queria que Emily se machucasse assim." Taylor
segurou o braço de Louis e fez sinal para ele parar de culpar Jacob.
"Ele é o que mais sofreu entre nós por causa disso. Ele é o último que
iria querer machucar Emily. Não o culpe." Taylor suspirou ao lançar um olhar
para Jacob.
De repente, eles ouviram sons suaves de tosse de Emily, que ainda
estava envolvida nos braços de Jacob. A tosse atraiu a atenção de todos.
Emily abriu os olhos devagar e disse: - Louis ... ... Aham. Não ... ... foi
minha culpa. Fui lá sem o conhecimento dele. Caso contrário ... ... Ahem.
..................... Do contrário, eu não teria sido capturado por Darren. "
"Ok, ok, eu entendo. Eu não quero culpá-lo. Apenas ... pare de falar,
ok?" Vendo como Emily estava tossindo muito por causa de seu esforço para
falar, Louis sentiu um aperto no coração e ele sentiu pena dela.
Foi só quando Louis finalmente prometeu a ela que não culparia Jacob
que Emily se sentiu aliviada, e sua tosse foi diminuindo aos poucos.
Sentindo-se preocupado, Taylor rapidamente foi até ela e falou
baixinho, verificando sua condição emocional. Depois de se certificar de que
Emily estava bem, ela saiu com Louis.

Melody e seus romances


Emily os observou partir, sua mente cheia de memórias por um longo
tempo. Ela já tinha adivinhado o que deve ter acontecido hoje, e como ela
foi trazida de volta para casa.
'Devo ter causado mais problemas', pensou ela.
Como sempre, Darren não era um bom homem. Ela simplesmente deu
a ele um meio de ameaçar Jacob arriscando sua vida.
Ela olhou para Jacob com os olhos baixos e sua boca se contraiu um
pouco amargamente. Embora ela soubesse que Jacob não a culparia, ela
ainda não se atreveu a olhar em seus olhos.
Ela desviou o olhar. "Jacob ... Eu causei mais problemas? Desculpe ...
Uh, uh ..."
Mas antes que ela pudesse terminar de falar, Jacob cobriu sua boca
com a dele.
Seu cheiro familiar encheu seu nariz. Jacob a beijou com cautela e
hesitação. No entanto, além de suas expectativas, ela respondeu a ele com
paixão.
Gradualmente, Jacob parou de beijar apaixonadamente e se
afastou. Ele se virou para Emily e segurou seu rosto seriamente entre as
mãos. "Emily, você realmente cometeu um erro terrível. Você não deveria
ter se arriscado! Você sabe o quão importante você é para mim? E se algo
acontecesse com você? Como você poderia se arriscar assim?"
Jacob questionou Emily tão seriamente só porque ele se importava
profundamente com ela.
As lágrimas inconscientemente começaram a correr por suas
bochechas. Ela abraçou Jacob e disse, "Jacob, me desculpe. Eu nunca farei
nada para fazer você se preocupar comigo novamente."
Do outro lado da cidade ...
Depois de receber o certificado de propriedade, Ethan dirigiu até o
apartamento que Estelle estava alugando. Olhando para o quarto dela, ele
fumou um cigarro após o outro.
Estelle viu o homem indiferente, solitário e arrogante esperando por
ela no andar de baixo quando ela se preparava para sair para o trabalho na
manhã seguinte.
As olheiras conspícuas sob seus olhos diziam muito sobre seu cansaço,
e havia muitas pontas de cigarro amontoadas ao lado de seus sapatos.

Melody e seus romances


O coração de Estelle parou de bater. Ela ficou repentinamente
comovida. Ele estava esperando por ela ... esse tempo todo?
"Estelle, você já tomou café da manhã? Eu trouxe o café da
manhã." Assim que Estelle saiu de casa, Ethan a notou. Ele apagou o
cigarro, pegou o café da manhã que acabara de comprar e correu para ela.
"Não, obrigado. Eu já tomei o café da manhã. Você comeu." O tom de
Estelle era frio e era óbvio que ela não estava interessada em falar com ele.
Embora ela já tivesse se acalmado, ela sabia que havia descarregado
sua raiva nele. Ele sabia a verdade e não a compartilhou com ela. Além
disso, o grampo de cabelo da jovem que ele guardava ainda era um espinho
alojado no coração de Estelle.
Antes que esses problemas fossem resolvidos, ela nunca poderia
aceitá-lo ou estar com ele novamente como se nada tivesse acontecido.
"Deixe-me levá-la para o trabalho", Ethan ofereceu hesitantemente,
temendo que ela o recusasse.
Estelle quis recusar, mas finalmente aceitou com um aceno de cabeça
quando a imagem dele parado ali sozinho passou por sua mente.
Originalmente, Ethan havia se preparado para ser recusado por ela. No
entanto, quando ele a viu assentindo, ele imediatamente enlouqueceu de
alegria. Ele estava feliz como uma criança. "Mesmo?"
Vendo sua reação alegre, Estelle não pôde deixar de rir.
Ao ouvi-la rir dele, Ethan corou e coçou a cabeça, parecendo muito
elegante.
Saindo do apartamento, Estelle resistiu à vontade de esfregar a cabeça
dele e, em vez disso, abriu a porta do carro dele, sentando-se do lado do
passageiro. Vendo isso, Ethan correu rapidamente para o lado do motorista.
Depois de entrar no carro, os dois pareciam não saber o que dizer e,
por um tempo, houve um silêncio constrangedor. O carro inteiro ficou
imediatamente envergonhado.
Estelle não aguentou mais aquela atmosfera constrangedora, então
perguntou casualmente: "Você cuidou dos meus negócios?"
"Não, ainda não fiz." Embora Ethan já tivesse obtido o certificado de
propriedade, ele não queria contar a ela ainda. Assim que o fizesse, não
teria motivo para voltar a ficar com ela.
Ethan estava mentindo para ela com calma. Na verdade, Estelle não
percebeu, ou talvez ela não se importasse, mesmo que ele estivesse

Melody e seus romances


mentindo para ela. Ela simplesmente não conseguia suportar o
constrangimento entre eles, então ela casualmente pediu a ele uma
atualização.
"Por favor, lide com isso o mais rápido possível!" Ela esperava que ele
pudesse resolver o problema da propriedade o mais rápido possível. Então,
seria desnecessário ela enfrentá-lo novamente. Agora, os dois precisavam
de algum tempo para se acalmar e pensar com cuidado sobre o futuro de
seu relacionamento.
"OK." Ele ainda manteve um ar de calma.
Tudo parecia estar indo bem, exceto no que dizia respeito a Darren.
Depois que Jacob saiu, Darren imediatamente instruiu seus homens a
iniciarem a transferência de ações, porque ele temia que algo inesperado
pudesse acontecer e interferir em seus negócios novamente.
Mas seu subordinado relatou que o contrato de transferência de ações
era falso, então ele não poderia transferir suas ações legalmente.
Era uma farsa ?!
Como isso foi possível?
Darren perdeu a paciência. Em uma fúria cega, ele passou os braços
sobre a mesa, varrendo todos os documentos para o chão, e então quebrou
vários vasos caros, um após o outro.
A pessoa que relatou o assunto a ele ficou apavorada com a
visão. Suas pernas não puderam deixar de tremer. O homem estava com
medo de que Darren despejasse sua raiva sobre ele.
Darren pensou a respeito com cuidado e se lembrou de que foram
Dina e Nora que foram buscar o contrato de transferência de ações.
Portanto, havia apenas duas possibilidades. Uma era que o contrato de
transferência de ações havia sido trocado por um falso antes que Dina e
Nora o tivessem coletado. Mas a probabilidade disso era extremamente
pequena. Dina e Nora não teriam sido estúpidas o suficiente para confundir
o contrato de transferência de ações falso com o real.
Em consideração a isso, Darren percebeu que havia apenas uma
possibilidade: Dina e Nora o haviam enganado com um contrato de
transferência de ações falso!
"Dina, Nora, como vocês se atrevem!" Darren cerrou os dentes,
ansioso para matá-los imediatamente.

Capítulo 1384 Disse-lhe Tudo

Melody e seus romances


Ele ficou totalmente chocado quando esse pensamento lhe
ocorreu. 'Como eles ousam!'
Darren chutou a mesa enquanto atacava de raiva e xingava em voz
baixa, "Merda!"
Ele coçou a cabeça ferozmente, puxando o cabelo
desajeitadamente. Ele sempre deu muito valor à sua imagem, tendo o
cuidado de se apresentar sempre como um cavalheiro elegante. Esta foi a
primeira vez que ele se fez parecer tão pouco sofisticado.
Como Nora já estava morta, Dina era a única culpada.
"Traga Dina para mim. Vou ajudá-la a descobrir as consequências de
me trair," Darren ordenou com uma voz fria enquanto cerrava os punhos.
Seus homens obedeceram às suas ordens e foram procurar Dina.
Foi fácil encontrar Dina. Afinal, por ser uma celebridade, ela
costumava aparecer em público. Mesmo tendo saído do círculo de
entretenimento, seu paradeiro sempre estava nas redes sociais.
Dina ficou surpresa ao ver o grupo de homens vestidos de preto
invadir sua casa. Ela estava tão apavorada que quase chamou a polícia.
"Trabalhamos para o Sr. Xu. Senhorita Li, por favor, venha conosco."
Dina não conhecia muitos homens cujo sobrenome era Xu. Portanto,
ela imediatamente adivinhou que o homem que a procurava não era outro
senão Darren.
Seu coração afundou de medo ao pensar nisso. Para ela, Darren era
um demônio que a perseguia sem parar. Ele instruiu seus homens a
encontrá-la sem qualquer aviso mais uma vez. Dina só podia imaginar que o
motivo pelo qual ele queria que ela fosse trazida a ele não era do interesse
dela.
Além disso, ela havia sido bastante inútil para ele por muito
tempo. Portanto, ela contemplou o motivo para ele procurá-la. Ele deve ter
descoberto que o contrato de transferência de ações era falso.
Quando Dina pensou nisso, ela começou a suar frio misturado com
medo. Então, seu rosto ficou pálido e ela tentou recusar. "Eu ainda tenho
que ir trabalhar esta tarde, então não posso sair ..."
"Senhorita Li, por favor."
Os guarda-costas eram friamente indiferentes à recusa dela e
pareciam que iriam jogá-la no chão para arrastá-la se ela se recusasse a ir
com eles.

Melody e seus romances


Dina não pôde fazer mais nada a não ser entrar no carro com eles, e
eles a levaram às pressas para ver Darren.
Bang ...
Ao ouvir o som da porta do carro sendo fechada, Dina não pôde deixar
de tremer. Ela olhou para Darren enquanto tentava conter o medo no
coração. Ela pensou consigo mesma: 'Está tudo bem. Nora está morta e
Darren não tem evidências para provar que falsifiquei o contrato de
transferência de ações.
Ela disse: "Sr. Xu, o que posso fazer por você?"
"Oh, eu subestimei suas habilidades, não subestimei? Como você ousa
pregar peças bem debaixo do meu nariz?"
Dina congelou com as palavras dele e quase começou a suar frio. "Sr.
Xu, não entendo do que está falando. Faz um bom tempo que não entramos
em contato. Por que está com pressa de vir me acusar agora?"
"Você é tão bom em atuar e fingir. Não admira que você seja um
superstar", Darren zombou, olhando para ela com um desgosto frio. "Você
realmente precisa de um lembrete meu? O contrato de transferência de
ações."
"Eu já não te dei o contrato de transferência de ações?" Dina
perguntou a ele, fingindo que não tinha ideia do que ele estava se referindo.
Embora Jacob tivesse lhe dado uma saída, ele não estava aqui agora e
não poderia ajudá-la em nada. A situação era claramente tão perigosa que
seria tarde demais quando ele chegasse, então ela não tinha outro recurso a
não ser fingir ignorância.
"O quê? Você achou que poderia me enganar com um contrato de
transferência de ações falso?" Darren havia perdido a paciência depois de
ver que ela ainda se recusava a reconhecer suas transgressões em relação
ao contrato de transferência de ações falso.
Enquanto ele acenava com a mão, seus homens imediatamente
agarraram os braços de Dina e a arrastaram para fora.
Dina sabia que Darren não tinha mais paciência com ela.
De repente, ela se lembrou de flashes de como ela havia sido
torturada por aquele demônio!
Ela realmente não queria sofrer em suas mãos novamente. Foi o
suficiente para ela ter experimentado sua tortura sádica uma vez.

Melody e seus romances


"Ok, vou te contar tudo!" Dina gritou imediatamente, um medo mortal
tomando conta dela.
Darren acenou com a mão e parou seus homens quando soube que ela
estava disposta a confessar o que tinha feito.
Assim que Dina foi solta, ela se apressou em explicar: "É Nora! Ela me
forçou a fazer isso! Eu não queria ter nada a ver com isso! Foi tudo ideia
dela."
Ela não sabia o que Darren planejava fazer com ela uma vez que
descobrisse a verdade, mas se ela não contasse algo agora, ela seria
torturada muito mais severamente.
Ela só poderia contar parte da verdade a Darren, mas escondeu
cuidadosamente que havia contado a Jacob sobre o contrato de
transferência de ações falso.
"Nora me ameaçou com a gravação. Se ela tivesse tornado público,
minha carreira na indústria do entretenimento teria sido completamente
arruinada." Quando Dina mencionou isso, lágrimas escorreram do canto dos
olhos. No entanto, o medo em seu coração não foi aliviado de forma alguma.
"Não tenho mais nada agora. Não me atrevo a mentir para você,
senão isso certamente custaria minha carreira no círculo do entretenimento.
Eu realmente não queria ter qualquer participação nisso."
Depois de dizer isso, Dina olhou para Darren, mas descobriu que a
expressão dele não havia mudado em nada, então ela ficou chocada.
Ela tremia de desespero ao pensar que possivelmente iria enfrentar a
morte.
"Eu já te disse tudo. Por favor, me deixe ir," Dina implorou.
"Você está brincando? Por que eu deveria deixar você ir? O que o fez
pensar que eu iria libertá-lo depois que você me deu um contrato de
transferência de ações falso?" Darren sorriu amargamente.
Dina tentou permanecer otimista. Ao contrário de suas esperanças, era
impossível para Darren perdoá-la tão facilmente. Já que Dina se atreveu a
traí-lo, ela teria que enfrentar toda a raiva que ele despejaria sobre ela.
Como ela poderia tê-lo traído, mesmo que ela não soubesse as
consequências disso?
Agora, Darren se perguntava se Dina tinha ficado ousada ou se
tornado covarde.

Melody e seus romances


"Já que vocês dois trocaram o contrato de transferência de ações, você
deve saber onde está o verdadeiro!" Darren disse em uma declaração firme,
sem se preocupar em questioná-la.
No entanto, por suas palavras, Dina não poderia dizer que ele havia
descoberto a verdade. Portanto, ela ainda fingia estar com medo. "Eu ... não
sei. O contrato de transferência das ações foi mantido pela Nora.
Não sei onde ela colocou! "Dina ainda fingia que não sabia de nada,
testando suas reações.
"No entanto, a pessoa que Nora mais amava era Carlos, e a última
pessoa que ela conheceu antes de morrer também foi ele, então é muito
provável que Carlos seja o único que sabe onde está o contrato de
transferência de ações!"
Dina não tinha apoio, mas a poderosa família por trás de Carlos não
podia ser subestimada. Mesmo que Darren a torturasse, ele definitivamente
não faria nada para machucar Carlos, considerando o poder de sua família.
- Desculpe, Carlos. Não me culpe por jogar isso em você. É tudo culpa
sua. Afinal, você era o namorado de Nora ', Dina pensou secretamente.
Darren era uma velha raposa maquinadora. Ele vinha trabalhando duro
no círculo de negócios há tantos anos. Ele não teria alcançado sua posição
atual se fosse crédulo o suficiente para ser enganado pelo mau desempenho
de Dina.
Ele deu um passo à frente e olhou para Dina como um falcão pronto
para atacar enquanto a ameaçava.
Ele estendeu a mão, agarrou o queixo de Dina e esfregou-o com força.
"Você não sabe?" Ele era como um demônio saindo do inferno, e sua
própria postura estava repleta de aura de morte.
"Hmm." Dina ainda se recusava a reconhecer a verdade, embora
sentisse que estava sufocando diante do intenso questionamento de Darren.
"Se for assim, não há necessidade de continuar vivendo, não
é?" Darren foi provocado pela relutância de Dina em reconhecer os fatos.
"Eu ... eu sei que o contrato de transferência de ações está trancado
no cofre da seguradora. Nora e eu temos uma chave para o cofre. O cofre só
pode ser aberto usando as duas chaves simultaneamente."
Finalmente conseguindo a resposta que queria, Darren a empurrou
com nojo. Então, ele tirou um lenço do bolso e enxugou as mãos com
cuidado, como se sentisse repulsa por tê-la tocado.

Melody e seus romances


Dina temeu que Darren realmente não a deixasse ver outro nascer do
sol nesta vida, então ela disse a ele tudo que sabia.
Ela até ofereceu a ele a chave do cofre.
Depois de pegar a chave de Dina, Darren enviou seus homens para
procurar a chave de Nora onde quer que ela a tenha guardado.

Capítulo 1385 Não me importo!


Enquanto Darren procurava a chave, Jacob também procurava a
mesma.
Jacob já tinha sido informado por Dina da localização do contrato de
transferência das ações e, claro, também sabia da emissão do molho de
chaves.
Mas naquele ponto, Jacob estava ocupado cuidando de Emily, então
ele não tinha começado a procurar a chave ainda.
Emily mostrou sinais de recaída da depressão depois de ser resgatada
por Jacob.
Portanto, Jacob não trabalhava há alguns dias. Em vez disso, ele ficou
em casa com Emily para animá-la.
No entanto, Taylor sugeriu que cuidar dela não ajudava na rápida
recuperação de Emily, porque Emily queria ficar ao lado de Jacob e ajudá-lo
nos desafios.
A realidade é que Jacob desistiu de trabalhar por causa dela. Ela
passou a acreditar que era sua culpa por distraí-lo do trabalho. Suas
pontadas de culpa só agravariam sua depressão.
Portanto, Jacob deixou Emily aos cuidados de Taylor e depois voltou ao
trabalho. Ele começou a lidar com os negócios que haviam se acumulado
durante seus dias de folga.
A primeira coisa que Jacob fez quando voltou ao trabalho foi contatar
Carlos. Ele pediu que ele encontrasse a chave de Nora.
Afinal, Carlos foi quem esteve mais próximo de Nora no final. Como
namorado dela, ele deveria conhecê-la melhor.
Sabendo a importância do assunto, Carlos saiu imediatamente à
procura da chave do apartamento de Nora.
Antes de ele sair de casa, Leah o parou. Ela questionou: "Aonde você
vai? Por que você sempre sai o dia todo? Se você está realmente entediado,
por que não leva Cherish para um encontro?"

Melody e seus romances


"Mãe, eu tenho algo importante para fazer! Por favor, não me
incomode agora." Carlos olhou para sua mãe em frustração.
"Algo importante? Que tipo de coisas importantes você tem que
fazer?" Leah argumentou desapontada.
'Você simplesmente não pode esquecer aquela vadia, Nora! Por que
você se dá ao trabalho de dar uma desculpa? ' Leah pensou com raiva.
Decidindo ignorá-la, Carlos a contornou e foi até a porta sem outra
palavra de explicação.
Leah ficou extremamente irritada com a atitude dele. Ela o seguiu e o
agarrou antes que ele pudesse sair, e seus olhos estavam cheios de
suspeita.
Carlos estava com pressa, então ele não teve escolha a não ser contar
a ela tudo o mais brevemente possível.
Mas Leah parecia não entender o ponto principal. Tudo o que ela
entendeu foi que Carlos estava indo para o apartamento de Nora. "O quê?
Você planeja ir ao apartamento de Nora sozinha?
De jeito nenhum! E se você pensar nela de novo enquanto olha as
coisas dela? ”Leah estava claramente pensando demais, embora ainda se
achasse razoável.
As idéias ridículas de sua mãe fizeram a cabeça de Carlos doer. Nora
tinha sido sua namorada e também salvou sua vida. Era natural que ele não
pudesse esquecê-la.
Mas ele não teve nem humor nem tempo para explicar nada a
ela. "Que tal eu levar Cherish comigo?"
Ao ouvir isso, Leah se sentiu mais satisfeita e acenou com a cabeça
com um sorriso.
"Sinto incomodá-lo de novo, Cherish", disse Carlos a Cherish se
desculpando.
Desde a morte de Nora, era Cherish quem estava constantemente ao
seu lado e o ajudava a superar sua perda.
Durante esse tempo de luto, ele se recusou a permitir que alguém
entrasse em seu coração, exceto Cherish.
Na verdade, Cherish começou a ocupar um lugar especial no coração
de Carlos.

