Você está na página 1de 2

Antes de aprendermos a orar devemos ter uma noção exata de quem é Deus.

O latim Deus e divus, assim como o grego διϝος = "divino" descendem do Proto-Indo-
Europeu*deiwos = "divino".

Ele pode ser conhecido


Deus, que criou o universo em toda a sua imensidão e detalhes criativos, pode ser conhecido por
nós. Ele nos conta sobre si mesmo, mas também nos revela muito mais. Deus nos convida a ter um
relacionamento com ele, onde podemos conhecê-lo pessoalmente. Não somente podemos aprender
sobre ele, como podemos conhecê-lo, intimamente.
“Não se glorie o homem sábio em sua sabedoria nem o forte em sua força nem o rico em sua
riqueza, mas quem se gloriar, glorie-se nisto: em compreender-me e conhecer-me, pois Eu sou o
Senhor e ajo com lealdade, com justiça e com retidão sobre a terra, pois é dessas coisas que me
agrado”, declara o Senhor. (Jeremias 9:23, 24) NVI
Ele é Acessível
Deus nos convida a conversarmos com ele e deixá-lo saber de tudo o que nos preocupa. Nós não
precisamos primeiro consertar as nossas atitudes. Também não precisamos ser educados,
teologicamente corretos ou santos. É da própria natureza de Deus ser amável e receptivo quando
vamos até Ele.
“O Senhor está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam com sinceridade”.
(Salmos 145:18) NVI
DEUS É A CONSCIÊNCIA DIVINA DO TODO

O que é a consciência de Deus?

Primeiro vamos entender o que é a consciência: Consciência é uma qualidade psíquica, isto é, que
pertence à esfera da psique (alma) humana, por isso diz-se também que ela é um atributo do
espírito, da mente, ou do pensamento humano, é com ele que a mente, o seu pensamento sabe o que
que é certo e o que é errado, o que é bom e o que é ruim.

“O espírito aquece o corpo e a alma dá sentido à vida” OJR

Existe a consciência individual de cada um, existe a consciência coletiva, de um grupo de seres
humanos, como a família, o como o de uma igreja, como a Igreja da Paz, a consciência de um
cidade, a consciência coletiva de todos os cristãos, a de todos os seres humanos, a de todos os seres
vivos e juntando-se a isso o espírito puro, limpo, desconecto da carne, disperso pelo ar e pela
atmosfera, se juntarmos tudo isso, teremos a consciência de Deus.

Deus é omnipotente, por que ele sabe de tudo, ele sabe de tudo, por que é omnisciente, esta em
todos os lugares, ele ouve tudo, ele sente tudo, ele esta em todos os lugares por que ele é o espírito
divino do mundo, ele é omnipresente.

Ao praticar a oração entenda que seu único objetivo deve ser primeiro silenciar a mente, parar com
sua agitação e com a sucessão de pensamentos que normalmente ocorre, para então nos
concentrarmos em Deus.
Quando se consegue alcançar o silêncio absoluto da mente, ou seja, a ausência total de
pensamentos, é que experimentamos o Vazio Iluminador, a liberdade da alma do mundo.
Quanto mais se pratica a oração mais a mente vai se aquietando, e mais perto estaremos de alcançar
o Espírito Divino.

Um bom exercício para relaxar é contar as suas respirações até cem, depois faça uma oração, repita-
a quantas vezes forem necessárias, até que sua mente esteja focada em Deus, depois faça seus
pedidos e espere pela graça.

Att. Ojr.