Você está na página 1de 13

Centro Universitário Alfredo Nasser

Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas


CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

ÉTICA DAS PROFISSÕES JURÍDICAS


PROFESSORA: LORENA AYRES
TURMA DNC9
ROTEIRO DE AULA

APRESENTAÇÃO:
EXAME DE ORDEM:

Disciplinas profissionalizantes obrigatórias e integrantes do


curso de Direito, fixadas pela Resolução n. 9, de 29 de
setembro de 2004, da CES/CNE, Direitos Humanos, Código
Área de
do Consumidor, Estatuto da Criança e do Adolescente,
conhecimento
Direito Ambiental, Direito Internacional, Filosofia do
Direito, bem como Estatuto da Advocacia e da OAB, seu
Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.
Número de questões 80 (oitenta)
Caráter Eliminatório

Redação de peça profissional e aplicação de quatro


Área de conhecimento questões, sob a forma de situações-problema,
compreendendo as seguintes áreas de opção do
examinando, quando da sua inscrição: Direito
Administrativo, Direito Civil, Direito Constitucional,
Direito
Empresarial, Direito Penal, Direito do Trabalho ou
Direito
Tributário e do seu correspondente direito
processual.
Conforme Anexo II.
Uma Peça Profissional e quatro questões escritas
Número de questões
discursivas
Caráter Eliminatório

3.4.1.1. A prova objetiva conterá, no mínimo, 15% (quinze por cento) de


questões versando sobre Estatuto da Advocacia e da OAB e seu
Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

Regulamento Geral, Código de Ética e Disciplina, Direitos Humanos e


Filosofia do Direito.

DISCIPLINAS 1ª FASE EXAME DE ORDEM

 Direito Administrativo;
 Direito Civil;
 Direito Processual Civil;
 Direito Constitucional;
 Direito Empresarial;
 Direito Penal;
 Direito Processual Penal;
 Direito do Trabalho;
 Direito Processual do Trabalho;
 Direito Tributário;
 Direitos Humanos;
 Código de Defesa do Consumidor;
 Estatuto da Criança e do Adolescente;
 Direito Ambiental;
 Direito Internacional;
 Filosofia do Direito;
 Estatuto da Advocacia;
 Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.

TEMOS QUE GABARITAR 8 QUESTÕES!!!


Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

TÍTULO I

DA ADVOCACIA

CAPÍTULO I

DA ATIVIDADE DE ADVOCACIA

ART. 1º SÃO ATIVIDADES PRIVATIVAS DE ADVOCACIA:

I - A POSTULAÇÃO A QUALQUER ÓRGÃO DO PODER JUDICIÁRIO E AOS


JUIZADOS ESPECIAIS; (VIDE ADIN 1.127-8)

II - AS ATIVIDADES DE CONSULTORIA, ASSESSORIA E DIREÇÃO


JURÍDICAS.

§ 1º NÃO SE INCLUI NA ATIVIDADE PRIVATIVA DE ADVOCACIA A


IMPETRAÇÃO DE HABEAS CORPUS EM QUALQUER INSTÂNCIA OU
TRIBUNAL.

§ 2º OS ATOS E CONTRATOS CONSTITUTIVOS DE PESSOAS JURÍDICAS,


SOB PENA DE NULIDADE, SÓ PODEM SER ADMITIDOS A REGISTRO, NOS
ÓRGÃOS COMPETENTES, QUANDO VISADOS POR ADVOGADOS.

§ 3º É VEDADA A DIVULGAÇÃO DE ADVOCACIA EM CONJUNTO COM


OUTRA ATIVIDADE.

 ATOS PRIVATIVOS DE ADVOGADO:


Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

 POSTULAR – JUDICIÁRIO

 CONSULTORIA JURÍDICA/ASSESSORIA/DIRETORIA JURÍDICA

 JUS POSTULANDI

ART. 2º O ADVOGADO É INDISPENSÁVEL À ADMINISTRAÇÃO DA


JUSTIÇA.