Melody e seus romances


"Está tudo bem. Eu te amo. Estou disposto a fazer qualquer coisa por
você." Seu tom era suave, o que fazia as pessoas quererem sempre cuidar
dela.
Foi fácil ouvir a resolução em suas palavras.
Olhando para ela, Carlos não disse nada, mas acariciou seu cabelo
suavemente.
Abaixo do apartamento de Nora, Carlos parou o carro e saltou. Ele
notou que Cherish ainda estava silenciosamente sentada no banco do
passageiro, e sua cabeça estava baixa. Ele não sabia o que se passava em
sua mente agora.
"O que está errado?" Carlos não tinha ideia do que havia de errado
com Cherish e pensou que ela poderia não estar se sentindo bem. Havia
preocupação óbvia em seu tom ao fazer a pergunta.
Ele não percebeu que sua preocupação por ela havia se tornado muito
mais do que o que ele poderia sentir por um amigo comum.
Ao ouvir isso, Cherish olhou para ele com uma expressão
hesitante. Ela parecia querer dizer algo, mas quando viu a preocupação em
seu rosto, ficou atordoada e silenciosa.
'Ele parece tão preocupado comigo. É possível que agora ele goste de
mim ... um pouco?
Pensando nisso, Cherish não pôde deixar de rir para si mesma. Os
cantos de sua boca se curvaram em um sorriso tímido.
Ela mergulhou no pensamento de que Carlos possivelmente gostava
dela e esqueceu completamente o que ele havia pedido a ela agora. Era
como se ela estivesse em transe.
Carlos olhou para a expressão dela, que havia mudado de hesitação
para felicidade, e ele estava totalmente confuso. Ele acenou com as mãos na
frente dela, tentando chamar sua atenção. "Cherish? Cherish?"
Foi só então que Cherish voltou à realidade. De repente, ela percebeu
que ele havia lhe feito uma pergunta, que ela havia se esquecido
completamente de responder. Ela perguntou: "O que você me perguntou
agora?"
"Você não está se sentindo bem? Quer que eu te leve de volta para
casa primeiro?" Carlos sugeriu com preocupação.
"Estou bem. Eu só estava ...". . . . . Cherish ainda estava
hesitante. Ela não sabia como explicar.

Melody e seus romances


Vendo que Cherish parou de falar no meio da frase, Carlos ficou muito
curioso. Ele gentilmente sondou: "Você era exatamente o quê?"
Após um momento de hesitação, Cherish fechou os olhos e murmurou:
"O quarto dela está cheio de memórias que você compartilhou com ela. É
apropriado que eu vá lá com você?"
Sua voz permaneceu suave, mas cada palavra que ela disse atingiu o
coração de Carlos com força. Ele sentiu tanta pena dela.
Quão humilde era o amor dessa garota!
No entanto, ele ainda não conseguia responder ao amor dela. Afinal,
ele nem mesmo conhecia seus próprios sentimentos por ela.
- Está tudo bem. Agora é tudo passado. Você é tão gentil. Nora teria
gostado muito de você, com certeza. Ela não vai te culpar, - Carlos a
confortou em um tom que nunca tinha soado tão gentil antes.
"E você? Importa-se que eu vá lá?" O que realmente importava não
eram os sentimentos da falecida Nora, mas a atitude de Carlos.
"Eu? ... Eu não sei." Ele não esperava que ela fizesse uma pergunta
tão direta a ele.
Ele nem havia considerado esse problema antes. Ele só queria que ela
o acompanhasse lá por instinto. Ao ouvir sua pergunta repentina, ele sentiu
que agiu um pouco apressado. Ele não sabia se era um pouco desrespeitoso
com Nora levar Cherish para um lugar cheio de suas memórias.
Ao ouvir sua resposta vaga, Cherish abaixou a cabeça para esconder
sua decepção. Ela já havia adivinhado sua atitude. "Então eu prefiro tomar
uma xícara de café na lanchonete embaixo do apartamento dela. Vou
esperar por você na cafeteria", disse ela.
Então ela levantou a cabeça e forçou um sorriso, que era pior do que
chorar. Ela fingiu estar completamente à vontade e acrescentou: "Acontece
que estou com vontade de tomar um café. Quer saber? Meu irmão nunca me
deixa tomar café em casa. Agora que finalmente tenho a chance de tomá-lo,
devo aproveitar a oportunidade! "
Cherish foi protegida por sua família, então ela ainda mantinha a
inocência de uma menina. Mas ela não tinha experiência em esconder suas
emoções.
Carlos se sentiu frustrado e chateado quando a viu parecendo tão
desapontada assim. De repente, as palavras saíram de sua boca. "Eu não
me importo, sério!"

Melody e seus romances


"Mesmo?" Cherish subitamente ficou encantado e olhou para ele sem
acreditar.
Como Carlos já tinha falado, não podia voltar atrás no que dizia, e
também não queria. Então ele acenou com a cabeça, dando a ela um sim.
Então, Cherish saiu do carro e subiu as escadas com ele.
Nenhum deles percebeu que havia um par de olhos não muito longe,
observando-os de perto.
Quando eles entraram no prédio, o observador pegou seu telefone
celular e habilmente discou um número, relatando inexpressivamente: "Eles
estão entrando agora."
"Ok," uma voz masculina respondeu secamente do outro lado da linha
e desligou.
Se Carlos ainda estivesse lá, ele certamente teria reconhecido a voz ao
telefone. Pertencia a um homem que o havia ameaçado e indiretamente
causado a morte de Nora. O homem era ninguém menos que Darren!
Após a morte de Nora, Carlos se tornou o único que poderia saber
onde a chave estava escondida.
Darren sabia que era impossível conquistá-lo, então ele mudou sua
tática. Ele pretendia trocar a chave de Carlos assim que conseguisse a
verdadeira.
Jacob ajudou a família Li a descobrir a causa das dores de cabeça de
Carlos, o que foi um grande serviço para a família Li.
Portanto, a Família Li não ajudaria Darren em nada. Ele havia enviado
alguém para seguir Carlos por precaução, e seus homens aproveitariam a
oportunidade para trocar a chave assim que Carlos aparecesse com ela.
Enquanto isso, Bonnie estava ficando entediada de não ter nada para
fazer o dia todo.
Ela não sabia com o que Darren estivera tão ocupado nos últimos
dias. Ela não o viu o dia todo. Se não fosse pelo saldo crescente da conta no
telefone, ela quase teria pensado que ele havia desaparecido novamente
como da última vez depois que ela foi trazida aqui.
Recentemente, sempre que Darren estava na mansão, ele ia ao quarto
dela à noite para provocá-la. Ele não iria parar seus pequenos truques até
que ela corasse um vermelho cereja brilhante.
Às vezes, quando ela realmente ficava brava com ele, ele transferia
dezenas de milhares de dólares para a conta dela. Isso garantiu que ela não

Melody e seus romances


pudesse continuar com raiva. Ela começou a se perguntar se ele realmente
tinha uma personalidade tão ruim.
Se ele realmente achava que tinha muito dinheiro, por que
simplesmente não doou esse dinheiro para os necessitados?
Naquela noite, Darren foi ao quarto de Bonnie como de costume.
Depois de algumas palavras de provocação, ela corou novamente. Ela
secretamente se culpava por ser tão vulnerável aos truques desse
homem. Ele vinha jogando esse jogo com ela há tantos dias, mas toda vez
que ele dizia algo para provocá-la, ela corava. Portanto, este homem nunca
poderia ficar entediado com ela.
Ela decidiu ignorá-lo de agora em diante!
Bonnie fez beicinho com os lábios com raiva e se sentou na cama. Ela
havia decidido não falar com ele novamente.
Darren sabia que Bonnie estava encurralada por ele, então ele pegou
seu telefone celular e transferiu mais dinheiro para ela.
Antes que ele terminasse o procedimento, Bonnie falou. "Danny, por
que você sempre tira sarro de mim? E então você continua me dando
dinheiro para compensar! Então, na sua cabeça, eu sou o tipo de pessoa que
você pode comprar com dinheiro?"
Como eles se conheceram nos últimos dias, Bonnie nem sempre podia
chamar Darren de "Sr. Yu". Portanto, Darren disse a ela que seu nome era
Danny.
Ele não sabia por que, mas apenas sentia que não gostava de ouvi-la
chamá-lo de "Sr. Yu", o que parecia distante.
"Como pode ser? Você ainda é a fada mais fofa e mais gordinha do
meu coração. Você é tão fofa quanto um cachorrinho fofinho!" Darren
continuou zombando dela por causa de sua figura.
Bonnie não era o tipo de mulher sexy. Ela era um pouco gorda, mas
tinha seios fartos que compensavam.
"Danny, por que você está sempre tirando sarro de mim?" Bonnie
perguntou, sentindo-se realmente irritada.
Na verdade, ela odiava quando outras pessoas diziam que ela era
gorda. Apesar de sua tenra idade, seus colegas de classe zombavam de seus
seios grandes há anos, e ela quase ficou louca por eles por causa de sua
intimidação. Ela odiava muito quando as pessoas julgavam sua figura sem
considerar que ela tinha outros ativos.

Melody e seus romances


"Porque é divertido!" Darren de repente se aproximou dela e sussurrou
em seu ouvido. Seu hálito quente acariciou sua orelha, e ela ficou vermelha
novamente. Era tão charmoso e convidativo que Darren teve vontade de
mordiscar seu lóbulo.

Capítulo 1386 Memória do passado


"Você ... ... por que está ficando tão perto de mim? Se quiser dizer
alguma coisa, é só dizer!" Bonnie estava tão assustada com sua proximidade
que quase engasgou para respirar.
Darren zombou. Ele deu um passo para trás e olhou para ela com um
grande sorriso no rosto.
"Você não gosta do dinheiro que eu te dou?" Darren perguntou depois
que ele conseguiu eliciar um tímido rubor de Bonnie novamente.
"Mas o que eu quero não é dinheiro. Não me dê mais dinheiro de novo.
Apenas me deixe ir, ok?" Bonnie não queria mais ficar aqui.
Ela se sentia como uma prisioneira presa aqui. Ela não tinha nenhuma
liberdade. Não importa quanto dinheiro Darren despejou sobre ela, ela não
podia sair e gastá-lo.
O rosto de Darren escureceu com o pedido dela. Ele estreitou os olhos
e olhou para ela com olhos infelizes. "Deixar você ir? Nem pense nisso!"
Ouvindo isso, Bonnie explodiu e imediatamente respondeu: "Por que
você não pode me deixar ir? Você está me mantendo contra minha vontade.
Posso processá-lo por isso, sabe?"
"Então vá e faça!" Darren forçou um leve sorriso no rosto. Ele tinha
uma expressão no rosto como se dissesse: "O que você pode fazer
comigo?" o que era realmente irritante!
Suas palavras de repente frustraram Bonnie até o limite de sua
paciência. Ela fez beicinho, e sua infelicidade era óbvia em seu rosto.
Ele estava certo. Ela estava presa aqui e nunca poderia sair, muito
menos entrar em contato com o mundo exterior. Como ela poderia sequer
pensar em processá-lo!
Vendo a garota ficar em silêncio, ele fingiu estar triste e reclamou:
"Você é meu único amigo. Se você fosse embora, eu ficaria sozinho de
novo!"
Darren já conhecia Bonnie muito bem. Ele sabia que o latido da garota
era pior do que sua mordida. Ela podia ser movida pela persuasão, mas não
pela coerção.

Melody e seus romances


Enquanto ele fingisse ser lamentável, ela facilmente perdoaria o que
quer que ele tivesse feito a ela.
Como esperado, Bonnie se sentiu culpada quando ouviu sua desculpa
lamentável. Verdade seja dita, Darren não a tinha maltratado. Ele só
gostava de provocá-la ocasionalmente para zombar dela. Em outras
ocasiões, ele era muito gentil com ela.
Talvez ele estivesse apenas sozinho. Ele queria alguém para ficar com
ele!
Ela morava aqui há tantos dias e nunca o tinha ouvido falar de ter
amigos, então ela adivinhou que ele realmente não tinha amigos. Talvez ele
não a deixasse ir porque queria ter um companheiro para conversar.
Pensando nisso, ela sentiu uma onda de pena dele e disse em voz
baixa: "Mas eu também tenho minha própria casa! Não posso ficar aqui pelo
resto da minha vida."
"Por que não? As pessoas estão sempre dizendo que precisamos
devotar nossa vida à pessoa que nos salvou, certo? Eu ainda não retribuí.
Como posso deixar você ir?" Darren recuperou a compostura como se não
tivesse ficado irritado com ela apenas alguns momentos antes.
'Ele está brincando de novo! Eu não deveria ter sentido pena
dele! Alguém como ele merece ficar sem amigos! ' Bonnie pensou com raiva.
Na verdade, Darren não sabia se tinha insistido que Bonnie ficasse
com ele porque ela se parecia com Rita ou porque ele simplesmente não
queria que ela fosse embora.
Ele uma vez acreditou firmemente que era o primeiro, que ele via
Bonnie como uma substituta para Rita. No entanto, depois de passar um
tempo com ela nos últimos dias, ele percebeu que Bonnie era muito
diferente de Rita em muitos aspectos.
A busca pela chave estava em andamento. Carlos e Cherish
vasculharam a sala inteira procurando por ela. No entanto, eles ainda não
conseguiram encontrar. Em vez disso, eles só descobriram muitas fotos de
Carlos e Nora.
Olhando para essas fotos, Carlos se sentiu um tanto sentimental. Eles
costumavam se amar tanto, mas por que acabaram assim?
Nora tinha sido tão inocente e gentil no passado, então por que ela se
tornou ...
Sentindo sua agonia, Cherish caminhou até ele e pegou uma foto dele
e de Nora. "Ela realmente te amava. Eu posso dizer. Ela adorou essas fotos

Melody e seus romances


de vocês dois juntos. Do contrário, ela não as teria coletado e mantido tão
seguramente nesta caixa."
Carlos também pegou uma foto. No entanto, esta foto não estava
entre as outras da caixa. Foi emoldurado separadamente e montado na
mesa de cabeceira. Obviamente, Nora gostou muito.
"Este era o seu favorito. Ela sempre disse que estávamos no auge da
nossa juventude naquela época. Naquela época, não tínhamos
preocupações, nenhuma objeção de meus pais e nenhuma ameaça de
Darren. Tudo era simples e bonito." Olhando para a foto, Carlos se sentiu
um pouco deprimido.
Na verdade, naquela época, ele e Nora levavam uma vida feliz, tão
despreocupada quanto uma criança.
No entanto, esse tipo de vida agora se foi para sempre, e eles não
podiam mais voltar àquele momento.
Ele tocou a moldura, tremendo. Aos poucos, ele olhou atentamente
para o casal feliz da foto, tentando travar em sua mente o que havia
acontecido naquele momento. Ele nunca se esqueceria de que eles se
amavam profundamente.
Quando seus olhos caíram sobre o peito na foto, ele sentiu algo
estranho ali.
Ele abriu a moldura por trás e seus olhos pousaram em uma
chave. Era exatamente igual à chave da foto que Jacob havia enviado para
ele.
Quando Dina buscou a proteção de Jacob, ela lhe enviou a foto
daquela chave.
Enquanto Carlos tirava a chave com dedos trêmulos, as memórias
ainda estavam fluindo de volta para ele.
"Carlos, você sabia que existe uma lenda sobre as chaves?" A garota
no banco de trás de uma bicicleta segurava a cintura do garoto com força, e
seu cabelo flutuava com o vento enquanto a bicicleta corria pela estrada.
"Que lenda?" o menino perguntou confuso. Ele tinha ouvido falar de
outras lendas, mas nunca nada sobre chaves.
"Eles dizem que um casal deve tirar uma foto que mais valorizem e
colocar uma chave sobre o coração para que ele fique trancado para sempre.
Doravante, seus corações só serão ocupados um pelo outro, e nunca por
outra pessoa", garota compartilhou a lenda que havia lido na Internet com
tanta alegria.

Melody e seus romances


Obviamente, o menino não estava interessado em tais lendas. Ele
andou de bicicleta com atenção e ouviu a garota sem interromper suas
palavras.
De repente, ele acelerou e quase jogou a garota atrás dele para fora
da moto.
A garota deu um grito assustado. Em seguida, ela envolveu os braços
com força em volta da cintura do menino e gritou contra o vento.
"Carlos, quando voltarmos, deveríamos tirar uma foto e depois colocar
uma chave atrás dela. Vamos montá-la em uma moldura de foto e colocá-la
na parte mais atraente da nossa casa no futuro!" a garota sugeriu
animadamente. Ela mal podia esperar para experimentar.
Finalmente, o menino deu a ela uma reação vaga. Ele parou e olhou
para a garota, esfregando seu cabelo e dizendo: "Idiota! Você não precisa de
uma chave. Você é o único em meu coração. Ninguém pode entrar, exceto
você."
Esse foi o passado emaranhado entre Carlos e Nora. Ela sempre
manteve isso em sua mente e até mesmo concluiu o acordo.
O coração de Carlos se contraiu em agonia, as lágrimas escorrendo por
suas bochechas. Ele não conseguiu mais conter sua tristeza e se ajoelhou no
chão, chorando.
Cherish não tinha ideia do que o levou a revelar tal tristeza. Mas,
obviamente, preocupava Nora.

Capítulo 1387 Um Convidado Não Convidado


- Vamos, Cherish. Eu acredito que você pode superar isso! Carlos
simplesmente não consegue sair da sombra da morte de Nora.
Você não pode desistir agora. Vamos!' Cherish tentou se animar
mentalmente.
Com esses pensamentos em sua mente, ela gradualmente se acalmou.
Ela olhou para Carlos, que estava olhando fixamente para a foto, e ela
sentiu pena dele. Ela realmente doeu ao vê-lo tão desesperado assim.
Ele deveria ser um jovem de bom humor e vigor, mas agora parecia
estar envolto na solidão, sozinho no escuro.
Ela queria tomá-lo nos braços para lhe dar calor e afastar o desespero
dele.

Melody e seus romances


Mas ela não podia tirar vantagem dele quando ele estava em um
estado de distração!
Quando ele se acalmou, ela deu um passo à frente e colocou as mãos
em suas costas, abraçando-o de certa forma. Ela bateu levemente em seu
ombro para confortá-lo.
Batida! Batida!
Um som na porta os trouxe de volta à realidade. Eles olharam para
cima com o barulho e viram um hóspede indesejado parado na porta.
Nos últimos minutos, eles viraram a casa inteira de cabeça para baixo
em busca da chave. O espaço confinado estava cheio de poeira depois de já
estar vazio por várias semanas, e isso os fez tossir. Portanto, Cherish havia
aberto as janelas e portas. No entanto, havia criado uma maneira
conveniente para os intrusos entrarem.
"Ei, vocês dois terminaram de exibir seu amor?" O homem na porta
decidiu interrompê-los, então ele bateu na porta.
Ele estava com medo de não conseguir a chave hoje se não quebrasse
o momento de ternura.
"Darren, você está invadindo ilegalmente uma residência privada. Você
será preso por arrombamento e invasão!" Com este aviso, Carlos
rapidamente puxou Cherish para mais perto e a escondeu atrás dele por
segurança.
O intruso era ninguém menos que Darren.
"Huh! Oficial Li, você também não está infringindo a lei?" Darren
zombou.
Esta casa foi registrada em nome de Nora, embora ela estivesse
morta. Se Carlos se atreveu a acusá-lo de invasão ilegal, então Carlos era
culpado da mesma coisa.
Claro, Carlos sabia o que ele queria dizer. Ele não respondeu a ele,
mas olhou para ele em silêncio, se preparando para seu próximo
movimento.
"Policial Li, por que não temos uma conversa?" Darren não desistiu de
suas tentativas de atrair Carlos para uma conversa.
Carlos também zombou friamente. "Eu não acho que há nada para
discutir entre nós!" ele disse.

