Você está na página 1de 4

10/09/2020 AVA UNINOVE 10/09/2020 AVA UNINOVE

“Na antiguidade, os alunos alfabetizavam-se aprendendo a ler algo já escrito e depois


copiado. Começavam com palavras e depois passavam para textos famosos, que eram

Métodos de alfabetização estudados exaustivamente. Finalmente, passavam a escrever seus próprios textos. O
trabalho de leitura e cópia era o segredo da alfabetização”. 
COMPREENDER O CONCEITO DE ALFABETIZAÇÃO; CONHECER OS MÉTODOS SINTÉTICOS E MÉTODOS (CAGLIARI, 1998, P. 15)
ANALÍTICOS DE ALFABETIZAÇÃO; REFLETIR SOBRE A APLICAÇÃO DESSES MÉTODOS NO PROCESSO DE
ENSINO-APRENDIZAGEM DA ESCRITA NOS INICIAIS.

“A palavra método tem sua origem no grego méthodos e diz respeito a caminho para
AUTOR(A): PROF. FLAVIA RENATA ALVES DA SILVA
chegar a um objetivo. Num sentido mais geral, refere-se a modo de agir, maneira de

AUTOR(A): PROF. NADIA CONCEICAO LAURITI proceder, meio; em sentido mais específico, refere-se a planejamento de uma série de
operações que se devem efetivar, prevendo inclusive erros estáveis, para se chegar a
ALFABETIZAÇÃO E SEUS MÉTODOS determinado fim”. 
          Vamos iniciar nossa conversa refletindo sobre o conceito de alfabetização? Ao pé da letra, a palavra (CORREA E SALCH, 2007, P. 10)

“alfabetização” significa a ação de alfabetizar, ou seja, a ação de conduzir o sujeito à apropriação do


alfabeto (um conjunto de letras dispostas em ordem estabelecida de modo convencional) para uso na
alfabetizá-lo, é comum sua preocupação em como fazer isso, que método (ou métodos) adotar a fim de
comunicação escrita. Essa apropriação do sistema de escrita não significa apenas memorizar as letras do
desenvolver o processo de alfabetização de modo eficaz.
alfabeto, mas desenvolver uma competência linguística necessária no indivíduo para ler e interpretar os
         Vale ressaltar que os métodos são importantes, mas não existe uma receita milagrosa para o trabalho
diferentes textos com os quais de para em seu cotidiano. Val (2006, p. 19) define alfabetização como
de desenvolvimento da competência leitura e escritora dos alunos. Isso porque cada criança, por seu única,

pode não aprender de forma igual ou semelhante às outras. E por essa razão que não se deve classificar um

“o processo específico e indispensável de apropriação do sistema de escrita, a conquista método como melhor ou pior do que outro, e sim adotar o método que funcione bem com essa ou aquela

dos princípios alfabético e ortográfico que possibilitem ao aluno ler e escrever com criança. Além disso, não basta ter conhecimento teórico acerca dos diferentes métodos de alfabetização, é

autonomia. Noutras palavras, alfabetização diz respeito à compreensão e ao domínio do preciso acompanhar, diariamente, os resultados do trabalho desenvolvido com os alunos, analisar e, quando

chamado “código” escrito, que se organiza em torno de relações entre a pauta sonora da necessário, refazer planejamentos e tomar decisões, como alerta Carvalho:

fala e as letras (e ouras convenções) usadas para representá-la, a pauta, na escrita”.


(VAL, 2006, P. 19)
“Para a professora, seja qual for o método escolhido, o conhecimento das suas bases
teóricas é condição essencial, importantíssima, mas não suficiente. A boa aplicação
           Nesse sentido, considera-se alfabetizado o indivíduo que detém o domínio de habilidades linguísticas técnica de um método exige prática, tempo e atenção para observar as reações das
básicas na modalidade escrita da língua para a vida em sociedade. Para desenvolver esse domínio nos crianças, registrar os resultados, ver o que acontece no dia-a-dia e procurar soluções para
alunos, o professor dos anos iniciais precisa recorrer a algum método de alfabetização, conforme veremos a os problemas dos alunos que não acompanham”. 
seguir. (CARVALHO, 2008, P. 46)

MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO

          Após a invenção da escrita, o homem sentiu a necessidade de transmiti-la de geração a geração, o que
            Os métodos de alfabetização, há muito tempo colocados em prática nas escolas brasileiras, se
o levou a buscar algum “método” que levasse as pessoas a de fato decifrarem aquilo que estava escrito. Na
dividem em métodos sintéticos e métodos analíticos(ou globais). Vamos conhecê-los?
antiguidade, existia apenas um método: o da cópia de textos consagrados, conforme pontua Cagliari:
Mas, afinal, o que significa a palavra “método”? De acordo com Correa e Salch,

