Você está na página 1de 4

DIAGNÓSTICO AMBIENTAL SOBRE A INFLUÊNCIA DE ELEMENTOS METÁLICOS

EM SOLOS DE MANGUE DA BAÍA DE SEPETIBA-RJ.

Paulo Sérgio Alves de Souza1, Daniel Vidal Perez2, Mário Luiz Gomez Soares3,
Mônica Regina da Costa Marques1, Daniel Medina Corrêa dos Santos4.
1
Universidade do Estado do Rio de Janeiro / Laboratório de Tecnologia Ambiental, Rua São Francisco
Xavier 524, Pavilhão Haroldo Lisboa da Cunha, 3º andar - Maracanã – Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20.550-
013, paulosasouza@gmail.com, monicamarques@uerj.br
2
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária-EMBRAPA/Centro Nacional de Pesquisa do Solo, Rua
Jardim Botânico, 1.024 - Jardim Botânico - Rio de Janeiro – RJ – CEP: 22.460-000,
daniel@cnps.embrapa.br
3
Universidade do Estado do Rio de Janeiro / Faculdade de Oceanografia, Rua São Francisco Xavier 524,
Pavilhão João Lyra Filho, 4º andar - Maracanã – Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20.550-013, mariolgs@uerj.com
4
Universidade do Estado do Rio de Janeiro/Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente, Rua São
Francisco Xavier 524, Pavilhão João Lyra Filho, 12º andar-Maracanã–Rio de Janeiro-RJ - CEP: 20.550-013,
danijpa@yahoo.com.br

Resumo- A baía de Sepetiba, localizada na costa oeste do Estado do Rio de Janeiro, possui um histórico
de contaminação ambiental por metais, principalmente Zn e Cd. Entretanto, grandes empreendimentos
potencialmente poluidores de ecossistemas aquáticos, como os manguezais, ainda estão sendo
implementados nessa região. Amostras de solos de mangue superficiais foram coletadas em três
manguezais (Guaratiba, Itacuruçá e Coroa Grande). Posteriormente foram secas, peneiradas e submetidas
a análises de caracterização físico-química e de determinação dos teores dos elementos metálicos: Cu, Ni,
Pb e Zn após digestão com ácido nítrico concentrado assistida por radiação micro-ondas. As concentrações
dos metais nos extratos produzidos foram determinadas por espectrometria de absorção atômica com
chama. Os resultados mostraram que o manguezal de Guaratiba apresenta teores médios de Cu, Ni, Pb e
Zn acima dos níveis estabelecidos pela resolução CONAMA 344/2004, encontrando-se em situação mais
crítica que os de Itacuruçá e Coroa Grande.

Palavras-chave: Manguezais, Solos de Mangue, Metais Pesados


Área do Conhecimento: Química Ambiental

Introdução os elementos metálicos pesados, que apresentam


potencial de contaminar os manguezais existentes
Manguezais se caracterizam pela elevada nesta região (MOLISSANI et al., 2004; RIBEIRO,
produtividade, possuindo funções que os tornam 2006).
de grande importância para o equilíbrio natural dos O presente trabalho tem como objetivo
ecossistemas costeiros (SOARES, 1997). diagnosticar ambientalmente os teores dos
Solos de manguezais podem funcionar como elementos metálicos: Cu, Ni, Pb e Zn em solos de
importantes barreiras biogeoquímicas para a três manguezais da Baía de Sepetiba, tomando-se
contaminação por elementos metálicos como referência os valores orientadores da
(LACERDA et al., 2002). Zn, Hg e Cu são os Resolução CONAMA 344 (CONAMA, 2004).
metais que com maior freqüência aparecem
contaminando os solos desses ecosistemas
(OTERO, 2000). Segundo Yim e Tam (1999), os
elementos metálicos, por não serem Metodologia
biologicamente degradados, se acumulam no
tecido vegetal prejudicando o crescimento das A Figura 1 mostra a localização dos
plantas, afetando a fauna microbiana do solo e manguezais onde foram recolhidas as amostras
também a sua fertilidade. de solos.
A atividade de cerca de 400 indústrias
instaladas nas bacias de drenagem da baía de
Sepetiba tem sido responsável pelo lançamento
de várias substâncias tóxicas, com destaque para

XVI Encontro Latino Americano de Iniciação Científica e 1


XII Encontro Latino Americano de Pós-Graduação – Universidade do Vale do Paraíba
concentrações de matéria orgânica (MO) e
nitrogênio Kjeldahl total (NKT) e de concentrações
dos elementos metálicos analisados nas amostras
de solos de mangue encontram-se expressos nas
Figuras de 1 a 3.