Melody e seus romances


"Sério? Policial Li, tem certeza de que não há nada sobre o que
conversarmos?" Darren olhou para Carlos com um sorriso fingido, e seus
olhos estavam cheios de confiança.
Vendo a expressão de Darren, Carlos não pode deixar de se perguntar
se Darren poderia saber algo que ele não sabia ou ter alguma informação
que ele poderia querer ter.
Mas depois de alguma reflexão, ele sentiu que não queria nada de
Darren, então ele desistiu da ideia.
"Darren, o que diabos você quer aqui?" Não tendo paciência para
participar de qualquer trapaça, Carlos foi direto ao assunto.
"Parece que você não quer discutir a morte de Nora, Sr. Li!" Darren
olhou para ele, certo de que faria um acordo.
- Você sabe quem dirigiu o carro que a atropelou e matou? Quem
diabos a atropelou? Carlos olhou para Darren com ódio, seus punhos
cerrados e seus dentes cerrados.
Depois da morte de Nora, Carlos primeiro providenciou seu
funeral. Portanto, ele não tinha investigado os detalhes de sua morte
inicialmente. Ele ainda não tinha ideia de quem a havia atropelado.
Depois que os preparativos para o funeral foram concluídos, ele deu
início a uma investigação, mas a essa altura, qualquer evidência já havia
desaparecido e a pista havia esfriado.
"Posso dizer quem é o responsável, se quiser. Mas, Sr. Li, você precisa
me tratar com alguma sinceridade!" Darren disse casualmente, inclinando a
cabeça e brincando com os dedos.
Carlos sabia que o que Darren realmente queria era a chave. Mas ele
havia prometido a Jacob que daria a chave para ele, e ele não poderia voltar
atrás em sua palavra agora.
Além disso, ele devia a Jacob por tê-lo salvado antes. Ele não poderia
ser tão ingrato agora.
Mas a causa da morte de Nora…. . . . .
Depois de hesitar por um momento, Carlos finalmente decidiu que não
daria a chave a Darren.
Ele poderia investigar a morte de Nora sozinho no futuro, mas não
podia deixar a chave cair nas mãos de Darren agora. Isso seria um desastre
para todos. Como policial, ele não tolerava isso!

Melody e seus romances


"Darren, não vou te dar a chave! Nem mesmo em seus sonhos mais
loucos! Vou investigar a morte dela sozinho!" Carlos respirou fundo e fingiu
um ar de calma.
Sua teimosia irritou Darren instantaneamente. Ele estava frustrado por
não ter conseguido um acordo com Carlos. Portanto, ele decidiu contar a
verdade a Carlos e deixá-lo enfrentar essa culpa para o resto de sua vida.
"Ela morreu por sua causa. Quando você saiu de casa, mandei uma
mensagem para avisar para tomar cuidado com os carros que passam. Eu
planejava te dar uma lição. Mas para minha surpresa, para te salvar, ela
pulou na frente do meu carro sozinha! " Darren sorriu. Sua expressão era
uma careta zombeteira enquanto ridicularizava sua lealdade e amor.
Instantaneamente, os olhos de Carlos ficaram velados de vermelho. O
olhar calmo em seu rosto desapareceu. "Darren, seu bastardo! Como você
pôde fazer isso com ela?"
Seus olhos ficaram injetados e ele queria cortar Darren em
pedaços. Ele cerrou os punhos e correu para a frente.
Darren não esperava que Carlos corresse para ele. Pego de surpresa,
ele sofreu um soco estrondoso no queixo.
Apesar disso, Carlos não parou. De repente, outro soco foi disparado
de seu quadril, indo em direção ao rosto de Darren.
Assustado, Darren tropeçou alguns passos para trás e se curvou para
se esquivar dos golpes. Então, ele começou a lutar contra Carlos frente a
frente.
Ao observar os dois homens que de repente começaram a lutar,
Cherish se assustou totalmente.
Enquanto ela permanecia atordoada, o punho de Darren veio correndo
pelo ar em direção a sua testa. Era tarde demais para ela se esquivar, e ela
só conseguiu fechar os olhos para suportar o golpe.
No entanto, mesmo depois de vários batimentos cardíacos, ela não
sentiu nenhuma dor no rosto. Ela abriu os olhos lentamente.
Descobriu-se que Carlos a havia protegido, levando o soco em seu
lugar, e agora Darren estava sendo puxado por Carlos.
Olhando para os dois homens que lutavam tão ferozmente, Cherish
não sabia o que fazer.
'Direito! Jacob! Posso ligar para Jacob pedindo ajuda. Afinal, só ele
pode impedir Darren! ' ela pensou em pânico.

Melody e seus romances


Com este plano, ela pegou o telefone e se preparou para ligar para
Jacob.
Darren percebeu o que ela estava fazendo e parou de brigar com
Carlos, voltando-se para Cherish. Ele queria impedi-la de pedir ajuda.
Carlos viu Darren atacar Cherish e correu para protegê-la sem pensar
duas vezes. Ele a protegeu nas costas e gritou: "Vou mantê-lo ocupado!
Você corre!"
Não ousando ficar mais, Cherish aproveitou a chance para correr para
o banheiro e trancou a porta.
Com a mão trêmula segurando o telefone, ela correu pela lista de
contatos, mas ainda não conseguiu encontrar o número de Jacob.
Nesse momento, sua mente quase ficou em branco. Ela estava em
tanto pânico que havia esquecido que não tinha o número de Jacob, já que
eles nem mesmo se conheciam.
"Por que não consigo encontrar o número dele? Onde está!" ela
murmurou enquanto folheava sua lista de contatos.
Quando ela entrou em pânico e ficou extremamente preocupada, um
nome de repente apareceu diante de seus olhos.
Chuck Li!
'Está certo! Posso entrar em contato com o Chuck! Chuck pode
alcançar Jacob com certeza! ' Cherish pensou com entusiasmo, o coração
batendo forte na garganta.
Ela discou o número de Chuck com os dedos entorpecidos por seu
tremor.
Felizmente, a chamada foi atendida assim que tocou.
"Tio Chuck, por favor, ligue para Jacob agora mesmo e peça a ele para
ir ao apartamento de Nora. Carlos está em perigo!" Cherish disse
rapidamente assim que ouviu a voz do outro lado da linha.
Totalmente confuso, Chuck queria perguntar mais, mas foi
interrompido por Cherish. "Se apresse!" ela implorou.
Então, ela encerrou a ligação.
Depois de desligar o telefone, Cherish não se atreveu a sair do
banheiro novamente. Ela estava com medo de ser uma distração para
Carlos, e ele se machucaria tentando defendê-la.

Capítulo 1388 A Razão

Melody e seus romances


Originalmente, Darren planejou enganar Carlos usando uma chave
falsa.
Mas ontem ele havia recebido a notícia de que dezenas de milhões de
dólares haviam misteriosamente aparecido na conta bancária de Dina.
Embora Dina fosse uma estrela, ela não era mais um grande sucesso,
e agora ela estava lutando para ser boicotada por muitas pessoas na
internet. Mesmo tendo conseguido um papel em um filme, ela nunca poderia
ganhar tanto dinheiro em tão pouco tempo.
A única explicação era que o dinheiro vinha de uma fonte ilegal ou de
negócios fraudulentos.
Isso levantou enormes dúvidas em Darren. Ele imediatamente enviou
alguém para examinar suas contas. No entanto, seus subordinados não
tiveram sucesso em encontrar qualquer informação sobre quem fez o
pagamento na conta de Dina.
Isso o deixou ainda mais desconfiado. Algo não estava certo aqui, caso
contrário, ele teria facilmente obtido qualquer informação sobre a remessa.
Aparentemente, seu benfeitor queria se disfarçar e evitar chamar
atenção. Mas porquê?
Darren sentiu as suspeitas corroerem seu coração. Se o dinheiro fosse
de Jacob, isso explicaria tudo.
- Por que não consigo descobrir quem a pagou? Deve haver uma razão
para isso! Dina não me contou sobre o dinheiro porque ela claramente quer
que Jacob a salve mais tarde! ' pensou Darren amargamente.
Por outro lado, ele também entendeu por que Jacob tentou esconder o
fato de que ele era seu benfeitor⁠ - porque ele sabia sobre a chave e estava
com medo de que Darren fizesse algo para impedi-lo de alcançar seu
objetivo.
Centenas de pensamentos malucos giraram na cabeça de
Darren. Essas suposições malucas quase o estavam deixando louco. Ele
sabia que era hora de chegar ao fundo disso.
Se suas suspeitas fossem verdadeiras, Jacob devia saber da chave
todo esse tempo. Portanto, seria quase impossível obter a chave real de
Carlos! Definitivamente não eram boas notícias para Darren.
Se ao menos todas essas suposições pudessem ser falsas! Isso seria
um grande alívio para ele.

Melody e seus romances


"Traga Dina para mim." Darren cerrou os punhos com força e
murmurou a ordem entre os dentes cerrados. Ele precisava descobrir a
verdade!
Em nenhum momento, os homens que estavam protegendo Dina a
trouxeram até ele.
Dadas as circunstâncias, Dina estava em uma situação extremamente
desfavorecida.
Ela estava gravemente ferida. Uma massa de cicatrizes cruzou seu
corpo inteiro. No entanto, mesmo essa visão horrível não desencadeou a
menor emoção em Darren. Seu rosto permaneceu impassível como se fosse
esculpido em pedra.
O cabelo de Dina estava uma bagunça emaranhada. Seu cabelo
comprido estava emaranhado e amarrado, parecendo um ninho de pássaro
desgrenhado. Suas roupas estavam rasgadas e esfarrapadas, penduradas
em seu corpo como cortinas rasgadas, revelando todas as cicatrizes que sua
tortura havia deixado.
Ela havia sido mantida prisioneira e não tomava banho há vários
dias. Além de sua aparência horrível, ela também cheirava a podridão e
carne podre. O ar ficou sujo por causa de seu odor.
Darren tirou um par de luvas brancas e as calçou com um sorriso
fugaz. Então, ele casualmente caminhou para o lado dela. Sem aviso, ele
agarrou seu cabelo seco e emaranhado com a mão esquerda antes de
esbofeteá-la violentamente com a mão direita. Imediatamente deixou uma
impressão clara de cinco dedos em seu rosto cicatrizado.
"Dina, obviamente não é o suficiente para você me trair uma vez,
certo? Você até se atreveu a me trair duas vezes? Qual é o gosto da sua
traição então, hein?" Darren esboçou um sorriso sádico. Seus olhos estavam
frios como gelo.
Sua expressão era uma confusão completa para Dina.
Cada palavra que ele disse bateu em seu coração como os golpes de
uma marreta, fazendo-a tremer de medo.
Dina estava apavorada e ficou boquiaberta. Sua maquiagem
cuidadosamente aplicada tinha desbotado e escorrido em manchas de choro
e dias de tortura de Darren. A base velha manchava seu rosto contraído,
fazendo seu rosto não tão delicado parecer ainda mais feio.
O cheiro dos cosméticos misturado com seu suor azedo enchia a sala
com um fedor como se alguém tivesse vomitado.

Melody e seus romances


A base desbotada e a sombra borrada pintaram seu rosto como a
paleta de um palhaço.
Ela não era mais uma diva admirada, e se seus fãs pudessem vê-la,
ela certamente seria motivo de chacota.
Mesmo se sua própria mãe estivesse aqui, ela não teria sido capaz de
reconhecê-la.
O rosto de Dina estava pálido como papel. Ela tremia de horror e se
perguntava: 'Darren descobriu a verdade? Como isso é possível? Agi em
segredo e nunca contei a ele. Jacob também teria mantido em segredo! '
"Eu não te traí!". . . . . . . . . . . . Dina estava tão fraca e débil que
quase não tinha forças para falar.
Ela sabia que não tinha escolha a não ser mentir para Darren até o
amargo fim. Ela estava relutante em confessar o que tinha feito.
"Dina, você acha que estaria aqui se eu não tivesse nenhuma
evidência sólida? É melhor você me contar tudo o que você e Jacob fizeram.
Caso contrário, vou alimentar os cães com sua carcaça inútil! Estou
fortemente inclinado pensar que sua vida não é mais necessária. " O tom de
Darren era frio e suas palavras cheias de desgosto.
Não surpreendentemente, sua ameaça funcionou. O rosto sem sangue
de Dina ficou ainda mais pálido quando ela ouviu o nome de
Jacob. Satisfeito, Darren estalou os lábios e sorriu. Ele conseguiu o que
queria. Dina havia lhe contado sobre a chave antes, mas agora ele queria
mais dela.
Ele não esperava que Dina não tivesse aprendido a lição ainda e que
ela ainda estivesse se defendendo e não quisesse derramar o resto do
feijão. Ela parecia ter esquecido completamente o que havia acontecido com
ela.
Darren riu severamente. Ele lançou um olhar zombeteiro em sua
direção e esperou por sua resposta.
Naquele momento, Dina sabia que a morte estava chegando para ela.
Ela percebeu que Darren não a deixaria ir, admitindo ela a verdade ou
não. Ela preferia acabar com sua própria vida do que sofrer mais torturas
nas mãos de Darren. Pelo menos, uma morte rápida não seria tão dolorosa.
Os olhos de Dina ficaram determinados. Ela mordeu a língua com
todas as suas forças, querendo sangrar e acabar com sua vida.
Darren tinha sentidos fortes e instantaneamente detectou o cheiro de
sangue fresco. Ele soube imediatamente o que ela estava tentando

Melody e seus romances


fazer. Com um sorriso malicioso, ele se levantou e se opôs ao movimento
estúpido de Dina.
Ele agarrou Dina pelo queixo e a forçou a abrir a boca.
Sua boca foi inundada com sangue carmesim brilhante. Isso teria
chocado os olhos das pessoas comuns, mas não os de Darren. Para ele, era
apenas uma vista agradável. Ele gostava de torturar Dina.
Dina não era uma mulher inteligente e ele odiava lidar com pessoas
que não eram inteligentes. Portanto, sua paciência com ela já havia se
esgotado.
"Você quer cometer suicídio? Você acha que eu deixaria você desfrutar
de uma morte rápida? Você deveria se preparar para a punição por me trair,
não deveria?" Darren disse friamente. Então, ele soltou seu queixo e acenou
para seus homens para levá-la embora.
Sem olhar para ela, ele disse ao guarda: "Encontre um médico e
certifique-se de que ela continue viva!"
Quando Dina ouviu sua ordem, seu coração congelou. Seu rosto sem
sangue se contorceu em uma máscara de agonia grotesca. Ela simplesmente
não tinha escolha agora a não ser suportar a tortura de Darren
passivamente!
Darren realmente não se importava com o que estava acontecendo
entre Dina e Jacob. Ele já havia obtido a resposta que queria.
Jacob sabia da existência da chave antes dele, o que significava que
Carlos também sabia sobre a chave. Ele teria que ser cauteloso com
ele. Seria quase impossível para ele trocar a chave real por uma falsa agora.
Se Carlos conseguisse a chave, ele definitivamente a entregaria para
Jacob. A essa altura, seria quase impossível roubar a chave.
Por isso, decidiu mudar de estratégia e mandar alguém vigiar Carlos
sem parar. Assim que Carlos colocasse as mãos na chave, ele a pegaria e
iria embora antes que Jacob chegasse!
Foi por isso que Darren chegou ao apartamento assim que Carlos
encontrou a chave!
Carlos não teve chance contra Darren. Ele tentou proteger a chave,
mas logo ficou exausto. As probabilidades estavam contra ele.
Para ser honesto, Carlos era um lutador habilidoso. Se ele não
precisasse proteger a chave e Cherish, ele estaria no controle da luta.

Melody e seus romances


Afinal, apesar de todas as habilidades de Darren, ele não era páreo
para Carlos, que havia recebido formação profissional.
No entanto, Darren era furtivo e calculista. Ele bateu na cara de Carlos
com os dois punhos quando Carlos estava tentando proteger a
chave. Portanto, Carlos teve que se abaixar para proteger seu rosto,
enrolando os braços.
Esta foi a abertura que Darren estava esperando. Ele levantou
rapidamente o pé esquerdo e chutou os joelhos de Carlos com toda a força.

Capítulo 1389 Resgate


"Cuidado!" Carlos chamou. Seu aviso foi desnecessário, pois Jacob já
havia reagido ao chute. Ele se equilibrou firmemente com a perna direita e
rapidamente levantou a perna esquerda para contra-chutar Darren. Seus
movimentos eram rápidos como um raio.
Depois de derrubar Darren no chão, ele investiu contra ele com os dois
punhos voando. Um soco após o outro, ele usou grande força para golpear
Darren sem piedade. Darren mal conseguia se proteger. Ele caiu para trás e,
sem jeito, olhou ao redor em busca de ajuda.
Os socos foram rápidos e certeiros. Darren estava exausto e não tinha
mais energia para se esquivar. Em desespero, ele rapidamente agarrou
Carlos e o puxou para frente para que Carlos pudesse ser usado para
bloquear os golpes de Jacob que estavam chovendo com raiva.
Realmente funcionou! Jacob não queria machucar Carlos e teve que
parar seu ataque.
Vendo a hesitação de Jacob, Darren aproveitou a oportunidade e
lançou um contra-ataque ferozmente. Ele segurou firmemente em Carlos
com uma mão e atacou Jacob com a outra. Ele também conseguiu chutar
Jacob com força enquanto usava Carlos como escudo humano.
Cada vez que Jacob estava prestes a revidar, Darren sorrateiramente
empurrava Carlos entre eles. Isso efetivamente deixou Jacob sem nenhuma
maneira de lutar contra Darren, que agora estava ganhando.
Carlos lutou muito para se livrar das garras de Darren, mas todos os
seus esforços foram em vão. Por fim, ele gritou: "Jacob, não se preocupe
comigo. A coisa mais importante é pegar Darren agora! Bata nele!"
No entanto, não era tão simples. . . . . .
As sobrancelhas de Jacob uniram-se em concentração. Ele parecia
estar preocupado com alguma coisa. Com Carlos no caminho, ele não
poderia fazer nenhum movimento agressivo em direção a Darren.

