Você está na página 1de 40

ANO LI EDIÇÃO EXTRA Nº 24-A BRASÍLIA - DF, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

SEÇÃO I SEÇÃO II SEÇÃO III Médico – Citopatologia 3 1 1 0 5


SUMÁRIO
PAG. PAG. PAG. Médico – Clínica Médica 10 4 4 2 20
Secretaria de Estado de Saúde................................... 1 Médico – Clínica Médica Queimados 3 0 1 0 4

Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania.............. 40 Médico – Coloproctologia 2 0 1 0 3


Médico – Dermatologia 3 1 1 0 5
Médico – Eletromiografia 2 0 1 0 3
SEÇÃO III Médico – Endocrinologia e Metabologia 5 2 2 1 10
Médico – Gastroenterologia 5 1 1 0 7
Médico – Genética Médica 2 0 1 0 3
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE Médico – Geriatria 1 0 0 0 1
Médico – Ginecologia e Obstetrícia 1 0 0 0 1
EDITAL Nº 13, DE 25 DE MARÇO DE 2022 Médico – Hematologia e Homoterapia 6 1 1 0 8
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE Médico – Infectologia 3 0 1 0 4
CADASTRO RESERVA PARA ESPECIALIDADES DA CARREIRA MÉDICA Médico – Mastologia 3 1 1 0 5
O SECRETÁRIO DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, no uso de suas
Médico – Medicina do Trabalho 2 0 1 0 3
atribuições legais, em conformidade com os dispositivos da Constituição Federal vigente, da Lei
Médico – Medicina Física e Reabilitação 2 0 1 0 3
Complementar nº 840/2011, da Lei Distrital nº 4.949/2012, e suas posteriores alterações, a
Médico – Medicina de Emergência 1 0 0 0 1
legislação específica das carreiras objeto do certame, bem como a Delegação de Competência
por meio da Portaria nº 42, de 01 de fevereiro de 2022, publicada no DODF nº 26, de 07 de Médico – Medicina Intensiva Adulto 1 0 0 0 1
fevereiro de 2022, torna público a realização de Concurso Público da Secretaria de Estado de Médico – Medicina Intensiva Pediatrica 2 0 1 0 3
Saúde do Distrito Federal, para provimento de vagas e formação de cadastro reserva do Quadro Médico – Médico da Família e Comunidade 6 1 1 0 8
de Pessoal do Distrito Federal, mediante as condições estabelecidas neste Edital e seus Anexos. Médico – Nefrologia 6 1 1 0 8
1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Médico – Neonatologia 6 1 1 0 8
1.1. O Concurso Público será regido por este Edital, por seus anexos, avisos, atos Médico – Neurocirurgia 2 0 1 0 3
complementares e eventuais retificações, com execução de responsabilidade do Instituto Médico – Neurologia 1 0 0 0 1
Brasileiro de Formação e Capacitação – IBFC.
Médico – Neurologia Pediátrica 2 0 1 0 3
1.2. Este Concurso Público se destina a selecionar candidatos para provimento de vagas e
Médico – Oftalmologia 2 0 1 0 3
formação de cadastro reserva do Quadro de Pessoal do Distrito Federal para a Secretaria de
Médico – Ortopedia e Traumatologia 1 0 0 0 1
Estado de Saúde do Distrito Federal, de acordo com as especificações, os quantitativos e a área
de formação indicados no presente Edital. Médico – Otorrinolaringologista 2 0 1 0 3
1.3. O prazo de validade do presente Concurso Público é de 2 (dois) anos, a contar da data da Médico – Paliativista 1 0 0 0 1
publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual Médico – Patologia 2 0 1 0 3
período. Médico – Pediatria 6 1 1 0 8
1.4. Integram o presente Edital os seguintes Anexos: Médico – Pneumologia 3 1 1 0 5
Anexo I - Requerimento de Atendimento Especial; Médico – Psiquiatria 10 4 4 2 20
Anexo II - Modelo de Atestado/Laudo emitido por equipe multiprofissional e interdisciplinar Médico – Radiologia e Diagnóstico por imagem 6 1 1 0 8
para Avaliação Biopsicossocial - Pessoas com Deficiência;
Médico – Radioterapia 2 0 1 0 3
Anexo III - Conteúdos Programáticos para Estudo;
Médico – Reumatologia 2 0 1 0 3
Anexo IV - Requisitos e Atribuições do Cargo;
Médico – Sanitarista 1 0 0 0 1
Anexo V - Cronograma.
2. DOS CARGOS E VAGAS Médico – Urologia 2 0 1 0 3
2.1. O Concurso de que trata este Edital oferece um total de 230 (duzentos e trinta) vagas, TOTAL 150 26 47 7 230
distribuídas por cargos, conforme a seguir: 2.1.1. Às pessoas com deficiência é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das
Vagas
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público,
nos termos da Lei nº 4.949/2012.
Cargo
Ampla Pessoas com 2.1.2. Às pessoas Negras é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas
Negros Hipossuficientes Total
Concorrência Deficiência existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, nos
Médico – Acupuntura 1 0 0 0 1 termos da Lei nº 6.321/2019.
Médico – Alergia e 2.1.3. Às pessoas Hipossuficientes é assegurado o percentual de 10% (dez por cento) das
3 0 1 0 4 vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público,
Imunologia
nos termos da Lei nº 6.741/2020.
Médico – Anatomia
2 0 0 0 2 2.2. Das especificações dos cargos:
Patológica
2.2.1. O salário e a carga horária semanal dos cargos ofertados no presente concurso são
Médico –
10 4 4 2 20 os relacionados, conforme a seguir:
Anestesiologia
Cargo Salário Carga Horária Semanal
Médico – Cardiologia 6 1 1 0 8
Médico Família e Comunidade - 40h R$12.654,00 40h
Médico – Cirurgia
2 0 1 0 3
Geral Médico – Demais Especialidades - 20h R$ 6.327,00 20h
Médico – Cirurgia 2.2.2. Os requisitos básicos e a descrição sumária das atividades fazem parte do Anexo IV
2 0 1 0 3
Oncológica deste Edital.
Médico – Cirurgia 2.3. Do regime jurídico: os candidatos nomeados estarão sujeitos ao Regime Jurídico dos
2 0 1 0 3
Pediátrica Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das autarquias e das fundações públicas
Médico – Cirurgia distritais, instituído pela Lei Complementar n. º 840/2011, publicada no DODF n.º
2 0 1 0 3
Vascular 246/2011, e às normas internas do órgão de lotação.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 2 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

2.4. Da Lotação: Os candidatos nomeados poderão exercer as suas atividades em qualquer 4.1.1.1. Serão consideradas pessoas com deficiência aquelas que se enquadrarem no art. 2º da
unidade da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, a critério exclusivo da Lei Federal nº 13.146/2015; nas categorias discriminadas nos arts. 3º e 4º do Decreto Federal nº
Administração Pública. 3.298/1999, com as alterações introduzidas pelo Decreto Federal nº 5.296/2004; no § 1º do art.
2.5. O cadastro reserva para todos os cargos será aberto, ou seja, o candidato que atingir os 1º da Lei Federal nº 12.764/2012 (Transtorno do Espectro Autista); nos arts. 3º e 5º da Lei
requisitos de aprovação, entretanto não conseguir pontuação para figurar dentro do número de Distrital nº 4.317/2009; no § 6º do art. 8º da Lei Distrital nº 4.949/2012, observados os
vagas ofertadas deste Edital, fará parte do cadastro reserva, sem limitação e somente será dispositivos da Convenção sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência e seu Protocolo
aproveitado mediante a abertura de novas vagas, atendendo aos interesses de conveniência e de Facultativo, ratificados pelo Decreto Federal nº 6.949/2009 e da Lei nº 14.126/2021.
oportunidade da Administração pública, sem que caiba à SES/DF qualquer obrigatoriedade de 4.1.2. O candidato que se inscrever na condição de pessoa com deficiência onde não haja vaga
reaproveitamento do cadastro reserva até o término da validade do Concurso Público. reservada, somente poderá ser contratado nesta condição se houver ampliação das vagas
3. DOS REQUISITOS PARA INVESTIDURA NO CARGO inicialmente ofertadas neste Edital, a critério do SES/DF.
3.1. O candidato aprovado no Concurso Público de que trata este Edital só será nomeado no 4.1.3. A utilização de material tecnológico de uso habitual não impede a inscrição na reserva de
cargo se atendidas todas as exigências a seguir descritas: vagas; porém, a deficiência do candidato deve permitir o desempenho adequado das atribuições
a) ser brasileiro nato ou naturalizado e no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo especificadas para o cargo, admitida a correção por equipamentos, adaptações, meios ou
estatuto; recursos especiais.
de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, 4.1.4. No ato da inscrição, o candidato com deficiência deverá declarar que está ciente das
na forma atribuições do cargo para o qual pretende se inscrever e que, no caso de vir a exercê-lo, poderá
do art. 13 do Decreto nº 70.436, de 18/04/1972; ser submetido à avaliação pelo desempenho dessas atribuições.
b) ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos na data de posse; 4.1.5 O candidato com deficiência, durante o preenchimento da ficha de inscrição, além de
c) estar quite com as obrigações eleitorais; observar os procedimentos descritos no item 6 deste Edital, deverá proceder da seguinte forma:
d) estar quite com as obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino;
a) informar se possui deficiência;
e) encontrar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis;
b) selecionar o tipo de deficiência;
f) não ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade incompatível com nova investidura
c) informar o código correspondente da Classificação Internacional de Doença e Problemas
em cargo público;
Relacionados à Saúde – CID da sua deficiência;
g) não ter sofrido nenhuma condenação em virtude de crime contra a Administração, com
trânsito em julgado; d) informar se necessita de condições especiais para a realização das provas.
h) ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo; 4.1.6. Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato deverá enviar eletronicamente ao
i) apresentar atestado médico, nos casos de candidatos com deficiência, declarando a deficiência IBFC os documentos a seguir:
que possui, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de a) comprovante de inscrição ou isenção para identificação do candidato;
Doenças (CID-10) e declarando, ainda, estar apto a desenvolver as atribuições inerentes ao b) laudo médico atestando a espécie e o grau de deficiência, com expressa referência ao código
cargo; correspondente da Classificação Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde –
j) não receber proventos de aposentadoria decorrentes do art. 40 ou dos arts. 42 e 142, conforme CID-10, bem como a provável causa da deficiência;
teor do Artigo 37, § 10 da Constituição Federal, com a redação da Emenda Constitucional nº 20, c) requerimento de Atendimento Especial (Anexo I), devidamente preenchido e assinado, para
de 15/12/98, e nem estar com idade de aposentaria compulsória; assegurar previsão de adaptação da sua prova, se houver.
k) não possuir registro de antecedentes criminais nos últimos 5 (cinco) anos, ficando impedido a 4.1.6.1. Os candidatos com deficiência deverão fazer o envio eletrônico, via link específico no
nomeação site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais” dos documentos
nos casos em que houver ação penal com sentença condenatória transitada em julgado, enquanto comprobatórios elencados no item 5.1.6, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo
durarem V, conforme orientações a seguir:
seus efeitos, garantido o contraditório e a ampla defesa; a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos formatos,
l) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo;
órgãopúblico ou entidade da esfera federal, estadual, municipal ou do Distrito Federal; b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá fracionar
m) estar registrado e com a situação regularizada junto ao órgão correspondente à sua os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste Edital, gerando um
formaçãoprofissional; número de protocolo para cada envio;
n) ser aprovado no presente Concurso Público e possuir os requisitos básicos exigidos para o c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar as
exercício do cargo, conforme item 2.2.1 deste Edital; duas imagens para análise;
o) apresentar declaração de que não acumula cargo, emprego ou função pública, ou proventos de d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a
inatividade, ressalvadas as possibilidades de acumulação lícita previstas no inciso XVI do art. 37 análise da documentação com clareza;
da Constituição Federal; e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
p) atender a todas as exigências estabelecidas neste Edital. protocolos estão corretas;
3.2. A nomeação dos candidatos aprovados respeitará a ordem de classificação, observados os f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato e/ou
critérios de alternância e de proporcionalidade entre a classificação da ampla concorrência, da documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
reserva de vagas aos candidatos com deficiência, candidatos negros e candidatos 4.1.6.2. Em hipótese alguma serão recebidos e/ou conhecidos documentos fora do prazo, do
hipossuficientes, observado o percentual de reserva fixado. horário estabelecido ou em desacordo com o disposto neste Edital.
3.3. O candidato que não atender, no ato da admissão, aos requisitos deste Edital será 4.1.7. O candidato que não atender os dispositivos mencionados nos itens 4.1.6. e 4.1.6.1. deste
considerado desistente, excluído automaticamente do Concurso Público, perdendo seu direito à Edital, não será considerado Pessoa com Deficiência para fins de reserva de vagas e não terá a
vaga e possibilitando a convocação do próximo candidato na lista de classificação, a critério da prova e/ou condição especial atendidas, seja qual for o motivo alegado.
SES/DF. 4.1.8. O candidato com deficiência que não preencher os campos específicos da ficha de
4. DA RESERVA DE VAGAS inscrição e não cumprir o determinado neste Edital terá a sua inscrição processada como
4.1. DAS VAGAS DESTINADAS ÀS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA: candidato de ampla concorrência e não poderá alegar posteriormente essa condição para
4.1.1. Às pessoas com deficiência é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das reivindicar a prerrogativa legal.
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, 4.1.9. Ressalvadas as disposições especiais contidas neste Edital, o candidato com
nos termos da Lei nº 4.949/2012. deficiência participará deste Concurso Público em igualdade de condições com os demais

IBANEIS ROCHA
Governador

DIÁRIO OFICIAL MARCUS VINICIUS BRITTO


Vice-Governador

DO DISTRITO FEDERAL GUSTAVO DO VALE ROCHA


Secretário de Estado Chefe da Casa Civil
Redação, Administração e Editoração:
Anexo do Palácio do Buriti, Sala 102, Térreo. RAIANA DO EGITO MOURA
CEP: 70075-900, Brasília/DF. Subsecretária de Atos Oficiais
Telefones: (0XX61) 3961-4503 - 3961-4596
ANTÔNIO PÁDUA CANAVIEIRA
Subsecretário de Tecnologia da Informação

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 3 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

candidatos, no que tange ao horário, ao conteúdo, à correção das provas, aos critérios de quesito cor ou raça utilizado pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -
avaliação e aprovação, à pontuação mínima exigida e a todas as demais normas deste IBGE.
Concurso Público. 4.2.4. Os candidatos negros concorrerão concomitantemente às vagas reservadas e às vagas
4.1.10. A realização de provas na condição especial solicitada pelo candidato com destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação no Concurso Público.
deficiência será condicionada à legislação específica e à possibilidade técnica examinada 4.2.5. Até o final do período de inscrição do Concurso Público, será facultado ao candidato
pelo IBFC, segundo os critérios de viabilidade e razoabilidade. desistir de concorrer pelo sistema de reserva de vagas.
4.1.11. A classificação e aprovação do candidato não garantem a ocupação das vagas 4.2.6. A autodeclaração do candidato goza da presunção relativa de veracidade.
reservadas às pessoas com deficiência, devendo o candidato, ainda, submeter-se à 4.2.7. A autodeclaração do candidato será confirmada mediante procedimento de
Avaliação Biopsicossocial promovida pelo IBFC antes do Resultado Final. heteroidentificação étnico-racial.
4.1.12. Os candidatos deverão comparecer à Avaliação Biopsicossocial de acordo com a
4.2.8. Os candidatos que optarem por concorrer às vagas reservadas às pessoas negras, ainda
data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V e horário que será informado na
que tenham obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência e satisfizerem as
convocação, munidos de original e/ou cópia:
condições de habilitação estabelecidas em edital, deverão se submeter ao procedimento de
a) documento de identidade original;
heteroidentificação.
b) Atestado/Laudo emitido, conforme modelo do Anexo II, por equipe multiprofissional e
4.2.9. A presunção relativa de veracidade de que goza a autodeclaração do candidato
interdisciplinar, emitido há no máximo 12 meses que ateste a espécie e o grau ou nível de
prevalecerá em caso de dúvida razoável a respeito de seu fenótipo, motivada no parecer da
deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação
Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial e Comissão Recursal de
Internacional de Doenças (CID?10), bem como à provável causa da deficiência;
Heteroidentificação Étnico-racial.
c) se for o caso, de exames complementares específicos que comprovem a deficiência
4.2.10. Somente será convocado para o procedimento de heteroidentificação étnico-racial, no
física;
mínimo, a quantidade de candidatos equivalente a 3 (três) vezes o número de vagas
d) se for o caso, apresentar os graus de autonomia;
reservadas às pessoas negras previstas neste edital, ou 10 (dez) candidatos, o que for maior,
e) se for o caso, constar se faz uso de órteses, próteses ou adaptações;
resguardadas as condições de aprovação estabelecidas neste Edital de Concurso, incluindo
f) no caso de deficiência mental, no laudo deverá constar a data do início da doença, áreas
eventuais empates na última posição de classificação.
de limitação associadas e habilidades adaptadas;
g) no caso de deficiência múltipla, no laudo deverá constar a associação de duas ou mais 4.2.11. A classificação e aprovação do candidato não garantem a ocupação das vagas
deficiências; reservadas às pessoas negras, devendo o candidato, ainda, submeter-se ao Procedimento de
h) no caso de deficiência auditiva, o candidato deverá apresentar, além do laudo médico, Heteroidentificação Étnico-Racial promovida pelo IBFC antes do Resultado Final, na data
exame audiométrico (audiometria), realizado nos últimos 12 meses; indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
i) no caso de deficiência visual, o laudo médico deverá conter informações expressas 4.2.12. A Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial será composta por 5
sobre a acuidade visual aferida, com e sem correção, e sobre a somatória da medida do (cinco) membros e seus suplentes, devendo atender ao critério da diversidade, garantindo que
campo visual em ambos os olhos. sejam distribuídos por gênero, cor e, preferencialmente, naturalidade.
4.1.12.1. O Atestado/Laudo Médico (original e/ou cópia simples) e demais documentos 4.2.13. O candidato que não comparecer ao procedimento de heteroidentificação étnico-racial
complementares serão retidos pelo IBFC por ocasião da realização da Avaliação será eliminado do Concurso Público, dispensada a convocação suplementar de candidatos
Biopsicossocial. não habilitados.
4.1.13. As vagas reservadas neste Edital que não forem providas por falta de inscrição, 4.2.14. A Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial utilizará exclusivamente
neste Concurso, de candidatos na condição de pessoa com deficiência ou por não o critério fenotípico para aferição da condição declarada pelo candidato no Concurso Público.
aprovação desses candidatos serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a 4.2.15. Serão consideradas as características fenotípicas do candidato ao tempo da realização
classificação geral (ampla concorrência). do procedimento de heteroidentificação étnico-racial.
4.1.14. O candidato que, no ato da inscrição, se declarar com deficiência, se for 4.2.16. Não serão considerados, quaisquer registros ou documentos pretéritos eventualmente
considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial e não for eliminado do apresentados, inclusive imagem e certidões referentes a confirmação em procedimentos de
concurso, terá seu nome publicado em lista específica de pessoas com deficiência e heteroidentificação realizados em concursos públicos federais, estaduais, distritais e
figurará também na lista de classificação geral (ampla concorrência). municipais.
4.1.15. O candidato não considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial 4.2.17. O procedimento de heteroidentificação étnico-racial será filmado e/ou fotografado, e
perderá o direito às vagas reservadas e será eliminado deste Concurso Público, caso não seus registros serão utilizados na análise de eventuais recursos interpostos pelos candidatos
tenha atingido os critérios classificatórios da ampla concorrência, pela qual passará a perante a Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial.
concorrer, dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados. 4.2.17.1. O candidato que recusar a realização da filmagem e/ou fotografia do procedimento
4.1.16. Após a admissão do candidato com deficiência, esta condição não poderá ser para fins de heteroidentificação, será eliminado do Concurso Público, dispensada a
arguida para justificar a concessão de readaptação, licença por motivo de saúde ou convocação suplementar de candidatos não habilitados.
aposentadoria por invalidez. 4.2.18. Serão eliminados do Concurso Público os candidatos cujas autodeclarações não
4.1.17. Os candidatos com deficiência aprovados para as vagas a eles destinadas e para as forem confirmadas em procedimento de heteroidentificação étnico-racial, ainda que tenham
vagas reservadas a negros e/ou às reservadas às pessoas hipossuficientes, convocados obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência e independentemente de
concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas. alegação de boa-fé.
4.1.18. Perderá o direito de concorrer às vagas reservadas às pessoas com deficiência o 4.2.19. A eliminação de candidato por não confirmação da autodeclaração não enseja o dever
candidato que: de convocar suplementarmente candidatos não convocados para o procedimento de
a) deixar de efetuar a inscrição pela Internet; heteroidentificação.
b) omitir informações e/ou torná-las inverídicas; 4.2.20. Das decisões da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial caberá
c) fraudar e/ou falsificar documentação; recurso dirigido à Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial, nos termos deste
d) não fizer o envio eletrônico dos documentos, conforme itens 4.1.6 e 4.1.6.1 deste Edital.
Edital; 4.2.20.1. A Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial será composta por 3
e) não observar o prazo e os horários estabelecidos neste Edital; (três) pessoas que não façam parte da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-
f) não encaminhar os documentos comprobatórios no seu próprio login; racial composta para o mesmo certame.
g) não for considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial; 4.2.21. Os candidatos negros aprovados dentro do número de vagas oferecido à ampla
h) não apresentar os documentos para a avaliação biopsicossocial; concorrência não preencherão as vagas reservadas a candidatos negros, sendo, dessa forma,
i) não comparecer à avaliação biopsicossocial; automaticamente excluídos da lista de candidatos negros aprovados.
j) enviar documentação em desacordo com este Edital. 4.2.22. Em caso de desistência de candidato negro aprovado em vaga reservada, a vaga será
4.1.20. O resultado da Avaliação Biopsicossocial será divulgado no endereço eletrônico preenchida pelo candidato negro posteriormente classificado.
do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma 4.2.23. Na hipótese de não haver número de candidatos negros aprovados suficiente para
Previsto – Anexo V. ocupar as vagas reservadas, as vagas remanescentes serão revertidas para à ampla
4.2. DAS VAGAS DESTINADAS AOS NEGROS: concorrência e serão preenchidas pelos demais candidatos aprovados, observada a ordem de
4.2.1. Às pessoas Negras é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas classificação.
existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, nos 4.2.24. O candidato inscrito como negro participará deste Concurso Público em igualdade de
termos da Lei Federal nº 12.990/2014, da Lei nº 6.321/2019 e Decreto nº 42.951/2022. condições com os demais candidatos, no que se refere aos conteúdos das provas, à avaliação
4.2.2. A reserva de vagas será aplicada sempre que o número de vagas oferecidas for e aos critérios de aprovação, ao dia, ao horário e ao local de aplicação das provas, e à nota
igual ou superior a 3 (três). exigida para todos os demais candidatos.
4.2.2.1. Quando a aplicação do percentual resultar em número fracionado, esse será 4.2.25. Os candidatos negros aprovados para as vagas a eles destinadas e para as vagas
aumentado para o primeiro número inteiro subsequente, em caso de fração superior a 0,5 reservadas a deficiência e/ou às reservadas às pessoas hipossuficientes, convocados
(cinco décimos), ou diminuído para o primeiro número inteiro antecedente, em caso de concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas.
fração igual ou inferior a 0,5 (cinco décimos). 4.2.26. Os currículos dos membros da Comissão Ordinária de Heteroidentificação
4.2.3. Poderão concorrer às vagas reservadas a candidatos negros aqueles que se Étnicoracial serão divulgados no site do IBFC www.ibfc.org.br, sendo resguardos o sigilo
autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição no Concurso Público, conforme o dos nomes dos membros.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 4 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

4.2.27. O resultado do Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial será 4.3.13. A inscrição deferida como candidatos Hipossuficientes será divulgado no endereço
divulgado no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção
data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
4.3. DAS VAGAS DESTINADAS AOS HIPOSSUFICIENTES: 5. DAS ETAPAS DO CONCURSO PÚBLICO
4.3.1. Às pessoas hipossuficientes é assegurado o percentual de 10% (dez por cento) das 5.1. O Concurso Público de que trata este Edital será composto de uma única etapa,
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso constituída de Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.
Público, nos termos da Lei nº 6.741/2020. 5.2. A Prova Objetiva, para todos os candidatos, bem como a Avaliação Biopsicossocial
4.3.2. A reserva de vagas é aplicada sempre que o número de vagas oferecidas no para os candidatos que se declararem com Deficiência e o Procedimento de
Concurso Público seja igual ou superior a 10. Heteroidentificação Étnico-Racial complementar à autodeclaração dos candidatos Negros
4.3.3. Na hipótese de quantitativo fracionado para o número de vagas reservadas a serão realizados no Distrito Federal.
candidatos hipossuficientes, aplica-se a seguinte regra: 5.2.1 Havendo indisponibilidade de locais suficientes ou adequados de realização das
a) em caso de fração igual ou maior que 0,5, o número é aumentado para o primeiro provas, estas poderão ser realizadas em outras localidades.
número inteiro subsequente; 5.3. Os candidatos arcarão com todas as despesas advindas de seus deslocamentos,
b) em caso de fração menor que 0,5, o número é diminuído para número inteiro obrigatórios ou voluntários, referentes à sua participação no Concurso Público.
imediatamente inferior. 5.4. Para realização das etapas, torna-se necessário que o candidato siga o protocolo de
4.3.4. São Hipossuficientes, cumulativamente, aqueles: segurança quanto à prevenção e controle da transmissão da Covid-19 especificados no
a) cuja renda familiar mensal per capita não exceda o valor de até 1,5 salário mínimo; item 14 deste Edital.
b) que tenha cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em 5.5. Os horários mencionados no presente edital e nos demais editais a serem publicados
instituições privadas na condição de bolsista integral. para o Concurso Público obedecerão ao horário oficial de Brasília.
4.3.4.1. Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato deverá enviar 6. DAS INSCRIÇÕES
eletronicamente ao IBFC os documentos a seguir: 6.1. Disposições Gerais sobre as inscrições:
a) documento de identidade (frente e verso); 6.1.1. A inscrição do candidato neste Concurso Público implicará:
b) certificado de conclusão do ensino médio (somente candidato); a) o conhecimento e a tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital,
c) documentos de todos os membros familiares residentes no mesmo domicílio: em relação às quais não poderá alegar desconhecimento e, ainda, a ciência de que, caso
c1) documento oficial de identificação com foto, filiação e assinatura; aprovado e convocado, deverá entregar os documentos comprobatórios exigidos para
c2) cadastro de pessoa física–CPF; contratação e submeter-se aos exames médicos para contratação;
c3) contracheques ou comprovante de renda bruta similar do mês de mês de b) o aceite e a autorização do uso dos seus dados pessoais fornecidos, sensíveis ou não,
fevereiro/2022, de cada membro da família que se enquadre nessa situação; para tratamento e processamentos inerentes a este certame, incluindo autorização das
c4) CTPS contendo as páginas de identificação pessoal, de contrato de serviço, inclusive publicações do seu nome, número de inscrição, data de nascimento, resultados e notas
a primeira página em branco (subsequente a última página que conste o último contrato), obtidas no decorrer de todo o certame.
e de atualizações de salário de cada membro da família que se enquadre nessa situação; 6.1.2. Objetivando evitar ônus desnecessário, o candidato deverá orientar-se no sentido de
c.5) no caso de servidores públicos de contratação sob regime estatutário, onde não haja somente efetuar a inscrição e recolher o valor respectivo da taxa de inscrição após tomar
assinatura da carteira de trabalho, o candidato deverá enviar, em substituição a CTPS, conhecimento do disposto neste Edital, seus anexos, eventuais retificações e avisos
certidão de tempo de serviço com a identificação pessoal, salário e atualizações. complementares e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para o cargo.
4.3.4.1.1. Os candidatos Hipossuficientes deverão fazer o envio eletrônico, via link 6.1.3. As informações prestadas na ficha de inscrição e/ou na solicitação de isenção de
específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais” pagamento da taxa de inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, eximindo-se
dos documentos comprobatórios elencados no item 5.3.4.1, no período indicado no SES/DF e o IBFC de quaisquer atos ou fatos decorrentes de informação incorreta,
Cronograma Previsto – Anexo V, conforme orientações a seguir: endereço inexato ou incompleto ou opção incorreta referente aos cargos pretendidos
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos fornecidos pelo candidato.
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por 6.1.4. Declarações falsas ou inexatas constantes na ficha de inscrição determinarão o cancelamento da
arquivo; inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes, em qualquer época, sem prejuízo das sanções
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá civis e penais cabíveis, sendo assegurado ao candidato o direito de recurso.
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste 6.1.5. No ato da inscrição é de responsabilidade do candidato a veracidade e exatidão dos
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; dados informados na ficha de inscrição, sob as penas da lei.
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá 6.1.5.1. O candidato, ao efetuar sua inscrição, não poderá utilizar abreviaturas quanto ao
anexar as duas imagens para análise; nome, data de nascimento, localidades de nascimento e de residência.
d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir 6.1.6. O valor de inscrição pago pelo candidato é pessoal e intransferível.
a análise da documentação com clareza; 6.1.7. Não serão aceitas as solicitações de inscrição que não atenderem ao estabelecido
e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela neste Edital.
de protocolos estão corretas; 6.1.8. No ato da inscrição, o candidato deverá optar somente por um cargo que vai
f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato concorrer, conforme previsto no item 2.1 deste Edital. Não será admitida ao candidato a
e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido. alteração do cargo após efetivação da inscrição.
4.3.5. Na hipótese de constatação de declaração falsa, o candidato é eliminado do 6.1.8.1. O candidato que tiver mais de uma inscrição paga e/ou deferida na solicitação da
concurso e, se houver sido nomeado, fica sujeito à anulação da sua admissão ao serviço isenção terá somente a última inscrição validada, sendo as demais canceladas.
ou emprego público, após procedimento administrativo em que lhe sejam assegurados o 6.1.8.2. O valor referente ao pagamento da inscrição não será devolvido em hipótese
contraditório e a ampla defesa, sem prejuízo de outras sanções cabíveis. alguma, salvo nas condições legalmente previstas.
4.3.6. Os candidatos hipossuficientes concorrem, concomitantemente, às vagas 6.1.10. Durante o período das inscrições, o candidato que não tiver acesso à internet,
reservadas e às vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua poderá utilizar o posto de atendimento do IBFC, em dias úteis e no horário compreendido
classificação no concurso. entre 10h e 16h no seguinte endereço: Finatec - Fundação de Empreendimentos Científicos
4.3.7. Os candidatos hipossuficientes aprovados dentro do número de vagas oferecido e Tecnológicos - Ed. Finatec, bloco G, sala 104/106, Campus Darcy Ribeiro - Avenida L3,
para ampla concorrência não são computados para efeito do preenchimento das vagas Asa Norte - Brasília – DF.
reservadas. 6.2. Dos Procedimentos para Inscrição:
4.3.8. Em caso de desistência de candidato hipossuficiente aprovado em vaga reservada, 6.2.1. As inscrições para este Concurso Público serão realizadas pela Internet, no endereço
a vaga é preenchida pelo candidato hipossuficiente posteriormente classificado. eletrônico do IBFC www.ibfc.org.br, na aba “Inscrição e 2ª via do Boleto” e encontrar-se-
4.3.9. Na hipótese de não haver número de candidatos hipossuficientes aprovados para ão abertas no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
ocupar as vagas reservadas, as vagas remanescentes são revertidas para a ampla 6.2.2. Para inscrever-se neste Concurso Público, o candidato deverá, durante o período das
concorrência e preenchidas pelos demais candidatos aprovados, observada a ordem de inscrições, efetuar sua inscrição conforme os procedimentos estabelecidos a seguir:
classificação. a) ler atentamente este Edital e o Formulário Eletrônico de Inscrição;
4.3.10. A nomeação dos candidatos aprovados respeita os critérios de alternância e b) preencher o Formulário Eletrônico de Inscrição e transmitir os dados pela Internet,
proporcionalidade, que consideram a relação entre o número de vagas total e o número providenciando a impressão do comprovante de Inscrição Finalizada;
de vagas reservadas a candidatos com deficiência e a candidatos hipossuficientes. c) imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da importância referente à inscrição
4.3.11. Os candidatos hipossuficientes aprovados para as vagas a eles destinadas e para descrita no item 6.2.3 deste Edital, até o dia do vencimento em qualquer agência bancária;
as vagas reservadas a deficiência e/ou às reservadas aos negros, convocados d) O candidato poderá utilizar a opção de imprimir a 2ª via do boleto para efetuar o
concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma pagamento de sua inscrição até o prazo de pagamento indicado no Cronograma Previsto –
delas. Anexo V. O candidato que não efetuar o pagamento da inscrição até a data de vencimento
4.3.12. O candidato inscrito como hipossuficientes participará deste Concurso Público em do boleto ficará impossibilitado de participar do Concurso Público.
igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere aos conteúdos das 6.2.3. O valor da taxa de inscrição será de R$ 130,00 (cento e trinta reais).
provas, à avaliação e aos critérios de aprovação, ao dia, ao horário e ao local de aplicação 6.2.4. Em caso de feriado ou evento que acarrete o fechamento de agências bancárias, o
das provas, e à nota exigida para todos os demais candidatos. boleto bancário deverá ser pago antecipadamente.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 5 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

6.2.5. Não será aceito pagamento do valor da inscrição por meio de cheque, depósito em c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar
caixa eletrônico, pelos Correios, transferência eletrônica, DOC, TED, PIX, ordem de as duas imagens para análise;
pagamento ou depósito comum em conta corrente, condicional, crédito após o prazo ou d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir
fora do período de inscrição ou por qualquer outro meio que não os especificados neste a análise da documentação com clareza;
Edital. e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
6.2.6. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizam quando os motivos de ordem técnica protocolos estão corretas;
não lhes forem imputáveis por inscrições ou solicitações de isenção não recebidos por f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato
falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, falhas de e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
impressão, problemas de ordem técnica nos computadores utilizados pelos candidatos, 6.3.3. Da condição do CadÚnico:
bem como por outros fatores alheios que impossibilitem a transferência dos dados e a a) o IBFC consultará o órgão gestor do CadÚnico para verificar a veracidade das
impressão do boleto bancário. informações prestadas pelo candidato no ato da inscrição;
6.2.7. A efetivação da inscrição somente se dará com o adequado preenchimento de todos b) não será concedida a isenção do pagamento do valor da inscrição a candidato que não
os campos da ficha de inscrição pelo candidato e pagamento do respectivo valor da taxa possua o Número de Identificação Social (NIS) já identificado e confirmado na base de
de inscrição ou deferimento na solicitação da isenção. dados do CadÚnico, na data da sua inscrição;
6.2.8. O descumprimento das instruções para a inscrição pela Internet implicará na não c) não serão analisados os pedidos de isenção sem indicação do número do NIS e, ainda,
efetivação da inscrição. aqueles que não contenham informações suficientes para a correta identificação do
6.2.9. O comprovante de inscrição do candidato será o próprio boleto, devidamente candidato na base de dados do Órgão Gestor do CadÚnico;
quitado ou requerimento deferido na solicitação da isenção. d) os dados informados pelo candidato, no ato da inscrição, deverão ser exatamente
6.2.10. É de inteira responsabilidade do candidato a manutenção sob sua guarda do iguais aos que foram declarados ao Órgão Gestor do CadÚnico.
comprovante do pagamento do valor da taxa de inscrição, para posterior apresentação, se 6.3.4. Não será concedida isenção do pagamento do valor de inscrição ao candidato que:
necessário. a) deixar de efetuar a inscrição pela Internet;
6.2.11. O candidato inscrito por terceiro assume total responsabilidade pelas informações b) omitir informações e/ou torná-las inverídicas;
prestadas por seu representante, arcando com as consequências de eventuais erros no c) fraudar e/ou falsificar documentação;
preenchimento da ficha de inscrição e/ou da solicitação de isenção de pagamento do valor d) não fizer o envio eletrônico dos documentos comprobatórios;
da taxa de inscrição. e) não observar o prazo e os horários estabelecidos neste Edital;
6.3. Da Isenção do Pagamento do Valor de Inscrição: f) não encaminhar os documentos comprobatórios no seu próprio login;
6.3.1. Para a realização da solicitação de isenção do pagamento da inscrição, o candidato g) realizar sua inscrição em desacordo com este Edital.
deverá preencher o Requerimento de Isenção do Pagamento de Inscrição no site do IBFC - 6.3.5. As informações prestadas no requerimento de isenção do pagamento do valor de
www.ibfc.org.br, na aba “Inscrição e 2ª via do Boleto”, no período indicado no inscrição serão de inteira responsabilidade do candidato, podendo responder, a qualquer
Cronograma Previsto – Anexo V, no qual deverá se enquadrar em uma das seguintes momento, por crime contra a fé pública, o que acarreta sua eliminação do Concurso
condições: Público.
a) Decreto Federal nº 6.593/2008 e nº 6.135/2007 (isenção total - Cadastro Único para 6.3.6. Não será aceita solicitação de isenção do pagamento de valor de inscrição fora dos
Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e for membro de família de baixa meios descritos neste Edital.
renda): para comprovar a condição, o candidato deverá estar inscrito no Cadastro Único 6.3.7. A declaração falsa de dados para fins de isenção do pagamento do valor de
para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e indicar seu número de inscrição determinará o cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela
Identificação Social (NIS), no requerimento de inscrição, não sendo necessário envio de decorrentes, em qualquer época, sem prejuízo das sanções civis e penais cabíveis pelo
documentação; teor das afirmativas, assegurado o contraditório e a ampla defesa.
b) Lei nº 4.949/2012 (isenção total - Doador de Sangue): certificado emitido por 6.3.8. O pedido de isenção do pagamento do valor de inscrição que não atender a
instituição pública de saúde, que comprove ter feito, no mínimo, três doações a menos de quaisquer das exigências determinadas neste Edital será indeferido, assegurado ao
um ano antes da inscrição, sendo considerado como marco para contagem do período de candidato o direito de recurso.
um ano a data de término do período de inscrição neste Concurso Público; 6.3.9. O candidato que tiver sua solicitação de isenção deferida terá sua inscrição
c) Lei nº 4.949/2012 (isenção total – recebimento de benefício de programa social efetivada automaticamente no Concurso Público.
instituído pelo Governo do Distrito Federal): certidão ou declaração equivalente expedida 6.3.10. O candidato que tiver seu pedido de isenção do pagamento do valor de inscrição
no presente ano pelo GDF que comprove recebimento de benefício de programa social de indeferido, assim como eventual recurso apresentado indeferido, e que mantiver interesse
complementação ou suplementação de renda instituído pelo GDF; em participar do certame deverá efetuar sua inscrição, observando os procedimentos e
d) Lei nº 5.818/2017 (isenção total – prestação de serviço à Justiça Eleitoral do Distrito valores para candidatos pagantes previstos no item 6 deste Edital.
Federal): declaração ou diploma expedido pela Justiça Eleitoral do Distrito Federal que 6.3.11. Constatada a irregularidade, a inscrição do candidato será automaticamente
comprove a prestação de serviço à Justiça Eleitoral por, no mínimo, duas eleições cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes, observado o contraditório e
consecutivas ou não, considerado cada turno como uma eleição, contendo o nome a ampla defesa.
completo do eleitor, a função desempenhada, o turno e a data da eleição; 6.3.12. O resultado da análise do requerimento de isenção do pagamento do valor de
e) Lei nº 6.314/2019 (isenção total – Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da inscrição será divulgado no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da
Juventude): documento comprobatório do exercício da atividade voluntária e não Inscrição e Correção Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
remunerada de Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude, emitido 7. DO ATENDIMENTO ESPECIAL
pelo órgão judiciário correspondente, em que conste o período no qual o candidato 7.1. Das lactantes:
exerceu a referida atividade. O candidato poderá se beneficiar da isenção de taxa de 7.1.1. A candidata lactante que tiver necessidade de amamentar durante a realização das
inscrição até um ano após o seu desligamento da atividade voluntária e não remunerada de provas, nos termos da Lei nº 4.949/2012, deverá indicar no formulário de inscrição que é
Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude; lactante.
f) Lei nº 6.637/2020: (isenção total - Pessoa com Deficiência): para comprovação o 7.1.2. Terá o direito previsto no item 7.1.1 a mãe cujo filho tiver até 7 (sete) meses
candidato deverá estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo incompletos no dia da realização da prova e apresentar ao fiscal de provas a certidão de
Federal – CadÚnico e indicar seu número de Identificação Social (NIS), no requerimento nascimento do lactente.
de inscrição e enviar o laudo médico que deve atestar a espécie e o grau ou o nível de sua 7.1.3. A candidata deverá trazer um acompanhante adulto maior de 18 (dezoito) anos,
deficiência, com expressa referência ao Código Internacional de Doenças (CID-10); que ficará em sala reservada com a criança e será o responsável pela sua guarda.
g) Lei nº 5.968/2017 (isenção parcial – Doador de Medula Óssea): documento expedido pela 7.1.3.1. A candidata que não levar acompanhante adulto não poderá permanecer com a
entidade coletora ou pela entidade responsável por cadastro de doador de medula óssea. criança no local de realização das provas, acarretando à candidata a impossibilidade de
6.3.1.1. O candidato cujo pedido de isenção parcial de Doador de Medula Óssea for realização da prova.
deferido deverá emitir a 2ª via do Boleto, conforme o disposto no item 6.2.2 deste edital, e 7.1.3.2. O IBFC não disponibilizará acompanhante para guarda de criança.
efetuar o pagamento de 50% da taxa de inscrição até o último dia de pagamento indicado 7.1.4. A candidata terá o direito de proceder à amamentação a cada intervalo de 2 (duas)
no Cronograma Previsto – Anexo V, sob pena de ser automaticamente excluído do horas, por até 30 (trinta) minutos, por filho.
Concurso Público. 7.1.5. A contagem do tempo de realização das provas é suspensa para a candidata
6.3.2. Para comprovar as condições das alíneas “b” a “g” do item 6.3.1, o candidato lactante nos períodos em que esteja amamentando, compensando-se durante a realização
deverá fazer o envio eletrônico, via link específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na da prova em igual período para lhe assegurar igualdade de condições com os demais
aba “Editais e Publicações Oficiais”, até o último dia de solicitação de isenção indicado no candidatos.
Cronograma Previsto – Anexo V, dos documentos comprobatórios de isenção de sua 7.1.6. Para garantir a aplicação dos termos e condições deste Edital, a candidata, durante
escolha, conforme orientações a seguir: o período de amamentação, será acompanhada por uma fiscal, sem a presença do
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos responsável pela guarda da criança.
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; 7.2. Da Função de Jurado:
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá 7.2.1. O candidato que exerceu efetivamente a Função de Jurado, no período entre a data
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste de publicação da Lei federal nº 11.689/2008 e a data de publicação deste Edital, deverá
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; prestar esta informação no ato de inscrição e fazer o envio eletrônico, conforme o item

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 6 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

