Você está na página 1de 14

PREFEITURA MUNICIPAL CONCURSO

DE TERESÓPOLIS
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
PÚBLICO
PROFESSOR DE EDUCAÇÃO CADERNO 2
BÁSICA I GABARITO 2
GEOGRAFIA APLICAÇÃO MANHÃ
GEO06
AGENDA

LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES


¾ 28/02/2011, divulgação do
gabarito da Prova objetiva:
1 - A duração da prova é de 4 horas, já incluído o tempo de http://concursos.biorio.org.br
preenchimento do cartão de respostas.
2 - O candidato que, na primeira hora de prova, se ausentar da ¾ 03 e 04/03/2011, recursos
sala e a ela não retornar, será eliminado. contra formulação e conteúdos da
3 - Os três últimos candidatos a terminar a prova deverão Prova Objetiva na Internet:
http://concursos.biorio.org.br
permanecer na sala e somente poderão sair juntos do recinto,
após aposição em ata de suas respectivas assinaturas.
4 - Você poderá levar o seu caderno de questões faltando 1 hora ¾ 22/03/2011, divulgação do
para o término da Prova. resultado da análise dos recursos
Erro de Impressão (desconsiderado, pois item 9.7.d do Edital não permite da Prova Objetiva.
que o candidato leve seu Caderno de Questões ao final da prova).

INSTRUÇÕES - PROVA OBJETIVA ¾ 23/03/2011, divulgação do


Resultado Final da Prova
1 - Confira atentamente se este caderno de perguntas, que contém Objetiva.
60 questões objetivas, está completo.
¾ Informações:
2 - Confira se seus dados e o cargo e especialidade escolhido, Tel: 21 3525-2480 das 9 às 17h.
indicados no cartão de respostas, estão corretos. Se notar
qualquer divergência, notifique imediatamente o Fiscal/Chefe Internet:
Local. Terminada a conferência, você deve assinar o cartão de http://concursos.biorio.org.br
respostas no espaço apropriado.
E-mail:
3 - Cuide de seu cartão de respostas. Ele não pode ser rasurado,
teresopolis2011@biorio.org.br
amassado, dobrado nem manchado.
4 - Para cada questão objetiva são apresentadas cinco alternativas
de respostas, apenas uma das quais está correta. Você deve
assinalar essa alternativa de modo contínuo e denso.
5 - Se você marcar mais de uma alternativa, sua resposta será
considerada errada mesmo que uma das alternativas indicadas
seja a correta.
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
LÍNGUA PORTUGUESA 01 – A tese fundamental do texto em questão é a seguinte:
TEXTO
(A) o livro será substituído por um artefato que vier
O livro não morrerá (fragmento) salvaguardar certa pureza estética;
(B) o livro será substituído por outro objeto cuja
Jean-Claude Carrière: Na última cúpula de Davos, em tecnologia será mais apurada;
2008, a propósito dos fenômenos que irão abalar a (C) o livro só será substituído se o computador cair em
humanidade nos próximos 15 anos, um futurólogo consultado desuso;
propunha deter-se apenas nos quatro principais, que lhe (D) o livro não será substituído a não ser por algum outro
pareciam inexoráveis. O primeiro é um barril de petróleo a similar suporte de leitura;
500 dólares. O segundo diz respeito à água, fadada a tornar-se (E) o livro não será substituído a não ser por um
um produto comercial de troca exatamente como o petróleo. computador mais arrojado.
Teremos cotação da água na Bolsa. A terceira previsão refere-
se à África, que se tornará seguramente uma potência
econômica nas próximas décadas, o que todos desejamos.
O quarto fenômeno, segundo esse profeta profissional, é o 02 – As palavras abaixo em negrito podem ser
desaparecimento do livro. substituídas, respectivamente, pelos seguintes sinônimos,
Portanto, a questão é saber se a evaporação definitiva do sem prejuízo do sentido original que reside no texto:
livro, se ele de fato vier a desaparecer, pode ter consequências,
para a humanidade, análogas às da escassez prevista da água, Portanto, a questão é saber se a evaporação definitiva do
por exemplo, ou de um petróleo inacessível. livro, se ele de fato vier a desaparecer, pode ter
Umberto Eco: O livro irá desaparecer em virtude do consequências, para a humanidade, análogas às da
surgimento da Internet? Escrevi sobre o assunto na época, isto
escassez prevista da água, por exemplo, ou de um petróleo
é, no momento em que a questão parecia pertinente. Agora,
sempre que me pedem para eu me pronunciar, não faço senão inacessível. (3º parágrafo)
reescrever o mesmo texto. Ninguém percebe isso,
principalmente porque nada mais inédito do que o que foi (A) parecidas; compreensível.
publicado; e, depois, porque a opinião pública (ou pelo menos (B) parecidas; insensível.
os jornalistas) tem sempre essa ideia fixa de que o livro vai (C) parecidas; inatingível.
desaparecer (ou então são esses jornalistas que acham que seus (D) distintas; insensível.
leitores têm essa ideia fixa) e cada um formula (E) distintas; inatingível.
incansavelmente a mesma indagação.
Na realidade, há muito pouca coisa a dizer sobre o
assunto. Com a Internet, voltamos à era alfabética. Se um dia
acreditamos ter entrado na civilização das imagens, eis que o 03 – No fragmento abaixo destacado, encontramos a
computador nos reintroduz na galáxia de Gutenberg, e seguinte figura de linguagem:
doravante todo mundo vê-se obrigado a ler. Para ler, é preciso
um suporte. Esse suporte não pode ser apenas o computador. O livro é como a colher, o martelo, a roda ou a tesoura.
Passe duas horas lendo um romance em seu computador, e (6º parágrafo)
seus olhos viram bolas de tênis. Tenho em casa óculos
polaróides que protegem meus olhos contra os danos de uma (A) antítese;
leitura contínua na tela. A propósito, o computador depende
(B) metonímia;
da eletricidade e não pode ser lido numa banheira, tampouco
deitado na cama. Logo, o livro se apresenta como uma (C) personificação;
ferramenta mais flexível. (D) metáfora;
Das duas, uma: ou o livro permanecerá o suporte da (E) símile.
leitura, ou existirá alguma coisa similar ao que o livro nunca
deixou de ser, mesmo antes da invenção da tipografia. As
variações em torno do objeto livro não modificaram sua 04 – Assinale o item em que se indica corretamente a
função, nem sua sintaxe, em mais de quinhentos anos. O livro função sintática do termo grifado em “Na realidade, há
é como a colher, o martelo, a roda ou a tesoura. Uma vez muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.” (5º parágrafo)
inventados, não podem ser aprimorados. Você não pode fazer
uma colher melhor que uma colher. Designers tentam
melhorar, por exemplo, o saca-rolhas, com sucessos bem (A) predicativo do sujeito;
modestos, e, por sinal, a maioria nem funciona direito. (B) sujeito;
Philippe Starck tentou inovar do lado dos espremedores de (C) objeto direto;
limão, mas o dele (para salvaguardar certa pureza estética) (D) adjunto adnominal;
deixa passar os caroços. (E) adjunto adverbial.
O livro venceu seus desafios e não vemos como, para o
mesmo uso, poderíamos fazer algo melhor que o próprio livro.
Talvez ele evolua em seus componentes, talvez as páginas não
sejam mais de papel. Mas ele permanecerá o que é.

