Você está na página 1de 10

5S

Implementando o Seiton
Por onde começar?
No Seiton, devemos organizar o ambiente. Partimos do ponto que
deixamos no último S (Seiri), portanto já devemos conhecer o que é útil
e o que não é e ter todos os materiais/informações classificados.

Sou útil
todo dia!
Como fazemos?
Devemos seguir a seguinte lógica:

• Se algo é útil todo dia deve estar próximo do local de uso (a gaveta da mesa do
escritório, o armarinho ao lado da linha, etc.);
• Se alto é útil toda semana deve estar em um “estoque” próximo, mas não tomar
espaço no ambiente de trabalho (estar no almoxarifado, por exemplo);
• Se algo é raramente usado deve estar disponível em um estoque com uma clara
indicação de sua localização (para o operador não ficar procurando item,
devemos colocar na instrução de trabalho padrão onde este item está guardado.
Tudo disponível
Lembrem-se!
No Seiton devemos “aliviar a bagunça” do ambiente de trabalho, mas
também devemos garantir que todos os materiais estejam
disponíveis, mesmo aquelas ferramentas usadas apenas uma vez por
mês.

A pessoa que as utiliza precisa saber claramente onde estão


guardadas!
Conhecendo a rotina de trabalho

Essas perguntas nos ajudarão bastante a saber o que é feito no dia a


dia e o que é necessário para se fazer as atividades com qualidade.

Lembrem-se: faltar itens necessários ao trabalho é tão ruim quanto


ter um excesso de itens disponíveis (o que chamamos de “bagunça”)
Organização no Seiton -> Exemplos
Algumas soluções padrões são bem úteis no Seiton. Podemos citar
algumas delas:
O quadro de ferramentas organiza a
disposição de ferramentas úteis
esporadicamente em oficinas. Cada
ferramenta tem seu lugar determinado.

É possível resolver qualquer variação


do trabalho buscando a ferramenta
correta no quadro.
Organização no Seiton -> Exemplos

Prateleiras com pastas coloridas


separadas por assunto são ótimas
opções para se organizar itens de
média utilização.

Cada cor ou posição na prateleira pode


representar um tipo de trabalho ou
uma variação do trabalho a ser feito.

O acesso é rápido e a identificação é


visual, evitando erros.
Organização no Seiton -> Exemplos

Colocar a localização de peças,


informações ou pastas de computador
na instrução de trabalho (ou até
mesmo adicionar uma foto do local ou
da tela) é uma maneira excelente de As informações estão na
garantir que as pessoas vão acha-las. pasta:

Também é bom frisar na instrução a Documentos>variações


importância de retornar as peças após
o uso.
Conhecendo a rotina de trabalho

Uma vez tudo organizado, devemos etiquetar e padronizar o estado de


organização. Falaremos mais sobre isso no quarto S, o Seiketsu.

Em seguida, vamos falar do senso de limpeza, ou Seiso.


www.fm2s.com.br

Você também pode gostar