§ 1º NO SEU MINISTÉRIO PRIVADO, O ADVOGADO PRESTA SERVIÇO


PÚBLICO E EXERCE FUNÇÃO SOCIAL.

§ 2º NO PROCESSO JUDICIAL, O ADVOGADO CONTRIBUI, NA


POSTULAÇÃO DE DECISÃO FAVORÁVEL AO SEU CONSTITUINTE, AO
CONVENCIMENTO DO JULGADOR, E SEUS ATOS CONSTITUEM MÚNUS
PÚBLICO.

§ 3º NO EXERCÍCIO DA PROFISSÃO, O ADVOGADO É INVIOLÁVEL POR


SEUS ATOS E MANIFESTAÇÕES, NOS LIMITES DESTA LEI.

 ATUAÇÃO DO ADVOGADO E DO ESTAGIÁRIO

 PETIÇÃO DE JUNTADA

 CARGA DE PROCESSO

 CERTIDÃO DO ESTADO

 ATO EXTRAJUDICIAL

 ART. 29 REGULAMENTO GERAL:


Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

ART. 29. OS ATOS DE ADVOCACIA, PREVISTOS NO ART. 1º DO


ESTATUTO, PODEM SER SUBSCRITOS POR ESTAGIÁRIO INSCRITO NA
OAB, EM CONJUNTO COM O ADVOGADO OU O DEFENSOR PÚBLICO.

§ 1º O ESTAGIÁRIO INSCRITO NA OAB PODE PRATICAR ISOLADAMENTE


OS SEGUINTES ATOS, SOB A RESPONSABILIDADE DO ADVOGADO:

I – RETIRAR E DEVOLVER AUTOS EM CARTÓRIO, ASSINANDO A


RESPECTIVA CARGA;

II – OBTER JUNTO AOS ESCRIVÃES E CHEFES DE SECRETARIAS


CERTIDÕES DE PEÇAS OU AUTOS DE PROCESSOS EM CURSO OU
FINDOS;

III – ASSINAR PETIÇÕES DE JUNTADA DE DOCUMENTOS A PROCESSOS


JUDICIAIS OU ADMINISTRATIVOS.

§ 2º PARA O EXERCÍCIO DE ATOS EXTRAJUDICIAIS, O ESTAGIÁRIO


PODE COMPARECER ISOLADAMENTE, QUANDO RECEBER
AUTORIZAÇÃO OU SUBSTABELECIMENTO DO ADVOGADO.

ART. 3º O EXERCÍCIO DA ATIVIDADE DE ADVOCACIA NO TERRITÓRIO


BRASILEIRO E A DENOMINAÇÃO DE ADVOGADO SÃO PRIVATIVOS DOS
INSCRITOS NA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL (OAB),

§ 1º EXERCEM ATIVIDADE DE ADVOCACIA, SUJEITANDO-SE AO REGIME


DESTA LEI, ALÉM DO REGIME PRÓPRIO A QUE SE SUBORDINEM, OS
INTEGRANTES DA ADVOCACIA-GERAL DA UNIÃO, DA PROCURADORIA
DA FAZENDA NACIONAL, DA DEFENSORIA PÚBLICA E DAS
Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

PROCURADORIAS E CONSULTORIAS JURÍDICAS DOS ESTADOS, DO


DISTRITO FEDERAL, DOS MUNICÍPIOS E DAS RESPECTIVAS ENTIDADES
DE ADMINISTRAÇÃO INDIRETA E FUNDACIONAL. (VIDE ADIN 4636)
(VIDE ADIN 6021)

§ 2º O ESTAGIÁRIO DE ADVOCACIA, REGULARMENTE INSCRITO, PODE


PRATICAR OS ATOS PREVISTOS NO ART. 1º, NA FORMA DO REGIMENTO
GERAL, EM CONJUNTO COM ADVOGADO E SOB RESPONSABILIDADE
DESTE.

