Você está na página 1de 14

 Pergunta 1

0,5 em 0,5 pontos

A Resolução nº 1/2006 definiu os eixos norteadores da formação do pedagogo: docência,


gestão e pesquisa. As alternativas abaixo abrangem corretamente as ideias dos estudiosos
a respeito da docência, exceto a alternativa:

Resposta
Selecionada:
d. 
 Meirieu (2006) reforça a ideia de que o professor é o único informante na
sala de aula.
Respostas: a.
 Para Arendt (1972), o educador deve se mostrar capaz de apresentar aos
alunos o legado das gerações anteriores, permitindo que dele se apropriem
para ampliá-lo e/ou renová-lo.
b. 
 Freire (1996) aborda sua importância quando se refere à professora
progressista.
c.
 Triches e Evangelista (2012) evidenciam o alargamento do conceito de
docência, o qual traz a esse profissional acúmulo de exigência e
responsabilidade.

d. 
 Meirieu (2006) reforça a ideia de que o professor é o único informante na
sala de aula.
e.
 Nóvoa (1999) afirma que, em alguns casos, o professor iniciante sente-se
traído pelos conceitos adquiridos em sua formação inicial, que não
correspondem à realidade que ele vivencia.

Feedback Resposta correta: d)


da resposta:

Comentário

São ideias dos estudiosos a respeito da docência:

Arendt (1972) também ressaltou a importância do educador e suas


responsabilidades diante das novas gerações. Ele deve se mostrar capaz de
apresentar aos alunos o legado das gerações anteriores, permitindo que dele
se apropriem para ampliá-lo e/ou renová-lo.

Freire (1996, p. 113) aborda a importância da docência, quando assim se refere


à professora progressista: “[...] democrática, crítica, coerente, competente, que
testemunha seu gosto de vida, sua esperança no mundo melhor, que atesta
sua capacidade de luta, seu respeito às diferenças, sabe cada vez mais o valor
que tem para a modificação da realidade, a maneira consistente com que vive
sua presença no mundo, de que sua experiência na escola é apenas um
momento, mas um momento importante que precisa ser autenticamente vivido”.

Triches e Evangelista (2012, p. 7), também em análise crítica, evidenciam o


alargamento do conceito de docência, o qual traz a esse profissional acúmulo
de exigência e responsabilidade. Denominam-no “superprofessor”, “cuja
aparência é a de um profissional com poderes e condições de dar conta de
todas as demandas”.

Meirieu (2006) reforça a ideia de que o professor é um informante privilegiado


na sala de aula, mas não o único. Os alunos também aprendem muito uns com
os outros, em nível escolar e social, desde que as habilidades interpessoais e
sociais sejam ensinadas; eles melhoram seu aproveitamento escolar e
desenvolvem importantes habilidades para a vida toda.

Nóvoa (1999) em relação ao chamado “choque de realidade”, afirma que no


caso do professor iniciante, este se sente traído pelos conceitos adquiridos em
sua formação inicial, já que a visão idealizada do ambiente escolar e das
relações estabelecidas entre professor-aluno-objeto de conhecimento se
contrapõe à realidade por ele encontrada.

 Pergunta 2

0,5 em 0,5 pontos

Assinale a alternativa correta.

Marques (2006, p. 95) considera que “pesquisar é buscar um centro de incidência, uma
concentração, um polo preciso das muitas variações ou modulações de saberes que se
irradiam a partir de um mesmo ponto”. Neste sentido,

Resposta
Selecionada:
e.
 a pesquisa associada ao aprofundamento teórico torna-se relevante ao
buscar responder a questionamentos que valorizam o diálogo entre o
pesquisador-acadêmico e o professor-pesquisador.

Respostas: a.
 a pesquisa é algo inerente ao professor, que é capaz, por si só, de pensar e
encontrar dados apresentados no cotidiano da vida pessoal e coletiva, os
quais lhe proporcionam a seleção e sistematização de saberes escolares;
b.
a fim de que o pedagogo obtenha formação sólida para desempenhar suas
funções, o curso deve oferecer um núcleo de estudos profundos sobre
Física, Química, Biologia, Engenharia Atômica e Teatro;
c.
 o curso de Licenciatura em Pedagogia deve formar o professor para exercer
o magistério na pós-graduação, para que possa produzir e difundir o
conhecimento científico-tecnológico do campo educacional;
d.
 de acordo com a Resolução CNE nº 01/2006, a produção de conhecimentos
é meta prioritária da formação do professor, vindo em seguida, em grau de
importância, a gestão e a docência;

e.
 a pesquisa associada ao aprofundamento teórico torna-se relevante ao
buscar responder a questionamentos que valorizam o diálogo entre o
pesquisador-acadêmico e o professor-pesquisador.