(CARRIÈRE, Jean- Claude & ECO, Umberto. (trad. André Telles). Não contem com o
fim do livro. Rio de Janeiro: Record, 2010. páginas 07-09.)

2
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
05 – O fragmento do texto em que foi assinalada a 09 – A correta apreciação da concordância nominal
conjunção é: efetuada em “Uma vez inventados, não podem ser
aprimorados.” (6º parágrafo) é a seguinte:
(A) “Você não pode fazer uma colher melhor que uma
colher.” (6º parágrafo) (A) também é lícito, nesse caso, fazer a concordância
(B) “A terceira previsão refere-se à África...” (1º parágrafo) apenas no masculino singular;
(C) “O quarto fenômeno, segundo esse profeta profissional, é (B) o uso do masculino plural nos dois vocábulos se
o desaparecimento do livro.” (2º parágrafo) justifica porque todos eles concordam com a
(D) “O livro irá desaparecer em virtude do surgimento da sequência de substantivos mencionados
Internet?” (4º parágrafo) anteriormente: a colher, o martelo, a roda ou a
(E) “Ninguém percebe isso, principalmente porque nada mais tesoura;
inédito do que o que foi publicado...” (4º parágrafo) (C) o uso do masculino plural nos dois vocábulos não se
justifica porque nem todos eles concordam com a
sequência de substantivos mencionados
06 – Observe o fragmento abaixo destacado: anteriormente: a colher, o martelo, a roda ou a
tesoura;
Passe duas horas lendo um romance em seu computador, e (D) o uso do masculino plural nos dois vocábulos se
seus olhos viram bolas de tênis. (5º parágrafo) justifica apenas por ser uma tradição desse emprego
mais generalizante da língua;
(E) o uso do masculino plural nos dois vocábulos não se
Em relação à expressão “bolas de tênis” é correto afirmar que: justifica por nenhum aspecto, o autor cometeu um
erro.
(A) não foi empregada em nenhum sentido especial;
(B) foi empregada em sentido denotativo, sem qualquer uso
estilístico; 10 – Ao final da leitura do texto, é possível afirmar o
(C) foi empregada em sentido conotativo, uma vez que foi seguinte sobre as ideias veiculadas por Umberto Eco:
empregado o sentido figurado;
(D) foi empregada em sentido denotativo; (A) ele se contradiz frente aos próprios argumentos;
(E) foi empregada em sentido conotativo, ou seja, em seu (B) ele toma uma posição confusa diante da questão do
sentido próprio. debate sobre a possibilidade do desaparecimento do
livro;
(C) ele toma uma posição clichê diante da questão do
07 – O fragmento do texto em que foi apenas assinalado debate sobre a possibilidade do desaparecimento do
numeral é: livro;
(D) ele toma uma posição inesperada, incomum diante da
(A) “Das duas, uma: ou o livro permanecerá o suporte da questão do debate sobre a possibilidade do
leitura, ou existirá alguma coisa similar ao que o livro desaparecimento do livro;
nunca deixou de ser...” (6º parágrafo) (E) ele acaba por não tomar uma posição definitiva diante
(B) “um futurólogo consultado propunha deter-se apenas nos da questão do debate sobre a possibilidade do
quatro principais...” (1º parágrafo) desaparecimento do livro.
(C) “...e cada um formula incansavelmente a mesma
indagação.” (4º parágrafo)
(D) “Se um dia acreditamos ter entrado na civilização das
imagens...” (5º parágrafo)
(E) “Logo, o livro se apresenta como uma ferramenta mais
flexível.” (5º parágrafo)

08 – Se trocarmos o verbo haver pelo verbo ter em “... há


muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.”, a correta
concordância verbal é a seguinte:

(A) teriam tido muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.