ART. 3º-A. OS SERVIÇOS PROFISSIONAIS DE ADVOGADO SÃO, POR


SUA NATUREZA, TÉCNICOS E SINGULARES, QUANDO COMPROVADA
SUA NOTÓRIA ESPECIALIZAÇÃO, NOS TERMOS DA LEI. (INCLUÍDO
PELA LEI Nº 14.039, DE 2020)

PARÁGRAFO ÚNICO. CONSIDERA-SE NOTÓRIA ESPECIALIZAÇÃO O


PROFISSIONAL OU A SOCIEDADE DE ADVOGADOS CUJO CONCEITO NO
CAMPO DE SUA ESPECIALIDADE, DECORRENTE DE DESEMPENHO
ANTERIOR, ESTUDOS, EXPERIÊNCIAS, PUBLICAÇÕES, ORGANIZAÇÃO,
APARELHAMENTO, EQUIPE TÉCNICA OU DE OUTROS REQUISITOS
RELACIONADOS COM SUAS ATIVIDADES, PERMITA INFERIR QUE O SEU
TRABALHO É ESSENCIAL E INDISCUTIVELMENTE O MAIS ADEQUADO À
PLENA SATISFAÇÃO DO OBJETO DO CONTRATO. (INCLUÍDO PELA LEI
Nº 14.039, DE 2020)

ART. 4º SÃO NULOS OS ATOS PRIVATIVOS DE ADVOGADO PRATICADOS


POR PESSOA NÃO INSCRITA NA OAB, SEM PREJUÍZO DAS SANÇÕES
CIVIS, PENAIS E ADMINISTRATIVAS.

PARÁGRAFO ÚNICO. SÃO TAMBÉM NULOS OS ATOS PRATICADOS POR


ADVOGADO IMPEDIDO - NO ÂMBITO DO IMPEDIMENTO - SUSPENSO,
Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

LICENCIADO OU QUE PASSAR A EXERCER ATIVIDADE INCOMPATÍVEL


COM A ADVOCACIA.

ART. 5º O ADVOGADO POSTULA, EM JUÍZO OU FORA DELE, FAZENDO


PROVA DO MANDATO.

§ 1º O ADVOGADO, AFIRMANDO URGÊNCIA, PODE ATUAR SEM


PROCURAÇÃO, OBRIGANDO-SE A APRESENTÁ-LA NO PRAZO DE
QUINZE DIAS, PRORROGÁVEL POR IGUAL PERÍODO.

§ 2º A PROCURAÇÃO PARA O FORO EM GERAL HABILITA O ADVOGADO


A PRATICAR TODOS OS ATOS JUDICIAIS, EM QUALQUER JUÍZO OU
INSTÂNCIA, SALVO OS QUE EXIJAM PODERES ESPECIAIS.

§ 3º O ADVOGADO QUE RENUNCIAR AO MANDATO CONTINUARÁ,


DURANTE OS DEZ DIAS SEGUINTES À NOTIFICAÇÃO DA RENÚNCIA, A
REPRESENTAR O MANDANTE, SALVO SE FOR SUBSTITUÍDO ANTES DO
TÉRMINO DESSE PRAZO.

HIERARQUIA DAS NORMAS:

 1 – CONSTITUIÇÃO FEDERAL (ART. 5º, XIII E 133);

 2- EOAB – LEI ORDINÁRIA

 3- CÓDIGO DE ÉTICA E REGULAMENTO GERAL – ATO INFRALEGAL DO


CFOAB;

 4- REQUISITOS: (ARTS. 8º E 9º)


Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

ART. 8º PARA INSCRIÇÃO COMO ADVOGADO É NECESSÁRIO:

I - CAPACIDADE CIVIL;

II - DIPLOMA OU CERTIDÃO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO, OBTIDO EM


INSTITUIÇÃO DE ENSINO OFICIALMENTE AUTORIZADA E CREDENCIADA;

ARTIGO 23 DO REGULAMENTO OAB;

O EXERCÍCIO DA PROFISSÃO É RELATIVIZADO;

III - TÍTULO DE ELEITOR E QUITAÇÃO DO SERVIÇO MILITAR, SE


BRASILEIRO;

E O ADVOGADO ESTRANGEIRO?

