Você está na página 1de 2

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GARCIA DE ORTA

10ºAno

Princípios gerais da ligação química. Ligação covalente. Outras ligações químicas - Soluções
1.
1.1 𝑟e = 74 pm, representa o comprimento da ligação; 𝐸p = −436 kJ mol−1, representa a energia da ligação.
1.2
1.2.1 B.
1.2.2 D.
1.2.3 C.
1.2.4 C.
1.3 Opção (D). As restantes são incorretas pois: (A) a molécula de hidrogénio é mais estável que cada um dos átomos de hidrogénio
separados; (B) atinge-se a estabilidade máxima da molécula quando o valor da energia potencial é 436 kJ mol−1; (C) quanto menor é a
energia potencial da molécula de hidrogénio, maior a sua estabilidade.
2.
2.1 Ligação C = O: ligação covalente dupla; ligação C – O: ligação covalente simples.
2.2 Existem oito eletrões não partilhados.
2.3 Existem oito pares de eletrões de valência.
2.4
2.4.1 maior.
2.4.2 igual.
2.4.3 menor.
3.
3.1 maior … menor
3.2 maior … maior
3.3 menor … menor
4. Opção (B). As restantes são incorretas pois: (A) o tamanho das moléculas depende do tamanho dos átomos; (C) a energia que se consome
para dissociar a molécula é igual à energia que se liberta quando se forma essa mesma molécula; (D) nos gases nobres não há eletrões
disponíveis para serem simultaneamente partilhados por dois núcleos.
5.
5.1 7N: 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝3 .
5.2 Participam efectivamente na ligação 6 eletrões (3 eletrões das orbitais 2p de cada átomo de nitrogénio).
5.3 Dois pares de eletrões não ligantes.
5.4 Opção (C).
6. Opção (C). As restantes são incorretas pois: (A) uma ligação covalente dupla é assegurada por dois pares eletrónicos de valência;
(B) a molécula de oxigénio possui dois pares de eletrões ligantes enquanto a molécula de cloro possui um par de eletrões ligantes;
(D) a ordem de ligação da molécula de flúor é igual à ordem de ligação da molécula de bromo, pois o flúor e o bromo são elementos do
mesmo grupo.
7.
7.1 O número de eletrões de valência nas moléculas de cloro, bromo e iodo é igual pois todos os átomos que constituem estas moléculas
possuem sete eletrões de valência.
7.2

7.3 A diferença no comprimento da ligação deve-se ao diferente tamanho das moléculas, ou seja, do tamanho das nuvens eletrónicas.
7.4 A molécula de iodo (I2 ) pois possui maior comprimento de ligação.
8. Ligação C–N. Ligação covalente simples: 𝐸 = 276 kJ mol−1 e 𝑟e = 143 pm. Ligação C≡N. Ligação covalente tripla: 𝐸 = 891 kJ mol−1 e
𝑟e = 116 pm. Quanto maior a ordem de ligação, mais forte é a ligação e, consequentemente, maior é a energia de ligação e menor o
comprimento de ligação.

1
AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GARCIA DE ORTA

9.
9.1 Opção (B). As restantes são incorretas porque: (A) as ligações C– H na molécula de metano são iguais; (C) o ângulo da ligação C ≡ O é
180o enquanto na molécula de metano é 109,5o; (D) na molécula de metano existem oito eletrões partilhados.
9.2 Opção (B). As restantes são incorretas pois: (A) na molécula de CO são 6 os eletrões partilhados; (C) na molécula de metano existem 8
eletrões ligantes e não existem eletrões não ligantes; (D) a molécula de metano é apolar e a de monóxido de carbono é polar.
9.3
9.3.1 𝐸 = 1,79 × 10−18 × 10−3 × 6,02 × 1023 ⇔ 𝐸 = 1,08 × 103 kJ mol−1 .
9.3.2 𝑀(CO) = 28,01 g mol−1 .
28,01 g CO _______________ 1,08 × 103 kJ
⇔ 270 kJ
7,00 g CO _______________ 𝐸
10.
10.1 N2 H4 : 2 × 5 e− (átomo de N) + 4 × 1 e− (átomo de H), ou seja, possui 14 e− de valência o que corresponde a 7 pares de eletrões.

2
7N: 1𝑠 2𝑠 2 2𝑝3 . N2 possui 10 eletrões de valência (5 de cada átomo de N) o que corresponde a 5 pares de eletrões.

10.2 N2 H4 > N2 , porque a ordem de ligação nitrogénio-nitrogénio é maior em N2 (ordem 3).


10.3 Em N2 , pois apresenta maior ordem de ligação que N2 H4.
11. (A) d. 2; (B) e. 5; (C) a. 4; (D) b. 3; (E) c. 1.
12.
12.1

12.2 Ambas as moléculas de CH4 e de NH3 têm quatro pares de eletrões à volta do átomo central. No caso do metano os quatro pares de
eletrões são ligantes, apontando para os vértices de um tetraedro, sendo, por isso, os ângulos de ligação 109,5°. A molécula de
amoníaco tem à volta do átomo central três pares pares de eletrões ligantes e um par de eletrões não ligante. Como as repulsões PNL–
PNL são maiores que as repulsões PL–PL, o ângulo HN ̂ H é menor que o ângulo de 109,5° (≈ 107°).
13. Opção (C). As restantes são incorretas pois: (A) a ligação iónica é uma ligação por transferência de eletrões; (B) na ligação covalente tripla
existem três pares de eletrões partilhados por dois átomos; (D) quanto menor a ordem de ligação, menor a estabilidade da molécula.
14.
14.1 12X: 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝6 3𝑠 2; 9Y: 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝5; 8Z: 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝4 .
14.2 12X 2+ : 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝6 (10 e− ); 9Y – : 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝6 (10 e− ); 8Z2– : 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝6 (10 e− ).
2+ – 2–
12X , 9Y e 8Z são isoeletrónicos.
14.3 𝑟X2+ < 𝑟Y− < 𝑟Z2− , pois tendo o mesmo número de níveis de energia, o de maior carga nuclear terá menor raio.
14.4 9Y: 1s2 2𝑠 2 2𝑝5 ; 8Z: 1𝑠 2 2𝑠 2 2𝑝4 .
Y tem maior tendência a captar eletrões pois tendo o mesmo número de camadas tem maior carga nuclear, atraindo com maior
facilidade o eletrão a captar.
14.5
14.5.1 Ligação metálica.
14.5.2 Ligação iónica.
14.5.3 Ligação covalente simples.
14.5.4 Ligação covalente dupla.
14.6

14.6.1

14.6.2

Você também pode gostar