Você está na página 1de 16

MANUAL DE INSTRUÇÕES

ROÇADEIRA COSTAL 52CC

ATENÇÃO: A fim de evitar acidentes, por favor, leia atentamente as instruções de operação antes de utilizar este produto. Por favor,
conserve este manual para referência futura. “As imagens contidas neste manual são meramente ilustrativas" bem como algumas
informações que podem variar de acordo com o seu modelo. Diante das constantes atualizações em nossos produtos. Nos reservamos o
direito de alterar este sem seu aviso prévio.
DADOS TÉCNICOS ......................................................................................................................... 3
INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA .................................................................................................... 3
COMBUSTÍVEL ............................................................................................................................... 3
ARMAZENAMENTO A LONGO PRAZO.......................................................................................... 4
MONTAGEM EIXO DE COMANDO ................................................................................................. 5
MONTAGEM EIXO FLEXÍVEL......................................................................................................... 5
MONTAGEM CABO DO ACELERADOR E CABO DE PARADA DE EMERGÊNCIA ...................... 5
MONTAGEM PROTETOR DE SEGURANÇA ................................................................................. 6
MONTAGEM LÂMINA ..................................................................................................................... 7
PROCEDIMENTO OPERACIONAL ................................................................................................. 7
ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEL .......................................................................................... 7
TRANSPORTE ................................................................................................................................ 9
CORTE .......................................................................................................................................... 10
DESLIGAR ..................................................................................................................................... 10
LIMPEZA........................................................................................................................................ 11
ARMAZENAMENTO ...................................................................................................................... 12
TERMOS DE GARANTIA .............................................................................................................. 13
DADOS TÉCNICOS

Roçadeira Costal
Motor: 1E44F-5
02 Tempos, Monocilíndrico, Refrigeração Ar, A Gasolina, Partida Manual.
Potência: 1,75Kw
Cilindradas: 52
Mistura: 25:1 (gasolina + óleo)
RPM: 7000
Diâmetro da Lâmina: 254
Máximo alcance de corte: 510mm

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA

• Sempre utilize equipamentos de segurança ao operar o equipamento, fazer quaisquer


vistorias, reparo, manutenção ou limpeza.
• Vista-se adequadamente. Não use roupas largas.
• Mantenha o equipamento longe do alcance das crianças e dos animais domésticos,
armazene-o em local seguro, limpo, arejado e sem exposição ao sol e calor.
• Essa ferramenta possui lâminas e partes cortantes, sempre manuseia com muita atenção.
O parafuso de fixação do cortador é rosqueado à esquerda, gire no sentido anti-horário para
apertá-lo e no sentido horário para soltá-lo.
• Não opere em locais com grama, galhos secos e com produtos inflamáveis.

COMBUSTÍVEL

• Nunca utilize o equipamento somente com gasolina.


• O motor requer uma mistura de combustível de 25 partes de gasolina comum para 1 parte
de óleo de dois tempos.
• Não encha o tanque de combustível enquanto o motor estiver funcionando ou ainda quente.
O combustível deve ser abastecido no tanque quando o motor estiver totalmente desligado
e frio.
• Mantenha a distância de fontes de ignição e chamas abertas, pois os vapores do combustível
são inflamáveis.

DURANTE A OPERAÇÃO
• Utilize a ferramenta em locais abertos, bem ventilados e longe de exposição de produtos,
líquidos e poeiras inflamáveis.
• Ao cortar, segure firmemente a máquina com as duas mãos e mantenha-se equilibrado e
atento, evite acidentes.
• O operador deve obedecer às regulamentações ambientais locais da região que irá realizar
o trabalho de corte.
• Nunca transporte o equipamento com o motor em funcionamento.
• Não use o equipamento sem o silenciador.
• Ao realizar um reparo ou ajuste, o equipamento deve ser desligada e o combustível
completamente drenado.

ARMAZENAMENTO A LONGO PRAZO.

• Drene todo o combustível do carburador, tanque de combustível e das tubulações.