7.6, de certidões, declarações, atestados ou outros documentos públicos para utilização, se d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a
necessário, como um dos critérios de desempate, conforme alínea “h” do item 12.3. análise da documentação com clareza;
7.3. Do Nome Social (Travesti ou Transexual): e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
7.3.1. O candidato Travesti ou Transexual (pessoa que se identifica e quer ser reconhecida protocolos estão corretas;
socialmente, em consonância com sua identidade de gênero), nos termos da Lei nº f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato e/ou
4.949/2012, que desejar ser atendido pelo Nome Social durante a realização das provas, documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
poderá solicitar essa condição no ato da inscrição. Neste caso, o candidato deverá fazer o 7.6.2. O fornecimento do laudo médico e o Anexo I é de responsabilidade exclusiva do candidato.
envio eletrônico de documentos comprobatórios da condição que motiva a solicitação de 7.7. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizarão por laudos médicos ou pareceres que não
atendimento, conforme item 7.6. tenham sido recebidos por fatores de ordem técnica dos computadores, os quais impossibilitem a
7.4. Da necessidade de realizar prova Armado: transferência dos dados e/ou causem falhas de comunicação ou congestionamento das linhas de
7.4.1. O candidato que for amparado pela Lei nº 10.826/2003, e suas alterações, e transmissão de dados. O laudo médico emitido por profissional de saúde terá validade somente
necessitar realizar a prova armado deverá solicitar o atendimento especial no ato da para este Concurso Público.
inscrição e fazer o envio eletrônico, conforme item 7.6, dos documentos de identidade, 7.8. Verificada falsidade em qualquer declaração e/ou nos documentos apresentados para
CPF, Certificado de Registro de Arma de Fogo e Autorização de Porte, conforme obtenção de condições especiais para a realização das provas, poder-se-á anular a inscrição, as
definidos na referida lei: provas e a admissão do candidato, a qualquer tempo, mesmo após o término das etapas do
a) o candidato amparado pela Lei Federal nº 10.826/2003, e suas alterações, que não Concurso Público.
solicitar o atendimento especial, não poderá portar armas no ambiente de provas, e, caso 7.9. Os candidatos que não atenderem aos dispositivos mencionados no item 7 deste Edital não
descumpra o estabelecido neste edital, estará automaticamente eliminado do concurso; terão a prova e/ou condições especiais atendidas.
b) os candidatos que não forem amparados pela Lei Federal nº 10.826/2003, e suas 7.10. A solicitação de atendimento especial será atendida segundo os critérios de viabilidade e
alterações, não poderão portar armas no ambiente de provas. razoabilidade.
7.5. Das outras condições: 7.11. O resultado da análise do atendimento especial será divulgado no site do IBFC -
7.5.1. O candidato que, por qualquer razão, passe a necessitar de outras condições www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção Cadastral”, na data indicada no
especiais para a realização das provas, poderá solicitar essa condição no ato da inscrição e Cronograma Previsto – Anexo V.
deverá fazer o envio eletrônico, conforme item 7.6, do Anexo I - Requerimento de 8. DAS INSCRIÇÕES DEFERIDAS E CORREÇÃO CADASTRAL
Atendimento Especial e do laudo médico atestando a espécie e o grau de deficiência, com 8.1. O resultado das Inscrições Deferidas (Ampla Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência-
expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças e PCD, Negros, Hipossuficientes e Atendimento Especial), será divulgado no endereço eletrônico
Problemas Relacionados à Saúde – CID-10, bem como a provável causa da deficiência do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção Cadastral”, na data
que justifique o atendimento especial solicitado, conforme condições a seguir: indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
a) Prova Ampliada: impressa com fonte e imagens ampliadas para facilitar a leitura dos 8.2. Os eventuais erros de digitação verificados no comprovante de inscrição, quanto ao nome,
candidatos com deficiência visual; número de documento de identidade, sexo, data de nascimento e endereço, deverão ser
b) Prova em Braile: prova transcrita segundo um código em relevo destinado a pessoas corrigidos no endereço eletrônico do IBFC www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e
com deficiência visual; Correção Cadastral”, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
c) Auxílio Ledor: serviço especializado de leitura da prova para pessoas com deficiência 8.2.1. O candidato que perder o prazo de correção de dados cadastrais previsto acima poderá,
visual, deficiência intelectual, autismo, déficit de atenção ou dislexia; após a aplicação da Prova Objetiva, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V,
d) Auxílio Transcrição: para participantes impossibilitados por algum motivo de escrever corrigir seus dados.
ou de preencher o cartão de resposta das provas; 8.2.2. O candidato que não fizer ou solicitar as correções dos dados pessoais, nos termos dos
e) Tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras): para o auxílio aos itens 8.2 e 8.2.1 deste Edital, deverá arcar, exclusivamente, com as consequências advindas de
candidatos surdo e mudo; sua omissão.
f) Sala Separada: sala extraordinária destinada a acolher participantes em condições que 8.3. O candidato inscrito por terceiro assume total responsabilidade pelas informações prestadas
recomendem a sua separação dos demais, como os casos de ledor, auxílio ledor, auxílio por seu representante, arcando com as consequências de eventuais erros no preenchimento do
transcrição, braile e em caso de doenças infectocontagiosas; formulário eletrônico de inscrição.
g) Acesso Fácil: local de prova com acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida; 8.4. Constatada a irregularidade da inscrição, a inclusão do candidato será automaticamente
h) Tempo Adicional: a concessão de tempo adicional para a realização das provas somente cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes, observado o contraditório e a
será deferida caso tal recomendação seja decorrente de orientação médica específica ampla defesa.
contida no laudo médico enviado pelo candidato. Em nome da isonomia entre os 9. DA PROVA OBJETIVA
candidatos, por padrão, será concedida 1 (uma) hora a mais para os candidatos nesta 9.1. A Prova Objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e será constituída conforme a
situação. seguir:
7.5.2. O candidato com deficiência auditiva que necessitar utilizar aparelho auricular no Total de Pontos por Total de Mínimo
Conhecimentos Disciplina
dia da prova deverá enviar laudo médico específico para esse fim e o Anexo I, nos moldes Questões Questão Pontos Exigido
do item 7.6. Caso o candidato não envie o referido laudo, não poderá utilizar o aparelho Língua Portuguesa 15 1 15
auricular.
7.5.3. O candidato portador de doenças infectocontagiosas que não tiverem comunicado o Legislação Geral 10 1 10
fato ao IBFC, por inexistir a doença na data-limite referida, deverão fazê-lo via correio Legislação Específica 15 1 15
eletrônico concurso@ibfc.org.br tão logo a condição seja diagnosticada com o envio do Básicos 70 pontos
Plano Distrital de Política 50%
laudo médico específico para esse fim e o Anexo I para o atendimento especial. 10 1 10
para Mulheres
7.5.3.1. O item acima não se aplica aos casos de COVID-19, devendo os candidatos
diagnosticados positivamente cumprirem o prazo previsto para isolamento conforme a Conhecimentos sobre o
10 1 10
Distrito Federal
legislação vigente.
7.5.4. Considerando a possibilidade de os candidatos serem submetidos à detecção de Específicos Específicas 40 2 80
metais durante as provas, aqueles que, por razões de saúde, façam uso de marca-passo, Total 100 140
pinos cirúrgicos ou outros instrumentos metálicos deverão enviar o laudo médico 9.2. A Prova Objetiva de múltipla escolha, será distribuída pelos conhecimentos e disciplinas do
específico para esse fim e o Anexo I para comunicar a situação ao IBFC previamente, nos item 9.1, conforme conteúdo programático constante do Anexo III deste Edital, sendo que cada
moldes do item 7.6. questão conterá 05 (cinco) alternativas e apenas 1 (uma) correta.
7.5.4.1. Esses candidatos ainda deverão comparecer ao local de provas munidos dos 9.3. A Prova Objetiva será avaliada na escala de 0 (zero) a 140 (cento e quarenta) pontos,
exames e laudos que comprovem o uso de tais equipamentos. considerando-se HABILITADO nesta etapa o candidato que nela obtiver nota igual ou superior
7.6. Dos envios eletrônicos dos documentos: a 70 (setenta) pontos.
7.6.1. O candidato que solicitou atendimento especial em um dos itens 7.2 (Função de 9.4. O candidato que não for HABILITADO na Prova Objetiva, nos termos do item 9.3 deste
Jurado), 7.3 (Nome Social -Travesti ou Transexual), 7.4. (Realizar prova Armado) ou 7.5. Edital, estará automaticamente ELIMINADO do Concurso Público.
(Das outras condições) deverá fazer o envio eletrônico, via link específico no endereço 9.5. O Caderno de Questões da Prova Objetiva e o Gabarito preliminar serão divulgados no
eletrônico do IBFC – www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais”, dos endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Provas e Gabaritos”, na data conforme
documentos comprobatórios, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V, indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. O caderno de questões da prova objetiva ficará
conforme orientações a seguir: disponível somente no prazo recursal dos gabaritos.
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos 9.6. O resultado da Prova Objetiva e a Folha de Respostas do Candidato serão divulgados no
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá Cronograma Previsto – Anexo V. A Folha de Respostas do candidato ficará disponível somente
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste no prazo recursal do resultado da prova objetiva.
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; 10. DA REALIZAÇÃO DA PROVA OBJETIVA
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar 10.1. A Prova Objetiva será realizada no Distrito Federal na data indicada no Cronograma
as duas imagens para análise; Previsto – Anexo V.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 7 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

10.2. A duração das Provas será de 05 (cinco) horas, incluído o tempo para leitura das 10.14.3. O candidato que, durante a realização da prova, for encontrado portando
instruções, coleta de digital e preenchimento da Folha de Respostas qualquer um dos objetos especificados no item 10.14, incluindo os aparelhos eletrônicos
10.3. O cartão de convocação para a prova contendo o local, a sala e o horário de citados, mesmo que desligados ou sem a fonte de energia, será automaticamente
realização, será disponibilizado no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na eliminado do Concurso Público.
aba “Local de Prova”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. 10.14.4. O candidato amparado pela Lei Federal nº 10.826/2003 e que teve sua
10.4. Não será enviado, via correio, cartão de convocação para as provas. A data, o solicitação de utilização de arma deferida, conforme item 7.4 deste edital, poderá portar
horário e o local da realização das provas serão disponibilizados no endereço eletrônico Armas no ambiente de provas.
do IBFC conforme o item 10.3. 10.14.4.1. Os candidatos que não forem amparados pela Lei Federal nº 10.826/2003, e
10.5. Havendo alteração da data prevista das provas, as despesas provenientes da suas alterações, não poderão portar armas no ambiente de provas.
alteração serão de responsabilidade do candidato. 10.14.5. Demais pertences pessoais serão deixados em local indicado pelos fiscais
10.6. Os candidatos deverão comparecer aos locais de prova 60 (sessenta) minutos antes durante todo o período de permanência dos candidatos no local da prova, não se
do fechamento dos portões para realização das provas, munidos de documento de responsabilizando o IBFC e a SES/DF por perdas, extravios ou danos que eventualmente
identidade com foto, de caneta esferográfica de tinta azul ou preta e cartão de ocorrerem.
convocação para as provas. 10.15. O IBFC recomenda que o candidato leve para a realização das provas apenas o
10.6.1. Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos documento original de identidade e caneta esferográfica de tinta azul ou preta, em
Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de material transparente.
Identificação e pelos Corpos de Bombeiros Militares; carteiras expedidas pelos órgãos 10.16. Será fornecido ao candidato o Caderno de Questões e a Folha de Respostas
fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos etc.); passaporte brasileiro; personalizada com os dados do candidato, para aposição da assinatura e transcrição das
certificado de reservista; carteiras funcionais expedidas por órgão público que, por lei respostas.
federal, valem como identidade; carteiras de trabalho ou carteira nacional de habilitação 10.17. O candidato deverá conferir os seus dados pessoais impressos na Folha de
com foto. Respostas, em especial seu nome, data de nascimento e número do documento de
10.6.2. Não serão aceitos como documentos de identidade: boletim de ocorrência; identidade.
certidões de nascimento; CPF; títulos eleitorais; carteira nacional de habilitação sem foto; 10.18. O candidato deverá transcrever as respostas na Folha de Respostas das Provas com
carteiras de estudante; carteiras funcionais sem valor de identidade; cópia de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, que será o único documento válido para a
documentos, ainda que autenticados; protocolos; documentos digitais (modelo correção, vedada qualquer colaboração ou participação de terceiros, respeitadas as
eletrônico); comprovante de inscrição; cartão de convocação para as provas, documentos condições especiais nos termos deste Edital.
ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados ou quaisquer outros documentos não 10.19. O candidato não poderá amassar, molhar, dobrar, rasgar ou, de qualquer modo,
constantes deste Edital. danificar a Folha de Respostas das Provas. Tais ações podem impedir a correção e o
10.6.3. O documento apresentado deverá estar em perfeita condição a fim de permitir, candidato deverá arcar com os prejuízos advindos do seu descuido.
com clareza, a identificação do candidato. 10.20. Em nenhuma hipótese haverá substituição da Folha de Respostas por erro do
10.6.4. Por ocasião da realização das provas, o candidato que não apresentar o candidato, devendo este arcar com os prejuízos advindos de sua desatenção.
documento de identidade original com foto não poderá fazer as provas e será eliminado 10.21. Não serão computadas questões não respondidas ou que contenham mais de uma
deste Concurso Público. resposta (com emendas, rasuras ou qualquer outro tipo de marcação), mesmo que uma
10.6.5. O candidato que se apresentar após o fechamento dos portões será considerado delas esteja correta, pois qualquer marca poderá ser capturada durante o processamento
ausente e consequentemente eliminado deste Concurso Público. dos resultados, prejudicando o desempenho do candidato.
10.6.6. Não será permitido ao candidato realizar prova fora da data estabelecida, do 10.22. O candidato não deverá fazer nenhuma marca fora do campo reservado às
horário ou da cidade/espaço físico determinados pelo IBFC. respostas ou à assinatura, pois qualquer marca poderá ser capturada durante o
10.6.7. O candidato não poderá alegar desconhecimento acerca da data, horário e local de processamento dos resultados, prejudicando o seu desempenho.
realização das provas, para fins de justificativa de sua ausência. 10.23. O preenchimento da Folha de Respostas das provas será de inteira
10.7. É de exclusiva responsabilidade do candidato tomar ciência do trajeto até o local de responsabilidade do candidato, que deverá proceder em conformidade com as instruções
realização das provas, a fim de evitar eventuais atrasos, sendo aconselhável ao candidato contidas neste Edital e no Caderno de Questões.
visitar o local de realização das provas com antecedência. 10.24. As instruções constantes no Caderno de Questões da Prova e na Folha de
10.8. Não haverá segunda chamada seja qual for o motivo alegado para justificar o atraso Respostas, bem como as orientações e instruções expedidas pelo IBFC durante a
ou a ausência do candidato. realização das provas, complementam este Edital e deverão ser observadas e seguidas
10.9. O não comparecimento à prova, por qualquer motivo, caracterizará a desistência o pelo candidato.
candidato e resultará em sua eliminação deste Concurso Público. 10.25. Após identificação para entrada e acomodação na sala, será permitido ao candidato
10.10. O candidato que, por qualquer motivo, não tiver seu nome constando na ausentar-se da sala, exclusivamente, nos casos de alteração psicológica e/ou fisiológica
convocação para as Provas, mas que apresente o respectivo comprovante de pagamento, temporária de necessidade extrema antes do início das provas, desde que acompanhado
efetuado nos moldes previstos neste Edital, poderá participar do Concurso Público, de um/uma Fiscal. O candidato que, por qualquer motivo, não retornar à sala será
devendo preencher e assinar, no dia da prova, formulário específico. automaticamente eliminado do Concurso Público.
10.10.1. A inclusão de que trata o item 10.10 será realizada de forma condicional, sujeita 10.26. Não haverá prorrogação do tempo de duração da prova, respeitando-se as
a posterior verificação quanto à regularidade da referida inscrição. condições previstas neste Edital.
10.10.2. Constatada a irregularidade da inscrição, a inclusão do candidato será 10.27. Somente será permitido ao candidato se retirar definitivamente da sala de provas
automaticamente cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes. após transcorrido o tempo de 2 (duas) horas de seu início, mediante a entrega obrigatória
10.11. O candidato deverá apor sua assinatura na lista de presença, de acordo com aquela da sua Folha de Respostas devidamente preenchida e assinada, ao fiscal de sala.
constante do seu documento de identidade, vedada a aposição de rubrica. 10.27.1. O candidato poderá levar seu Caderno de Questões somente após transcorrido o
10.12. Depois de identificado e acomodado na sala de prova, o candidato não poderá tempo de 3h45min. (três horas e quarenta e cinco minutos) de seu início. Em hipótese
consultar ou manusear qualquer material de estudo ou de leitura enquanto aguarda o alguma o candidato poderá levar o Caderno de Questões antes do horário permitido.
horário de início da prova. 10.27.2. O candidato que, por qualquer motivo ou recusa, não permanecer em sala
10.13. Depois de identificado e instalado, o candidato somente poderá deixar a sala durante o período mínimo estabelecido no item 10.27, terá o fato consignado em ata e
mediante consentimento prévio, acompanhado de um/uma fiscal ou sob a fiscalização da será automaticamente eliminado do Concurso Público.
equipe de aplicação de provas. 10.28. Não será permitida, nos locais de realização das provas, a entrada e/ou
10.14. Durante o período de realização das provas, não será permitido ao candidato o uso de permanência de pessoas não autorizadas pelo IBFC, observado o previsto no item 7.1.3
óculos escuros, boné, chapéu, gorro, lenço, fazer uso ou portar, mesmo que desligados, telefone deste Edital.
celular, relógio, controle de alarme de carro, pendrive, fone de ouvido, calculadora, notebook, 10.29. Ao terminar as provas, o candidato deverá retirar-se imediatamente do local, não
ipod, tablet, gravador, ponto eletrônico, transmissor/receptor de mensagens de qualquer tipo ou sendo possível nem mesmo a utilização dos banheiros.
qualquer outro equipamento eletrônico, qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os 10.30. No dia da realização das provas, não serão fornecidas por qualquer membro da
candidatos ou entre estes e pessoas estranhas, oralmente ou por escrito, assim como não será equipe de aplicação da prova e/ou pelas autoridades presentes, informações referentes ao
permitida anotação de informações relativas às suas respostas (copiar gabarito) fora dos meios conteúdo das provas e/ou critérios de avaliação/classificação.
permitidos, uso de notas, anotações, livros, impressos, manuscritos, códigos, manuais ou qualquer 10.31. O candidato poderá ser submetido à detecção de metais durante a realização das
outro material literário ou visual. O descumprimento desta instrução implicará na eliminação do provas.
candidato. 10.32. Será eliminado o candidato que:
10.14.1. Telefone celular, rádio comunicador e aparelhos eletrônicos dos candidatos, a) apresentar-se após o fechamento dos portões ou fora dos locais pré-determinados;
enquanto na sala de prova, deverão permanecer desligados, tendo sua bateria retirada, b) não comparecer à prova, seja qual for o motivo alegado;
sendo acomodados em local a ser indicado pelos fiscais de sala de prova. c) não apresentar o documento de identidade exigido no item 10.6 deste Edital;
10.14.2. No caso dos telefones celulares, do tipo smartphone, em que não é possível a d) ausentar-se da sala de prova sem o acompanhamento do fiscal, ou antes do tempo
retirada da bateria, os dispositivos deverão ser desligados sendo acomodados em local a mínimo de permanência estabelecido no item 10.27 deste Edital;
ser indicado pelos fiscais de sala de prova. Caso tais aparelhos emitam qualquer vibração e) fizer uso de notas, anotações, livros, impressos, manuscritos, códigos, manuais ou
ou som, o candidato será eliminado do Concurso Público. qualquer outro material literário ou visual, salvo se expressamente admitido no Edital;

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 8 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

f) for surpreendido usando boné, gorro, chapéu, óculos de sol, fone de ouvido, quaisquer 11.7. Os pontos relativos a questões eventualmente anuladas serão atribuídos a todos os
equipamentos eletrônicos mesmo que desligados como, calculadora, walkman, notebook, candidatos que fizeram a prova e não obtiveram pontuação nas referidas questões
palm-top, ipod, tablet, agenda eletrônica, relógio, gravador ou outros similares, ou conforme o primeiro gabarito oficial, independentemente de interposição de recursos. Os
instrumentos de comunicação interna ou externa, tais como telefone celular, bip, pager candidatos que haviam recebido pontos nas questões anuladas, após os recursos, terão
entre outros, ou deles que fizer uso; esses pontos mantidos sem receberem pontuação a mais.
g) caso o seu telefone celular ou qualquer equipamento eletrônico entre em 11.8. Alterado o gabarito oficial pela Banca do Concurso Público, de ofício ou por força
funcionamento, mesmo sem a sua interferência direta, durante a realização das provas. de provimento de recurso, as provas serão corrigidas de acordo com o novo gabarito.
h) lançar mão de meios ilícitos para executar as provas; 11.9. No que se refere ao item 11.1, alínea “c” a “f”, se a argumentação apresentada no
i) não devolver a Folha de Respostas conforme o item 10.27 deste Edital; recurso for procedente e levar à reavaliação, prevalecerá a nova análise, alterando o
j) fizer anotação de informações relativas às suas respostas (copiar gabarito) fora dos resultado inicial obtido para um resultado superior ou inferior para efeito de classificação.
meios permitidos; 11.10. Na ocorrência do disposto nos itens 11.7, 11.8 e 11.9 deste Edital, poderá haver
k) ausentar-se da sala de prova, portando a Folha de Respostas e/ou Caderno de Questões, alteração da classificação inicial obtida para uma classificação superior ou inferior, ou,
com exceção do item 10.27.1; ainda, poderá ocorrer a desclassificação do candidato que não obtiver a nota mínima
l) não cumprir as instruções contidas no Caderno de Questões da Prova e na Folha de exigida ou habilitação exigida.
Respostas; 11.11. Em hipótese alguma será aceita revisão de recurso, de recurso do recurso ou de
m) utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos ou ilegais para obter aprovação própria recurso de gabarito final definitivo.
ou de terceiros; 11.12. A banca examinadora constitui única instância para recurso, sendo soberana em
n) não permitir a coleta de sua assinatura e digital; suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais.
o) recusar a se submeter ao sistema de detecção de metal; 11.13. O resultado da análise dos recursos será divulgado no endereço eletrônico do IBFC
p) fotografar, filmar ou, de alguma forma, registrar e divulgar imagens e informações - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma Previsto –
acerca do local da prova, da prova e de seus participantes; Anexo V. Não serão encaminhadas respostas individuais aos candidatos.
q) desrespeitar, ofender, agredir ou, de qualquer outra forma, tentar prejudicar outro 12. DO RESULTADO FINAL
candidato; 12.1. Será considerado aprovado neste Concurso Público o candidato que obtiver a
r) perturbar de qualquer modo a ordem dos trabalhos durante a preparação ou realização pontuação e os critérios mínimos exigidos para aprovação, nos termos deste Edital.
da prova; 12.2. A nota final dos candidatos aprovados neste Concurso Público será igual à soma dos
s) tratar com falta de urbanidade com os examinadores, auxiliares, aplicadores ou pontos obtidos nas provas, que definirá a classificação em ordem decrescente, observado o
autoridades presentes; cargo para os quais se inscreveram.
t) recusar-se a seguir as instruções dadas por membro da Comissão Organizadora e da 12.3. Na hipótese de igualdade de nota final entre candidatos serão aplicados critérios de
Banca Examinadora, da equipe de aplicação e apoio à prova ou qualquer outra autoridade desempate, tendo preferência, sucessivamente, o candidato que tiver:
presente no local do certame; a) idade igual ou superior a 60 anos (Lei federal 10.741/2003 - Estatuto do Idoso), até o
u) deixar de atender as normas contidas no Caderno de Questões da Prova e na Folha de último dia de correção dos dados cadastrais, conforme item 8.2.1;
Respostas e demais orientações/instruções expedidas pelo IBFC; b) maior nota na prova objetiva de conhecimentos específicos;
v) portar armas no ambiente de provas em desacordo com o item 10.14.4; c) maior nota na prova objetiva de conhecimentos básicos;
x) descumprir as medidas de proteção e controle em razão da Covid-19. d) maior nota na disciplina de conhecimentos específicos;
11. DOS RECURSOS e) maior nota na disciplina de legislação específica;
11.1. Será admitido recurso quanto às seguintes situações: f) maior nota na disciplina de língua portuguesa;
a) indeferimento do pedido de isenção do valor de inscrição; g) maior idade, considerando dia, mês e ano;
b) indeferimento da inscrição (ampla concorrência, pessoas com deficiência, negros, h) exercido efetivamente a função de jurado no período entre a data de publicação da Lei
hipossuficientes e atendimento especial); federal nº 11.689/2008 e a data de publicação deste Edital, conforme o item 7.2 deste
c) às questões da prova objetiva e gabarito preliminar; Edital.
d) resultado e classificação preliminar da prova objetiva; 12.4. Permanecendo o empate após os critérios utilizados no item 12.3 deste Edital será
e) resultado preliminar do procedimento de heteroidentificação étnico-racial (negros); realizado sorteio público para desempate entre os candidatos envolvidos.
f) resultado preliminar da avaliação biopsicossocial (pessoas com deficiência). 12.5. O resultado final deste Concurso Público será feito em 4 (quatro) listas, observado o
11.1.1. O prazo para interposição de recurso nas alíneas “a”, “b”, “e” e “f” será de 2 cargo, a saber:
(dois) dias úteis no horário das 10h do primeiro dia às 17h do último dia, contados do a) resultado final, por cargo (ampla concorrência) de todos os candidatos aprovados,
primeiro dia subsequente da data de publicação oficial do ato objeto do recurso. incluindo os candidatos nas condições de pessoa com deficiência, negros e
11.1.2. O prazo para interposição de recurso nas alíneas “c” e “d”, será de 10 (dez) dias hipossuficientes;
úteis no horário das 10h do primeiro dia às 17h do último dia, contados do primeiro dia b) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de pessoa negra;
subsequente da data de publicação oficial do ato objeto do recurso. c) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de pessoa com
11.1.3. É de exclusiva responsabilidade do candidato o acompanhamento das publicações deficiência;
das decisões que podem ser objeto de recurso, no endereço eletrônico www.ibfc.org.br, d) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de hipossuficientes.
sob pena de perda do prazo recursal. 12.6. O resultado final deste Concurso Público será publicado no Diário Oficial do
11.2. Para os recursos previstos do item 11.1, o candidato deverá acessar o endereço Distrito Federal e divulgado via internet, nos endereços eletrônicos www.saude.df.gov.br
eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Recursos” e preencher o formulário e www.ibfc.org.br, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
próprio disponibilizado para recurso, transmitindo-o eletronicamente. 13. DA NOMEAÇÃO
11.2.1. A comprovação do encaminhamento tempestivo do recurso será feita mediante 13.1. A nomeação do candidato ficará condicionada à classificação e aprovação em todas
data de envio eletronicamente e do número de protocolo gerado, sendo rejeitado as etapas e avaliações do Concurso Público.
automaticamente recurso enviado fora do prazo. 13.2. Em cumprimento ao disposto no artigo 10, inciso II, da Lei nº 4.949/2012, as
11.3. Os recursos encaminhados devem seguir as seguintes determinações: nomeações relativas ao concurso de que trata este edital obedecerão aos seguintes prazos,
a) ser elaborados com argumentação lógica e consistente; que poderão ser modificados, a qualquer tempo, para adaptar-se às condições econômicas
b) nos casos de recursos contra questões de provas e gabaritos, apresentar a e financeiras da Administração, contados da homologação do resultado final do certame:
fundamentação referente apenas à questão e acrescentar indicação da bibliografia a) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas em até 12 meses;
pesquisada pelo candidato para fundamentar seu questionamento. b) o restante das vagas previstas neste edital será preenchido em até dois anos.
11.4. Para situação mencionada no item 11.1, alínea “c” deste Edital, cada candidato 13.3. O candidato nomeado poderá solicitar o seu reposicionamento para o final da lista de
poderá interpor apenas um recurso por questão, devidamente fundamentado. classificação, no prazo de 5 (cinco) dias contados da publicação do ato de sua nomeação
11.5. Serão indeferidos os recursos que: conforme § 2º do Art. 13, da Lei Complementar nº 840/2011, sem que caiba à SES-DF
a) não estiverem devidamente fundamentados; qualquer obrigatoriedade de reaproveitamento do candidato até o término da validade do
b) não apresentarem argumentações lógicas e consistentes; Concurso Público.
c) estiverem em desacordo com as especificações contidas neste Edital; 13.4. A nomeação para posse será publicada no Diário Oficial do Distrito Federal, sendo
d) forem apresentados fora do prazo estabelecido; de inteira responsabilidade do candidato o acompanhamento dos editais de convocação
e) apresentarem no corpo da fundamentação outras questões que não a selecionada para que serão publicados.
recurso; 13.5. A posse será dada no prazo improrrogável de 30 (trinta) dias, contados da publicação
f) apresentarem contra terceiros; do ato de nomeação. O exercício do servidor empossado ocorrerá no prazo de 5 (cinco)
g) apresentarem em coletivo; dias úteis contados da posse.
h) cujo teor desrespeite a banca examinadora; 13.5.1. A contagem dos prazos é feita excluindo-se o dia do começo e incluindo-se o do
i) encaminhados por meio da imprensa e/ou de “redes sociais online”. vencimento (inciso I, art. 280 da Lei Complementar no 840/2011).
11.6. Não serão considerados requerimentos, reclamações, notificações extrajudiciais ou 13.5.2. As informações dispostas neste edital estão de acordo com o Novo Regime
quaisquer outros instrumentos similares cujo teor seja objeto de recurso apontado no item Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das Autarquias e das
11.1 deste Edital. Fundações Públicas Distritais - Lei Complementar no 840/2011.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 9 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

13.6. O candidato que deixar de comparecer no prazo fixado no edital de nomeação 15.2. Correrão por conta exclusiva do candidato quaisquer despesas com
será considerado como desistente. documentação, interposição de recurso, material, exames laboratoriais, laudos médicos
13.7. Os candidatos nomeados deverão ligar para agendar a Perícia Admissional nos ou técnicos, atestados, deslocamentos, viagem, alimentação, estadia e outras decorrentes
Núcleos de Medicina do Trabalho (NSHMT) das Regionais de Saúde, conforme de sua participação no Concurso Público.
listagem disponível no endereço eletrônico https://www.saude.df.gov.br/cargos- 15.3. Não será fornecido qualquer documento comprobatório de aprovação ou
efetivos/. classificação ao candidato, valendo, para esse fim, os resultados publicados no
13.8. Nos casos de admissão em segunda matrícula no GDF (exceto Polícia Militar e endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br. e/ou no Diário Oficial do Distrito
Bombeiro) e candidatos que optaram pelas vagas disponíveis para pessoas com Federal
deficiência – PCD, deverão realizar o agendamento pelo email: 15.4. Os prazos estabelecidos neste Edital são preclusivos, contínuos e comuns a todos
gpss.adm@economia.df.gov.br (GPSS/DISPSS/SUBSAUDE/SAGEA/SEEC). os candidatos, não havendo justificativa para o não cumprimento e para a apresentação
13.9. O candidato será comunicado de sua nomeação com base nos dados por ele de documentos fora das datas estabelecidas.
fornecidos no cadastro de inscrição no Concurso Público. 15.5. O IBFC e a SES/DF não se responsabilizarão por quaisquer cursos, textos,
13.9.1. O envio de comunicação tem caráter meramente supletivo, independendo de apostilas e outras publicações referentes às matérias deste Concurso Público que não
publicação no Diário Oficial do Distrito Federal, e o não recebimento da comunicação sejam oficialmente divulgadas ou por quaisquer informações que estejam em desacordo
não invalida, em nenhuma hipótese, o Concurso Público ou qualquer de suas etapas. com o disposto neste Edital.
13.10. O não atendimento aos requisitos básicos exigidos ou a inobservância a 15.6. Não serão fornecidas provas relativas a Seleções anteriores.
quaisquer normas e determinações referentes ao Concurso Público implicará, em 15.7. Se a qualquer tempo for constatado por meio eletrônico, estatístico, visual,
caráter irrecorrível, a eliminação sumária do candidato, independentemente dos grafotécnico ou investigação policial, que o candidato fez uso de processo ilícito, sua
resultados obtidos no certame. Prova/Exame será anulada e ele será automaticamente eliminado do Concurso Público.
13.11. O candidato que obtiver classificação no presente concurso poderá entregar 15.8. A qualquer tempo poderá ser anulada a inscrição, prova e/ou tornar sem efeito a
antes da sua nomeação, o Termo de Renúncia abdicando de sua vaga e proporcionando nomeação do candidato, em todos os atos relacionados a este Concurso Público,
agilidade na nomeação de outro candidato, respeitada a ordem de classificação. quando constatada a omissão ou declaração falsa de dados ou condições, irregularidade
14. DAS ORIENTAÇÕES DE PROTEÇÃO E PREVENÇÃO AO COVID-19 de documentos, ou ainda, irregularidade na realização das provas, com finalidade de
14.1. Seguindo as orientações das autoridades, quanto à prevenção e controle da prejudicar direito ou criar obrigação, assegurado o contraditório e a ampla defesa.
transmissão da Covid-19 e, respeitando as especificidades das atividades a serem 15.9. Comprovada a inexatidão ou irregularidades descritas no item 15.8 deste Edital, o
realizadas, torna-se necessário que o candidato siga o protocolo de segurança candidato estará sujeito a responder por falsidade ideológica de acordo com o art. 299
especificado neste Edital. do Código Penal.
14.2. A recusa do candidato em obedecer às normas sanitárias das autoridades 15.10. O candidato é responsável pela atualização dos dados, inclusive do endereço
competentes dispostas neste edital acarretará a sua retirada do local de realização das residencial, durante a realização do Concurso Público junto ao IBFC, e após a
provas e a sua exclusão do Concurso Público. homologação, junto ao SES/DF.
14.3. Os candidatos participantes também são responsáveis pelo combate à COVID-19 15.10.1. É de responsabilidade do candidato manter seu endereço (inclusive eletrônico)
e precisam estar atentos para o cumprimento das regras impostas com consciência, e telefone atualizados, até que se expire o prazo de validade do Concurso Público, para
visando a resguardar a sua saúde e a das demais pessoas. As orientações e viabilizar os contatos necessários.
determinações dos órgãos de saúde prezam pela segurança de todos e, por esse motivo, 15.10.2. A não atualização poderá gerar prejuízos ao candidato, sem nenhuma
devem ser cumpridas e respeitadas. responsabilidade para o IBFC e para o SES/DF.
14.4. O ingresso e a permanência, nas dependências do local de realização das etapas, 15.11. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizam por eventuais prejuízos ao
estão restritos aos candidatos convocados, a fim de se evitarem aglomerações, sendo candidato decorrentes de:
necessário que o candidato: a) endereço eletrônico incorreto e/ou desatualizado;
14.4.1. Mantenha o distanciamento social: b) endereço residencial desatualizado;
a) não devem ocorrer interações como abraços, beijos e apertos de mãos. Adote um c) endereço residencial de difícil acesso;
comportamento amigável sem contato físico; d) correspondência devolvida por razões diversas;
b) os cuidados tomados para evitar aglomerações na entrada dos locais de realização e) correspondência recebida por terceiros.
das etapas devem ser mantidos pelos candidatos até o encerramento, sendo proibido aos 15.12. O candidato convocado para a realização de qualquer etapa/fase do Concurso
candidatos permanecerem no interior dos locais das etapas após o seu término; Público e que não a atender, no prazo estipulado, será considerado desistente, sendo
c) atender expressamente às orientações da equipe de aplicação das etapas, mantendo automaticamente excluído deste Concurso Público.
sempre o distanciamento mínimo entre as pessoas durante o período de aplicação e em 15.13. O IBFC e a SES/DF reservam-se o direito de promover as correções que se
todos os ambientes dos locais de aplicação. fizerem necessárias, em qualquer etapa/fase do Concurso Público ou posterior ao
14.4.2. Use máscara individual, cirúrgica ou de tecido, de proteção de nariz e boca: Concurso Público, em razão de atos ou fatos não previstos, respeitadas as normas e os
a) o candidato deverá chegar ao local de realização das etapas usando máscara e princípios legais.
portando máscaras reservas, se necessário, de modo a possibilitar a troca de sua 15.14. Serão incorporados a este Edital, para todos os efeitos, quaisquer alterações,
máscara a cada 2 (duas) horas; atualizações, atos complementares, avisos, comunicados e convocações, relativos a este
b) a retirada da máscara de proteção facial somente será permitida, de forma breve, nos Concurso Público.
momentos da identificação pessoal, para consumo de água ou para realizar a 15.15. As ocorrências não previstas neste Edital, os casos omissos e os casos duvidosos
substituição da máscara; serão resolvidos conjuntamente pelo IBFC e pela SES/DF, no que tange à realização
c) não serão fornecidas máscaras de proteção aos candidatos, o qual deverá dispor da deste Concurso Público.
quantidade suficiente para sua reposição; 15.16. A legislação com entrada em vigor, após a data de publicação deste edital, bem
d) o candidato deverá permanecer de máscara durante todo o tempo em que estiver nas como as alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores não serão
dependências dos locais de aplicação das etapas; objeto de avaliação, salvo se listadas nos conteúdos programáticos constantes do Anexo
e) as máscaras trazidas pelos candidatos serão de uso individual e não poderão ser III deste edital.
compartilhadas. 15.17. Em caso de dúvidas, o candidato deverá entrar em contato com o IBFC por
14.4.3. Leve seus próprios frascos de álcool em gel: meio do Serviço de Atendimento ao Candidato - SAC, pelo telefone (11) 4788-1430,
a) leve seus próprios frascos de álcool em gel (70%) ou outros antissépticos para de segunda a sexta-feira úteis, das 9h às 17h.
higienização das mãos; 15.18. O candidato que desejar impugnar este Edital, deverá solicitar por meio de link
b) os frascos de álcool em gel trazidos pelos candidatos serão de uso individual e não disponível no endereço eletrônico www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações
poderão ser compartilhados. Oficiais”, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
14.4.4. Leve água para o seu próprio consumo: 15.18.1. Cabe ao interessado informar especificamente o item objeto de impugnação,
a) recomenda-se que cada o candidato leve água para o seu próprio consumo para evitar bem como a respectiva motivação.
a utilização de bebedouros ou de qualquer de outro dispositivo de fornecimento 15.18.2. As respostas às impugnações serão disponibilizadas no site no endereço
coletivo de água para beber. eletrônico www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma
14.5. A obrigatoriedade do uso de máscaras, distanciamento e higienização das mãos é Previsto – Anexo V.
aplicável para qualquer pessoa que for autorizada a acessar o local de realização das 15.18.3. Não caberá recurso administrativo contra decisão acerca da impugnação.
etapas. 15.19. COVID-19: caso os órgãos de saúde adotem medidas sanitárias mais rígidas de
14.6. Ao terminar a etapa, o candidato deverá retirar-se imediatamente do local de distanciamento social, devida a uma elevada capacidade de propagação do novo
realização. coronavírus, as etapas/provas poderão ser adiadas e remarcadas em momento oportuno
15. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS de acordo com as orientações sanitárias.
15.1. É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar as publicações de todos os 15.20. A inscrição vale, para todo e qualquer efeito, como forma de expressa aceitação,
atos, editais, retificações, convocações e comunicados referentes a este Concurso Público, por parte do candidato, de todas as condições, normas e exigências constantes deste
nos endereços eletrônicos do IBFC – www.ibfc.org.br, das SES - www.saude.df.gov.br edital, bem como os atos que forem expedidos sobre o Concurso Público.
e/ou no Diário Oficial do Distrito Federal. MANOEL LUIZ NARVAZ PAFIADACHE

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 10 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

ANEXO I – REQUERIMENTO DE ATENDIMENTO ESPECIAL LEGISLAÇÃO GERAL


GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL 1. Lei Orgânica do Distrito Federal: Fundamentos da Organização dos Poderes e do
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL Distrito Federal. Organização do Distrito Federal. Organização Administrativa do
Distrito Federal. 2. Lei Complementar Distrital nº 840/2011 e suas alterações (Regime
Eu,__________________________________________________________, inscrito para Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das Autarquias e das
o cargo de __________________________________________, sob o nº de Fundações Públicas Distritais). 3 Decreto Distrital nº 37.297/2016 (Código de Ética
inscrição__________________________, documento de identidade nº dos Servidores e Empregados Públicos Civis do Poder Executivo).
_____________________________ e CPF nº___________________________________, LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA
venho solicitar as condições especiais para a realização da prova do Concurso Público da 1. Evolução histórica da organização do sistema de saúde no Brasil e a construção do
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, conforme a seguir: Sistema Único de Saúde (SUS) – princípios, diretrizes e arcabouço legal. 2. Controle
social no SUS. 3. Resolução 453/2012 do Conselho Nacional da Saúde. 4.
Marque um (X)
Atendimento Especial Constituição Federal 1988, Título VIII - artigos de 194 a 200. 5. Lei Orga?nica da
da solicitação
Saúde - Lei no 8.080/1990, Lei no 8.142/1990 e Decreto Presidencial no 7.508, de 28
a) Prova Ampliada: impressa com fonte e imagens ampliadas para facilitar a de junho de 2011. 6. Determinantes sociais da saúde. 7. Sistemas de informação em
leitura dos candidatos com deficiência visual. saúde. 8. RDC no 63, de 25 de novembro de 2011 que dispõe sobre os Requisitos de
b) Prova em Braile: prova transcrita segundo um código em relevo destinado a Boas Práticas de Funcionamento para os Serviços de Saúde. 9. Resolução CNS no 553,
pessoas com deficiência visual. de 9 de agosto de 2017, que dispõe sobre a carta dos direitos e deveres da pessoa
usuária da saúde. 10. RDC no 36, de 25 de julho de 2013 que institui ações para a
c) Auxílio Ledor: serviço especializado de leitura da prova para pessoas com
deficiência visual, deficiência intelectual, autismo, déficit de atenção ou dislexia
segurança do paciente em serviços de saúde e dá outras providências. 11. Lei 13.709
de 14 de agosto de 2018.
d) Auxílio Transcrição: para participantes impossibilitados por algum motivo de
PLANO DISTRITAL DE POLÍTICA PARA MULHERES
escrever ou de preencher o cartão de resposta das provas.
1. II Plano Distrital De Política Para Mulheres (2020 – 2023)
e) Tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras): para o auxílio aos https://www.mulher.df.gov.br/pdpm/.
candidatos surdo e mudo.
CONHECIMENTOS SOBRE O DISTRITO FEDERAL
f) Sala Separada: sala extraordinária destinada a acolher participantes em 1. Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do
condições que recomendem a sua separação dos demais, como os casos de ledor, Distrito Federal e da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e
auxílio ledor, auxílio transcrição, braile e em caso de doenças infectocontagiosas. Entorno - RIDE, instituída pela Lei Complementar federal nº 94/1998 e suas
g) Acesso Fácil: local de prova com acessibilidade a pessoas com mobilidade alterações.
reduzida. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
h) Tempo Adicional: a concessão de tempo adicional para a realização das provas MÉDICO – ACUPUNTURA
somente será deferida caso tal recomendação seja decorrente de orientação médica 1. Aspectos históricos e filosóficos da Medicina Tradicional Chinesa (MTC). 2. Teoria
específica contida no laudo médico enviado pelo candidato. Em nome da do yin e yang. 3. Teoria dos cinco elementos. 4. Energia (Qi) seus tipos e funções no
isonomia entre os candidatos, por padrão, será concedida 1 (uma) hora a mais para equilíbrio do organismo. 5. Concepção da MTC sobre o processo saúde-doença. 6.
os candidatos nesta situação. Semiologia da MTC. 7. Trajeto externo, pontos principais, funções, fatores etiológicos
i) Outras solicitações: de desequilíbrio e padrões de excesso e deficiência dos meridianos da grande
circulação. 8. Vaso Governador e Vaso de Concepção: trajeto, pontos e função. 9.
Auriculoacupuntura. 10. Noções básicas dos tratamentos da MTC: Fitoterapia,
Local/Data:__________________________________________ Dietoterapia, Movimentos Corporais, Massoterapia, Moxabustão, Ventosas. 11.
Correlação entre os padrões de desequilíbrio da MTC e as doenças da Biomedicina
_______________________________________________________________ com a Acupuntura. 12. Técnicas de aplicação das agulhas. 13. MTC/Acupuntura no
Assinatura do candidato SUS.
MÉDICO - ALERGIA E IMUNOLOGIA
1. Rinite Alérgica. 2. Asma. 3. Conhecimentos básicos de Imunologia. 4. Dermatite
ANEXO II – MODELO DE ATESTADO/LAUDO EMITIDO POR EQUIPE Atópica. 5. Imunodeficiências Primárias. 6. Alergia e reação adversas a alimentos. 7.
MULTIPROFISSIONAL E INTERDISCIPLINAR PARA AVALIAÇÃO Urticária e Angioedema. 8. Dermatite de Contato. 9. Aspergilose broncopulmonar
BIOPSICOSSOCIAL DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA alérgica. 10. Anafilaxia. 11. Doenças imunológicas dos olhos. 12. Alergias
Ocupacionais. 13. Vasculites Cutâneas. 14. Diagnóstico clínico e laboratoriais das
Atesto, sob as penas da Lei, para fins de participação do Concurso Público da doenças alérgicas. 15. Alergia ao Látex. 16. Asma e Rinite na Gestante. 17. Urticárias
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, que o(a) na gestante. 18. Metodologia científica. 19. Farmacodermias e reação às drogas. 20.
Senhor(a)__________________________________ Preparação de extratos alérgicos 21-Imunoterapia. 22. Alérgenos ambientais (indoor e
__________________________________ portador do documento de identidade nº outdoor). 23. Prova de função Pulmonar. 24. Mastocitose. 25. Alergia a insetos. 26.
_________________ e CPF sob o nº ____________________________é considerado Alergia a penicilina. 27. Laboratório em imunodeficiências. 28. Significado clínico da
pessoa com deficiência por apresentar a(s) seguinte(s) condição(ões): IgE e Eosinofilia. 29. Gastro enteropatia eosinofilica e outras doenças eosinofilicas.
_________________________________________________________________________ 30. Angioedema hereditário. 31. Imunologia dos tumores. 32. Aditivos alimentares.
CID-10 ___________________________________. 33. anti-histamínicos e outras drogas usadas nas doenças alérgicas.
Declaramos que: MÉDICO - ANATOMIA PATOLÓGICA
O candidato apresenta os seguintes impedimentos nas funções e nas estruturas do corpo: Patologia Geral. Princípios Gerais de Técnicas. Anátomo-patológicas. Patologia das
Doenças Infecto-contagiosas. Patologia das Doenças do Sistema Cardiovascular.
Que devem ser considerados os fatores socioambientais, psicológicos e pessoais:
Patologia das Doenças de Pulmão. Patologia das Doenças de Cabeça e Pescoço
Que apresenta as seguintes limitações no desempenho de atividades:
Patologia das Doenças Gastrointestinal e Pâncreas. Patologia das Doenças do Fígado e
Que apresenta as seguintes restrições de participação: Vias Biliares Patologia das Doenças do Rim. Patologia das Doenças do Sistema
Gênito-urinário (masculino e feminino) Patologia das Doenças da Mama. Patologia
Local/Data:___________________________________________________ das Doenças da Pele e anexos Patologias das Doenças das Glândulas Endócrinas.
Patologia das Doenças do Sistema Nervoso Central e Periférico Patologia das Doenças
Assinatura e carimbo com CRM do dos Linfonodos, Baço e Timo. Patologia das Doenças da Medula Óssea. Patologia das
médico:_________________________________________________________________ Doenças das Articulações e Tecidos Moles. Imunopatologia. Ultraestrutura.
Assinatura e carimbo com registro da profissão do membro de equipe multiprofissional e MÉDICO – ANESTESIOLOGIA
interdisciplinar: 1. Farmacocinética e farmacodinâmica da anestesia inalatória. 2. Farmacologia dos
_______________________________________________________________________ anestésicos locais e suas indicações. 3. Farmacologia dos anestésicos venosos e inalatórios
Assinatura e carimbo com registro da profissão do membro de equipe multiprofissional e e suas indicações. 4. Ventilação artificial. 5. Anestesia em pediatria. 6. Anestesia em
interdisciplinar:________________________________________________________ urgências. 7. Anestesia em obstetrícia e ginecologia. 8. Anestesia em neurocirurgia. 9.
Anestesia em cirurgia pulmonar e cardiovascular. 10. Parada cardíaca e reanimação. 11.
ANEXO III – CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PARA ESTUDO Monitorização em anestesia. 12. Sistema nervoso autônomo. 13. Complicações de
CONHECIMENTOS BÁSICOS anestesia. 14. Raquianestesia. 15. Anestesia peridural. 16. Monitorização neurofisiológica.
LÍNGUA PORTUGUESA 17. Anestesia em cirurgia cardíaca. 18. Monitorização hemodinâmica. 19. Choque. 20.
1. Compreensão e interpretação de textos. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Hipertermia Maligna. 21. Transfusões sanguíneas. 22. Avaliação pré-operatória e
Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras. 6. Emprego do sinal indicativo de cuidados pós-operatórios. 23 Fisiologia humana aplicada à anestesiologia. 24 Bloqueios
crase. 7. Sintaxe da oração e do período. 8. Pontuação. 9. Concordância nominal e verbal. de plexos e nervos periféricos. 25. Anestesia em oftalmologia. 26. Anestesia em
10. Regência nominal e verbal. 11. Significação das palavras. Otorrinolaringologia. 27. Anestesia ambulatorial e para procedimentos diagnósticos.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 11 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