Feedback Resposta correta: e)


da resposta:

Comentário

Marques (2006, p. 95) considera que “pesquisar é buscar um centro de


incidência, uma concentração, um polo preciso das muitas variações ou
modulações de saberes que se irradiam a partir de um mesmo ponto”. Nesse
sentido, a pesquisa é o cerne do conhecimento e é por meio dela que o
indivíduo é capaz de pensar e de sistematizar seus saberes.

Em conformidade com o Parecer CNE nº 5 de 2005, a fim de que o pedagogo


obtenha formação sólida para desempenhar suas funções, o referido curso
deve oferecer um núcleo de estudos básicos, um de aprofundamentos e
diversificação de estudos e um núcleo de estudos integradores.

E a Resolução CNE nº 01/2006, em seu artigo 4º, ao estabelecer que o curso


de Licenciatura em Pedagogia deve formar o professor para exercer o
magistério na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental,
institui a produção e a difusão do conhecimento científico-tecnológico do campo
educacional como atividades docentes também.

Assim, segundo Esteban e Zaccur (2002), a pesquisa associada ao


aprofundamento teórico torna-se relevante na medida em que busca responder
a questionamentos que se encontram em constante renovação e que valorizam
o diálogo entre o pesquisador-acadêmico e o professor-pesquisador para que
se efetive o conhecimento crítico acerca de uma determinada realidade.

 Pergunta 3

0,5 em 0,5 pontos

Com a visão de mundo que se desenhou na sociedade democrática, dinâmica, conflitiva e


contraditória nas relações interpessoais, surgiu um novo paradigma de educação, escola e
gestão, o qual exige uma direção escolar participativa e responsável, com atuação especial
de liderança e articulação. Neste modelo de gestão, 

I- As decisões são tomadas de cima para baixo, fazendo valer a vontade do diretor e de um
pequeno grupo de professores.

II- O papel do diretor é repassar informações, controlar e supervisionar, de acordo com as


normas dos órgãos centrais.

III- O diretor é um mobilizador e orquestrador de atores, um articulador da diversidade para


dar-lhe unidade e consistência, na construção do ambiente educacional e promoção segura
da formação de seus alunos.

IV- A escola demanda decisões advindas de ações conjuntas de todos os participantes do


contexto escolar.

Estão corretas apenas as afirmativas:

Resposta Selecionada:

e. 
 III e IV.

Respostas: a. 
 II e IV;

b. 
I e III;
c. 
 II e III;
d. 
 I e II;

e. 
 III e IV.

Feedback Resposta correta: e) - III e IV.


da resposta:

Comentário

Ao contrário de ações isoladas e concentradas nas mãos do diretor, a escola


demanda decisões advindas de ações conjuntas de todos os participantes do
contexto escolar. O novo modelo de gestão estabelecido nas Diretrizes
Curriculares consiste, portanto, na concepção de escola democrática e
autônoma, permeada pela participação de todos os seus agentes na
elaboração e execução de seu plano de desenvolvimento, de forma a atender
às demandas sociais. Uma participação “consistente pela qual os membros da
escola reconhecem e assumem seu poder de exercer influência na dinâmica
dessa unidade social, de sua cultura e dos seus resultados” (LÜCK, 2000, p.
27).

 Pergunta 4

0,5 em 0,5 pontos


Conhecida como a Pedagogia de Paulo Freire, vincula a educação à luta e à organização
de classe do oprimido, considerando que o oprimido deve conhecer sua situação e
condição para se libertar das explorações políticas e econômicas por meio da elaboração
da consciência crítica. Entre as alternativas a seguir, escolha a que apresenta uma das
ideias de Freire (1996) constante em sua importante obra “Pedagogia da autonomia:
saberes necessários à prática educativa”.

Resposta
Selecionada:
a. 
 Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para
sua construção.
Respostas:

a. 
 Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para
sua construção.
b. 
 Modificar a cultura originária é parte do processo educativo.

c. 
A autoridade coloca o aluno na posição de ouvinte e reprodutor dos
conhecimentos acumulados.

d. 
Educar é um ato que acontece exclusivamente nas instituições escolares.
e. 
 Educar é transmitir o conhecimento erudito e universalmente
reconhecido.