• Repare qualquer dano resultante do uso e limpe a ferramenta com um pano limpo.
• Coloque algumas gotas de óleo de motor no orifício da vela de ignição e gire o motor várias
vezes para distribuir o óleo.
• Cubra a roçadeira e guarde-a em uma área livre de umidade, em local seguro, limpo, arejado
e sem exposição ao sol, calor e produtos, líquidos ou poeiras inflamáveis.
MONTAGEM EIXO DE COMANDO

(Fig. 1)

• Insira o eixo flexível no tubo de junção do eixo de comando até o final e aperte o parafuso

do tubo fixando-o ao encaixe do eixo flexível.

• Certifique-se de alinhar a extremidade quadrada do eixo interno flexível ao furo quadrado do

eixo de comando, girando esse último levemente para que todos estejam conectados

firmemente.

MONTAGEM EIXO FLEXÍVEL

(Fig. 2)

• Remova o PINO. Insira o eixo flexível na caixa da embreagem até o final, inserindo a
extremidade quadrada do eixo interno flexível no furo quadrado do adaptador na caixa da
embreagem.
• Em seguida, aperte o PINO, fixando-o ao encaixe do eixo flexível.

Parafuso do tubo de junção


Tubo de junção
Pino
Clique

Encaixe

Eixo flexível

MONTAGEM CABO DO ACELERADOR E CABO DE PARADA DE EMERGÊNCIA

• Posicione o cabo do acelerador e o cabo de parada de emergência através da passagem do


cabo na manopla do eixo. Em seguida, conecte cada terminal a sua posição apropriada. (Fig.
3)
• Por fim, prenda os cabos do acelerador conectados e o cabo de parada de emergência ao
eixo flexível com as duas braçadeiras de cabo fornecidas. (Fig. 4)
Alavanca do acelerador

Cabo do acelerador e cabo de


parada de emergência
Braçadeiras
de cabos

MONTAGEM EMPUNHADEIRA
(Fig. 5)

• Retire o suporte da empunhadeira A.


• Instale a empunhadeira e prenda o suporte A com dois parafusos, com pressão manual.
• Ajuste a posição da empunhadeira de acordo com sua preferência.
• Em seguida, fixe os parafusos firmemente.

MONTAGEM PROTETOR DE SEGURANÇA

(Fig. 6)

• Instale o protetor de segurança no eixo com o suporte e os parafusos fornecidos.


• Aperte os parafusos depois de colocar o suporte do protetor de segurança na posição
apropriada.

Parafuso
Arruela de pressão

Suporte do protetor

Empunhadeira

Arruela Suporte A
Arruela de pressão
Porca hexagonal 6 Protetor de segurança
MONTAGEM LÂMINA

• Ao instalar uma lâmina de aço, instale-a conforme mostrado na Fig. 7


• Ao instalar ou remover a lâmina, bloqueie o movimento do suporte do cortador com a trava
para apertar ou desapertar, conforme mostrado na Fig. 8
• Como o parafuso de fixação da lâmina é rosqueado à esquerda, gire-o no sentido anti-horário
e tome cuidado para não machucar os dedos na lâmina. Verifique a instalação correta.

Caixa de engrenagens

Lâmina Suporte do cortador

Protetor do parafuso
Protetor do suporte Trava
Arruela de pressão do cortador
Parafuso de fixação
do cortador
Apertar Chave de boca

PROCEDIMENTO OPERACIONAL

• Ajuste o comprimento da correia de ombro conforme desejar antes de dar partida no motor.

ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEL
(Fig. 9)
• O motor requer uma mistura de combustível de 25 partes de gasolina comum para 1 parte
de óleo de dois tempos.
• O combustível deve ser pré-misturado antes de ser colocado no tanque.
• Recomenda-se a utilização de um óleo de dois ciclos na mistura de combustível.
• É proibido o uso da ferramenta sem a mistura correta de óleo e gasolina.
• Verifique a presença e o torque de todos os parafusos e outros fixadores.
Fechar
1: Óleo

Abrir
25: Gasolina

Válvula
de
combustív
el

• Abra a válvula de combustível (Fig. 10)


