Você está na página 1de 12

Curso Intensivo Regular – 2007.

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

Juros Simples
1. PORCENTAGEM

a
Toda fração de denominador 100, a exemplo de , pode ser indicada por a%, que se lê a por cento.
100

EXEMPLOS

25
E.1) pode ser indicada por 25%.
100

20
E.2) 20% de 360 = ⋅ 360 = 72 .
100

20 10
E.3) 20% dos 10% de 4800 = ⋅ ⋅ 4800 = 96 .
100 100

E.4) Quantos por cento representa $ 35,00 sobre a quantia $ 140,00?

SOLUÇÃO

140 100%
35 x;

logo, x = 25%.

E.5) O preço de uma televisão, à vista com 20% de desconto sobre o preço de tabela, é $ 560,00. Qual é o
preço de tabela ?

SOLUÇÃO

560 -------------------- 80%


X --------------------- 100%

Logo X = 700 .

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM
01. Numa compra de um objeto, foi dado um desconto de 30% e se pagou a importância de $ 25,20.
Qual o preço normal do objeto?

02. Uma pessoa, após receber uma indenização, aplicou 60% em um fundo de renda fixa, 25% em
ações e os R$4500,00 restantes usou para saldar dividas antigas. Qual o valor da indenização ?

1
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

03. Os preços anunciados de um fogão e de uma geladeira são R$ 400,00 e R$ 700,00, respectivamente.
Tendo conseguido um desconto de 8% no preço da geladeira e tendo pago R$ 1000,00 na compra
dessas duas mercadorias, o desconto obtido no preço do fogão foi:

04. (AFTN/96) O salário mensal de um vendedor é constituído de uma parte fixa igual a R$2.300,00 mais
uma comissão de 3% sobre o total de vendas que exceder a R$10.000,00. Calcula-se em 10% o percentual
de descontos diversos que incidem sobre o salário bruto(isto é, sobre o total da parte fixa mais a
comissão). Em dois meses consecutivos, o vendedor recebeu, líquido, respectivamente, R$4.500,00 e
R$5.310,00. Com esses dados, pode-se afirmar que suas vendas, no segundo mês, foram superiores às do
primeiro mês em:

a) 18%
b) 20%
c) 30%
d) 33%
e) 41%

05.(AFTN/96) De todos os empregados de uma grande empresa, 30% optaram por realizar um curso de
especialização. Essa empresa tem sua matriz localizada na capital e duas filiais, uma em Ouro Preto e
outra em Montes Claros. Na matriz, trabalham 45% dos empregados e, na filial de Ouro Preto 20% dos
empregados. Sabendo-se que 20% dos empregados da matriz e 35% dos empregados da filial de Ouro
Preto optaram pelo curso, então a percentagem dos empregados da filial de Montes Claros que não
optaram pelo curso é igual a:

a) 60%
b) 40%
c) 35%
d) 21%
e) 14%

2. AUMENTOS E DESCONTOS – FATOR DE REAJUSTE


No estudo da Matemática Financeira, é muito importante para o aluno entender que para cada aumento ou
desconto percentual corresponde um fator multiplicativo. Considere as seguintes situações:

E.1) Se um produto custa x e vai aumentar 20%, quanto ele passa a custar?

20
x + 20 % ⋅ x = x + ⋅ x = 1 ⋅ x + 0,2 x = 1,2 x , ou seja, aumentar 20% equivale a multiplicar por 1,2.
100

2
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

E.2) Se um produto custa y e vai aumentar 35%, quanto ele passa a custar?

35
y + 35% ⋅ y = y + ⋅ y = 1 ⋅ y + 0,35 y = 1,35 y , ou seja, aumentar 35% equivale a multiplicar por 1,35.
100

E.3) Se um produto custa z e vai sofrer um desconto de 30%, quanto ele passa a custar?

30
z − 30% ⋅ z = z − ⋅ z = z − 0,3z = 0,7 z ,ou seja, descontar 30% equivale a multiplicar por 0,7.
100

Com os exemplos, observamos que um aumento ou desconto i corresponde ao fator (1 + i).

OBSERVAÇÃO
O aumento é considerado positivo e o desconto, negativo.

Aumento/Desconto Fator
+ 20% 1,2
+ 35% 1,35
- 30% 0,7
- 15% 0,85
+ 100% 2
+ 200% 3
+ 170% 2,7
- 60% 0,4
i 1+i

EXEMPLOS

E.1) Se um produto sofre dois aumentos consecutivos de 30% e 40%, esses dois aumentos correspondem
a um único aumento de quanto?