MÉDICO – CARDIOLOGIA Invaginação intestinal na criança. 22. Apendicite. 23. Enterite necrosante. 24. Doença de
1. Cardiopatias isquêmicas (síndrome coronariana aguda, angina estável infarto agudo do Hirschsprung. 25. Constipação intestinal. 26. Anomalias anorretais. 27. Infecção urinária
miocárdio). 2. Aneurisma de aorta. 3. Dissecção aguda de aorta. 4. Insuficiência cardíaca. na criança. 28. Anomalias congênitas do trato urinário superior. 29. Anomalias congênitas
5. Valvopatias (aórtica, mitral, tricúspide e pulmonar). 6. Hipertensão arterial sistêmica. 7. do trato urinário inferior. 30. Intersexo. 31. Anomalias congênitas neurológicas e seu
Miocardiopatias. 8. Endocardite bacteriana. 9. Cor pulmonale agudo e crônico. 10. Doença tratamento cirúrgico. 32. Oncologia pediátrica. 33. Biologia molecular aplicada à cirurgia
reumática. 11. Pericardiopatias. 12. Arritmias cardíacas. 13. Cardiopatias congênitas pediátrica. 34. Hemangiomas. 35. Código de ética, Bioética, Preenchimento da declaração
(cianóticas e acianóticas). 14. Choque cardiogênico. 15. Avaliação hemodinâmica invasiva de óbito. 36. Sistema Único de Saúde: princípios e diretrizes. 37. Estratégias de ações de
e não invasiva: métodos e interpretação. 16. Pós-operatório em Cirurgia Cardíaca. promoção, proteção e recuperação da saúde.
MÉDICO - CIRURGIA GERAL MÉDICO – CIRURGIA VASCULAR
1. Princípios da cirurgia. Propedêutica e avaliação do paciente cirúrgico. Transfusão. 1. Noções básicas de anatomia cirúrgica vascular. 2. Fisiologia da coagulação e da
Controle hidroeletrolítico e nutricional do paciente cirúrgico. 2. Antimicrobianos em fibrinólise. 3. Fisiopatologia da aterosclerose. 4. Fisiopatologia da Isquemia e reperfusão.
cirurgia geral. Anestésicos locais. Anestesia loco regional. Fios de sutura: aspectos práticos 5. O exame clínico do paciente vascular. 6. Métodos não-invasivos no diagnóstico das
do seu uso. Curativos: técnica e princípios básicos. 3. Pré e pós-operatório em cirurgias doenças vasculares. 7. Angiografias. 8. Insuficiência arterial crônica de extremidades. 9.
eletivas e de urgência/emergência. 4. Complicações cirúrgicas trans e pós-operatórias. 5. Vasculites. 10. Trombofilias. 11. Arteriopatias vasomotoras. 12. Aneurismas. 13.
Imunologia e transplantes. 6. Mecanismos de rejeição. 7. Parede abdominal. Omento. Síndromes do desfiladeiro cervical. 14. Insuficiência vascular visceral. 15. Pé Diabético.
Mesentério e Retroperitônio. Hérnias da parede abdominal. 8. Choque. Traumatismo 16. Hipertensão renovascular. 17. Doença tromboembólica venosa. 18. Varizes e
abdominal. Síndrome compartimental do abdome. 9. Traumatismo torácico. 10. Insuficiência venosa crônica. 19. Linfangites e erisipela. 20. Linfedemas. 21. Úlceras de
Traumatismo do pescoço. 11. Urgência: abdome agudo. Doenças que simulam abdome perna. 22. Oclusões arteriais agudas. 23. Traumatismos vasculares. 24. Bases da Cirurgia
agudo. Apendicite aguda. Úlcera péptica perfurada. Pancreatite aguda. Isquemia endovascular. 25. Terapêutica anticoagulante e fibrinolítica. 26. Terapêutica
mesentérica. Obstrução intestinal. Doença diverticular dos cólons. Diverticulite. Coleciste. vasodilatadora e hemorreológica. 27. Terapêutica venotônica e linfocinética. 28.
Litíase biliar. Retocolite ulcerativa. Doença de Crohn. 12. Atendimento ao Amputações. 29. Angiodisplasias. 30. Insuficiência vascular cerebral de origem
politraumatizado. Traumatismo cranioencefálico e raquimedular. 13. Videolaparoscopia extracraniana.31. Síndrome compartimental.
diagnóstica e cirúrgica. 14. Hipertensão porta e cirrose. 15. Queimaduras. 16. Urgências MÉDICO – COLOPROCTOLOGIA
cardiorrespiratórias. 17. Sistema de atendimento pré-hospitalar. 18. Resposta metabólica 1. Equilíbrio hidroeletrolítico e ácido básico em cirurgia. 2. Choque: Fisiopatologia,
ao trauma. 19. Hemorragia digestiva. 20. Doenças das vias biliares. 21. Cirurgia Geral no Etiopatogenia. Diagnóstico e Tratamento. 3. Cicatrização das feridas, infecção em
ciclo gravídico-puerperal. 22. Videolaparoscopia diagnóstica e terapêutica no ciclo cirurgia. 4. Infecção Hospitalar. 5. Antibióticos. 6. Pré e Pós- Operatório. 7. Ventilação e
gravídico-puerperal. 23. Pré e pós-operatório em cirurgias eletivas e de insuficiência ventilatória. 8. Nutrição em Cirurgia, Alimentação parenteral e enteral. 9.
urgência/emergência no ciclo gravídico-puerperal. Transtornos hemorrágicos, Mecanismo da hemóstase, Transfusão de sangue e derivados.
MÉDICO – CLÍNICA MÉDICA 10 Bases da cirurgia anorretal: Anatomia. Esfíncteres anorretais e músculo elevador do
1. Exame clínico 2. Doenças cardiovasculares: hipertensão arterial, cardiopatia isquêmica, ânus. Vascularização e inervação. Embriologia. Fisiologia anorretal. 11: Bases da cirurgia
insuficiência cardíaca, miocardiopatias e valvulopatias e arritmias cardíacas. 3. Doenças do intestino grosso, Anatomia, embriologia e fisiologia. 12. Anatomia da parede antero-
pulmonares: asma brônquica e doença pulmonar obstrutiva crônica, embolia pulmonar, lateral do abdome. 13. Incisões abdominais e técnica geral das laparotomias. 14. Cirurgia
pneumonias e abscessos pulmonares. 4. Doenças gastrointestinais e hepáticas: videolaparoscópica colorretal. 15. Diagnóstico das doenças do ânus, reto e cólon. 16.
insuficiência hepática, úlcera péptica, doenças intestinais inflamatórias e parasitárias, Exame do abdome e proctológico, colonoscopia, exame radiológico simples e contrastado.
diarreia, colelitíase e colecistite, pancreatite, hepatites virais e hepatopatias tóxicas e 17. Tomografia computadorizada, ressonância magnética e ultrassonografia endorrretal.
hepatopatias crônicas. 5. Doenças renais: lesão renal aguda e doença renal crônica, 18. Doença hemorroidária: etiopatogenia, quadro clínico e diagnóstico; diagnóstico
glomerulonefrites, doença renal do diabético e litíase renal. 6. Doenças endócrinas: diferencial; conduta terapêutica. 19. Criptite e papilite, abscesso anorretal. 20. Fissura
diabetes mellitus, hipotireoidismo e hipertireoidismo, tireoidite e nódulos tireoidianos. 7. anal. 21. Fístula anal. 22. Hidroadenite supurativa. 23. Doença pilonidal sacro-coccígea.
Doenças reumáticas: artrite reumatoide, espondiloartropatias e gota. 8. Doenças 24. Prurido anal. 25. Doenças Sexualmente Transmissíveis em coloproctologia. 26.
infecciosas e terapia antibiótica. 9. Exames complementares invasivos e não-invasivos de Sindrome da imunodeficiência adquirida. 27. Prolapso e procidência do reto. 28. Más-
uso corriqueiro na prática clínica diária. 10. Emergências clínicas. 11. Controle de formações congênitas do cólon e da região anorretal: classificação, considerações
infecções hospitalares. 12. Doenças neurológicas: acidente vascular cerebral, convulsões, embriológicas, anomalias associadas, diagnóstico, conduta terapêutica. 29. Incontinência
cefaleia e doenças periféricas, doenças degenerativas e infecciosas do SNC. 13. Ansiedade anal. 30. Abdômen agudo em coloproctologia: aspectos gerais do diagnóstico e
e depressão. tratamento. 31. Obstrução intestinal. 32. Traumatismos do cólon e reto. 33. tumores
MÉDICO – CLÍNICA MÉDICA QUEIMADOS benignos do cólon, reto e ânus. 34. Princípios fundamentais de oncologia; bases da
Anatomia e fisiologia da pele. Fisiopatologia das queimaduras. Classificação das cirurgia oncológica; fundamentos, indicações e contraindicações da quimioterapia,
queimaduras: quanto à profundidade (1°, 2° e 36° graus), quanto à extensão (leves, médias radioterapia e imunoterapia no câncer do cólon reto e ânus. 35. Câncer do cólon, reto e
ou graves) e quanto às áreas afetadas. Sintomas das queimaduras. Principais causas das ânus. 36. Megacólon: etiopatogenia e fisiologia: quadro clínico e diagnóstico; diagnóstico
queimaduras: agentes físicos – térmicos, elétricos e radiantes; agentes químicos - diferencial; complicações; conduta terapêutica. 37. Helmintíases e Protozooses. 38.
substâncias químicas; agentes biológicos – seres vivos. Tratamento específico para cada Doenças inflamatórias inespecíficas do cólon e do reto. 39. Doença isquêmica do cólon e
tipo de queimadura. Fases da cicatrização da ferida. Curativos. Primeiros socorros reto. 40. Ectasias vasculares do cólon. 41. Hemorragia digestiva baixa. 42. Derivações
envolvendo queimaduras. Queimaduras no contexto da emergência. intestinais: indicações, técnicas, complicações. 43. Alterações do hábito intestinal. 44.
MÉDICO – CIRURGIA ONCOLÓGICA Síndrome do intestino irritável: aspectos clínicos e terapêuticos. 45. Dietas em colopatias.
1. Oncologia cirúrgica. 2. Oncologia molecular. 3. Ginecologia oncológica. 4. Clínica MÉDICO – DERMATOLOGIA
Geral. 5. Conceitos básicos de oncologia. 6. Princípios: o tratamento multidisciplinar. 7. 1. Fundamentos de Dermatologia. 2. Cuidado de pacientes imunossuprimidos. 3.
Tratamento de tumores. 8. Emergência oncológica clínica ou cirúrgica. Fototerapia. 4. Patologia cutânea. 5. Afecções dos anexos cutâneos; foliculares; hidroses;
MÉDICO - CITOPATOLOGIA tricoses; onicoses. 6. Infecções e infestações: dermatoses por vírus, dermatoses por
1. Técnicas de coloração citológicas: colorações usuais e colorações especiais. 2. riquétsias, piodermites e outras dermatoses por bactérias, Tuberculoses, micobaterioses
Citopatologia ginecológica: citopatologia oncótica, citopatologia hormonal, nomenclatura, atípicas, hanseníase, sífilis e outras doenças sexualmente transmissíveis, micoses
controle de qualidade em citopatologia ginecológica, citopatologia vulvar, citopatologia do superficiais e profundas., leishmanioses e outras dermatoses parasitárias,
endométrio e correlação cito-histopatológica. 3. Histopatologia e anatomia patológica do dermatozoonoses. 6. Dermatoses por agentes químicos, físicos e mecânicos. 7.
trato genital inferior. 4. Citologia de líquidos e fusões: citopatologia urinária, citopatologia Inflamações e granulomas não-infecciosos; inflamações não infecciosas; granulomas não
de líquidos pleural, líquido pericárdio e líquido ascítico; citopatologia do líquor e infecciosos. 8. Dermatoses metabólicas. 9. Afecções psicogênicas, psicossomáticas e
citopatologia de lavados. 5. Citopatologia esfoliativa do trato respiratório. 6. Citopatologia neurogênicas. 10. Dermatoses por imunodeficiência. 11. Afecções congênitas e
esfoliativa do trato gastrointestinal. 7. Punção aspirativa por agulha fina de órgãos e lesões: hereditárias. 12. Cistos e neoplasias: cistos; nevos organoides; tumores cutâneos benignos
mama, tireoide, glândula salivar, cabeça e pescoço, linfonodos, partes moles, osso, abdome e malignos. 13. Terapêutica tópica. 14. Terapêutica sistêmica: principais medicamentos de
e retroperitônio, mediastino, pulmão e ovário. 8. Técnicas especiais: citometria de fluxo e uso sistêmico em dermatologia. 15. Cirurgia dermatológica; eletrocirurgia,
imunocito e imuno-histoquímica eletrocoagulação, eletrólise e iontoforese, quimiocirurgia, actinoterapia, laserterapia e
MÉDICO – CIRURGIA PEDIÁTRICA radioterapia.
1. Cuidados pré, trans e pós-operatório da criança. 2. Metabolismo cirúrgico em pediatria. MÉDICO – ELETROMIOGRAFIA
3. Anomalias congênitas da face. 4. Anomalias congênitas do pescoço. 5. Cirurgia da Fundamentos de neurofisiologia; Aspectos técnicos da eletromiografia propriamente dita e
tireoide na criança. 6. Torcicolo Congênito. 7. Afecções cirúrgicas da parede torácica da neurocondução; Neuropatias periféricas; Miopatias; Radiculopatias; Patologias da Ponta
criança. 8. Hérnias do diafragma. 9. Anomalias cirúrgicas do esôfago na criança. 10. Anterior da Medula Espinhal; Patologias da Junção Neuromuscular; Erros Inatos do
Malformações congênitas e problemas perinatais do trato respiratório. 11. Doenças Metabolismo; Eletromiografia e Sistema Nervoso Central; Eletromiografia na Infância;
infecciosas cirúrgicas da criança. 12. Anomalias da região inguinal na criança. 13. Eletromiografia dos Pares Cranianos.
Anomalias da parede abdominal na criança. 14. Trauma abdominal na criança. 15. MÉDICO – ENDOCRINOLOGIA E METABOLOGIA
Anomalias congênitas do trato biliar. 16. Cirurgia do pâncreas na criança. 17. Cirurgia do 1. Apresentação comum das manifestações clínicas em endocrinologia. 2. Doença da
baço e sistema porta na criança. 18. Anomalias congênitas do estômago e duodeno. 19. hipófise e do hipotálamo. 3. Doenças da tireoide. 4. Doenças das paratireoides. 5. Doenças
Anomalias congênitas do intestino delgado. 20. Duplicações do trato digestivo. 21. das suprarrenais. 6. Diabetes mellitus. 7. Interpretação dos testes diagnósticos

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 12 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

em endocrinologia. 8. Hipertensão arterial de origem endócrina. 9. Diagnóstico e micobactérias. 11. Brucelose. 12. Pneumonias bacterianas, virais e outras. 13. Influenza e
tratamento das doenças endocrinológicas e metabólicas no ciclo gravídico-puerperal. 10. síndrome gripal. 14. Toxoplasmose. 16. Leptospirose. 15. Hantaviroses. 16. Infecções
Obesidade: avaliação, tratamento clínico e cirúrgico. 11. Osteoporose. 12. Distúrbios fúngicas. 17. Endocardite bacteriana e pericardite. 18. Gastroenterocolites infecciosas e
endócrinos e metabólicos na infecção pelo HIV. 13. Deficiência de vitamina D. 14. virais. 19. Hepatites viras. 20. Leishmaniose cutânea e visceral. 21. Febre Tifoide 22.
Emergências endocrinológicas. 15. Dislipidemias. 16. Hipogonadismo, infertilidade, Dengue. 23. Varicela e herpes zoster. 24. Sarampo. 25. Rubéola. 26. Escarlatina. 27.
amenorreia e disfunção erétil. Caxumba. 28. Coqueluche. 29. Herpes simples. 30. Esquistossomose, filariose, parasitoses
MÉDICO – GASTROENTEROLOGIA por helmintos e protozoários. 31. Imunizações. 32. Doenças sexualmente transmissíveis.
1. Hemorragia digestiva alta varicosa e não varicosa; hemorragia digestiva e baixa. 2. 33. Controle de infecções hospitalares. 34. Infecção pelo HIV e Aids. 35. Prevenção da
Esofagite péptica e complicações. 3. Esofagite por cândida, herpes e citomegalovírus. 4. raiva humana. 36. Malária. 37. Antibióticos, antivirais e antifúngicos. 38. Sistema de
Esôfago de Barrett. 5. Neoplasias de esôfago. 6. Estenose esofágica. 7. Úlcera péptica. 8. agravos notificáveis. 39. Infecção pelo SARS COV2 (Covid-19).
Doenças intestinais inflamatórias e parasitárias. 9. Diarreia. 10. Colelitíase e colecistite. MÉDICO - MASTOLOGIA
11. Pancreatite. 12. Hepatites virais, hepatopatias tóxicas e doença hepática crônica. 13. 1. Patologias benignas da mama. Lesões não palpáveis da mama. Exames de imagens em
Neoplasia gástrica precoce e avançada. 14. Infecção pelo Helicobacter pylori. 15. Pólipos mastologia, indicação, interpretação e indicação de biópsias. Biologia molecular em
em tubo digestivo. 16. Desinfecção do endoscópio. 17. Sedação em endoscopia. 18. câncer de mama. Epidemiologia em câncer de mama. 2. Diagnóstico, estadiamento e
Achados endoscópicos nas doenças sistêmicas. 19. Neoplasia de cólon.20. Câncer de tratamento cirúrgico do câncer de mama. 3. Tratamento neo-adjuvante e adjuvante em
pâncreas. câncer de mama, quimioterapia, radioterapia, hormonioterapia. 4. Seguimento pós-
MÉDICO – GERIATRIA tratamento do câncer de mama. 5. Aspectos anatomo-patológicos em câncer de mama. 6.
1. O idoso na sociedade. Estatuto do idoso. 2. Biologia e fisiologia do envelhecimento, Rastreamento em câncer de mama. 7. Prevenção primária e secundária do câncer de
teorias do envelhecimento. 3. Proteção, prevenção e promoção da saúde. 4. Exames mama. 8. Sarcomas de mama. 9. Manejo de mulheres de alto risco para câncer de mama.
complementares e instrumentos de avaliação. 5. Déficit cognitivo. 6. Demências. 7. 10. Lesões precursoras do câncer de mama. 11. Tipos especiais de câncer de mama. 12.
Instabilidade postural e quedas. 8. Fragilidade. 9 Imobilidade e úlceras de pressão. 10. Situações especiais de câncer de mama: gravidez, mulher idosa e mulher jovem. 13.
Incontinência urinária e fecal. 11. Iatrogenia e farmacologia em geriatria. 12. Hipertensão Metástases em câncer de mama. Recidivas loco - regionais do câncer de mama.
arterial sistêmica, arritmias, insuficiência cardíaca, insificiência coronariana, doença MÉDICO – MEDICINA DE EMERGÊNCIA
arterial periférica e doenças da carótida. 13. Aterosclerose. 14. Doenças 1. Síndromes hemorrágicas agudas. 2. Desidratação moderada a grave (distúrbio
cerebrovasculares: acidente vascular cerebral isquêmico/hemorrágico. 15. Síndromes hidroeletrolítico). 3. Insuficiência renal aguda ou insuficiência renal crônica agudizada. 4.
parkinsonianas, tremor essencial 16. Pneumonias, doença pulmonar obstrutiva crônica e Cetoacidose diabética / Coma hiperosmolar / Hipoglicemia. 5. Hipertensão intracraniana /
asma. 17. Embolia pulmonar e tuberculose. 18. Esofagite de refluxo, gastrites, úlceras Meningite carcinomatosa. 6. Compressão raquimedular. 7 Acidente vascular cerebral. 8.
péptica e gástrica, insuficiência hepática, diarreia e constipação intestinal. 19. Hiperplasia Crise convulsiva/Alteração do nível de consciência. 9. Lipotímia / Sincope. 10.
prostática, prostatite, Câncer de próstata. 20. Disfunção erétil. 21. Osteoporose, Tamponamento cardíaco/pericardite aguda. 11. Edema agudo de pulmão. 12. Crise
osteomalácia, osteoartrose, artrite reumatoide e doença de Paget. 22. Diabetes mellitus. hipertensiva. 13. Arritmias cardíacas, Insuficiência coronariana aguda, distúrbio de
23. Doenças da tireoide. 24. Síndrome metabólica. 25. Obesidade. 26. Neoplasias. 27. condução AV agudo. 14. Parada cardiorrespiratória. 15. Embolia pulmonar. 16. Oclusão
Doenças dermatológicas. 28. Anemias e doenças mieloproliferativas. 29. Nutrição e arterial aguda. 17. Trombose venosa profunda. 18. Insuficiência respiratória aguda. 19.
distúrbios nutricionais. 30. Infecções e imunizações. 31. Doenças dos órgãos dos sentidos. Pneumotórax. 20. Abdômen agudo. 21. Neutropenia febril. 22. Síndrome infecciosa grave.
32. Sono no idoso. 33. Reabilitação. 34. Cuidados paliativos ao final da vida. 35. 23. Estados consumptivos (caquexia quando puser o paciente em risco iminente). 24.
Delirium. 36. Depressão. Choque. 25. Síndrome de veia cava superior. 26. Hipercalcemia / Hipocalcemia. 27.
MÉDICO - GENÉTICA MÉDICA Fratura patológica. 28. Encefalopatia hepática. 29. Retenção urinária aguda. 30. Gota
1. Análise mendeliana. 2. DNA, cromatina, cromossomos metafásicos e meióticos. 3. aguda. 31. Dor neoplásica. 32. Síndrome de lise tumoral.
Ciclo celular e apoptose. 4. Organização do genoma. 5. Padrões de transmissão de genes MÉDICO - MEDICINA FÍSICA E REABILITAÇÃO
nos indivíduos e nas populações, as variações nessas expressões, os tipos de herança e má 1. Conceito de Fisiatria ou Medicina Física e Reabilitação: A história natural da instalação
formação genética. 6. Determinação sexual. 7. Bases cromossômicas: análise e aberrações e evolução das incapacidades; Conceito de Deficiência. 2. Processo de reabilitação: O
cromossômicas. 8. Herança multifatorial: poligenia, polialelismo e herdabilidade. 9. Processo de reabilitação global do paciente; Fluxograma do processo de reabilitação;
Diagnóstico pré-natal. 10 Tratamentos das doenças genéticas. 11. Bases genéticas e Atuação multidisciplinar; Posição do fisiatra em relação à equipe multidisciplinar e às
bioquímicas das doenças. 12. Terapia gênica. 13. Genética do comportamento. 14. demais especialidades médicas; Conceito de elegibilidade e inegibilidade em reabilitação.
Genética de populações. 15. Aconselhamento genético. 16. Organização laboratorial. 17. 3. Anamnese e exame físico em fisiatria: Anamnese em Fisiatria; Exame físico em
Métodos laboratoriais de análise de ácidos nucleicos e proteínas. 18. Estatística Fisiatria: exame físico geral e específico; Diagnóstico de funcionalidade; Prognóstico da
experimental aplicada à genética. 19. Erros inatos do metabolismo. reabilitação. 4. Exames complementares em fisiatria; Indicação e interpretação de exames;
MÉDICO - GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA Rotina específica de exames; Exames especiais em Fisiatria: Eletrodiagnóstico,
1. Anatomia clínica e cirúrgica do aparelho reprodutor feminino. 2. Fisiologia do ciclo Eletroneuromiografia, Potenciais Evocados e Urodinâmica. 5. Anatomia do sistema
menstrual, disfunções menstruais, distúrbios do desenvolvimento puberal, climatério, nervoso Central e Periférico. 6. Anatomia do sistema muscúlo-esquelético. 7. Fisiologia
vulvovagites e cervicites, doença inflamatória aguda e crônica. 3. Endometriose. 4. aplicada à fisiatria: Neurofisiologia; Fisiologia do ato motor; Desenvolvimento
Distopias genitais. 5. Distúrbios urogenitais. 6. Patologias benignas e malignas da mama, neuromotor; Fisiologia do 37 Exercício. 8. Cinesiologia: Cinemática: posição e
da vulva, da vagina, do útero e do ovário. 7. Noções de rastreamento, estadiamento e movimentos por planos, cadeias cinéticas; Artrocinemática: aplicabilidade da goniometria;
tratamento do câncer da mama. 8. Anatomia e fisiologia da gestação. 9. Assistência pré- Cinética: teorias do movimento, o estudo da estática; Interação dos fatores mecânicos e
natal na gestação normal e avaliação de alto risco obstétrico. 10. Aborto, gravidez fisiológicos na função muscular; Estudo da marcha humana. 9. Física aplicada: Mecânica,
ectópica, mola hidatiforme, coriocarcinoma e transmissões de infecções maternas fetais. eletricidade, vibrações, ondas, luz, calor. 10. Biofísica aplicada: Ação dos agentes físicos
11. Doenças hipertensivas na gestação. 12. Pré-eclampsia. 13. Diabetes gestacional. 14. sobre o organismo; Conhecimentos básicos em termoterapia, eletroterapia, mecanoterapia,
Cardiopatias. 15. Doenças renais e outras condições clínicas na gestação. 16. HIV/AIDS fototerapia e hidroterapia. 11. Farmacocinética e farmacodinâmica: Farmacocinética das
na gestação e prevenção da transmissão vertical. 17. Mecanismo do trabalho de parto. 18. drogas mais usadas em Fisiatria; Farmacodinâmica das drogas mais usadas em Fisiatria.
Assistência ao parto e uso do partograma. 19. Indicações de cesárias e fórceps. 20. 12. Farmacoterapia em fisiatria: Farmacoterapia relacionada a dor, inflamação e aos
Indicações de analgesia e anestesia intraparto. 21. Hemorragia de terceiro trimestre. 22. distúrbios do movimento; Associações e interações medicamentosas. 13. Fisioterapia:
Sofrimento fetal crônico e agudo. 23. Prevenção da prematuridade. Termoterapia: conceito, recursos, técnicas de aplicação, indicações e contraindicações;
MÉDICO – HEMATOLOGIA E HOMOTERAPIA Eletroterapia: conceito, recursos, técnicas de aplicação, indicações e contra-indicações;
1. Produção dinâmica e função das células sanguíneas. 2. Análise e interpretação de Fototerapia: conceito, recursos, técnicas de aplicação, indicações e contra-indicações;
exames hematológicos. 3. Biologia molecular e hematologia. 4. Distúrbios das hemácias: Hidroterapia: conceito, recursos, técnicas de aplicação, indicações e contra-indicações;
anemias macrocríticas; anemia ferropriva e metabolismo do ferro; anemias por Mecanoterapia: conceito, recursos, técnicas de aplicação, indicações e contra- indicações;
insuficiência de medula óssea; anemias hemolíticas; anemia da insuficiência renal crônica; Cinesioterapia: conceito, classificação dos exercícios, recursos, técnicas de aplicação,
anemias das doenças crônicas; anemias das desordens endócrinas; eritrocitoses; meta- indicações e contra- indicações; Massoterapia: conceito, recursos, técnicas de aplicação,
hemoglobinemia e outros distúrbios que causam cianose; porfírias; anemia indicações e contra-indicações; Prescrição do tratamento fisioterápico. 14. Terapia
microangiopática; 5. Mielodisplasia. 6. Distúrbios dos neutrófilos, basófilos, eosinófilos e ocupacional: Conceitos; Métodos de avaliação funcional; Áreas e formas de atuação;
dos mastócitos. 7. Distúrbios dos monócitos e macrófagos. 8. Linfocitose e linfopenia. 9. Treinamento em Atividades de Vida Diária (AVD); Prescrição e objetivos em Terapia
Doenças das deficiências imunológicas hereditárias e adquiridas. 10. Infecção em Ocupacional.
hospedeiro imunocomprometido, 11. Leucemias. 12. Síndromes mieloproliferativas; 13. MÉDICO - MEDICINA INTENSIVA ADULTO
Doenças linfoproliferativas malignas. 14. Distúrbios plasmocitários e gamapatias 1. Síndromes coronarianas agudas. 2. Embolia pulmonar. 3. Choque. 4. Parada
monoclonais. 15. Distúrbios plaquetares. 16. Distúrbios da hemostasia primária. 17. cardiorrespiratória. 5. Arritmias cardíacas agudas. 6. Insuficiência respiratória aguda. 7.
Distúrbios da coagulação. 18. Trombofilias. 19. Medicina transfusional. SARA (Síndrome de angústia respiratória aguda). 8. Suporte ventilatório 9. Infecções
MÉDICO – INFECTOLOGIA bacterianas e fúngicas. 10. Infecções relacionadas a cateteres. 11. Síndrome da resposta
1. Febre. 2. Sepse. 3. Infecções em pacientes granulocitopênicos. 4. Infecções causadas inflamatória sistêmica. 12. Insuficiência de múltiplos órgãos e sistemas (IMOS/SDOM).
por microorganismos anaeróbicos. 5. Tétano. 6. Meningite por vírus, bactérias e fungos. 7. 13. Sepse. 14. Antibioticoterapia em medicina intensiva. 15. Endocardite bacteriana. 16.
Raiva. 8. Rickettsioses. 9. Difteria. 10. Tuberculose, hanseníase e doenças por outras Colite pseudomembranosa. 17. Infecções hospitalares. 18. Translocação bacteriana. 19.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 13 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

Prevenção de infecções em terapia intensiva. 20. Infecções em pacientes atributos essenciais e derivados. Epidemiologia e saúde pública: análise da situação de
imunocomprometidos. 21. Comas em geral. 22. Medidas para controle da hipertensão saúde local, prevalência, incidência e morbimortalidade; indicadores de saúde, testes,
intracraniana. 23. Morte cerebral. 24. Hemorragia digestiva alta e baixa. 25. Insuficiência risco. Doenças de Notificação Compulsória; Atestado médico e declaração de óbito;
hepática. 26. Abdome agudo. 27. Pancreatite aguda. 28. Crise tireotóxica. 29. Insuficiência Programa de imunização; Sistemas de informação na Atenção Primária à Saúde;
renal aguda: métodos dialíticos, distúrbios hidroeletrolíticos e ácido-básicos, e rabdomiólise. Prontuário orientado por problemas; Prevenção Quaternária; Educação em saúde e
30. Pré e pós-operatório: condutas em pós-operatório de grandes cirurgias. 31. Coagulação intersetorialidade; Promoção da alimentação adequada e saudável, das práticas corporais
intravascular disseminada e fibrinólise, coagulopatia de consumo, trombólise e e atividades físicas, do envelhecimento saudável, controle do álcool, tabaco e outras
anticoagulação. Uso de hemoderivados e hemocomponentes. 32. Aspectos éticos e drogas. Urgência clínica na APS. Atendimento das populações específicas e em situação
qualidade em medicina intensiva. 33. Sedação, analgesia e bloqueio neuromuscular em UTI. de vulnerabilidade, como população vivendo em situação de rua, quilombolas,
34. Escores de gravidade e avaliação de prognóstico. 35. Cuidados paliativos em terapia ribeirinhos e indígenas. Atendimento à demanda espontânea com avaliação de risco em
intensiva. todos os grupos etários. Atenção à Saúde da Criança e do Adolescente: Prevenção,
MÉDICO - MEDICINA INTENSIVA PEDIÁTRICA identificação, tratamento e acompanhamento de situações relacionadas a distúrbios
1. Reanimação cardiorrespiratória cerebral. 2. Choque: fisiopatologia, diagnóstica e nutricionais (baixo peso, desnutrição, sobrepeso e obesidade); Rastreamento em saúde da
terapêutica. 3. Insuficiência cardíaca. 4. Insuficiência respiratória aguda. 5. Ventilação criança: triagem neonatal (teste do pezinho e reflexo vermelho); sopros cardíacos;
mecânica: Indicações e usos de aparelhos. 6. Insuficiência renal aguda. 7. Suporte nutricional Prevenção, busca ativa, diagnóstico, tratamento e acompanhamento da criança e
na criança gravemente enferma-enteral e parenteral. 8. Distúrbios hidroeletrolíticos e do adolescente com hanseníase, com diagnóstico de tuberculose, com sífilis, hepatites virais,
equilíbrio ácido-básico. 9. Cetoacidose diabética. 10. Comas. 11. Acidentes Intoxicações HIV e outras ISTs; Acompanhamento da criança com microcefalia / zika vírus;
exógenas, politraumatismos, queimaduras (retirar hífen) e aspiração de corpos estranhos. 12. Prevenção, identificação, aconselhamento e tratamento em relação ao tabagismo, uso
Infecção na criança gravemente enferma - diagnóstico e terapêutica. 13. Cuidados gerais no abusivo de álcool e outras drogas, situações de violência contra crianças e adolescentes;
pós-operatório de cirurgia pediátrica e neurocirurgia. 14. Preenchimento do atestado de Identificação e acompanhamento de crianças e adolescentes com dificuldade de
óbito. 15. Infecção hospitalar: aspectos epidemiológicos e preventivos. 16. Acidentes - aprendizado e problemas relacionados ao contexto escolar e/ou trabalho infantil;
aspectos epidemiológicos da morbimortalidade. 17. Diagnóstico e tratamento dos principais Identificação e acompanhamento de crianças e adolescentes com deficiências físicas e/ou
quadros clínicos decorrentes de acidentes. 18. Atendimento à criança vítima de maus tratos. mentais; Identificação e manejo de problemas de crescimento e desenvolvimento na
19. Riscos inerentes aos procedimentos terapêuticos na UTI. 20. Protocolos clínicos e infância e adolescência; Identificação e manejo dos problemas mais comuns do recém-
diretrizes terapêuticas do Ministério da Saúde. nascido e lactente: cólicas do lactente, regurgitação e vômitos, constipação intestinal,
MÉDICO - MEDICINA PALIATIVISTA monilíase oral, miliária, dermatite das fraldas, impetigo, dermatite seborreica, icterícia,
1. Princípios e desafios em cuidados paliativos. 2. Tratamento da dor em cuidados paliativos. problemas do umbigo, hérnia inguinal e hidrocele, testículo retido, displasia do
3. Controle dos sintomas. 4. Comunicação e aspectos psicológicos. 5. Ética Profissional. 6. desenvolvimento do quadril; Identificação e manejo de condições graves de saúde em
Diretivas antecipadas. 7. Hipodermóclise. 8. Cuidados paliativos em oncologia. 9. crianças menores de 2 meses: convulsões, letargia/flacidez, esforço respiratório (tiragem
Espiritualidade e saúde. 10. Luto. 11. Multidisciplinaridade e interdisciplinaridade. 12. subcostal, batimento de asas do nariz, apneia), gemido/estridor/sibilância, cianose
Modelos de atenção em cuidados paliativos. 13. Avaliação e tratamento da dor. 14. central, palidez intensa, distensão abdominal, peso < 2000g, enchimento capilar lento
Procedimentos médicos indicados em cuidados paliativos. 15. Instrumentos de avaliação em (>2s), pústulas ou vesículas na pele, manifestações de sangramento (equimoses,
cuidados paliativos. petéquias e/ou hemorragias), secreção purulenta do ouvido ou da conjuntiva;
MÉDICO – MEDICINA DO TRABALHO Identificação e manejo dos problemas mais comuns na infância: asma, deficiência de
1. Agravos à saúde do trabalhador: saúde mental; sistemas sensoriais, respiratório e ferro e anemia, parasitoses intestinais, febre, infecções de vias aéreas superiores, excesso
cardiovascular; câncer; sistema musculoesquelético; sangue; sistemas nervoso, digestivo, de peso em crianças, diarreia aguda, rinite alérgica, eczemas alérgicos,
renal-urinário e reprodutivo; doenças da pele. 2. Aspectos legais da medicina do trabalho: urticária/angioedema, alergia à picada de insetos. Atendimento aos agravos prevalentes
responsabilidades em relação à segurança e saúde ocupacional; saúde ocupacional como um na adolescência: atraso puberal, puberdade precoce, acne, dor escrotal (criptorquidismo,
direito humano; convenções da organização internacional do trabalho; normas torção testicular, epididimite, varicocele), ginecomastia puberal, dismenorreia, obesidade,
regulamentadoras do ministério do trabalho e emprego. 3. Relações trabalhistas e gestão de vulvovaginites. Identificação, manejo e acompanhamento do adolescente com
recursos humanos: dos direitos de associação e representação; acordo e dissídios coletivos de hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus e/ou com dificuldades na acuidade
trabalho e disputas individuais sobre saúde e segurança ocupacional; saúde e segurança no visual; Manejo das doenças crônicas respiratórias mais prevalentes. Atendimento e
local de trabalho; emprego precário. 4. O sistema previdenciário brasileiro (Decreto no escuta do adolescente em qualquer situação; Identificação, acompanhamento e atenção
3.048/99): prestações do regime geral de previdência social; das prestações do acidente de integral à adolescente gestante e puérpera. Identificação, acompanhamento e manejo de
trabalho e da doença profissional; da comunicação do acidente; das disposições diversas crianças e adolescentes em sofrimento psíquico incluindo ações de prevenção ao suicídio
relativas ao acidente de trabalho; da habilitação e reabilitação profissional; carência das com adolescentes. Atenção à Saúde do Adulto e Idoso: acompanhamento de adultos e
aposentadorias por idade, tempo de serviço e especial; doenças profissionais e do trabalho; idosos em cuidados integrados e continuados, incluindo: cuidados paliativos;
classificação dos agentes nocivos; formulários de informações; nexo técnico acompanhamento de pessoas com doenças relacionadas ao trabalho. atendimento
epidemiológico. 5. Bioestatística: noções de probabilidade e representação gráfica; domiciliar de pessoas em situação de restrição ao leito/acamados, com impossibilidade
tabulação dos dados; estatística descritiva; amostragem; testes de hipótese e inferência de locomoção, assim como em situações com indicação de avaliação domiciliar pós-
estatística; intervalo de confiança; análise de dados categóricos; taxas, razões e índices. 6. óbito ou de resistência ao tratamento; prevenção, busca ativa, diagnóstico, tratamento e
Bioética: princípios fundamentais; direitos e deveres do médico; responsabilidade acompanhamento da pessoa com hanseníase; prevenção, rastreamento de sintomáticos
profissional; sigilo médico; atestado e boletim médicos; perícia médica; pesquisa médica; respiratórios, diagnóstico, tratamento e acompanhamento da pessoa com tuberculose;
código de ética do médico do trabalho. 7. Epidemiologia ocupacional: método prevenção, identificação e aconselhamento em relação ao uso abusivo de álcool e outras
epidemiológico aplicado à saúde e segurança ocupacional; estratégias e técnicas drogas; prevenção, identificação, aconselhamento e tratamento em relação ao tabagismo;
epidemiológicas de avaliação da exposição; medidas de exposição no local de trabalho; prevenção, rastreamento, diagnóstico, tratamento e acompanhamento da pessoa com
medição dos efeitos das exposições; avaliação de causalidade e ética em pesquisa diagnóstico de sífilis, hepatites virais, outras IST e da pessoa vivendo com HIV, com
epidemiológica. 8. Ergonomia: princípios de ergonomia e biomecânica; antropometria e atenção especial a populações-chave; rastreamento de neoplasia de cólon e reto em
planejamento do posto de trabalho; análise ergonômica de atividades; prevenção da pessoas entre 50 e 75 anos; rastreamento e acompanhamento de DM2 em adultos
sobrecarga de trabalho em linhas de produção; prevenção de distúrbios relacionados ao assintomáticos; rastreamento e identificação de risco cardiovascular global (RCVG)
trabalho. 9. Gestão ambiental e saúde dos trabalhadores: relações entre saúde ambiental e visando à realização de escore para estratificação de risco cardiovascular. Epidemiologia,
ocupacional; saúde e segurança ocupacional e o meio ambiente; gestão ambiental e proteção fisiopatologia, diagnóstico, clínica, tratamento e prevenção das seguintes condições: a)
dos trabalhadores; gestão em saúde: planejamento, implementação e avaliação de políticas, Cardiovasculares - hipertensão arterial sistêmica; insuficiência cardíaca, palpitações e
planos e programas de saúde nos locais de trabalho. 10. Perícias médicas judiciais: exame arritmias crônicas, varizes; doença arterial periférica; doença aterosclerótica; dor
clínico e anamnese ocupacional; análise das condições de trabalho; laudos médicos e torácica; síndrome pós-trombótica. b) Pulmonares e respiratórias: - síndrome gripal;
ambientais. 11. Programa de controle médico e serviços de saúde ocupacional: normas insuficiência respiratória aguda; bronquite aguda e crônica; asma, DPOC, tosse crônica,
regulamentadoras; normas técnicas da previdência social para diagnóstico de doenças apneia obstrutiva do sono, dispneia, nódulos pulmonares, pneumonia, tuberculose,
relacionadas ao trabalho; inspeção médica dos locais de trabalho. 12. Proteção e promoção tromboembolismo pulmonar, pneumopatia intersticial. c) Sistema Digestivo - gastrite e
da saúde nos locais de trabalho: programas preventivos; avaliação do risco em saúde; úlcera péptica, dispepsia e refluxo gastroesofágico, alterações de hábito intestinal,
condicionamento físico e programas de aptidão; programas de nutrição; a saúde da mulher; gastroenterites; colecistopatias, diarrreia aguda e crônica, pancreatites, hepatites,
proteção e promoção de saúde; doenças infecciosas; programas de controle do tabagismo, insuficiência hepática, parasitoses intestinais, doenças intestinais inflamatórias, doença
álcool e abuso de droga; gestão do estresse. 13. Programa de prevenção de riscos ambientais: diverticular do cólon, tumores do cólon, hemorroidas e outras doenças orificiais, dor
higiene ocupacional; prevenção de acidentes; política de segurança, liderança e cultura; abdominal, esteatose hepática, alterações laboratoriais hepáticas. d) Dermatológicas:
proteção pessoal. 14. Toxicologia: toxicologia e epidemiologia; monitoração biológica; acne, celulites, dermatites, erisipela, escabiose, feridas, furúnculo, herpes simples, herpes
toxicocinética; toxicologia básica; agentes químicos no organismo; toxicocinética; zoster, hiperidrose, intertrigo, larva migrans, micoses, miliária, nevos, pediculose,
toxicodinâmica dos agentes químicos. piodermites, doenças das unhas, psoríase, tungíase, urticária, verrugas. e) Condições
MÉDICO – MÉDICO DA FAMÍLIA E COMUNIDADE genitourinárias: doença renal crônica (pacientes renais crônicos não transplantados),
Ética e legislação profissional; Portaria Nº 2.436, de 21 de setembro de 2017: aprova a infecção urinária, litíase renal, hiperplasia prostática benigna, incontinência urinária. f)
Política Nacional de Atenção Básica – PNAB; Atenção Primária à Saúde: Metabólicas e do sistema endócrino - hipovitaminoses, desnutrição, diabetes mellitus