(B) têm muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.
(C) tem muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.
(D) tiveram muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.
(E) terão muito pouca coisa a dizer sobre o assunto.

3
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
RACIOCÍNIO LÓGICO 15 – No jogo de basquete, cada cesta marcada vale 1, 2 ou 3
pontos. Numa certa partida, Adriano “Mão-certa” fez 20
cestas, apenas três das quais de 1,0 ponto. Sabendo que
11 – Se todo X é Y e todo Y é Z então: Adriano fez ao menos uma cesta de 2,0 e ao menos uma cesta
de 3,0 pontos, então a quantidade mínima de pontos que
(A) pode ser que todo Z seja X; Adriano marcou, no total, é igual a:
(B) todo Z é Y;
(C) nem todo Y é X; (A) 40;
(D) todo Y é X; (B) 36;
(E) algum X não é Z. (C) 37;
(D) 38;
(E) 39.

12 – Na sequência a seguir, cada termo do terceiro em diante é


obtido a partir dos dois anteriores por meio de uma certa
regra: 16 – Se Alvinho mentiu, então Alvinho foi reprovado. Assim:

132 , 125 , 7 , 118 , 111 , ... (A) se Alvinho não foi reprovado, então Alvinho não mentiu;
(B) se Alvinho não mentiu então não foi reprovado;
O oitavo termo dessa sequência é: (C) se Alvinho foi reprovado então Alvinho não mentiu;
(D) Alvinho mentiu ou foi reprovado;
(A) 569; (E) se Alvinho foi reprovado então Alvinho mentiu.
(B) 111;
(C) 143;
(D) 254;
(E) 457. 17 – A quantidade de ações que cada um dos três sócios de
uma empresa possui é proporcional ao capital inicial investido
por cada um. Os capitais iniciais aplicados foram:
R$ 2.000,00, R$ 3.000,00 e R$ 4.000,00. A quantidade total
de ações em poder dos sócios NÃO pode ser igual a:
13 – Numa certa linguagem interplanetária, o “alfabeto” tem
30 “letras” e as palavras são formadas - como em nossa língua
(A) 54.000;
- pela reunião de “letras”. Nessa linguagem, a quantidade de
(B) 36.000;
palavras de quatro “letras” distintas que podem ser formadas é
(C) 37.800;
igual a:
(D) 45.000;
(E) 48.200.
(A) 30×4 + 29×4 + 28×4 + 27×4;
(B) 30 + 29 + 28 + 27;
(C) 30 + 30 + 30 + 30;
(D) 30×29×28×27; 18 – A negação de “Paulinho é maestro e diretor” é:
(E) 30×30×30×30.
(A) Paulinho é maestro ou é diretor;
(B) Paulinho não é maestro nem diretor;
(C) Paulinho não é maestro ou não é diretor;
14 – Faltando pouco para terminar uma prova de maratona, (D) Paulinho é maestro ou não é diretor;
Maílson estava em nono lugar, uma posição atrás de (E) Paulinho não é maestro ou é diretor.
Edmílson. Maílson deu uma arrancada espetacular no final,
ultrapassou Edmílson e também ultrapassou outros dois
concorrentes, não tendo sido ultrapassado por ninguém nesse
final. Já Edmilson, além de ser ultrapassado por Maílson, foi
ultrapassado por outro corredor e não ultrapassou ninguém
nesse final de prova. Assim, Maílson e Edmilson terminaram a
prova, respectivamente, nas seguintes posições:

(A) 5º e 9º;
(B) 6º e 11º;
(C) 6º e 10º;
(D) 5º e 11º;
(E) 5º e 10º.

4
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
19 – Quando somamos as idades de Artur e Pedro, obtemos FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
60. Quando somamos as idades de Pedro e Túlio, obtemos 57.
Já a soma das idades de Artur e Túlio é 53. A soma das idades
dos três é igual a: 21 – Avalie se os direitos à profissionalização e à proteção no
trabalho do adolescente incluem, dentre outros, os seguintes
(A) 170; aspectos:
(B) 85;
(C) 98; I - Respeito à condição peculiar de pessoa em
(D) 110; desenvolvimento.
(E) 112. II - Capacitação profissional adequada ao mercado de
trabalho.
III - Capacitação específica a sua área de trabalho sob
guarda pública.
20 – Observe os quatro primeiros termos da sequência: IV - Escolarização adequada e de qualidade.
V - Remuneração ao trabalho laborial de acordo com o
A1b , B3c , C5d , D7e , ... desenvolvimento pedagógico do trabalhador.

Estão corretos os itens:


O sexto termo é:
(A) I e V;
(A) G13h; (B) I e II;
(B) G11h; (C) I e III;
(C) F11g; (D) II e IV;
(D) H13i; (E) II e III.
(E) F13g.

22 – O ensino está centrado na pessoa, o que implica orientá-


lo para a experiência pessoal, de modo que ela possa
estruturar-se e agir. Essa abordagem descreve a aprendizagem
denominada:

(A) sócio-interacionista;
(B) cognitivista;
(C) comportamentalista;
(D) humanista;
(E) tradicional.