Feedback Resposta correta: a) 


da resposta:

Comentário

São ideias de Freire (1996) constantes em sua importante obra “Pedagogia da


autonomia: saberes necessários à prática educativa”:

- Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua


produção ou a sua construção; ensinar inexiste sem aprender e vice-versa.

- Ensinar exige respeito aos saberes dos educandos: saberes socialmente


construídos na prática comunitária; discutir com os alunos a razão de ser de
alguns desses saberes em relação com o ensino dos conteúdos.

- A autoridade docente democrática revela-se em seus conhecimentos e em


suas convicções, assegurando a relação de liberdade com seus alunos. A
autoridade, expressa na firmeza com que atua, demonstra sua assertividade e
sua capacidade de diálogo frente às suas posições, sob as quais aceita se
rever.

- Ensinar exige o reconhecimento de ser condicionado: desde o seu


nascimento o indivíduo está condicionado a aspectos genéticos, culturais,
sociais, históricos, de classe, de gênero, sob os quais constitui o seu “eu”. É a
marca e a referência de sua identidade.

 Pergunta 5

0,5 em 0,5 pontos

Em 1996 foi promulgada a nova LDB, Lei nº 9.394, que dispunha sobre a questão dos
professores e a valorização do magistério, entre outras. Nela,

I- eram funções dos docentes, a participação na elaboração da proposta pedagógica das


escolas, a elaboração e cumprimento dos planos de trabalho, a gestão da instituição
escolar e a supervisão das escolas;

II- se comparado aos cursos Normais Superiores, o prazo mínimo de três anos para sua
conclusão mostra-se um diferencial importante no curso de Pedagogia;

III- a carga horária mínima foi ampliada para 3.200 horas de trabalho acadêmico, sendo
2.800 horas de aulas, 300 horas de estágio supervisionado e 100 horas de atividades
complementares;

IV- o acompanhamento e a avaliação dos cursos de Pedagogia passaram a ser atribuições


das Diretorias de Ensino.  

Estão corretas apenas as afirmativas:

Resposta Selecionada:

a. 
 II e III;
Respostas:

a. 
 II e III;
b. 
 I e III;
c. 
 II e IV;
d. 
 I e II;
e. 
 III e IV.

Feedback Resposta correta: a) II e III 


da
resposta:

Comentário
Na descrição das funções dos docentes, a LDB 9.394/96 afirma que eles:
“participam da elaboração da proposta pedagógica das escolas”; “elaboram e
cumprem planos de trabalho”; “zelam pela aprendizagem dos alunos”;
“estabelecem estratégias de recuperação”; “ministram os dias letivos
estabelecidos e participam integralmente do planejamento/avaliação”;
“articulam escola/família/comunidade”.

Nessa Resolução, se comparados aos cursos Normais Superiores, a ampliação


da carga horária e o prazo mínimo de três anos para sua conclusão mostram-se
um diferencial importante no curso de Pedagogia.

Para a formação do pedagogo foi regulamentada a ampliação da carga horária


mínima para 3.200 horas de trabalho acadêmico, distribuídas em 2.800 horas
de aulas (seminários, pesquisas, visitas a instituições de ensino e consultas a
bibliotecas), 300 horas de estágio supervisionado e 100 horas de atividades
complementares (como iniciação científica ou monitoria), ficando a cargo dos
órgãos competentes acompanhar e avaliar sistematicamente os cursos de
Pedagogia para que se cumpram a implantação e a execução dessas diretrizes
curriculares.

 Pergunta 6

0,5 em 0,5 pontos

Em sua formação, ao se familiarizar com os processos e os produtos da pesquisa


científica, os futuros professores aprendem a desenvolver o exame crítico das atividades
docentes, no que se refere à capacidade de inovação e de fundamentação das
intervenções junto aos alunos.

I- Embora o saber docente seja estratégico no desenvolvimento de importantes pesquisas,


ele não tem valor acadêmico porque o professor continua sendo um mero transmissor de
conhecimentos e não é capaz de produzir saberes.

II- O futuro professor deve incorporar a postura de investigador no seu trabalho cotidiano,
na escola e na sala de aula.

III- A participação do licenciando em atividades de monitoria, de iniciação científica e de


extensão traz-lhe desorientação, já que aborda o exercício prático dissociado da pesquisa
acadêmica.