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 14 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

hipotireodismo, hipertireodismo, nódulos de tireoide, obesidade e dislipidemia. g) pneumonia, diarreia, conjuntivite, onfalite, osteomielite, artrite, infecção do trato urinário,
Hematológicas - anemia, anemia falciforme, linfonodomegalia periférica, leucopenia, infecções fúngicas e virais, infecções congênitas, antibioticoterapia); Distúrbios
leucocitose, trombocitopenia, trombocitose. h) Reumatológicas - osteoartrose, doença neurológicos (asfixia neonatal, encefalopatia, hipóxico-isquêmica, hemorragia intra-
reumatóide juvenil, gota, lúpus eritematoso sistêmico, artrite infecciosa, doenças do periventricular, convulsão, hidrocefalia, pré e pós-operatório de neurocirurgia); Anemia da
colágeno. i) Condições musculoesqueléticos: lombalgia, cervicalgia, osteoartrite, dor no prematuridade (policitemia, doenças hemolíticas, hemoglobinopatias, doenças
ombro, bursite/tendinite, dor no quadril, problemas de mãos/ punhos, dor no joelho, hemorrágicas, coagulação intravascular disseminada, uso de hemoderivados);
patologias do tornozelo e pé, disfunção temporomandibular (DTM), fibromialgia, Humanização na assistência ao recém-nascido.
osteoporose, gota. J) Neurológicas -cefaleias, epilepsia, síndromes demenciais, síndrome MÉDICO - NEUROCIRURGIA
do túnel do carpo, acidente vascular acidente vascular encefálico, doença de Parkinson, 1. Anatomia do sistema nervoso central e periférico, crânio, conteúdo orbitário e coluna
vertigem, paralisia facial, meningites, neuropatias periféricas, encefalopatias. k) vertebral. 2. Carcinogênese, biologia dos tumores e marcadores tumorais em
oftalmologia: conjuntivite, hordéolo e calázio e blefarite. l) Condições de neurocirurgia. 3. Epidemiologia dos tumores do Sistema Nervoso crânio e coluna
otorrinolaringologia: vertigem, rinossinusite, otite, hipoacusia, amigdalite bacteriana, vertebral. 4. Infecção em neurocirurgia. 5. Propedêutica e exames subsidiários em
obstrução nasal, apneia do sono, labirintopatia, epistaxe; m) Condições alérgicas e neurocirurgia. 6. Noções de radioterapia para o paciente neurocirúrgico. 7. Noções básicas
imunológicas: rinite alérgica, eczemas alérgicos, urticária/angioedema, alergia à picada de de neuropatologia. 8. Cuidados pré e pós---operatórios em neurocirurgia. 9. Complicações
insetos, alergias alimentares, alergia a medicamentos. n) Sofrimento psíquico e transtornos pós-operatórias em neurocirurgia. 10. Diagnóstico e tratamento das doenças tumorais do
mentais mais prevalentes: sofrimento emocional e tristeza, transtornos depressivos, de SN, crânio e coluna vertebral. 11. Tumores orbitários. 12. Neuroradiologia do sistema
ansiedade, do espectro obsessivo-compulsivo e/ou pós-traumático, transtornos por uso de nervoso central e periférico, crânio, conteúdo orbitário e coluna vertebral.
substâncias (álcool, tabaco e drogas ilícitas), transtorno de déficit de MÉDICO – NEUROLOGIA
atenção/hiperatividade, transtorno do humor bipolar, transtornos psicóticos e ações de 1. Anatomia e fisiologia do sistema nervoso central e periférico. 2. Semiologia e exame
prevenção ao suicídio e automutilação. o) Arboviroses (dengue, zika, febre amarela e físico neurológico. 3. Doença cerebrovascular: isquemia e hemorragia. 4. Tumores do
chikungunya). p) Infecciosas e Transmissíveis -sarampo, varicela, rubéola, poliomielite, sistema nervoso central. 5. Epilepsia: etiopatogenia, classificação internacional,
difteria, tétano, coqueluche, raiva, febre tifoide, hanseníase, doenças sexualmente tratamento medicamentoso, estado de mal convulsivo. 6. Hipertensão intracraniana. 7.
transmissíveis, AIDS, doença de Chagas, esquistossomose, leishmaniose, leptospirose, Doenças desmielinizantes. 8. Demências. 9. Neuropatias periféricas. 10. Doenças
malária, tracoma, estreptococcias, estafilococcias, doença meningocócica, infecções por neurológicas com manifestações extrapiramidais. 11. Miopatias. Miastemia grave e
anaeróbios, toxoplasmose, viroses. Atenção à Saúde da Mulher: Pré-natal da gestante e do polimiosite. 12. Diagnóstico de traumatismo cranioencefálico. 13. Doenças infecciosas e
parceiro; Assistência no período do puerpério; Assistência à mulher no período do parasitárias do sistema nervoso central. 14. Distúrbio do sono. 15. Preenchimento da
climatério; Abordagem em saúde sexual e reprodutiva- orientação individual e em grupos declaração de óbito.
de métodos contraceptivos; oferta e dispensação de insumos de prevenção e testes rápidos; MÉDICO - NEUROLOGIA PEDIÁTRICA
disfunções sexuais; avaliação pré-concepção; diagnóstico precoce de gravidez e 1. Exame neurológico do recém-nascido ao adolescente. Infecções do sistema nervoso. 2.
orientação sobre infertilidade conjugal Manejo de problemas ginecológicos mais comuns: Epilepsia e distúrbios paroxísticos de natureza não epiléptica. 3. Distúrbios do
sangramento uterino anormal, miomatose, corrimento vaginal (abordagem sindrômica) e desenvolvimento do sistema nervoso. 4. Encefalopatias não progressivas e progressivas. 5.
dor pélvica; Prevenção, identificação, acolhimento e acompanhamento de situações de Doenças neurocutâneas. 6. Tumores do SNC. 7. Hipertensão intracraniana. 8. Distúrbios
violência contra mulheres, violência sexual, intrafamiliar e de gênero; Manejo de do sono. 9. Distúrbios do comportamento. 10 Dificuldades e distúrbios do aprendizado
problemas mamários comuns relacionados à lactação; Rastreamento para neoplasia de escolar. 11 Cefaléias. Doenças neuromusculares. 12. Doenças neurológicas
colo uterino e acompanhamento da mulher com diagnóstico de câncer do colo uterino; heredodegenerativas. 13. Ataxias agudas. 14. Infecções congênitas. 15. Afecções dos
Rastreamento para neoplasia de mama e acompanhamento da pessoa com diagnóstico de gânglios da base. 16. Peroxissomopatias. 17. Lisossomopatias. 18. Doenças
câncer de mama. Atenção à Saúde do Idoso: Identificação, manejo e acompanhamento da desmielinizantes. 19. Comas.
pessoa idosa vulnerável, em risco de declínio funcional ou frágil (multimorbidades, 20. Traumatismo crâniencefálico. 21. Acidentes vasculares celebrais na infância. 22.
polifarmácia, internações recentes, incontinência esfincteriana, quedas recorrentes, Comprometimento neurológico em doenças sistêmicas. 23. Transtorno de déficit de
alteração de marcha e equilíbrio, comprometimento cognitivo, comprometimento atenção e hiperatividade. 24. Morte encefálica.
sensorial, perda de peso não intencional, dificuldade de mastigação e/ou deglutição, sinais MÉDICO – OFTALMOLOGIA
e sintomas de transtornos de humor, insuficiência familiar, isolamento social, suspeitas de 1. Embriologia ocular. 2. Anatomia e Histologia Ocular: órbita, conteúdo e relações
violência, grau de dependência para atividades da vida diária). Prevenção, identificação, anatômicas; pálpebras e conjuntiva; globo ocular e túnicas fibrosas, vascular e nervosa;
acolhimento e acompanhamento de situações de violência contra idosos. Prevenção de meios dióptricos; músculos extrínsecos; aparelho lacrimal. 3. Fisiologia da visão. 4.
acidentes domésticos, quedas e fraturas. Prevenção, identificação, tratamento e Refração: noções de óptica oftálmica: vícios de refração; prescrição de óculos e lentes de
acompanhamento de distúrbios nutricionais no adulto e idoso. contato. 5. Patologia, diagnóstico e tratamento das doenças do(a): órbita, conjuntiva,
MÉDICO – NEFROLOGIA esclera, úvea, retina, vítreo, cristalino e aparelho lacrimal. 6. Glaucoma: classificação,
1. Glomerulopatias primárias e secundárias 2. Doenças túbulo-intersticiais. 3. Doença quadro clínico, diagnóstico e tratamento clínico e cirúrgico. 7. Retina e Vítreo: doenças
renal do diabetes. 4. Hipertensão arterial: primária, secundárias e avaliação de risco vasculares da retina, degenerações da mácula, distrofias, degenerações periféricas da
cardiovascular. 5. Lesão renal aguda. 5. Doença renal crônica. 6. Tratamento dialítico: retina, descolamentos da retina. 8. Repercussões oculares de patologias sistêmicas. 9.
hemodiálise e diálise peritoneal 7. Nutrição na doença renal. 8. Nefrologia intensiva, 9. Urgências em oftalmologia: clínicas e cirúrgicas. 10. AIDS – manifestações oculares. 11.
Distúrbios metabólicos e ácido-base. 10. Litíase urinária 11. Infecção urinária, 12. Doença Plástica ocular: blefaroptose, ectrópio, entrópio, triquíase, paralisia facial, blefaroespasmo,
cística. 13. Transplante renal: acompanhamento pré e pós-transplante. 14. Diagnóstico reconstrução palpebral, cavidades anoftálmicas, orbitopatia distireoidiana, propedêutica da
clínico, laboratorial, por imagem e histopatológico das doenças renais. 15. Processos drenagem lacrimal, obstrução lacrimal do recém-nascido, dacricistorrinostomia. 12.
obstrutivos 16. Tumores renais. 17. Síndrome hemolítico-urêmica. 18. Síndrome hepato- Estrabismos: ambliopia, avaliação clínica, forias e anormalidades da vergência, esotropias,
renal. 19. Lupus eriematoso sistêmico. 20, Covid-19 e comprometimento renal. exotropias, disfunções dos oblíquos e padrões alfabéticos, estrabismos complexos:
MÉDICO – NEONATOLOGIA paralíticos, restritivos, torcicolo ocular e desvio vertical dissociado, sindromes especiais.
1. Assistência ao recém-nascido sadio: sala de parto, rotinas em alojamento conjunto. 2. 13. Banco de Olhos e Transplante de Córnea, Ceratoplastia lamelar e Ceratoplastia
Cuidados iniciais ao recém-nascido de baixo peso (pré-termo e pequeno para a idade penetrante.
gestacional); Cuidados iniciais ao recém-nascido 3. Distúrbios metabólicos. 4. Distúrbios MÉDICO – ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA
respiratórios. 5. Icterícia neonatal. 6. Infecções neonatal. 7. Lesões ao nascimento: asfixia 1. Sistema musculoesquelético: estrutura do tecido ósseo; crescimento e desenvolvimento;
neonatal, hemorragia intracraniana, traumatismo. 8. Malformações congênitas. 9. Triagem calcificação, ossificação e remodelagem; estrutura do tecido cartilaginoso; organização,
neonatal: erros inatos do metabolismo. 10. Ventilação não invasiva no recém-nascido pré- crescimento e transplante; tecido muscular: organização, fisiologia e alteração
termo. 11. Uso de antibióticos no recém-nascido pré-termo. 12. Nutrição parenteral inflamatória. 2. Deformidades congênitas e adquiridas: pé torto congênito; displasia do
precoce para o recém-nascido pré-termo. 13. Cardiopatias Congênitas. 14. Humanização desenvolvimento do quadril; luxação congênita do joelho; pseudoartrose congênita tíbia;
na assistência ao recém-nascido. 15. Transfusões sanguíneas. Distúrbios metabólicos talus vertical; aplasia congênita/displasia dos ossos longos; polidactilia e sindactilia;
(glicose, cálcio, magnésio, doença metabólica óssea, erros inatos do metabolismo); escoliose. 3. Infecções e alterações inflamatórias osteoarticulares: artrite pirogênica,
Distúrbios do equilíbrio ácido básico e hidroeletrolítico; Sistema respiratório (síndrome do osteomielite aguda e crônica; tuberculose óssea; infecção da coluna vertebral; sinovites;
desconforto respiratório, síndrome do pulmão úmido, síndrome de aspiração meconial, artrite reumatoide. 4. Tumores ósseos e lesões pseudotumorais. 5. Osteocondroses. 6.
hipertensão pulmonar persistente neonatal, apneia da prematuridade, displasia Alterações degenerativas osteoarticulares. 7. Doenças osteometabólicas na prática
broncopulmonar, reposição de surfactante, ventilação não invasiva, ventilação mecânica, ortopédica. 8. Tratamento do paciente politraumatizado. 9. Fraturas e luxações da
uso de oxido nítrico); Sistema cardiovascular (cardiopatias congênitas, persistência do articulação do quadril e da coluna cervical, torácica e lombar. 10. Fraturas, luxações,
canal arterial, arritmia cardíaca, choque, monitorização hemodinâmica, suporte lesões capsulo-ligamentares e epifisárias do membro superior e inferior em adultos e
vasopressor); Hiperbilirrubinemia (fototerapia, exsanguineotransfusão); Problemas renais crianças.
(insuficiência renal aguda, hipertensão arterial, nefro/uropatias congênitas, terapias MÉDICO – OTORRINOLARINGOLOGIA
dialíticas); Problemas do trato gastrointestinal (distúrbios da sucção e deglutição, refluxo 1. Anatomofisiologia clínica das fossas e seios paranasais, laringe, faringe e órgão da
gastresofágico, enterocolite necrosante, malformações do trato gastrointestinal, pré e pós- audição. 2. Semiologia, sintomatologia, diagnóstico e tratamento das principais afecções
operatório de cirurgia abdominal); Infecções de origem materna e ambiental (infecção da laringe, glândulas salivares, órgão auditivo e seios paranasais. 3. Testes básicos da
neonatal precoce e tardia, sepse, insificiencia de múltiplos órgãos e sistemas, meningites, avaliação auditiva: caracterização audiológica das principais patologias do ouvido. 4.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 15 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

Câncer da laringe e hipofaringe: glândulas salivares e seios paranasais. 5. Doenças Intra-operatória. 11. Efeitos Tardios da Irradiação. 12. Emergências em Radioterapia;
ulcerogranulomatosas em otorrinolaringologia. 6. Deficiências auditivas. 7. Anomalias 13. Estadiamento do Câncer e Análise de Sobrevida. 14. Tumores de Pele; Câncer de
congênitas da laringe. 8. Neuroanatomofisiologia do sistema vestibular. 9. Afecções e Cabeça e Pescoço. 15. Tumores de Pulmão. 16. Mediastino e Pleura. 17. Tumores de
síndromes otoneurológicas. 10. Paralisia facial periférica. 11. Afecções benignas e Esôfago. 18. Tumores Gastrointestinais. 19. Tumores de Pâncreas; 20. Vias Biliares
malignas do pescoço. 12. Abordagem do Paciente com Zumbido - Diagnósticos e Duodeno. 21. Tumores Colorretal e Canal Anal. 22. Tumor de Bexiga; Rim e
Diferenciais. 13. Traumas em otorrinolaringologia. 14. Labirintopatias periféricas e Ureter. 23. Tumores de Próstata; Tumores do Aparelho Genital Masculino. 24.
centrais. 15. Tratamento cirúrgico e não cirúrgico do Ronco. 15. Ronco e apneia Tumores Ginecológicos Tumor Epitelial do Ovário. 25. Tumor de Mama. 26.
obstrutiva do sono. 16. Doenças benignas da laringe. Linfomas Malignos. 27. Tumores do Sistema Nervoso Central do Adulto. 28.
MÉDICO – PATOLOGIA Tumores Oculares. 29. Sarcomas de Partes Moles de Adultos; Tumores Ósseos. 30.
1. Patologia geral: Degeneração e morte celular; Alterações do crescimento e Tumores de Infância. 31. Radioterapia em Lesões Benignas.
desenvolvimento; Inflamação e reparação; Alterações Vasculares; Imunidade; Neoplasia; MÉDICO - REUMATOLOGIA
Noções de genética. 2. Patologia sistêmica: Sistema circulatório - coração e vasos; Laboratório em reumatologia. 2. Exames por imagem em reumatologia. 3.
Sistema hematopoiético e linfático; Trato respiratório, pulmão; Cabeça e pescoço; Trato Semiologia das doenças reumatológicas. 4. Estruturas morfológicas e funcionais das
gastrointestinal, fígado, trato biliar e pâncreas; Rim e trato urinário inferior; Sistema articulações. 5. Auto-imunidade. 6. Auto-anticorpos e sistema de complemento. 7.
genital masculino; Sistema genital feminino; Mama; Sistema endócrino; Pele; Partes Reumatismo de partes moles. 8. Fibromialgia. 9. Lombalgias. 10. Osteoartrite. 11.
moles; Sistema músculo-esquelético; Sistema nervoso periférico; Sistema nervoso central. Osteoporose e osteomalácia. 12. Osteopatias microcristalinas. 13. Artrites
MÉDICO – PEDIATRIA infecciosas. 14. Artropatia associada a doenças sistêmicas. 15. Artrite reumatóide.
1. Condições de Saúde da Criança Brasileira. 2. Organização da atenção à criança. 3. 16. Espondilite anquilosante. 17. Artropatia psoriática. 18. Artrite reativa. 19. Artrite
Alimentação da criança. 4. O recém-nascido normal e patológico. 5. Programa de das colopatias. 20. Febre reumática. 21. Síndrome do anticorpo antifosfolípide. 22.
imunização. 6. Crescimento e desenvolvimento. 7. Desnutrição proteico-calórica. 8. Síndrome Catastrófica. 23. Doença do Still do adulto. 24. Artropatia idiopática
Anemias na infância. 9. Diarreia aguda e crônica na criança. 10. Cardiopatias na criança. juvenil. 25. Lupus eritematoso sistêmico. 26. Esclerose sistêmica. 27. Síndrome de
11. Doenças respiratórias na criança. 12. Doenças no trato genitourinário na criança. 13. Sjögren. 28. Doença mista do tecido conjuntivo. 29. Vasculite sistêmica. 30.
Doenças autoimunes e colagenoses na criança. 14. Doenças infecto-contagiosas mais Neoplasias articulares. 31. Miopatias inflamatórias. 32. Doenças autoinflamatórias.
frequentes na criança. 15. Parasitoses intestinais. 16. Dermatoses mais frequentes na MÉDICO SANITARISTA
criança. 17. Convulsões na criança. 18. Principais problemas ortopédicos na criança. 19. Epidemiologia: Conceitos, indicadores de saúde e medidas de freqüência; Estudos
Diagnóstico diferencial e procedimentos frente aos sinais e sintomas mais frequentes na epidemiológicos; Noções de epidemiologia clínica; Saúde ocupacional.
criança. 20. Patologias cirúrgicas mais frequentes na criança. 21. Insuficiência Cardíaca. Epidemiologia: Conceitos, notificação e investigação de agravos à saúde;
22. Choque. 23. Ressuscitação cardiopulmonar. 24. Cetoacidose diabética. 25. Acidentes Epidemiologia das seguintes doenças transmissíveis: HIV/AIDS, dengue, difteria,
na infância: prevenção e tratamento. 26. Abordagem da criança politraumatizada. 27. DST, hepatites, hanseníase, leishmaniose tegumentar americana, meningites,
Síndrome de maus-tratos. 28. Estatuto da criança e do adolescente, estratégias de ações de paralisia flácida aguda, sarampo, rubéola, tétano, tuberculose, raiva. 3. Planejamento
promoção, proteção e recuperação da saúde. em Saúde: Conceitos; Planejamento de ações de saúde; Indicadores de eficiência e
MÉDICO – PNEUMOLOGIA eficácia; Serviços de saúde. Ética profissional.
1. Semiologia e exame físico em nas doenças pulmonares. 2. Métodos diagnósticos MÉDICO – UROLOGIA
laboratoriais e radiológicos em pneumologia. 3. Avaliação de risco cirúrgico 1. Anatomia, fisiologia, embriologia e anomalias do sistema geniturinário. 2.
cardiopulmonar. 4. Asma e Bronquite. 5. Tabagismo. 6. DPOC. 7. TEP e Hipertensão Semiologia e Exame clínico no paciente urológico. 3. Exames laboratoriais e de
Arterial Pulmonar. 8. Infecções respiratórias. 9. Doenças pleurais: derrames e imagem em urologia. 4. Litíase e infecções do trato geniturinário. 5. Traumatismo do
pneumotórax. 10. Neoplasias respiratórias. 11. Pneumopatias supurativas. 12. Ventilação sistema geniturinário. 6. Neoplasias benignas e malignas do sistema geniturinário. 7.
mecânica. 13. Broncoscopia. 14. Doenças pulmonares intersticiais difusas. 15. Doenças Prevenção e diagnóstico precoce dos tumores do aparelho genital masculino. 8.
ocupacionais e ambientais. 16. Tosse. 17. Distúrbio respiratórios do sono. 18. Fibrose Bexiga neurogênica. 9. Doenças vasculares do aparelho geniturinário. 10.
Pulmonar Idiopática. 19. Reabilitação pulmonar. Tuberculose do aparelho geniturinário. 11. Doenças específicas dos testículos. 12.
MÉDICO - PSIQUIATRIA Urgências do aparelho geniturinário. 13. Doenças sexualmente transmissíveis. 14.
1. Delirium, demência, transtornos amnésticos e outros transtornos cognitivos. 2. Disfunção erétil. 15. Infertilidade. 16. Cirurgias do aparelho geniturinário. 17.
Transtornos por uso de susbstâncias psicoativas. 3. Esquizofrenia. 4. Outros transtornos Cirurgias vídeo laparoscópicas em urologia. 18. Transplante renal.
psicóticos: esquizoafetivo, esquizofreniforme, psicótico breve, delirante persistente e
delirante induzido. 5. Síndromes psiquiátricas do puerpério. 6. Transtornos do humor. 7. ANEXO IV – REQUISITOS E ATRIBUIÇÕES DO CARGO
Transtorno obsessivo-compulsivo e transtornos de hábitos e impulsos. 8. Transtornos MÉDICO – ACUPUNTURA
fóbicos-ansiosos: fobia específica, social e agorafobia. 9. Outros transtornos de ansiedade: Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de
pânico e ansiedade generalizada. 10. Transtornos alimentares. 11. Transtornos do sono. nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida
12. Transtornos de adaptação e transtorno de estresse pós-traumático. 13. Transtornos pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito
somatoformes. 14. Transtornos dissociativos. 15. Transtornos da identidade. 16. Federal; e certificado de residência médica nesta especialidade ou título de
Transtornos da personalidade. 17. Transtornos factícios, simulação, não adesão ao especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB) ou certificado de
tratamento. 18.Retardo mental. 19. Transtornos do desenvolvimento psicológico. 20. conclusão de curso de especialização reconhecido pelo Colégio Médico Brasileiro de
Transtornos comportamentais e emocionais que aparecem habitualmente durante a Acupuntura.
infância ou adolescência. 21. Transtornos psiquiátricos relacionados ao envelhecimento. Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar,
22. Interconsulta psiquiátrica. 23. Emergências psiquiátricas. 24. Psicoterapia. 25. avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo
Psicofarmacoterapia. 26. Eletroconvulsoterapia. 27. Reabilitação em psiquiatria. 28. diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no
Psiquiatria forense. 29. Epidemiologia dos transtornos psiquiátricos. Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem
MÉDICO - RADIOLOGIA E DIAGNÓSTICO POR IMAGEM necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visem o tratamento médico e a
1. Física e efeitos biológicos das radiações; Técnicas radiológicas; Formação de imagem proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento;
radiográfica e controle de qualidade; Proteção radiológica. 2. Fundamentos da tomografia executar outras atividades de interesse da área.
computadorizada e da ressonância magnética; Contrastes radiológicos. 3. Imagenologia do MÉDICO - ALERGIA E IMUNOLOGIA
tórax: Doenças pleuro-pulmonares; Massas torácicas; Tórax nas emergências; Tórax em Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de
pediatria; Alterações intersticiais, alveolares e mistas. 4. Imagenologia do aparelho nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida
digestivo: Métodos e patologias mais comuns; Abdome agudo; Estudo contrastado; pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito
Aparelho digestivo em pediatria. 5. Aparelho urinário: Imagenologia do aparelho urinário; Federal; e certificado de residência médica nesta especialidade ou título de
Massas renais; Trauma renal; Estudo contrastado; Aparelho urinário em pediatria. 6. especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).
Sistema músculo-esquelético: Imagenologia das lesões osteomuscular articulares; Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar,
Doenças inflamatórias; Massas tumoriais; Coluna vertebral; Crânio e face (órbita e seios avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo
da face). 7. Primeiros socorros. 8. Choque anafilático. 9. Imagenologia do S.N.C., do diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no
T.C.E., do A.V.C. e do S.N.C. em pediatria. 10. Mamografia: Técnicas de Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem
posicionamento; Tumores benignos; Tumores malignos. 11. Radiologia intervencionista. necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a
12. Densitometria óssea. 13. Sistema cardiovascular. 14. Bases físicas da ultrasonografia. proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento;
15. Ultrassonografia do abdome total, do tórax, do pescoço, obstétrica e de partes moles. executar outras atividades de interesse da área.
16. Noções básicas de Doppler. Ultrassonografia intervencionista. MÉDICO - ANATOMIA PATOLÓGICA
MÉDICO - RADIOTERAPIA Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
1. Bases Físicas da Radioterapia. 2. Radiobiologia. 3. Sistemas de Imobilização em superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
Radioterapia Externa. 4. Radioterapia Conformacional. 5. Braquiterapia. 6. Radiocirurgia Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
e Radioterapia Estereotáxica; 7. Radioterapia a volumes Alargados. 8. Radioterapia em certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
Medicina Nuclear. 9. Interações entre Radioterapia e Quimioterapia. 10. Radioterapia pela Associação Médica Brasileira (AMB).

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 16 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, de interesse da área.
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética MÉDICO - CITOPATOLOGIA
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
de interesse da área. . certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
MÉDICO – ANESTESIOLOGIA pela Associação Médica Brasileira (AMB).
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível Descrição sumária das Atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e conduta terapêutica, clínica e/ou cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
pela Associação Médica Brasileira (AMB). eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, de interesse da área.
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética MÉDICO – CIRURGIA PEDIÁTRICA
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
de interesse da área. certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
MÉDICO – CARDIOLOGIA pela Associação Médica Brasileira (AMB).
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
pela Associação Médica Brasileira (AMB). eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, de interesse da área.
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética MÉDICO – CIRURGIA VASCULAR
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
de interesse da área. certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
MÉDICO - CIRURGIA GERAL especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível (AMB).
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
pela Associação Médica Brasileira (AMB). Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética de interesse da área.
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a MÉDICO – COLOPROCTOLOGIA
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
de interesse da área. Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
MÉDICO – CLÍNICA MÉDICA certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo (AMB).
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal. Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades de interesse da área.
de interesse da área. MÉDICO – DERMATOLOGIA
MÉDICO – CLÍNICA MÉDICA QUEIMADOS Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal. certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, (AMB).
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
de interesse da área. eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
MÉDICO – CIRURGIA ONCOLÓGICA individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível de interesse da área.
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MÉDICO – ELETROMIOGRAFIA
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
pela Associação Médica Brasileira (AMB). Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, pela Associação Médica Brasileira (AMB).
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 17 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde executar atividades relacionadas a? hemoterapia, hematologia, procedimentos
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras transfusionais, atendimento a pacientes e doadores, estabelecendo diagnóstico, conduta
atividades de interesse da área. terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética Médica;
MÉDICO – ENDOCRINOLOGIA E METABOLOGIA realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a eficiência e
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde individual e
nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades de interesse
pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito da área.
Federal; e certificado de residência médica nesta especialidade ou título de MÉDICO – INFECTOLOGIA
especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB). Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem pela Associação Médica Brasileira (AMB).
necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
executar outras atividades de interesse da área. conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
MÉDICO – GASTROENTEROLOGIA Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito de interesse da área.
Federal; e certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação MÉDICO - MASTOLOGIA
nesta especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Brasileira (AMB). superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem (AMB).
necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
executar outras atividades de interesse da área. conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
MÉDICO – GERIATRIA Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito de interesse da área.
Federal; e certificado de residência médica na especialidade ou título de especialista MÉDICO – MEDICINA DE EMERGÊNCIA
reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB) ou certificado de conclusão Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de graduação em Medicina,
de Curso de Especialização reconhecido pela Associação Médica Homeopática fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo MEC e Registro no Conselho
Brasileira. Regional de Medicina.
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, Descrição sumária das atividades: realizar atividades de plantonista ou rotineiro da
avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo Unidade de Medicina de Emergência, conforme escala de plantão; realizar o atendimento
diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no de porta em emergências em adultos, crianças, idosos e gestantes, conforme classificação
Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem de risco; realizar o atendimento de suporte às áreas de Ortopedia e Cirurgia do Trauma,
necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a quando solicitados; realizar o atendimento inicial na sala de emergência e internação nos
proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; leitos de retaguarda da medicina de emergência, conforme normas estabelecidas,
executar outras atividades de interesse da área. especialmente nas linhas de cuidado do IAM e AVC; avaliar e definir as condutas diárias
MÉDICO - GENÉTICA MÉDICA dos pacientes internados nos leitos de retaguarda da medicina de emergência; orientar os
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de residentes, internos, alunos e estagiários em serviço nas salas vermelha, amarela e leitos
nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida de retaguarda; assumir as funções de coordenação e assistência em casos de múltiplas
pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito vítimas e desastres, conforme acionamento do plano de desastres do hospital; auxiliar os
Federal; e certificado de residência médica nesta especialidade ou título de plantonistas das clínicas de retaguarda em procedimentos de emergência, em caso de
especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB). necessidade; seguir as rotinas e protocolos definidos pelo Serviço de Medicina de
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, Emergência da Rede SES-DF; participar de times de resposta rápida do hospital, conforme
avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo protocolos definidos; realizar o transporte intra-hospitalar do paciente sob seus cuidados a
diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no outros setores do hospital, conforme necessidade; tripular Unidades de Suporte Avançado
Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem (USA), no caso de necessidade de transporte que necessitam de transferência ou avaliação
necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a de outros hospitais da Rede SES-DF; participar das reuniões do Serviço de Medicina de
proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; Emergência; participar com aproveitamento das atividades de capacitação oferecidas,
executar outras atividades de interesse da área. definidas como obrigatórias, pela Rede SES-DF; participar ativamente dos processos de
MÉDICO - GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA melhoria do serviço e cumprimento de metas e rotinas da Rede - SES-DF.
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de MÉDICO - MEDICINA FÍSICA E REABILITAÇÃO
nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
Federal; e certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
nesta especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
Brasileira (AMB). especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, (AMB).
avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
executar outras atividades de interesse da área. individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
MÉDICO – HEMATOLOGIA E HOMOTERAPIA de interesse da área.
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível MÉDICO - MEDICINA INTENSIVA ADULTO
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
pela Associação Médica Brasileira (AMB). certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 18 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Brasileira (AMB). executar atividades relacionadas ao atendimento de recém-nascidos, em todos os níveis de
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e complexidade, estabelecendo diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica,
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, observando o contido no Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética administrativas que se fizerem necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a o tratamento médico e a proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde de treinamento e atualização na área, promovendo a melhoria assistencial ao recém-
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades nascido; executar outras atividades de interesse da área.
de interesse da área. MÉDICO - NEUROCIRURGIA
MÉDICO - MEDICINA INTENSIVA PEDIÁTRICA Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).
(AMB). Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades de interesse da área.
de interesse da área. MÉDICO – NEUROLOGIA
MÉDICO – MEDICINA DO TRABALHO Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Requisitos: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
Medicina com especialização em Medicina do Trabalho, expedido por instituição de Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho de certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
Classe. especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
Descrição sumária das atividades: planejar, coordenar, controlar, avaliar e executar (AMB).
atividades relacionadas a exames pré-admissionais dos candidatos a cargos na instituição, Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
por meio de exame clínico e exames complementares; controlar as condições de saúde do executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
servidor, através de exames periódicos; realizar exames médicos especiais em servidores conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
expostos a riscos, idosos e portadores de anormalidade; fazer visitas aos locais de Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
trabalho; participar de programas de treinamento; assessorar atividades específicas de eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
Médico do Trabalho; executar outras atividades de interesse da área. individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
MÉDICO – MÉDICO DA FAMÍLIA E COMUNIDADE de interesse da área.
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível MÉDICO - NEUROLOGIA PEDIÁTRICA
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina; e certificado de superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
residência médica em Medicina de Família e Comunidade reconhecido pela Comissão Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
Nacional de Residência Médica ou título de especialista em Medicina de Família e certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
Comunidade reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB). pela Associação Médica Brasileira (AMB).
Descrição sumária das atividades: atuar, prioritariamente, no âmbito da Atenção Primária Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
à Saúde, a partir de uma abordagem biopsicossocial do processo saúde-adoecimento; executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
desenvolver ações integradas de promoção, proteção, recuperação da saúde no nível conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
individual e coletivo; Priorizar a prática médica centrada na pessoa, na relação médico- Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
paciente, com foco na família e orientada para comunidade, privilegiando o primeiro eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
contato, o vínculo, a continuidade e a integralidade do cuidado na atenção à saúde; individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
Coordenar os cuidados de saúde prestados a determinado indivíduo, família e de interesse da área.
comunidade, referenciando, sempre que necessário, para outros especialistas ou outros MÉDICO – OFTALMOLOGIA
níveis e setores do sistema, mas sem perda do vínculo; Atender, com elevado grau de Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
qualidade, no âmbito da Atenção Primária à Saúde, e com resolutividade de cerca de 85% superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
dos problemas de saúde relativos a uma população específica, sem diferenciação de sexo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
ou faixa etária; Desenvolver, planejar, executar e avaliar, junto à equipe de saúde, certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
programas integrais de atenção, objetivando dar respostas adequadas às necessidades de especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
saúde de uma população adstrita, tendo por base metodologias apropriadas de (AMB).
investigação, com ênfase na utilização do método epidemiológico; Desenvolver a Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
capacidade de atuação médica, relevando seus aspectos científicos, éticos e sociais executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
MÉDICO – NEFROLOGIA conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta de interesse da área.
especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira MÉDICO – ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA
(AMB). Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética certificado de residência médica nesta especialidade ou título de especialista reconhecido
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a pela Associação Médica Brasileira (AMB).
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
de interesse da área. conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
MÉDICO – NEONATOLOGIA Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito de interesse da área.
Federal; e certificado de residência médica nesta área de atuação ou título de MÉDICO – OTORRINOLARINGOLOGIA
especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB) ou residência Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
médica em pediatria. superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 19 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
(AMB). Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética de interesse da área.
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a MÉDICO - RADIOLOGIA E DIAGNÓSTICO POR IMAGEM
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo
de interesse da área. Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e
MÉDICO - PALIATIVISTA certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo (AMB).
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina; Residência Médica Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
em Medicina Paliativa ou certificado de área de atuação em Medicina Paliativa emitido executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
pela Associação Médica Brasileira. conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
Descrição sumária das atividades: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
de graduação de nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
reconhecida pelo Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina; individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
Residência Médica em Medicina Paliativa ou certificado de área de atuação em Medicina de interesse da área.
Paliativa emitido pela Associação Médica Brasileira. MÉDICO - RADIOTERAPIA
MÉDICO – PATOLOGIA Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e certificado de
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e conclusão de residência médica nesta especialidade tendo cursado pelo menos 2 anos ou título
certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).
especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
(AMB). executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde de interesse da área.
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades MÉDICO - REUMATOLOGIA
de interesse da área. Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
MÉDICO – PEDIATRIA superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e certificado de
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta especialidade ou título de
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).
certificado de residência médica em Pediatria emitido pela Comissão Nacional de Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Residência Médica (CNRM/ MEC) ou título de especialista em Pediatria emitido pela executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) ou título de especialista em Pediatria reconhecido conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
pela Associação Médica Brasileira (AMB). Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética de interesse da área.
Médica, podendo atuar em qualquer área de atenção a? saúde (primária, secundária ou MÉDICO SANITARISTA
terciária), realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e certificado de
de interesse da área. residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta especialidade ou título de
MÉDICO – PNEUMOLOGIA especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
(AMB). individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e de interesse da área.
executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico, MÉDICO – UROLOGIA
conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível
Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério
eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e certificado de
individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta especialidade ou título de
de interesse da área. especialista reconhecido pela Associação Médica Brasileira (AMB).
MÉDICO - PSIQUIATRIA Descrição sumária das atividades: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, avaliar e
Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível executar atividades relacionadas ao atendimento a pacientes, estabelecendo diagnóstico,
superior em medicina, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo conduta terapêutica, clínica e(ou) cirúrgica, observando o contido no Código de Ética
Ministério de Educação; registro no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal; e Médica; realizar atividades técnico-administrativas que se fizerem necessárias para a
certificado de residência médica credenciada pelo Ministério da Educação nesta eficiência e eficácia das ações que visam o tratamento médico e a proteção da saúde
especialidade ou título de especialista reconhecido pela Associação Brasileira de individual e coletiva; participar de programas de treinamento; executar outras atividades
Psiquiatria (AMP). de interesse da área.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 20 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

ANEXO V – CRONOGRAMA PREVISTO 27/07 a 09/08/2022 - 10h do


Prazo para apresentação de recursos contra o resultado
27 primeiro dia até às 17h do
As datas e os períodos estabelecidos no cronograma são passíveis de alteração, conforme preliminar da prova objetiva
último dia
necessidade e conveniência da SES/DF e do IBFC.
Divulgação do resultado de recursos contra o resultado
Item Atividade Datas e Horários 28 16/08/2022
preliminar da prova objetiva
1 Publicação do Edital Normativo 25/03/2022 29 Divulgação do resultado definitivo da prova objetiva 16/08/2022
28/03 a 01/04/2022 - 10h Divulgação da convocação - Avaliação Biopsicossocial - PcD e
30 16/08/2022
2 Prazo para impugnação do Edital Normativo do primeiro dia até às Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial
17h do último dia Realização - Avaliação Biopsicossocial - PcD e Procedimento
31 20/08/2022 e 21/08/2022
de Heteroidentificação Étnico-Racial
Divulgação da retificação após análise dos pedidos de
3 05/04/2022
impugnação (se houver) Divulgação do resultado preliminar da Avaliação
32 Biopsicossocial - PcD e Procedimento de Heteroidentificação 22/08/2022
06/04 a 10/04/2022 - 10h
Étnico-Racial
4 Período de solicitação de isenção do valor de inscrição do primeiro dia até às
Prazo para apresentação de recursos contra o resultado 23/08 a 24/08/2022 - 10h do
23h do último dia
33 preliminar da Avaliação Biopsicossocial - PcD e Procedimento primeiro dia até às 17h do
06/04 a 10/04/2022 - 10h de Heteroidentificação Étnico-Racial último dia
5 Período para upload da documentação de isenção do primeiro dia até às Divulgação do resultado da análise de recursos contra o
23h do último dia 34 resultado preliminar da Avaliação Biopsicossocial - PcD e 29/08/2022
6 Divulgação da relação de isentos do valor de inscrição 18/04/2022 Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial
Divulgação do resultado definitivo da Avaliação
19/04 a 20/04/2022 - 10h
Prazo para apresentação de recursos contra indeferimento de 35 Biopsicossocial - PcD e Procedimento de Heteroidentificação 29/08/2022
7 do primeiro dia até às
pedidos de isenção Étnico-Racial
17h do último dia
36 Divulgação do Resultado Final 01/09/2022
Divulgação do resultado da análise dos recursos contra
8 25/04/2022
indeferimento de pedidos de isenção

Divulgação do resultado definitivo da solicitação de isenção do EDITAL Nº 14, DE 25 DE MARÇO DE 2022


9 25/04/2022 CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE
valor de inscrição
CADASTRO RESERVA PARA ESPECIALIDADES DA CARREIRA DE
25/04 a 23/05 - 10h do ENFERMEIRO
10 Período das inscrições primeiro dia até às 23h O SECRETÁRIO DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, no uso de suas
do último dia atribuições legais, em conformidade com os dispositivos da Constituição Federal vigente,
25/04 a 23/05/2022 - 10h da Lei Complementar n.º 840/2011, da Lei Distrital nº 4.949/2012, e suas posteriores
Período para upload dos documentos e laudos médicos (Pessoas alterações, a legislação específica das carreiras objeto do certame, bem como a Delegação
11 do primeiro dia até às
com Deficiência-PCD, Atendimento Especial e Hipossuficientes) de Competência por meio da Portaria nº 42, de 01 de fevereiro de 2022, publicada no
23h do último dia
DODF nº 26, de 07 de fevereiro de 2022, torna público a realização de Concurso Público
12 Data limite de pagamento das inscrições 24/05/2022 da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, para provimento de vagas e
24/05 a 26/05/2022 - 10h formação de cadastro reserva do Quadro de Pessoal do Distrito Federal, mediante as
13 Período para correção de dados cadastrais no site do IBFC do primeiro dia até às condições estabelecidas neste Edital e seus Anexos.
17h do último dia 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
1.1. O Concurso Público será regido por este Edital, por seus anexos, avisos, atos
Divulgação preliminar das inscrições deferidas (Ampla complementares e eventuais retificações, com execução de responsabilidade do Instituto
14 Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, 08/06/2022 Brasileiro de Formação e Capacitação – IBFC.
Atendimento Especial e Hipossuficientes) 1.2. Este Concurso Público se destina a selecionar candidatos para provimento de vagas e
Prazo para apresentação de recursos contra indeferimento das 09/06 a 10/06/2022 - 10h formação de cadastro reserva do Quadro de Pessoal do Distrito Federal para a Secretaria
15 inscrições (Ampla Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência- do primeiro dia até às de Estado de Saúde do Distrito Federal, de acordo com as especificações, os quantitativos
PCD, Negros, Atendimento Especial e Hipossuficientes) 17h do último dia e a área de formação indicados no presente Edital.
1.3. O prazo de validade do presente Concurso Público é de 2 (dois) anos, a contar da data
Divulgação do resultado da análise dos recursos contra
da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma vez, por
indeferimento das inscrições (Ampla Concorrência-AC, Pessoas
16 17/06/2022 igual período.
com Deficiência-PCD, Negros, Atendimento Especial e
1.4. Integram o presente Edital os seguintes Anexos:
Hipossuficientes)
Anexo I - Requerimento de Atendimento Especial;
Divulgação definitiva das inscrições deferidas e resultado dos Anexo II - Modelo de Atestado/Laudo emitido por equipe multiprofissional e
recursos contra indeferimento das inscrições (Ampla interdisciplinar para Avaliação Biopsicossocial - Pessoas com Deficiência;
17 17/06/2022
Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, Anexo III - Conteúdos Programáticos para Estudo;
Atendimento Especial e Hipossuficientes) Anexo IV - Requisitos e Atribuições do Cargo;
Anexo V - Cronograma.
18 Divulgação - Convocação Prova Objetiva 17/06/2022
2. DOS CARGOS E VAGAS
19 Divulgação dos locais de provas 20/06/2022 2.1. O Concurso de que trata este Edital oferece um total de 101 (cento e uma) vagas,
20 Realização - Prova Objetiva 26/06/2022 distribuídas por cargos, conforme a seguir:
Divulgação do gabarito preliminar e do caderno de questões da Vagas
21 26/06/2022 Cargo
prova objetiva Ampla Pessoas com
Negros Hipossuficientes Total
Concorrência Deficiência
27/06 a 29/06/2022 - 10h
Enfermeiro 51 20 20 10 101
22 Período para correção de dados cadastrais do primeiro dia até às
17h do último dia Total 51 20 20 10 101
2.1.1. Às pessoas com deficiência é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das
27/06 a 08/07/2022 - 10h
Prazo para apresentação de recursos contra gabarito preliminar e vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público,
23 do primeiro dia até às
questões da prova objetiva nos termos da Lei nº 4.949/2012.
17h do último dia
2.1.2. Às pessoas Negras é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas
Divulgação do resultado da análise de recursos contra questões existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, nos
24 de prova, gabarito definitivo e resultado preliminar da prova 26/07/2022 termos da Lei nº 6.321/2019.
objetiva 2.1.3. Às pessoas Hipossuficientes é assegurado o percentual de 10% (dez por cento) das
25 Divulgação do resultado preliminar da prova objetiva 26/07/2022 vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público,
26/07 a 09/08/2022 - 15h
nos termos da Lei nº 6.741/2020.
26 Vista da folha de respostas da prova objetiva do primeiro dia até às
2.2. Das especificações dos cargos:
17h do último dia
2.2.1. O salário e a carga horária semanal dos cargos ofertados no presente concurso são
os relacionados, conforme a seguir:

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 21 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

Deficiência e seu Protocolo Facultativo, ratificados pelo Decreto Federal nº 6.949/2009 e