23 – A educação inclusiva pressupõe algumas ações do


professor que podem criar uma relação com os alunos marcada
pela participação, maturidade, criatividade e inclusão. Como
exemplos dessas ações incluem-se as seguintes, EXCETO:

(A) relacionar os temas estudados com as vivências dos


alunos;
(B) respeitar e fazer respeitar diferenças de opinião;
(C) favorecer situações em classe para que o aluno se sinta à
vontade para expressar suas opiniões, seus pontos de vista
e seus sentimentos;
(D) incentivar a participação, a iniciativa, a cooperação dos
alunos entre si;
(E) elogiar o aluno cujas ideias são repetições da fala dos
professores.

5
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
24 – Ao utilizar as técnicas de prova discursiva, de múltipla 27 – Relacione os objetivos citados a seguir com seus
escolha, com consulta e com questões de lacunas, o docente respectivos exemplos.
deseja avaliar os objetivos:
Objetivos
(A) comportamentais; 1- objetivos de conhecimentos
(B) de habilidades; 2- objetivos de habilidades
(C) cognitivos; 3- objetivos de atitudes
(D) atitudinais;
(E) programáticos. Exemplos
( ) relacionar fatos, conceitos e princípios;
( ) descobrir, experimentar e organizar trabalhos;
25 – O Projeto Político Pedagógico é entendido como a ( ) usar a criatividade, integração de conhecimentos e
própria organização do trabalho pedagógico da escola. A curiosidade científica;
construção do projeto político pedagógico parte dos seguintes ( ) relacionar informações, comparar fatos e trabalhar
princípios, EXCETO: em equipe;
( ) utilizar a comunicação, a co-responsabilidade pela
(A) educação continuada; aprendizagem, capacidade crítica.
(B) acomodação de liberdade;
(C) liberdade de ações;
(D) gestão democrática; Os exemplos dados correspondem respectivamente aos
(E) qualidade de ensino. objetivos:

(A) 1,2,3,2, 3;
26 – A Didática como reflexão sistemática compreende: (B) 1,3,3,2,1;
(C) 2,3,1,2,3;
(A) a definição de objetivos a serem alcançados, seleção de (D) 3,2,1,1,2;
conteúdos, técnicas e recursos de ensino, organização do (E) 2,1,3,1,2.
processo de avaliação da dimensão educativa;
(B) a pesquisa dos conhecimentos que o professor irá adquirir
na sua prática pedagógica bem como o que ele vai pensar 28 – Quando um docente planeja suas aulas de forma a romper
e refletir sobre suas ações; com isolamentos ou compartimentalizações do ensino e da
(C) o estudo das teorias de ensino e aprendizagem aplicadas aprendizagem, estará trabalhando para que os Temas
ao processo educativo que se realiza na escola bem como Transversais e as áreas de conhecimento se dêem de forma
dos resultados obtidos; que:
(D) as teorias que se apresentam válidas para solucionar os
problemas da prática pedagógica usando-as para produzir (A) ofereça somente ao grupo discente um sentido social com
novos alunos capacitados; a visão de procedimentos e conceitos educacionais que
(E) as posições políticas de um processo intencional que visa vão além das áreas convencionais, superando o simples
a orientação de objetivos a serem alcançados por seus aprender na escola;
participantes. (B) ocorram situações escolares não programáveis,
emergentes, que devem ser questionadas e não
respondidas, necessitando clareza e articulação pontual
oferecidas pela abrangência dos Temas Transversais;
(C) haja momentos em que as questões relativas aos temas
sejam explicitamente trabalhadas e conteúdos de campos
e origens diferentes sejam colocados em perspectivas
distanciadas e sem respostas;
(D) as diferentes áreas contemplem os objetivos e os
conteúdos (fatos, conceitos e princípios; procedimentos e
valores;normas e atitudes) que os temas da convivência
propõem;
(E) ambos possam apontar para a complexidade do real e a
considerar a teia de relações entre os diferentes aspectos
sem nenhum julgamento de valores.

6
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
29 – Uma das funções do planejamento escolar é: 31 – A gestão democrática, citada na LDB 9394/96, garante à
equipe pedagógica e aos professores da escola o direito de
(A) expressar os vínculos entre o posicionamento filosófico, estabelecer os princípios, finalidades e objetivos do Conselho
político-pedagógico e profissional em ações efetivas em de Classe, que desempenha um papel de:
sala de aula, através de uma vinculação hierárquica e
sequencial dos conteúdos e temas selecionados; (A) instância de avaliação institucional onde a interação
(B) facilitar a preparação das aulas, selecionando conteúdos e pedagógica ocorre devido a busca de solução de
o material didático para que o professor execute o problemas dos discentes levantados num bimestre,
trabalho frente aos seus interesses e práticas avaliativas; trimestre ou semestre;
(C) assegurar a racionalização, organização e coordenação do (B) avaliação para discutir o aluno de modo integral, e para
trabalho docente, de modo que a previsão das ações dar suporte aos professores apontando os insucessos dos
docentes sejam asseguradas para a efetiva realização de alunos e acentuando os pontos negativos;
transmissão dos conteúdos; (C) avaliação dos alunos e de avaliação de práticas docentes,
(D) prever objetivos, conteúdos e métodos a partir da com o objetivo de diagnosticar a razão das dificuldades
consideração das exigências postas pela realidade social, dos alunos e dos professores, e apontar as mudanças
do nível de preparo e das condições sócio-culturais e necessárias nos encaminhamentos pedagógicos;
individuais dos alunos; (D) mecanismo democrático que possibilita uma gestão
(E) explicitar princípios, diretrizes e procedimentos do democrática, com a participação de todos os agentes
trabalho docente e discente que assegurem a hierarquia educativos;
dos conteúdos escolhida pelos coordenadores e gestores (E) lócus de observação para que os professores indiquem os
escolares garantindo o processo de participação alunos com dificuldades de aprendizagem e com
democrática. problemas comportamentais, de assiduidade, de
relacionamento, de agressividade e de concentração para
serem discutidos entre os alunos e os docentes.
30 – Segundo Paulo Freire(2009), a análise do fracasso escolar
deve levar em contra três importantes dimensões que se inter-
relacionam. Identifique essas dimensões dentre as cinco 32 – A avaliação escolar apresenta as seguintes características,
apresentadas a seguir: EXCETO:

I - O clima institucional que media a práxis escolar e (A) restrição das verificações e provas no final de bimestres;
social. (B) reflexo da unidade objetivos-conteúdos-métodos;
II - O processo de interação de sala de aula, envolvendo a (C) possibilidade de revisão do plano de ensino;
relação professor-aluno. (D) ajuda para desenvolver capacidades e habilidades;
III - A relação aluno-aluno com a aprendizagem escolar. (E) retorno para a atividade dos alunos.
IV - A relação com a história de cada sujeito, que se
manifesta no cotidiano escolar.
V - A composição do cotidiano escolar, com os
conteúdos elaborados pelos Parâmetros Curriculares 33 – A educação de jovens e adultos será destinada àqueles
Nacionais, facilitadores da aprendizagem. que não tiveram acesso ou continuidade de estudos no ensino
fundamental e médio na idade própria. Para tanto, o Poder
As dimensões corretas são: Público:

(A) II, III e V; (A) viabilizará e estimulará o acesso e a permanência do


(B) I, II e IV; trabalhador na escola, mediante ações integradas e
(C) II, III e IV; complementares entre si;
(D) I, III e IV; (B) promoverá a extensão, aberta à participação da população
(E) I, II e V. adulta, visando à difusão das conquistas e benefícios
resultantes da criação cultural e da pesquisa científica e
tecnológica geradas em instituições públicas;
(C) incentivará o trabalho de pesquisa e investigação
científica, visando o desenvolvimento da ciência e da
tecnologia e da criação e difusão da cultura destinada a
jovens e adultos;
(D) desenvolverá, em articulação com o ensino regular ou por
diferentes estratégias de educação continuada, um
ambiente de futuro trabalho para os jovens e adultos;
(E) manterá cursos e exames de madureza que
compreenderão a base nacional comum do currículo,
habilitando ao prosseguimento de estudos em caráter
regular.

7
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
34 – A interdisciplinaridade questiona: 37 – As famílias podem se envolver ativamente nas decisões
tomadas pelas escolas de seus filhos. Candidatar-se a uma
(A) a necessidade de maior envolvimento de todos os vaga no Conselho Escolar é uma boa maneira de acompanhar
participantes no processo de definição de trabalho e auxiliar o trabalho dos gestores escolares. Avalie as
pedagógico e das prioridades a serem eleitas; seguintes afirmativas acerca do Conselho Escolar:
(B) a segmentação entre os diferentes campos de
conhecimento produzida por um abordagem que não leva I - É constituído por representantes de pais, estudantes,
em conta a inter-relação e a influência entre eles; professores, demais funcionários, membros da
(C) a visão compartimentada, integrada e disciplinar da comunidade local e o diretor da escola.
realidade sobre a escola, tal como é conhecida e como se II - Destina-se a zelar pela manutenção da escola e
constituiu historicamente; participar da gestão administrativa, pedagógica e
(D) os diversos campos de poder que envolvem a luta entre a financeira.
gestão democrática, os docentes e os técnico- III - É composto por docentes, estudantes, técnico-
administrativos no espaço escolar; administrativos, familiares, membros da comunidade
(E) a falta de integração dos saberes extra-escolares com os e diretor da escola.
da comunidade acadêmica com vistas a uma proposta de IV - É responsável pelas funções deliberativas,
maior acesso aos membros sociais participarem das consultivas, fiscais e mobilizadoras, para garantir a
decisões da vida escolar. gestão democrática nas escolas públicas.
V - Constitui um espaço escolar para se discutir o projeto
pedagógico com a direção da escola.
35 – A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional
3934/96, em seu Art. 4º, preconiza que o dever do Estado com Estão corretas as afirmativas:
a educação escolar pública será efetivado mediante a garantia
de, EXCETO: (A) II, IV e V;
(B) I, II e IV;
(A) acesso aos níveis mais elevados do ensino, da pesquisa e (C) I, II e V;
da criação artística, segundo a capacidade de cada um; (D) II, III e IV;
(B) ingresso no ensino fundamental, obrigatório e gratuito, (E) III, IV e V.
inclusive para os que a ele não tiveram acesso na idade
própria;
(C) oferta de ensino noturno regular, adequado às condições 38 – Para elaborar um projeto político-pedagógico, o educador
do educando; precisa conhecer os níveis a serem alcançados.
(D) apoio educacional especializado gratuito aos educandos O nível a seguir que NÃO está correto é:
com necessidades especiais, preferencialmente na rede
regular de ensino; (A) elaborar e executar um plano geral, exemplo: envolver
(E) atendimento gratuito em creches e pré-escolas às crianças toda a escola;
de zero a seis anos de idade, quando houver vaga (B) executar um projeto, exemplo: abertura de um novo
disponível na rede municipal e estadual. curso;
(C) executar um programa, exemplo: reorganização curricular
da escola;
36 – Dentre os desafios que a escola confronta para romper (D) executar o marco financeiro, exemplo: distribuir o
com o fracasso escolar incluem-se, dentre outros, os seguintes, dinheiro da caixa escolar de que se dispõe;
EXCETO: (E) elaborar e executar um plano de um setor, exemplo:
orientação pedagógica.
(A) compreender que as deficiências e as dificuldades
escolares são da própria criança;
(B) desenvolver uma pedagogia centrada na criança, capaz de
educar com êxito todas as crianças;
(C) ajudar a mudar atitudes discriminatórias;
(D) fomentar uma pedagogia inclusiva entre os sujeitos da
escola;
(E) desenvolver todas as potencialidades de alunos com sérias
desvantagens e deficiências.