Melody e seus romances


Por outro lado, Darren era destemido e desesperado. Ele ergueu a
perna e estava prestes a chutar Jacob novamente.
Inesperadamente, Jacob correu para o lado e se esquivou de seu chute
a tempo. Simultaneamente, ele estendeu a mão e agarrou a manga de
Carlos, puxando-o para o peito.
Este curso de ação foi inesperado, e Darren foi pego de surpresa e
quase caiu no chão. Sua mão que estava segurando Carlos de repente
perdeu o controle. Carlos foi finalmente libertado.
Sem mais hesitações, Jacob empurrou Carlos para longe deles e
avançou direto para Darren. Ele não podia se dar ao luxo de perder mais
tempo nessa luta.
Os dois eram iguais em força e ambos já apresentavam uma série de
lesões.
Parado não muito longe deles, Carlos estava ofegante. Quando ele
recuperou um pouco de sua força, ele se juntou à batalha também. Usando
uma cooperação tácita com Jacob, ele pegou Darren de surpresa.
Darren achou difícil lutar em uma batalha de dois contra
um. Claramente, as chances não estavam a seu favor e ele se retirou da
luta.
Ele chegou à conclusão de que não conseguiria obter a chave hoje de
qualquer maneira. Se ele continuasse a lutar contra Jacob e Carlos,
provavelmente acabaria sendo refém deles. Era melhor cortar suas perdas e
partir enquanto ainda havia tempo.
Um pensamento formou-se rapidamente na cabeça de Darren. Ele não
pretendia mais lutar e correu para fora da porta imediatamente com seus
homens o seguindo de perto.
Assim que Darren recuou, Carlos perdeu todas as suas forças e,
sentindo-se totalmente exausto e exausto, caiu no chão, ofegante. Suas
roupas estavam encharcadas de suor da luta. Ele havia desenvolvido um
físico excelente devido aos exercícios regulares na academia, e os músculos
do peito eram bem esculpidos sob a camiseta branca.
Cherish não prestou atenção em sua aparência brilhante, já que tudo o
que importava era sua saúde. Ela se lembrava claramente de que ele havia
engolido a chave alguns momentos antes! Ela era mimada desde que era
uma garotinha. Ela foi tratada como uma princesa frágil por sua família
amorosa. Graças a sempre ser protegida por seu irmão, ela cresceu em uma
bolha de vácuo, sem saber nada do mundo cruel e cruel lá fora. Hoje foi a

Melody e seus romances


primeira vez que ela testemunhou uma luta tão violenta. Ela estava
apavorada e atordoada.
Quando ela voltou a si, Darren já havia fugido. Ela correu até Carlos,
ajudou-o a se levantar e olhou ansiosamente para Jacob. Com a voz
trêmula, ela implorou baixinho: "Você poderia, por favor, levá-lo ao
hospital? Ele engoliu a chave e está em seu estômago!"
Jacob não esperava que Carlos engolisse a chave para mantê-la longe
de Darren. Ele avaliou a situação e desistiu de perseguir Darren. O bem-
estar de Carlos era sua principal prioridade no momento.
Ele se aproximou de Carlos e o puxou das mãos de Cherish. Então, ele
o colocou de costas e saiu. Cherish olhou ao redor para a bagunça na sala
uma última vez e suspirou tristemente. Ela balançou a cabeça lentamente e
seguiu Jacob para fora.
Jacob não os levou ao hospital. Em vez disso, ele levou Carlos e
Cherish de volta para sua casa. Por causa de Emily, ele contratou
especialmente o melhor médico para cuidar deles em casa. Ele preferia
manter um centro médico particular por perto.
Mais importante ainda, ele acreditava que sua casa era uma opção
muito mais segura do que o hospital! Darren e seus homens podem estar
vigiando o hospital. Portanto, Jacob não queria deixar Carlos no hospital,
caso a chave caísse em mãos erradas. Ele não teve escolha a não ser levá-
los para sua casa.
Ele não podia permitir que Carlos e a chave em seu estômago saíssem
de sua vista.
Jacob rapidamente providenciou para que Carlos fizesse uma lavagem
estomacal. Ele então deixou Carlos aos cuidados do cirurgião em sua sala de
cirurgia em casa.
"Jacob, o que aconteceu? Por que você está ferido?" Emily não pôde
deixar de se preocupar quando viu as feridas e hematomas no rosto de
Jacob. Seus olhos estavam marejados e cheios de ansiedade.
"Estou bem. São apenas alguns arranhões", Jacob confortou Emily. Ele
não queria causar a ela nenhuma preocupação indevida.
Emily o ignorou e se virou para subir as escadas. Jacob pensou que ela
estava com raiva, mas quando ele estava prestes a ir atrás dela para
confortá-la, ele a viu voltando com uma caixa médica.
Ele ficou quieto e deixou que seus dedos delicados e finos aplicassem
pomada em seu rosto machucado. Seu toque gentil era tão macio quanto
uma pena.

Melody e seus romances


Depois de aplicar o remédio nele, Emily se jogou em seus braços e
chorou: "Jacob, por favor, não se machuque de novo!" Sua voz tremia de
emoções, o que atingiu o coração de Jacob e o fez doer.
Ele franziu a testa, sentindo-se bastante culpado por fazê-la se
preocupar com ele.
"Emily, eu prometo que nunca vou me machucar de novo." Jacob deu
um tapinha suave nas costas dela para confortá-la silenciosamente.
Depois de um tempo, Emily se sentiu um pouco mais calma e
gentilmente afastou seus braços. Ela se sentou, endireitou as costas e olhou
para ele seriamente. "O que aconteceu exatamente?"
Jacob parecia pouco à vontade. Ele hesitou, pois não tinha certeza se
deveria contar a verdade ou não. Então ele se lembrou do conselho de
Taylor. Era verdade que Emily não queria ser um pequeno canário fraco, se
escondendo sob suas asas protetoras. Ela queria ser corajosa o suficiente
para ficar junto com ele e apoiá-lo em qualquer dificuldade.
Ele soltou um suspiro silencioso e pacientemente contou toda a
história para ela. Ele foi tocado por sua expressão séria e não escondeu
nenhum detalhe dela.
"Entendo. Então, agora, nós e Darren temos cada um uma chave. É
possível que ele tente roubar nossa chave?" Emily tirou uma conclusão
simples depois de ouvir toda a história.
Jacob acenou com a cabeça e disse: "Sim, você está certo. Dado o
caráter de Darren, ele pode tentar fazer alguém entrar em nossa
mansão." Então Jacob pensou sombriamente: 'Também é altamente possível
que ele pudesse usar seu espião, que ele plantou entre nossa equipe há
muito tempo.' No entanto, ele não mencionou esses pensamentos para
Emily.
Emily sabia o quão sério o assunto era, e ela também considerou o
perigo potencial que poderia estar vindo de dentro da mansão. Ela
imediatamente instruiu a governanta: "Não recrute nenhum novo criado
para nossa casa até que lhe demos mais instruções!"
Depois de pensar um pouco, ela acrescentou: "Prepare os arquivos
pessoais de todos os servos e dos outros funcionários da casa, incluindo o
seu. Preciso examinar o histórico de todos".
Jacob de repente percebeu que Emily estava pensando da mesma
forma que ele.
"Emily, não se preocupe com toda essa papelada. Vou contratar
alguém para verificar os detalhes. É muito trabalho para você. É um

Melody e seus romances


desperdício de energia!" Jacob estava preocupado que ela fisicamente não
fosse capaz de lidar com a quantidade de trabalho. Havia tantos documentos
para examinar, então ele interrompeu suas ordens imediatamente.
"Jacob, isso não é uma boa ideia. Eu não confio em ninguém além de
nós." Emily sabia que ele estava preocupado com sua saúde, mas verificar
os documentos não era uma tarefa trivial.
Jacob sabia o que Emily estava pensando agora. Era difícil para ela
confiar em alguém. A única pessoa em quem ela confiava e contava era ele.
Ele teve que concordar com ela: "Tudo bem, então. Vou lê-los com
você. Estamos nisso juntos. Mas você tem que me prometer que não vai se
cansar gastando muito tempo nisso!"
Afinal, Jacob ainda estava preocupado com a saúde de Emily. Ele
cedeu quando ela fez seu pedido para trabalhar junto com ele.
Ele realmente temia que ela ficasse muito interessada em ler todos os
documentos e que eventualmente se cansasse.
Teimosa e determinada, Emily definitivamente se enterraria no
trabalho.
Ela gostava de se dedicar a uma grande quantidade de tarefas todos
os dias e depois se apressava em concluí-las em um determinado período de
tempo. No entanto, ela frequentemente mordia mais do que podia mastigar,
e a carga de trabalho seria demais para um dia. Emily nunca deu tempo
para descansar.
"Não se preocupe comigo! Vou pegar leve." Vendo que ele havia
concordado em deixá-la se envolver na tarefa de verificar os documentos,
Emily deu-lhe um sorriso esplêndido. O olhar alegre em seu rosto encheu
Jacob de grande esperança.

Capítulo 1390 Cuidando de Carlos


Este era o verdadeiro sorriso de Emily, e veio do fundo de seu
coração. Por muito tempo, Emily raramente sorria tão sinceramente.
Mas agora, ela exibia esse sorriso com mais frequência do que antes.
Vendo-a tão feliz, Jacob não suportou dizer nada que pudesse parecer
crítico ao que ela havia dito.
'Esqueça. Além disso, estou aqui para lidar com qualquer coisa que
possa acontecer. Contanto que isso a deixe feliz, vou deixá-la fazer isso!
' ele pensou.

Melody e seus romances


O médico fez uma lavagem gástrica em Carlos e ele tirou a chave de
seu estômago. Ele deu a chave a Jacob junto com uma nota de instruções
sobre o estado de Carlos.
Emily pegou o bilhete de Jacob e foi até Cherish. "Srta. Shen, o Sr. Li
não pode sair da cama por enquanto. Por que vocês dois não ficam aqui esta
noite?" ela sugeriu.
"Bem...". . . . . Cherish hesitou. Mas depois de considerar a situação
atual de Carlos, ela concordou. "Tudo bem..... Bem, obrigado por sua
ajuda!"
"De nada, Srta. Shen. Suas ações também nos ajudaram muito!" Emily
sorriu graciosamente, a imagem absoluta da anfitriã da família.
Na verdade, ela achava Cherish muito fofa e queria ser boa para ela.
Emily levou Cherish a um quarto de hóspedes. "Senhorita Shen,
espero que seja adequado. Você pode ficar neste quarto esta noite!"
Cherish olhou ao redor da sala. A cor azul clara das paredes a fez se
sentir relaxada.
No meio do quarto havia uma grande cama king-size. A cama estava
coberta com uma rede de gaze branca, fazendo com que parecesse uma
coroa branca.
Havia um sofá estofado em veludo lilás ao lado da cama, no qual havia
uma variedade de brinquedos de pelúcia, como Pikachu, Doraemon e Hello
Kitty. Todos eram personagens muito populares entre as garotas.
No lado direito da cama, havia um pequeno quarto cercado por um
vidro fosco. Parecia ser um banheiro privativo.
Todo o chão da sala foi coberto com uma camada de carpete de
pelúcia comprido, criando um pouso suave no caso de alguém cair.
Cherish olhou para o tapete e reconheceu a marca como Wilton.
Além do carpete, todas as outras decorações da sala eram de marcas
famosas e eram ridiculamente caras. Mesmo a família Shen não tinha a
capacidade de decorar seus quartos de hóspedes com tanto luxo.
Ela podia sentir que Emily havia pensado cuidadosamente na
decoração do quarto de hóspedes. Como ela poderia não estar satisfeita?
"Obrigado!" Cherish agradeceu a Emily sinceramente.
"De nada. Contanto que você goste, Srta. Shen!" Emily percebeu que
Cherish realmente gostava deste quarto, o que a deixou orgulhosa.

Melody e seus romances


Este quarto foi especialmente decorado por Emily quando ela ouviu de
Jacob que Carlos e sua noiva ficariam em sua casa.
Ela tirou o pedaço de papel do bolso e o entregou a Cherish. "Srta.
Shen, aqui estão alguns pontos a serem observados em relação aos
cuidados posteriores do Sr. Li após a operação. Você sabe que ele acabou de
ser operado e não é apropriado que os servos atendam tão intimamente às
suas necessidades. Srta. Shen, você poderia ajudar Sr. Li?"
Então ela piscou para Cherish de brincadeira.
Cherish entendeu imediatamente o que ela quis dizer e seu rosto ficou
vermelho.
Não era apropriado que os criados cuidassem pessoalmente de Carlos.
Emily estava ajudando Cherish e dando a ela uma chance com
Carlos. Cherish de repente sentiu um calor no coração.
Emily chamou um criado e apresentou-a. "Esta é Ivy. Se você precisar
de alguma coisa, é só dizer a ela."
"Ok, obrigada", Cherish agradeceu a Emily por dar a ela essa chance e
pela ajuda da serva, Ivy.
Depois que tudo foi resolvido, Emily se virou, pronta para sair. "Então
não vou incomodá-lo mais. Tenha um bom descanso!"
Quando ela se dirigiu para a porta, de repente ela se lembrou de algo
e se virou. "Oh, esqueci de dizer que o Sr. Li ficará no quarto ao seu lado."
Vendo a expressão significativa de Emily, Cherish se sentiu um pouco
envergonhada, e seu rosto floresceu com uma cor rosa de flor de pêssego.
Depois que Emily saiu, ela se virou para Ivy e perguntou: "Você
poderia me ajudar pegando uma camisola para eu colocar? Quero tomar um
banho."
"Sim, senhora", Ivy respondeu respeitosamente e saiu para preparar
suas roupas.
Durante esse tempo, Cherish ligou para a família de Carlos para
explicar o que havia acontecido e disse que eles não voltariam hoje. Ela
também explicou que esperava que enviassem alguém que pudesse buscá-
los amanhã de manhã.
Depois do telefonema, Cherish pensou em Perrin e começou a sentir
uma dor de cabeça.

Melody e seus romances


Como Carlos planejou cancelar o noivado entre ele e ela, Perrin não
permitiu que ela ficasse mais com a Família Li e pediu que ela voltasse para
casa todas as noites.
Mas como ela poderia explicar sua situação atual para seu irmão?
Finalmente, Cherish decidiu ligar para Perrin e dizer que não voltaria
para casa esta noite.
"Por quê?" A voz baixa de Perrin soou do outro lado da linha.
Ela podia ouvir que seu irmão estava com raiva. "Irmão, conheci uma
ex-colega de classe hoje e temos muito em comum. Vou ficar na casa dela
esta noite."
Cherish nunca dominou a arte de mentir, nem mesmo durante sua
infância. Seu irmão poderia facilmente ver através de sua mentira desta vez,
mas ele permaneceu em silêncio.
Depois de um longo silêncio, tanto que Cherish até pensou que Perrin
havia adormecido, ela chamou: "Irmão?" em voz baixa.
"Eu ouvi você. Lembre-se de voltar para casa amanhã de manhã",
disse ele secamente. Já que sua irmã não estava disposta a confiar nele, ele
não a forçaria.
Cherish deu um suspiro de alívio e disse feliz: "Obrigado, irmão. Boa
noite".
Então, ela desligou o telefone com pressa. Ela não estava confiante em
sua capacidade de encobrir a mentira se eles falassem mais.
Após o telefonema, ela viu um conjunto de roupas estendidas na
cama, incluindo até roupas íntimas.
Ela pegou as roupas timidamente e foi para o banheiro. . . . . . De
volta ao outro lado da cidade ...
Desde que Darren atendeu a um telefonema e depois saiu, o rosto de
Bonnie não havia esfriado nem um pouco, e ela ainda estava irritada com a
piada de Darren sobre "retribuir com o casamento".
Sua mente ainda ecoava com as palavras ambíguas de Darren.
Para tirar essa ideia de sua mente, Bonnie decidiu se sentar na
varanda e ler um pouco, na esperança de se distrair.
Darren estava no quarto de Bonnie quando recebeu a ligação. Era da
pessoa que ele mandara para ficar de olho em Carlos.

Melody e seus romances


"Chefe, Carlos tem uma chave na mão. Não sei se é a chave que você
está procurando." Antes que Darren pudesse dar qualquer instrução, o
homem do outro lado da linha falou rapidamente.
Na verdade, Darren ainda estava chocado com suas palavras
espontâneas, "retribuir com casamento". Ele ficou um pouco atordoado. Era
seu instinto subconsciente atender o telefone.
Por um momento, ele até considerou que não era uma má ideia casar
com ela dessa forma.
Mas em um flash, ele desistiu da idéia.
'Como posso sequer considerar isso? Obviamente, ela é apenas uma
substituta de Rita! ' ele se repreendeu.
"Onde eles estão agora?" Falando ao telefone, ele recobrou o juízo e
ouviu a pessoa do outro lado da linha dizer que Carlos pode ter encontrado a
chave. Imediatamente, ele esqueceu os assuntos relacionados a Bonnie.
"Ele ainda está na sala. Parece que ele não vai sair tão cedo." O
homem havia observado a situação o tempo todo e tinha o assunto sob
controle. Ele não achava que eles iriam embora por enquanto.
"Estarei aí imediatamente. Se eles partirem antes de eu chegar, tente
detê-los."
"Sim senhor."
Foi devido ao aviso desse telefonema que Darren chegou a tempo de
pegar a chave.
No entanto, ele não poderia esperar que não só perderia a chave, mas
também…. . . . .
Entre quatro e cinco horas da tarde, embora o sol ainda estivesse alto
no céu, não estava mais tão quente como ao meio-dia.
As flores do jardim agora estavam um pouco murchas. Talvez fosse
por causa do sol fervente ao meio-dia, ou por causa da falta de água, mas
eles haviam baixado suas cabeças nobres.
De repente, Bonnie pensou em sua família tão distante. Ela se sentiu
muito chateada. Eles não ligavam para ela há muito tempo. Ela temia que
eles só pensassem nela quando quisessem pedir dinheiro a ela!
De repente, uma figura apareceu em sua linha de visão. Era Darren,
que havia saído mais cedo com tanta pressa. Ele estava bem quando saiu de
carro, mas agora estava coberto de cortes e hematomas por todo o corpo.

Melody e seus romances


Capítulo 1391 O Retorno de Darren Ferido
Ele cambaleou, seu corpo se inclinando para a esquerda e depois para
a direita de vez em quando. Parecia que ele cairia assim que o vento
soprasse contra ele.
Bonnie foi imediatamente para seu quarto e pegou a caixa de
remédios. Então, ela desceu correndo as escadas em sua melhor velocidade.
Assim que ela saiu do quarto do andar de cima, ela ouviu um som
vindo do andar de baixo, acompanhado pelo barulho de porcelana
quebrando e se espatifando no chão.
Ela sentiu sua ansiedade aumentar e rapidamente desceu correndo as
escadas com a caixa de remédios debaixo do braço.
Bonnie estava com tanta pressa que saltou a cada passo como um
cervo assustado, sem qualquer sinal de parar.
No final, ela desceu em um ritmo tão rápido que seus pés quase se
enredaram um no outro, e ela quase caiu.
Felizmente, ela agarrou o corrimão ao lado dela rapidamente para não
cair.
Depois de recuperar o equilíbrio, ela continuou a descer, um passo de
cada vez, sem diminuir a velocidade.
Assim que Bonnie desceu as escadas, ela viu muitos cacos de
porcelana quebrados no chão. A casa estava uma bagunça completa.
Darren estava caído no sofá. Os cortes vermelhos e vergões raivosos
de hematomas eram uma agonia para seus olhos. Ela ficou enraizada no
lugar e ficou surpresa com o que viu.
"Você ....... Onde você esteve e o que aconteceu?" Ela queria provocá-
lo, mas, neste momento, ela só teve o impulso de chorar, e seu tom de
soluços ficou evidente quando ela fez essas perguntas a Darren.
Darren percebeu que ela estava quase chorando. Ele se virou para
olhar para ela, as sobrancelhas franzindo inconscientemente com
preocupação. Não estava claro se ele estava carrancudo por causa da dor
que sentiu em suas feridas ou por outra coisa.
Bonnie caminhou até ele e gentilmente se sentou ao lado dele. Suas
ações se tornaram sensíveis pelo medo de que o machucasse
acidentalmente.
Ela agarrou seu braço e enrolou sua manga. Quando ela viu os
ferimentos ali, seus olhos se estreitaram. Quando ela o viu do patamar do

Melody e seus romances


andar de cima, ela não pensou que ele estivesse tão gravemente ferido, mas
agora que ela estava olhando para ele mais de perto, ela descobriu que ele
estava em um estado terrível.
Seus olhos estavam cheios de dor e preocupação por ele.
Ela tocou lentamente cada hematoma e arranhão em seu braço. De
repente, ela sentiu uma dor aguda no coração. "Isso dói?"
Darren olhou para ela, mas não disse nada. Ele tirou o braço da mão
dela com uma expressão de dor no rosto, como se estivesse sofrendo uma
agonia silenciosa.
Ao vê-lo assim, o coração de Bonnie apertou. "Eu machuquei você?"
Ao ouvir sua voz ansiosa, Darren finalmente percebeu que ela havia
entendido mal a reação dele.
Ele suportou a dor que latejava por todo seu corpo e disse lentamente:
"Estou bem."
Então, ele olhou para a caixa de remédios que ela havia acabado de
trazer para baixo. "Você não vai aplicar o remédio em mim? Por que ainda
está sentado aí tão atordoado?"
Bonnie voltou aos seus sentidos e tirou as pomadas da caixa de
remédios. Ela se concentrou em tratar suas feridas.
Ela olhou para os ferimentos que eram evidentes por todo o corpo. Ela
percebeu que nenhum dos ferimentos sangrava, mas eram todos vergões
vermelhos. Algumas das contusões já começaram a ficar pretas e roxas
porque não foram tratadas a tempo.
Com medo de que ele sentisse dor durante o tratamento, Bonnie
tentou distraí-lo. "Você conseguiu isso enquanto lutava?"
Darren não respondeu. Em vez disso, ele se virou para olhar para ela e
perguntou em um tom ambíguo: "Sim, me machuquei enquanto lutava. Por
que, você se preocupa comigo?"
Ouvindo suas palavras, Bonnie corou e perguntou: "Não posso?"
"Bem ... quem sou eu para você, para você se importar
comigo?" Darren sussurrou próximo ao ouvido dela.
"Hum ... eu estou apenas me preocupando com você como seu
assistente médico pessoal."
"Oh, é assim?" Darren começou a provocá-la novamente. Ele não
pararia até que tivesse feito com sucesso suas bochechas redondas.