Figura 1: Mapa de localização dos manguezais


onde foram coletadas as amostras de solos. IT-
Itacuruçá, CG- Coroa Grande, GT- Guaratiba.

Na franja de cada manguezal (faixa localizada


no limite inferior da zona entremarés), foram
coletadas cinco amostras de solos de mangue
superficiais (0 – 20cm) com colheres plásticas
previamente descontaminadas. Em seguida foram
acondicionadas em sacos plásticos herméticos de Figura 1. Composição dos solos de mangue em
o
polietileno e mantidas a 4 C até o momento das cada região de amostragem (IT: Itacuruçá, CG:
análises. Para a realização das análises físico- Coroa Grande, GT: Guaratiba)
químicas e dos teores de elementos metálicos, as
o
amostras foram secas em estufa a 103-105 C por
24 horas, maceradas e homogeneizadas em gral
de porcelana e passadas em peneira de nylon de
abertura de 2 mm.
Para a determinação das características
físico-químicas dos solos de mangue (composição
do solo, teor de matéria orgânica e nitrogênio
Kjeldhal) foram utilizadas as metodologias
descritas no Manual de Métodos de Análise do
Solo (Embrapa, 1997).
Para a quantificação dos metais utilizou-se o
método EPA-3051A (USEPA,1998), que é o
indicado pela Resolução CONAMA 344/2004
(CONAMA, 2004). As amostras secas foram
digeridas, em triplicata, na presença de HNO3
concentrado em equipamento de microondas Figura 2. Concentrações de matéria orgânica (MO)
(Anton Paar MW 3000) e em seguida analisadas e nitrogênio Kjeldahl total (NKT) nos solos de
em um espectrômetro de absorção atômica com mangue em cada região de amostragem (IT:
chama (VARIAN AAS 240). Os níveis de Itacuruçá, CG: Coroa Grande, GT: Guaratiba)
recuperação dos metais foram testados utilizando-
se um material de referência certificado (NIST
8704).

Resultados

As taxas de recuperação obtidas para os


metais Ni, Pb e Zn no material de referência
certificado NIST 8704 foram, respectivamente, de:
101%, 102% e 104%. O Cu não apresenta valor
de concentração definido neste material
certificado.
Os resultados de composição dos solos de
mangue em cada região de amostragem,

XVI Encontro Latino Americano de Iniciação Científica e 2


XII Encontro Latino Americano de Pós-Graduação – Universidade do Vale do Paraíba
Tabela 1- Valores orientadores de qualidade dos
sedimentos para água salina-salobra segundo a
-1
Resolução CONAMA 344/2004 (mg kg )
a b
Metal Nível 1 Nível 2
Cu 34 270
Ni 20,9 51.6
Pb 46,7 218
Zn 150 410
a
limite abaixo do qual se prevê baixa
b
probabilidade de efeitos adversos à biota. limite
acima do qual se prevê um provável efeito adverso
à biota.