IV- A ideia de investigação é de o professor pensar sua prática e, a partir de seu


julgamento, produzir mudanças, colocando-se em constante superação.

Estão corretas apenas as afirmativas:

Resposta Selecionada:

b. 
II e IV;
Respostas: a. 
 I e II;
b. 
II e IV;
c. 
 II e III;

d. 
I, III e IV;

e. 
II, III e IV.

Feedback Resposta correta: b) – II e IV.


da resposta:

Comentário

Segundo Diniz-Pereira e Amaral (2010), em sua formação, ao se familiarizar


com os processos e os produtos da pesquisa científica, os futuros professores
aprendem a desenvolver o exame crítico das atividades docentes, no que se
refere à capacidade de inovação e de fundamentação das intervenções junto
aos alunos. Para os autores, “a formação do “professor investigador” deveria
resultar da vivência do licenciando, durante a sua trajetória na universidade, da
pesquisa como processo, o que faz com que o futuro professor não só
aprendesse o produto, mas também apreendesse o processo de investigação
e, o mais importante, incorporasse a postura de investigador no seu trabalho
cotidiano, na escola e na sala de aula” (2010, p. 539).

Nunes e Cunha (2007) consideram positiva a ideia de o professor pensar sua


prática e, a partir de seu julgamento, produzir mudanças, colocando-se em
constante superação.

Marcondes (2010) ressalta que, embora o saber docente seja estratégico no


desenvolvimento de importantes pesquisas, há ainda sua desvalorização, já
que o professor continua sendo visto como mero transmissor de
conhecimentos, e não capaz de produzir saberes.

Outro ponto relevante em relação à aquisição de conhecimentos, observado


nas Diretrizes Curriculares, refere-se à participação do licenciando em
atividades de monitoria, de iniciação científica e de extensão, tendo orientação
direta de um docente da instituição de educação superior ou articulada às
disciplinas, áreas de conhecimentos, seminários, eventos científico-culturais e
estudos curriculares, o que lhe oportuniza refletir e relacionar teoria e prática,
estreitando sua formação acadêmica com as metodologias de pesquisa.

 Pergunta 7

0,5 em 0,5 pontos

Maria Helena terminou o curso de Pedagogia. Procurando trabalho em uma escola privada
na cidade em que mora, preencheu sua inscrição, indicando a vaga pleiteada.
Embasando-se na Resolução CNE/CP nº 1/2006, que instituiu as Diretrizes Curriculares
Nacionais para o Curso de Graduação em Pedagogia, das afirmações elencadas a seguir,
qual alternativa Maria Helena não poderá assinalar?

Resposta
Selecionada:
c.
Lecionar para alunos de reforço escolar do Ensino Fundamental I e II,
esclarecer dúvidas e elaborar plano de aula para os referidos níveis de
ensino.
Respostas: a.
Realizar atendimento aos docentes, promover semanas pedagógicas,
elaborar planos de ensino juntamente com os docentes, acompanhar e
avaliar atividades de docentes.
b.
Implementar a execução do projeto pedagógico, avaliar o desenvolvimento
do projeto pedagógico, coordenar/desenvolver o projeto pedagógico, entre
demais atividades pertinentes.

c.
Lecionar para alunos de reforço escolar do Ensino Fundamental I e II,
esclarecer dúvidas e elaborar plano de aula para os referidos níveis de
ensino.
d.
 Desenvolver aula de apoio pedagógico e orientação para o trabalho de
jovens e adultos com deficiência. Acompanhar o aluno nas atividades,
realizar relatórios e planejamento.
e. 
 Ser responsável pelo berçário, atender pais, elaborar relatórios gerenciais,
acompanhar atividades diárias, entre outras funções.

Feedback Resposta correta: c)


da resposta:

Comentário

Segundo as DCNs, o curso de Licenciatura em Pedagogia destina-se à


formação de professores para exercer funções de magistério na Educação
Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental, nos cursos de Ensino
Médio, na modalidade Normal, de Educação Profissional na área de serviços e
apoio escolar e em outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos
pedagógicos. Embora o pedagogo esteja habilitado a elaborar plano de aula e
atender os alunos do Ensino Fundamental, ciclo I, o mesmo não ocorre com as
atividades referentes ao ciclo II do Ensino Fundamental. Tais atividades cabem
ao professor especialista de áreas específicas do conhecimento.

