Você está na página 1de 13

Guia de instalação do SPED 64 bits

Procedimentos para instalação em um novo servidor

1. Objetivo:
a. Fornecer um guia de instalação do sistema.
b. Definir os requisitos de hardware para instalação do sistema.
c. Definir o esquema de particionamento para instalação do sistema.
d. Guiar a configuração de rede, criação de swapfile e atualização de pacotes.

2. Requisitos de hardware:
Para fins de instalação e uso do SPED, existem os seguintes padrões de requisitos de
hardware a serem observados pelas OM:
a. Mínimo:
1) Requisitos mínimos para o uso. Tais requisitos – como o próprio nome diz – são
adequados para o funcionamento da aplicação em seu mais baixo grau de
performance.
2) É altamente desejável que, em um prazo curto, o administrador do SPED migre
os recursos de hardware para o nível recomendado.
b. Recomendado:
1) Requisitos para o uso da aplicação, com performance adequada para o fim a
que se destina.
2) É aconselhável que, caso sejam observados problemas de performance, o
administrador do SPED forneça mais recursos de hardware – sobretudo
memória RAM e Processadores.

OM até valor Batalhão OM acima de valor Batalhão


Item
Mínimo Recomendado Mínimo Recomendado
Espaço em disco Memória RAM Processador

• 02 Núcleos • 04 Núcleos
• 04 Núcleos • 08 Núcleos
• Arquitetura 64 • Arquitetura 64
• Arquitetura 64 bits • Arquitetura 64 bits
bits bits

04 GB 08 GB ou mais 8 GB 16 GB ou mais

500 GB 750 GB ou mais 750 GB 02 TB ou mais


• Verificar o espaço consumido pelo SGBD de 32 bits (antigo SPED) em uso (em
produção na OM).
◦ Os arquivos do SGBD de 32 bits encontram-se, por padrão, em
/var/lib/postgresql/8.3/main/base/
• Majorar o tamanho, em função do crescimento dos dados.
(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 2/13

OM até valor Batalhão OM acima de valor Batalhão


Item
Mínimo Recomendado Mínimo Recomendado
Placas de rede

• 02 (duas) ou
• 01 (uma) mais • 01 (uma) • 03 (três) ou mais)
• Padrão Gigabit • Padrão • Padrão Gigabit • Padrão Gigabit
Ethernet Gigabit Ethernet Ethernet
Ethernet

3. Procedimentos para instalação:


a. Baixar a imagem ISO do SPED 16.04 amd64 bits no site de suporte do SIGADEx
<http://sigadex.eb.mil.br>;

b. Gravar a imagem ISO em um DVD ou então criar um pendrive inicializável com a


imagem ISO; (Pode-se usar o ‘criador de discos de inicialização’ que vem por
padrão nas distribuições Ubuntu)

c. Inicializar o computador pelo DVD ou pendrive, conforme a opção escolhida;

d. Pressionar ‘Esc’ quando aparecer esta tela:


(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 3/13

e. Selecionar o idioma “Português do Brasil” e pressionar Enter:

f. Selecionar a opção Instalar Ubuntu e pressionar Enter:

g. Na primeira tela de instalação, confirmar o idioma selecionado e clicar em


“Continuar”.
(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 4/13

h. No tipo de instalação, selecionar Opção avançada e clicar em ‘Continuar’:

i. Criar uma partição / (raiz) com 20GB e clicar em ‘OK’:


(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 5/13

j. Criar uma partição /tmp com 2GB e clicar em ‘OK’:

k. Criar uma partição /var com o restante do disco e clicar em ‘OK’: (É nesta partição
que o banco de dados será armazenado, por isso ela deve ter o maior tamanho
possível)
(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 6/13

l. Quando o particionamento estiver concluído, clicar em ‘Instalar agora’:

m. O instador questionará sobre a partição swap. Não será utilizada uma partição para
este fim. Posteriormente o sistema será configurado para fazer swap em arquivo.
Clicar em ‘Continuar”:
(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 7/13

n. Clicar em ‘Continuar’ para escrever as mudanças no disco:

o. Selecionar o fuso horário:


(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 8/13

p. Criar o usuário sped (conforme imagem abaixo), atribuir um nome ao servidor


(nome-do-servidor deve ser substituído por outro nome de sua preferência), criar
uma senha forte e clicar em ‘Continuar’:

q. O instalador iniciará a cópia do sistema para o computador. Caso o instalador tente


atualizar o sistema enquanto instala, clicar em Ignorar, para fazer este
procedimento depois de configurar a rede:
(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 9/13

r. Quando a instalação for concluída, clicar em ‘Reiniciar agora’:

s. Remover a mídia de instalação quando solicitado:


(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 10/13

4. Procedimentos pós instalação:


a. Ao inicializar o servidor pela primeira vez, será necessário configurar a placa de
rede no ambiente de modo texto. Para descobrir o nome da placa de rede no
sistema, no terminal, digite:

$ ifconfig

b. Conforme se pode perceber na resposta do comando, a placa de rede possui


nome “enp0s3” neste exemplo. Verifique qual é o nome da placa de rede no seu
caso e siga para o próximo passo:

c. Editar o arquivo ‘interfaces’, localizado na pasta /etc/network/. O seu conteúdo


original deve ser algo como:

# interfaces (5) file used by ifup(8) and ifdown(8)


auto lo
iface lo inet loopback

d. Alterar o conteúdo do arquivo, acrescentando as linhas a seguir, substituindo o


NOME-PLACA-REDE, IP-SERVIDOR, NET-MASK e IP-GATEWAY pelos dados
correspondentes da sua rede:

# interfaces (5) file used by ifup(8) and ifdown(8)


auto lo NOME-PLACA-REDE
iface lo inet loopback

iface NOME-PLACA-REDE inet static


address IP-SERVIDOR
netmask NET-MASK
gateway IP-GATEWAY

e. Criar um arquivo de 2GB para ser usado como swap:


$ sudo dd if=/dev/zero of=/swapfile bs=1024 count=2097152

f. Caso queira criar o arquivo de swap com 4GB, substitua o count=2097152 por
count=4194304.

g. Preparar o arquivo para ser usado como swap:

$ sudo mkswap /swapfile

h. Ajustar as permissões do arquivo:

$ sudo chmod 0600 /swapfile


(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 11/13

i. Acrescentar as seguintes linhas no final do arquivo /etc/fstab e depois reiniciar o


computador:

# swapfile acrescentado manualmente


/swapfile swap swap defaults 0 0

j. Após a reinicialização, verificar se a swap está em uso:

$ cat /proc/meminfo | grep -i swap

k. A resposta deve ser algo como:

l. Antes de baixar os pacotes de idioma e atualizar o sistema, dependendo das


configurações da rede local, pode ser necessário configurar o Proxy para o
gerenciador de pacotes. Abrir um terminal e com seu editor preferido criar um
arquivo chamado 00proxy na pasta /etc/apt/apt.conf.d/:
(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 12/13

m. Colocar o conteúdo abaixo no arquivo, substituindo IP-DO-PROXY pelo IP do seu


servidor proxy e IP-ACESSO-DIRETO pelo IP para acesso sem proxy (se houver).
Caso seja necessário, trocar a porta do proxy.

Acquire{
HTTP::proxy "http://IP-DO-PROXY:3128";
HTTPS::proxy "http://IP-DO-PROXY:3128";
FTP::proxy "http://IP-DO-PROXY:3128";
HTTP::proxy::IP-ACESSO-DIRETO "DIRECT";//se houver
}

n. Atualizar a lista de pacotes com o comando:

$ sudo apt update

o. Atualizar os pacotes de idioma clicando em ‘Executar esta ação agora’;


(Continuação do Guia Rápido de Instalação do SPED 16.04 64 bits…………………………… pág 13/13

p. Instalar as atualizações do sistema clicando em ‘Instalar agora’:

q. Caso prefira, a ação anterior pode ser executada pelo terminal:

$ sudo apt upgrade

r. Caso seja questionado sobre modificações no arquivo de configuração do grub,


selecionar a opção “manter a versão local atualmente instalada”.

s. Caso deseje fazer acesso remoto ao servidor, instale o pacote OpenSSH:


$ sudo apt install openssh-server

t. Ao término destes passos, o SPED 16.04 amd64 estará pronto para uso, apenas
com o usuário admin_sped cadastrado na base de dados. A senha padrão é a
‘adminebsped’, sem as aspas. Para migração dos dados do SPED 32bits, consulte
o guia de migração do SPED 32 bits para SPED 64 bits.

u. Para testar localmente, basta abrir o navegador e acessar http://localhost/sped ou


https://localhost/sped.

v. Recomenda-se desabilitar o ambiente gráfico XFCE no servidor:

$ sudo xfce-sped off

w. Se o teclado estiver desconfigurado no modo texto, reconfigure-o com o seguinte


comando:

$ sudo dpkg-reconfigure keyboard-configuration

x. Com o ambiente gráfico desabilitado, caso seja necessário iniciar uma sessão
gráfica temporária, basta utilizar o comando:

$ startx

y. Caso seja necessário habilitar a inicialização gráfica novamente, executar o


seguinte comando:

$ sudo xfce-sped on

Você também pode gostar