SOLUÇÃO

Supondo que o produto custava x, temos:

1o AUMENTO

+ 30% ⇔ fator 1,3


Logo, o produto passará de x para 1,3 . x.

2o AUMENTO

+40% ⇔ fator 1,4


Logo, o produto passará de 1,3 . x para (1,4) . (1,3) . x, ou seja, 1,82 . x. Ora, mas o fator 1,82
corresponde a um aumento de 82% em relação a x; logo, os dois aumentos correspondem a um
único de 82%.

Método prático:

+ 30% ⇒ 1, 3
x
+ 40% ⇒ 1, 4

3
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

82% ⇐ 1, 82

E.2) Se um produto sofre dois descontos sucessivos de 30% e 40%, esses dois descontos correspondem a
um único desconto de quanto?

SOLUÇÃO

Método prático:

−30% ⇒ 0,7
x
− 40 % ⇒ 0,6

– 58% ⇐ 0,42

Logo, esses dois descontos correspondem a um único desconto de 58%.

E.3) Um aumento de 40%, seguido de um desconto de 30% é equivalente a um único:

a) aumento de 10%;
b) desconto de 10%;
c) aumento de 5%;
d) aumento de 2%;
e) desconto de 2%;

SOLUÇÃO

+ 40% ⇒ 1,x 4
– 30% ⇒ 0, 7
– 2% ⇐ 0, 98
RESPOSTA: Letra E

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM
01. Dois aumentos sucessivos de 25% e 28% equivalem a um único aumento de quanto?

02. Se a cotação do dólar comercial aumentou 90% no 1o semestre de 1999 e sofreu uma desvalorização
de 20% no 2o semestre de 1999, então no ano de 1999 a cotação do dólar comercial aumentou:

a) 70%
b) 88%
c) 52%
d) 72%
e) 68%

4
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

3. JUROS SIMPLES
É a modalidade de aplicação financeira onde a taxa de rendimento incide sempre sobre o capital inicial.
Nos juros simples, temos algumas fórmulas importantes que vão ser detalhadas em aula:
J ⇒ juros
J=c⋅i⋅n M=c+c.i.n c ⇒ capital inicial ou principal
i ⇒ taxa
M=c+J M = c . (1 + i . n) n ⇒ número de períodos(tempo)
M⇒ montante

OBSERVAÇÃO
A unidade de tempo deve estar de acordo com a unidade de tempo da taxa.

EXEMPLO

Quais os juros obtidos por um capital de R$ 600,00, aplicado, no regime de juros simples, durante um ano
e meio, à taxa de 3% ao mês?

SOLUÇÃO

O tempo um ano e meio corresponde a 18 meses; logo:

J = c .i . n = 600 . 3% 18 = 324.

J = R$ 324,00

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM
01. Calcular os juros e o montante de uma aplicação de R$ 5.000,00 por um período de 240 dias à taxa
de juros simples de 4% ao mês.

02. Qual o capital que deve ser aplicado, no regime de juros simples, à taxa de 5% a.m. para que no final
de um ano se obtenha um montante de R$ 4.800,00?

03. Uma pessoa aplicou um capital de R$ 2.500,00 no regime de juros simples por um período de 10
meses e obteve no final um montante de R$ 3.250,00. Qual a taxa mensal da aplicação?

04. Supondo-se que são necessários, no regime de juros simples, n meses para triplicar um determinado
capital à taxa de 4% ao mês, calcule n.

5
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

4. TAXAS EQUIVALENTES
Duas taxas de juros são equivalentes quando aplicadas a um mesmo capital produzem no mesmo período
de tempo, o mesmo montante. No regime de juros simples taxas equivalentes são proporcionais.

EXEMPLOS:

No regime de juros simples as taxas de:

5% a.m. e 60% a.a. são equivalentes.


4% a.m. , 8% a.b. , 12% a.t. , 24% a.s. e 48% a.a. são equivalentes.
3% a.m. e 0,1% a.d. são equivalentes.

5. JURO COMERCIAL, JURO EXATO E JURO BANCÁRIO.


Em algumas aplicações de curto prazo, muitas vezes o tempo é dado ou contado em dias e a taxa é anual,
nestes casos existem algumas formas de calcular os juros que serão apresentadas a seguir. Considere o
seguinte problema: Um capital de R$2.000,00 foi aplicado a uma taxa de juros simples de 36% ao ano, do
dia 20/07/06 ao dia 10/10/06:

Juro Comercial ou Ordinário

Para efeito de transformação da taxa considera-se o ano comercial com 360 dias e para efeito da
contagem dos dias considera-se que cada mês tem 30 dias.

n = 80 dias , i = 36% / 360 = 0,1% a.d. e j = c . i . n = 2000 . 0,1% . 80 = R$160,00.

