Você está na página 1de 5

Teste 4

Como avaliar argumentos? – Lógica informal

Nome: N.º: Turma:

Professor: Classificação:

Grupo I

Seleciona a opção correta.

1. Um argumento não dedutivo é forte se:


A. Possuir conclusão verdadeira.
B. As suas premissas forem verdadeiras.
C. A sua conclusão for vulnerável a contraexemplos.
D. As suas premissas justificarem adequadamente a conclusão.

2. Apenas uma das seguintes afirmações é verdadeira. Identifica-a.


A. Um argumento cogente é necessariamente um argumento forte.
B. Um argumento cogente muito provavelmente tem uma conclusão falsa.
C. Um argumento falacioso tem obrigatoriamente uma conclusão verdadeira.
D. Os argumentos falaciosos nunca têm premissas verdadeiras.

3. Apenas uma das seguintes afirmações é verdadeira. Identifica-a.


A. A falácia do apelo à ignorância acontece sempre que raciocinamos a partir de duas
opções esquecendo ou ignorando a existência de outras alternativas.
B. Afirmar que Deus existe porque ninguém provou o contrário é cair na falácia do apelo
à autoridade.
C. A petição de princípio acontece quando um argumento usa como uma de suas
premissas a conclusão que pretende justificar.
D. Sempre que as premissas assumem pequenas improbabilidades que somadas resultam
numa conclusão muito improvável o argumento comete a falácia do boneco de palha.

4. Um argumento por analogia é falacioso se:


A. Os “objetos” comparados nas premissas forem diferentes entre si.
B. As premissas foram verdadeiras, mas indicarem apenas as semelhanças entre os
“objetos” comparados.
C. Não existirem entre os “objetos” comparados diferenças relevantes para a justificação
da conclusão.
Teste 4: Como avaliar argumentos? – Lógica informal

D. Existirem entre os “objetos” comparados diferenças relevantes para a justificação da


conclusão.

5. “Os exploradores do Ártico não encontraram pinguins nas zonas que exploraram. Como já
exploraram bastantes áreas, podemos concluir que não existem pinguins no Ártico.”
Este argumento pode ser classificado como uma:
A. Petição de princípio.
B. Generalização.
C. Apelo à autoridade.
D. Apelo à ignorância.

6. Considera o seguinte argumento:

“Os exploradores do Ártico são como os exploradores da Amazónia pois procuram descobrir e
identificar novas espécies animais e compreender melhor os habitats do planeta Terra. Por vezes, os
exploradores da Amazónia são afetados por doenças tropicais. Portanto, os exploradores do Ártico
também sofrem com essas doenças.”

Este argumento pode ser classificado como uma:


A. Petição de princípio.
B. Falsa analogia.
C. Apelo falacioso à autoridade.
D. Argumento por analogia.

7. Considera os argumentos seguintes. Seleciona a opção correta.

1. A maioria dos alunos que eu conheço é boa pessoa, logo nenhum aluno é má pessoa.
2. A maioria dos alunos que eu conheço passou de ano, logo também irei passar de ano.

A. 1 é uma previsão forte, 2 é uma generalização precipitada.


B. 1 é uma generalização forte, 2 é uma generalização precipitada.
C. 1 é uma generalização precipitada, 2 é uma previsão forte.
D. 1 é uma generalização precipitada, 2 é uma previsão precipitada.

8. Considera os argumentos seguintes. Seleciona a opção correta.

1. O professor tem 200 alunos e 200 testes para corrigir. Depois de corrigir os primeiros 10 constatou
que os resultados foram muito maus. Triste, confidencia a um colega de trabalho: “Os resultados dos
meus alunos são muito maus.”
2. Mais tarde, o mesmo professor, sentado à mesa de trabalho, ainda triste, pega no próximo teste que
vai corrigir e, antes de começar, pensa com os seus botões: “Mais um teste muito mau”.

A. 1 é uma previsão forte, 2 é uma generalização precipitada.


Teste 4: Como avaliar argumentos? – Lógica informal

B. 1 e 2 são generalizações fortes.


C. 1 e 2 são generalizações precipitadas.
D. 1 é uma generalização precipitada, 2 é uma previsão precipitada.

9. Identifica qual das alternativas contém uma falácia da petição de princípio:


A. Kant, filósofo do século XVIII, defendia que as intenções dos agentes definem o valor
moral das ações, por isso eu considero que é a intenção que define o valor moral da
ação.
B. Viver usando corretamente a razão é única forma de ser verdadeiramente humano,
pois a essência do homem é a sua capacidade intelectual de pensar.
C. Nunca tive nenhum aluno chamado Hermenegildo, logo não existe nenhum jovem com
esse nome.
D. Se o governo define o casamento como sendo uma união entre um homem e uma
mulher, de seguida podem defini-lo como uma união entre pessoas da mesma classe
social, e de rendimentos semelhantes e, por fim, podem até decidir se uma pessoa é
ou não é adequada para casar com outra.

10. Identifica qual das alternativas contém uma falácia ad hominem:


A. O Partido da Democracia Filosófica deve estar a receber muitas doações em dinheiro
pois nunca divulgou os documentos financeiros da sua contabilidade.
B. Vários meios de comunicação divulgaram notícias sobre possíveis problemas
conjugais entre Beyoncé e Jay-Z. A notícia já saiu a semana passada e eles ainda não
a negaram, por isso tenho a certeza que estão a passar por problemas conjugais.
C. A Beatriz diz que te viu a copiar no teste, mas ela acusa toda a gente, e quase sempre
está errada, portanto tenho a certeza que também está errada desta vez.
D. Seria mau para o governo deixar o défice aumentar ainda mais. Portanto, é bom para
o governo que ele não suba.

Grupo II

1. Compara os dois argumentos seguintes e indica qual é o mais forte. Justifica.


A. “As aldeias e vilas de Portugal têm pelo menos uma igreja. Tenho visitado imensas
localidades portuguesas ao longo dos anos, em trabalho ou em férias, e em todas reparei
que existe uma igreja.”
B. “As aldeias e vilas de Portugal têm pelo menos uma igreja. Confirmei isso no ano passado
durante a nossa viagem de férias pelo Alentejo, em que percorremos imensas localidades
durante duas semanas. Todas tinham pelo menos uma igreja.”

2. Constrói uma previsão forte em que a proposição “O Pedro vai sentir dificuldades em
terminar a caminhada” seja a conclusão.
Teste 4: Como avaliar argumentos? – Lógica informal

3. Usando a proposição “Todos os construtores de automóveis que conheço investem muito em


publicidade” como premissa, constrói uma generalização forte.

4. Constrói um argumento forte por analogia para fundamentar a tese: “Os jogadores desta
equipa devem ser eficazes no remate à baliza.”

5. O provérbio popular “Quem cala, consente” assemelha-se muito a uma falácia informal
que estudaste. Identifica-a e justifica a tua resposta.

6. Classifica os argumentos e avalia-os. Justifica.


A. A ONU apelou à intervenção urgente dos governos mundiais no sentido de travar as
alterações climáticas, pois de acordo com o último relatório do Painel Intergovernamental
sobre Mudanças Climáticas1 este fenómeno está a atingir um ponto crítico de não retorno.
A ONU diz nesse relatório que se não agirmos já, em breve será tarde demais para reverter
a situação. Sabendo que a ONU recomenda ação, fiquei convencido de que nos devemos
preocupar a sério com o problema e devemos pressionar o nosso governo a agir.

B. A maioria dos trabalhadores do canal de televisão XPTV está muito descontente com
a administração da empresa. Entrevistamos meia dúzia de funcionários que foram
recentemente demitidos e eles queixaram-se da forma como os administradores gerem
o canal XPTV.

C. Na minha aldeia a recolha do lixo é feita sempre às quintas-feiras de madrugada. Como


amanhã é quinta-feira, posso colocar o lixo no contentor pois ele será recolhido esta noite.

D. O filósofo Peter Singer defende que as pessoas ricas deveriam doar uma percentagem dos
seus rendimentos para ajudar quem vive em pobreza extrema. É lamentável que este
filósofo queira que pessoas ricas ofereçam toda a sua riqueza para ajudar estranhos. Se os
ricos fizessem isso, ficariam rapidamente pobres. Portanto, essa proposta não faz sentido.

COTAÇÕES

Grupo Item (cotação em pontos)


1 a 10
I 60 pontos
10 × 8 pontos
1. 2. 3. 4. 5. 6.
II 120 pontos
10 10 10 15 15 60

TOTAL 200 pontos

1O Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) é o órgão das Nações Unidas que avalia o conhecimento científico disponível
relacionada com as mudanças climáticas.
Teste 4: Como avaliar argumentos? – Lógica informal

Você também pode gostar