Cargo Salário Carga Horária Semanal da Lei nº 14.126/2021.
4.1.2. O candidato que se inscrever na condição de pessoa com deficiência onde não haja
Enfermeiro R$ 3.055,00 20h vaga reservada, somente poderá ser contratado nesta condição se houver ampliação das
2.2.2. Os requisitos básicos e a descrição sumária das atividades fazem parte do Anexo IV vagas inicialmente ofertadas neste Edital, a critério do SES/DF.
deste Edital. 4.1.3. A utilização de material tecnológico de uso habitual não impede a inscrição na
2.3. Do regime jurídico: os candidatos nomeados estarão sujeitos ao Regime Jurídico dos reserva de vagas; porém, a deficiência do candidato deve permitir o desempenho
Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das autarquias e das fundações públicas adequado das atribuições especificadas para o cargo, admitida a correção por
distritais, instituído pela Lei Complementar n. º 840/2011, publicada no DODF n.º equipamentos, adaptações, meios ou recursos especiais.
246/2011, e às normas internas do órgão de lotação. 4.1.4. No ato da inscrição, o candidato com deficiência deverá estar ciente das atribuições
2.4. Da Lotação: Os candidatos nomeados poderão exercer as suas atividades em qualquer do cargo para o qual pretende se inscrever e que, no caso de vir a exercê-lo, poderá ser
unidade da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, a critério exclusivo da submetido à avaliação pelo desempenho dessas atribuições.
Administração Pública. 4.1.5 O candidato com deficiência, durante o preenchimento da ficha de inscrição, além de
2.5. O cadastro reserva para todos os cargos será aberto, ou seja, o candidato que atingir os observar os procedimentos descritos no item 6 deste Edital, deverá proceder da seguinte
requisitos de aprovação, entretanto não conseguir pontuação para figurar dentro do forma:
número de vagas ofertadas deste Edital, fará parte do cadastro reserva, sem limitação e a) informar se possui deficiência;
somente será aproveitado mediante a abertura de novas vagas, atendendo aos interesses de b) selecionar o tipo de deficiência;
conveniência e de oportunidade da Administração pública, sem que caiba à SES/DF c) informar o código correspondente da Classificação Internacional de Doença e
qualquer obrigatoriedade de reaproveitamento do cadastro reserva até o término da Problemas Relacionados à Saúde – CID da sua deficiência;
validade do Concurso Público. d) informar se necessita de condições especiais para a realização das provas.
3. DOS REQUISITOS PARA INVESTIDURA NO CARGO 4.1.6. Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato deverá enviar
3.1. O candidato aprovado no Concurso Público de que trata este Edital só será nomeado eletronicamente ao IBFC os documentos a seguir:
no cargo se atendidas todas as exigências a seguir descritas: a) comprovante de inscrição ou isenção para identificação do candidato;
a) ser brasileiro nato ou naturalizado e no caso de nacionalidade portuguesa, estar b) laudo médico atestando a espécie e o grau de deficiência, com expressa referência ao
amparado pelo estatuto; código correspondente da Classificação Internacional de Doenças e Problemas
de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos Relacionados à Saúde – CID-10, bem como a provável causa da deficiência;
políticos, na forma c) requerimento de Atendimento Especial (Anexo I), devidamente preenchido e assinado,
do art. 13 do Decreto nº 70.436, de 18/04/1972; para assegurar previsão de adaptação da sua prova, se houver.
b) ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos na data de posse; 4.1.6.1. Os candidatos com deficiência deverão fazer o envio eletrônico, via link
c) estar quite com as obrigações eleitorais; específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais” dos
d) estar quite com as obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino; documentos comprobatórios elencados no item 5.1.6, no período indicado no Cronograma
e) encontrar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis; Previsto – Anexo V, conforme orientações a seguir:
f) não ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade incompatível com nova a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos
investidura em cargo público; formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo;
g) não ter sofrido nenhuma condenação em virtude de crime contra a Administração, com b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá
trânsito em julgado; fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste
h) ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo; Edital, gerando um número de protocolo para cada envio;
i) apresentar atestado médico, nos casos de candidatos com deficiência, declarando a c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar
deficiência que possui, com expressa referência ao código correspondente da as duas imagens para análise;
Classificação Internacional de Doenças (CID-10) e declarando, ainda, estar apto a d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a
desenvolver as atribuições inerentes ao cargo; análise da documentação com clareza;
j) não receber proventos de aposentadoria decorrentes do art. 40 ou dos arts. 42 e 142, e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
conforme teor do Artigo 37, § 10 da Constituição Federal, com a redação da Emenda protocolos estão corretas;
Constitucional nº 20, de 15/12/98, e nem estar com idade de aposentaria compulsória; f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato
k) não possuir registro de antecedentes criminais nos últimos 5 (cinco) anos, ficando e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
impedido a nomeação 4.1.6.2. Em hipótese alguma serão recebidos e/ou conhecidos documentos fora do prazo,
nos casos em que houver ação penal com sentença condenatória transitada em julgado, do horário estabelecido ou em desacordo com o disposto neste Edital.
enquanto durarem 4.1.7. O candidato que não atender os dispositivos mencionados nos itens 4.1.6. e 4.1.6.1.
seus efeitos, garantido o contraditório e a ampla defesa; deste Edital, não será considerado Pessoa com Deficiência para fins de reserva de vagas e
l) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por não terá a prova e/ou condição especial atendidas, seja qual for o motivo alegado.
qualquer órgãopúblico ou entidade da esfera federal, estadual, municipal ou do Distrito 4.1.8. O candidato com deficiência que não preencher os campos específicos da ficha de
Federal; inscrição e não cumprir o determinado neste Edital terá a sua inscrição processada como
m) estar registrado e com a situação regularizada junto ao órgão correspondente à sua candidato de ampla concorrência e não poderá alegar posteriormente essa condição para
formaçãoprofissional; reivindicar a prerrogativa legal.
n) ser aprovado no presente Concurso Público e possuir os requisitos básicos exigidos 4.1.9. Ressalvadas as disposições especiais contidas neste Edital, o candidato com
para o exercício do cargo, conforme item 2.2.1 deste Edital; deficiência participará deste Concurso Público em igualdade de condições com os demais
o) apresentar declaração de que não acumula cargo, emprego ou função pública, ou candidatos, no que tange ao horário, ao conteúdo, à correção das provas, aos critérios de
proventos de inatividade, ressalvadas as possibilidades de acumulação lícita previstas no avaliação e aprovação, à pontuação mínima exigida e a todas as demais normas deste
inciso XVI do art. 37 da Constituição Federal; Concurso Público.
p) atender a todas as exigências estabelecidas neste Edital. 4.1.10. A realização de provas na condição especial solicitada pelo candidato com
3.2. A nomeação dos candidatos aprovados respeitará a ordem de classificação, deficiência será condicionada à legislação específica e à possibilidade técnica examinada
observados os critérios de alternância e de proporcionalidade entre a classificação da pelo IBFC, segundo os critérios de viabilidade e razoabilidade.
ampla concorrência, da reserva de vagas aos candidatos com deficiência, candidatos 4.1.11. A classificação e aprovação do candidato não garantem a ocupação das vagas
negros e candidatos hipossuficientes, observado o percentual de reserva fixado. reservadas às pessoas com deficiência, devendo o candidato, ainda, submeter-se à
3.3. O candidato que não atender, no ato da admissão, aos requisitos deste Edital será Avaliação Biopsicossocial promovida pelo IBFC antes do Resultado Final.
considerado desistente, excluído automaticamente do Concurso Público, perdendo seu 4.1.12. Os candidatos deverão comparecer à Avaliação Biopsicossocial de acordo com a
direito à vaga e possibilitando a convocação do próximo candidato na lista de data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V e horário que será informado na
classificação, a critério da SES/DF. convocação, munidos de original e/ou cópia:
4. DA RESERVA DE VAGAS a) documento de identidade original;
4.1. DAS VAGAS DESTINADAS ÀS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA: b) Atestado/Laudo emitido, conforme modelo do Anexo II, por equipe multiprofissional e
4.1.1. Às pessoas com deficiência é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das interdisciplinar, emitido há no máximo 12 meses que ateste a espécie e o grau ou nível de
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação
nos termos da Lei nº 4.949/2012. Internacional de Doenças (CID?10), bem como à provável causa da deficiência;
4.1.1.1. Serão consideradas pessoas com deficiência aquelas que se enquadrarem no art. 2º c) se for o caso, de exames complementares específicos que comprovem a deficiência
da Lei Federal nº 13.146/2015; nas categorias discriminadas nos arts. 3º e 4º do Decreto física;
Federal nº 3.298/1999, com as alterações introduzidas pelo Decreto Federal nº d) se for o caso, apresentar os graus de autonomia;
5.296/2004; no § 1º do art. 1º da Lei Federal nº 12.764/2012 (Transtorno do Espectro e) se for o caso, constar se faz uso de órteses, próteses ou adaptações;
Autista); nos arts. 3º e 5º da Lei Distrital nº 4.317/2009; no § 6º do art. 8º da Lei Distrital f) no caso de deficiência mental, no laudo deverá constar a data do início da doença, áreas
nº 4.949/2012, observados os dispositivos da Convenção sobre os Direitos da Pessoa com de limitação associadas e habilidades adaptadas;

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 22 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

g) no caso de deficiência múltipla, no laudo deverá constar a associação de duas ou mais 4.2.11. A classificação e aprovação do candidato não garantem a ocupação das vagas
deficiências; reservadas às pessoas negras, devendo o candidato, ainda, submeter-se ao Procedimento
h) no caso de deficiência auditiva, o candidato deverá apresentar, além do laudo médico, de Heteroidentificação Étnico-Racial promovida pelo IBFC antes do Resultado Final, na
exame audiométrico (audiometria), realizado nos últimos 12 meses; data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
i) no caso de deficiência visual, o laudo médico deverá conter informações expressas 4.2.12. A Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial será composta por 5
sobre a acuidade visual aferida, com e sem correção, e sobre a somatória da medida do (cinco) membros e seus suplentes, devendo atender ao critério da diversidade, garantindo
campo visual em ambos os olhos. que sejam distribuídos por gênero, cor e, preferencialmente, naturalidade.
4.1.12.1. O Atestado/Laudo Médico (original e/ou cópia simples) e demais documentos 4.2.13. O candidato que não comparecer ao procedimento de heteroidentificação étnico-
complementares serão retidos pelo IBFC por ocasião da realização da Avaliação racial será eliminado do Concurso Público, dispensada a convocação suplementar de
Biopsicossocial. candidatos não habilitados.
4.1.13. As vagas reservadas neste Edital que não forem providas por falta de inscrição, 4.2.14. A Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial utilizará
neste Concurso, de candidatos na condição de pessoa com deficiência ou por não exclusivamente o critério fenotípico para aferição da condição declarada pelo candidato
aprovação desses candidatos serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a no Concurso Público.
classificação geral (ampla concorrência). 4.2.15. Serão consideradas as características fenotípicas do candidato ao tempo da
4.1.14. O candidato que, no ato da inscrição, se declarar com deficiência, se for realização do procedimento de heteroidentificação étnico-racial.
considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial e não for eliminado do 4.2.16. Não serão considerados, quaisquer registros ou documentos pretéritos
concurso, terá seu nome publicado em lista específica de pessoas com deficiência e eventualmente apresentados, inclusive imagem e certidões referentes a confirmação em
figurará também na lista de classificação geral (ampla concorrência). procedimentos de heteroidentificação realizados em concursos públicos federais,
4.1.15. O candidato não considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial estaduais, distritais e municipais.
perderá o direito às vagas reservadas e será eliminado deste Concurso Público, caso não 4.2.17. O procedimento de heteroidentificação étnico-racial será filmado e/ou fotografado,
tenha atingido os critérios classificatórios da ampla concorrência, pela qual passará a e seus registros serão utilizados na análise de eventuais recursos interpostos pelos
concorrer, dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados. candidatos perante a Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial.
4.1.16. Após a admissão do candidato com deficiência, esta condição não poderá ser 4.2.17.1. O candidato que recusar a realização da filmagem e/ou fotografia do
arguida para justificar a concessão de readaptação, licença por motivo de saúde ou procedimento para fins de heteroidentificação, será eliminado do Concurso Público,
aposentadoria por invalidez. dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados.
4.1.17. Os candidatos com deficiência aprovados para as vagas a eles destinadas e para as 4.2.18. Serão eliminados do Concurso Público os candidatos cujas autodeclarações não
vagas reservadas a negros e/ou às reservadas às pessoas hipossuficientes, convocados forem confirmadas em procedimento de heteroidentificação étnico-racial, ainda que
concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas. tenham obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência e independentemente
4.1.18. Perderá o direito de concorrer às vagas reservadas às pessoas com deficiência o de alegação de boa-fé.
candidato que: 4.2.19. A eliminação de candidato por não confirmação da autodeclaração não enseja o
a) deixar de efetuar a inscrição pela Internet; dever de convocar suplementarmente candidatos não convocados para o procedimento de
b) omitir informações e/ou torná-las inverídicas; heteroidentificação.
c) fraudar e/ou falsificar documentação; 4.2.20. Das decisões da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial caberá
d) não fizer o envio eletrônico dos documentos, conforme itens 4.1.6 e 4.1.6.1 deste recurso dirigido à Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial, nos termos
Edital; deste Edital.
e) não observar o prazo e os horários estabelecidos neste Edital; 4.2.20.1. A Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial será composta por 3
f) não encaminhar os documentos comprobatórios no seu próprio login; (três) pessoas que não façam parte da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-
g) não for considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial; racial composta para o mesmo certame.
h) não apresentar os documentos para a avaliação biopsicossocial; 4.2.21. Os candidatos negros aprovados dentro do número de vagas oferecido à ampla
i) não comparecer à avaliação biopsicossocial; concorrência não preencherão as vagas reservadas a candidatos negros, sendo, dessa
j) enviar documentação em desacordo com este Edital. forma, automaticamente excluídos da lista de candidatos negros aprovados.
4.1.20. O resultado da Avaliação Biopsicossocial será divulgado no endereço eletrônico 4.2.22. Em caso de desistência de candidato negro aprovado em vaga reservada, a vaga
do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma será preenchida pelo candidato negro posteriormente classificado.
Previsto – Anexo V. 4.2.23. Na hipótese de não haver número de candidatos negros aprovados suficiente para
4.2. DAS VAGAS DESTINADAS AOS NEGROS: ocupar as vagas reservadas, as vagas remanescentes serão revertidas para à ampla
4.2.1. Às pessoas Negras é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas concorrência e serão preenchidas pelos demais candidatos aprovados, observada a ordem
existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, nos de classificação.
termos da Lei Federal nº 12.990/2014, da Lei nº 6.321/2019 e Decreto nº 42.951/2022. 4.2.24. O candidato inscrito como negro participará deste Concurso Público em igualdade
4.2.2. A reserva de vagas será aplicada sempre que o número de vagas oferecidas for de condições com os demais candidatos, no que se refere aos conteúdos das provas, à
igual ou superior a 3 (três). avaliação e aos critérios de aprovação, ao dia, ao horário e ao local de aplicação das
4.2.2.1. Quando a aplicação do percentual resultar em número fracionado, esse será provas, e à nota exigida para todos os demais candidatos.
aumentado para o primeiro número inteiro subsequente, em caso de fração superior a 0,5 4.2.25. Os candidatos negros aprovados para as vagas a eles destinadas e para as vagas
(cinco décimos), ou diminuído para o primeiro número inteiro antecedente, em caso de reservadas a deficiência e/ou às reservadas às pessoas hipossuficientes, convocados
fração igual ou inferior a 0,5 (cinco décimos). concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas.
4.2.3. Poderão concorrer às vagas reservadas a candidatos negros aqueles que se 4.2.26. Os currículos dos membros da Comissão Ordinária de Heteroidentificação
autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição no Concurso Público, conforme o Étnicoracial serão divulgados no site do IBFC www.ibfc.org.br, sendo resguardos o sigilo
quesito cor ou raça utilizado pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - dos nomes dos membros.
IBGE. 4.2.27. O resultado do Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial será divulgado
4.2.4. Os candidatos negros concorrerão concomitantemente às vagas reservadas e às no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada
vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação no Concurso no Cronograma Previsto – Anexo V.
Público. 4.3. DAS VAGAS DESTINADAS AOS HIPOSSUFICIENTES:
4.2.5. Até o final do período de inscrição do Concurso Público, será facultado ao 4.3.1. Às pessoas hipossuficientes é assegurado o percentual de 10% (dez por cento) das
candidato desistir de concorrer pelo sistema de reserva de vagas. vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público,
4.2.6. A autodeclaração do candidato goza da presunção relativa de veracidade. nos termos da Lei nº 6.741/2020.
4.2.7. A autodeclaração do candidato será confirmada mediante procedimento de 4.3.2. A reserva de vagas é aplicada sempre que o número de vagas oferecidas no
heteroidentificação étnico-racial. Concurso Público seja igual ou superior a 10.
4.2.8. Os candidatos que optarem por concorrer às vagas reservadas às pessoas negras, 4.3.3. Na hipótese de quantitativo fracionado para o número de vagas reservadas a
ainda que tenham obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência e candidatos hipossuficientes, aplica-se a seguinte regra:
satisfizerem as condições de habilitação estabelecidas em edital, deverão se submeter ao a) em caso de fração igual ou maior que 0,5, o número é aumentado para o primeiro
procedimento de heteroidentificação. número inteiro subsequente;
4.2.9. A presunção relativa de veracidade de que goza a autodeclaração do candidato b) em caso de fração menor que 0,5, o número é diminuído para número inteiro
prevalecerá em caso de dúvida razoável a respeito de seu fenótipo, motivada no parecer imediatamente inferior.
da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial e Comissão Recursal de 4.3.4. São Hipossuficientes, cumulativamente, aqueles:
Heteroidentificação Étnico-racial. a) cuja renda familiar mensal per capita não exceda o valor de até 1,5 salário mínimo;
4.2.10. Somente será convocado para o procedimento de heteroidentificação étnico-racial, b) que tenha cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em
no mínimo, a quantidade de candidatos equivalente a 3 (três) vezes o número de vagas instituições privadas na condição de bolsista integral.
reservadas às pessoas negras previstas neste edital, ou 10 (dez) candidatos, o que for 4.3.4.1. Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato deverá enviar
maior, resguardadas as condições de aprovação estabelecidas neste Edital de Concurso, eletronicamente ao IBFC os documentos a seguir:
incluindo eventuais empates na última posição de classificação. a) documento de identidade (frente e verso);

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 23 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

b) certificado de conclusão do ensino médio (somente candidato); aprovado e convocado, deverá entregar os documentos comprobatórios exigidos para
c) documentos de todos os membros familiares residentes no mesmo domicílio: contratação e submeter-se aos exames médicos para contratação;
c1) documento oficial de identificação com foto, filiação e assinatura; b) o aceite e a autorização do uso dos seus dados pessoais fornecidos, sensíveis ou não,
c2) cadastro de pessoa física–CPF; para tratamento e processamentos inerentes a este certame, incluindo autorização das
c3) contracheques ou comprovante de renda bruta similar do mês de mês de publicações do seu nome, número de inscrição, data de nascimento, resultados e notas
fevereiro/2022, de cada membro da família que se enquadre nessa situação; obtidas no decorrer de todo o certame.
c4) CTPS contendo as páginas de identificação pessoal, de contrato de serviço, inclusive a 6.1.2. Objetivando evitar ônus desnecessário, o candidato deverá orientar-se no sentido de
primeira página em branco (subsequente a última página que conste o último contrato), e somente efetuar a inscrição e recolher o valor respectivo da taxa de inscrição após tomar
de atualizações de salário de cada membro da família que se enquadre nessa situação; conhecimento do disposto neste Edital, seus anexos, eventuais retificações e avisos
c.5) no caso de servidores públicos de contratação sob regime estatutário, onde não haja complementares e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para o cargo.
assinatura da carteira de trabalho, o candidato deverá enviar, em substituição a CTPS, 6.1.3. As informações prestadas na ficha de inscrição e/ou na solicitação de isenção de
certidão de tempo de serviço com a identificação pessoal, salário e atualizações. pagamento da taxa de inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, eximindo-se
4.3.4.1.1. Os candidatos Hipossuficientes deverão fazer o envio eletrônico, via link SES/DF e o IBFC de quaisquer atos ou fatos decorrentes de informação incorreta,
específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais” dos endereço inexato ou incompleto ou opção incorreta referente aos cargos pretendidos
documentos comprobatórios elencados no item 5.3.4.1, no período indicado no fornecidos pelo candidato.
Cronograma Previsto – Anexo V, conforme orientações a seguir: 6.1.4. Declarações falsas ou inexatas constantes na ficha de inscrição determinarão o
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes, em qualquer
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; época, sem prejuízo das sanções civis e penais cabíveis, sendo assegurado ao candidato o
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá direito de recurso.
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste 6.1.5. No ato da inscrição é de responsabilidade do candidato a veracidade e exatidão dos
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; dados informados na ficha de inscrição, sob as penas da lei.
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar 6.1.5.1. O candidato, ao efetuar sua inscrição, não poderá utilizar abreviaturas quanto ao
as duas imagens para análise; nome, data de nascimento, localidades de nascimento e de residência.
d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a 6.1.6. O valor de inscrição pago pelo candidato é pessoal e intransferível.
análise da documentação com clareza; 6.1.7. Não serão aceitas as solicitações de inscrição que não atenderem ao estabelecido
e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de neste Edital.
protocolos estão corretas; 6.1.8. No ato da inscrição, o candidato deverá optar somente por um cargo que vai
f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato concorrer, conforme previsto no item 2.1 deste Edital. Não será admitida ao candidato a
e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido. alteração do cargo após efetivação da inscrição.
4.3.5. Na hipótese de constatação de declaração falsa, o candidato é eliminado do 6.1.8.1. O candidato que tiver mais de uma inscrição paga e/ou deferida na solicitação da
concurso e, se houver sido nomeado, fica sujeito à anulação da sua admissão ao serviço ou isenção terá somente a última inscrição validada, sendo as demais canceladas.
emprego público, após procedimento administrativo em que lhe sejam assegurados o 6.1.8.2. O valor referente ao pagamento da inscrição não será devolvido em hipótese
contraditório e a ampla defesa, sem prejuízo de outras sanções cabíveis. alguma, salvo nas condições legalmente previstas.
4.3.6. Os candidatos hipossuficientes concorrem, concomitantemente, às vagas reservadas 6.1.10. Durante o período das inscrições, o candidato que não tiver acesso à internet,
e às vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação no poderá utilizar o posto de atendimento do IBFC, em dias úteis e no horário compreendido
concurso. entre 10h e 16h no seguinte endereço: Finatec - Fundação de Empreendimentos
4.3.7. Os candidatos hipossuficientes aprovados dentro do número de vagas oferecido para Científicos e Tecnológicos - Ed. Finatec, bloco G, sala 104/106, Campus Darcy Ribeiro -
ampla concorrência não são computados para efeito do preenchimento das vagas Avenida L3, Asa Norte - Brasília – DF.
reservadas. 6.2. Dos Procedimentos para Inscrição:
4.3.8. Em caso de desistência de candidato hipossuficiente aprovado em vaga reservada, a 6.2.1. As inscrições para este Concurso Público serão realizadas pela Internet, no endereço
vaga é preenchida pelo candidato hipossuficiente posteriormente classificado. eletrônico do IBFC www.ibfc.org.br, na aba “Inscrição e 2ª via do Boleto” e encontrar-se-
4.3.9. Na hipótese de não haver número de candidatos hipossuficientes aprovados para ão abertas no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
ocupar as vagas reservadas, as vagas remanescentes são revertidas para a ampla 6.2.2. Para inscrever-se neste Concurso Público, o candidato deverá, durante o período das
concorrência e preenchidas pelos demais candidatos aprovados, observada a ordem de inscrições, efetuar sua inscrição conforme os procedimentos estabelecidos a seguir:
classificação. a) ler atentamente este Edital e o Formulário Eletrônico de Inscrição;
4.3.10. A nomeação dos candidatos aprovados respeita os critérios de alternância e b) preencher o Formulário Eletrônico de Inscrição e transmitir os dados pela Internet,
proporcionalidade, que consideram a relação entre o número de vagas total e o número de providenciando a impressão do comprovante de Inscrição Finalizada;
vagas reservadas a candidatos com deficiência e a candidatos hipossuficientes. c) imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da importância referente à inscrição
4.3.11. Os candidatos hipossuficientes aprovados para as vagas a eles destinadas e para as descrita no item 6.2.3 deste Edital, até o dia do vencimento em qualquer agência bancária;
vagas reservadas a deficiência e/ou às reservadas aos negros, convocados d) O candidato poderá utilizar a opção de imprimir a 2ª via do boleto para efetuar o
concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas. pagamento de sua inscrição até o prazo de pagamento indicado no Cronograma Previsto –
4.3.12. O candidato inscrito como hipossuficientes participará deste Concurso Público em Anexo V. O candidato que não efetuar o pagamento da inscrição até a data de vencimento
igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere aos conteúdos das do boleto ficará impossibilitado de participar do Concurso Público.
provas, à avaliação e aos critérios de aprovação, ao dia, ao horário e ao local de aplicação 6.2.3. O valor da taxa de inscrição será de R$ 90,00 (noventa reais).
das provas, e à nota exigida para todos os demais candidatos. 6.2.4. Em caso de feriado ou evento que acarrete o fechamento de agências bancárias, o
4.3.13. A inscrição deferida como candidatos Hipossuficientes será divulgado no endereço boleto bancário deverá ser pago antecipadamente.
eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção 6.2.5. Não será aceito pagamento do valor da inscrição por meio de cheque, depósito em
Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. caixa eletrônico, pelos Correios, transferência eletrônica, DOC, TED, PIX, ordem de
5. DAS ETAPAS DO CONCURSO PÚBLICO pagamento ou depósito comum em conta corrente, condicional, crédito após o prazo ou
5.1. O Concurso Público de que trata este Edital será composto de uma única etapa, fora do período de inscrição ou por qualquer outro meio que não os especificados neste
constituída de Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Edital.
5.2. A Prova Objetiva, para todos os candidatos, bem como a Avaliação Biopsicossocial 6.2.6. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizam quando os motivos de ordem técnica
para os candidatos que se declararem com Deficiência e o Procedimento de não lhes forem imputáveis por inscrições ou solicitações de isenção não recebidos por
Heteroidentificação Étnico-Racial complementar à autodeclaração dos candidatos Negros falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, falhas de
serão realizados no Distrito Federal. impressão, problemas de ordem técnica nos computadores utilizados pelos candidatos,
5.2.1 Havendo indisponibilidade de locais suficientes ou adequados de realização das bem como por outros fatores alheios que impossibilitem a transferência dos dados e a
provas, estas poderão ser realizadas em outras localidades. impressão do boleto bancário.
5.3. Os candidatos arcarão com todas as despesas advindas de seus deslocamentos, 6.2.7. A efetivação da inscrição somente se dará com o adequado preenchimento de todos
obrigatórios ou voluntários, referentes à sua participação no Concurso Público. os campos da ficha de inscrição pelo candidato e pagamento do respectivo valor da taxa
5.4. Para realização das etapas, torna-se necessário que o candidato siga o protocolo de de inscrição ou deferimento na solicitação da isenção.
segurança quanto à prevenção e controle da transmissão da Covid-19 especificados no 6.2.8. O descumprimento das instruções para a inscrição pela Internet implicará na não
item 14 deste Edital. efetivação da inscrição.
5.5. Os horários mencionados no presente edital e nos demais editais a serem publicados 6.2.9. O comprovante de inscrição do candidato será o próprio boleto, devidamente
para o Concurso Público obedecerão ao horário oficial de Brasília. quitado ou requerimento deferido na solicitação da isenção.
6. DAS INSCRIÇÕES 6.2.10. É de inteira responsabilidade do candidato a manutenção sob sua guarda do
6.1. Disposições Gerais sobre as inscrições: comprovante do pagamento do valor da taxa de inscrição, para posterior apresentação, se
6.1.1. A inscrição do candidato neste Concurso Público implicará: necessário.
a) o conhecimento e a tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital, 6.2.11. O candidato inscrito por terceiro assume total responsabilidade pelas informações
em relação às quais não poderá alegar desconhecimento e, ainda, a ciência de que, caso prestadas por seu representante, arcando com as consequências de eventuais erros no

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 24 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

preenchimento da ficha de inscrição e/ou da solicitação de isenção de pagamento do valor c) fraudar e/ou falsificar documentação;
da taxa de inscrição. d) não fizer o envio eletrônico dos documentos comprobatórios;
6.3. Da Isenção do Pagamento do Valor de Inscrição: e) não observar o prazo e os horários estabelecidos neste Edital;
6.3.1. Para a realização da solicitação de isenção do pagamento da inscrição, o candidato f) não encaminhar os documentos comprobatórios no seu próprio login;
deverá preencher o Requerimento de Isenção do Pagamento de Inscrição no site do IBFC - g) realizar sua inscrição em desacordo com este Edital.
www.ibfc.org.br, na aba “Inscrição e 2ª via do Boleto”, no período indicado no 6.3.5. As informações prestadas no requerimento de isenção do pagamento do valor de
Cronograma Previsto – Anexo V, no qual deverá se enquadrar em uma das seguintes inscrição serão de inteira responsabilidade do candidato, podendo responder, a qualquer
condições: momento, por crime contra a fé pública, o que acarreta sua eliminação do Concurso
a) Decreto Federal nº 6.593/2008 e nº 6.135/2007 (isenção total - Cadastro Único para Público.
Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e for membro de família de baixa 6.3.6. Não será aceita solicitação de isenção do pagamento de valor de inscrição fora dos
renda): para comprovar a condição, o candidato deverá estar inscrito no Cadastro Único meios descritos neste Edital.
para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e indicar seu número de 6.3.7. A declaração falsa de dados para fins de isenção do pagamento do valor de inscrição
Identificação Social (NIS), no requerimento de inscrição, não sendo necessário envio de determinará o cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes,
documentação; em qualquer época, sem prejuízo das sanções civis e penais cabíveis pelo teor das
b) Lei nº 4.949/2012 (isenção total - Doador de Sangue): certificado emitido por afirmativas, assegurado o contraditório e a ampla defesa.
instituição pública de saúde, que comprove ter feito, no mínimo, três doações a menos de 6.3.8. O pedido de isenção do pagamento do valor de inscrição que não atender a
um ano antes da inscrição, sendo considerado como marco para contagem do período de quaisquer das exigências determinadas neste Edital será indeferido, assegurado ao
um ano a data de término do período de inscrição neste Concurso Público; candidato o direito de recurso.
c) Lei nº 4.949/2012 (isenção total – recebimento de benefício de programa social 6.3.9. O candidato que tiver sua solicitação de isenção deferida terá sua inscrição efetivada
instituído pelo Governo do Distrito Federal): certidão ou declaração equivalente expedida automaticamente no Concurso Público.
no presente ano pelo GDF que comprove recebimento de benefício de programa social de 6.3.10. O candidato que tiver seu pedido de isenção do pagamento do valor de inscrição
complementação ou suplementação de renda instituído pelo GDF; indeferido, assim como eventual recurso apresentado indeferido, e que mantiver interesse
d) Lei nº 5.818/2017 (isenção total – prestação de serviço à Justiça Eleitoral do Distrito em participar do certame deverá efetuar sua inscrição, observando os procedimentos e
Federal): declaração ou diploma expedido pela Justiça Eleitoral do Distrito Federal que valores para candidatos pagantes previstos no item 6 deste Edital.
comprove a prestação de serviço à Justiça Eleitoral por, no mínimo, duas eleições 6.3.11. Constatada a irregularidade, a inscrição do candidato será automaticamente
consecutivas ou não, considerado cada turno como uma eleição, contendo o nome cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes, observado o contraditório e
completo do eleitor, a função desempenhada, o turno e a data da eleição; a ampla defesa.
e) Lei nº 6.314/2019 (isenção total – Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da 6.3.12. O resultado da análise do requerimento de isenção do pagamento do valor de
Juventude): documento comprobatório do exercício da atividade voluntária e não inscrição será divulgado no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição
remunerada de Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude, emitido e Correção Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
pelo órgão judiciário correspondente, em que conste o período no qual o candidato 7. DO ATENDIMENTO ESPECIAL
exerceu a referida atividade. O candidato poderá se beneficiar da isenção de taxa de 7.1. Das lactantes:
inscrição até um ano após o seu desligamento da atividade voluntária e não remunerada de 7.1.1. A candidata lactante que tiver necessidade de amamentar durante a realização das
Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude; provas, nos termos da Lei nº 4.949/2012, deverá indicar no formulário de inscrição que é
f) Lei nº 6.637/2020: (isenção total - Pessoa com Deficiência): para comprovação o lactante.
candidato deverá estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo 7.1.2. Terá o direito previsto no item 7.1.1 a mãe cujo filho tiver até 7 (sete) meses
Federal – CadÚnico e indicar seu número de Identificação Social (NIS), no requerimento incompletos no dia da realização da prova e apresentar ao fiscal de provas a certidão de
de inscrição e enviar o laudo médico que deve atestar a espécie e o grau ou o nível de sua nascimento do lactente.
deficiência, com expressa referência ao Código Internacional de Doenças (CID-10); 7.1.3. A candidata deverá trazer um acompanhante adulto maior de 18 (dezoito) anos, que
g) Lei nº 5.968/2017 (isenção parcial – Doador de Medula Óssea): documento expedido ficará em sala reservada com a criança e será o responsável pela sua guarda.
pela entidade coletora ou pela entidade responsável por cadastro de doador de medula 7.1.3.1. A candidata que não levar acompanhante adulto não poderá permanecer com a
óssea. criança no local de realização das provas, acarretando à candidata a impossibilidade de
6.3.1.1. O candidato cujo pedido de isenção parcial de Doador de Medula Óssea for realização da prova.
deferido deverá emitir a 2ª via do Boleto, conforme o disposto no item 6.2.2 deste edital, e 7.1.3.2. O IBFC não disponibilizará acompanhante para guarda de criança.
efetuar o pagamento de 50% da taxa de inscrição até o último dia de pagamento indicado 7.1.4. A candidata terá o direito de proceder à amamentação a cada intervalo de 2 (duas)
no Cronograma Previsto – Anexo V, sob pena de ser automaticamente excluído do horas, por até 30 (trinta) minutos, por filho.
Concurso Público. 7.1.5. A contagem do tempo de realização das provas é suspensa para a candidata lactante
6.3.2. Para comprovar as condições das alíneas “b” a “g” do item 6.3.1, o candidato nos períodos em que esteja amamentando, compensando-se durante a realização da prova
deverá fazer o envio eletrônico, via link específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na em igual período para lhe assegurar igualdade de condições com os demais candidatos.
aba “Editais e Publicações Oficiais”, até o último dia de solicitação de isenção indicado no 7.1.6. Para garantir a aplicação dos termos e condições deste Edital, a candidata, durante o
Cronograma Previsto – Anexo V, dos documentos comprobatórios de isenção de sua período de amamentação, será acompanhada por uma fiscal, sem a presença do
escolha, conforme orientações a seguir: responsável pela guarda da criança.
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos 7.2. Da Função de Jurado:
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; 7.2.1. O candidato que exerceu efetivamente a Função de Jurado, no período entre a data
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá de publicação da Lei federal nº 11.689/2008 e a data de publicação deste Edital, deverá
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste prestar esta informação no ato de inscrição e fazer o envio eletrônico, conforme o item
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; 7.6, de certidões, declarações, atestados ou outros documentos públicos para utilização, se
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar necessário, como um dos critérios de desempate, conforme alínea “h” do item 12.3.
as duas imagens para análise; 7.3. Do Nome Social (Travesti ou Transexual):
d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a 7.3.1. O candidato Travesti ou Transexual (pessoa que se identifica e quer ser reconhecida
análise da documentação com clareza; socialmente, em consonância com sua identidade de gênero), nos termos da Lei nº
e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de 4.949/2012, que desejar ser atendido pelo Nome Social durante a realização das provas,
protocolos estão corretas; poderá solicitar essa condição no ato da inscrição. Neste caso, o candidato deverá fazer o
f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato envio eletrônico de documentos comprobatórios da condição que motiva a solicitação de
e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido. atendimento, conforme item 7.6.
6.3.3. Da condição do CadÚnico: 7.4. Da necessidade de realizar prova Armado:
a) o IBFC consultará o órgão gestor do CadÚnico para verificar a veracidade das 7.4.1. O candidato que for amparado pela Lei nº 10.826/2003, e suas alterações, e
informações prestadas pelo candidato no ato da inscrição; necessitar realizar a prova armado deverá solicitar o atendimento especial no ato da
b) não será concedida a isenção do pagamento do valor da inscrição a candidato que não inscrição e fazer o envio eletrônico, conforme item 7.6, dos documentos de identidade,
possua o Número de Identificação Social (NIS) já identificado e confirmado na base de CPF, Certificado de Registro de Arma de Fogo e Autorização de Porte, conforme
dados do CadÚnico, na data da sua inscrição; definidos na referida lei:
c) não serão analisados os pedidos de isenção sem indicação do número do NIS e, ainda, a) o candidato amparado pela Lei Federal nº 10.826/2003, e suas alterações, que não
aqueles que não contenham informações suficientes para a correta identificação do solicitar o atendimento especial, não poderá portar armas no ambiente de provas, e, caso
candidato na base de dados do Órgão Gestor do CadÚnico; descumpra o estabelecido neste edital, estará automaticamente eliminado do concurso;
d) os dados informados pelo candidato, no ato da inscrição, deverão ser exatamente iguais b) os candidatos que não forem amparados pela Lei Federal nº 10.826/2003, e suas
aos que foram declarados ao Órgão Gestor do CadÚnico. alterações, não poderão portar armas no ambiente de provas.
6.3.4. Não será concedida isenção do pagamento do valor de inscrição ao candidato que: 7.5. Das outras condições:
a) deixar de efetuar a inscrição pela Internet; 7.5.1. O candidato que, por qualquer razão, passe a necessitar de outras condições
b) omitir informações e/ou torná-las inverídicas; especiais para a realização das provas, poderá solicitar essa condição no ato da inscrição e

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 25 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

deverá fazer o envio eletrônico, conforme item 7.6, do Anexo I - Requerimento de 8. DAS INSCRIÇÕES DEFERIDAS E CORREÇÃO CADASTRAL
Atendimento Especial e o laudo médico atestando a espécie e o grau de deficiência, com 8.1. O resultado das Inscrições Deferidas (Ampla Concorrência-AC, Pessoas com
expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças e Deficiência-PCD, Negros, Hipossuficientes e Atendimento Especial), será divulgado no
Problemas Relacionados à Saúde – CID-10, bem como a provável causa da deficiência que endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção
justifique o atendimento especial solicitado, conforme condições a seguir: Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
a) Prova Ampliada: impressa com fonte e imagens ampliadas para facilitar a leitura dos 8.2. Os eventuais erros de digitação verificados no comprovante de inscrição, quanto ao
candidatos com deficiência visual; nome, número de documento de identidade, sexo, data de nascimento e endereço, deverão
b) Prova em Braile: prova transcrita segundo um código em relevo destinado a pessoas com ser corrigidos no endereço eletrônico do IBFC www.ibfc.org.br, na aba “Situação da
deficiência visual; Inscrição e Correção Cadastral”, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
c) Auxílio Ledor: serviço especializado de leitura da prova para pessoas com deficiência 8.2.1. O candidato que perder o prazo de correção de dados cadastrais previsto acima
visual, deficiência intelectual, autismo, déficit de atenção ou dislexia; poderá, após a aplicação da Prova Objetiva, no período indicado no Cronograma Previsto
d) Auxílio Transcrição: para participantes impossibilitados por algum motivo de escrever ou – Anexo V, corrigir seus dados.
de preencher o cartão de resposta das provas; 8.2.2. O candidato que não fizer ou solicitar as correções dos dados pessoais, nos termos
e) Tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras): para o auxílio aos candidatos dos itens 8.2 e 8.2.1 deste Edital, deverá arcar, exclusivamente, com as consequências
surdo e mudo; advindas de sua omissão.
f) Sala Separada: sala extraordinária destinada a acolher participantes em condições que 8.3. O candidato inscrito por terceiro assume total responsabilidade pelas informações
recomendem a sua separação dos demais, como os casos de ledor, auxílio ledor, auxílio prestadas por seu representante, arcando com as consequências de eventuais erros no
transcrição, braile e em caso de doenças infectocontagiosas; preenchimento do formulário eletrônico de inscrição.
g) Acesso Fácil: local de prova com acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida; 8.4. Constatada a irregularidade da inscrição, a inclusão do candidato será
h) Tempo Adicional: a concessão de tempo adicional para a realização das provas somente automaticamente cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes, observado
será deferida caso tal recomendação seja decorrente de orientação médica específica contida o contraditório e a ampla defesa.
no laudo médico enviado pelo candidato. Em nome da isonomia entre os candidatos, por 9. DA PROVA OBJETIVA
padrão, será concedida 1 (uma) hora a mais para os candidatos nesta situação. 9.1. A Prova Objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e será constituída
7.5.2. O candidato com deficiência auditiva que necessitar utilizar aparelho auricular no dia conforme a seguir:
da prova deverá enviar laudo médico específico para esse fim e o Anexo I, nos moldes do
Total de Pontos por Total de Mínimo
item 7.6. Caso o candidato não envie o referido laudo, não poderá utilizar o aparelho Conhecimentos Disciplina
Questões Questão Pontos Exigido
auricular.
7.5.3. O candidato portador de doenças infectocontagiosas que não tiverem comunicado o Língua Portuguesa 15 1 15
fato ao IBFC, por inexistir a doença na data-limite referida, deverão fazê-lo via correio
eletrônico concurso@ibfc.org.br tão logo a condição seja diagnosticada com o envio do
Legislação Geral 10 1 10
laudo médico específico para esse fim e o Anexo I para o atendimento especial.
7.5.3.1. O item acima não se aplica aos casos de COVID-19, devendo os candidatos
Legislação Específica 15 1 15
diagnosticados positivamente cumprirem o prazo previsto para isolamento conforme a Básicos 70 pontos
legislação vigente.
Plano Distrital de 50%
7.5.4. Considerando a possibilidade de os candidatos serem submetidos à detecção de metais 10 1 10
Política para Mulheres
durante as provas, aqueles que, por razões de saúde, façam uso de marca-passo, pinos
cirúrgicos ou outros instrumentos metálicos deverão enviar o laudo médico específico para
Conhecimentos sobre o
esse fim e o Anexo I para comunicar a situação ao IBFC previamente, nos moldes do item 10 1 10
Distrito Federal
7.6.
7.5.4.1. Esses candidatos ainda deverão comparecer ao local de provas munidos dos exames Específicos Específicas 40 2 80
e laudos que comprovem o uso de tais equipamentos.
Total 100 140
7.6. Dos envios eletrônicos dos documentos:
7.6.1. O candidato que solicitou atendimento especial em um dos itens 7.2 (Função de 9.2. A Prova Objetiva de múltipla escolha, será distribuída pelos conhecimentos e
Jurado), 7.3 (Nome Social -Travesti ou Transexual), 7.4. (Realizar prova Armado) ou 7.5. disciplinas do item 9.1, conforme conteúdo programático constante do Anexo III deste
(Das outras condições) deverá fazer o envio eletrônico, via link específico no endereço Edital, sendo que cada questão conterá 05 (cinco) alternativas e apenas 1 (uma) correta.
eletrônico do IBFC – www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais”, dos 9.3. A Prova Objetiva será avaliada na escala de 0 (zero) a 140 (cento e quarenta) pontos,
documentos comprobatórios, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V, considerando-se HABILITADO nesta etapa o candidato que nela obtiver nota igual ou
conforme orientações a seguir: superior a 70 (setenta) pontos.
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos 9.4. O candidato que não for HABILITADO na Prova Objetiva, nos termos do item 9.3
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; deste Edital, estará automaticamente ELIMINADO do Concurso Público.
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá 9.5. O Caderno de Questões da Prova Objetiva e o Gabarito preliminar serão divulgados
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste Edital, no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Provas e Gabaritos”, na data
gerando um número de protocolo para cada envio; conforme indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. O caderno de questões da prova
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar as objetiva ficará disponível somente no prazo recursal dos gabaritos.
duas imagens para análise; 9.6. O resultado da Prova Objetiva e a Folha de Respostas do Candidato serão divulgados
d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada
análise da documentação com clareza; no Cronograma Previsto – Anexo V. A Folha de Respostas do candidato ficará disponível
e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de somente no prazo recursal do resultado da prova objetiva.
protocolos estão corretas; 10. DA REALIZAÇÃO DA PROVA OBJETIVA
f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato e/ou 10.1. A Prova Objetiva será realizada no Distrito Federal na data indicada no Cronograma
documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido. Previsto – Anexo V.
7.6.2. O fornecimento do laudo médico e o Anexo I é de responsabilidade exclusiva do 10.2. A duração das Provas será de 05 (cinco) horas, incluído o tempo para leitura das
candidato. instruções, coleta de digital e preenchimento da Folha de Respostas
7.7. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizarão por laudos médicos ou pareceres que não 10.3. O cartão de convocação para a prova contendo o local, a sala e o horário de
tenham sido recebidos por fatores de ordem técnica dos computadores, os quais realização, será disponibilizado no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba
impossibilitem a transferência dos dados e/ou causem falhas de comunicação ou “Local de Prova”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
congestionamento das linhas de transmissão de dados. O laudo médico emitido por 10.4. Não será enviado, via correio, cartão de convocação para as provas. A data, o
profissional de saúde terá validade somente para este Concurso Público. horário e o local da realização das provas serão disponibilizados no endereço eletrônico do
7.8. Verificada falsidade em qualquer declaração e/ou nos documentos apresentados para IBFC conforme o item 10.3.
obtenção de condições especiais para a realização das provas, poder-se-á anular a inscrição, 10.5. Havendo alteração da data prevista das provas, as despesas provenientes da alteração
as provas e a admissão do candidato, a qualquer tempo, mesmo após o término das etapas do serão de responsabilidade do candidato.
Concurso Público. 10.6. Os candidatos deverão comparecer aos locais de prova 60 (sessenta) minutos antes
7.9. Os candidatos que não atenderem aos dispositivos mencionados no item 7 deste Edital do fechamento dos portões para realização das provas, munidos de documento de
não terão a prova e/ou condições especiais atendidas. identidade com foto, de caneta esferográfica de tinta azul ou preta e cartão de convocação
7.10. A solicitação de atendimento especial será atendida segundo os critérios de viabilidade para as provas.
e razoabilidade. 10.6.1. Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos
7.11. O resultado da análise do atendimento especial será divulgado no site do IBFC - Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de
www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção Cadastral”, na data indicada no Identificação e pelos Corpos de Bombeiros Militares; carteiras expedidas pelos órgãos
Cronograma Previsto – Anexo V. fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos etc.); passaporte brasileiro;