Melody e seus romances


"Não..... Além disso, o que mais você acha que isso é? Eu sou sua
enfermeira particular. Tenho que cuidar de você, especialmente quando você
está ferido. É realmente muito problemático! Mas já que você me paga tal
um salário alto, não posso aceitar o dinheiro à toa! Sigo um código de ética
profissional. "
Então, ela balançou a cabeça como se quisesse afirmar sua
declaração. "Sim é isso."
"Sério?" Darren questionou asperamente em um tom significativo
enquanto olhava para ela com um leve sorriso pairando em seus lábios.
- Sim..... Sim..... Caso contrário ....... O que mais você acha que é?
" Bonnie gaguejou depois de sua provocação.
Tentando esconder sua culpa, ela mudou rapidamente de
assunto. "Veja o que você fez! Se você lutar, você tem que ter certeza de
que vai vencer. Se você não tem certeza se vai vencer, é melhor não se
envolver em nenhuma luta. Por que você foi derrotado assim?
E por que eu sempre acabo vendo seus ferimentos? ”Bonnie sentiu que
havia descoberto algo incrível.
Depois de provocá-la para sua satisfação, Darren simplesmente ficou
em silêncio.
No entanto, suas expressões e movimentos de dor diziam a ela que ele
estava infeliz.
Não obtendo nenhuma resposta dele, Bonnie não disse mais nada,
temendo se envergonhar.
Já que Darren estava se comportando de maneira indiferente com ela,
ela ficou quieta, não querendo dizer mais nada que pudesse sair pela
culatra.
Embora ela não soubesse como ele foi ferido ou por que se meteu em
tal confusão, ela ainda esperava que ele não fosse ferido novamente!
Com sentimentos confusos, Bonnie aplicou o remédio em seus
hematomas e disse: "Bem, tome cuidado para não molhar seus ferimentos
nos próximos dias. Além disso, você deveria me ver para aplicar o remédio
uma vez por dia."
Vendo que ele já havia se ferido várias vezes, ela sabia que ele não
podia ser um bom homem, mas ainda assim teve pena dele. Bonnie não
queria que ele se machucasse.
Enquanto falava com ele, ela arrumou a caixa de remédios. Depois, ela
se levantou, se preparando para subir, mas Darren agarrou a mão dela.

Melody e seus romances


"Você não quer me perguntar como eu me machuquei?" Sua voz
ligeiramente baixa e gutural destacou-se na atmosfera tranquila.
"Você vai me dizer se eu perguntar?" Bonnie respondeu com uma
pergunta em vez de responder a ele.
Vendo seu reflexo silencioso, ela sabia que tinha adivinhado
certo. Mesmo que ela perguntasse por curiosidade, ele não revelaria a
verdade a ela.
Todo mundo tinha seus próprios segredos e ele não queria que outros
soubessem os dele. Já que Darren não queria contar a ela, ela não
perguntaria.
Depois de um momento de contemplação, ela pensou que pelo menos
deveria confortá-lo. "Na verdade, se você quisesse me dizer, eu estaria
disposto a ouvi-lo."
Darren lançou um olhar de desdém para ela e disse: "Por que eu
deveria te contar alguma coisa?"
Diante de seu ridículo, Bonnie sentiu uma onda de sangue subir e a
raiva se alojou em sua garganta. Ela quase quis machucá-lo.
Mas ela respirou fundo e continuou dizendo a si mesma: 'Ele é um
paciente. Não leve o abuso dele tão a sério! '
No entanto, ela ainda não conseguia controlar sua raiva. Ela tirou a
mão de Darren de seu pulso e subiu as escadas com a caixa de remédios.
Darren não a impediu de sair desta vez.
Mas assim que Bonnie alcançou a escada, ela se arrependeu de suas
ações. Ele era apenas um paciente. Por que ela deveria ficar com raiva dele?
Então, ela se virou e disse em tom confuso: "Bem ... lembre-se de
trocar o curativo! Além disso, ... se você não estiver feliz, coma sobremesa!"
Parecia que ela estava com medo de fazer papel de boba, então sua
voz não era alta e só podia ser ouvida pelos dois.
Então, Bonnie se virou e correu escada acima. Seus passos eram
batidas leves e rápidas, como se duas mãos estivessem dançando nas teclas
de um piano, tocando uma melodia maravilhosa.
Darren, que ficou sentado sozinho na sala de estar, sorriu de
repente. Em um instante, seu sorriso parecia ser a única coisa que restava
no mundo. Irradiava o calor da brisa de verão e o sol da primavera.
Depois disso, a atmosfera ao redor dele esfriou novamente. A solidão o
dominou, envolvendo-o em uma aura misteriosa.

Melody e seus romances


Ele nunca comia sobremesa, mas depois de ouvir o que ela acabara de
dizer, ele inconscientemente pegou o telefone para pedir sobremesa. Ele não
percebeu o que tinha feito até a sobremesa chegar.
O que ele fez? Só porque ela disse isso, ele comprou uma sobremesa.
Mas como ele já havia comprado, não poderia desperdiçá-lo. Ele
provou e descobriu que não era muito gorduroso, então tentou mais um
pouco. No final, ele devorou toda a sobremesa.
Pareceu então ... como se seu humor realmente tivesse melhorado um
pouco.

Capítulo 1392 Mais Conflitos


Jacob conseguiu obter a chave com sucesso de Carlos, e Ethan
também obteve o certificado de propriedade de Sybil. Tudo estava ocorrendo
de maneira ordenada, conforme planejado.
No início da manhã, Ethan comprou o café da manhã perto da casa de
Estelle, como de costume, e esperou por ela do lado de fora de seu
apartamento.
Recentemente, ele a esperaria em seu apartamento, pagaria seu café
da manhã e a levaria para o trabalho todos os dias.
No entanto, o seguinte cenário se repetiria continuamente.
"Estelle, você já tomou café da manhã? Comprei um café da manhã
para você na sua loja favorita", Ethan dizia obsequiosamente, tentando ao
máximo conquistar Estelle.
"Não, já comi em casa." Estelle o recusaria friamente.
"Então deixe-me levá-lo ao trabalho!"
"Não, vou pegar um táxi."
"Mas eu quero discutir algo sobre o certificado de propriedade da
propriedade com você."
Finalmente, Estelle não teria escolha a não ser
concordar. Normalmente, ela entrava no carro dele e o deixava levá-la para
o trabalho.
Mas no carro, se Estelle não lhe perguntasse sobre o certificado de
propriedade, ele não diria nem uma palavra.
E quando Estelle lhe perguntasse, ele lhe daria apenas algumas
informações sobre a casa, apenas algumas.

Melody e seus romances


Na verdade, Ethan tinha seus próprios motivos egoístas. Todas as
vezes, ele usava a casa da família dela como desculpa para conhecê-la. Se
ele não dissesse nada, isso definitivamente despertaria suas suspeitas; mas
se ele contasse tudo a ela, não teria outra desculpa para voltar a vê-la.
Mas essa estratégia funcionou apenas uma ou duas vezes. Com o
passar do tempo, Estelle não pôde deixar de duvidar de suas intenções.
Desta vez, ela não quis se comprometer mais. Desde que ela decidiu
se separar de Ethan, não havia necessidade de ele continuar a importuná-la.
Olhando para ele, Estelle respirou fundo e caminhou até ele, sem lhe
dar chance de falar enquanto acusava: "Ethan, você já conseguiu o
certificado de propriedade!"
Não foi uma pergunta, mas uma acusação decidida. Ethan sabia que
ela tinha visto através de seu subterfúgio, então ele teve que concordar.
Quanto mais ele escondia as coisas dela, mais facilmente ela
descobriria a verdade.
Além disso, com seu poder, era impossível para ele não ter descoberto
a verdade há muito tempo.
"Então, você está mentindo para mim de novo!" Estelle parecia muito
desapontada com ele.
Ela não esperava que ele ainda mentisse para ela. Parecia que ele
havia esquecido totalmente as lições de antes.
"Desculpe, eu ... eu só queria ter uma desculpa para ir ver
você!" Percebendo a decepção dela, Ethan se sentiu um pouco confuso. Ele
temia que estivesse prestes a perdê-la completamente.
"Mas a verdade é que você mentiu para mim. Ethan, os problemas
entre nós ainda nem foram resolvidos, mas você continua mentindo para
mim!" Estelle sabia que eles não podiam continuar assim.
Ela fingiu uma raiva sombria e disse a ele friamente: "Ethan, me dê o
certificado de propriedade. Até que você esteja disposto a me explicar sobre
as duas questões anteriores, não quero vê-lo novamente!"
Suas palavras devem ter sido dolorosas para ele, mas também
destruíram seu coração.
No entanto, se eles ignorassem os problemas atuais entre eles, seria
irresponsável para os dois ficarem juntos novamente.
Ethan estava prestes a mentir que havia deixado o certificado de
propriedade da propriedade em sua casa, mas Estelle percebeu através

Melody e seus romances


dele. "Não me diga que o esqueceu em casa. Se você realmente o deixou lá,
pode enviá-lo por correio expresso assim que voltar para casa."
Percebendo que ela realmente não queria encontrá-lo novamente,
Ethan se sentiu muito frustrado. Ele implorou: "Estelle!"
Ele poderia explicar a ela o assunto sobre sua verdadeira identidade,
mas ele não sabia como explicar sobre aquele grampo de cabelo. Portanto,
ele não poderia oferecer a ela a resposta que ela queria.
Estelle se virou e saiu. Ela pegou um táxi para o trabalho, deixando
Ethan perdido para trás.
Olhando para a figura dela se afastando, Ethan prometeu a ela
baixinho: "Estelle, me dê mais algum tempo. Quando eu descobrir os
detalhes de sua identidade, vou lhe dar uma explicação satisfatória."
"Estelle, seu namorado não a levou para o trabalho hoje?" uma das
colegas de Estelle perguntou curiosa ao vê-la entrar sozinha.
Nos últimos dias, eles notaram que alguém a levou para trabalhar em
um carro luxuoso, o que os deixou verdes de inveja.
Então, quando eles a viram chegando sozinha hoje, eles não puderam
deixar de zombar dela.
"Ele não é meu namorado", Estelle retrucou secamente. Estelle poderia
adivinhar o que eles estavam pensando, mas ela não se importou.
"Se ele não é seu namorado, por que ele trouxe você para o trabalho
todos os dias? Vamos. Não minta para nós. Vocês brigaram?"
"Ele realmente não é meu namorado!" Estelle estava ficando cansada
de explicar. Ela não tinha experimentado esse tipo de mal-entendido antes.
E ela não tinha previsto que as coisas acabariam assim.
Vendo que ela não queria dizer mais nada, seus colegas perderam o
interesse e voltaram para o trabalho.
Alguns de seus colegas ficaram com muito ciúme e a xingaram em
seus corações. 'Por que você está tão orgulhoso? Você é apenas uma
amante. Já que seu papaizinho o abandonou, o que será de você agora?
No entanto, Estelle estava alheia a seus pensamentos sombrios no
momento.
Se ela soubesse, ela definitivamente os teria repreendido dizendo: "Só
porque você é sujo, não pense que todo mundo é igual a você. Se eu sair de
um carro luxuoso, isso me tornará uma amante? você sai de um bar à noite,
isso significa que você é uma prostituta? "

Melody e seus romances


Assim que Ethan alcançou sua empresa, ele mandou chamar seu
assistente.
"Como está indo a investigação sobre a identidade de Estelle?"
"Ainda está em andamento, mas alguns detalhes precisam ser
verificados melhor. Como você sabe, chefe, o assunto data de mais de dez
anos atrás. Vai demorar um pouco para chegar ao fundo disso", respondeu o
assistente. Ele realmente queria pedir um aumento de salário por todo o
trabalho extra que vinha fazendo.
Como assistente de Ethan, ele agora tinha que fazer o trabalho de um
detetive. Ele precisava investigar algo que acontecera há mais de dez anos,
o que estava se revelando cansativo.
"Ok, entendo. Apenas se apresse!" Ethan também sabia que seria
difícil investigar, então ele não definiu um prazo exato.
Mas ele precisava acelerar as coisas.
- Sim, senhor. Se não houver mais nada, vou voltar ao
assunto. Embora quisesse muito, o assistente não se atreveu a pedir um
salário maior.
Por outro lado, Ethan resolveu acelerar a investigação da identidade de
Estelle.
Por outro lado, ele não queria desistir de visitar Estelle.
Todas as manhãs, não importava se estava chovendo ou ensolarado,
ele esperava do lado de fora do apartamento dela com o café da manhã nas
mãos, olhando na direção de sua casa como uma estátua.
Mas ele nunca mais a viu.
Estelle havia se escondido deliberadamente de Ethan. Depois que eles
discutiram, ela empacotou seus pertences naquela mesma noite e se mudou
para o dormitório da empresa.
Portanto, toda vez que Ethan ia ao apartamento dela, Estelle não
estava em casa. Era impossível para ele vê-la.
Quando criança, Amy amava sobremesas ainda mais do que Bonnie.
Mas por causa de sua doença, Taylor raramente a deixava comer
coisas doces.
Louis e Amy quase se recuperaram. Então, para comemorar, Taylor
comprou dois bolinhos, um para eles compartilharem e outro para Emily.

Melody e seus romances


Psicologicamente falando, as sobremesas ajudavam a elevar o humor
das pessoas. A depressão de Emily havia melhorado muito, embora ela não
estivesse completamente curada.
Mas com Jacob, Louis e Emi para lhe fazer companhia, sua condição
havia se estabilizado e ela raramente recaía.
"Emily, eu comprei um bolo para nós. Espero que você tenha um
pouco." Assim que Taylor entrou na casa, ela olhou em volta procurando
Emily.

Capítulo 1393 Plano de tratamento


"Emily," Taylor gritou antes mesmo de ela entrar pela porta da frente.
Quando ouviu a voz de Taylor, Emily estava enrolada e ocupada lendo
no sofá da sala.
Ela largou o livro na mão, desenrolou-se preguiçosamente como um
gato e levantou-se para dar as boas-vindas a Taylor.
Taylor seguiu Emily até a sala de estar e as duas se sentaram no
sofá. Assim que ela olhou para cima, ela notou o livro na mesa de centro.
"Você tem lido recentemente?" Taylor perguntou, queimando de
curiosidade.
Seguindo seu olhar, Emily também olhou para o livro. "Bem, eu estava
entediado de ficar sozinho em casa e não tinha nada para fazer, então
encontrei um livro para ler. Você sabe, para matar o tempo."
Com Taylor, Emily nunca poderia esconder seus verdadeiros
sentimentos. Mesmo que ela fingisse felicidade, Taylor veria através de sua
fachada com um simples olhar.
Taylor sempre podia ver através dela como se ela fosse feita de vidro,
então ela já havia decidido não fingir com ela. Seria muito mais fácil para os
dois se ela não o fizesse.
Taylor assentiu com um sorriso. "Nada mal. É bom ter interesse em ler
de novo, mas ...". . . . . Taylor franziu a testa, querendo dizer algo mais,
mas pensou melhor e ficou quieto antes de acrescentar: "No entanto, sugiro
que você leia livros mais otimistas. Este livro é muito pessimista. É melhor
você evitar ler muito sobre essas linhas."
Taylor formulou sua sugestão de forma eufemística.
O estado mental de Emily estava passando por um período delicado
agora, e a leitura desse tipo de livro só poderia agravar sua condição.

Melody e seus romances


"O que o traz aqui hoje?" Emily não quis seguir seu conselho e mudou
de assunto.
Vendo sua intenção, Taylor deu um suspiro mental indefeso. Ela não
podia fazer mais nada para ajudar Emily. Ela não poderia forçá-la a ler outro
livro!
Se ela realmente fizesse isso, Emily poderia ficar desconfiada dela no
futuro. Além disso, era difícil para Emily encontrar algo que a interessasse, e
os danos para ela seriam irreversíveis!
Depois de pesar os prós e os contras, Taylor decidiu deixar passar.
"Eu encontrei uma maneira de ajudá-lo a romper sua barreira mental!
Se você conseguir romper a barreira mental, logo terá uma recuperação
completa!" Olhando sinceramente nos olhos brilhantes de Emily, Taylor
parecia estar dizendo a ela: "Confie em mim!"
A confiança nos olhos de Taylor parecia tão certa, e Emily
imediatamente ficou animada.
"Sério? Posso realmente voltar a ser normal?" Emily perguntou,
parecendo emocionada. Embora Emily não tenha dito isso, ela há muito
desejava voltar ao seu estado normal.
Ninguém gostaria de viver como um zumbi pelo resto de suas vidas,
então quando Emily soube que ela poderia ser capaz de se recuperar, ela
não conseguiu mais conter a emoção em seu coração.
"É verdade, mas ainda preciso de seus melhores esforços e
cooperação." Taylor hesitou um pouco antes de olhar para Emily com
vergonha. "O processo pode ser muito doloroso e você pode não ser capaz
de suportá-lo."
"Eu posso fazer isso. Contanto que eu possa voltar ao normal, estou
disposto a suportar não importa quanta dor eu sofra!" Emily olhou para
Taylor com os olhos brilhando de excitação.
Taylor nunca tinha visto tanta esperança nos olhos de Emily antes!
No passado, havia apenas um vago interesse nos olhos de
Emily. Enquanto Taylor olhava nos olhos dela, ela não pôde evitar tremer,
como se um enorme buraco negro a engolisse inteira.
Seu entusiasmo fez Taylor hesitar sobre o que dizer a seguir. Ela
realmente não queria jogar um cobertor molhado sobre Emily.
Depois que Emily se submetesse a essa terapia, o tratamento seria
uma tortura total todas as vezes. Seria um grande desafio para ela!