Juro Exato

Para efeito de transformação da taxa considera-se o ano civil com 365 dias(ou 366, se for bissexto) e para
efeito da contagem dos dias considera-se que cada mês tem a sua real quantidade de dias de acordo com o
calendário.

n = 82 dias , i = 36% / 365 = 0,09863% a.d. e j = c . i . n = 2000 . 0,09863% . 82 = R$161,75.

Juro Bancário

Para efeito de transformação da taxa considera-se o ano comercial com 360 dias e para efeito da
contagem dos dias considera-se que cada mês tem a sua real quantidade de dias de acordo com o
calendário.

n = 82 dias , i = 36% / 360 = 0,1% a.d. e j = c . i . n = 2000 . 0,1% . 82 = R$164,00.

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM
01. Um capital de R$ 5.000,00 foi aplicado por um período que vai do dia 25/10/06 ao dia 06/01/07 à
taxa de juros simples de 18% ao ano. Determine:

a) O juro comercial
b) O juro exato
c) O juro bancário

6
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

02. O juro simples comercial obtido da aplicação de R$2.500,00, a taxa de 54% ao ano, do dia
10/02/2005 ao dia 20/05/2005 é:

03. O juro simples exato obtido da aplicação de R$4.000,00, a taxa de 24% ao ano, do dia 19/02/2005
ao dia 15/07/2005 é:

04. O juro simples bancário obtido da aplicação de R$700,00, a taxa de 50% ao ano, do dia 25/04/2005
ao dia 06/07/2005 é:

6. CÁLCULOS MÉDIOS
As fórmulas abaixo serão detalhadas em aula:

Prazo médio ( n ) Taxa média ( i ) Capital médio ( c )

n=
∑ c.i.n i =
∑ c.i.n c=
∑ c.i.n
∑ c.i ∑ c.n ∑ i.n

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM
01. (AFRF-02) Os capitais de R$2.000,00 , R$3.000,00 , R$1.500,00 e R$3.500,00 são aplicados à taxa
de 4% ao mês, juros simples, durante dois, três, quatro e seis meses respectivamente. Obtenha o
prazo médio de aplicação destes capitais.

a) 4 meses e 5 dias
b) 4 meses
c) 3 meses e 20 dias
d) 2 meses e 20 dias
e) 8 meses

02. (AFRF-00) Os capitais de R$3.000,00 , R$5.000,00 e R$8.000,00 foram aplicados todos no mesmo
prazo, à taxas de juros simples de 6% ao mês, 4% ao mês e 3,25% ao mês, respectivamente. Calcule
a taxa média de aplicação destes capitais.

a) 4,83% ao mês
b) 3,206% ao mês
c) 4,4167% ao mês
d) 4% ao mês
e) 4,859% ao mês

7
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

03. Os capitais de R$3.000,00 , R$4.000,00 e R$5.000,00 são aplicados às taxas de 4% ao mês, 2,5% ao
mês e 3% ao mês, a juros simples, durante três, quatro e seis meses respectivamente. Obtenha o
capital médio destas aplicações.

7. EQUIVALÊNCIA DE CAPITAIS EM JUROS SIMPLES


Dois ou mais capitais representativos em uma certa data dizem-se equivalentes quando, a uma certa taxa
de juros, produzem resultados iguais numa data comum(data focal).

Exemplo:

R$1.000,00 hoje e R$1.200,00 daqui a dois meses são equivalentes a uma taxa de j.s. de 10% a.m. e
considerando como data focal a data 2.

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM
01. Uma pessoa tem de pagar três parcelas no valor de R$2.000,00 cada uma, que vencem todo dia 05
dos próximos três meses. Todavia ela combina com o credor um pagamento único equivalente no
dia 05 do terceiro mês para quitar a dívida. Calcule este pagamento considerando juros simples de
5% ao mês e data focal 3.

02. Uma pessoa tem de pagar dez parcelas no valor de R$500,00 cada uma, que vencem todo dia 10 dos
próximos dez meses. Todavia ela combina com o credor um pagamento único equivalente no dia 10
do décimo mês para quitar a dívida. Calcule este pagamento considerando juros simples de 4% ao
mês e data focal 10.