Figura 3. Concentrações dos elementos metálicos -1


Em Coroa Grande, o Zn (202 mg Kg ) e o Ni
analisados nas amostras de solos de mangue (IT: -1
(19 mg Kg ) apresentaram os teores mais críticos,
Itacuruçá, CG: Coroa Grande, GT: Guaratiba) com valores acima do nível 1. Em Guaratiba, o Zn
-1
(388 mg Kg ) apresenta teores críticos, atingindo
-1
o nível 2 e o Ni (23 mg Kg ) apresentou teores
Discussão acima do nível 1. Os teores encontrados para o Cu
-1 -1
(34 mg Kg ) e o Pb (47 mg Kg ) encontraram-se
Os metais Ni, Pb e Zn apresentaram bem próximos do nível 1.
percentuais de recuperação no material de
referência certificado NIST 8704 dentro da faixa de
75-125% recomendada internacionalmente para Conclusão
metais pesados (USEPA, 1998).
Observa-se pela composição dos solos (Figura Os resultados do presente estudo mostram que
1) que em Guaratiba predominam as frações argila dos três manguezais avaliados, o que se
e silte, enquanto que, nas demais regiões, apresenta em situação mais crítica, principalmente
predomina a fração areia. em relação ao Zn, é o de Guaratiba, segundo os
As maiores concentrações de matéria orgânica valores orientadores da resolução CONAMA
foram encontradas no manguezal de Guaratiba 344/2004.
(Figura 2) devido ao claro predomínio da fração Deve-se destacar, também, que as elevadas
argila (Figura 1) que tende a interagir com a concentrações de elementos metálicos
matéria orgânica solúvel e aumentar sua observadas em Guaratiba, que é uma Reserva
concentração no solo. Biológica, demonstram a vulnerabilidade de uma
Nos manguezais, que são ecossistemas unidade de conservação frente a agentes remotos,
naturalmente enriquecidos por nutrientes, são como as fontes de metais da baía de Sepetiba.
encontradas elevadas concentração de N e P, que
são elementos ciclados através dos ciclos Referências
biogeoquímicos. A maior concentração de
nitrogênio Kjeldahl total (NKT) (Figura 2) foi -CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE
-
encontrada no manguezal de Guaratiba (7,1 g Kg (Brasil). Resolução no 344 de 25 de Março de
1
). 2004. Disponível em:
Os resultados obtidos para as concentrações <http://www.mma.gov.br/port/conama/res/res04/re
dos elementos metálicos (Figura 3), mostram que s34404.xml>. Acesso em: 16 ago. 2011.
o manguezal de Itacuruçá foi o único onde todos
os teores encontraram-se abaixo do nível 1 da -EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa de
resolução CONAMA 344/2004 para sedimentos de Solos. Manual de métodos de análise de solo
água salina-salobra (Tabela 1). a
(2 . ed.) Rio de Janeiro: Embrapa Solos, 1997.
212 p.

-LACERDA, L.D.; CONDE, J.E.; KJERFVE, B.;


ÁLVAREZ-LEÓN, R.; ALARCÓN, C. & POLANÍA,
J. American Mangroves. In: Mangrove
Ecosystems: Function and managment. Luiz D.
Lacerda (editor); Berlin: Springer, 2002. p.1-62.

XVI Encontro Latino Americano de Iniciação Científica e 3


XII Encontro Latino Americano de Pós-Graduação – Universidade do Vale do Paraíba
-MOLISANI, M. M.; MARINS R. V.; PARAQUETTI,
H. H.; BIDONI, E.D.; LACERDA L. D..
Environmental changes in Sepetiba bay, SE,
Brazil. Reg. Environ. Change, v.4, p. 17-24, 2004.

- OTERO.X.L Biogeoquimica de metales pesados


em ambientes sedimentários marinos. 2000. 308 f.
Tese (Doutorado em Geoquímica) – Universidad
de Santiago de Compostela. 2000.

- RIBEIRO, A.B.. Procedimento de fracionamento


comparado a modelo de atenuação para a
avaliação de mobilidade de metais pesados em
sedimentos da Baia de Sepetiba, Rio de Janeiro.
2006. 159 f. Tese (Doutorado em Ciências) –
Instituto de Pesquisas Energéticas, São Paulo,
SP, 2001.

-SOARES, M.L.G.. Estudo da biomassa aérea de


manguezais do sudeste do Brasil – análise de
modelos. 1997. 294 f. Tese (Doutorado em
Oceanografia) - Instituto Oceanográfico,
Universidade de São Paulo, 1997.

-USEPA: United States Environmental Protection


Agency . Method U. S. EPA 3051A. Microwave
assisted acid digestion of sediments, sludges, soils
and oils. Revision 1, Jan. 1998. Disponível em:
http://www.epa.gov/osw/hazard/testmethods/sw84
6/pdfs/3051a.pdf. Acesso em: 23 jun. 2011.

- YIM, M.W.; TAM, N.F.Y. Effects of wastewater-


borne heavy metals on mangrove plants and soil
microbial activities. Mar. Pol. Bul., v.39, n.1-12,
p.179-186, 1999.

XVI Encontro Latino Americano de Iniciação Científica e 4


XII Encontro Latino Americano de Pós-Graduação – Universidade do Vale do Paraíba

Você também pode gostar