          Assim, se o objetivo do professor é desenvolver a competência leitora e escritora do aluno, ou seja,

https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 1/11 https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 2/11


10/09/2020 AVA UNINOVE 10/09/2020 AVA UNINOVE

letras (vai, viu, vou) seguidas de onze palavras contendo as sílabas estudadas ou “memorizadas”. Por fim,

conclui-se cada lição com algumas frases sem ligação entre si, escritas sem a maiúscula na palavra inicial e

sem pontuação: “vovó viu a ave”, “a ave vive e voa”, “vovô vê o ovo” e outras superficiais como essas.
       As lições seguem a seguinte ordem: no início são apresentadas as vogais, depois os ditongos, seguidos

das sílabas constituídas das letras v, p, b, f, d, t, l, j, m, n. No final da cartilha, são mostradas as ditas

“dificuldades ortográficas” bem como os dígrafos, as sílabas travadas (terminadas por consoantes) e as
letras g, c, z, s, e x.

     

1.3. MÉTODO FÔNICO

          O método fônico de alfabetização consiste em o professor ensinar o aluno a identificar e produzir os
sons representados pelas letras. Neste caso, ao invés de ensinar utilizando os nomes das letras, pois cairia

no método da soletração, ensina-se pelos sons. Ou seja, não se diz EFE, EME, por exemplo, e sim [fê], [mê]

[lê] e assim por diante.


 

Atenção! Ouça a música ABC do Sertão, de Luiz Gonzaga, disponível em https://www.youtube.com/watch?

v=6CSTAaVREtg. Nela, o poeta mostra bem como se alfabetiza (ou pelo se alfabetizava) na região nordeste

Legenda: TAG: SALA DE AULA, CARTEIRAS ENFILEIRADAS, ALUNOS FAZENDO PROVA do país: pelo método fônico.

 
1. MÉTODOS SINTÉTICOS DE ALFABETIZAÇÃO           O Método da Abelhinha é fônico, pois ao se trabalhar com a personagem abelhinha, cujo corpo tem de
          Os métodos sintéticos de alfabetização consistem em o professor trabalhar as unidades menores da forma de um a (em letra cursiva), apresenta-se o som /aaaaaaa/ de forma prolongada para facilitar o
língua, partindo da parte para o todo, ou seja, das letras, sílabas até chegar às palavras e textos. Trata-se de reconhecimento da vogal “A”. O tronco de um índio representa a letra “I” e assim por diante. A alfabetização
métodos cujo objetivo central é alfabetizar o aluno a partir da decodificação dos sons que as letras se dá, portanto, pela associação entre o desenho do personagem, a forma da letra e som (fonema).
representam, desenvolvendo, assim, sua consciência fonológica. São considerados métodos sintéticos:           Outro método que também é fônico é o método da Casinha Feliz, que consiste em o professor utilizar
soletração, silabação e método fônico. Vamos conhecer um pouco de cada um deles? o jogo, a dramatização, para desenvolver a aprendizagem do código escrito. O objetivo desse método é
  associar o formato da letra a um personagem que represente determinado som da língua.
1.1. MÉTODO DA SOLETRAÇÃO           Durante  muito tempo presentes nas escolas brasileiras, os métodos sintéticos são considerados os
        Soletrar significa dizer os nomes das letras como, por exemplo, EFE, ELE, EME, ENE, ERRE e daí por métodos tradicionais de alfabetização. Para colocá-los em prática, os professores recorriam às conhecidas
diante, depois juntá-las formando sílabas e, por conseguinte, palavras. cartilhas como material didático indispensável ao processo de aprendizagem da leitura e da escrita.
        O método da soletração, cujo objetivo central é ensinar a combinação de letras e sons, parte de
unidades menores – as letras – que, quando se juntam, representam sons – as sílabas – as quais, por sua

vez, formam palavras. Exemplo: C com A, CA; M com E, ME; L com O, LO = CAMELO.

        Trata-se de um método que tem como base a associação entre estímulos visuais e auditivos, pois ao
nome da letra associa-se a forma visual. Quanto às sílabas, estas são aprendidas de cor, e as palavras que

com elas são formadas são descontextualizadas.

 
1.2. MÉTODO DA SILABAÇÃO

          O método da silabação, como o nome já diz, tem como objetivo central tornar o aluno alfabetizado

tendo como foco o trabalho com as sílabas. A Cartilha da Infância (Thomaz Galhardo, 1939) ilustra bem esse

método, pois depois de mostrar as vogais e os ditongos aos alunos, apresenta-lhes as sílabas (va-ve-vi-vo-
vu), que são embaralhadas nas duas linhas seguintes. Na sequência, vêm as palavras formadas por três

https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 3/11 https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 4/11


10/09/2020 AVA UNINOVE 10/09/2020 AVA UNINOVE

Legenda: TAG: ALFABETIZAçãO, APRENDIZAGEM, EMPIRISMO

2. MÉTODOS ANALÍTICOS (OU GLOBAIS)


          Os métodos analíticos consistem em o professor utilizar as unidades maiores da língua, partindo do

todo para as partes, ou seja, da palavra, da sentença (frase) ou do texto e analisá-los (decompô-los) em suas
partes constituintes. São métodos analíticos: método da palavração, método da sentenciação e método do
conto.

 
2.1. MÉTODO DA PALAVRAÇÃO
                  O método da palavração consiste em o professor utilizar palavras-chave para ensinar as letras. O

objetivo desse método é analisar (decompor) as partes da palavra, ou seja, as sílabas que, depois de
combinadas entre si, formam novas palavras. Assim, se o professor selecionar a palavra TIJOLO, ele
incialmente desmembrará essa palavra em sílabas e suas famílias silábicas, a saber:

 
TIJOLO
Legenda: TAG: CARTILHA, APENDIZAGEM, COMUNICAçãO
Sílabas: TI + JO + LO

Para desmembrar a família silábica, sugere-se embaralhar a ordem. Assim, as famílias silábicas seriam, por
exemplo:
TI - TA - TU - TE - TO

JU - JE - JI - JO - JA


LE - LA - LO - LU - LI
 

A partir dessa decomposição, formam-se novas palavras com a combinação das sílabas entre si. Exemplo:
juntando-se a sílaba TE da primeira família com a sílaba LA da terceira família, tem-se a palavra LATE, e

assim por diante.


 
O método da palavra geradora de Paulo Freire também se classifica como um método da palavração, mas

vale destacar que as palavras que o Patrono da Educação Brasileira selecionava para gerar outras palavras
pertenciam ao universo vocabular dos aprendizes, no caso, os adultos analfabetos, o que tornava o processo
de ensino-aprendizagem da língua muito mais significativo.

 
2.2. MÉTODO DA SENTENCIAÇÃO
          O método da sentenciação consiste em o professor iniciar o ensino da língua nos anos iniciais a partir

de frases sugeridas pelos próprios alunos. Essas frases são desmembradas em palavras, as palavras em
sílabas e estas, por sua vez, em letras.
 

2.1. MÉTODO DO CONTO


          O método do conto consiste em o professor utilizar pequenas histórias para ensinar a ler e escrever.
Como esse método é colocado em prática? O educador apresenta aos alunos a história completa, realizando

uma espécie de pré-leitura e, em seguida, passa ao reconhecimento das palavras, depois das sílabas que

https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 5/11 https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 6/11


10/09/2020 AVA UNINOVE

formam as palavras e, por fim, a formação de novas palavras a partir das sílabas que foram desmembradas.
          Chegamos ao final deste tópico e imagino que você deva estar se perguntando: qual é o método mais
eficaz para alfabetizar os aprendizes? A resposta é: conheça bem seus alunos e tome a decisão de que

método (ou métodos) adotar para desenvolver neles uma aprendizagem significativa da leitura e escrita nos
anos iniciais destinados à alfabetização. Se você adotar um dos métodos estudados nesta aula, mas não
obtiver os resultados almejados, você poderá misturar um método analítico com um sintético, por exemplo,

e acompanhar os resultados. Se forem positivos, estará no caminho certo.

Legenda: TAG: ESTáGIO, ALFABETIZAçãO, PROPOSTAS

ATIVIDADE

Julgue as afirmativas que seguem a respeito dos métodos tradicionais


de alfabetização e, depois, assinale a alternativa CORRETA.
I. O educador que adota o método sintético insiste em trabalhar
atividades que estabeleçam a correspondência entre o oral e o escrito,
entre o som e a letra.
II. O professor que coloca em prática o método sintético propõe aos
alunos atividades cujo objetivo é estabelecer a correspondência a partir
de elementos mínimos, em um processo que consiste em ir do todo para

https://ava.uninove.br/seu/AVA/topico/container_impressao.php 7/11

Você também pode gostar