Competem ao professor as funções de planejamento, execução, coordenação,


acompanhamento e avaliação de atividades educativas e de projetos e
experiências educativas não escolares. Ele deve, ainda, reconhecer e respeitar
as manifestações e necessidades físicas, cognitivas, emocionais, afetivas dos
educandos, nas suas relações individuais e coletivas, e demonstrar consciência
da diversidade, respeitando as diferenças de natureza ambiental-ecológica,
étnico-racial, de gêneros, faixas geracionais, classes sociais, religiões,
necessidades especiais, escolhas sexuais, entre outras.
 Pergunta 8

0,5 em 0,5 pontos

Se o termo gerir significa administrar e direcionar, por ter a função de planejar as


estratégias de ensino para desenvolver os conteúdos contidos no plano de ensino e de
conduzir e avaliar os conhecimentos adquiridos pelos alunos, o professor é, portanto, o
gestor da sala de aula, o gestor do processo de aprendizagem. Marque “V” para as
afirmativas que estiverem de acordo com esta concepção e “F” para as que se opõem a
ela:

(   ) De acordo com Meirieu (1998), a ação docente requer a vocação, o dom para trabalhar
com crianças e uma grande vontade de ser professor.

(   ) Segundo Meirieu (1998), para que a gerência da aprendizagem se efetive, é necessária
a concentração de ações nas dimensões: relação pedagógica, caminho didático e
estratégias de aprendizagem.

(   ) Para Nóvoa (1999), o mal-estar docente está na desvalorização do professor e nas
deficientes condições de seu trabalho.

(   ) Nóvoa (1999) aponta as dificuldades e impossibilidades do professor de lidar com os


problemas presentes no cotidiano de seu trabalho, o que lhe traz sentimento de angústia,
desconforto e impotência quanto às novas exigências de sua função.

Marque a alternativa correta.

Resposta Selecionada:

a. 
         F, V, V,
V; 
       
Respostas:

a. 
         F, V, V,
V; 
       
b. 
  V, F, F, V;
         
c. 
F, V, F, V;
      
d. 
   F, F, V, V;
        
e. 
V, F, V, V. 

Feedback Resposta correta: a) F, V, V, V.


da resposta:

Comentário

Meirieu (1998): para que a gerência da aprendizagem se efetive, é necessário


que o professor concentre suas ações nas dimensões: relação pedagógica,
caminho didático e estratégias de aprendizagem. A ação docente requer
conhecimentos que levem a atingir dois tipos inseparáveis de objetivo: de
competência, “saber identificado, colocando em jogo uma ou mais capacidades
em um campo nocional ou disciplinar determinado”.

Nóvoa (1999): também aborda a gerência da sala de aula, porém, olhando para
uma escola que, após a democratização do ensino, tem a incumbência de
atender a totalidade da clientela em idade escolar. Pontuando o fenômeno
denominado “mal-estar docente”, o autor o desenha como fruto das
dificuldades e impossibilidades do professor de lidar com os problemas
presentes no cotidiano de seu trabalho, o que lhe traz sentimento de angústia,
desconforto e impotência quanto às novas exigências de sua função. “A chave
do mal-estar docente está na desvalorização do trabalho do professor, evidente
no nosso contexto social e nas deficientes condições de trabalho do professor
na sala de aula, que o obrigam a uma actuação medíocre, pela qual acaba
sempre por ser considerado responsável” (NÓVOA, 1999, p. 120).

 Pergunta 9

0,5 em 0,5 pontos

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de Pedagogia, Resolução


01/06, são três os eixos integrados e indissociáveis de atuação pedagógica:

A- Docência

B- Gestão

C- Pesquisa e produção do conhecimento

I- Dá-se por meio da participação no desenvolvimento de investigações científicas no meio


acadêmico das especificidades da aprendizagem na sala de aula.

II- Seu exercício se dará especialmente na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino
Fundamental.

III- Ponto central do processo formativo da licenciatura em Pedagogia.

IV- Atuação do pedagogo nas instituições, planejando, executando, acompanhando e


avaliando projetos e programas educacionais e em processos educativos, na organização e
no funcionamento de sistemas e de instituições de ensino.

 Relacione os itens acima e assinale a alternativa correta.


Resposta Selecionada:

d. 
 A II, III; B IV; C I;
Respostas: a. 
 A I; B II, III; C IV;

b. 
A II; B IV; C I, III;
c. 
 A I, IV; B II; C III;

d. 
 A II, III; B IV; C I;
e. 
 A III; B I, II; C IV.