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 26 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

certificado de reservista; carteiras funcionais expedidas por órgão público que, por 10.16. Será fornecido ao candidato o Caderno de Questões e a Folha de Respostas
lei federal, valem como identidade; carteiras de trabalho ou carteira nacional de personalizada com os dados do candidato, para aposição da assinatura e transcrição das
habilitação com foto. respostas.
10.6.2. Não serão aceitos como documentos de identidade: boletim de ocorrência; 10.17. O candidato deverá conferir os seus dados pessoais impressos na Folha de
certidões de nascimento; CPF; títulos eleitorais; carteira nacional de habilitação sem Respostas, em especial seu nome, data de nascimento e número do documento de
foto; carteiras de estudante; carteiras funcionais sem valor de identidade; cópia de identidade.
documentos, ainda que autenticados; protocolos; documentos digitais (modelo 10.18. O candidato deverá transcrever as respostas na Folha de Respostas das Provas
eletrônico); comprovante de inscrição; cartão de convocação para as provas, com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, que será o único documento válido para
documentos ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados ou quaisquer outros a correção, vedada qualquer colaboração ou participação de terceiros, respeitadas as
documentos não constantes deste Edital. condições especiais nos termos deste Edital.
10.6.3. O documento apresentado deverá estar em perfeita condição a fim de 10.19. O candidato não poderá amassar, molhar, dobrar, rasgar ou, de qualquer modo,
permitir, com clareza, a identificação do candidato. danificar a Folha de Respostas das Provas. Tais ações podem impedir a correção e o
10.6.4. Por ocasião da realização das provas, o candidato que não apresentar o candidato deverá arcar com os prejuízos advindos do seu descuido.
documento de identidade original com foto não poderá fazer as provas e será 10.20. Em nenhuma hipótese haverá substituição da Folha de Respostas por erro do
eliminado deste Concurso Público. candidato, devendo este arcar com os prejuízos advindos de sua desatenção.
10.6.5. O candidato que se apresentar após o fechamento dos portões será 10.21. Não serão computadas questões não respondidas ou que contenham mais de uma
considerado ausente e consequentemente eliminado deste Concurso Público. resposta (com emendas, rasuras ou qualquer outro tipo de marcação), mesmo que uma
10.6.6. Não será permitido ao candidato realizar prova fora da data estabelecida, do delas esteja correta, pois qualquer marca poderá ser capturada durante o processamento
horário ou da cidade/espaço físico determinados pelo IBFC. dos resultados, prejudicando o desempenho do candidato.
10.6.7. O candidato não poderá alegar desconhecimento acerca da data, horário e 10.22. O candidato não deverá fazer nenhuma marca fora do campo reservado às
local de realização das provas, para fins de justificativa de sua ausência. respostas ou à assinatura, pois qualquer marca poderá ser capturada durante o
10.7. É de exclusiva responsabilidade do candidato tomar ciência do trajeto até o processamento dos resultados, prejudicando o seu desempenho.
local de realização das provas, a fim de evitar eventuais atrasos, sendo aconselhável 10.23. O preenchimento da Folha de Respostas das provas será de inteira
ao candidato visitar o local de realização das provas com antecedência. responsabilidade do candidato, que deverá proceder em conformidade com as
10.8. Não haverá segunda chamada seja qual for o motivo alegado para justificar o instruções contidas neste Edital e no Caderno de Questões.
atraso ou a ausência do candidato. 10.24. As instruções constantes no Caderno de Questões da Prova e na Folha de
10.9. O não comparecimento à prova, por qualquer motivo, caracterizará a Respostas, bem como as orientações e instruções expedidas pelo IBFC durante a
desistência o candidato e resultará em sua eliminação deste Concurso Público. realização das provas, complementam este Edital e deverão ser observadas e seguidas
10.10. O candidato que, por qualquer motivo, não tiver seu nome constando na pelo candidato.
convocação para as Provas, mas que apresente o respectivo comprovante de 10.25. Após identificação para entrada e acomodação na sala, será permitido ao
pagamento, efetuado nos moldes previstos neste Edital, poderá participar do candidato ausentar-se da sala, exclusivamente, nos casos de alteração psicológica e/ou
Concurso Público, devendo preencher e assinar, no dia da prova, formulário fisiológica temporária de necessidade extrema antes do início das provas, desde que
específico. acompanhado de um/uma Fiscal. O candidato que, por qualquer motivo, não retornar à
10.10.1. A inclusão de que trata o item 10.10 será realizada de forma condicional, sala será automaticamente eliminado do Concurso Público.
sujeita a posterior verificação quanto à regularidade da referida inscrição. 10.26. Não haverá prorrogação do tempo de duração da prova, respeitando-se as
10.10.2. Constatada a irregularidade da inscrição, a inclusão do candidato será condições previstas neste Edital.
automaticamente cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes. 10.27. Somente será permitido ao candidato se retirar definitivamente da sala de provas
10.11. O candidato deverá apor sua assinatura na lista de presença, de acordo com após transcorrido o tempo de 2 (duas) horas de seu início, mediante a entrega
aquela constante do seu documento de identidade, vedada a aposição de rubrica. obrigatória da sua Folha de Respostas devidamente preenchida e assinada, ao fiscal de
10.12. Depois de identificado e acomodado na sala de prova, o candidato não poderá sala.
consultar ou manusear qualquer material de estudo ou de leitura enquanto aguarda o 10.27.1. O candidato poderá levar seu Caderno de Questões somente após transcorrido
horário de início da prova. o tempo de 3h45min. (três horas e quarenta e cinco minutos) de seu início. Em hipótese
10.13. Depois de identificado e instalado, o candidato somente poderá deixar a sala alguma o candidato poderá levar o Caderno de Questões antes do horário permitido.
mediante consentimento prévio, acompanhado de um/uma fiscal ou sob a fiscalização 10.27.2. O candidato que, por qualquer motivo ou recusa, não permanecer em sala
da equipe de aplicação de provas. durante o período mínimo estabelecido no item 10.27, terá o fato consignado em ata e
10.14. Durante o período de realização das provas, não será permitido ao candidato será automaticamente eliminado do Concurso Público.
o uso de óculos escuros, boné, chapéu, gorro, lenço, fazer uso ou portar, mesmo que 10.28. Não será permitida, nos locais de realização das provas, a entrada e/ou
desligados, telefone celular, relógio, controle de alarme de carro, pendrive, fone de permanência de pessoas não autorizadas pelo IBFC, observado o previsto no item 7.1.3
ouvido, calculadora, notebook, ipod, tablet, gravador, ponto eletrônico, deste Edital.
transmissor/receptor de mensagens de qualquer tipo ou qualquer outro equipamento 10.29. Ao terminar as provas, o candidato deverá retirar-se imediatamente do local, não
eletrônico, qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os candidatos ou entre sendo possível nem mesmo a utilização dos banheiros.
estes e pessoas estranhas, oralmente ou por escrito, assim como não será permitida 10.30. No dia da realização das provas, não serão fornecidas por qualquer membro da
anotação de informações relativas às suas respostas (copiar gabarito) fora dos meios equipe de aplicação da prova e/ou pelas autoridades presentes, informações referentes
permitidos, uso de notas, anotações, livros, impressos, manuscritos, códigos, manuais ao conteúdo das provas e/ou critérios de avaliação/classificação.
ou qualquer outro material literário ou visual. O descumprimento desta instrução 10.31. O candidato poderá ser submetido à detecção de metais durante a realização das
implicará na eliminação do candidato. provas.
10.14.1. Telefone celular, rádio comunicador e aparelhos eletrônicos dos candidatos, 10.32. Será eliminado o candidato que:
enquanto na sala de prova, deverão permanecer desligados, tendo sua bateria a) apresentar-se após o fechamento dos portões ou fora dos locais pré-determinados;
retirada, sendo acomodados em local a ser indicado pelos fiscais de sala de prova. b) não comparecer à prova, seja qual for o motivo alegado;
10.14.2. No caso dos telefones celulares, do tipo smartphone, em que não é possível c) não apresentar o documento de identidade exigido no item 10.6 deste Edital;
a retirada da bateria, os dispositivos deverão ser desligados sendo acomodados em d) ausentar-se da sala de prova sem o acompanhamento do fiscal, ou antes do tempo
local a ser indicado pelos fiscais de sala de prova. Caso tais aparelhos emitam mínimo de permanência estabelecido no item 10.27 deste Edital;
qualquer vibração ou som, o candidato será eliminado do Concurso Público. e) fizer uso de notas, anotações, livros, impressos, manuscritos, códigos, manuais ou
10.14.3. O candidato que, durante a realização da prova, for encontrado portando qualquer outro material literário ou visual, salvo se expressamente admitido no Edital;
qualquer um dos objetos especificados no item 10.14, incluindo os aparelhos f) for surpreendido usando boné, gorro, chapéu, óculos de sol, fone de ouvido,
eletrônicos citados, mesmo que desligados ou sem a fonte de energia, será quaisquer equipamentos eletrônicos mesmo que desligados como, calculadora,
automaticamente eliminado do Concurso Público. walkman, notebook, palm-top, ipod, tablet, agenda eletrônica, relógio, gravador ou
10.14.4. O candidato amparado pela Lei Federal nº 10.826/2003 e que teve sua outros similares, ou instrumentos de comunicação interna ou externa, tais como
solicitação de utilização de arma deferida, conforme item 7.4 deste edital, poderá telefone celular, bip, pager entre outros, ou deles que fizer uso;
portar Armas no ambiente de provas. g) caso o seu telefone celular ou qualquer equipamento eletrônico entre em
10.14.4.1. Os candidatos que não forem amparados pela Lei Federal nº 10.826/2003, funcionamento, mesmo sem a sua interferência direta, durante a realização das provas.
e suas alterações, não poderão portar armas no ambiente de provas. h) lançar mão de meios ilícitos para executar as provas;
10.14.5. Demais pertences pessoais serão deixados em local indicado pelos fiscais i) não devolver a Folha de Respostas conforme o item 10.27 deste Edital;
durante todo o período de permanência dos candidatos no local da prova, não se j) fizer anotação de informações relativas às suas respostas (copiar gabarito) fora dos
responsabilizando o IBFC e a SES/DF por perdas, extravios ou danos que meios permitidos;
eventualmente ocorrerem. k) ausentar-se da sala de prova, portando a Folha de Respostas e/ou Caderno de
10.15. O IBFC recomenda que o candidato leve para a realização das provas apenas Questões, com exceção do item 10.27.1;
o documento original de identidade e caneta esferográfica de tinta azul ou preta, em l) não cumprir as instruções contidas no Caderno de Questões da Prova e na Folha
material transparente. de Respostas;

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 27 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

m) utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos ou ilegais para obter aprovação própria 11.11. Em hipótese alguma será aceita revisão de recurso, de recurso do recurso ou de
ou de terceiros; recurso de gabarito final definitivo.
n) não permitir a coleta de sua assinatura e digital; 11.12. A banca examinadora constitui única instância para recurso, sendo soberana em
o) recusar a se submeter ao sistema de detecção de metal; suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais.
p) fotografar, filmar ou, de alguma forma, registrar e divulgar imagens e informações 11.13. O resultado da análise dos recursos será divulgado no endereço eletrônico do IBFC
acerca do local da prova, da prova e de seus participantes; - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma Previsto –
q) desrespeitar, ofender, agredir ou, de qualquer outra forma, tentar prejudicar outro Anexo V. Não serão encaminhadas respostas individuais aos candidatos.
candidato; 12. DO RESULTADO FINAL
r) perturbar de qualquer modo a ordem dos trabalhos durante a preparação ou realização 12.1. Será considerado aprovado neste Concurso Público o candidato que obtiver a
da prova; pontuação e os critérios mínimos exigidos para aprovação, nos termos deste Edital.
s) tratar com falta de urbanidade com os examinadores, auxiliares, aplicadores ou 12.2. A nota final dos candidatos aprovados neste Concurso Público será igual à soma dos
autoridades presentes; pontos obtidos nas provas, que definirá a classificação em ordem decrescente, observado o
t) recusar-se a seguir as instruções dadas por membro da Comissão Organizadora e da cargo para os quais se inscreveram.
Banca Examinadora, da equipe de aplicação e apoio à prova ou qualquer outra 12.3. Na hipótese de igualdade de nota final entre candidatos serão aplicados critérios de
autoridade presente no local do certame; desempate, tendo preferência, sucessivamente, o candidato que tiver:
u) deixar de atender as normas contidas no Caderno de Questões da Prova e na Folha a) idade igual ou superior a 60 anos (Lei federal 10.741/2003 - Estatuto do Idoso), até o
de Respostas e demais orientações/instruções expedidas pelo IBFC; último dia de correção dos dados cadastrais, conforme item 8.2.1;
v) portar armas no ambiente de provas em desacordo com o item 10.14.4; b) maior nota na prova objetiva de conhecimentos específicos;
x) descumprir as medidas de proteção e controle em razão da Covid-19. c) maior nota na prova objetiva de conhecimentos básicos;
11. DOS RECURSOS d) maior nota na disciplina de conhecimentos específicos;
11.1. Será admitido recurso quanto às seguintes situações: e) maior nota na disciplina de legislação específica;
a) indeferimento do pedido de isenção do valor de inscrição; f) maior nota na disciplina de língua portuguesa;
b) indeferimento da inscrição (ampla concorrência, pessoas com deficiência, negros, g) maior idade, considerando dia, mês e ano;
hipossuficientes e atendimento especial); h) exercido efetivamente a função de jurado no período entre a data de publicação da Lei
c) às questões da prova objetiva e gabarito preliminar; federal nº 11.689/2008 e a data de publicação deste Edital, conforme o item 7.2 deste
d) resultado e classificação preliminar da prova objetiva; Edital.
e) resultado preliminar do procedimento de heteroidentificação étnico-racial (negros); 12.4. Permanecendo o empate após os critérios utilizados no item 12.3 deste Edital será
f) resultado preliminar da avaliação biopsicossocial (pessoas com deficiência). realizado sorteio público para desempate entre os candidatos envolvidos.
11.1.1. O prazo para interposição de recurso nas alíneas “a”, “b”, “e” e “f” será de 2 12.5. O resultado final deste Concurso Público será feito em 4 (quatro) listas, observado o
(dois) dias úteis no horário das 10h do primeiro dia às 17h do último dia, contados do cargo, a saber:
primeiro dia subsequente da data de publicação oficial do ato objeto do recurso. a) resultado final, por cargo (ampla concorrência) de todos os candidatos aprovados,
11.1.2. O prazo para interposição de recurso nas alíneas “c” e “d”, será de 10 (dez) dias incluindo os candidatos nas condições de pessoa com deficiência, negros e
úteis no horário das 10h do primeiro dia às 17h do último dia, contados do primeiro dia hipossuficientes;
subsequente da data de publicação oficial do ato objeto do recurso. b) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de pessoa negra;
11.1.3. É de exclusiva responsabilidade do candidato o acompanhamento das c) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de pessoa com
publicações das decisões que podem ser objeto de recurso, no endereço eletrônico deficiência;
www.ibfc.org.br, sob pena de perda do prazo recursal. d) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de hipossuficientes.
11.2. Para os recursos previstos do item 11.1, o candidato deverá acessar o endereço 12.6. O resultado final deste Concurso Público será publicado no Diário Oficial do
eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Recursos” e preencher o formulário Distrito Federal e divulgado via internet, nos endereços eletrônicos www.saude.df.gov.br
próprio disponibilizado para recurso, transmitindo-o eletronicamente. e www.ibfc.org.br, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
11.2.1. A comprovação do encaminhamento tempestivo do recurso será feita mediante 13. DA NOMEAÇÃO
data de envio eletronicamente e do número de protocolo gerado, sendo rejeitado 13.1. A nomeação do candidato ficará condicionada à classificação e aprovação em todas
automaticamente recurso enviado fora do prazo. as etapas e avaliações do Concurso Público.
11.3. Os recursos encaminhados devem seguir as seguintes determinações: 13.2. Em cumprimento ao disposto no artigo 10, inciso II, da Lei nº 4.949/2012, as
a) ser elaborados com argumentação lógica e consistente; nomeações relativas ao concurso de que trata este edital obedecerão aos seguintes prazos,
b) nos casos de recursos contra questões de provas e gabaritos, apresentar a que poderão ser modificados, a qualquer tempo, para adaptar-se às condições econômicas
fundamentação referente apenas à questão e acrescentar indicação da bibliografia e financeiras da Administração, contados da homologação do resultado final do certame:
pesquisada pelo candidato para fundamentar seu questionamento. a) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas em até 12 meses;
11.4. Para situação mencionada no item 11.1, alínea “c” deste Edital, cada candidato b) o restante das vagas previstas neste edital será preenchido em até dois anos.
poderá interpor apenas um recurso por questão, devidamente fundamentado. 13.3. O candidato nomeado poderá solicitar o seu reposicionamento para o final da lista de
11.5. Serão indeferidos os recursos que: classificação, no prazo de 5 (cinco) dias contados da publicação do ato de sua nomeação
a) não estiverem devidamente fundamentados; conforme § 2º do Art. 13, da Lei Complementar nº 840/2011, sem que caiba à SES-DF
b) não apresentarem argumentações lógicas e consistentes; qualquer obrigatoriedade de reaproveitamento do candidato até o término da validade do
c) estiverem em desacordo com as especificações contidas neste Edital; Concurso Público.
d) forem apresentados fora do prazo estabelecido; 13.4. A nomeação para posse será publicada no Diário Oficial do Distrito Federal, sendo
e) apresentarem no corpo da fundamentação outras questões que não a selecionada para de inteira responsabilidade do candidato o acompanhamento dos editais de convocação
recurso; que serão publicados.
f) apresentarem contra terceiros; 13.5. A posse será dada no prazo improrrogável de 30 (trinta) dias, contados da publicação
g) apresentarem em coletivo; do ato de nomeação. O exercício do servidor empossado ocorrerá no prazo de 5 (cinco)
h) cujo teor desrespeite a banca examinadora; dias úteis contados da posse.
i) encaminhados por meio da imprensa e/ou de “redes sociais online”. 13.5.1. A contagem dos prazos é feita excluindo-se o dia do começo e incluindo-se o do
11.6. Não serão considerados requerimentos, reclamações, notificações extrajudiciais ou vencimento (inciso I, art. 280 da Lei Complementar no 840/2011).
quaisquer outros instrumentos similares cujo teor seja objeto de recurso apontado no 13.5.2. As informações dispostas neste edital estão de acordo com o Novo Regime
item 11.1 deste Edital. Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das Autarquias e das
11.7. Os pontos relativos a questões eventualmente anuladas serão atribuídos a todos os Fundações Públicas Distritais - Lei Complementar no 840/2011.
candidatos que fizeram a prova e não obtiveram pontuação nas referidas questões 13.6. O candidato que deixar de comparecer no prazo fixado no edital de nomeação será
conforme o primeiro gabarito oficial, independentemente de interposição de recursos. considerado como desistente.
Os candidatos que haviam recebido pontos nas questões anuladas, após os recursos, 13.7. Os candidatos nomeados deverão ligar para agendar a Perícia Admissional nos
terão esses pontos mantidos sem receberem pontuação a mais. Núcleos de Medicina do Trabalho (NSHMT) das Regionais de Saúde, conforme listagem
11.8. Alterado o gabarito oficial pela Banca do Concurso Público, de ofício ou por força disponível no endereço eletrônico https://www.saude.df.gov.br/cargos-efetivos/.
de provimento de recurso, as provas serão corrigidas de acordo com o novo gabarito. 13.8. Nos casos de admissão em segunda matrícula no GDF (exceto Polícia Militar e
11.9. No que se refere ao item 11.1, alínea “c” a “f”, se a argumentação apresentada no Bombeiro) e candidatos que optaram pelas vagas disponíveis para pessoas com deficiência
recurso for procedente e levar à reavaliação, prevalecerá a nova análise, alterando o – PCD, deverão realizar o agendamento pelo email: gpss.adm@economia.df.gov.br
resultado inicial obtido para um resultado superior ou inferior para efeito de (GPSS/DISPSS/SUBSAUDE/SAGEA/SEEC).
classificação. 13.9. O candidato será comunicado de sua nomeação com base nos dados por ele
11.10. Na ocorrência do disposto nos itens 11.7, 11.8 e 11.9 deste Edital, poderá haver fornecidos no cadastro de inscrição no Concurso Público.
alteração da classificação inicial obtida para uma classificação superior ou inferior, ou, 13.9.1. O envio de comunicação tem caráter meramente supletivo, independendo de
ainda, poderá ocorrer a desclassificação do candidato que não obtiver a nota mínima publicação no Diário Oficial do Distrito Federal, e o não recebimento da comunicação não
exigida ou habilitação exigida. invalida, em nenhuma hipótese, o Concurso Público ou qualquer de suas etapas.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 28 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

13.10. O não atendimento aos requisitos básicos exigidos ou a inobservância a 15.4. Os prazos estabelecidos neste Edital são preclusivos, contínuos e comuns a todos
quaisquer normas e determinações referentes ao Concurso Público implicará, em os candidatos, não havendo justificativa para o não cumprimento e para a apresentação
caráter irrecorrível, a eliminação sumária do candidato, independentemente dos de documentos fora das datas estabelecidas.
resultados obtidos no certame. 15.5. O IBFC e a SES/DF não se responsabilizarão por quaisquer cursos, textos,
13.11. O candidato que obtiver classificação no presente concurso poderá entregar apostilas e outras publicações referentes às matérias deste Concurso Público que não
antes da sua nomeação, o Termo de Renúncia abdicando de sua vaga e sejam oficialmente divulgadas ou por quaisquer informações que estejam em
proporcionando agilidade na nomeação de outro candidato, respeitada a ordem de desacordo com o disposto neste Edital.
classificação. 15.6. Não serão fornecidas provas relativas a Seleções anteriores.
14. DAS ORIENTAÇÕES DE PROTEÇÃO E PREVENÇÃO AO COVID-19 15.7. Se a qualquer tempo for constatado por meio eletrônico, estatístico, visual,
14.1. Seguindo as orientações das autoridades, quanto à prevenção e controle da grafotécnico ou investigação policial, que o candidato fez uso de processo ilícito, sua
transmissão da Covid-19 e, respeitando as especificidades das atividades a serem Prova/Exame será anulada e ele será automaticamente eliminado do Concurso Público.
realizadas, torna-se necessário que o candidato siga o protocolo de segurança 15.8. A qualquer tempo poderá ser anulada a inscrição, prova e/ou tornar sem efeito a
especificado neste Edital. nomeação do candidato, em todos os atos relacionados a este Concurso Público,
14.2. A recusa do candidato em obedecer às normas sanitárias das autoridades quando constatada a omissão ou declaração falsa de dados ou condições,
competentes dispostas neste edital acarretará a sua retirada do local de realização irregularidade de documentos, ou ainda, irregularidade na realização das provas, com
das provas e a sua exclusão do Concurso Público. finalidade de prejudicar direito ou criar obrigação, assegurado o contraditório e a
14.3. Os candidatos participantes também são responsáveis pelo combate à ampla defesa.
COVID-19 e precisam estar atentos para o cumprimento das regras impostas com 15.9. Comprovada a inexatidão ou irregularidades descritas no item 15.8 deste Edital,
consciência, visando a resguardar a sua saúde e a das demais pessoas. As o candidato estará sujeito a responder por falsidade ideológica de acordo com o art.
orientações e determinações dos órgãos de saúde prezam pela segurança de todos 299 do Código Penal.
e, por esse motivo, devem ser cumpridas e respeitadas. 15.10. O candidato é responsável pela atualização dos dados, inclusive do endereço
14.4. O ingresso e a permanência, nas dependências do local de realização das residencial, durante a realização do Concurso Público junto ao IBFC, e após a
etapas, estão restritos aos candidatos convocados, a fim de se evitarem homologação, junto ao SES/DF.
aglomerações, sendo necessário que o candidato: 15.10.1. É de responsabilidade do candidato manter seu endereço (inclusive
14.4.1. Mantenha o distanciamento social: eletrônico) e telefone atualizados, até que se expire o prazo de validade do Concurso
a) não devem ocorrer interações como abraços, beijos e apertos de mãos. Adote Público, para viabilizar os contatos necessários.
um comportamento amigável sem contato físico; 15.10.2. A não atualização poderá gerar prejuízos ao candidato, sem nenhuma
b) os cuidados tomados para evitar aglomerações na entrada dos locais de responsabilidade para o IBFC e para o SES/DF.
realização das etapas devem ser mantidos pelos candidatos até o encerramento, 15.11. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizam por eventuais prejuízos ao
sendo proibido aos candidatos permanecerem no interior dos locais das etapas candidato decorrentes de:
após o seu término; a) endereço eletrônico incorreto e/ou desatualizado;
c) atender expressamente às orientações da equipe de aplicação das etapas, b) endereço residencial desatualizado;
mantendo sempre o distanciamento mínimo entre as pessoas durante o período de c) endereço residencial de difícil acesso;
aplicação e em todos os ambientes dos locais de aplicação. d) correspondência devolvida por razões diversas;
14.4.2. Use máscara individual, cirúrgica ou de tecido, de proteção de nariz e boca: e) correspondência recebida por terceiros.
a) o candidato deverá chegar ao local de realização das etapas usando máscara e 15.12. O candidato convocado para a realização de qualquer etapa/fase do Concurso
portando máscaras reservas, se necessário, de modo a possibilitar a troca de sua Público e que não a atender, no prazo estipulado, será considerado desistente, sendo
máscara a cada 2 (duas) horas; automaticamente excluído deste Concurso Público.
b) a retirada da máscara de proteção facial somente será permitida, de forma 15.13. O IBFC e a SES/DF reservam-se o direito de promover as correções que se
breve, nos momentos da identificação pessoal, para consumo de água ou para fizerem necessárias, em qualquer etapa/fase do Concurso Público ou posterior ao
realizar a substituição da máscara; Concurso Público, em razão de atos ou fatos não previstos, respeitadas as normas e os
c) não serão fornecidas máscaras de proteção aos candidatos, o qual deverá dispor princípios legais.
da quantidade suficiente para sua reposição; 15.14. Serão incorporados a este Edital, para todos os efeitos, quaisquer alterações,
d) o candidato deverá permanecer de máscara durante todo o tempo em que estiver atualizações, atos complementares, avisos, comunicados e convocações, relativos a
nas dependências dos locais de aplicação das etapas; este Concurso Público.
e) as máscaras trazidas pelos candidatos serão de uso individual e não poderão ser 15.15. As ocorrências não previstas neste Edital, os casos omissos e os casos
compartilhadas. duvidosos serão resolvidos conjuntamente pelo IBFC e pela SES/DF, no que tange à
14.4.3. Leve seus próprios frascos de álcool em gel: realização deste Concurso Público.
a) leve seus próprios frascos de álcool em gel (70%) ou outros antissépticos para 15.16. A legislação com entrada em vigor, após a data de publicação deste edital, bem
higienização das mãos; como as alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores não serão
b) os frascos de álcool em gel trazidos pelos candidatos serão de uso individual e objeto de avaliação, salvo se listadas nos conteúdos programáticos constantes do
não poderão ser compartilhados. Anexo III deste edital.
14.4.4. Leve água para o seu próprio consumo: 15.17. Em caso de dúvidas, o candidato deverá entrar em contato com o IBFC por
a) recomenda-se que cada o candidato leve água para o seu próprio consumo para meio do Serviço de Atendimento ao Candidato - SAC, pelo telefone (11) 4788-1430,
evitar a utilização de bebedouros ou de qualquer de outro dispositivo de de segunda a sexta-feira úteis, das 9h às 17h.
fornecimento coletivo de água para beber. 15.18. O candidato que desejar impugnar este Edital, deverá solicitar por meio de link
14.5. A obrigatoriedade do uso de máscaras, distanciamento e higienização das disponível no endereço eletrônico www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações
mãos é aplicável para qualquer pessoa que for autorizada a acessar o local de Oficiais”, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
realização das etapas. 15.18.1. Cabe ao interessado informar especificamente o item objeto de impugnação,
14.6. Ao terminar a etapa, o candidato deverá retirar-se imediatamente do local de bem como a respectiva motivação.
realização. 15.18.2. As respostas às impugnações serão disponibilizadas no site no endereço
15. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS eletrônico www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma
15.1. É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar as publicações de Previsto – Anexo V.
todos os atos, editais, retificações, convocações e comunicados referentes a este 15.18.3. Não caberá recurso administrativo contra decisão acerca da impugnação.
Concurso Público, nos endereços eletrônicos do IBFC – www.ibfc.org.br, das SES 15.19. COVID-19: caso os órgãos de saúde adotem medidas sanitárias mais rígidas de
- www.saude.df.gov.br e/ou no Diário Oficial do Distrito Federal. distanciamento social, devida a uma elevada capacidade de propagação do novo
15.2. Correrão por conta exclusiva do candidato quaisquer despesas com coronavírus, as etapas/provas poderão ser adiadas e remarcadas em momento oportuno
documentação, interposição de recurso, material, exames laboratoriais, laudos de acordo com as orientações sanitárias.
médicos ou técnicos, atestados, deslocamentos, viagem, alimentação, estadia e 15.20. A inscrição vale, para todo e qualquer efeito, como forma de expressa
outras decorrentes de sua participação no Concurso Público. aceitação, por parte do candidato, de todas as condições, normas e exigências
15.3. Não será fornecido qualquer documento comprobatório de aprovação ou constantes deste edital, bem como os atos que forem expedidos sobre o Concurso
classificação ao candidato, valendo, para esse fim, os resultados publicados no endereço Público.
eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br. e/ou no Diário Oficial do Distrito Federal MANOEL LUIZ NARVAZ PAFIADACHE

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 29 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

ANEXO I – REQUERIMENTO DE ATENDIMENTO ESPECIAL ANEXO III – CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PARA ESTUDO
GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL CONHECIMENTOS BÁSICOS
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL LÍNGUA PORTUGUESA
1. Compreensão e interpretação de textos. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial.
Eu,__________________________________________________________________, 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras. 6. Emprego do sinal
inscrito para o cargo de __________________________________________, sob o nº de indicativo de crase. 7. Sintaxe da oração e do período. 8. Pontuação. 9. Concordância
inscrição__________________________, documento de identidade nº nominal e verbal. 10. Regência nominal e verbal. 11. Significação das palavras.
_____________________________ e CPF nº___________________________________, LEGISLAÇÃO GERAL
venho solicitar as condições especiais para a realização da prova do Concurso Público da 1. Lei Orgânica do Distrito Federal: Fundamentos da Organização dos Poderes e do
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, conforme a seguir: Distrito Federal. Organização do Distrito Federal. Organização Administrativa do
Distrito Federal. 2. Lei Complementar Distrital nº 840/2011 e suas alterações
Marque um (X) (Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das Autarquias e
Atendimento Especial
da solicitação das Fundações Públicas Distritais). 3 Decreto Distrital nº 37.297/2016 (Código de
Ética dos Servidores e Empregados Públicos Civis do Poder Executivo).
a) Prova Ampliada: impressa com fonte e imagens ampliadas para facilitar a LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA
leitura dos candidatos com deficiência visual. 1. Evolução histórica da organização do sistema de saúde no Brasil e a construção do
b) Prova em Braile: prova transcrita segundo um código em relevo destinado a
Sistema Único de Saúde (SUS) – princípios, diretrizes e arcabouço legal. 2. Controle
pessoas com deficiência visual.
social no SUS. 3. Resolução 453/2012 do Conselho Nacional da Saúde. 4.
Constituição Federal 1988, Título VIII - artigos de 194 a 200. 5. Lei Orga?nica da
c) Auxílio Ledor: serviço especializado de leitura da prova para pessoas com Saúde - Lei no 8.080/1990, Lei no 8.142/1990 e Decreto Presidencial no 7.508, de
deficiência visual, deficiência intelectual, autismo, déficit de atenção ou dislexia 28 de junho de 2011. 6. Determinantes sociais da saúde. 7. Sistemas de informação
d) Auxílio Transcrição: para participantes impossibilitados por algum motivo de
em saúde. 8. RDC no 63, de 25 de novembro de 2011 que dispõe sobre os Requisitos
escrever ou de preencher o cartão de resposta das provas.
de Boas Práticas de Funcionamento para os Serviços de Saúde. 9. Resolução CNS no
553, de 9 de agosto de 2017, que dispõe sobre a carta dos direitos e deveres da
e) Tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras): para o auxílio aos pessoa usuária da saúde. 10. RDC no 36, de 25 de julho de 2013 que institui ações
candidatos surdo e mudo. para a segurança do paciente em serviços de saúde e dá outras providências. 11. Lei
13.709 de 14 de agosto de 2018.
f) Sala Separada: sala extraordinária destinada a acolher participantes em
PLANO DISTRITAL DE POLÍTICA PARA MULHERES
condições que recomendem a sua separação dos demais, como os casos de ledor,
1. II Plano Distrital De Política Para Mulheres (2020 – 2023)
auxílio ledor, auxílio transcrição, braile e em caso de doenças infectocontagiosas.
https://www.mulher.df.gov.br/pdpm/.
g) Acesso Fácil: local de prova com acessibilidade a pessoas com mobilidade CONHECIMENTOS SOBRE O DISTRITO FEDERAL
reduzida. 1. Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do
Distrito Federal e da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e
h) Tempo Adicional: a concessão de tempo adicional para a realização das provas Entorno - RIDE, instituída pela Lei Complementar federal nº 94/1998 e suas
somente será deferida caso tal recomendação seja decorrente de orientação médica alterações.
específica contida no laudo médico enviado pelo candidato. Em nome da CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
isonomia entre os candidatos, por padrão, será concedida 1 (uma) hora a mais para ENFERMEIRO
os candidatos nesta situação. Política Nacional de Atenção Básica. Estratégia Saúde da Família (ESF). Núcleo
Ampliado à Saúde da Família (NASF-AB). Política Nacional de Promoção à Saúde.
i) Outras solicitações:
Redes de Atenção à Saúde. Modelos de acesso ao cuidado pelo enfermeiro na saúde.
Ética na saúde. Administração de enfermagem. Consulta e abordagem centradas na
pessoa. Telessaúde na Atenção à Saúde. Pessoas que consultam frequentemente.
Local/Data:__________________________________________ Gestão da clínica. Redes de Atenção à Saúde. Prevenção Quaternária. Abordagem
familiar. Territorialização. Abordagem comunitária. Necessidade biopsicossociais
_______________________________________________________________ dos indivíduos nas diferentes faixas estarias. Trabalho em equipe. Apoio matricial.
Assinatura do candidato Epidemiologia clínica e Vigilância em Saúde (Sistema de notificação e vigilância
epidemiológica e sanitária; Endemias/ epidemias: situação atual, medidas de controle
e de tratamento e doenças emergentes e infectocontagiosas sistêmicas).
ANEXO II – MODELO DE ATESTADO/LAUDO EMITIDO POR EQUIPE Sistematização da assistência de enfermagem. Enfermeiro em cenários específicos
MULTIPROFISSIONAL E INTERDISCIPLINAR PARA AVALIAÇÃO (rural, favela, pacientes em situação prisional, população ribeirinha, população em
BIOPSICOSSOCIAL DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA situação de rua, tragédias). Imunização e vacinação. Cuidados pré e pós-operatórios.
Estratégias comportamentais e de motivação para mudanças de hábitos de vida
Atesto, sob as penas da Lei, para fins de participação do Concurso Público da voltados para saúde. Sexualidade e diversidade. Abordagem à saúde ocupacional.
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, que o(a) Abordagem à violência. Saúde da criança e puericultura. Saúde do homem. Saúde da
Senhor(a)_____________________________________________________________ mulher (Gravidez, contracepção, pre natal, infertilidade, puerpério, problemas nas
portador do documento de identidade nº _________________ e CPF sob o nº mamas, corrimento vaginal, amenorreia, sangramento vaginal, distúrbios menstruais,
____________________________é considerado pessoa com deficiência por apresentar climatério e menopausa, infecções sexualmente transmissíveis, neoplasia de colo
a(s) seguinte(s) condição(ões): uterino, incontinência urinária, retenção urinária, cólica renal, infecção de trato
________________________________________________________________________. urinário). Saúde do Idoso. Procedimentos em Atenção à saúde (curativos simples e
CID-10 ___________________________________. complexos, inserção de DIU, lavagem otológica). Práticas integrativas e
complementares. Abordagem a dor aguda e dor crônica. Anemias. Morte e luto.
Declaramos que: Prescrição de medicamentos conforme protocolos do Ministério da Saúde do Brasil e
O candidato apresenta os seguintes impedimentos nas funções e nas estruturas do corpo: Administração de medicamentos. Aleitamento materno e introdução alimentar.
Problemas respiratórios. Problemas cardiovasculares. Problemas gastrointestinais.
Que devem ser considerados os fatores socioambientais, psicológicos e pessoais: Problemas metabólicos (obesidade, dislipidemia, diabetes melito tipo I e II).
Problemas de ouvido, nariz e garganta. Problemas oculares. Problemas de pele.
Que apresenta as seguintes limitações no desempenho de atividades:
Problemas musculoesqueléticos. Problemas neurológicos. Rede de Atenção
Que apresenta as seguintes restrições de participação:
Psicossocial (RAPS). Problemas de saúde mental e problemas relacionados ao
consumo do tabaco, álcool, dependência de drogas, transtornos alimentares, psicoses,
Local/Data:_____________________________________________________________ saúde mental na infância, autismo. Urgências e Emergências (emergência pré-
hospitalar). Promoção, recuperação e reabilitação da saúde. Prevenção e controle de
Assinatura e carimbo com CRM do médico: infecções. Segurança do paciente. Legislação de Enfermagem. Organização dos
_______________________________________________________________________ serviços de saúde no Brasil: Sistema Único de Saúde – princípios e diretrizes.
Assinatura e carimbo com registro da profissão do membro de equipe multiprofissional e Controle social e accountability. Indicadores de saúde e acreditação. Planejamento e
interdisciplinar: programação local de saúde. Sistemas de informação em Saúde. Regulação em
_______________________________________________________________________ Saúde. Educação em Saúde. Técnicas básicas de Enfermagem. Enfermagem Médico-
Assinatura e carimbo com registro da profissão do membro de equipe multiprofissional e Cirúrgica: Assistência de Enfermagem em situações de emergência na atenção
interdisciplinar: primária, média e alta complexidade. Atuação de enfermagem em Centro Cirúrgico e
____________________________________________________________________ em Central de Material.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 30 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

ANEXO IV – REQUISITOS E ATRIBUIÇÕES DO CARGO

ENFERMEIRO Divulgação definitiva das inscrições deferidas e resultado dos


Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em recursos contra indeferimento das inscrições (Ampla
17 17/06/2022
Enfermagem, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência-PCD, Negros,
Ministério da Educação, e registro no Conselho de Classe. Atendimento Especial e Hipossuficientes)
Descrição sumária das atividades: planejar, coordenar; supervisionar e avaliar
atividades e ações de enfermagem no âmbito da assistência, pesquisa e docência, nos
diferentes níveis de complexidade das ações de saúde, observando Código de Ética e 18 Divulgação - Convocação Prova Objetiva 17/06/2022
a Legislação de Enfermagem; participar de programas de treinamentos; executar
outras atividades de interesse da área. 19 Divulgação dos locais de provas 20/06/2022

ANEXO V – CRONOGRAMA PREVISTO 20 Realização - Prova Objetiva 26/06/2022

As datas e os períodos estabelecidos no cronograma são passíveis de alteração, Divulgação do gabarito preliminar e do caderno de questões
conforme necessidade e conveniência da SES/DF e do IBFC. 21 26/06/2022
da prova objetiva
Item Atividade Datas e Horários

1 Publicação do Edital Normativo 25/03/2022


27/06 a 29/06/2022 -
22 Período para correção de dados cadastrais 10h do primeiro dia até
28/03 a 01/04/2022 -
às 17h do último dia
2 Prazo para impugnação do Edital Normativo 10h do primeiro dia até
às 17h do último dia

27/06 a 08/07/2022 -
Divulgação da retificação após análise dos pedidos de Prazo para apresentação de recursos contra gabarito
3 05/04/2022 23 10h do primeiro dia até
impugnação (se houver) preliminar e questões da prova objetiva
às 17h do último dia

06/04 a 10/04/2022 -
4 Período de solicitação de isenção do valor de inscrição 10h do primeiro dia até Divulgação do resultado da análise de recursos contra
às 23h do último dia 24 questões de prova, gabarito definitivo e resultado preliminar 26/07/2022
da prova objetiva

06/04 a 10/04/2022 - 25 Divulgação do resultado preliminar da prova objetiva 26/07/2022


5 Período para upload da documentação de isenção 10h do primeiro dia até
às 23h do último dia
26/07 a 09/08/2022 -
6 Divulgação da relação de isentos do valor de inscrição 18/04/2022 26 Vista da folha de respostas da prova objetiva 15h do primeiro dia até
às 17h do último dia
19/04 a 20/04/2022 -
Prazo para apresentação de recursos contra indeferimento
7 10h do primeiro dia até
de pedidos de isenção
às 17h do último dia 27/07 a 09/08/2022 -
Prazo para apresentação de recursos contra o resultado
27 10h do primeiro dia até
preliminar da prova objetiva
Divulgação do resultado da análise dos recursos contra às 17h do último dia
8 25/04/2022
indeferimento de pedidos de isenção

Divulgação do resultado definitivo da solicitação de Divulgação do resultado de recursos contra o resultado


9 25/04/2022 28 16/08/2022
isenção do valor de inscrição preliminar da prova objetiva

25/04 a 23/05 - 10h do 29 Divulgação do resultado definitivo da prova objetiva 16/08/2022


10 Período das inscrições primeiro dia até às 23h
do último dia
Divulgação da convocação - Avaliação Biopsicossocial - PcD
30 16/08/2022
e Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial
Período para upload dos documentos e laudos médicos 25/04 a 23/05/2022 -
11 (Pessoas com Deficiência-PCD, Atendimento Especial e 10h do primeiro dia até
Realização - Avaliação Biopsicossocial - PcD e Procedimento 20/08/2022 e
Hipossuficientes) às 23h do último dia 31
de Heteroidentificação Étnico-Racial 21/08/2022

12 Data limite de pagamento das inscrições 24/05/2022


Divulgação do resultado preliminar da Avaliação
24/05 a 26/05/2022 - 32 Biopsicossocial - PcD e Procedimento de Heteroidentificação 22/08/2022
13 Período para correção de dados cadastrais no site do IBFC 10h do primeiro dia até Étnico-Racial
às 17h do último dia
Prazo para apresentação de recursos contra o resultado 23/08 a 24/08/2022 -
Divulgação preliminar das inscrições deferidas (Ampla 33 preliminar da Avaliação Biopsicossocial - PcD e 10h do primeiro dia até
14 Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, 08/06/2022 Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial às 17h do último dia
Atendimento Especial e Hipossuficientes)

Prazo para apresentação de recursos contra indeferimento Divulgação do resultado da análise de recursos contra o
09/06 a 10/06/2022 -
das inscrições (Ampla Concorrência-AC, Pessoas com 34 resultado preliminar da Avaliação Biopsicossocial - PcD e 29/08/2022
15 10h do primeiro dia até
Deficiência-PCD, Negros, Atendimento Especial e Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial
às 17h do último dia
Hipossuficientes)

Divulgação do resultado definitivo da Avaliação


Divulgação do resultado da análise dos recursos contra
35 Biopsicossocial - PcD e Procedimento de Heteroidentificação 29/08/2022
indeferimento das inscrições (Ampla Concorrência-AC,
16 17/06/2022 Étnico-Racial
Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, Atendimento
Especial e Hipossuficientes)
36 Divulgação do Resultado Final 01/09/2022

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 31 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

EDITAL Nº 15, DE 25 DE MARÇO DE 2022 de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE políticos, na forma
CADASTRO RESERVA PARA ESPECIALIDADES do art. 13 do Decreto nº 70.436, de 18/04/1972;
DA CARREIRA DE CIRURGIÃO DENTISTA b) ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos na data de posse;
O SECRETÁRIO DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, no uso de suas c) estar quite com as obrigações eleitorais;
atribuições legais, em conformidade com os dispositivos da Constituição Federal vigente, d) estar quite com as obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino;
da Lei Complementar nº 840/2011, da Lei Distrital nº 4.949/2012, e suas posteriores e) encontrar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis;
alterações, a legislação específica das carreiras objeto do certame, bem como a Delegação f) não ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade incompatível com nova
de Competência por meio da Portaria nº 42, de 01 de fevereiro de 2022, publicada no investidura em cargo público;
DODF nº 26, de 07 de fevereiro de 2022, torna público a realização de Concurso Público g) não ter sofrido nenhuma condenação em virtude de crime contra a Administração, com
da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, para provimento de vagas e trânsito em julgado;
formação de cadastro reserva do Quadro de Pessoal do Distrito Federal, mediante as h) ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo;
condições estabelecidas neste Edital e seus Anexos. i) apresentar atestado médico, nos casos de candidatos com deficiência, declarando a
1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES deficiência que possui, com expressa referência ao código correspondente da Classificação
1.1. O Concurso Público será regido por este Edital, por seus anexos, avisos, atos Internacional de Doenças (CID-10) e declarando, ainda, estar apto a desenvolver as
complementares e eventuais retificações, com execução de responsabilidade do Instituto atribuições inerentes ao cargo;
Brasileiro de Formação e Capacitação – IBFC. j) não receber proventos de aposentadoria decorrentes do art. 40 ou dos arts. 42 e 142,
1.2. Este Concurso Público se destina a selecionar candidatos para provimento de vagas e conforme teor do Artigo 37, § 10 da Constituição Federal, com a redação da Emenda
formação de cadastro reserva do Quadro de Pessoal do Distrito Federal para a Secretaria Constitucional nº 20, de 15/12/98, e nem estar com idade de aposentaria compulsória;
de Estado de Saúde do Distrito Federal, de acordo com as especificações, os quantitativos k) não possuir registro de antecedentes criminais nos últimos 5 (cinco) anos, ficando
e a área de formação indicados no presente Edital. impedido a nomeação
1.3. O prazo de validade do presente Concurso Público é de 2 (dois) anos, a contar da data nos casos em que houver ação penal com sentença condenatória transitada em julgado,
da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma vez, por enquanto durarem
igual período. seus efeitos, garantido o contraditório e a ampla defesa;
1.4. Integram o presente Edital os seguintes Anexos: l) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer
Anexo I - Requerimento de Atendimento Especial; órgãopúblico ou entidade da esfera federal, estadual, municipal ou do Distrito Federal;
Anexo II - Modelo de Atestado/Laudo emitido por equipe multiprofissional e m) estar registrado e com a situação regularizada junto ao órgão correspondente à sua
interdisciplinar para Avaliação Biopsicossocial - Pessoas com Deficiência; formaçãoprofissional;
Anexo III - Conteúdos Programáticos para Estudo; n) ser aprovado no presente Concurso Público e possuir os requisitos básicos exigidos para
Anexo IV - Requisitos e Atribuições do Cargo; o exercício do cargo, conforme item 2.2.1 deste Edital;
Anexo V - Cronograma. o) apresentar declaração de que não acumula cargo, emprego ou função pública, ou
2. DOS CARGOS E VAGAS proventos de inatividade, ressalvadas as possibilidades de acumulação lícita previstas no
2.1. O Concurso de que trata este Edital oferece um total de 50 (cinquenta) vagas, inciso XVI do art. 37 da Constituição Federal;
distribuídas por cargos, conforme a seguir: p) atender a todas as exigências estabelecidas neste Edital.
3.2. A nomeação dos candidatos aprovados respeitará a ordem de classificação, observados
Vagas
os critérios de alternância e de proporcionalidade entre a classificação da ampla
Cargo concorrência, da reserva de vagas aos candidatos com deficiência, candidatos negros e
Ampla Pessoas com
Negros Hipossuficientes Total candidatos hipossuficientes, observado o percentual de reserva fixado.
Concorrência Deficiência
3.3. O candidato que não atender, no ato da admissão, aos requisitos deste Edital será
Cirurgião considerado desistente, excluído automaticamente do Concurso Público, perdendo seu
25 10 10 5 50
Dentista direito à vaga e possibilitando a convocação do próximo candidato na lista de classificação,
Total 25 10 10 5 50 a critério da SES/DF.
4. DA RESERVA DE VAGAS
2.1.1. Às pessoas com deficiência é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das 4.1. DAS VAGAS DESTINADAS ÀS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA:
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, 4.1.1. Às pessoas com deficiência é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das
nos termos da Lei nº 4.949/2012. vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público,
2.1.2. Às pessoas Negras é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas nos termos da Lei nº 4.949/2012.
existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, nos 4.1.1.1. Serão consideradas pessoas com deficiência aquelas que se enquadrarem no art. 2º
termos da Lei nº 6.321/2019. da Lei Federal nº 13.146/2015; nas categorias discriminadas nos arts. 3º e 4º do Decreto
2.1.3. Às pessoas Hipossuficientes é assegurado o percentual de 10% (dez por cento) das Federal nº 3.298/1999, com as alterações introduzidas pelo Decreto Federal nº 5.296/2004;
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, no § 1º do art. 1º da Lei Federal nº 12.764/2012 (Transtorno do Espectro Autista); nos arts.
nos termos da Lei nº 6.741/2020. 3º e 5º da Lei Distrital nº 4.317/2009; no § 6º do art. 8º da Lei Distrital nº 4.949/2012,
2.2. Das especificações dos cargos: observados os dispositivos da Convenção sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência e seu
2.2.1. O salário e a carga horária semanal dos cargos ofertados no presente concurso são Protocolo Facultativo, ratificados pelo Decreto Federal nº 6.949/2009 e da Lei nº
os relacionados, conforme a seguir: 14.126/2021.
Cargo Salário Carga Horária Semanal 4.1.2. O candidato que se inscrever na condição de pessoa com deficiência onde não haja
vaga reservada, somente poderá ser contratado nesta condição se houver ampliação das
Cirurgião Dentista R$ 4.250,00 20h vagas inicialmente ofertadas neste Edital, a critério do SES/DF.
2.2.2. Os requisitos básicos e a descrição sumária das atividades fazem parte do Anexo IV 4.1.3. A utilização de material tecnológico de uso habitual não impede a inscrição na
deste Edital. reserva de vagas; porém, a deficiência do candidato deve permitir o desempenho adequado
2.3. Do regime jurídico: os candidatos nomeados estarão sujeitos ao Regime Jurídico dos das atribuições especificadas para o cargo, admitida a correção por equipamentos,
Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das autarquias e das fundações públicas adaptações, meios ou recursos especiais.
distritais, instituído pela Lei Complementar n. º 840/2011, publicada no DODF n.º 4.1.4. No ato da inscrição, o candidato com deficiência deverá estar ciente das atribuições
246/2011, e às normas internas do órgão de lotação. do cargo para o qual pretende se inscrever e que, no caso de vir a exercê-lo, poderá ser
2.4. Da Lotação: Os candidatos nomeados poderão exercer as suas atividades em qualquer submetido à avaliação pelo desempenho dessas atribuições.
unidade da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, a critério exclusivo da 4.1.5 O candidato com deficiência, durante o preenchimento da ficha de inscrição, além de
Administração Pública. observar os procedimentos descritos no item 6 deste Edital, deverá proceder da seguinte
2.5. O cadastro reserva para todos os cargos será aberto, ou seja, o candidato que atingir os forma:
requisitos de aprovação, entretanto não conseguir pontuação para figurar dentro do a) informar se possui deficiência;
número de vagas ofertadas deste Edital, fará parte do cadastro reserva, sem limitação e b) selecionar o tipo de deficiência;
somente será aproveitado mediante a abertura de novas vagas, atendendo aos interesses de c) informar o código correspondente da Classificação Internacional de Doença e Problemas
conveniência e de oportunidade da Administração pública, sem que caiba à SES/DF Relacionados à Saúde – CID da sua deficiência;
qualquer obrigatoriedade de reaproveitamento do cadastro reserva até o término da d) informar se necessita de condições especiais para a realização das provas.
validade do Concurso Público. 4.1.6. Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato deverá enviar
3. DOS REQUISITOS PARA INVESTIDURA NO CARGO eletronicamente ao IBFC os documentos a seguir:
3.1. O candidato aprovado no Concurso Público de que trata este Edital só será nomeado a) comprovante de inscrição ou isenção para identificação do candidato;
no cargo se atendidas todas as exigências a seguir descritas: b) laudo médico atestando a espécie e o grau de deficiência, com expressa referência ao
a) ser brasileiro nato ou naturalizado e no caso de nacionalidade portuguesa, estar código correspondente da Classificação Internacional de Doenças e Problemas
amparado pelo estatuto; Relacionados à Saúde – CID-10, bem como a provável causa da deficiência;

