Você está na página 1de 8

ÍNDICE

TÍTULO: AMOR DECLARADO E PROVADO


TEMA:

INTRODUÇÃO:
COMO SUPERAR A REALIDADE DA INSEGURANÇA NO TEMPO PRESENTE

I. PARA TER SEGURANÇA VOCÊ PRECISA CONHECER O DEUS DAS ESCRI-


TURAS
II. PARA TER SEGURANÇA VOCÊ PRECISA CONHECER O ALCANCE DO
AMOR DE DEUS
III. PARA TER SEGURANÇA VOCÊ PRECISA EXPERIMENTAR O AMOR DE
DEUS
CONSIDERAÇÕES FINAIS
APLICAÇÃO

LITURGIA DO CULTO DOMINICAL NOTURNO


Música introdutória: _ Ousado amor
Leitura bíblica invocação e contrição _
Oração individual silenciosa
Oração comunitária _
Leitura bíblica adoração e louvor _
Oração de adoração e dedicação _
Cânticos de adoração _
Leitura bíblica dedicação e louvor _
Hino de dedicação _
Oração de gratidão _
Cânticos de louvor _
Mensagem _ Rev. