Você está na página 1de 2

1

GCI030 – HIDRÁULICA GERAL

CONDUTOS LIVRES

ESCOAMENTO PERMANENTE E UNIFORME

1 – Projetar um canal de seção retangular com I = 0,002 m/m para aduzir uma vazão
de 5 m3/s de água, que será construído em concreto com acabamento liso. Observar
que a máxima velocidade tolerada é de 2 m/s.

2 – Um canal retangular de 5,5 m de largura de 1,22 de altura de água tem uma


declividade de fundo igual a 1/1000 m/m e é revestido com pedras retangulares.
Determine de quanto pode ser aumentada a sua vazão alterando apenas as
dimensões sem, entretanto, alterar a forma retangular e o volume de escavação.

3 – A – Um levantamento na canalização retangular antiga do córrego Jataí revelou


uma seção de b = 2,8 m e H = 2,30 m, considerando a lâmina máxima = 0,9 H,
determine a capacidade de vazão da galeria de concreto com acabamento ordinário
(η = 0,014), se a declividade é de 1,2%.
B – Determine qual deverá ser a base da nova galeria se for mantida a altura,
para a vazão de projeto de 66 m3/s.

4 – Dimensionar um conduto circular de concreto para canalizar um córrego cujo


perfil é mostrado abaixo. Sabe-se que para as condições da figura a lâmina de água
no conduto circular não deve ultrapassar a 0,6 x D, em condições de escoamento
permanente e uniforme. Determine também a capacidade de vazão máxima do
conduto projetado.

São dados:
 declividade longitudinal = 0,00087 m/m
 diâmetros comerciais dos tubos de concreto: 0,20 – 0,30 – 0,40 – 0,50 – 0,60 –
0,80 – 1,00 – 1,20 – 1,30 – 1,50 m.

5 – Para um emissário de esgoto de 0,001 m/m de declividade qual deve ser o


diâmetro para que a velocidade mínima seja de 0,6 m/s e a máxima não ultrapasse a
2,5 m/s? Sabe-se que o emissário deve ser dimensionado para trabalhar, no
2

máximo, com ¾ de seção, a vazão mínima é de 0,3 m3/s e a máxima 0,76 m3/s (n =
0,013).

6 – Um canal aberto será construído para ser emissário. A velocidade mínima deve
ser de 0,8 m/s. Escolher dentre as formas retangular e trapezoidal, qual a que terá
menor área de revestimento. Observações:
- canal trapezoidal deve ter a mesma altura do retangular;
- vazão de projeto Q = 500 l/s;
- declividade I = 0,001 m/m;
- revestimento concreto η = 0,013.

7 – Um trecho de um interceptor deve escoar, no final do plano a vazão de 86,8 l/s.


sendo 30,5 l/s a vazão média atual tendo em vista a ligação a ele de coletores de
esgoto das vias públicas, resultou para esse trecho a declividade de 0,015 m/m (n =
0,013). Determinar:
- o diâmetro do trecho para o escoamento no máximo a 2/3 da seção;
- a lâmina atual e a respectiva velocidade de escoamento.

8 – Uma galeria de águas pluviais é composta por três canalizações de concreto de


1,50 m de diâmetro e declividade de 0,002 m/m. Em um determinado local da galeria
deságua em uma caixa de passagem. A jusante desta caixa será construído um
canal trapezoidal, com as paredes e fundo em alvenaria de pedras retangulares e
declividade de 0,0035 m/m, para dar escoamento às águas que provem das três
galerias. Dimensione o canal trapezoidal de tal forma que a profundidade seja a
mesma dos condutos circulares.

RESPOSTAS

1 – O problema admite duas soluções


10) h = 2,72 m; b = 0,92 m; 20) h = 0,46 m; b = 5,43 m

2 - ∆ Q = 0,6 m3/s.
Economia de 7,8% no revestimento.
h = 1,83 m; b = 3,66 m

3 – Q = 40,21 m3/s; b = 4,02 m

4 – Q = 0,240 m3/s; d = 0,80 m; Qmax = 0,419 m3/s.

5– d = 1,20 m; Vmin = 0,87 m/s; Vmax = 1,14 m3/s

6– Canal trapezoidal b = 0,68 m; h = 0,51m; P = 1,86 m.

7– d = 0,30 m; h0 = 0,11 m; V0 = 1,36 m/s.

8– b = 2,33 m; h = 1,425 m