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 32 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

c) requerimento de Atendimento Especial (Anexo I), devidamente preenchido e assinado, 4.1.17. Os candidatos com deficiência aprovados para as vagas a eles destinadas e para as
para assegurar previsão de adaptação da sua prova, se houver. vagas reservadas a negros e/ou às reservadas às pessoas hipossuficientes, convocados
4.1.6.1. Os candidatos com deficiência deverão fazer o envio eletrônico, via link concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas.
específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais” dos 4.1.18. Perderá o direito de concorrer às vagas reservadas às pessoas com deficiência o
documentos comprobatórios elencados no item 5.1.6, no período indicado no Cronograma candidato que:
Previsto – Anexo V, conforme orientações a seguir: a) deixar de efetuar a inscrição pela Internet;
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos b) omitir informações e/ou torná-las inverídicas;
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; c) fraudar e/ou falsificar documentação;
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá d) não fizer o envio eletrônico dos documentos, conforme itens 4.1.6 e 4.1.6.1 deste
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste Edital;
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; e) não observar o prazo e os horários estabelecidos neste Edital;
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar f) não encaminhar os documentos comprobatórios no seu próprio login;
as duas imagens para análise; g) não for considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial;
h) não apresentar os documentos para a avaliação biopsicossocial;
d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a
i) não comparecer à avaliação biopsicossocial;
análise da documentação com clareza;
j) enviar documentação em desacordo com este Edital.
e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
4.1.20. O resultado da Avaliação Biopsicossocial será divulgado no endereço eletrônico
protocolos estão corretas;
do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma
f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato
Previsto – Anexo V.
e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
4.2. DAS VAGAS DESTINADAS AOS NEGROS:
4.1.6.2. Em hipótese alguma serão recebidos e/ou conhecidos documentos fora do prazo, 4.2.1. Às pessoas Negras é assegurado o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas
do horário estabelecido ou em desacordo com o disposto neste Edital. existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, nos
4.1.7. O candidato que não atender os dispositivos mencionados nos itens 4.1.6. e 4.1.6.1. termos da Lei Federal nº 12.990/2014, da Lei nº 6.321/2019 e Decreto nº 42.951/2022.
deste Edital, não será considerado Pessoa com Deficiência para fins de reserva de vagas e 4.2.2. A reserva de vagas será aplicada sempre que o número de vagas oferecidas for
não terá a prova e/ou condição especial atendidas, seja qual for o motivo alegado. igual ou superior a 3 (três).
4.1.8. O candidato com deficiência que não preencher os campos específicos da ficha de 4.2.2.1. Quando a aplicação do percentual resultar em número fracionado, esse será
inscrição e não cumprir o determinado neste Edital terá a sua inscrição processada como aumentado para o primeiro número inteiro subsequente, em caso de fração superior a 0,5
candidato de ampla concorrência e não poderá alegar posteriormente essa condição para (cinco décimos), ou diminuído para o primeiro número inteiro antecedente, em caso de
reivindicar a prerrogativa legal. fração igual ou inferior a 0,5 (cinco décimos).
4.1.9. Ressalvadas as disposições especiais contidas neste Edital, o candidato com 4.2.3. Poderão concorrer às vagas reservadas a candidatos negros aqueles que se
deficiência participará deste Concurso Público em igualdade de condições com os demais autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição no Concurso Público, conforme o
candidatos, no que tange ao horário, ao conteúdo, à correção das provas, aos critérios de quesito cor ou raça utilizado pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -
avaliação e aprovação, à pontuação mínima exigida e a todas as demais normas deste IBGE.
Concurso Público. 4.2.4. Os candidatos negros concorrerão concomitantemente às vagas reservadas e às
4.1.10. A realização de provas na condição especial solicitada pelo candidato com vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação no Concurso
deficiência será condicionada à legislação específica e à possibilidade técnica examinada Público.
pelo IBFC, segundo os critérios de viabilidade e razoabilidade. 4.2.5. Até o final do período de inscrição do Concurso Público, será facultado ao
4.1.11. A classificação e aprovação do candidato não garantem a ocupação das vagas candidato desistir de concorrer pelo sistema de reserva de vagas.
reservadas às pessoas com deficiência, devendo o candidato, ainda, submeter-se à 4.2.6. A autodeclaração do candidato goza da presunção relativa de veracidade.
Avaliação Biopsicossocial promovida pelo IBFC antes do Resultado Final. 4.2.7. A autodeclaração do candidato será confirmada mediante procedimento de
4.1.12. Os candidatos deverão comparecer à Avaliação Biopsicossocial de acordo com a heteroidentificação étnico-racial.
data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V e horário que será informado na 4.2.8. Os candidatos que optarem por concorrer às vagas reservadas às pessoas negras,
convocação, munidos de original e/ou cópia: ainda que tenham obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência e
a) documento de identidade original; satisfizerem as condições de habilitação estabelecidas em edital, deverão se submeter ao
b) Atestado/Laudo emitido, conforme modelo do Anexo II, por equipe multiprofissional e procedimento de heteroidentificação.
interdisciplinar, emitido há no máximo 12 meses que ateste a espécie e o grau ou nível de 4.2.9. A presunção relativa de veracidade de que goza a autodeclaração do candidato
deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação prevalecerá em caso de dúvida razoável a respeito de seu fenótipo, motivada no parecer
Internacional de Doenças (CID?10), bem como à provável causa da deficiência; da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial e Comissão Recursal de
c) se for o caso, de exames complementares específicos que comprovem a deficiência Heteroidentificação Étnico-racial.
física; 4.2.10. Somente será convocado para o procedimento de heteroidentificação étnico-racial,
d) se for o caso, apresentar os graus de autonomia; no mínimo, a quantidade de candidatos equivalente a 3 (três) vezes o número de vagas
e) se for o caso, constar se faz uso de órteses, próteses ou adaptações; reservadas às pessoas negras previstas neste edital, ou 10 (dez) candidatos, o que for
f) no caso de deficiência mental, no laudo deverá constar a data do início da doença, áreas maior, resguardadas as condições de aprovação estabelecidas neste Edital de Concurso,
de limitação associadas e habilidades adaptadas; incluindo eventuais empates na última posição de classificação.
g) no caso de deficiência múltipla, no laudo deverá constar a associação de duas ou mais 4.2.11. A classificação e aprovação do candidato não garantem a ocupação das vagas
deficiências; reservadas às pessoas negras, devendo o candidato, ainda, submeter-se ao Procedimento
h) no caso de deficiência auditiva, o candidato deverá apresentar, além do laudo médico, de Heteroidentificação Étnico-Racial promovida pelo IBFC antes do Resultado Final, na
exame audiométrico (audiometria), realizado nos últimos 12 meses; data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
i) no caso de deficiência visual, o laudo médico deverá conter informações expressas 4.2.12. A Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial será composta por 5
sobre a acuidade visual aferida, com e sem correção, e sobre a somatória da medida do (cinco) membros e seus suplentes, devendo atender ao critério da diversidade, garantindo
campo visual em ambos os olhos. que sejam distribuídos por gênero, cor e, preferencialmente, naturalidade.
4.1.12.1. O Atestado/Laudo Médico (original e/ou cópia simples) e demais documentos 4.2.13. O candidato que não comparecer ao procedimento de heteroidentificação étnico-
complementares serão retidos pelo IBFC por ocasião da realização da Avaliação racial será eliminado do Concurso Público, dispensada a convocação suplementar de
Biopsicossocial. candidatos não habilitados.
4.1.13. As vagas reservadas neste Edital que não forem providas por falta de inscrição, 4.2.14. A Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial utilizará
neste Concurso, de candidatos na condição de pessoa com deficiência ou por não exclusivamente o critério fenotípico para aferição da condição declarada pelo candidato
aprovação desses candidatos serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a no Concurso Público.
classificação geral (ampla concorrência). 4.2.15. Serão consideradas as características fenotípicas do candidato ao tempo da
4.1.14. O candidato que, no ato da inscrição, se declarar com deficiência, se for realização do procedimento de heteroidentificação étnico-racial.
considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial e não for eliminado do 4.2.16. Não serão considerados, quaisquer registros ou documentos pretéritos
concurso, terá seu nome publicado em lista específica de pessoas com deficiência e eventualmente apresentados, inclusive imagem e certidões referentes a confirmação em
figurará também na lista de classificação geral (ampla concorrência). procedimentos de heteroidentificação realizados em concursos públicos federais,
4.1.15. O candidato não considerado pessoa com deficiência na avaliação biopsicossocial estaduais, distritais e municipais.
perderá o direito às vagas reservadas e será eliminado deste Concurso Público, caso não 4.2.17. O procedimento de heteroidentificação étnico-racial será filmado e/ou
tenha atingido os critérios classificatórios da ampla concorrência, pela qual passará a fotografado, e seus registros serão utilizados na análise de eventuais recursos interpostos
concorrer, dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados. pelos candidatos perante a Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial.
4.1.16. Após a admissão do candidato com deficiência, esta condição não poderá ser 4.2.17.1. O candidato que recusar a realização da filmagem e/ou fotografia do
arguida para justificar a concessão de readaptação, licença por motivo de saúde ou procedimento para fins de heteroidentificação, será eliminado do Concurso Público,
aposentadoria por invalidez. dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 33 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

4.2.18. Serão eliminados do Concurso Público os candidatos cujas autodeclarações não e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
forem confirmadas em procedimento de heteroidentificação étnico-racial, ainda que protocolos estão corretas;
tenham obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência e independentemente f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato
de alegação de boa-fé. e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
4.2.19. A eliminação de candidato por não confirmação da autodeclaração não enseja o 4.3.5. Na hipótese de constatação de declaração falsa, o candidato é eliminado do
dever de convocar suplementarmente candidatos não convocados para o procedimento de concurso e, se houver sido nomeado, fica sujeito à anulação da sua admissão ao serviço
heteroidentificação. ou emprego público, após procedimento administrativo em que lhe sejam assegurados o
4.2.20. Das decisões da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico-racial caberá contraditório e a ampla defesa, sem prejuízo de outras sanções cabíveis.
recurso dirigido à Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial, nos termos 4.3.6. Os candidatos hipossuficientes concorrem, concomitantemente, às vagas reservadas
deste Edital. e às vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação no
4.2.20.1. A Comissão Recursal de Heteroidentificação Étnico-racial será composta por 3 concurso.
(três) pessoas que não façam parte da Comissão Ordinária de Heteroidentificação Étnico- 4.3.7. Os candidatos hipossuficientes aprovados dentro do número de vagas oferecido
racial composta para o mesmo certame. para ampla concorrência não são computados para efeito do preenchimento das vagas
4.2.21. Os candidatos negros aprovados dentro do número de vagas oferecido à ampla reservadas.
concorrência não preencherão as vagas reservadas a candidatos negros, sendo, dessa
4.3.8. Em caso de desistência de candidato hipossuficiente aprovado em vaga reservada,
forma, automaticamente excluídos da lista de candidatos negros aprovados.
a vaga é preenchida pelo candidato hipossuficiente posteriormente classificado.
4.2.22. Em caso de desistência de candidato negro aprovado em vaga reservada, a vaga
4.3.9. Na hipótese de não haver número de candidatos hipossuficientes aprovados para
será preenchida pelo candidato negro posteriormente classificado.
ocupar as vagas reservadas, as vagas remanescentes são revertidas para a ampla
4.2.23. Na hipótese de não haver número de candidatos negros aprovados suficiente para
concorrência e preenchidas pelos demais candidatos aprovados, observada a ordem de
ocupar as vagas reservadas, as vagas remanescentes serão revertidas para à ampla
classificação.
concorrência e serão preenchidas pelos demais candidatos aprovados, observada a ordem
4.3.10. A nomeação dos candidatos aprovados respeita os critérios de alternância e
de classificação.
proporcionalidade, que consideram a relação entre o número de vagas total e o número
4.2.24. O candidato inscrito como negro participará deste Concurso Público em igualdade
de vagas reservadas a candidatos com deficiência e a candidatos hipossuficientes.
de condições com os demais candidatos, no que se refere aos conteúdos das provas, à
avaliação e aos critérios de aprovação, ao dia, ao horário e ao local de aplicação das 4.3.11. Os candidatos hipossuficientes aprovados para as vagas a eles destinadas e para
provas, e à nota exigida para todos os demais candidatos. as vagas reservadas a deficiência e/ou às reservadas aos negros, convocados
4.2.25. Os candidatos negros aprovados para as vagas a eles destinadas e para as vagas concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas.
reservadas a deficiência e/ou às reservadas às pessoas hipossuficientes, convocados 4.3.12. O candidato inscrito como hipossuficientes participará deste Concurso Público
concomitantemente para o provimento do cargo, deverão manifestar opção por uma delas. em igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere aos conteúdos
4.2.26. Os currículos dos membros da Comissão Ordinária de Heteroidentificação das provas, à avaliação e aos critérios de aprovação, ao dia, ao horário e ao local de
Étnicoracial serão divulgados no site do IBFC www.ibfc.org.br, sendo resguardos o sigilo aplicação das provas, e à nota exigida para todos os demais candidatos.
dos nomes dos membros. 4.3.13. A inscrição deferida como candidatos Hipossuficientes será divulgado no
4.2.27. O resultado do Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial será divulgado endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e
no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada Correção Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
no Cronograma Previsto – Anexo V. 5. DAS ETAPAS DO CONCURSO PÚBLICO
4.3. DAS VAGAS DESTINADAS AOS HIPOSSUFICIENTES: 5.1. O Concurso Público de que trata este Edital será composto de uma única etapa,
4.3.1. Às pessoas hipossufiientes é assegurado o percentual de 10% (dez por cento) das constituída de Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.
vagas existentes ou das que vierem a surgir no prazo de validade deste Concurso Público, 5.2. A Prova Objetiva, para todos os candidatos, bem como a Avaliação Biopsicossocial
nos termos da Lei nº 6.741/2020. para os candidatos que se declararem com Deficiência e o Procedimento de
4.3.2. A reserva de vagas é aplicada sempre que o número de vagas oferecidas no Heteroidentificação Étnico-Racial complementar à autodeclaração dos candidatos Negros
Concurso Público seja igual ou superior a 10. serão realizados no Distrito Federal.
4.3.3. Na hipótese de quantitativo fracionado para o número de vagas reservadas a 5.2.1 Havendo indisponibilidade de locais suficientes ou adequados de realização das
candidatos hipossuficientes, aplica-se a seguinte regra: provas, estas poderão ser realizadas em outras localidades.
a) em caso de fração igual ou maior que 0,5, o número é aumentado para o primeiro 5.3. Os candidatos arcarão com todas as despesas advindas de seus deslocamentos,
número inteiro subsequente; obrigatórios ou voluntários, referentes à sua participação no Concurso Público.
b) em caso de fração menor que 0,5, o número é diminuído para número inteiro 5.4. Para realização das etapas, torna-se necessário que o candidato siga o protocolo de
imediatamente inferior. segurança quanto à prevenção e controle da transmissão da Covid-19 especificados no
4.3.4. São Hipossuficientes, cumulativamente, aqueles: item 14 deste Edital.
a) cuja renda familiar mensal per capita não exceda o valor de até 1,5 salário mínimo; 5.5. Os horários mencionados no presente edital e nos demais editais a serem publicados
b) que tenha cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em para o Concurso Público obedecerão ao horário oficial de Brasília.
instituições privadas na condição de bolsista integral. 6. DAS INSCRIÇÕES
4.3.4.1. Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato deverá enviar 6.1. Disposições Gerais sobre as inscrições:
eletronicamente ao IBFC os documentos a seguir: 6.1.1. A inscrição do candidato neste Concurso Público implicará:
a) documento de identidade (frente e verso); a) o conhecimento e a tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital,
b) certificado de conclusão do ensino médio (somente candidato); em relação às quais não poderá alegar desconhecimento e, ainda, a ciência de que, caso
c) documentos de todos os membros familiares residentes no mesmo domicílio: aprovado e convocado, deverá entregar os documentos comprobatórios exigidos para
c1) documento oficial de identificação com foto, filiação e assinatura; contratação e submeter-se aos exames médicos para contratação;
c2) cadastro de pessoa física–CPF; b) o aceite e a autorização do uso dos seus dados pessoais fornecidos, sensíveis ou não,
c3) contracheques ou comprovante de renda bruta similar do mês de mês de para tratamento e processamentos inerentes a este certame, incluindo autorização das
fevereiro/2022, de cada membro da família que se enquadre nessa situação; publicações do seu nome, número de inscrição, data de nascimento, resultados e notas
c4) CTPS contendo as páginas de identificação pessoal, de contrato de serviço, inclusive a obtidas no decorrer de todo o certame.
primeira página em branco (subsequente a última página que conste o último contrato), e 6.1.2. Objetivando evitar ônus desnecessário, o candidato deverá orientar-se no sentido
de atualizações de salário de cada membro da família que se enquadre nessa situação; de somente efetuar a inscrição e recolher o valor respectivo da taxa de inscrição após
c.5) no caso de servidores públicos de contratação sob regime estatutário, onde não haja tomar conhecimento do disposto neste Edital, seus anexos, eventuais retificações e avisos
assinatura da carteira de trabalho, o candidato deverá enviar, em substituição a CTPS, complementares e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para o cargo.
certidão de tempo de serviço com a identificação pessoal, salário e atualizações. 6.1.3. As informações prestadas na ficha de inscrição e/ou na solicitação de isenção de
4.3.4.1.1. Os candidatos Hipossuficientes deverão fazer o envio eletrônico, via link pagamento da taxa de inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, eximindo-
específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações Oficiais” dos se SES/DF e o IBFC de quaisquer atos ou fatos decorrentes de informação incorreta,
documentos comprobatórios elencados no item 5.3.4.1, no período indicado no endereço inexato ou incompleto ou opção incorreta referente aos cargos pretendidos
Cronograma Previsto – Anexo V, conforme orientações a seguir: fornecidos pelo candidato.
a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos 6.1.4. Declarações falsas ou inexatas constantes na ficha de inscrição determinarão o
formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo; cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes, em qualquer
b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá época, sem prejuízo das sanções civis e penais cabíveis, sendo assegurado ao candidato o
fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste direito de recurso.
Edital, gerando um número de protocolo para cada envio; 6.1.5. No ato da inscrição é de responsabilidade do candidato a veracidade e exatidão dos
c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar dados informados na ficha de inscrição, sob as penas da lei.
as duas imagens para análise; 6.1.5.1. O candidato, ao efetuar sua inscrição, não poderá utilizar abreviaturas quanto ao
d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a nome, data de nascimento, localidades de nascimento e de residência.
análise da documentação com clareza; 6.1.6. O valor de inscrição pago pelo candidato é pessoal e intransferível.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 34 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

6.1.7. Não serão aceitas as solicitações de inscrição que não atenderem ao estabelecido comprove a prestação de serviço à Justiça Eleitoral por, no mínimo, duas eleições
neste Edital. consecutivas ou não, considerado cada turno como uma eleição, contendo o nome
6.1.8. No ato da inscrição, o candidato deverá optar somente por um cargo que vai completo do eleitor, a função desempenhada, o turno e a data da eleição;
concorrer, conforme previsto no item 2.1 deste Edital. Não será admitida ao candidato a e) Lei nº 6.314/2019 (isenção total – Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da
alteração do cargo após efetivação da inscrição. Juventude): documento comprobatório do exercício da atividade voluntária e não
6.1.8.1. O candidato que tiver mais de uma inscrição paga e/ou deferida na solicitação da remunerada de Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude, emitido
isenção terá somente a última inscrição validada, sendo as demais canceladas. pelo órgão judiciário correspondente, em que conste o período no qual o candidato
6.1.8.2. O valor referente ao pagamento da inscrição não será devolvido em hipótese exerceu a referida atividade. O candidato poderá se beneficiar da isenção de taxa de
alguma, salvo nas condições legalmente previstas. inscrição até um ano após o seu desligamento da atividade voluntária e não remunerada de
6.1.10. Durante o período das inscrições, o candidato que não tiver acesso à internet, Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude;
poderá utilizar o posto de atendimento do IBFC, em dias úteis e no horário compreendido f) Lei nº 6.637/2020: (isenção total - Pessoa com Deficiência): para comprovação o
entre 10h e 16h no seguinte endereço: Finatec - Fundação de Empreendimentos candidato deverá estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo
Científicos e Tecnológicos - Ed. Finatec, bloco G, sala 104/106, Campus Darcy Ribeiro - Federal – CadÚnico e indicar seu número de Identificação Social (NIS), no requerimento
Avenida L3, Asa Norte - Brasília – DF. de inscrição e enviar o laudo médico que deve atestar a espécie e o grau ou o nível de sua
6.2. Dos Procedimentos para Inscrição: deficiência, com expressa referência ao Código Internacional de Doenças (CID-10);
6.2.1. As inscrições para este Concurso Público serão realizadas pela Internet, no endereço g) Lei nº 5.968/2017 (isenção parcial – Doador de Medula Óssea): documento expedido
eletrônico do IBFC www.ibfc.org.br, na aba “Inscrição e 2ª via do Boleto” e encontrar-se- pela entidade coletora ou pela entidade responsável por cadastro de doador de medula
ão abertas no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V. óssea.
6.2.2. Para inscrever-se neste Concurso Público, o candidato deverá, durante o período das 6.3.1.1. O candidato cujo pedido de isenção parcial de Doador de Medula Óssea for
inscrições, efetuar sua inscrição conforme os procedimentos estabelecidos a seguir: deferido deverá emitir a 2ª via do Boleto, conforme o disposto no item 6.2.2 deste edital, e
a) ler atentamente este Edital e o Formulário Eletrônico de Inscrição; efetuar o pagamento de 50% da taxa de inscrição até o último dia de pagamento indicado
b) preencher o Formulário Eletrônico de Inscrição e transmitir os dados pela Internet, no Cronograma Previsto – Anexo V, sob pena de ser automaticamente excluído do
providenciando a impressão do comprovante de Inscrição Finalizada; Concurso Público.
c) imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da importância referente à inscrição 6.3.2. Para comprovar as condições das alíneas “b” a “g” do item 6.3.1, o candidato
descrita no item 6.2.3 deste Edital, até o dia do vencimento em qualquer agência bancária; deverá fazer o envio eletrônico, via link específico no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na
d) O candidato poderá utilizar a opção de imprimir a 2ª via do boleto para efetuar o aba “Editais e Publicações Oficiais”, até o último dia de solicitação de isenção indicado no
pagamento de sua inscrição até o prazo de pagamento indicado no Cronograma Previsto – Cronograma Previsto – Anexo V, dos documentos comprobatórios de isenção de sua
Anexo V. O candidato que não efetuar o pagamento da inscrição até a data de vencimento escolha, conforme orientações a seguir:
do boleto ficará impossibilitado de participar do Concurso Público. a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos
6.2.3. O valor da taxa de inscrição será de R$ 100,00 (cem reais). formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por arquivo;
6.2.4. Em caso de feriado ou evento que acarrete o fechamento de agências bancárias, o b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá
boleto bancário deverá ser pago antecipadamente. fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste
6.2.5. Não será aceito pagamento do valor da inscrição por meio de cheque, depósito em Edital, gerando um número de protocolo para cada envio;
caixa eletrônico, pelos Correios, transferência eletrônica, DOC, TED, PIX, ordem de c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá anexar
pagamento ou depósito comum em conta corrente, condicional, crédito após o prazo ou as duas imagens para análise;
fora do período de inscrição ou por qualquer outro meio que não os especificados neste d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir a
Edital. análise da documentação com clareza;
6.2.6. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizam quando os motivos de ordem técnica e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela de
não lhes forem imputáveis por inscrições ou solicitações de isenção não recebidos por protocolos estão corretas;
falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, falhas de f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato
impressão, problemas de ordem técnica nos computadores utilizados pelos candidatos, e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
bem como por outros fatores alheios que impossibilitem a transferência dos dados e a 6.3.3. Da condição do CadÚnico:
impressão do boleto bancário. a) o IBFC consultará o órgão gestor do CadÚnico para verificar a veracidade das
6.2.7. A efetivação da inscrição somente se dará com o adequado preenchimento de todos informações prestadas pelo candidato no ato da inscrição;
os campos da ficha de inscrição pelo candidato e pagamento do respectivo valor da taxa b) não será concedida a isenção do pagamento do valor da inscrição a candidato que não
de inscrição ou deferimento na solicitação da isenção. possua o Número de Identificação Social (NIS) já identificado e confirmado na base de
6.2.8. O descumprimento das instruções para a inscrição pela Internet implicará na não dados do CadÚnico, na data da sua inscrição;
efetivação da inscrição. c) não serão analisados os pedidos de isenção sem indicação do número do NIS e, ainda,
6.2.9. O comprovante de inscrição do candidato será o próprio boleto, devidamente aqueles que não contenham informações suficientes para a correta identificação do
quitado ou requerimento deferido na solicitação da isenção. candidato na base de dados do Órgão Gestor do CadÚnico;
6.2.10. É de inteira responsabilidade do candidato a manutenção sob sua guarda do d) os dados informados pelo candidato, no ato da inscrição, deverão ser exatamente iguais
comprovante do pagamento do valor da taxa de inscrição, para posterior apresentação, se aos que foram declarados ao Órgão Gestor do CadÚnico.
necessário. 6.3.4. Não será concedida isenção do pagamento do valor de inscrição ao candidato que:
6.2.11. O candidato inscrito por terceiro assume total responsabilidade pelas informações a) deixar de efetuar a inscrição pela Internet;
prestadas por seu representante, arcando com as consequências de eventuais erros no b) omitir informações e/ou torná-las inverídicas;
preenchimento da ficha de inscrição e/ou da solicitação de isenção de pagamento do valor c) fraudar e/ou falsificar documentação;
da taxa de inscrição. d) não fizer o envio eletrônico dos documentos comprobatórios;
6.3. Da Isenção do Pagamento do Valor de Inscrição: e) não observar o prazo e os horários estabelecidos neste Edital;
6.3.1. Para a realização da solicitação de isenção do pagamento da inscrição, o candidato f) não encaminhar os documentos comprobatórios no seu próprio login;
deverá preencher o Requerimento de Isenção do Pagamento de Inscrição no site do IBFC - g) realizar sua inscrição em desacordo com este Edital.
www.ibfc.org.br, na aba “Inscrição e 2ª via do Boleto”, no período indicado no 6.3.5. As informações prestadas no requerimento de isenção do pagamento do valor de
Cronograma Previsto – Anexo V, no qual deverá se enquadrar em uma das seguintes inscrição serão de inteira responsabilidade do candidato, podendo responder, a qualquer
condições: momento, por crime contra a fé pública, o que acarreta sua eliminação do Concurso
a) Decreto Federal nº 6.593/2008 e nº 6.135/2007 (isenção total - Cadastro Único para Público.
Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e for membro de família de baixa 6.3.6. Não será aceita solicitação de isenção do pagamento de valor de inscrição fora dos
renda): para comprovar a condição, o candidato deverá estar inscrito no Cadastro Único meios descritos neste Edital.
para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e indicar seu número de 6.3.7. A declaração falsa de dados para fins de isenção do pagamento do valor de inscrição
Identificação Social (NIS), no requerimento de inscrição, não sendo necessário envio de determinará o cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes,
documentação; em qualquer época, sem prejuízo das sanções civis e penais cabíveis pelo teor das
b) Lei nº 4.949/2012 (isenção total - Doador de Sangue): certificado emitido por afirmativas, assegurado o contraditório e a ampla defesa.
instituição pública de saúde, que comprove ter feito, no mínimo, três doações a menos de 6.3.8. O pedido de isenção do pagamento do valor de inscrição que não atender a
um ano antes da inscrição, sendo considerado como marco para contagem do período de quaisquer das exigências determinadas neste Edital será indeferido, assegurado ao
um ano a data de término do período de inscrição neste Concurso Público; candidato o direito de recurso.
c) Lei nº 4.949/2012 (isenção total – recebimento de benefício de programa social 6.3.9. O candidato que tiver sua solicitação de isenção deferida terá sua inscrição efetivada
instituído pelo Governo do Distrito Federal): certidão ou declaração equivalente expedida automaticamente no Concurso Público.
no presente ano pelo GDF que comprove recebimento de benefício de programa social de 6.3.10. O candidato que tiver seu pedido de isenção do pagamento do valor de inscrição
complementação ou suplementação de renda instituído pelo GDF; indeferido, assim como eventual recurso apresentado indeferido, e que mantiver interesse
d) Lei nº 5.818/2017 (isenção total – prestação de serviço à Justiça Eleitoral do Distrito em participar do certame deverá efetuar sua inscrição, observando os procedimentos e
Federal): declaração ou diploma expedido pela Justiça Eleitoral do Distrito Federal que valores para candidatos pagantes previstos no item 6 deste Edital.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 35 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

6.3.11. Constatada a irregularidade, a inscrição do candidato será automaticamente 7.5.2. O candidato com deficiência auditiva que necessitar utilizar aparelho auricular no
cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes, observado o contraditório e dia da prova deverá enviar laudo médico específico para esse fim e o Anexo I, nos
a ampla defesa. moldes do item 7.6. Caso o candidato não envie o referido laudo, não poderá utilizar o
6.3.12. O resultado da análise do requerimento de isenção do pagamento do valor de aparelho auricular.
inscrição será divulgado no site do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição 7.5.3. O candidato portador de doenças infectocontagiosas que não tiverem comunicado
e Correção Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. o fato ao IBFC, por inexistir a doença na data-limite referida, deverão fazê-lo via
7. DO ATENDIMENTO ESPECIAL correio eletrônico concurso@ibfc.org.br tão logo a condição seja diagnosticada com o
7.1. Das lactantes: envio do laudo médico específico para esse fim e o Anexo I para o atendimento especial.
7.1.1. A candidata lactante que tiver necessidade de amamentar durante a realização das 7.5.3.1. O item acima não se aplica aos casos de COVID-19, devendo os candidatos
provas, nos termos da Lei nº 4.949/2012, deverá indicar no formulário de inscrição que é diagnosticados positivamente cumprirem o prazo previsto para isolamento conforme a
lactante. legislação vigente.
7.1.2. Terá o direito previsto no item 7.1.1 a mãe cujo filho tiver até 7 (sete) meses 7.5.4. Considerando a possibilidade de os candidatos serem submetidos à detecção de
incompletos no dia da realização da prova e apresentar ao fiscal de provas a certidão de metais durante as provas, aqueles que, por razões de saúde, façam uso de marca-passo,
nascimento do lactente. pinos cirúrgicos ou outros instrumentos metálicos deverão enviar o laudo médico
7.1.3. A candidata deverá trazer um acompanhante adulto maior de 18 (dezoito) anos, que específico para esse fim e o Anexo I para comunicar a situação ao IBFC previamente,
ficará em sala reservada com a criança e será o responsável pela sua guarda. nos moldes do item 7.6.
7.1.3.1. A candidata que não levar acompanhante adulto não poderá permanecer com a 7.5.4.1. Esses candidatos ainda deverão comparecer ao local de provas munidos dos
criança no local de realização das provas, acarretando à candidata a impossibilidade de exames e laudos que comprovem o uso de tais equipamentos.
realização da prova. 7.6. Dos envios eletrônicos dos documentos:
7.1.3.2. O IBFC não disponibilizará acompanhante para guarda de criança. 7.6.1. O candidato que solicitou atendimento especial em um dos itens 7.2 (Função de
7.1.4. A candidata terá o direito de proceder à amamentação a cada intervalo de 2 (duas) Jurado), 7.3 (Nome Social -Travesti ou Transexual), 7.4. (Realizar prova Armado) ou
horas, por até 30 (trinta) minutos, por filho. 7.5. (Das outras condições) deverá fazer o envio eletrônico, via link específico no
7.1.5. A contagem do tempo de realização das provas é suspensa para a candidata lactante endereço eletrônico do IBFC – www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações
nos períodos em que esteja amamentando, compensando-se durante a realização da prova Oficiais”, dos documentos comprobatórios, no período indicado no Cronograma
em igual período para lhe assegurar igualdade de condições com os demais candidatos. Previsto – Anexo V, conforme orientações a seguir:
7.1.6. Para garantir a aplicação dos termos e condições deste Edital, a candidata, durante o a) os arquivos contendo os documentos correspondentes para análise devem estar nos
período de amamentação, será acompanhada por uma fiscal, sem a presença do formatos, JPEG, JPG ou PNG com o tamanho máximo de 2 MB (megabytes) por
responsável pela guarda da criança. arquivo;
7.2. Da Função de Jurado: b) caso o candidato não consiga anexar e enviar as imagens em uma única vez, poderá
7.2.1. O candidato que exerceu efetivamente a Função de Jurado, no período entre a data fracionar os arquivos e enviar as imagens por partes, dentro do prazo estipulado deste
de publicação da Lei federal nº 11.689/2008 e a data de publicação deste Edital, deverá Edital, gerando um número de protocolo para cada envio;
prestar esta informação no ato de inscrição e fazer o envio eletrônico, conforme o item c) para os documentos que tenham informações frente e verso, o candidato deverá
7.6, de certidões, declarações, atestados ou outros documentos públicos para utilização, se anexar as duas imagens para análise;
necessário, como um dos critérios de desempate, conforme alínea “h” do item 12.3. d) as imagens dos documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir
7.3. Do Nome Social (Travesti ou Transexual): a análise da documentação com clareza;
7.3.1. O candidato Travesti ou Transexual (pessoa que se identifica e quer ser reconhecida e) é de inteira responsabilidade do candidato verificar se as imagens carregadas na tela
socialmente, em consonância com sua identidade de gênero), nos termos da Lei nº de protocolos estão corretas;
4.949/2012, que desejar ser atendido pelo Nome Social durante a realização das provas, f) não serão considerados e analisados os documentos que não pertencem ao candidato
poderá solicitar essa condição no ato da inscrição. Neste caso, o candidato deverá fazer o e/ou documentos ilegíveis e/ou com rasuras ou proveniente de arquivo corrompido.
envio eletrônico de documentos comprobatórios da condição que motiva a solicitação de 7.6.2. O fornecimento do laudo médico e o Anexo I é de responsabilidade exclusiva do
atendimento, conforme item 7.6. candidato.
7.4. Da necessidade de realizar prova Armado: 7.7. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizarão por laudos médicos ou pareceres que
7.4.1. O candidato que for amparado pela Lei nº 10.826/2003, e suas alterações, e não tenham sido recebidos por fatores de ordem técnica dos computadores, os quais
necessitar realizar a prova armado deverá solicitar o atendimento especial no ato da impossibilitem a transferência dos dados e/ou causem falhas de comunicação ou
inscrição e fazer o envio eletrônico, conforme item 7.6, dos documentos de identidade, congestionamento das linhas de transmissão de dados. O laudo médico emitido por
CPF, Certificado de Registro de Arma de Fogo e Autorização de Porte, conforme profissional de saúde terá validade somente para este Concurso Público.
definidos na referida lei: 7.8. Verificada falsidade em qualquer declaração e/ou nos documentos apresentados
a) o candidato amparado pela Lei Federal nº 10.826/2003, e suas alterações, que não para obtenção de condições especiais para a realização das provas, poder-se-á anular a
solicitar o atendimento especial, não poderá portar armas no ambiente de provas, e, caso inscrição, as provas e a admissão do candidato, a qualquer tempo, mesmo após o
descumpra o estabelecido neste edital, estará automaticamente eliminado do concurso; término das etapas do Concurso Público.
b) os candidatos que não forem amparados pela Lei Federal nº 10.826/2003, e suas 7.9. Os candidatos que não atenderem aos dispositivos mencionados no item 7 deste
alterações, não poderão portar armas no ambiente de provas. Edital não terão a prova e/ou condições especiais atendidas.
7.5. Das outras condições: 7.10. A solicitação de atendimento especial será atendida segundo os critérios de
7.5.1. O candidato que, por qualquer razão, passe a necessitar de outras condições viabilidade e razoabilidade.
especiais para a realização das provas, poderá solicitar essa condição no ato da inscrição e 7.11. O resultado da análise do atendimento especial será divulgado no site do IBFC -
deverá fazer o envio eletrônico, conforme item 7.6, do Anexo I - Requerimento de www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e Correção Cadastral”, na data indicada
Atendimento Especial e do laudo médico atestando a espécie e o grau de deficiência, com no Cronograma Previsto – Anexo V.
expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças e 8. DAS INSCRIÇÕES DEFERIDAS E CORREÇÃO CADASTRAL
Problemas Relacionados à Saúde – CID-10, bem como a provável causa da deficiência 8.1. O resultado das Inscrições Deferidas (Ampla Concorrência-AC, Pessoas com
que justifique o atendimento especial solicitado, conforme condições a seguir: Deficiência-PCD, Negros, Hipossuficientes e Atendimento Especial), será divulgado no
a) Prova Ampliada: impressa com fonte e imagens ampliadas para facilitar a leitura dos endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Situação da Inscrição e
candidatos com deficiência visual; Correção Cadastral”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
b) Prova em Braile: prova transcrita segundo um código em relevo destinado a pessoas 8.2. Os eventuais erros de digitação verificados no comprovante de inscrição, quanto ao
com deficiência visual; nome, número de documento de identidade, sexo, data de nascimento e endereço,
c) Auxílio Ledor: serviço especializado de leitura da prova para pessoas com deficiência deverão ser corrigidos no endereço eletrônico do IBFC www.ibfc.org.br, na aba
visual, deficiência intelectual, autismo, déficit de atenção ou dislexia; “Situação da Inscrição e Correção Cadastral”, no período indicado no Cronograma
d) Auxílio Transcrição: para participantes impossibilitados por algum motivo de escrever Previsto – Anexo V.
ou de preencher o cartão de resposta das provas; 8.2.1. O candidato que perder o prazo de correção de dados cadastrais previsto acima
e) Tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras): para o auxílio aos poderá, após a aplicação da Prova Objetiva, no período indicado no Cronograma
candidatos surdo e mudo; Previsto – Anexo V, corrigir seus dados.
f) Sala Separada: sala extraordinária destinada a acolher participantes em condições que 8.2.2. O candidato que não fizer ou solicitar as correções dos dados pessoais, nos termos
recomendem a sua separação dos demais, como os casos de ledor, auxílio ledor, auxílio dos itens 8.2 e 8.2.1 deste Edital, deverá arcar, exclusivamente, com as consequências
transcrição, braile e em caso de doenças infectocontagiosas; advindas de sua omissão.
g) Acesso Fácil: local de prova com acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida; 8.3. O candidato inscrito por terceiro assume total responsabilidade pelas informações
h) Tempo Adicional: a concessão de tempo adicional para a realização das provas prestadas por seu representante, arcando com as consequências de eventuais erros no
somente será deferida caso tal recomendação seja decorrente de orientação médica preenchimento do formulário eletrônico de inscrição.
específica contida no laudo médico enviado pelo candidato. Em nome da isonomia 8.4. Constatada a irregularidade da inscrição, a inclusão do candidato será
entre os candidatos, por padrão, será concedida 1 (uma) hora a mais para os automaticamente cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes, observado
candidatos nesta situação. o contraditório e a ampla defesa.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 36 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

