Você está na página 1de 1

https://pt.slideshare.

net/VitorCarvalho1/indivduos-e-grupos

https://pt.slideshare.net/kakakarsrs/os-indivduos-e-os-grupos

https://prezi.com/-mxguipse5in/processos-de-relacao-entre-os-individuos-e-os-grupos/

https://prezi.com/lhpag32pwauk/processos-de-relacao-entre-individuos-e-grupos/

https://prezi.com/p/b2upal7dllfb/relacoes-entre-os-individuos-e-os-grupos-sociais/

https://prezi.com/cd703y0kt0wm/processos-de-relacao-entre-os-individuos-e-os-grupos/

https://prezi.com/p/sk7ztkceybwk/individuos-e-grupos/

Este livro trata da agressividade, isto é, do instinto de combate


do animal e do homem dirigido contra o próprio congénere. O
autor pensa que o estudo da conduta dos animais pode indicar-
nos os perigos que é possível evitar. Debruçando-se com um
humor atento sobre os casamentos dos gansos selvagens, os
contactos territoriais de certos peixes ou sobre as inibições
quase morais dos lobos, Konrad Lorenz conduz o leitor a
reflexões imprevistas, sempre profundas: "Aquele que conhece
verdadeiramente os animais é por isso mesmo capaz de
compreender plenamente o carácter único do homem ". Konrad
Zacharias Lorenz nasceu em Viena em 1903, falecendo em
1989. Foi Prémio Nobel da Medicina em 1973, com os seus
trabalhos sobre o comportamento animal. É considerado o
fundador da etologia, a ciência que descreve o comportamento
animal . Nos seus trabalhos sobre os comportamentos dos
gansos, efectuados nos anos trinta, propôs o conceito de
“imprinting” no comportamento animal. Segundo Lorenz, os
animais adquirem por “cunhagem” características
comportamentais , que resultam da evolução biológica na
relação da espécie com o ambiente. LIVRO DE LORENZ