Feedback Resposta correta: d) A II, III; B IV, C I; 


da resposta:
Comentário

Os três eixos de atuação pedagógica são:

Primeiro eixo: Docência – considerada ponto central do processo formativo da


licenciatura em Pedagogia, sua ação é exercida na Educação Infantil e nos
anos iniciais do Ensino Fundamental, no Ensino Médio de modalidade Normal e
nos cursos de Educação Profissional, caracterizando-se na área de serviços e
apoio escolar, bem como em outras áreas nas quais sejam previstos
conhecimentos pedagógicos. O trabalho pedagógico dar-se-á em espaços
escolares e não escolares.

Segundo eixo: Gestão – compreende a atuação do pedagogo na gestão das


instituições, planejando, executando, acompanhando e avaliando projetos e
programas educacionais e em processos educativos, na organização e no
funcionamento de sistemas e de instituições de ensino.

Terceiro eixo: Pesquisa e Produção do Conhecimento – dá-se por meio da


participação em atividades de pesquisa, as quais propiciam ao licenciando o
desenvolvimento de investigação científica. Tais práticas, presentes nos
componentes curriculares, em seminários e em outras situações pedagógicas,
objetivam o conhecimento de procedimentos de pesquisa e sua aplicação, bem
como a interpretação de resultados de investigações e sua discussão teórica.
Outra forma de pesquisa estendida no curso de Pedagogia, refere-se à
investigação das especificidades da aprendizagem, as quais abordam as
etapas de desenvolvimento nas quais se encontram as crianças, suas
hipóteses de leitura e escrita, entre outras.

 Pergunta 10

0,5 em 0,5 pontos


 Coloque “V” nas expressões verdadeiras e “F” nas expressões falsas.

O Relatório do Parecer CNE/CP nº 5/2005 traz a trajetória do curso de Pedagogia no Brasil.


Segundo este documento:

(  ) O curso teve início em 1939 e oferecia estudos superiores em Pedagogia aos


professores primários.

( ) Em 1968, a Lei da Reforma Universitária nº 5.540 ampliou o leque de especializações


que facultava aos professores primários ministrarem aulas no Ensino Superior.

(  ) A Lei nº 5.692/71 alterou o ensino primário e médio para ensino de primeiro e segundo
graus, respectivamente.

(   ) Com a Lei nº 7.044/82, os professores de 1ª a 4ª série deveriam ter, no mínimo, o


Mestrado em Educação Escolar.

Marque a alternativa correta.

Resposta Selecionada:

b. 
V, F, V, F;
Respostas: a. 
V, V, V, F;

b. 
V, F, V, F;
c. 
F, F, F, V;
d. 
F, F, V, V;

e. 
V, F, V, V.

Feedback Resposta correta: b) V, F, V, F;


da resposta:

Comentário

A trajetória do curso de Pedagogia no Brasil está contida no Relatório Parecer


CNE/CP nº 5/2005, sendo que:

- O curso de Pedagogia teve início em 1939 como um “estudo da forma de


ensinar” e oferecia estudos superiores em Pedagogia aos professores
primários que, já exercendo o magistério na Educação Infantil e nas quatro
primeiras séries do Ensino Fundamental, pleiteavam outras funções no
Ministério da Educação, nas secretarias dos estados e dos municípios, como
administração, planejamento de currículos, orientação a professores, inspeção
de escolas, avaliação do desempenho dos alunos e dos docentes, de pesquisa
e desenvolvimento tecnológico da educação.
- Em 1968, a Lei da Reforma Universitária nº 5.540 ampliou o leque de
especializações que facultava a oferta das habilitações de Supervisão,
Orientação, Administração e Inspeção Educacional, assim como outras
especialidades necessárias ao desenvolvimento nacional e às peculiaridades
do mercado de trabalho.

- Substituindo a primeira LDB brasileira e atendendo às determinações do


acordo MEC-Usaid, a Lei nº 5.692/71 alterou o ensino primário e médio para
ensino de primeiro e segundo graus, respectivamente, visando à rápida
profissionalização dos trabalhadores.

- A Lei nº 7.044/82 alterou a 5.692/71, no que se referia ao nível de formação


dos professores para o magistério nos 1º e 2º graus. Os professores de 1ª a 4ª
série deveriam ter, no mínimo, a habilitação de 2º grau e os professores de 1ª a
8ª série, licenciatura de curta duração. Já os professores do 2º grau deveriam
ter licenciatura plena.

Você também pode gostar