9. DA PROVA OBJETIVA 10.9. O não comparecimento à prova, por qualquer motivo, caracterizará a desistência o
9.1. A Prova Objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e será constituída candidato e resultará em sua eliminação deste Concurso Público.
conforme a seguir: 10.10. O candidato que, por qualquer motivo, não tiver seu nome constando na
convocação para as Provas, mas que apresente o respectivo comprovante de pagamento,
Total de Pontos por Total de Mínimo
Conhecimentos Disciplina efetuado nos moldes previstos neste Edital, poderá participar do Concurso Público,
Questões Questão Pontos Exigido
devendo preencher e assinar, no dia da prova, formulário específico.
10.10.1. A inclusão de que trata o item 10.10 será realizada de forma condicional, sujeita
Língua Portuguesa 15 1 15 a posterior verificação quanto à regularidade da referida inscrição.
10.10.2. Constatada a irregularidade da inscrição, a inclusão do candidato será
Legislação Geral 10 1 10 automaticamente cancelada, considerados nulos todos os atos dela decorrentes.
10.11. O candidato deverá apor sua assinatura na lista de presença, de acordo com aquela
Legislação Específica 15 1 15 constante do seu documento de identidade, vedada a aposição de rubrica.
Básicos 10.12. Depois de identificado e acomodado na sala de prova, o candidato não poderá
70 pontos
consultar ou manusear qualquer material de estudo ou de leitura enquanto aguarda o
Plano Distrital de 50%
10 1 10 horário de início da prova.
Política para Mulheres 10.13. Depois de identificado e instalado, o candidato somente poderá deixar a sala
mediante consentimento prévio, acompanhado de um/uma fiscal ou sob a fiscalização da
Conhecimentos sobre o equipe de aplicação de provas.
10 1 10
Distrito Federal 10.14. Durante o período de realização das provas, não será permitido ao candidato o uso
de óculos escuros, boné, chapéu, gorro, lenço, fazer uso ou portar, mesmo que desligados,
Específicos Específicas 40 2 80 telefone celular, relógio, controle de alarme de carro, pendrive, fone de ouvido,
calculadora, notebook, ipod, tablet, gravador, ponto eletrônico, transmissor/receptor de
Total 100 140
mensagens de qualquer tipo ou qualquer outro equipamento eletrônico, qualquer espécie
9.2. A Prova Objetiva de múltipla escolha, será distribuída pelos conhecimentos e de consulta ou comunicação entre os candidatos ou entre estes e pessoas estranhas,
disciplinas do item 9.1, conforme conteúdo programático constante do Anexo III deste oralmente ou por escrito, assim como não será permitida anotação de informações
Edital, sendo que cada questão conterá 05 (cinco) alternativas e apenas 1 (uma) correta. relativas às suas respostas (copiar gabarito) fora dos meios permitidos, uso de notas,
9.3. A Prova Objetiva será avaliada na escala de 0 (zero) a 140 (cento e quarenta) pontos, anotações, livros, impressos, manuscritos, códigos, manuais ou qualquer outro material
considerando-se HABILITADO nesta etapa o candidato que nela obtiver nota igual ou literário ou visual. O descumprimento desta instrução implicará na eliminação do
superior a 70 (setenta) pontos. candidato.
9.4. O candidato que não for HABILITADO na Prova Objetiva, nos termos do item 9.3 10.14.1. Telefone celular, rádio comunicador e aparelhos eletrônicos dos candidatos,
deste Edital, estará automaticamente ELIMINADO do Concurso Público. enquanto na sala de prova, deverão permanecer desligados, tendo sua bateria retirada,
9.5. O Caderno de Questões da Prova Objetiva e o Gabarito preliminar serão divulgados sendo acomodados em local a ser indicado pelos fiscais de sala de prova.
no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Provas e Gabaritos”, na data 10.14.2. No caso dos telefones celulares, do tipo smartphone, em que não é possível a
conforme indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. O caderno de questões da prova retirada da bateria, os dispositivos deverão ser desligados sendo acomodados em local a
objetiva ficará disponível somente no prazo recursal dos gabaritos. ser indicado pelos fiscais de sala de prova. Caso tais aparelhos emitam qualquer vibração
9.6. O resultado da Prova Objetiva e a Folha de Respostas do Candidato serão divulgados ou som, o candidato será eliminado do Concurso Público.
no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada 10.14.3. O candidato que, durante a realização da prova, for encontrado portando
no Cronograma Previsto – Anexo V. A Folha de Respostas do candidato ficará disponível qualquer um dos objetos especificados no item 10.14, incluindo os aparelhos eletrônicos
somente no prazo recursal do resultado da prova objetiva. citados, mesmo que desligados ou sem a fonte de energia, será automaticamente
10. DA REALIZAÇÃO DA PROVA OBJETIVA eliminado do Concurso Público.
10.1. A Prova Objetiva será realizada no Distrito Federal na data indicada no Cronograma 10.14.4. O candidato amparado pela Lei Federal nº 10.826/2003 e que teve sua
Previsto – Anexo V. solicitação de utilização de arma deferida, conforme item 7.4 deste edital, poderá portar
10.2. A duração das Provas será de 05 (cinco) horas, incluído o tempo para leitura das Armas no ambiente de provas.
instruções, coleta de digital e preenchimento da Folha de Respostas 10.14.4.1. Os candidatos que não forem amparados pela Lei Federal nº 10.826/2003, e
10.3. O cartão de convocação para a prova contendo o local, a sala e o horário de suas alterações, não poderão portar armas no ambiente de provas.
realização, será disponibilizado no endereço eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba 10.14.5. Demais pertences pessoais serão deixados em local indicado pelos fiscais
“Local de Prova”, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V. durante todo o período de permanência dos candidatos no local da prova, não se
10.4. Não será enviado, via correio, cartão de convocação para as provas. A data, o responsabilizando o IBFC e a SES/DF por perdas, extravios ou danos que eventualmente
horário e o local da realização das provas serão disponibilizados no endereço eletrônico do ocorrerem.
IBFC conforme o item 10.3. 10.15. O IBFC recomenda que o candidato leve para a realização das provas apenas o
10.5. Havendo alteração da data prevista das provas, as despesas provenientes da alteração documento original de identidade e caneta esferográfica de tinta azul ou preta, em
serão de responsabilidade do candidato. material transparente.
10.6. Os candidatos deverão comparecer aos locais de prova 60 (sessenta) minutos antes 10.16. Será fornecido ao candidato o Caderno de Questões e a Folha de Respostas
do fechamento dos portões para realização das provas, munidos de documento de personalizada com os dados do candidato, para aposição da assinatura e transcrição das
identidade com foto, de caneta esferográfica de tinta azul ou preta e cartão de convocação respostas.
para as provas. 10.17. O candidato deverá conferir os seus dados pessoais impressos na Folha de
10.6.1. Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos Respostas, em especial seu nome, data de nascimento e número do documento de
Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de identidade.
Identificação e pelos Corpos de Bombeiros Militares; carteiras expedidas pelos órgãos 10.18. O candidato deverá transcrever as respostas na Folha de Respostas das Provas com
fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos etc.); passaporte brasileiro; caneta esferográfica de tinta azul ou preta, que será o único documento válido para a
certificado de reservista; carteiras funcionais expedidas por órgão público que, por lei correção, vedada qualquer colaboração ou participação de terceiros, respeitadas as
federal, valem como identidade; carteiras de trabalho ou carteira nacional de habilitação condições especiais nos termos deste Edital.
com foto. 10.19. O candidato não poderá amassar, molhar, dobrar, rasgar ou, de qualquer modo,
10.6.2. Não serão aceitos como documentos de identidade: boletim de ocorrência; danificar a Folha de Respostas das Provas. Tais ações podem impedir a correção e o
certidões de nascimento; CPF; títulos eleitorais; carteira nacional de habilitação sem foto; candidato deverá arcar com os prejuízos advindos do seu descuido.
carteiras de estudante; carteiras funcionais sem valor de identidade; cópia de documentos, 10.20. Em nenhuma hipótese haverá substituição da Folha de Respostas por erro do
ainda que autenticados; protocolos; documentos digitais (modelo eletrônico); comprovante candidato, devendo este arcar com os prejuízos advindos de sua desatenção.
de inscrição; cartão de convocação para as provas, documentos ilegíveis, não 10.21. Não serão computadas questões não respondidas ou que contenham mais de uma
identificáveis e/ou danificados ou quaisquer outros documentos não constantes deste resposta (com emendas, rasuras ou qualquer outro tipo de marcação), mesmo que uma
Edital. delas esteja correta, pois qualquer marca poderá ser capturada durante o processamento
10.6.3. O documento apresentado deverá estar em perfeita condição a fim de permitir, dos resultados, prejudicando o desempenho do candidato.
com clareza, a identificação do candidato. 10.22. O candidato não deverá fazer nenhuma marca fora do campo reservado às
10.6.4. Por ocasião da realização das provas, o candidato que não apresentar o documento respostas ou à assinatura, pois qualquer marca poderá ser capturada durante o
de identidade original com foto não poderá fazer as provas e será eliminado deste processamento dos resultados, prejudicando o seu desempenho.
Concurso Público. 10.23. O preenchimento da Folha de Respostas das provas será de inteira
10.6.5. O candidato que se apresentar após o fechamento dos portões será considerado responsabilidade do candidato, que deverá proceder em conformidade com as instruções
ausente e consequentemente eliminado deste Concurso Público. contidas neste Edital e no Caderno de Questões.
10.6.6. Não será permitido ao candidato realizar prova fora da data estabelecida, do 10.24. As instruções constantes no Caderno de Questões da Prova e na Folha de
horário ou da cidade/espaço físico determinados pelo IBFC. Respostas, bem como as orientações e instruções expedidas pelo IBFC durante a
10.6.7. O candidato não poderá alegar desconhecimento acerca da data, horário e local de realização das provas, complementam este Edital e deverão ser observadas e seguidas
realização das provas, para fins de justificativa de sua ausência. pelo candidato.
10.7. É de exclusiva responsabilidade do candidato tomar ciência do trajeto até o local de 10.25. Após identificação para entrada e acomodação na sala, será permitido ao candidato
realização das provas, a fim de evitar eventuais atrasos, sendo aconselhável ao candidato ausentar-se da sala, exclusivamente, nos casos de alteração psicológica e/ou fisiológica
visitar o local de realização das provas com antecedência. temporária de necessidade extrema antes do início das provas, desde que acompanhado de
10.8. Não haverá segunda chamada seja qual for o motivo alegado para justificar o atraso um/uma Fiscal. O candidato que, por qualquer motivo, não retornar à sala será
ou a ausência do candidato. automaticamente eliminado do Concurso Público.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 37 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

10.26. Não haverá prorrogação do tempo de duração da prova, respeitando-se as 11.3. Os recursos encaminhados devem seguir as seguintes determinações:
condições previstas neste Edital. a) ser elaborados com argumentação lógica e consistente;
10.27. Somente será permitido ao candidato se retirar definitivamente da sala de provas b) nos casos de recursos contra questões de provas e gabaritos, apresentar a
após transcorrido o tempo de 2 (duas) horas de seu início, mediante a entrega obrigatória fundamentação referente apenas à questão e acrescentar indicação da bibliografia
da sua Folha de Respostas devidamente preenchida e assinada, ao fiscal de sala. pesquisada pelo candidato para fundamentar seu questionamento.
10.27.1. O candidato poderá levar seu Caderno de Questões somente após transcorrido o 11.4. Para situação mencionada no item 11.1, alínea “c” deste Edital, cada candidato
tempo de 3h45min. (três horas e quarenta e cinco minutos) de seu início. Em hipótese poderá interpor apenas um recurso por questão, devidamente fundamentado.
alguma o candidato poderá levar o Caderno de Questões antes do horário permitido. 11.5. Serão indeferidos os recursos que:
10.27.2. O candidato que, por qualquer motivo ou recusa, não permanecer em sala durante a) não estiverem devidamente fundamentados;
o período mínimo estabelecido no item 10.27, terá o fato consignado em ata e será b) não apresentarem argumentações lógicas e consistentes;
automaticamente eliminado do Concurso Público. c) estiverem em desacordo com as especificações contidas neste Edital;
10.28. Não será permitida, nos locais de realização das provas, a entrada e/ou permanência d) forem apresentados fora do prazo estabelecido;
de pessoas não autorizadas pelo IBFC, observado o previsto no item 7.1.3 deste Edital. e) apresentarem no corpo da fundamentação outras questões que não a selecionada para
10.29. Ao terminar as provas, o candidato deverá retirar-se imediatamente do local, não recurso;
sendo possível nem mesmo a utilização dos banheiros. f) apresentarem contra terceiros;
10.30. No dia da realização das provas, não serão fornecidas por qualquer membro da g) apresentarem em coletivo;
equipe de aplicação da prova e/ou pelas autoridades presentes, informações referentes ao h) cujo teor desrespeite a banca examinadora;
conteúdo das provas e/ou critérios de avaliação/classificação. i) encaminhados por meio da imprensa e/ou de “redes sociais online”.
10.31. O candidato poderá ser submetido à detecção de metais durante a realização das 11.6. Não serão considerados requerimentos, reclamações, notificações extrajudiciais ou
provas. quaisquer outros instrumentos similares cujo teor seja objeto de recurso apontado no item
10.32. Será eliminado o candidato que: 11.1 deste Edital.
a) apresentar-se após o fechamento dos portões ou fora dos locais pré-determinados; 11.7. Os pontos relativos a questões eventualmente anuladas serão atribuídos a todos os
b) não comparecer à prova, seja qual for o motivo alegado; candidatos que fizeram a prova e não obtiveram pontuação nas referidas questões
c) não apresentar o documento de identidade exigido no item 10.6 deste Edital; conforme o primeiro gabarito oficial, independentemente de interposição de recursos. Os
d) ausentar-se da sala de prova sem o acompanhamento do fiscal, ou antes do tempo candidatos que haviam recebido pontos nas questões anuladas, após os recursos, terão
mínimo de permanência estabelecido no item 10.27 deste Edital; esses pontos mantidos sem receberem pontuação a mais.
e) fizer uso de notas, anotações, livros, impressos, manuscritos, códigos, manuais ou 11.8. Alterado o gabarito oficial pela Banca do Concurso Público, de ofício ou por força
qualquer outro material literário ou visual, salvo se expressamente admitido no Edital; de provimento de recurso, as provas serão corrigidas de acordo com o novo gabarito.
f) for surpreendido usando boné, gorro, chapéu, óculos de sol, fone de ouvido, quaisquer 11.9. No que se refere ao item 11.1, alínea “c” a “f”, se a argumentação apresentada no
equipamentos eletrônicos mesmo que desligados como, calculadora, walkman, notebook, recurso for procedente e levar à reavaliação, prevalecerá a nova análise, alterando o
palm-top, ipod, tablet, agenda eletrônica, relógio, gravador ou outros similares, ou resultado inicial obtido para um resultado superior ou inferior para efeito de classificação.
instrumentos de comunicação interna ou externa, tais como telefone celular, bip, pager 11.10. Na ocorrência do disposto nos itens 11.7, 11.8 e 11.9 deste Edital, poderá haver
entre outros, ou deles que fizer uso; alteração da classificação inicial obtida para uma classificação superior ou inferior, ou,
g) caso o seu telefone celular ou qualquer equipamento eletrônico entre em ainda, poderá ocorrer a desclassificação do candidato que não obtiver a nota mínima
funcionamento, mesmo sem a sua interferência direta, durante a realização das provas. exigida ou habilitação exigida.
h) lançar mão de meios ilícitos para executar as provas; 11.11. Em hipótese alguma será aceita revisão de recurso, de recurso do recurso ou de
i) não devolver a Folha de Respostas conforme o item 10.27 deste Edital; recurso de gabarito final definitivo.
j) fizer anotação de informações relativas às suas respostas (copiar gabarito) fora dos 11.12. A banca examinadora constitui única instância para recurso, sendo soberana em
meios permitidos; suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais.
k) ausentar-se da sala de prova, portando a Folha de Respostas e/ou Caderno de Questões, 11.13. O resultado da análise dos recursos será divulgado no endereço eletrônico do IBFC
com exceção do item 10.27.1; - www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma Previsto –
l) não cumprir as instruções contidas no Caderno de Questões da Prova e na Folha de Anexo V. Não serão encaminhadas respostas individuais aos candidatos.
Respostas; 12. DO RESULTADO FINAL
m) utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos ou ilegais para obter aprovação própria ou 12.1. Será considerado aprovado neste Concurso Público o candidato que obtiver a
de terceiros; pontuação e os critérios mínimos exigidos para aprovação, nos termos deste Edital.
n) não permitir a coleta de sua assinatura e digital; 12.2. A nota final dos candidatos aprovados neste Concurso Público será igual à soma dos
o) recusar a se submeter ao sistema de detecção de metal; pontos obtidos nas provas, que definirá a classificação em ordem decrescente, observado o
p) fotografar, filmar ou, de alguma forma, registrar e divulgar imagens e informações cargo para os quais se inscreveram.
acerca do local da prova, da prova e de seus participantes; 12.3. Na hipótese de igualdade de nota final entre candidatos serão aplicados critérios de
q) desrespeitar, ofender, agredir ou, de qualquer outra forma, tentar prejudicar outro desempate, tendo preferência, sucessivamente, o candidato que tiver:
candidato; a) idade igual ou superior a 60 anos (Lei federal 10.741/2003 - Estatuto do Idoso), até o
r) perturbar de qualquer modo a ordem dos trabalhos durante a preparação ou realização último dia de correção dos dados cadastrais, conforme item 8.2.1;
da prova; b) maior nota na prova objetiva de conhecimentos específicos;
s) tratar com falta de urbanidade com os examinadores, auxiliares, aplicadores ou c) maior nota na prova objetiva de conhecimentos básicos;
autoridades presentes; d) maior nota na disciplina de conhecimentos específicos;
t) recusar-se a seguir as instruções dadas por membro da Comissão Organizadora e da e) maior nota na disciplina de legislação específica;
Banca Examinadora, da equipe de aplicação e apoio à prova ou qualquer outra autoridade f) maior nota na disciplina de língua portuguesa;
presente no local do certame; g) maior idade, considerando dia, mês e ano;
u) deixar de atender as normas contidas no Caderno de Questões da Prova e na Folha de h) exercido efetivamente a função de jurado no período entre a data de publicação da Lei
Respostas e demais orientações/instruções expedidas pelo IBFC; federal nº 11.689/2008 e a data de publicação deste Edital, conforme o item 7.2 deste
v) portar armas no ambiente de provas em desacordo com o item 10.14.4; Edital.
x) descumprir as medidas de proteção e controle em razão da Covid-19. 12.4. Permanecendo o empate após os critérios utilizados no item 12.3 deste Edital será
11. DOS RECURSOS realizado sorteio público para desempate entre os candidatos envolvidos.
11.1. Será admitido recurso quanto às seguintes situações: 12.5. O resultado final deste Concurso Público será feito em 4 (quatro) listas, observado o
a) indeferimento do pedido de isenção do valor de inscrição; cargo, a saber:
b) indeferimento da inscrição (ampla concorrência, pessoas com deficiência, negros, a) resultado final, por cargo (ampla concorrência) de todos os candidatos aprovados,
hipossuficientes e atendimento especial); incluindo os candidatos nas condições de pessoa com deficiência, negros e
c) às questões da prova objetiva e gabarito preliminar; hipossuficientes;
d) resultado e classificação preliminar da prova objetiva; b) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de pessoa negra;
e) resultado preliminar do procedimento de heteroidentificação étnico-racial (negros); c) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de pessoa com
f) resultado preliminar da avaliação biopsicossocial (pessoas com deficiência). deficiência;
11.1.1. O prazo para interposição de recurso nas alíneas “a”, “b”, “e” e “f” será de 2 (dois) d) resultado final por cargo dos candidatos aprovados nas condições de hipossuficientes.
dias úteis no horário das 10h do primeiro dia às 17h do último dia, contados do primeiro 12.6. O resultado final deste Concurso Público será publicado no Diário Oficial do
dia subsequente da data de publicação oficial do ato objeto do recurso. Distrito Federal e divulgado via internet, nos endereços eletrônicos www.saude.df.gov.br
11.1.2. O prazo para interposição de recurso nas alíneas “c” e “d”, será de 10 (dez) dias e www.ibfc.org.br, na data indicada no Cronograma Previsto – Anexo V.
úteis no horário das 10h do primeiro dia às 17h do último dia, contados do primeiro dia 13. DA NOMEAÇÃO
subsequente da data de publicação oficial do ato objeto do recurso. 13.1. A nomeação do candidato ficará condicionada à classificação e aprovação em todas
11.1.3. É de exclusiva responsabilidade do candidato o acompanhamento das publicações as etapas e avaliações do Concurso Público.
das decisões que podem ser objeto de recurso, no endereço eletrônico www.ibfc.org.br, 13.2. Em cumprimento ao disposto no artigo 10, inciso II, da Lei nº 4.949/2012, as
sob pena de perda do prazo recursal. nomeações relativas ao concurso de que trata este edital obedecerão aos seguintes prazos,
11.2. Para os recursos previstos do item 11.1, o candidato deverá acessar o endereço que poderão ser modificados, a qualquer tempo, para adaptar-se às condições econômicas
eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br, na aba “Recursos” e preencher o formulário e financeiras da Administração, contados da homologação do resultado final do certame:
próprio disponibilizado para recurso, transmitindo-o eletronicamente. a) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas em até 12 meses;
11.2.1. A comprovação do encaminhamento tempestivo do recurso será feita mediante b) o restante das vagas previstas neste edital será preenchido em até dois anos.
data de envio eletronicamente e do número de protocolo gerado, sendo rejeitado 13.3. O candidato nomeado poderá solicitar o seu reposicionamento para o final da lista de
automaticamente recurso enviado fora do prazo. classificação, no prazo de 5 (cinco) dias contados da publicação do ato de sua

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 38 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

nomeação conforme § 2º do Art. 13, da Lei Complementar nº 840/2011, sem que caiba à 15. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
SES-DF qualquer obrigatoriedade de reaproveitamento do candidato até o término da 15.1. É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar as publicações de todos os
validade do Concurso Público. atos, editais, retificações, convocações e comunicados referentes a este Concurso Público,
13.4. A nomeação para posse será publicada no Diário Oficial do Distrito Federal, sendo nos endereços eletrônicos do IBFC – www.ibfc.org.br, das SES - www.saude.df.gov.br
de inteira responsabilidade do candidato o acompanhamento dos editais de convocação e/ou no Diário Oficial do Distrito Federal.
que serão publicados.
15.2. Correrão por conta exclusiva do candidato quaisquer despesas com documentação,
13.5. A posse será dada no prazo improrrogável de 30 (trinta) dias, contados da
interposição de recurso, material, exames laboratoriais, laudos médicos ou técnicos,
publicação do ato de nomeação. O exercício do servidor empossado ocorrerá no prazo de
5 (cinco) dias úteis contados da posse. atestados, deslocamentos, viagem, alimentação, estadia e outras decorrentes de sua
13.5.1. A contagem dos prazos é feita excluindo-se o dia do começo e incluindo-se o do participação no Concurso Público.
vencimento (inciso I, art. 280 da Lei Complementar no 840/2011). 15.3. Não será fornecido qualquer documento comprobatório de aprovação ou
13.5.2. As informações dispostas neste edital estão de acordo com o Novo Regime classificação ao candidato, valendo, para esse fim, os resultados publicados no endereço
Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das Autarquias e das eletrônico do IBFC - www.ibfc.org.br. e/ou no Diário Oficial do Distrito Federal
Fundações Públicas Distritais - Lei Complementar no 840/2011. 15.4. Os prazos estabelecidos neste Edital são preclusivos, contínuos e comuns a todos os
13.6. O candidato que deixar de comparecer no prazo fixado no edital de nomeação será candidatos, não havendo justificativa para o não cumprimento e para a apresentação de
considerado como desistente. documentos fora das datas estabelecidas.
13.7. Os candidatos nomeados deverão ligar para agendar a Perícia Admissional nos 15.5. O IBFC e a SES/DF não se responsabilizarão por quaisquer cursos, textos, apostilas
Núcleos de Medicina do Trabalho (NSHMT) das Regionais de Saúde, conforme listagem
e outras publicações referentes às matérias deste Concurso Público que não sejam
disponível no endereço eletrônico https://www.saude.df.gov.br/cargos-efetivos/.
oficialmente divulgadas ou por quaisquer informações que estejam em desacordo com o
13.8. Nos casos de admissão em segunda matrícula no GDF (exceto Polícia Militar e
Bombeiro) e candidatos que optaram pelas vagas disponíveis para pessoas com disposto neste Edital.
deficiência – PCD, deverão realizar o agendamento pelo email: 15.6. Não serão fornecidas provas relativas a Seleções anteriores.
gpss.adm@economia.df.gov.br (GPSS/DISPSS/SUBSAUDE/SAGEA/SEEC). 15.7. Se a qualquer tempo for constatado por meio eletrônico, estatístico, visual,
13.9. O candidato será comunicado de sua nomeação com base nos dados por ele grafotécnico ou investigação policial, que o candidato fez uso de processo ilícito, sua
fornecidos no cadastro de inscrição no Concurso Público. Prova/Exame será anulada e ele será automaticamente eliminado do Concurso Público.
13.9.1. O envio de comunicação tem caráter meramente supletivo, independendo de 15.8. A qualquer tempo poderá ser anulada a inscrição, prova e/ou tornar sem efeito a
publicação no Diário Oficial do Distrito Federal, e o não recebimento da comunicação nomeação do candidato, em todos os atos relacionados a este Concurso Público, quando
não invalida, em nenhuma hipótese, o Concurso Público ou qualquer de suas etapas. constatada a omissão ou declaração falsa de dados ou condições, irregularidade de
13.10. O não atendimento aos requisitos básicos exigidos ou a inobservância a quaisquer documentos, ou ainda, irregularidade na realização das provas, com finalidade de
normas e determinações referentes ao Concurso Público implicará, em caráter
prejudicar direito ou criar obrigação, assegurado o contraditório e a ampla defesa.
irrecorrível, a eliminação sumária do candidato, independentemente dos resultados
15.9. Comprovada a inexatidão ou irregularidades descritas no item 15.8 deste Edital, o
obtidos no certame.
13.11. O candidato que obtiver classificação no presente concurso poderá entregar antes candidato estará sujeito a responder por falsidade ideológica de acordo com o art. 299 do
da sua nomeação, o Termo de Renúncia abdicando de sua vaga e proporcionando Código Penal.
agilidade na nomeação de outro candidato, respeitada a ordem de classificação. 15.10. O candidato é responsável pela atualização dos dados, inclusive do endereço
14. DAS ORIENTAÇÕES DE PROTEÇÃO E PREVENÇÃO AO COVID-19 residencial, durante a realização do Concurso Público junto ao IBFC, e após a
14.1. Seguindo as orientações das autoridades, quanto à prevenção e controle da homologação, junto ao SES/DF.
transmissão da Covid-19 e, respeitando as especificidades das atividades a serem 15.10.1. É de responsabilidade do candidato manter seu endereço (inclusive eletrônico) e
realizadas, torna-se necessário que o candidato siga o protocolo de segurança telefone atualizados, até que se expire o prazo de validade do Concurso Público, para
especificado neste Edital. viabilizar os contatos necessários.
14.2. A recusa do candidato em obedecer às normas sanitárias das autoridades 15.10.2. A não atualização poderá gerar prejuízos ao candidato, sem nenhuma
competentes dispostas neste edital acarretará a sua retirada do local de realização das
responsabilidade para o IBFC e para o SES/DF.
provas e a sua exclusão do Concurso Público.
15.11. A SES/DF e o IBFC não se responsabilizam por eventuais prejuízos ao candidato
14.3. Os candidatos participantes também são responsáveis pelo combate à COVID-19 e
precisam estar atentos para o cumprimento das regras impostas com consciência, visando decorrentes de:
a resguardar a sua saúde e a das demais pessoas. As orientações e determinações dos a) endereço eletrônico incorreto e/ou desatualizado;
órgãos de saúde prezam pela segurança de todos e, por esse motivo, devem ser cumpridas b) endereço residencial desatualizado;
e respeitadas. c) endereço residencial de difícil acesso;
14.4. O ingresso e a permanência, nas dependências do local de realização das etapas, d) correspondência devolvida por razões diversas;
estão restritos aos candidatos convocados, a fim de se evitarem aglomerações, sendo e) correspondência recebida por terceiros.
necessário que o candidato: 15.12. O candidato convocado para a realização de qualquer etapa/fase do Concurso
14.4.1. Mantenha o distanciamento social: Público e que não a atender, no prazo estipulado, será considerado desistente, sendo
a) não devem ocorrer interações como abraços, beijos e apertos de mãos. Adote um automaticamente excluído deste Concurso Público.
comportamento amigável sem contato físico;
15.13. O IBFC e a SES/DF reservam-se o direito de promover as correções que se fizerem
b) os cuidados tomados para evitar aglomerações na entrada dos locais de realização das
necessárias, em qualquer etapa/fase do Concurso Público ou posterior ao Concurso
etapas devem ser mantidos pelos candidatos até o encerramento, sendo proibido aos
candidatos permanecerem no interior dos locais das etapas após o seu término; Público, em razão de atos ou fatos não previstos, respeitadas as normas e os princípios
c) atender expressamente às orientações da equipe de aplicação das etapas, mantendo legais.
sempre o distanciamento mínimo entre as pessoas durante o período de aplicação e em 15.14. Serão incorporados a este Edital, para todos os efeitos, quaisquer alterações,
todos os ambientes dos locais de aplicação. atualizações, atos complementares, avisos, comunicados e convocações, relativos a este
14.4.2. Use máscara individual, cirúrgica ou de tecido, de proteção de nariz e boca: Concurso Público.
a) o candidato deverá chegar ao local de realização das etapas usando máscara e portando 15.15. As ocorrências não previstas neste Edital, os casos omissos e os casos duvidosos
máscaras reservas, se necessário, de modo a possibilitar a troca de sua máscara a cada 2 serão resolvidos conjuntamente pelo IBFC e pela SES/DF, no que tange à realização deste
(duas) horas; Concurso Público.
b) a retirada da máscara de proteção facial somente será permitida, de forma breve, nos 15.16. A legislação com entrada em vigor, após a data de publicação deste edital, bem
momentos da identificação pessoal, para consumo de água ou para realizar a substituição
como as alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores não serão objeto
da máscara;
de avaliação, salvo se listadas nos conteúdos programáticos constantes do Anexo III deste
c) não serão fornecidas máscaras de proteção aos candidatos, o qual deverá dispor da
quantidade suficiente para sua reposição; edital.
d) o candidato deverá permanecer de máscara durante todo o tempo em que estiver nas 15.17. Em caso de dúvidas, o candidato deverá entrar em contato com o IBFC por meio do
dependências dos locais de aplicação das etapas; Serviço de Atendimento ao Candidato - SAC, pelo telefone (11) 4788-1430, de segunda a
e) as máscaras trazidas pelos candidatos serão de uso individual e não poderão ser sexta-feira úteis, das 9h às 17h.
compartilhadas. 15.18. O candidato que desejar impugnar este Edital, deverá solicitar por meio de link
14.4.3. Leve seus próprios frascos de álcool em gel: disponível no endereço eletrônico www.ibfc.org.br, na aba “Editais e Publicações
a) leve seus próprios frascos de álcool em gel (70%) ou outros antissépticos para Oficiais”, no período indicado no Cronograma Previsto – Anexo V.
higienização das mãos; 15.18.1. Cabe ao interessado informar especificamente o item objeto de impugnação, bem
b) os frascos de álcool em gel trazidos pelos candidatos serão de uso individual e não como a respectiva motivação.
poderão ser compartilhados.
15.18.2. As respostas às impugnações serão disponibilizadas no site no endereço
14.4.4. Leve água para o seu próprio consumo:
eletrônico www.ibfc.org.br, na aba “Resultados”, na data indicada no Cronograma
a) recomenda-se que cada o candidato leve água para o seu próprio consumo para evitar a
utilização de bebedouros ou de qualquer de outro dispositivo de fornecimento coletivo de Previsto – Anexo V.
água para beber. 15.18.3. Não caberá recurso administrativo contra decisão acerca da impugnação.
14.5. A obrigatoriedade do uso de máscaras, distanciamento e higienização das mãos é 15.19. COVID-19: caso os órgãos de saúde adotem medidas sanitárias mais rígidas de
aplicável para qualquer pessoa que for autorizada a acessar o local de realização das distanciamento social, devida a uma elevada capacidade de propagação do novo
etapas. coronavírus, as etapas/provas poderão ser adiadas e remarcadas em momento oportuno de
14.6. Ao terminar a etapa, o candidato deverá retirar-se imediatamente do local de realização. acordo com as orientações sanitárias.

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 39 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

15.20. A inscrição vale, para todo e qualquer efeito, como forma de expressa aceitação, ANEXO III – CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PARA ESTUDO
por parte do candidato, de todas as condições, normas e exigências constantes deste edital, CONHECIMENTOS BÁSICOS
bem como os atos que forem expedidos sobre o Concurso Público. LÍNGUA PORTUGUESA
MANOEL LUIZ NARVAZ PAFIADACHE 1. Compreensão e interpretação de textos. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4.
Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras. 6. Emprego do sinal indicativo de
ANEXO I – REQUERIMENTO DE ATENDIMENTO ESPECIAL crase. 7. Sintaxe da oração e do período. 8. Pontuação. 9. Concordância nominal e verbal.
GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL 10. Regência nominal e verbal. 11. Significação das palavras.
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL LEGISLAÇÃO GERAL
1. Lei Orgânica do Distrito Federal: Fundamentos da Organização dos Poderes e do
Eu,___________________________________________________________________, Distrito Federal. Organização do Distrito Federal. Organização Administrativa do Distrito
inscrito para o cargo de __________________________________________, sob o nº de Federal. 2. Lei Complementar Distrital nº 840/2011 e suas alterações (Regime Jurídico
inscrição__________________________, documento de identidade nº dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das Autarquias e das Fundações
_____________________________ e CPF nº___________________________________, Públicas Distritais). 3 Decreto Distrital nº 37.297/2016 (Código de Ética dos Servidores e
venho solicitar as condições especiais para a realização da prova do Concurso Público da Empregados Públicos Civis do Poder Executivo).
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, conforme a seguir: LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA
1. Evolução histórica da organização do sistema de saúde no Brasil e a construção do
Marque um (X) Sistema Único de Saúde (SUS) – princípios, diretrizes e arcabouço legal. 2. Controle
Atendimento Especial
da solicitação social no SUS. 3. Resolução 453/2012 do Conselho Nacional da Saúde. 4. Constituição
Federal 1988, Título VIII - artigos de 194 a 200. 5. Lei Orga?nica da Saúde - Lei no
a) Prova Ampliada: impressa com fonte e imagens ampliadas para facilitar a 8.080/1990, Lei no 8.142/1990 e Decreto Presidencial no 7.508, de 28 de junho de 2011.
leitura dos candidatos com deficiência visual. 6. Determinantes sociais da saúde. 7. Sistemas de informação em saúde. 8. RDC no 63, de
25 de novembro de 2011 que dispõe sobre os Requisitos de Boas Práticas de
b) Prova em Braile: prova transcrita segundo um código em relevo destinado a Funcionamento para os Serviços de Saúde. 9. Resolução CNS no 553, de 9 de agosto de
pessoas com deficiência visual. 2017, que dispõe sobre a carta dos direitos e deveres da pessoa usuária da saúde. 10. RDC
c) Auxílio Ledor: serviço especializado de leitura da prova para pessoas com no 36, de 25 de julho de 2013 que institui ações para a segurança do paciente em serviços
deficiência visual, deficiência intelectual, autismo, déficit de atenção ou dislexia de saúde e dá outras providências. 11. Lei 13.709 de 14 de agosto de 2018.
PLANO DISTRITAL DE POLÍTICA PARA MULHERES
d) Auxílio Transcrição: para participantes impossibilitados por algum motivo de 1. II Plano Distrital De Política Para Mulheres (2020 – 2023)
escrever ou de preencher o cartão de resposta das provas. https://www.mulher.df.gov.br/pdpm/.
CONHECIMENTOS SOBRE O DISTRITO FEDERAL
e) Tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras): para o auxílio aos
1. Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do Distrito
candidatos surdo e mudo.
Federal e da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno - RIDE,
f) Sala Separada: sala extraordinária destinada a acolher participantes em instituída pela Lei Complementar federal nº 94/1998 e suas alterações.
condições que recomendem a sua separação dos demais, como os casos de ledor, CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
auxílio ledor, auxílio transcrição, braile e em caso de doenças infectocontagiosas. CIRURGIÃO DENTISTA
Política Nacional de Atenção Básica. Estratégia Saúde da Família (ESF). Política
g) Acesso Fácil: local de prova com acessibilidade a pessoas com mobilidade Nacional de Promoção à Saúde. Redes de Atenção à Saúde. Diretrizes da Política
reduzida. Nacional de Saúde Bucal; educação em saúde; processo de trabalho das equipes
multiprofissionais na Estratégia Saúde da Família; determinantes sociais em saúde bucal;
h) Tempo Adicional: a concessão de tempo adicional para a realização das provas organização da atenção à saúde bucal por meio do ciclo de vida do indivíduo; princípios
somente será deferida caso tal recomendação seja decorrente de orientação médica básicos de anestesia bucal; princípios e conceitos em biossegurança; interpretação de
específica contida no laudo médico enviado pelo candidato. Em nome da exames laboratoriais; indicações e contraindicações de exodontias de dentes permanentes
isonomia entre os candidatos, por padrão, será concedida 1 (uma) hora a mais para e decíduos; técnicas cirúrgicas em odontologia; manejo e tratamento das alterações de
os candidatos nesta situação. polpa e periápice; urgências odontológicas; diagnóstico e manejo do trauma dental;
terapêutica medicamentosa em odontologia; cárie dental; tratamentos restauradores em
i) Outras solicitações: dentes permanentes e decíduos; uso de fluoretos em saúde bucal; diagnóstico e tratamento
das doenças periodontais; lesões fundamentais da mucosa da boca; manifestações bucais
de doenças sistêmicas; tumores benignos e malignos de tecidos moles bucais; câncer de
Local/Data:__________________________________________ boca; infecções fúngicas bucais e sistêmicas; manejo do paciente infantil; aleitamento
materno; tratamento restaurador atraumático; Portaria Nº 77, de 14 de fevereiro de 2017:
_______________________________________________________________ Estabelece a Política de Atenção Primária à Saúde do Distrito Federal; Portaria Nº 773, de
Assinatura do candidato 19 de julho de 2018: Estabelece as diretrizes e normas para a organização da Atenção
Ambulatorial Secundária; Portaria Nº 1388, de 12 de dezembro de 2018: Estabelece a
ANEXO II – MODELO DE ATESTADO/LAUDO EMITIDO POR EQUIPE Política Distrital de Regulação do acesso aos serviços públicos de saúde no Distrito
MULTIPROFISSIONAL E INTERDISCIPLINAR PARA AVALIAÇÃO Federal. Portaria Nº 114, de 10 de fevereiro de 2022: Retifica os Art. 1º Os incisos I, II,
BIOPSICOSSOCIAL DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA VII, VIII, IX e X do artigo 6º da Portaria nº 77 de 14 de fevereiro de 2017. Infecções
virais; Infecções bacterianas; Câncer bucal: Classificação, estadiamento e diagnóstico;
Atesto, sob as penas da Lei, para fins de participação do Concurso Público da Doenças imunológicas e alérgicas; Condições ulcerativas. Biologia pulpar e perirradicular:
SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DISTRITO FEDERAL, que o(a) Embriologia do complexo dentinopulpar e tecidos perirradiculares; Inflamação; Infecção;
Senhor(a)__________________________________________________ portador do Dor, pulpite, abscesso e drenagem. Doença cárie: manifestações clínicas, diagnóstico e
documento de identidade nº _________________ e CPF sob o nº terapêutica; Quando restaurar e quando deter a doença cárie; Colagem de fragmento
____________________________é considerado pessoa com deficiência por apresentar dental; Exodontias simples e de dentes impactados; Complicações em exodontias;
a(s) seguinte(s) condição(ões): Diagnóstico diferencial e biópsia; Tratamentos das infecções bucomaxilofaciais; Manejo
______________________________________________________________________ clínico e avaliações pré e pós-operatórias. Crescimento e desenvolvimento; Terapia
CID-10 ___________________________________. endodôntica em dentes decíduos; Anestesia local para a criança e o adolescente.
Classificação, epidemiologia, etiologia e microbiologia da doença periodontal; Distúrbios
Declaramos que: sistêmicos e o periodonto. Princípios de formação da imagem e técnicas radiográficas;
Exames radiográficos intrabucais; Exames radiográficos extrabucais. Farmacologia dos
O candidato apresenta os seguintes impedimentos nas funções e nas estruturas do corpo: anestésicos locais; Técnicas de anestesia regional em odontologia; Complicações locais e
sistêmicas em anestesia local; Prevenção e controle da dor; Uso de antibióticos no
tratamento ou na prevenção de infecções bucais. Avaliação e tratamento odontológico de
Que devem ser considerados os fatores socioambientais, psicológicos e pessoais:
pacientes sistemicamente comprometidos; Abordagem odontológica ao paciente
Que apresenta as seguintes limitações no desempenho de atividades:
submetido à radioterapia e/ou a quimioterapia; Abordagem odontológica ao paciente sob
cuidados paliativos; Atuação do Cirurgião Dentista nas Unidades de Terapia Intensiva.
Que apresenta as seguintes restrições de participação: Conceito de biossegurança; Imunização dos profissionais de saúde; Fluxo e
processamento de artigos; Esterilização e desinfecção; Gerenciamento de resíduos em
Local/Data:___________________________________________________ serviços odontológicos.

Assinatura e carimbo com CRM do médico: ANEXO IV – REQUISITOS E ATRIBUIÇÕES DO CARGO


______________________________________________________________________ CIRURGIÃO DENTISTA
Assinatura e carimbo com registro da profissão do membro de equipe multiprofissional e Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em
interdisciplinar: Odontologia, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da
___________________________________________________________________ Educação, e registro no Conselho de Classe.
Assinatura e carimbo com registro da profissão do membro de equipe multiprofissional e Descrição sumária das atividades: planejar, coordenar, controlar, avaliar e executar
interdisciplinar: atividades relacionadas com rotinas clínicas, orientar e prestar atendimento a pacientes
___________________________________________________________________ internos e externos; praticar todos os atos pertinentes a Odontologia, decorrentes de

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br


PÁGINA 40 Diário Oficial do Distrito Federal - Edição Extra Nº 24-A, SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2022

conhecimentos adquiridos e de acordo com o Código de Ética; prescrever e aplicar


Divulgação definitiva das inscrições deferidas e resultado dos
especialidades farmacêuticas de uso interno e externo, indicadas em Odontologia; atestar
recursos contra indeferimento das inscrições (Ampla Concorrência-
no setor de sua atividade profissional, estados mórbidos e outros, inclusive, para 17 17/06/2022
AC, Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, Atendimento Especial
justificação de faltas de emprego; proceder a perícia odontolegal em foro civil, criminal, e Hipossuficientes)
trabalhista e em sede administrativa; aplicar anestesia local e troncular; empregar a
analgesia e hipnose desde que comprovadamente habilitado, quando constituírem meios 18 Divulgação - Convocação Prova Objetiva 17/06/2022
eficazes para o tratamento; manter anexo ao consultório, laboratório de prótese,
19 Divulgação dos locais de provas 20/06/2022
aparelhagem e instalação adequadas para pesquisas e análises clínicas, relacionadas com
os casos específicos de sua especialidade, bem como aparelhos de Raios X, para 20 Realização - Prova Objetiva 26/06/2022
diagnóstico, e aparelhagem de fisioterapia; prescrever e aplicar medicação de urgência no
Divulgação do gabarito preliminar e do caderno de questões da
caso de acidentes graves que comprometam a vida e a saúde do paciente; utilizar, no 21 26/06/2022
prova objetiva
exercício da função de perito- -odontológico, em casos de necropsia, das vias de acesso do
pescoço e da cabeça; participar de treinamentos; executar outras atividades de interesse da 27/06 a 29/06/2022 - 10h
área. 22 Período para correção de dados cadastrais do primeiro dia até às
17h do último dia
ANEXO V – CRONOGRAMA PREVISTO
As datas e os períodos estabelecidos no cronograma são passíveis de alteração, conforme 27/06 a 08/07/2022 - 10h
Prazo para apresentação de recursos contra gabarito preliminar e
necessidade e conveniência da SES/DF e do IBFC. 23 do primeiro dia até às
questões da prova objetiva
Item Atividade Datas e Horários 17h do último dia

1 Publicação do Edital Normativo 25/03/2022 Divulgação do resultado da análise de recursos contra questões de
24 26/07/2022
prova, gabarito definitivo e resultado preliminar da prova objetiva
28/03 a 01/04/2022 - 10h
25 Divulgação do resultado preliminar da prova objetiva 26/07/2022
2 Prazo para impugnação do Edital Normativo do primeiro dia até às 17h
do último dia 26/07 a 09/08/2022 - 15h
26 Vista da folha de respostas da prova objetiva do primeiro dia até às
Divulgação da retificação após análise dos pedidos de 17h do último dia
3 05/04/2022
impugnação (se houver)
27/07 a 09/08/2022 - 10h
Prazo para apresentação de recursos contra o resultado preliminar
27 do primeiro dia até às
06/04 a 10/04/2022 - 10h da prova objetiva
17h do último dia
4 Período de solicitação de isenção do valor de inscrição do primeiro dia até às 23h
do último dia Divulgação do resultado de recursos contra o resultado preliminar
28 16/08/2022
da prova objetiva
06/04 a 10/04/2022 - 10h
29 Divulgação do resultado definitivo da prova objetiva 16/08/2022
5 Período para upload da documentação de isenção do primeiro dia até às 23h
do último dia Divulgação da convocação - Avaliação Biopsicossocial - PcD e
30 16/08/2022
Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial
6 Divulgação da relação de isentos do valor de inscrição 18/04/2022
Realização - Avaliação Biopsicossocial - PcD e Procedimento de
31 20/08/2022 e 21/08/2022
Heteroidentificação Étnico-Racial
19/04 a 20/04/2022 - 10h
Prazo para apresentação de recursos contra indeferimento de
7 do primeiro dia até às 17h Divulgação do resultado preliminar da Avaliação Biopsicossocial -
pedidos de isenção 32 22/08/2022
do último dia PcD e Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial

Divulgação do resultado da análise dos recursos contra Prazo para apresentação de recursos contra o resultado preliminar 23/08 a 24/08/2022 - 10h
8 25/04/2022 33 da Avaliação Biopsicossocial - PcD e Procedimento de do primeiro dia até às
indeferimento de pedidos de isenção
Heteroidentificação Étnico-Racial 17h do último dia

Divulgação do resultado definitivo da solicitação de isenção do


9 25/04/2022 Divulgação do resultado da análise de recursos contra o resultado
valor de inscrição
34 preliminar da Avaliação Biopsicossocial - PcD e Procedimento de 29/08/2022
Heteroidentificação Étnico-Racial
25/04 a 23/05 - 10h do
10 Período das inscrições primeiro dia até às 23h do Divulgação do resultado definitivo da Avaliação Biopsicossocial -
35 29/08/2022
último dia PcD e Procedimento de Heteroidentificação Étnico-Racial

36 Divulgação do Resultado Final 01/09/2022


Período para upload dos documentos e laudos médicos 25/04 a 23/05/2022 - 10h
11 (Pessoas com Deficiência-PCD, Atendimento Especial e do primeiro dia até às 23h
Hipossuficientes) do último dia

12 Data limite de pagamento das inscrições 24/05/2022


SECRETARIA DE ESTADO
DE JUSTIÇA E CIDADANIA
24/05 a 26/05/2022 - 10h
13 Período para correção de dados cadastrais no site do IBFC do primeiro dia até às 17h
do último dia
SUBSECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO GERAL
COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO
Divulgação preliminar das inscrições deferidas (Ampla RESULTADO DE JULGAMENTO
14 Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, 08/06/2022 PREGÃO ELETRÔNICO N° 06/2022
Atendimento Especial e Hipossuficientes) Processo: 00400-00025492/2021-01. O pregoeiro e sua equipe de apoio tornam público o
resultado de julgamento do pregão eletrônico em referência. Empresa vencedora:
Prazo para apresentação de recursos contra indeferimento das 09/06 a 10/06/2022 - 10h 14.379.830/0001-86 - L. FERNANDO MAZZA CURSOS E TREINAMENTO para o
15 inscrições (Ampla Concorrência-AC, Pessoas com Deficiência- do primeiro dia até às 17h item 1, no valor unitário de R$ 11.500,00 (onze mil e quinhentos reais), e
PCD, Negros, Atendimento Especial e Hipossuficientes) do último dia 015.788.781/0001-06 - PRAXIS PESQUISA DESENVOLVIMENTO E EDUCAÇÃO
LTDA para os itens 2 e 3, nos valores unitários de R$ 58.000,00 (cinquenta e oito mil
reais) e R$ 7.982,43 (sete mil novecentos e oitenta e dois reais e quarenta e três centavos),
Divulgação do resultado da análise dos recursos contra respectivamente. Valor total da licitação: R$ 644.290,00 (seiscentos e quarenta e quatro
indeferimento das inscrições (Ampla Concorrência-AC, mil duzentos e noventa reais).
16 17/06/2022
Pessoas com Deficiência-PCD, Negros, Atendimento Especial Brasília/DF, 24 de março de 2022
e Hipossuficientes) PERCIVAL BISPO BIZERRA
Pregoeiro

Documento assinado digitalmente, original em https://www.dodf.df.gov.br

Você também pode gostar