E A CONSULTORIA?

PROVIMENTO 91/2000 CFOAB;

E O ADVOGADO PORTUGUÊS?

IV - APROVAÇÃO EM EXAME DE ORDEM;

QUEM DITA AS REGRAS DO JOGO? CFOAB;

TODA SECCIONAL TEM OBRIGATORIEDADE DAS SEGUINTES


COMISSÕES: COMISSÃO DE ESTÁGIO E EXAME DE ORDEM; COMISSÃO
DE DIREITOS HUMANOS E COMISSÃO DE FINANÇAS E ORÇAMENTO.

V - NÃO EXERCER ATIVIDADE INCOMPATÍVEL COM A ADVOCACIA;


Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

ART. 28 EOAB;

VI - IDONEIDADE MORAL;

HONESTIDADE;

PROBIDADE;

VII - PRESTAR COMPROMISSO PERANTE O CONSELHO.

§ 1º O EXAME DA ORDEM É REGULAMENTADO EM PROVIMENTO DO


CONSELHO FEDERAL DA OAB.

§ 2º O ESTRANGEIRO OU BRASILEIRO, QUANDO NÃO GRADUADO EM


DIREITO NO BRASIL, DEVE FAZER PROVA DO TÍTULO DE GRADUAÇÃO,
OBTIDO EM INSTITUIÇÃO ESTRANGEIRA, DEVIDAMENTE REVALIDADO,
ALÉM DE ATENDER AOS DEMAIS REQUISITOS PREVISTOS NESTE
ARTIGO.

§ 3º A INIDONEIDADE MORAL, SUSCITADA POR QUALQUER PESSOA,


DEVE SER DECLARADA MEDIANTE DECISÃO QUE OBTENHA NO
MÍNIMO DOIS TERÇOS DOS VOTOS DE TODOS OS MEMBROS DO
CONSELHO COMPETENTE, EM PROCEDIMENTO QUE OBSERVE OS
TERMOS DO PROCESSO DISCIPLINAR.

§ 4º NÃO ATENDE AO REQUISITO DE IDONEIDADE MORAL AQUELE QUE


TIVER SIDO CONDENADO POR CRIME INFAMANTE, SALVO
REABILITAÇÃO JUDICIAL.

ART. 9º PARA INSCRIÇÃO COMO ESTAGIÁRIO É NECESSÁRIO:


Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

I - PREENCHER OS REQUISITOS MENCIONADOS NOS INCISOS I, III, V, VI


E VII DO ART. 8º;

II - TER SIDO ADMITIDO EM ESTÁGIO PROFISSIONAL DE ADVOCACIA.

§ 1º O ESTÁGIO PROFISSIONAL DE ADVOCACIA, COM DURAÇÃO DE


DOIS ANOS, REALIZADO NOS ÚLTIMOS ANOS DO CURSO JURÍDICO,
PODE SER MANTIDO PELAS RESPECTIVAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO
SUPERIOR PELOS CONSELHOS DA OAB, OU POR SETORES, ÓRGÃOS
JURÍDICOS E ESCRITÓRIOS DE ADVOCACIA CREDENCIADOS PELA OAB,
SENDO OBRIGATÓRIO O ESTUDO DESTE ESTATUTO E DO CÓDIGO DE
ÉTICA E DISCIPLINA.

§ 2º A INSCRIÇÃO DO ESTAGIÁRIO É FEITA NO CONSELHO SECCIONAL


EM CUJO TERRITÓRIO SE LOCALIZE SEU CURSO JURÍDICO.

§ 3º O ALUNO DE CURSO JURÍDICO QUE EXERÇA ATIVIDADE


INCOMPATÍVEL COM A ADVOCACIA PODE FREQÜENTAR O ESTÁGIO
MINISTRADO PELA RESPECTIVA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR,
PARA FINS DE APRENDIZAGEM, VEDADA A INSCRIÇÃO NA OAB.