8
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
39 – Os sistemas de ensino promoverão a valorização dos
profissionais da educação, assegurando-lhes, inclusive nos
termos dos estatutos e dos planos de carreira do magistério
público:

I - ingresso exclusivamente por concurso público de


provas e títulos;
II - aperfeiçoamento profissional continuado, inclusive
com licenciamento periódico remunerado para esse
fim;
III - piso salarial profissional.

Estas propostas fazem parte:

(A) da Lei nº 11.645/08;


(B) do Plano Decenal de Educação;
(C) da LDB nº 9394/96;
(D) da Lei nº 10.639/03;
(E) do Conselho Federal de Educação.

40 – A Constituição Brasileira/88 determina que o ensino será


ministrado com base nos seguintes princípios, EXCETO:

(A) gratuidade do ensino público em estabelecimentos


oficiais;
(B) igualdade de condições para o acesso e permanência na
escola;
(C) liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o
pensamento, a arte e o saber;
(D) progressiva democratização da rede pública da educação
básica;
(E) pluralismo de idéias e de concepções pedagógicas, e
coexistência de instituições públicas e privadas de ensino.

9
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 42 – Grandes desastres ambientais vêm ocorrendo devido aos
processos de extração, transporte, refino e consumo de
petróleo.
41 – O geógrafo brasileiro Aziz N. Ab’Sáber dividiu o
território brasileiro em domínios morfoclimáticos. Esses Com relação a esse fato NÃO é correto afirmar que:
domínios apresentam problemas socioambientais.
(A) a curto prazo, o problema mais grave do uso do petróleo é
Com relação às características de alguns desses domínios e a elevação do seu consumo pelos países emergentes, e, a
aos problemas socioambientais neles presentes, leia os textos a longo prazo, é a crise política no Oriente Médio onde se
seguir. concentram grandes reservas desse combustível fóssil;
(B) os danos decorrentes da indústria do petróleo seriam
I. Domínio Florestado Amazônico: o perfil dos rios e as reduzidos com a substituição e a eliminação gradual dos
chuvas abundantes vem incentivando a construção de combustíveis fósseis por fontes renováveis alternativas;
usinas hidrelétricas que, uma vez prontas, (C) os danos durante o transporte de combustível derivam de
comprometem a vida das populações ribeirinhas. vazamentos em grande escala de oleodutos, de navios
II. Domínio das Araucárias: o processo de redução desse petroleiros e de explosão de plataformas;
domínio inicia-se no século XIX com o uso da (D) os vazamentos de óleo que ocorrem no mar danificam
madeira para construir casas e móveis e, também, praias e áreas de encostas, prejudicam atividades
pela substituição das áreas florestadas por áreas de costeiras, destroem a fauna e ameaçam de extinção
cultivos. algumas espécies mais frágeis;
III. Domínio dos Cerrados: a topografia plana e a (E) os principais impactos da geração de energia elétrica a
fertilidade natural dos solos propicia a expansão da partir de derivados de petróleo decorrem da emissão de
área cultivada da soja que, devido à utilização de poluentes na atmosfera, principalmente os chamados
máquinas agrícolas, torna o solo mais compacto e gases de efeito estufa.
mais vulnerável aos processos erosivos.
IV. Domínio da Caatinga: a irregularidade das
precipitações e os solos pouco profundos 43 – A pecuária é um importante setor da economia brasileira.
impossibilitam as atividades agrícolas mas permitem Dentre as características da pecuária brasileira podem ser
a criação de gado extensivo cujo pisoteio vem dando citadas, EXCETO:
origem a áreas desertificadas.
(A) é um importante setor produtivo integrado às lavouras;
Estão corretas as afirmativas: (B) é um dos principais itens do agronegócio nacional;
(C) é responsável pela emissão de gases do efeito estufa;
(A) I, II, III e IV; (D) é um dos mais importantes itens da pauta de exportação
(B) I e III, apenas;. do país;
(C) II e IV, apenas; (E) é um dos vetores do desmatamento da Amazônia.
(D) I, II e III, apenas;
(E) I e II, apenas.
44 – A cada dia, no Brasil, 700 hectares de terras são
plantados com eucaliptos. Em relação a esse plantio é
correto afirmar que:

(A) segundo os críticos, os eucaliptais provocam erosão,


soterramento de nascentes e alteração dos níveis dos
lençóis freáticos pelo manejo inadequado do solo;
(B) a árvore é utilizada na produção de papel e celulose e
também como carvão vegetal nas indústrias
siderúrgicas;
(C) por ser uma espécie nativa seu período de
crescimento é muito mais rápido no Brasil do que em
outros países;
(D) para muitos produtores é uma alternativa de renda
que apresenta baixo risco e pode ser mantida como
reserva de valor;
(E) Minas e São Paulo têm grandes áreas produtoras e o
plantio no país é feito tanto com capitais nacionais
quanto estrangeiros.