Melody e seus romances


"Tem certeza? Este processo é realmente doloroso!" Taylor ainda não
estava convencido se ela deveria usar essa terapia ou não.
"Sim! Tenho certeza absoluta! Estou cem por cento pronto!" Emily mal
podia esperar para começar.
A depressão a prendeu em um pequeno quarto escuro, e ela estava
cercada pela escuridão sem nenhuma luz por muito tempo.
As palavras de Taylor pareceram trazer um raio de luz para Emily na
escuridão sem limites, o que a encorajou a se segurar.
Ela queria dar o seu melhor para manter a luz.
"É melhor você me ouvir primeiro e depois tomar sua decisão." Depois
de hesitar um pouco, Taylor decidiu discutir o tratamento completo com
Emily.
"Este método é conhecido como terapia de estimulação lenta. Ele é
projetado para descobrir o que desencadeia suas emoções e, em seguida,
força você a se aproximar da fonte de seus sentimentos aos poucos. Você
estará constantemente se adaptando a ele até não ter medo mais disso.
Existem muitas fontes de suas emoções. Por exemplo, Darren lhe
causa medo. E não podemos pedir que ele coopere. Além dele, você também
pode considerar Beryl uma fonte de instabilidade emocional. ”Enquanto
explicava isso, Taylor olhou para Emily, temendo que ela não fosse capaz de
suportar o que ela diria a seguir.
"Este processo vai demorar muito. No início, você vai olhar para a foto
de Beryl por apenas um minuto. No dia seguinte, você vai olhar para ela por
dois minutos, e no terceiro dia, três minutos. Você vai continuar como isso
até que a foto de Beryl não desperte mais suas emoções. Esta é apenas a
primeira fase! "
Pelo canto do olho, ela viu que Emily a estava ouvindo com atenção,
então se sentiu aliviada e continuou.
"Depois de se acostumar a olhar para a foto dela, você pode bater um
papo com Beryl por meio de um vídeo. Seguindo o método anterior, você
pode aumentar seu tempo de conversa todos os dias no segundo estágio.
Depois de se acostumar com o bate-papo por vídeo, você pode lentamente
inicie o contato com Beryl como antes. Esta é a última etapa! "
Depois que Taylor terminou de explicar como a terapia funcionou, ela
descobriu que Emily estava olhando para ela sem piscar, o que a deixou um
pouco nervosa.

Melody e seus romances


Na verdade, ela não tinha certeza se Emily concordaria com esse plano
ou não. Se ela realmente se comprometesse com a terapia, Emily
enfrentaria o risco de depressão todos os dias.
"De jeito nenhum!" Antes que Emily pudesse responder, uma voz de
homem interrompeu.
Emily e Taylor olharam para a porta de onde a voz tinha vindo.
Taylor viu um homem ocupado trocando de sapatos no vestíbulo. Ele
estava olhando tristemente para Taylor, com desgosto evidente em seus
olhos!
Ele claramente pretendia deixar Taylor saber o quanto ele não gostou
da ideia dela.
Não era outro senão Jacob, que acabara de voltar do trabalho.
Quando Taylor estava discutindo esse plano com Emily, ela já previra a
reação de Jacob.
Portanto, ela não se sentiu muito envergonhada.
Ela decidiu ficar em silêncio e deixou que o casal conversasse entre si.
"Esta terapia é absolutamente inaceitável. Encontre outra
maneira!" Assim que Jacob chegou em casa do trabalho, ele ouviu Taylor
explicar como Emily enfrentaria a fonte de sua discórdia emocional todos os
dias. Naturalmente, ele imediatamente teve um ataque de raiva.
Seu tom era frio e autoritário, fazendo as mulheres inconscientemente
quererem se render aos seus desejos.
A maneira como ele olhou para Taylor era a mesma que ele teria
encarado seu inimigo.
"Taylor, há alguma outra maneira?" Vendo que a atmosfera estava
ficando cada vez mais tensa, Emily falou rapidamente para aliviar as
tensões.
Taylor sabia que Emily estava tentando manter a paz, mas ela
continuou: "Esta é a maneira mais eficaz por enquanto. Os outros métodos
forneceriam apenas um alívio temporário."
Ela não queria colocar Emily em um processo tão doloroso, já que
também sentia pena de Emily. Mas esta foi a melhor maneira que ela pôde
pensar.
"De jeito nenhum!" Mesmo assim, Jacob não queria que Emily
enfrentasse pessoas que ela não tinha coragem de enfrentar. E fazer isso
todos os dias ...

Melody e seus romances


Capítulo 1394 Eu quero tentar
Depois que Jacob pronunciou essas palavras, todos os três ficaram em
um silêncio constrangedor.
Taylor permaneceu em silêncio porque ela não sabia o que dizer, e ela
decidiu deixar a decisão para Jacob e Emily. Emily estava silenciosamente
considerando se ela deveria dar uma chance a este plano ou não. Jacob foi
dominado por uma grande raiva e não sabia como desabafar.
Por um momento, a sala de estar ficou tão silenciosa que apenas o
tique-taque do relógio podia ser ouvido.
A atmosfera estava tão quebradiça que poderia ser cortada com uma
faca.
Tic-tac ... Tic-tac ... Tic-tac ...
No final, Emily foi a primeira a quebrar o silêncio constrangedor.
Ela puxou a manga de Jacob e disse cuidadosamente, "Jacob. Eu quero
tentar. Confie em mim, ok?"
Jacob não disse uma única palavra. Ele apenas lutou para controlar
sua raiva e ficou como um monumento imóvel.
No entanto, a expressão em seu rosto o traiu. Ele franziu a testa e
baixou o rosto, lançando os olhos nas sombras. Era óbvio que ele estava
infeliz.
Vendo que ele não estava se recusando de imediato, Emily decidiu
pressionar mais e tentar convencê-lo.
"Jacob, eu quero ser uma pessoa normal de novo. Eu quero ter uma
vida normal. Por favor, deixe-me tentar!" Emily olhou para Jacob, um olhar
suplicante brilhando em seu rosto. O brilho das lágrimas de cristal claro em
seus olhos brilhou no reflexo da luz, fazendo seus olhos parecerem cheios de
estrelas.
Vê-la implorar assim, como Jacob ousaria recusar? Ele foi
imediatamente desarmado ao se deparar com as lágrimas dela.
"Tudo bem, mas você deve me dizer na hora que não consegue lidar
com isso!" Jacob finalmente concordou com relutância.
Ele estendeu a mão e acariciou ternamente a cabeça de Emily. Seus
olhos estavam cheios de amor e carinho. Se fosse possível, ele realmente
não queria que ela sofresse com essa provação.

Melody e seus romances


Vendo que eles haviam se decidido, Taylor se sentiu aliviado. “Emily,
toda vez que você decidir olhar essas fotos, lembre-se de que alguém em
quem você confia deve ficar com você!
Por favor, também me diga todos os dias como você se sente depois
de ver essas fotos, ok? ”Taylor a instruiu cuidadosamente.
Na verdade, Taylor não tinha medo de que a depressão de Emily
voltasse durante os tratamentos. Ela pediu que Emily arranjasse alguém
para ficar com ela, porque ela queria que Emily começasse a confiar em
mais pessoas e não apenas em Jacob.
Ela encorajou Emily a expressar seus sentimentos todos os dias
porque queria que ela descobrisse como compartilhar seus sentimentos com
outras pessoas. Dessa forma, ela não tentaria enterrar todos os seus
sentimentos ruins dentro de si.
"Entendo. Obrigado, Taylor." Emily havia se decidido e agora estava
decidida a lutar contra a depressão.
Se ela queria ficar ao lado de Jacob e apoiá-lo, então ela teve que se
forçar a superar seus demônios internos e quebrar suas barreiras
psicológicas.
Depois de lembrar a Emily mais algumas coisas nas quais prestar
atenção, Taylor se preparou para ir embora. "Ok, vamos fazer isso!
Começaremos a partir de amanhã! Tenho que ir agora. Adeus."
"Taylor, que tal ficar aqui para o jantar?" Emily ainda queria mais
tempo para conversar com Taylor, então quando ela disse que Taylor estava
indo embora, ela imediatamente pediu que ela ficasse.
"Sinto muito, Emily. Amy já está esperando que eu vá buscá-la. Que
tal outro dia? Vou trazer Amy para visitá-la."
"Tudo certo!" Emily fez beicinho, sentindo-se um pouco chateada.
Para ser honesta, ela gostava de conversar com Taylor, que tinha um
efeito calmante sobre ela.
Depois de deixar a Mansão Tyrone, Taylor voltou à confeitaria e
comprou outro bolo antes de seguir para o jardim de infância de Amy.
Os dois bolos que ela comprou antes foram deixados na Mansão
Tyrone para Emily desfrutar.
Mas quando ela chegou ao jardim de infância, ela foi informada que
Amy já tinha sido pega por outra pessoa.

Melody e seus romances


"Senhorita, quem pegou Amy?" Tentando suprimir sua raiva, Taylor
olhou calmamente para a professora de Amy.
Qualquer pessoa que pudesse pegar Amy devia ser alguém que ela
conhecia, portanto Taylor não se preocupava muito. Ela tinha uma ideia
aproximada de quem poderia ter feito isso.
O que a deixou com raiva foi que, como professora de Amy, a mulher
tinha acabado de deixar um estranho buscar Amy sem chamá-la. Ela era a
guardiã de Amy! Como professor, foi uma grave negligência do dever!
- Sinto muito, Srta. Taylor. O homem que veio buscar Amy disse que
era tio de Amy. Amy também o conhecia e o chamava de tio Louis. Foi por
isso que o deixei ir com Amy!
Quando Taylor ouviu "Tio Louis", ela sabia que tinha adivinhado
corretamente.
Com certeza, Louis tinha buscado Amy.
Depois de se despedir da professora, ela imediatamente pegou o
telefone e ligou para Louis.
Assim que ela apertou o botão de discagem, a linha foi conectada.
"Mãe, mãe! Tio Louis e eu estamos em Ocean Park. Você também
vem? Os peixinhos e animais aqui são tão fofos!" A voz animada de Amy
soou ao telefone quando ela atendeu.
"Amy, passe o telefone para o tio Louis. Tenho algo para discutir com
ele."
"O que há de errado, Taylor? O que você queria dizer para mim?" A
voz frívola de Louis então soou na linha, e seu tom despertou
completamente sua raiva.
"Louis, Amy só se recuperou recentemente. Como você pode levá-la
por aí? E se ela ficar doente de novo?" Taylor o questionou com raiva.
"Não se preocupe. Estou aqui para ficar de olho nela", Louis confortou
Taylor em uma voz suave. Ele parecia extremamente confiante.
Taylor não queria mais discutir com ele. "Envie-me uma mensagem
com sua localização atual. Não prossiga! Estarei aí em breve!"
Ela se recusou a entreter sua lógica a esta hora. Estava escurecendo e
Amy deveria ter ido para casa e descansado um pouco.
Louis rapidamente enviou sua localização e até a convidou para brincar
com eles.

Melody e seus romances


Quando Taylor chegou lá, os dois já haviam deixado Ocean Park e
estavam esperando por ela do lado de fora.
Amy viu Taylor assim que ela se aproximou.
"Mãe, mãe, aqui estamos nós!" Amy acenou para ela animadamente
com um grande sorriso no rosto.
Olhando para o largo sorriso de Amy, Taylor não pôde deixar de se
perguntar se ela tinha sido muito rígida com Amy.
Desde que Amy adoeceu, Taylor não permitia que ela fosse a lugar
nenhum ou fizesse qualquer coisa que pudesse deixá-la exausta. Então, ela
raramente teve a oportunidade de ver Amy sorrindo tão feliz.
Observando-os à distância, Taylor de repente sentiu que os dois
pareciam pai e filha. Ela não pôde deixar de se sentir um pouco confusa. E
se Louis descobrisse que Amy era de fato sua filha?
Ela respirou fundo para acalmar suas preocupações e lentamente se
arrastou até eles.
Assim que Taylor se aproximou, Amy se jogou nos braços da
mãe. "Mãe, eu vi tantos pequenos animais diferentes em Ocean Park agora
mesmo. Eles eram todos tão fofos!"
Taylor se agachou, pegou Amy e beijou-a na bochecha. "Sério?
Quantos animais marinhos diferentes você viu hoje, querida? Você poderia
descrevê-los para mim?"
"Claro, mãe. Eu vi golfinhos, focas e pinguins hoje!
Até toquei na cabeça de um golfinho. Estava tão escorregadio! Então,
alimentei as focas e os pinguins. Eles eram adoráveis quando comiam! "
Amy continuou regalando Taylor com o que ela tinha visto e feito no
Ocean Park hoje.
Taylor e Louis ouviram com atenção.

Capítulo 1395 Faça-me um favor


Amy divagou sem parar. Finalmente, Taylor a deteve. "Amy, você e
Louis já comeram?" ela perguntou.
Se Amy continuasse a falar assim, sua voz ficaria rouca amanhã.
"Uh. Eu esqueci", Amy respondeu.

Melody e seus romances


Sentindo-se envergonhada, Amy coçou a nuca e mostrou a
língua. "Mãe, eu estava muito ocupada brincando com os animais, então
ainda não comemos!"
Depois de dizer isso, ela olhou para Taylor queixosamente.
Taylor achou divertido o comportamento fofo da filha. Ela riu e disse:
"Bem, vamos todos comer alguma coisa!"
"Sim! Eu sabia que você era a melhor mamãe de todos os tempos. Eu
te amo mais!" Amy gritou feliz. Parecia que ela estava faminta depois do dia
no zoológico.
Mas Louis fingiu não concordar. Ele perguntou com ciúme: "Pequena
Amy, você quer dizer que não sou bom o suficiente? A pequena Amy não
gosta mais de mim?"
"Não, não. Eu gosto muito de você, mas mamãe é apenas mais
importante para mim, então eu gosto mais da mamãe", Amy respondeu com
um sorriso cativante. Amy agora estava sorrindo como um pequeno elfo
travesso.
Louis acompanhou os dois a um restaurante relativamente remoto.
O dono do restaurante se aproximou deles assim que os viu. "Louis, eu
não vejo você aqui há muito tempo!
Você está ocupado demais para arranjar tempo para comer? ", Ele
repreendeu." Sim, mas, veja, vim aqui assim que fiquei livre hoje ", Louis
consolou o dono do restaurante.
Os dois homens conversaram um pouco antes que o chefe notasse
Taylor e Amy. "Esta deve ser sua esposa e filha, certo? Elas são
absolutamente lindas!"
O chefe claramente gostou de Louis e disse: "Não é à toa que você
sempre os esconde. Parece que você não quer que os outros os vejam!
Estou certo?"
"Não, não somos ..." Taylor queria corrigir o dono do restaurante,
explicando que eles não eram uma família de três pessoas, mas Louis a
conduziu para uma sala privada antes que ela pudesse.
Depois de ajudar Amy a se sentar em uma cadeira, Taylor sentou-se
ao lado dela.
Louis entregou a ela um menu e disse: "O que você gostaria de
comer? Peça o que quiser. A comida aqui é magnífica. Você deve
experimentar de tudo".

Melody e seus romances


Sem qualquer hesitação, Taylor pegou o cardápio e procurou alguns
dos pratos favoritos de Amy nele. "Eu pedi, então você também deve pedir
seus pratos favoritos!"
"Não, obrigado. Eu não sou um comedor exigente. Vou comer o que
você tiver!" Louis se recusou a olhar o menu.
Depois de um dia emocionante, Amy sentiu-se com bastante sono.
Sem a conversa constante de Amy, Louis e Taylor não sabiam o que
dizer um ao outro. Por um momento, a sala ficou muito silenciosa.
Taylor queria quebrar o silêncio constrangedor, então ela encontrou
um assunto aleatoriamente e disse: "Você ... Por que você não me deixou
explicar sobre nós para o dono do restaurante?"
"Explicar o quê?" Louis perguntou. Ele não entendia do que ela estava
falando, mas depois de um momento de reflexão, ele entendeu.
"Oh, entendo! Bem, não há nada para explicar. Ele sabe que eu sou
solteiro e estava apenas brincando. Não leve isso a sério", disse ele e
encolheu os ombros o incidente.
"Oh, ok. Entendo." Taylor imediatamente acenou com a mão com
desdém, tentando mostrar que ela também não levava o assunto a sério.
Assim que isso foi resolvido, os dois lutaram para retomar a conversa,
e a atmosfera na sala tornou-se inexplicavelmente embaraçosa novamente.
Felizmente, a comida que eles pediram logo chegou e os pratos foram
servidos um após o outro.
Depois de comer, Amy desfrutou da sensação de barriga cheia e
prontamente adormeceu.
"Quer dar um passeio perto do rio?" Louis sugeriu.
"Tudo bem! Só para ajudar na digestão." Taylor esfregou a barriga
com satisfação e concordou com a sugestão.
A comida do restaurante estava realmente deliciosa e ela comera
demais por acidente. Agora, ela podia sentir seu estômago doer, e ela sentiu
que uma caminhada ajudaria na digestão.
Logo, Louis e Taylor estavam caminhando ao longo do rio, ele com
Amy nos braços.
Eles se pareciam muito com uma família de três pessoas.

Melody e seus romances


De vez em quando, ela ouvia algum transeunte dizer: "Olhe para
aquela família de três. Eles são todos tão bonitos! O homem é bonito e a
mulher é linda. Eles parecem tão felizes!"
Cada vez que Taylor ouvia isso, ela não conseguia evitar corar. Louis
sorriu ao ver sua timidez e teve que suprimir a vontade de beijá-la.
"Bem, muito obrigado por hoje!" A atmosfera era tão estranha que
Taylor se sentiu um pouco desconfortável.
"Para quê?" Louis ficou confuso com a expressão repentina de gratidão
dela. Ele pensou sobre os acontecimentos do dia, mas não conseguiu
encontrar nenhum motivo para ela agradecê-lo.
"Hmm ... Obrigado por levar Amy hoje e fazê-la feliz." Taylor parou de
repente e se virou antes de agradecê-lo sinceramente.
Louis de repente entendeu. "De nada. Além disso, Amy tem um dos
meus rins no corpo, então é meu dever ser bom com ela!"
“Além do mais, minha gentileza me trouxe um pequeno ajudante na
busca por minha esposa”, Louis refletiu em particular.
"Para ser sincero, faz muito tempo que não vejo Amy sorrindo tão
feliz." Taylor ficou pensativo e um pouco deprimido.
Louis sabia que ela precisava expressar seus sentimentos, então ele
esperou em silêncio e ouviu cada palavra dela.
"Desde que Amy adoeceu, sinto que meu mundo está à beira do
colapso. Amy é minha vida. Sem Amy, não posso viver." Taylor ficou perto
do rio e olhou para longe.
De vez em quando, uma rajada de vento soprava sobre o rio, limpando
a mente de Taylor dos traços de preocupação que a assombravam.
"Como você sabe, eu fiz algo terrível por Darren por causa de Amy",
Taylor continuou, com um traço imperceptível de tristeza em sua voz.
Mas ela não podia esconder isso de Louis, que tinha se preocupado
com ela o tempo todo.
Olhando para Taylor assim, Louis se sentiu dominado pela tristeza por
ela. Ele realmente queria segurá-la em seus braços e então dizer a ela:
"Você não precisa se preocupar tanto agora que está comigo. Eu protegerei
vocês dois!"
Mas ele não conseguiu. Seus braços estavam cheios com a Amy
adormecida.

Melody e seus romances


"Estou com tanto medo de perdê-la que fico impedindo-a de fazer o
que ela quer. Eu a privo de sua felicidade porque quero mantê-la segura.
Estou muito feliz que ela tenha se divertido hoje!" Taylor falou novamente.
"Está tudo bem. O passado acabou. Amy não vai culpar você! Se você
não aguentar, eu estarei com você."
"Eu sei, Louis. Obrigado, de verdade!" Louis não estava acostumado a
ouvir Taylor falar tão sério.
"Se você realmente quer me agradecer, por que não dorme
comigo?" Louis provocou, esperando fazê-la relaxar um pouco.
A atmosfera tensa que havia cercado Taylor por muito tempo foi
repentinamente quebrada por ele. Ela o olhou ferozmente, fingindo beliscar
sua orelha.
"Estou brincando!" Louis implorou. "Mas se você realmente quer
mostrar sua gratidão, faça-me um favor!" ele sugeriu.

Capítulo 1396 Uma experiência trágica


Ao ouvir o que Louis havia dito, Taylor cruzou os braços
defensivamente sobre o peito, como se estivesse se protegendo, e olhou
para ele com vigilância. "O que você quer que eu faça?"
Louis ficou ao mesmo tempo divertido e irritado com a reação dela. Ele
perguntou: "Se eu realmente quisesse fazer algo com você, você acha que
poderia resistir a mim?"
Ignorando suas palavras, Taylor permaneceu alerta. Ela olhou para ele
sem medo com olhos grandes, e sua boca fez um leve beicinho.
'Droga! Por que ela é tão fofa? Eu quero beijá-la! ' Louis pensou.
Louis engoliu seu desejo e lambeu os lábios com a ponta da língua,
tentando suprimir sua vontade de beijá-la. "Não se preocupe. Eu só quero
que você verifique um paciente", explicou ele.
"Mesmo?" Taylor ainda olhou para ele com cautela, mas ela baixou os
braços.
"Claro. Por que eu mentiria para você?" Louis perguntou com um
suspiro impotente.
Ele não sabia o que tinha feito para fazê-la reagir tão defensivamente
a ele.
A atitude dela o fez sentir como se ela o visse como uma besta.