§ 4º O ESTÁGIO PROFISSIONAL PODERÁ SER CUMPRIDO POR


BACHAREL EM DIREITO QUE QUEIRA SE INSCREVER NA ORDEM.

5- INCOMPATIBILIDADES E IMPEDIMENTOS (ARTS. 28,29 E 30);

QUESTÕES :
Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

1- CONSIDERANDO AS DISPOSIÇÕES DA LEI Nº 8.906/94, ASSINALE A


ALTERNATIVA QUE VIOLE AS REGRAS ATINENTES À ATIVIDADE
ADVOCATÍCIA.

A) A IMPETRAÇÃO DE HABEAS CORPUS NÃO CONSTITUI ATIVIDADE


PRIVATIVA DA ADVOCACIA.

B) PERDENDO QUALQUER UM DOS REQUISITOS PARA SUA INSCRIÇÃO,


SUPORTARÁ O ADVOGADO O CANCELAMENTO DA MESMA.

C) AS PROCURAÇÕES DEVEM SER OUTORGADAS INDIVIDUALMENTE


AOS ADVOGADOS, DISPENSANDO-SE, A CRITÉRIO DO ADVOGADO, A
INDICAÇÃO DA SOCIEDADE DE QUE FAÇAM PARTE, DADO O CARÁTER
PESSOAL DO ATO.

D) O ADVOGADO EMPREGADO, NO EXERCÍCIO DA PROFISSÃO, NÃO


PODERÁ TER JORNADA COM DURAÇÃO DIÁRIA SUPERIOR A 4
(QUATRO) HORAS CONTÍNUAS E A DE 20 (VINTE) HORAS SEMANAIS,
SALVO ACORDO OU CONVENÇÃO COLETIVA OU EM CASO DE
DEDICAÇÃO EXCLUSIVA.

2- O Estatuto da Advocacia da Ordem dos Advogados do Brasil, lei 8.906/1994,


prevê em seu art. 8º, inciso IV e § 1º, que “para inscrição como advogado é
necessário” haver “aprovação em exame de ordem”, “regulamentado em
provimento do Conselho Federal da OAB”. Essa exigência é:

A) Constitucional, ainda que se trate de matéria reservada à lei complementar.

B) Inconstitucional, apenas no que se refere à atribuição de competência ao


Conselho Federal da OAB para regulamentar o exame, por se tratar de
Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

condicionamento à liberdade de exercício profissional que somente a lei


poderia estabelecer.

C) Inconstitucional, por estabelecer condicionamento prévio à liberdade de


exercício profissional.

D) Constitucional, por ser compatível tanto com a exigência legal para o


estabelecimento de condições para o exercício profissional, como com a
finalidade institucional do exercício da advocacia como função essencial à
justiça.

E) Inconstitucional, por transbordar dos limites de regulação do exercício


profissional, ao afetar a própria escolha profissional, que não pode sofrer
condicionamentos, nos termos da Constituição.

3- Sobre a advocacia, é correto afirmar:

A) Salvo em causa própria, a advocacia é incompatível com a atividade


exercida por militares na ativa.

B) São impedidos de exercê-la os servidores da Administração direta, indireta e


fundacional contra a Fazenda Pública.

C) É incompatível o exercício da advocacia com o exercício de mandado eletivo


de deputado estadual.

D) A incompatibilidade determina a proibição parcial, e o impedimento a


proibição total do exercício da advocacia.

E) Os Procuradores Gerais, Advogados Gerais, Defensores Gerais e dirigentes


de órgãos jurídicos da Administração pública direta, indireta e fundacional são
Centro Universitário Alfredo Nasser
Av. Bela Vista nº 26 - Jardim das Esmeraldas
CEP: 74905-020 – Aparecida de Goiânia - GO
www.unifan.edu.br

exclusivamente legitimados para o exercício da advocacia vinculada à função


que exerçam, durante o período da investidura.

Você também pode gostar