10
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
45 – As relações entre a dinâmica espacial da economia e a 49 – As tendências para a globalização ainda não se
urbanização brasileira são significativas. Sobre esse fato, concretizaram por completo.
assinale a afirmativa INCORRETA.
Com relação a essa afirmativa, avalie as afirmativas a seguir.
(A) as cidades que se caracterizam como pólos de tecnologia
dependem em grande parte para sua sobrevivência das I. Os fluxos de capital são regulamentados pela legislação
atividades ligadas à administração pública; internacional, embora as transações por computadores
(B) as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, metrópoles tendam a driblar esses regulamentos.
nacionais, mantêm uma forte participação na economia do II. A mobilidade da mão-de-obra é prejudicada pelos
país; controles de imigração mesmo que esses sejam, muitas
(C) as cidades médias atraem novos investimentos graças aos vezes, driblados pela clandestinidade.
estímulos fiscais, aos menores custos de produção e a um III. As empresas multinacionais mantêm a maior parte de
mercado imobiliário menos especulativo; seus ativos e o centro de comando estratégico nos seus
(D) numerosas cidades pequenas e médias do interior do país países de origem.
crescem economicamente graças à expansão das
atividades do agronegócio; Está correto o que se afirma em:
(E) algumas cidades pequenas, com baixas densidades
demográficas, atingem altas rendas per capita graças à (A) I, II e III;
importância das atividades e das empresas nelas (B) I, apenas;
instaladas. (C) III, apenas;
(D) I e II, apenas;
(E) II e III, apenas.
46 – A globalização possui muitas facetas. Entre elas NÃO se
inclui:
50 – Segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais, a
(A) o surgimento de novos materiais artificiais; metodologia utilizada nos 3º e 4º ciclos do Ensino
(B) o encurtamento das distâncias; Fundamental deve basear-se numa Geografia que:
(C) a homogeneização dos mercados;
(D) o progresso das ciências e das técnicas; (A) seja crítica e humanista;
(E) o domínio das finanças e da informação. (B) separe a Geografia Física da Geografia da Natureza;
(C) dê prioridade à seleção criteriosa de conteúdos;
(D) crie uma padronização no trato dos alunos;
47 – Os países desenvolvidos controlam a fatia predominante (E) tenha uma fundamentação positivista.
do mercado financeiro internacional. Assim podemos afirmar
que o sistema financeiro mundial apresenta um padrão
espacial: 51 – Segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais espera-se
que, ao finalizar o Ensino Fundamental, com os conceitos,
(A) mononuclear; procedimentos e atitudes relacionados à Geografia, os alunos
(B) fixo; sejam capazes de, EXCETO:
(C) linear;
(D) aleatório; (A) valorizar o patrimônio sociocultural e respeitar a
(E) concentrado. sociodiversidade, reconhecendo-as como direitos dos
povos;
(B) conhecer o mundo atual em sua diversidade e
48 – O espaço mundial, no atual momento do processo de compreender como as paisagens, os lugares e os
globalização, inclui os seguintes aspectos, EXCETO: territórios se constroem;
(C) avaliar o resultado das ações dos homens em sociedade,
(A) a manutenção da instabilidade política e territorial dos de modo que possam participar propositiva e
países que compõem o Oriente Médio; reativamente nas questões socioambientais locais;
(B) a difícil unificação da Europa, principalmente em (D) compreender a espacialidade e temporalidade dos
momentos de crises econômicas; fenômenos geográficos estudados em suas dinâmicas e
(C) a transformação de Estados da área de regime socialista interações;
em economias de mercado; (E) compreender que os direitos políticos e os avanços
(D) o avanço da hegemonia militar, cultural, política e tecnológicos são conquistas hoje usufruídas por todos os
econômica dos Estados Unidos; seres humanos.
(E) o desenvolvimento da região do Pacífico asiático como o
novo centro industrial global.

11
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
52 – Um professor de Geografia do 9º ano do Ensino 55 – A hierarquia da rede urbana no Brasil vem passando por
Fundamental listou alguns itens para trabalhar com seus importantes transformações. Entre as razões dessa
alunos o tema: “Brasil – a modernização capitalista e a transformação estão, EXCETO:
redefinição nas relações entre o campo e a cidade”.
(A) as deseconomias de aglomeração e a transferência de
Assinale a alternativa que NÃO apresenta um item atividades para cidades médias;
diretamente ligado ao tema: (B) as mudanças na distribuição dos investimentos do Estado;
(C) o ritmo crescente e continuado do processo de
(A) “A agricultura modernizada e sua concentração espacial metropolização;
na Região Centro-Sul brasileira”; (D) as mudanças na infraestrutura de transporte e de
(B) “O abastecimento de alimentos das cidades brasileiras e o telecomunicação;
papel do pequeno e médio produtor do campo”; (E) a redistribuição da população entre diferentes níveis
(C) “A entrada de empresas estrangeiras no campo e seu hierárquicos de cidades.
papel nas exportações brasileiras”.;
(D) “Os fluxos migratórios internos e seus impactos no
mercado de trabalho na cidade e no campo”.; 56 – Importantes mudanças ocorreram no mundo da produção
(E) “A mecanização do campo, a concentração da terra e o e do trabalho a partir da década de 1970. O modelo de
problema dos sem-terra no campo”. desenvolvimento capitalista fordista deixa de ser dominante.