• Mova a alavanca do acelerador para a posição inicial ou cerca de 1/4 da aceleração total,
no caso de alavanca de metal. (Fig. 11)
• Não dê partida inicial de com aceleração pois causa uma alta rotação repentina da lâmina,
evite acidentes.
• Coloque a alavanca do estrangulador na posição fechada. (Fig. 12)
• Puxe o cabo de partida manual rapidamente, tomando muito cuidado para não soltar a
empunhadeira.
• Quando ouvir o som de combustão algumas vezes, mova a alavanca do estrangulador de
volta para a posição aberta. Em seguida, puxe rapidamente o cabo de partida manual.
• Após a primeira partida do motor, aguarde cerca de 2 a 3 minutos antes de submetê-lo a
qualquer carga.
Ligar Alavanca do estrangulador
Desligar

Fechar
Máxima
Abrir
Puxar

Cabo de partida
manual

• A lâmina pode girar e o eixo flexível pode oscilar quando o motor der a partida. Não permita
que a lâmina toque em nenhum objeto quando o motor der a partida.

Ajuste: (Fig. 13) - Quando a velocidade de marcha lenta estiver muito alta ou muito baixa,
ajuste-a com o parafuso de ajuste de marcha lenta, no caso de a lâmina continuar girando na
velocidade de marcha lenta, gire o parafuso de ajuste da marcha lenta no sentido anti-horário.

TRANSPORTE

(Fig. 14)
• Primeiramente, segure a empunhadeira com a mão esquerda e incline-se para baixo.
Coloque seu braço direito na correia direita.
• Transfira o eixo para a mão direita e, voltando para trás, deslize o braço esquerdo pela outra
correia.
• Quando a roçadeira estiver montada em suas costas, segure o eixo conforme mostrado na
figura.

Parafuso de ajuste de marcha lenta


CORTE

• A lâmina gira no sentido anti-horário, portanto, para um corte eficiente, é aconselhável operar
o cortador da direita para a esquerda.
• Ao trabalhar em declives, a posição da lâmina deve permitir o corte de cima para baixo.
• Se o cortador bater contra pedras ou similares, desligue o motor e o cortador e verifique se
o cortador e as peças relacionadas estão em condições normais.
• Quando a grama se enrolar no cortador, desligue o motor e a lâmina e remova a grama.

DESLIGAR

• Diminua a velocidade do motor e pressione o botão de desligamento até que o motor pare.
(Fig. 16)

Chave de desligamento
LIMPEZA

• Limpe o elemento do filtro. (Fig. 17)


• Limpe a incrustação de carbono da folga da vela
de ignição (a folga padrão é de 0,6 mm ou 0,023
pol.). (Fig. 18)
• Limpe a porta de escape do cilindro e o
silenciador.
• Remova gramas ou sujeiras inseridas na tampa do
cilindro ou na tampa da caixa da ventoinha (caso
contrário, elas podem causar problemas como
superaquecimento).
• Inspecione cuidadosamente se há vazamentos de
combustível ou óleo.
• Lubrifique a caixa de engrenagens a cada 50
horas de uso.
• Ao lubrificar o eixo flexível. aplique graxa no tubo Limpe
incrustações
flexível do lado da caixa de embreagem. de carbono

(Recomenda-se aplicar graxa a cada 10 horas de


uso.)
ARMAZENAMENTO

• Drene completamente o combustível do tanque e do carburador.


• Mantenha o motor sempre mais alto em relação à caixa de engrenagens.
• Limpe a roçadeira com cuidado.
• Antes da instalação, posicione o cabo do acelerador e o cabo de parada de emergência
através da passagem do cabo da haste do eixo.
• A alavanca do acelerador e a chave de desligamento são montados juntos temporariamente,
portanto devem ser desmontados primeiro.
• Coloque a extremidade redonda do acelerador no canal da empunhadeira.
• Fixe a alavanca do acelerador no eixo rígido.
• Finalmente, aperte a chave de desligamento na alavanca do acelerador com um parafuso.
• Armazene-o em local seguro, limpo e arejado. Longe do alcance das crianças, animais
domésticos, produtos, líquidos e poeiras inflamáveis. Mantenha longe da exposição de luz
excessiva e de calor.
TERMOS DE GARANTIA

PRAZO DE GARANTIA LEGAL: 90 DIAS CONFORME ARTIGO 26 INCISO II DO CÓDIGO DE


DEFESA DO CONSUMIDOR.

