Você está na página 1de 1

Tradutores Standard

Estes tradutores servem de base para a


Sendo previsível que venha a
desenvolver muitos tradutores,
Para criar um novo Tradutor,
escolhe-se o Standard mais
ARCHICÁBULAS
Uma boa ideia é converter Cábulas para o ArchiCAD - Imprimir em A3
Blocos AutoCAD em elementos criação dos nossos tradutores recomenda-se que o nome deles próximo e Duplica-se.
da Biblioteca do ArchiCAD. personalizados, e tratam da importação seja o mais descritivo possível. Depois de duplicado alteramos o
Torna o ficheiro mais leve e o e exportação editável, e da exportação nome e de seguida afinamos as
para visualização/impressão. Definições em função dos ACESSO:
redesenho mais rápido. Neste caso estamos a fazer um tradutor de
exportação. Se fosse de importação, objectivos. Ficheiro > Ficheiro Especial >
teríamos de ter especial cuidado com as Configurar Tradução DXF-DWG...
Opções Abrir.
Manter as cotas como cotas
(em vez de as converter em
textos) também produz bons
resultados.

É muito importante preencher o


quadro de Info de cada tradutor
Não é relevante para ficheiros criado. Deste modo torna-se
do AutoCAD posteriores á fácil descortinar o que cada DESCRIÇÃO:
versão R14. tradutor faz. Quando se pretende importar ou
exportar desenhos vectoriais (formatos
DXF ou DWG) para e do ArhiCAD, deve-
se utilizar sempre Tradutores. Estes
tradutores dão indicações precisas
quanto à conversão do conteúdo dos
Sempre que verifique um ficheiros.
Convém sempre saber qual a
versão de AutoCAD que vai ser problema de escala entre os
desenhos originais e os O ArchiCAD vem com 4 tradutores
usada para abrir os desenhos standard, que deverão ser adaptados
exportados. importados ou exportados, isto
As Opções Gravar são próprias para deve-se provavelmente a para as necessidades específicas de
tradutores de exportação. unidades de desenho díspares. cada gabinete.
Tal é especialmente relevante
usando importamos desenhos É útil ter um tradutor de importação e
Caso os colaboradores queiram um de exportação para cada
utilizar directamente os que foram desenvolvidos por
exemplo em milímetros, e colaborador, visto que estes trabalham
desenhos produzidos, é boa muitas vezes com standards diferentes,
ideia gravá-los para o Model estamos a trabalhar com um
ficheiro ArchiCAD em metros. e têm necessidades diferentes também.
Space. Se for um tradutor para
impressão, ou para entregar ao Outra situação que exige tradutores
cliente, obra ou entidade especializados é na comunicação com
licenciadora, convém exportar entidades externas, designadamente na
para o Paper Space (o exportação de desenhos para o cliente,
equivalente dos layouts no para a obra, ou para entidades
AutoCAD). licenciadoras.

Muitos (se não todos) dos problemas


que habitualmente são mencionados
A conversão de elementos
quando se fala de perca de informação
complexos em Blocos facilita o
na importação ou exportação de
redesenho. Não afecta os
desenhos derivam de um uso incorrecto
elementos de biblioteca do
dos tradutores. Desenvolver tradutores é
ArchiCAD, que são sempre Na exportação, controlamos os vegetais que Caso seja importante que as tramas sejam visíveis na algo que cada gabinete deve
convertidos em Blocos. serão criados no ficheiro DWG/DXF. exportação, deverá escolher-se a primeira opção. implementar com especial atenção,
Caso contrário, exportar as tramas como “SOLID” porque não só garante uma correcta
converte-as em padrão sólido. comunicação com todas as partes como
Muitos Atributos dos
ficheiros são passíveis de proporciona uma enorme poupança de
serem objecto de regras tempo e esforço.
O ficheiro DWG/DXF pode ter específicas de tradução.
Os tradutores criados são guardados no
vegetais iguais aos do ArchiCAD,
nosso computador como ficheiros .XML,
ou podemos usar conversões
e podem ser transferidos para outros
mais complexas, por exemplo
computadores facilmente.
tendo em conta as canetas
Miguel Krippahl 2010 - www.architruques.blogspot.com

usadas em cada elemento de


modelação e desenho.

Uma vez que o AutoCAD usa habitualmente fontes de


texto que mais nenhum software utiliza (fontes SHX),
Podemos também definir a por vezes sucedem problemas na tradução.
criação de vegetais novos para Para resolver este problema, cria-se uma tabela de
elementos que no ArchiCAD não euquivalências entre os estilos do AutoCAD e as
possuem vegetais próprios, Podemos inclusivamente juntar diversos vegetais fontes do seu sistema operativo (OSX ou Windows)
como sejam os vãos, as tramas do ArchiCAD num único vegetal de saída, muito
dos elementos 3D e os útil quando temos que entregar os desenhos de

TRADUTORES
componentes das Zonas. acordo com algum standard CAD.

DXF-DWG