8
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

EXERCÍCIOS PROPOSTOS
01. (ESAF/AFC-2002) A remuneração mensal dos funcionários de uma empresa é constituída de uma
parte fixa igual a R$1.500,00 mais uma comissão de 3% sobre o total de vendas que exceder a
R$8.000,00. Calcula-se em 10% o percentual de descontos diversos que incidem sobre o salário bruto(isto
é, sobre o total da parte fixa mais a comissão). Em dois meses consecutivos, um dos funcionários dessa
empresa recebeu, líquido, respectivamente, R$1.674,00 e R$1.782,00. Com esses dados, pode-se afirmar
que as vendas realizadas por esse funcionário, no segundo mês, foram superiores às do primeiro mês em:

f) 8%
g) 10%
h) 14%
i) 15%
j) 20%

02. Fábio vendeu um rádio e um relógio por R$ 150,00 cada. Com relação aos valores que estes objetos
lhe custaram, Fábio teve um prejuízo de 25% na venda do rádio e um lucro de 25% na venda do relógio.
Nessas condições, é correto afirmar que, relativamente ao custo dos objetos, no resultado total dessa
transação, Fábio

a) não teve lucro e nem prejuízo.


b) teve um prejuízo de R$ 20,00.
c) teve um lucro de R$ 20,00.
d) teve um prejuízo de R$ 25,00.
e) teve um lucro de R$ 25,00.

03. Dentre os candidatos inscritos num concurso, 40% são homens e 60% são mulheres. Destes já tem
emprego 30% dos homens e 10% das mulheres. Sabendo que o número de candidatos empregados é 90,
determine quantas mulheres desempregadas se inscreveram no concurso.

a) 135
b) 180
c) 225
d) 270
e) 315

04. Um comerciante vende uma mercadoria por um valor 20% superior ao preço de custo. Se o preço de
custo aumentar 50% e o comerciante aumentar o preço de venda 80%, então o novo preço de venda ficará
quantos por cento maior que o novo preço de custo?

a) 60 %
b) 56 %
c) 50 %
d) 44 %
e) 32 %

05. Sabendo que, no ano de 2005, o euro teve uma valorização de 40% em relação ao dólar e o dólar teve
uma desvalorização de 30% em relação ao real, podemos afirmar que:

a) o euro teve uma valorização de 10% em relação ao real.


b) o euro teve uma valorização de 2% em relação ao real.
c) o euro teve uma desvalorização de 10% em relação ao real.

9
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

d) o euro teve uma desvalorização de 2% em relação ao real.


e) o euro se manteve estável em relação ao real.

06. Um determinado produto teve seu preço reajustado duas vezes. Na primeira vez, o reajuste foi de 35%
e, na segunda vez, de 20%. Sabendo que o preço do produto depois do segundo reajuste era de R$ 567,00,
calcule o preço do produto antes do primeiro reajuste.

a) R$350,00
b) R$380,00
c) R$400,00
d) R$420,00
e) R$450,00

07. Na questão anterior, qual foi o reajuste acumulado?

a) 55%
b) 58%
c) 60%
d) 62%
e) 65%

08. Um indivíduo aplica R$ 20.000,00 à taxa de juros simples de 12% a.m. Calcule o montante obtido
nessa aplicação depois de 50 dias.

a) R$23.200,00
b) R$23.600,00
c) R$24.000,00
d) R$24.400,00
e) R$24.800,00

09. Qual o capital que deve ser aplicado à taxa de juros simples de 5% a.m. para que se obtenha, ao final
de um ano, o montante de R$ 2.000,00?

a) R$800,00
b) R$950,00
c) R$1000,00
d) R$1150,00
e) R$1250,00

10. (ESAF/AFTN-1998) Um capital é aplicado do dia 5 de maio ao dia 25 de novembro do mesmo ano, a
uma taxa de juros simples comercial de 36% ao ano, produzindo um montante de R$4.800,00. Nessas
condições, calcule o capital aplicado, desprezando os centavos.

a) R$4.067,00
b) R$3.986,00
c) R$3.996,00
d) R$3.941,00
e) R$4.000,00

11. (ESAF/AFTN-1998) A quantia de R$10.000,00 foi aplicada a juros simples exatos, do dia 12 de abril
ao dia 5 de setembro do mesmo ano. Calcule os juros obtidos, à taxa de 18% ao ano, desprezando os
centavos.