Melody e seus romances


Deus sabia que, embora já tivesse quase trinta anos, ainda era
virgem!
"Diga-me algo sobre o paciente! Preciso ter uma compreensão básica
da situação", Taylor insistiu com firmeza.
Ela sempre agiu profissionalmente e com senso de dever em sua vida
profissional.
"Você o tratou antes." Louis não disse mais nada a ela sobre o
paciente, como Taylor havia solicitado. O paciente era Scott, e Taylor pode
saber mais sobre ele do que Louis.
Sentindo sua evasão, Taylor pareceu perceber a quem ele estava se
referindo. "É o Scott?"
"Sim," Louis respondeu secamente em um tom baixo. Obviamente, seu
humor azedou com a menção de Scott.
"Mas sua condição não tem estado estável recentemente? Por que ele
teria uma recaída agora? Ele viu algo ou alguém que desencadeou sua
condição?" Taylor estava realmente preocupado com Scott, e havia um tom
obviamente nervoso em sua voz.
"Sim, quando verifiquei o CCTV, vi que ele tinha visto Bill naquele dia.
Ele tinha sofrido uma recaída naquele mesmo momento. Nos últimos dias,
tive muito com o que lidar, então não pude não cuide da doença por um
tempo. Mas, recentemente, sua condição piorou dramaticamente. " Quando
Louis mencionou o nome de Bill, ele não conseguiu mais manter a calma e a
raiva brilhou em seus olhos escuros.
"Então, você quer que eu descubra como Bill estava envolvido em todo
o incidente enquanto eu tratava de Scott?" Taylor merecia ser chamado de
psicólogo. Ela imediatamente entendeu o que ele queria.
"Exatamente."
"Você pode me dizer brevemente por que ele desenvolveu essa doença
em primeiro lugar? Eu não acho que seja uma condição hereditária,
certo?" Após um silêncio momentâneo, Taylor finalmente fez esta pergunta-
chave.
As declarações de Taylor lembraram a Louis o que ele testemunhou
quando encontrou Scott.
O porão estava escuro, sem luz interna. Quando ele abriu a porta, um
cheiro fétido surgiu.

Melody e seus romances


Quando Louis entrou no porão com uma lanterna, ele encontrou Scott
sentado em um canto com os braços firmemente enrolados em torno dos
joelhos e as pernas tremendo involuntariamente.
Ao lado dele estavam dois corpos podres com incontáveis marcas de
mordidas na carne. Era óbvio que Scott foi forçado a comer carne humana
para sobreviver durante as duas semanas em que ficou trancado lá.
Dois cadáveres pútridos, um homem e uma mulher, jaziam ao lado de
Scott, um do lado esquerdo e outro do lado direito, como se para protegê-lo.
Louis apontou a luz da lanterna para Scott, tentando verificar seu
estado.
No entanto, duas semanas de escuridão sem fim e desespero solitário
já haviam acostumado Scott ao ambiente sombrio. A luz repentina foi
demais para ele suportar, e de repente ele começou a gritar em um frenesi
louco.
Scott agarrou seu próprio cabelo histericamente, e o cabelo caiu em
grandes tufos de seu couro cabeludo. Usando todas as suas forças, ele
rasgou suas roupas em pedaços, e ele até começou a roer a própria perna,
até que a carne se desfez em tiras de carne sangrando.
Louis instintivamente se apressou em desligar a lanterna, mas não
funcionou. Scott ainda havia atacado loucamente as pessoas que tentavam
resgatá-lo.
Aproximando-se, Louis prendeu os braços, abraçando-o com força.
'Se eu tivesse conseguido encontrá-lo antes, talvez ele não precisasse
ficar lá com aqueles cadáveres por tanto tempo?
Se eu tivesse me importado mais com ele, essa tragédia não teria
acontecido, certo? E talvez Scott não tivesse sofrido esse colapso mental,
certo? ele pensou com pesar.
Louis voltou sua mente para o presente. "Não sei os detalhes do que
aconteceu. Só sei que seus pais já estavam mortos há muito tempo quando
eu cheguei, e ele estava sozinho com os corpos de seus pais por duas
semanas", Louis respondeu. Cada vez que Louis se lembrava daquela cena
grisalha, ele sentia uma dor dilacerante em seu coração.
Ele se esforçou ao máximo para conter suas próprias emoções frágeis
e acrescentou em tom de soluços: "Depois que foi resgatado, ele não
reconheceu ninguém. Às vezes, até atacava as pessoas como se fosse
louco".

Melody e seus romances


Taylor havia se preparado para ouvir uma história trágica, mas ela não
esperava que a vida de Scott se desenrolaria como uma história sombria.
Ela não pôde deixar de chorar de pena do pobre menino.
Este jovem foi muito corajoso. Um dia em um ambiente tão horrível
poderia ter feito qualquer pessoa normal perder a cabeça.
Mas Scott ficou trancado lá por duas semanas, com apenas dois corpos
apodrecendo por companhia.
Foi um milagre ele ter sobrevivido!
"Entendo. Eu irei vê-lo imediatamente!" Disse Taylor. Ela estava
ansiosa para ajudá-lo a resolver suas cicatrizes emocionais e mentais o mais
rápido possível.
"Mas já é tão tarde. Além disso, Amy adormeceu. Que tal amanhã?
Não acho que haja pressa imediata, você acha?" Na verdade, Louis também
queria que ela verificasse Scott esta noite. Mas com Amy adormecida em
seus braços, ele percebeu que não poderia ser tão egoísta.
Olhando para Amy, Taylor sentiu que ela havia falado um pouco
impulsivamente agora, e que até se esquecera de Amy. "Ok, então você
pode me pegar amanhã à tarde!"
"Tudo bem. Vamos. Vou te levar para casa!" Louis concordou,
suspirando.
Os três voltaram para o restaurante onde o carro estava estacionado,
e então Louis os levou para casa.
Quando eles entraram no carro, Amy ainda dormia
profundamente. Eles não tinham mais nada a dizer, então houve apenas
silêncio no carro. Mas, estranhamente, não havia mais um sentimento
estranho e apenas doçura existia entre eles.
De repente, um toque quebrou o silêncio confortável.
Era o toque que Louis atribuiu ao cuidador de Scott.
Assim que Louis atendeu, a voz da enfermeira soou do outro lado da
linha. "Sr. Ke, por favor, venha aqui rápido! O Sr. Gu teve uma recaída de
novo! Ele está jogando coisas por aí agora!"
"Tudo bem, já vou", Louis respondeu imediatamente.
Depois de desligar o telefone, ele se virou para olhar para Taylor se
desculpando.

Melody e seus romances


"Não é um problema. Você pode encontrar um quarto de hóspedes
para Amy dormir." Taylor teve muita consideração por seu dilema.
Pelo telefonema urgente agora, ela ouvira vagamente o nome "Sr.
Gu". O olhar ansioso no rosto de Louis também confirmou a ela que algo
havia acontecido com Scott.
Ao ouvir sua resposta compreensiva, Louis não hesitou mais. Ele ligou
o carro novamente, pisou no acelerador e foi direto para o apartamento
onde Scott estava sendo cuidado.
A lua estava alta no céu e não havia uma estrela à vista. Apenas o luar
fraco iluminou a terra com um brilho suave.
Ocasionalmente, uma ou duas rajadas de vento sopravam. Em tal
noite, as emoções negativas de solidão, desespero e dor foram amplificadas.

Capítulo 1397 A primeira tentativa de


tratamento
Quando Louis e Taylor chegaram, Scott ainda estava quebrando
coisas, e a sala de estar havia se tornado uma zona de guerra de barulho e
objetos voadores.
Taylor pediu a uma empregada que levasse Amy para um quarto de
hóspedes para dormir e depois correu com Louis para a sala de estar onde
Scott estava ocupado tendo um acesso de raiva.
Assim que entraram na sala, eles viram que os olhos de Scott estavam
injetados e que ele estava prestes a quebrar outro vaso no chão.
Louis entrou correndo, correu para Scott, deu-lhe um abraço restritivo
e confortou-o com uma voz suave. "Scott, estou aqui. Estou aqui. Não tenha
medo!"
No entanto, neste momento, Scott não reconheceu Louis. Ele quebrou
o vaso em sua mão, e ele quebrou imediatamente ao cair no chão. Os cacos
voaram para todos os lados, cortando suas bochechas e braços.
Scott reagiu com violência assim que foi libertado. Ele agarrou o braço
de Louis e mordeu-o como uma besta selvagem.
Louis não se importou com o ferimento e continuou confortando Scott,
dizendo-lhe: "Scott, Scott, sou eu, seu irmão. Não tenha medo. Eu vou
protegê-lo!"
Consolado por Louis, Scott lentamente se acalmou.

Melody e seus romances


Ele olhou para Louis e gritou com voz rouca: "Irmão". Ele estava
atordoado e não conseguia demonstrar nenhuma emoção.
Vendo que ele havia se acalmado, Taylor se aproximou de Scott e
tentou falar com ele.
No entanto, assim que Scott a viu se aproximando, ele imediatamente
ficou vigilante e olhou para ela com desconfiança.
"Talvez ele tenha esquecido quem você é, porque ele não vê você há
muito tempo. Ele não está se sentindo bem hoje. Você deveria falar com ele
amanhã", Louis disse em voz baixa enquanto observava Scott, que estava
em alerta .
Taylor suspirou. Ela entendeu que era impossível para ela forçar Scott
a baixar a guarda o suficiente para confiar nela e falar com ela hoje, então
ela simplesmente respondeu: "Hmm". Então, ela se virou e saiu da sala para
encontrar Amy na outra sala.
Scott quebrou o vaso tão ruidosamente que Amy acordou.
Mas, como Taylor não estava ao seu lado e ela tinha medo de ficar
sozinha, ela se escondeu sob a colcha.
Quando ela ouviu os passos se aproximando, ela silenciosamente
puxou a colcha para baixo um pouco para espiar o quarto. Apenas parte de
sua cabeça estava aparecendo por baixo da capa.
Quando Amy viu que era sua mãe, ela imediatamente jogou a colcha
de lado e pulou nos braços de Taylor. "Mãe, aonde você foi agora? Não
consegui te encontrar."
"Mamãe tinha algo com que lidar agora. Por que você acordou?"
"Acabei de ouvir o som de algo quebrando. Acordei e fiquei com
medo", Amy disse em voz baixa enquanto esfregava os olhos lacrimejantes.
"Bem, já que você está acordado, devemos ir para casa!"
Amy balançou a cabeça e Taylor começou a endireitar suas roupas.
Ela tinha amassado suas roupas de dormir na cama.
Logo, Louis apareceu na porta do quarto de hóspedes.
Ao vê-lo, Taylor perguntou: "Como está Scott?"
"Ele está dormindo. Talvez você possa vir vê-lo amanhã? É muito tarde
agora. Você deveria dormir um pouco também. Há outro quarto vago que
você poderia usar", Louis disse em uma voz cheia de fadiga.

Melody e seus romances


"Não, obrigado. Amy tem problemas para dormir em um lugar
estranho. Você pode encontrar um motorista para nos levar para casa, por
favor?"
No momento, Louis não estava com vontade de implorar que ela
ficasse, então encontrou um motorista para levá-los para casa.
No dia seguinte, Taylor foi verificar Emily primeiro. Jacob havia
encontrado e preparado uma foto para ela usar para o tratamento.
"Vamos começar!" Taylor havia prometido a Louis que iria ver Scott
com ele, então ela esperava poder terminar uma série de tratamentos antes
das cinco horas da tarde com algum tempo de sobra.
"OK." Emily respirou fundo e se encorajou em silêncio. 'Emily, você
consegue! Confie em si mesmo!' Em seguida, ela acompanhou Taylor ao
escritório no segundo andar.
Jacob estava esperando sozinho na sala de estar.
Hoje era a primeira vez que usavam essa terapia, e Jacob estava tão
preocupado que tirou um dia de folga do trabalho, optando por trabalhar em
casa.
No estudo, Taylor começou a tratar Emily.
"Você está pronto?" Taylor perguntou enquanto olhava para Emily com
uma expressão grave.
"Estou pronto. Vamos fazer isso!" Emily sentou-se reta e tensa,
olhando para frente.
Depois de ver que Emily estava pronta, Taylor tirou a foto que Jacob
tinha acabado de dar a ela e cobriu o rosto de Beryl na foto com a mão.
Em seguida, ela colocou a foto diretamente na frente de Emily,
movendo lentamente os dedos que cobriam o rosto de Beryl, enquanto ela
gradualmente apresentava o rosto de Beryl para Emily.
Inicialmente, Emily sentou-se calmamente, olhando para a foto que
ainda estava meio coberta.
No entanto, quando o rosto de Beryl ficou completamente claro à sua
frente, ela não pôde deixar de tremer e tentou fechar os olhos.
Seus olhos de repente ficaram vagos e uma expressão indecifrável se
formou em seu rosto.
"Emily! Emily!" Taylor ficava chamando-a baixinho com a boca ao lado
da orelha de Emily, mas Emily parecia não ouvi-la e não prestava atenção a
ela.

Melody e seus romances


"Emily, relaxe. É apenas uma foto. Você não precisa ter medo. Esta
menina é sua filha. Você a ama muito. Você não vai machucá-la!" Embora
ela não tivesse certeza se Emily podia ouvi-la, Taylor continuou a sussurrar
baixinho em seu ouvido.
Ela repetiu o que acabara de dizer, na esperança de encorajar Emily a
esperar.
Enquanto confortava Emily, Taylor também monitorava o tempo no
cronômetro.
Assim que o tempo predeterminado acabou, ela imediatamente cobriu
a foto e escondeu-a da vista de Emily. Ao mesmo tempo, Taylor parou de
falar no ouvido de Emily e ficou quieto, permitindo que ela voltasse aos seus
sentidos.
No final, demorou cerca de uma hora para Emily ficar sob os cuidados
de Taylor.
"Como você se sente agora? Você se sente desconfortável?" Taylor
imediatamente se aproximou quando ela perguntou a Emily, vendo que ela
agora estava totalmente alerta.
"Estou bem. Só estou um pouco cansada. Ficarei bem depois de um
descanso!" Emily sentou-se fracamente no sofá.
Quando a foto saiu de sua vista mais cedo, Emily ouviu duas vozes
diferentes falando em sua mente.
Uma voz disse: "É apenas uma foto. É uma farsa. Não tenha medo.
Não se esqueça do seu propósito!"
A outra voz argumentou: "Você não se lembra de nada quando vê esta
foto? Você se esqueceu do que fez com ela? Como você pode simplesmente
esquecer tudo?"
As duas vozes conflitantes continuaram discutindo em sua mente.
Emily sentiu uma angústia profunda e seu cérebro ficou preocupado
com essas duas vozes opostas, que soavam como dois inimigos brigando um
com o outro.
Era tão barulhento que Emily teve uma enxaqueca aguda.
No final, seu desejo de curar a venceu, então ela finalmente se forçou
a se acalmar.
Através da força de sua necessidade de ser mais forte, ela finalmente
voltou aos seus sentidos, embora isso tenha exigido um grande esforço.

Melody e seus romances


"Ok, descanse um pouco. Você pode me dizer como se sente quando
se sentir mais descansado!" Taylor sabia que Emily estava muito cansada e
que a experiência tinha sido muito dolorosa, mas Emily teve que passar por
esse processo.
Taylor se aproximou e se ajoelhou atrás de Emily. Ela estendeu as
mãos e lentamente começou a massagear as têmporas de Emily para ajudá-
la a lutar contra o cansaço.
As duas mulheres estavam ocupadas se acalmando silenciosamente no
escritório, enquanto na sala de estar, Jacob não conseguia se acalmar para
se concentrar em seu trabalho.

Capítulo 1398 Um Encontro


Depois que Emily e Taylor mudaram-se para o escritório para
tratamento, Jacob começou a se concentrar no documento em sua
mesa. Uma hora e meia depois, ele ainda estava trabalhando naquele
documento.
Inúmeras vezes, ele queria correr para o escritório e parar Emily para
que pudesse protegê-la.
Pensando que Emily estava correndo um risco enorme e poderia ter
uma recaída da depressão ao ver algo que ela não queria ver, ele ficou
preocupado.
Mas, afinal, ele havia prometido a ela que não interromperia a terapia.
Ele não estava com humor para fazer papelada. Finalmente, ele jogou
a caneta no chão e olhou fixamente para a porta do escritório.
O tempo passou lentamente.
Finalmente, depois da centésima vez que Jacob quis invadir o
escritório, a porta se abriu e Taylor e Emily saíram um após o outro.
No momento em que pôs os olhos em Emily, Jacob correu, agarrou
seus ombros com suas mãos poderosas e examinou cuidadosamente seu
rosto, na esperança de detectar até mesmo alguma pista menor de como ela
estava se sentindo em sua expressão.
Mas não importa o quão cuidadosamente ele olhou para ela, a
expressão no rosto de Emily permaneceu a mesma de antes de ela entrar no
escritório.
Jacob finalmente deu um suspiro de alívio.

Melody e seus romances


Taylor falou encorajadoramente para Emily, "Você está indo muito
bem, Emily. Você fez um enorme progresso hoje. Se você puder continuar
assim, você se recuperará muito em breve!"
Em seguida, ela puxou Jacob de lado e disse a ele: "Se possível, quero
que você conte a Emily algumas histórias sobre Beryl. Isso ajudará Emily a
conhecer Beryl melhor. Ela finalmente se sentirá mais positiva em relação a
Beryl e será muito mais receptiva a ela ! "
Embora Jacob não estivesse feliz com o plano de tratamento que
Taylor havia elaborado para Emily, o que significaria que Emily poderia
sofrer terrivelmente, ele decidiu respeitar a escolha de Emily, já que ela
decidira confiar em Taylor. Ele seguiria as instruções do médico e tentaria
ajudar Emily a superar as garras torturantes de sua depressão sem atrasos!
"Entendo. Há mais alguma coisa que eu preciso tomar cuidado?" Jacob
perguntou com cuidado. Ele era realmente dedicado e paciente quando se
tratava de qualquer coisa relacionada a Emily.
"Ainda não. Direi se precisar de sua ajuda com alguma coisa." Taylor
pensou um pouco e descobriu que não havia mais nada a dizer.
Olhando para o relógio, Taylor descobriu que já era uma hora da
tarde. Ela caminhou até Emily e disse adeus a ela. "Emily, isso é terapia
suficiente por hoje. No entanto, tenho outra coisa para cuidar, então tenho
que ir agora!"
"É algo urgente? Você precisa que eu chame um motorista para te
levar para casa?" Vendo a ansiedade de Taylor, Emily achou que tinha algo
urgente com que lidar.
"Não, tudo bem, obrigado. Seu irmão deveria estar esperando por mim
lá fora." Taylor recusou sua oferta sem hesitar.
Assim que Emily soube que Louis tinha combinado de se encontrar
com Taylor do lado de fora, ela não pôde deixar de se sentir animada. "Meu
irmão está esperando por você lá fora? Vocês dois vão sair? Divirtam-se!"
"Não ... Não vamos continuar ..." Taylor estava prestes a explicar a
Emily que Louis e ela não estavam namorando.
Mas então, a voz de Louis soou da porta. "Sim! Nós estamos saindo
em um encontro. Você está com ciúmes? Então converse com Jacob. Ele
deveria levá-lo para um encontro!"
Taylor não conseguia entender por que Louis não lhes contava a
verdade, mas optou por não refutar suas palavras agora. Ela não podia
revelar a eles que precisava checar um paciente, então ela estava presa e
teve que brincar e fingir ser tímida.