Entre as características desse novo momento destacam-se as


53 – Nas últimas séries do Ensino Fundamental os alunos já seguintes, EXCETO:
passaram pelo processo de alfabetização cartográfica. Podem
agora trabalhar com uma variedade de representações dos (A) as exigências da produção flexível por uma classe de
lugares e do mundo como leitores críticos e mapeadores trabalhadores com alto nível de qualificação;
conscientes. Assinale a alternativa que NÃO apresenta (B) a intensa aplicação da ciência e do conhecimento na
corretamente uma dessas representações. elaboração de novos produtos;
(C) os pesados investimentos em pesquisa científica e
(A) cognição, percepção individual e criatividade (maior tecnologia por parte das empresas que lideram a inovação;
liberdade nas representações); (D) os poderosos sindicatos de trabalhadores que defendem
(B) croquis (representação unidimensional); seus interesses em oposição aos interesses dos
(C) maquetes (representação tridimensional); empresários;
(D) mapas, cartas e plantas; (E) os custos diferenciais da mão-de-obra que desempenham
(E) símbolos e convenções cartográficas (rigor nas função decisiva na localização das unidades produtivas
representações). das transnacionais.

54 – O conjunto de cidades de determinado território forma 57 – A ideia de desenvolvimento sustentável ganha


uma rede – a rede urbana. reconhecimento a partir do relatório “Nosso Futuro
Comum”, publicado em 1987 – conhecido como Relatório
Com relação a essa rede, leia as afirmativas a seguir: Brundtland.

I. A análise da estrutura das redes permite definir uma Em relação aos sistemas que buscam um desenvolvimento
hierarquia de lugares. sustentável, leia as afirmativas a seguir.
II. O grau de centralidade em uma rede urbana depende
da capacidade de ofertar bens e serviços de cada I. Um sistema político que assegure a efetiva participação
cidade. dos cidadãos no processo decisório.
III. A infra-estrutura de vias de uma rede urbana permite II. Um sistema social que possa resolver as tensões
a realização de fluxos materiais - mercadorias e causadas por um desenvolvimento não equilibrado.
pessoas, e fluxos imateriais – trocas de informações. III. Um sistema de produção que respeite a obrigação de
preservar a base ecológica do desenvolvimento.
Está correto o que se afirma em:
Está correto o que se afirma em:
(A) I, II e III;
(B) I, apenas; (A) I, II e III;
(C) III, apenas; (B) I, apenas;
(D) I e II, apenas; (C) III, apenas;
(E) II e III, apenas. (D) I e II, apenas;
(E) II e III, apenas.

12
Organização: BIORIO Concursos
PREFEITURA MUNICIPAL
DE TERESÓPOLIS GEOGRAFIA
ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GEO06
58 – “Hoje está sendo a Região Serrana, ontem foi Niterói e 60 – Duas das principais atividades econômicas do Município
Angra, alguns anos atrás, a própria cidade do Rio de Janeiro. de Teresópolis são:
Quem será a bola da vez no próximo ano? Será que
continuaremos a brincar de roleta-russa? É preciso aliar (A) piscicultura e indústria metalúrgica;
seriedade técnica com vontade política para mudar este (B) pecuária leiteira e indústria mecânica;
cenário de insegurança crescente.” (C) fruticultura e atividades de lazer;
David Zee. Roleta-russa. O Globo: 23/01/2011. (D) horticultura e indústria turística;
(E) indústria extrativa e serviços tecnológicos.
Segundo o autor do texto, devemos agir preventivamente e
não reativamente. Com relação às medidas preventivas que
devem ser adotadas, analise as afirmativas a seguir.

I. Estabelecer critérios rigorosos para o licenciamento da


ocupação e do uso do solo.
II. Realizar obras de infra-estrutura urbana capazes de
atenuar os efeitos da impermeabilização do solo
urbano.
III. Proibir a expansão urbana nas áreas de cobertura
florestal que atuam como reguladoras do ciclo das
águas.

Está correto o que se afirma em:

(A) I, II e III;
(B) I, apenas;
(C) III, apenas;
(D) I e II, apenas;
(E) II e III, apenas.

59 – A construção de “enclaves urbanos” criou um novo


modelo de segregação espacial que transformou a qualidade
de vida de muitas cidades brasileiras, ao criar espaços
exclusivos, privatizados e monitorados para fins residenciais,
de lazer ou de trabalho.
Tomando o texto como referência, assinale a alternativa
INCORRETA.

(A) as “favelas e comunidades”, edificadas como alternativa


de moradia pelos de menor renda, são consideradas
espaços de exclusão social;
(B) os “condomínios fechados”, utilizados como área
residencial pelos segmentos de maior renda, eliminam o
convívio social entre os diferentes;
(C) os “shopping-centers”, construídos como locais
privilegiados de lazer e consumo, são espaços seguros
para os grupos que os freqüentam;
(D) as “torres empresariais”, modelos de arquitetura arrojada
e de sofisticados equipamentos de segurança, segmentam
o espaço de convivência social;
(E) as “arenas multiuso”, construídas segundo critérios de
conforto e segurança, excluem os segmentos de menor
renda.

13
Organização: BIORIO Concursos
BIO RIO CONCURSOS

Av. Carlos Chagas Filho, 791 - Cidade Universitária - Ilha do Fundão – RJ


Central de Atendimento: (21) 3525-2480
Internet: http://concursos.biorio.org.br
E-mail: teresopolis2011@biorio.org.br