a) R$705,00

10
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

b) R$725,00
c) R$715,00
d) R$720,00
e) R$735,00

12. A quantia de R$15.000,00 foi aplicada a juros simples bancários, do dia 27 de junho ao dia 15 de
setembro do mesmo ano. Calcule o montante obtido, à taxa de 27% ao ano, desprezando os centavos.

a) R$15.900,00
b) R$15.877,00
c) R$15.855,00
d) R$15.887,00
e) R$15.865,00

13. (ESAF/AFTN-1998) Indique, nas opções abaixo, qual a taxa unitária anual equivalente à taxa de juros
simples de 5% ao mês.

a) 1,0
b) 0,6
c) 60,0
d) 12,0
e) 5,0

14. (ESAF/AFRF-2002) Uma conta no valor de R$ 2.000,00 deve ser paga em um banco na segunda-
feira, dia 8. O não pagamento no dia do vencimento implica uma multa fixa de 2% sobre o valor da conta
mais o pagamento de uma taxa de permanência de 0,2% por dia útil de atraso, calculada como juros
simples, sobre o valor da conta. Calcule o valor do pagamento devido no dia 22 do mesmo mês,
considerando que não há nenhum feriado bancário no período.

a) R$ 2.080,00
b) R$ 2.084,00
c) R$ 2.088,00
d) R$ 2.096,00
e) R$ 2.100,00

15.(ESAF/AFRF – 2002)Os capitais de R$ 7.000,00, R$ 6.000,00, R$ 3.000,00 e R$ 4.000,00 são


aplicados respectivamente às taxas de 6%, 3%, 4% e 2% ao mês, no regime de juros simples durante o
mesmo prazo. Calcule a taxa média proporcional anual de aplicação destes capitais.
a) 4%
b) 8%
c) 12%
d) 24%
e) 48%

16.(ESAF/AFRF-2003) Os capitais de R$ 2.500,00, R$ 3.500,00, R$ 4.000,00 e R$ 3.000,00 são


aplicados a juros simples durante o mesmo prazo às taxas mensais de 6%, 4%, 3% e
1,5%, respectivamente. Obtenha a taxa média mensal de aplicação destes capitais.

a) 2,9%
b) 3%
c) 3,138%
d) 3,25%
e) 3,5%

11
Curso Intensivo Regular – 2007.2

MATERIAL 01 MATEMÁTICA FINANCEIRA


www.cursoparaconcursos.com.br PROF. ADRIANO CARIBÉ

17.(ESAF/AFTN-1998) Os capitais de R$ 20.000,00, R$ 30.000,00 e R$ 50.000,00, foram aplicados à


mesma taxa de juros simples mensal, durante 4, 3 e 2 meses, respectivamente. Obtenha o prazo médio de
aplicação desses capitais.

a) dois meses e vinte e um dias


b) três meses
c) três meses e dez dias
d) três meses e nove dias
e) dois meses e meio

18.(ESAF/AFRF – 2002)Indique qual o capital hoje equivalente ao capital de R$ 4.620,00 que vence
dentro de cinqüenta dias, mais o capital de R$ 3.960,00 que vence dentro de cem dias e mais o capital de
R$ 4.000,00 que venceu há vinte dias, à taxa de juros simples de 0,1% ao dia.

a) R$ 10.940,00
b) R$ 11.080,00
c) R$ 12.080,00
d) R$ 12.640,00
e) R$ 12.820,00

19. Uma pessoa tem de pagar vinte parcelas de mesmo valor, que vencem todo dia 10 dos próximos vinte
meses. Todavia ela combina com o credor um pagamento único equivalente no valor de R$7.800,00 no
dia 10 do vigésimo mês para quitar a dívida. Calcule o valor de cada parcela considerando juros simples
de 10% ao mês e data focal 20.

a) R$196,00
b) R$200,00
c) R$205,00
d) R$210,00
e) R$216,00

20. Uma pessoa tem de pagar oito parcelas no valor de R$700,00 cada uma, que vencem todo dia 03 dos
próximos oito meses. Todavia ela combina com o credor um pagamento único equivalente no dia 03 do
oitavo mês para quitar a dívida. Calcule este pagamento considerando juros simples de 3% ao mês e data
focal 8.

a) R$6.188,00
b) R$6.272,00
c) R$6.230,00
d) R$6.350,00
e) R$6.420,00

Gabarito:

0 1 2 3 4 5 6 7 8 9
0 e b d d d a d c e
1 e d a b a e e a c b
2 a

12