Melody e seus romances


"Tudo bem, tudo bem. Não flerte em público. Vá em seu encontro.
Divirta-se!" Emily não podia mais discutir e interrompeu a demonstração
pública de afeto de Louis.
Sem mais demora, Louis e Taylor partiram.
Depois que Taylor saiu, Jacob se aproximou e passou os braços em
volta de Emily por trás, antes de beijar seu cabelo e bochechas com ternura.
Isso estimulou seu desejo.
Ele pegou Emily, pronto para carregá-la até o quarto.
"Não, Jacob. Agora não ..." A voz de Emily era suave e terna, o que
agitou a excitação de Jacob ainda mais.
Ele gentilmente a deitou na cama e pressionou sobre ela. Da tarde
para a noite, os dois estavam imersos no lindo país das maravilhas um do
outro, incapazes e sem vontade de se libertar.
Enquanto Jacob e Emily estavam apaixonados, Ethan e Estelle se
tornaram estranhos quase familiares.
Desde que Ethan confessou a ela que ele realmente havia garantido o
certificado de propriedade, Estelle não o contatou novamente.
Mas ela estava tão acostumada com a existência dele em sua vida que
agora, não importa o que ela estivesse fazendo, ela sempre se pegaria
pensando nele.
Quando ela estava ocupada comendo, ela pensava: 'Ele está
almoçando agora? O que ele vai comer hoje? '
Quando se preparava para dormir, pensava: 'Ele também já está na
cama? Ele está sempre tão preocupado com seu trabalho. Acho que ele
ainda não foi para a cama, certo?
Uma vez, quando outra pessoa ligou para ela, ela até confundiu o
nome com Ethan.
Estelle se odiava por estar tão desesperada agora. Embora os dois
estivessem separados, ela ainda não conseguia deixar de pensar nele. E
para piorar a situação, foi ela quem rompeu com ele!
Depois que ela disse a ele para nunca mais entrar em contato com ela
naquele dia, ela realmente não o viu novamente. Ela ainda não estava
familiarizada por não tê-lo em sua vida.
"Estelle, vou comprar uma xícara de café. Quer uma?" um colega
perguntou de repente.

Melody e seus romances


"Sim. Espere! Eu vou com você! Estou sentado aqui há muito tempo.
Minhas costas e minhas pernas estão doloridas. Vamos sair e esticar nossas
pernas!" Estelle se espreguiçou preguiçosamente como uma gatinha.
Os dois também perguntaram aos outros colegas o que eles
precisavam. Eles fizeram uma lista e desceram para comprar café juntos.
Enquanto esperavam na fila para pagar a conta, Estelle de repente
sentiu uma sensação de desconforto na barriga e, ao mesmo tempo, um jato
quente jorrando dela.
'Droga!' ela amaldiçoou mentalmente. 'Por que minha menstruação
tem que vir agora?'
Foi constrangedor, já que ela saiu com um colega para comprar
café. Ela entregou-lhe todos os cafés em sua mão e disse: "Sinto muito, mas
meu estômago está doendo. Preciso ir ao banheiro. Por favor, ajude-me
levando esses cafés de volta para a empresa!"
"O que há de errado? Você está bem? Por que de repente você está
com dor de estômago? Você comeu algo que incomodou sua barriga?"
"Estou bem, mas todos estão esperando pelo café. Você pode levar
para eles!" Depois de dizer isso, Estelle se virou e correu para o banheiro,
não lhe dando chance de se opor ou questionar mais.
Ela temia que, se não fosse embora imediatamente, acabaria
enfrentando o constrangimento de sangrar em público.
No entanto, antes que ela chegasse à porta do banheiro, alguém
agarrou o pulso de Estelle.
Girando, ela praguejou: "Droga! Quem é esse? Você não vê que estou
com pressa de usar o banheiro?"
Mas quando ela viu quem era, ela ficou chocada.
Ela até se perguntou se estava sonhando acordada.
Lá, maior que a vida, estava Ethan. O mesmo homem em quem ela
tinha pensado o dia todo.
"O que você está fazendo aqui?" Estelle olhou para ele incrédula
quando deixou escapar.
Então ela percebeu que era um país livre e que ele poderia ir a
qualquer lugar. Ele certamente não precisava se explicar para ela. Um
sorriso zombeteiro surgiu em seus lábios.

Melody e seus romances


"Eu estava encontrando um cliente próximo para almoçar e queria
comprar uma xícara de café. Mas quando te vi segurando sua barriga, fiquei
preocupado e te segui", Ethan explicou pacientemente sua presença.

Capítulo 1399 Ajuda oportuna


A expressão zombeteira no rosto de Estelle desapontou Ethan.
Normalmente, havia muito poucas coisas de que ele não gostava mais
do que essa visão.
No entanto, dada a situação atual, coisas mais importantes
esperavam. Ethan perguntou imediatamente, "Você está bem?"
Só então Estelle se lembrou do que pretendia fazer. Chocada com a
presença repentina de Ethan, ela se esqueceu momentaneamente do
problema em questão.
"Bem," ela murmurou hesitante. Seu rosto ficou vermelho quando o
embaraço a dominou.
Ethan estava confuso. Ele temia que algo terrível tivesse acontecido
com ela. "O que está errado?" ele cutucou.
"Bem ... É só ... Você poderia me comprar um pacote de absorventes
higiênicos?" Estelle perguntou, sua voz quase um sussurro. Ela fechou os
olhos e apertou os lábios com força de vergonha.
Embora ela tivesse dito essas palavras muito suavemente, Ethan a
ouviu.
Ele corou, quase igualmente envergonhado, e ele sentiu suas
bochechas queimarem. Em uma tentativa de aliviar o constrangimento, ele
pigarreou. "Qual ... Qual devo comprar?" ele gaguejou.
O rosto de Estelle ficou mais vermelho, ainda mais do que o dele. Ela
não se atreveu a abrir os olhos. Reunindo toda a coragem que pôde, ela
disse rapidamente: "A marca 'Always' está bem."
"Tudo bem. Vá para o banheiro e eu comprarei o que você
precisa." Sem outra palavra, Ethan se virou e correu para o supermercado
mais próximo.
Depois que ele saiu, Estelle foi direto para o banheiro e se trancou em
um cubículo.
Ela se sentou no banheiro e olhou seu telefone enquanto esperava por
ele.
Em menos de dez minutos, ela ouviu alguém chamando seu nome.

Melody e seus romances


Ela lentamente abriu a porta do cubículo e colocou a cabeça para fora,
apenas para encontrar uma jovem que ela não reconheceu. "Olá, você está
procurando por mim?" Estelle perguntou.
"Você é Estelle Wang? Seu namorado me pediu para dar isso a
você." A estranha garota olhou nos olhos de Estelle e entregou-lhe uma
bolsa.
Era um saco plástico preto. A julgar pelo tamanho, Estelle achou que
deveria conter mais do que absorventes higiênicos.
'Deus! Ele comprou todas as variantes de absorventes higiênicos
Always?
De repente, Estelle se lembrou de cenas em filmes românticos em que
namorados ricos esvaziavam as lojas para as namoradas. 'O mesmo cenário
doce está acontecendo agora, mas com absorventes higiênicos em vez de
presentes caros?' ela pensou.
Ao ver o tamanho da bolsa, sua mente não pôde deixar de ir lá.
Timidamente, ela aceitou a sacola e disse educadamente: "Obrigada!"
"De nada," a garota respondeu rapidamente. Ela então deu um sorriso
inocente para Estelle e disse: "Seu namorado trata você tão bem!"
Qualquer um que testemunhou essa troca poderia facilmente adivinhar
o que aconteceu.
Estelle, ainda totalmente embaraçada, sorriu tristemente, agradeceu
novamente ao estranho e fechou a porta.
Seu sorriso triste confundiu a garota. No entanto, percebendo que
nada disso era problema dela, a garota deu de ombros, balançou a cabeça e
saiu.
Estelle fechou os olhos e respirou fundo. Então, ela os abriu
novamente e abriu a bolsa nervosamente. O tempo todo, ela temeu que o
pacote estivesse cheio de uma quantidade absurda de absorventes.
Quando ela finalmente viu o que havia dentro, ela se sentiu
entorpecida.
Dentro havia um pacote de absorventes higiênicos, uma calça limpa e
roupas íntimas novas.
Ela tirou as roupas manchadas e vestiu as novas. Então, depois de se
arrumar, ela saiu do banheiro.
Seu problema agora estava resolvido. No entanto, ela não se sentiu
tão bem quanto deveria.

Melody e seus romances


Ela apreciou o fato de que Ethan tinha feito um grande esforço para
ajudá-la, mas talvez fosse esse mesmo fato que a fez pensar demais. Ela
pensou que ele devia ter feito essas coisas antes. Ele parecia tão experiente
em lidar com esse problema feminino.
"Muito obrigada", disse Estelle, seu tom frio não correspondendo às
suas palavras. Ethan estava confuso. O humor de Estelle parecia ter piorado,
mas ele não conseguia pensar em nada que fizera para causar isso.
Ele não pôde deixar de explicar: "Estelle, fiz isso voluntariamente. Fico
feliz em ajudar. Por favor, não me afaste."
Ao ouvir suas palavras, Estelle parou de andar. Ela disse friamente,
"Ethan, nós terminamos."
Para recuperar o favor dela, Ethan engoliu seu orgulho, mas parecia
que ele tinha falhado.
Os dois continuaram caminhando em silêncio.
Assim que saíram da cafeteria, encontraram um bom amigo do pai de
Estelle.
"Tio Brock," ela se dirigiu a ele respeitosamente.
Devido à doença de seu pai, a família de Estelle havia acumulado
toneladas de dívidas. Como diz o ditado, "Quando uma pessoa cai do poder,
ela perde o apoio de todos ao seu redor." Depois da queda de sua família,
ela começou a ver os amigos de seu pai cada vez menos.
Naquele momento crítico de suas vidas, apenas Brock permaneceu ao
seu lado. Ele tentou ajudá-los a sair da situação até que os esquemas de
Sybil e Ellen o fizeram parar.
De qualquer forma, Estelle gostou de tudo o que ele fez pela família
Wang.
"Estelle, como você está? Você está bem?" Brock Xie
perguntou. Embora os dois não conversassem por um longo tempo,
novamente por causa de Sybil e Ellen, ele ainda se importava
profundamente com Estelle.
"Estou bem. Obrigado por perguntar, Tio Brock."
"Isso é bom! Fico feliz em ouvir isso." Ele deu um suspiro de alívio e se
virou para Ethan, que estava ao lado de Estelle. "Sr. Gu, você voltou.
Esqueceu-se de algo?"
"Não," Ethan respondeu com uma piscadela.

Melody e seus romances


Claro, Brock Xie sabia o que a piscadela significava, mas ele se
manteve em silêncio.
Depois de se recuperar, Brock Xie se despediu e foi embora.
"Como você conhece o tio Brock?" Estelle perguntou a Ethan quando
eles ficaram sozinhos novamente. Ela tinha uma expressão confusa no
rosto. Ela não sabia que os dois homens se conheciam.
"Oh, ele e eu estávamos discutindo negócios há poucos momentos",
disse Ethan. Ele decidiu não contar tudo a ela.
Estelle, sabendo que tipo de pessoa ele era, parou de fazer perguntas.
"A propósito, espere um segundo", disse ele. Parecia que ele havia se
lembrado de algo de repente. Ele então correu de volta para o café.
Confusa, Estelle ficou parada. Ela chutou as pequenas pedras no chão
de vez em quando.
Depois de um tempo, Ethan saiu com uma bebida vermelha na mão.
"Aqui está. Um pouco de água com açúcar mascavo." Ele entregou a
ela a bebida quente.
"Ei, como você sabe que as mulheres devem beber isso quando estão
no período?" Estelle perguntou, tentando fazer a pergunta soar o mais
casual possível. Ela colocou o canudo na boca e tomou um gole.
"Minha secretária me contou", disse Ethan. Ele coçou a cabeça de
vergonha.
Então, ele se lembrou do cenário no supermercado quando ele estava
lá comprando absorventes.
Quando ele entrou naquela área do supermercado, ele chamou a
atenção de várias vendedoras, e elas o encararam. Não acostumado a esse
tipo de atenção, ele agarrou rapidamente um pacote da marca de
absorventes que Estelle queria e correu para o caixa para pagar.
"Uau. Isso é para sua namorada, senhor?" o caixa perguntou.
A palavra "namorada" o fez se sentir aquecido por dentro. Ele assentiu
com um sorriso.
"Ela mora perto?"
"Por que você pergunta?" A pergunta estranha fez Ethan se sentir um
pouco desconfortável.
O caixa, parecendo ter percebido seu erro, explicou rapidamente: "Não
quero dizer nada com isso, desculpe. Se sua namorada não mora em

Melody e seus romances


nenhum lugar perto daqui, sugiro que você compre para ela um par de
calças também. Confie eu. Ela vai agradecer por isso. "
"Calças?" Ele não tinha entendido o que ela quis dizer então.

Capítulo 1400 Conheça Scott novamente


"Sua namorada está menstruada?" perguntou a vendedora. Ethan
hesitou e então respondeu: "Eu não sei. Por que você pergunta?"
Sem esperar pela resposta da vendedora, Ethan se virou e voltou para
pegar um par de calças e roupas íntimas limpas. Depois, ele pagou a conta.
Era possível que Ethan tivesse entendido mal a vendedora, mas ele
estava com vergonha de se desculpar com ela. Ele apenas deixou uma
grande gorjeta.
Ethan voltou para a cafeteria e percebeu que não tinha como trazer as
coisas que comprara para Estelle sem se meter em problemas. Ele não podia
simplesmente entrar no banheiro feminino.
Nesse momento, uma senhora passou por ele. Ele se aproximou dela e
disse: "Com licença. Você pode me fazer um favor? Eu lhe darei dois mil
quando terminar."
A senhora olhou para ele com desconfiança.
"Você pode me ajudar a levar esta bolsa para o banheiro feminino e
dar para uma mulher chamada Estelle?" Com medo de que a senhora o
entendesse mal, Ethan explicou a situação brevemente.
"Tudo bem. Achei que você fosse me pedir para fazer algo obscuro",
disse ela. Então, a senhora olhou para a bolsa na mão de Ethan e entendeu
o que tinha acontecido em um instante.
"Dê-me a bolsa. Vou levá-la para o seu amigo." Ela pegou a bolsa e foi
para o banheiro feminino.
Ethan agradeceu e deu um passo para trás.
Ele a observou desaparecer no banheiro feminino e esperou a uma
distância considerável.
Ele não queria que as pessoas pensassem que ele era um pervertido.
Enquanto esperava, Ethan ligou para sua assistente e perguntou o que
ele deveria prestar atenção quando uma mulher estava menstruada.
Depois de um tempo, a senhora saiu do banheiro feminino, foi direto
para Ethan e disse: "Ela está com a bolsa."

Melody e seus romances


Ethan acenou com a cabeça e, em seguida, tirou dois mil de sua
carteira.
A senhora pegou o dinheiro. "Meu jovem, o dinheiro não cresce em
árvores. Espero que você saiba disso."
Depois dessa última observação, a senhora se virou e foi embora sem
olhar para trás.
'Ele é bonito, mas tolo. Quem dá dinheiro assim? ' a senhora pensou.
Ethan esperou que Estelle saísse do banheiro feminino.
Pela maneira como a senhora olhou para ele, Ethan sabia o que ela
devia estar pensando. Se ela tivesse dito a ele o que pensava de cara, ele
teria zombado dela e dito: "Meu dinheiro cresce em árvores e posso gastá-lo
da maneira que quiser."
"Como você conhece o tio Brock?" A voz de Estelle o tirou de seu
devaneio.
"Eu já disse a você. Eu faço negócios com ele", Ethan respondeu. Ele
não conseguia entender por que Estelle estava perguntando novamente
sobre Brock. Ele já havia explicado como o conhecia.
Estelle apenas olhou para ele e foi embora sem dizer mais nada.
Brock estava na indústria de processamento de alimentos, enquanto o
trabalho de Ethan era clandestino. Como eles poderiam fazer negócios
juntos?
'Ele está mentindo para mim de novo', ela pensou.
Olhando para Estelle, Ethan se sentiu um pouco confuso. Ele deu um
passo à frente e agarrou o pulso de Estelle, forçando-a a parar.
"Estelle, posso explicar. Apenas me dê um pouco mais de tempo.
Sério, posso lhe dar uma explicação satisfatória. Apenas confie em mim."
Durante a investigação, Ethan sentiu vagamente que Estelle era a
menina que ele procurava há tantos anos.
Mas ele não tinha nenhuma evidência para provar isso.
Não havia muitas pessoas que sabiam sobre a identidade de
Estelle. Ethan levou muito tempo para encontrar Brock, um dos poucos que
o fez.
Estelle respirou fundo e disse: "Ethan, há muitos problemas entre nós.
Mesmo que os mal-entendidos sejam esclarecidos, talvez não possamos ficar
juntos novamente sem problemas."

Melody e seus romances


"Não, Estelle. Não me deixe, por favor," Ethan implorou
desesperadamente a Estelle.
Ela parecia uma mulher prestes a abandonar o marido e os filhos.
"Eu estou te implorando, Estelle. Por favor. Apenas me dê mais tempo.
Vou consertar tudo, eu prometo," Ethan jurou.
Ele sempre foi assim. Ele sempre pensou que poderia consertar tudo.
Estelle não conseguia mentir para si mesma. Ela realmente não
conseguia esquecer Ethan.
Ela olhou para Ethan e começou a pensar.
Seu silêncio deixou Ethan ainda mais inquieto. Ele agarrou a mão dela
com mais força, recusando-se a deixá-la ir.
"Tudo bem. Você tem um mês", Estelle concedeu. Ela não conseguia
ficar com raiva de Ethan.
"Se você não puder me dar uma explicação satisfatória, então,
terminamos", acrescentou ela.
"Ok. É um acordo. Obrigado, Estelle. Você me fez muito feliz.
Você receberá uma explicação satisfatória.
Muito obrigado.
Fiquei abalado com o seu silêncio antes. Tive medo de que você não
me desse mais tempo. Eu estava me preparando para o pior. Eu prometo
que não vou decepcionar você, Estelle ", disse Ethan. Ele estava quase
pulando de alegria. Estelle não pôde deixar de rir.
Depois de pegar Taylor na Mansão Tyrone, Louis a levou diretamente
para o apartamento de Scott.
"Sr. Ke, você está aqui. É bom vê-lo", uma das enfermeiras de Scott
cumprimentou Louis com um sorriso.
"É bom ver você também. Como está Scott?" ele perguntou.
"Ele está muito bem. Ele está pedindo para ver o irmão", respondeu a
enfermeira. Ela sabia muito sobre Scott e sentia pena dele. Ele havia
passado por muitas coisas por um jovem que não tinha nem 25 anos.
"Obrigado. Vou entrar e vê-lo." Louis entrou no quarto de Scott com
Taylor em seus calcanhares.

Melody e seus romances


"Essa é a assistente de enfermagem de Scott. Ela cuida dele quando
estou ocupado", Louis disse a Taylor quando eles entraram no quarto de
Scott.
"Ei, Scott. Como você está?" Louis cumprimentou. Ele se ajoelhou na
frente de Scott e acariciou sua cabeça suavemente.
Taylor observou em silêncio a expressão no rosto de Scott.
"Você pode nos dar um minuto a sós, por favor?" Taylor perguntou a
Louis.
"Claro, sem problemas", Louis concordou. Ele se virou para Scott e
disse suavemente: "Estarei lá fora, Scott, e deixo você ter um minuto com
Taylor, ok?"
Ele então se levantou e se virou para sair. Antes de sair da sala, ele
lembrou a Taylor: "Tenha cuidado. Não o provoque, ou ele vai te machucar."
"Eu entendo", Taylor concordou.
Louis saiu da sala e deixou os dois sozinhos.
Ele esperou ansiosamente do lado de fora.
Honestamente, ele não tinha certeza se era uma boa ideia deixar Scott
e Taylor sozinhos na mesma sala.

Melody e seus romances

Você também pode gostar