A NTS do Brasil concede garantia contra qualquer defeito de fabricação aplicável nas seguintes
condições:

• A garantia não se aplica caso o produto seja utilizado em escala industrial e se restringe
exclusivamente à substituição e conserto gratuito das peças defeituosas do produto.
• Preencha corretamente o Certificado de Garantia.
• Qualquer anormalidade deverá ser reportada imediatamente à assistência técnica
autorizada, pois a negligencia de uma imperfeição, por falta de aviso e revisão, certamente
acarretará em outros danos, os quais não poderemos assistir e, também, nos obrigará a extinguir
a garantia. É de responsabilidade do agente da assistência técnica a substituição de peças e a
execução de reparos em sua oficina. O agente também será responsável por definir se os reparos
e substituições necessários estão cobertos ou não pela garantia.

ITENS NÃO COBERTOS PELA GARANTIA

• Óleo lubrificante, bateria, graxa, combustíveis bem como consumíveis do equipamento e


etc.;
• Deslocamento de pessoal ou despesas de deslocamento do produto até o posto de
assistência técnica.
• Danos causados por fenômenos da natureza;
• Danos pessoais ou materiais do comprador ou terceiros;
• Manutenções rotineiras, como: Limpeza do carburador, lavagem, lubrificação, verificações,
ajustes, regulagens, etc. Peças que requerem manutenção corriqueira, como: elemento de filtro
de ar, vela de ignição, lonas e pastilhas de freio, juntas, lâmpadas, disjuntores, cabos e baterias;
• Peças de desgaste alto, como: rodas, câmaras de ar, amortecedores, discos de fricção,
corrente, cora, rolamento, entre outros.
• Defeitos de pintura ocasionados pelas intempéries, alteração de cor em cromados, aplicação
de produtos químicos (combustíveis ou produtos não recomendados pela NTS do Brasil), efeitos
de maresia ou corrosão;
• Defeitos oriundos de acidentes, casos fortuitos ou de desuso prolongado.
• Substituição do equipamento, motor ou conjuntos.
• Arranhões, trincas, fissuras ou por má instalação e/ou qualquer outro tipo de dano causado
ao equipamento em razão da movimentação, transporte ou estocagem.
• Defeitos e danos no sistema elétrico, eletrônico ou mecânico do equipamento oriundo da
instalação de componentes ou acessórios não recomendados pela NTS do Brasil.
• Danos causados pela oscilação da rede elétrica.
• Avaria decorrente do uso de tensão diferente da qual o produto foi criado. Atenção: Entende-
se por manutenções rotineiras, as substituições de peças e componentes em razão do desgaste
natural. Estão cobertas pela garantia, no entanto, as peças que comprovadamente apresentarem
defeito de fabricação ou fadiga anormal de material.

EXTINÇÃO DA GARANTIA

• Revisões e manutenções periódicas não forem realizadas;


• O equipamento não for usado adequadamente (sobrecargas, acidentes, intempéries etc.)
• O equipamento for utilizado para outros fins ou instalado de modo não apresentado no
manual de instruções.
• O equipamento for reparado por oficinas não autorizadas pela NTS do Brasil.
• O tipo de combustível ou lubrificante especificados não forem utilizados, misturado
incorretamente (motores de 2 tempos).
• As peças originais forem substituídas/modificadas por outras não fornecidas pela NTS.
• A estrutura técnica ou mecânica for modificada sem previa autorização da NTS do Brasil.
• O prazo de validade estiver expirado.
• O equipamento for usado para fins industriais, comerciais, de aluguel ou de uso intensivo.
www.naganoprodutos.com.br
Importado e distribuído por:
NTS DO BRASIL COMÉRCIO E SERVIÇOS DE MÁQUINAS E FERRAMENTAS LTDA
TEL. (11) 5089-2590
CNPJ: 05.984.457/0001-00

Você também pode gostar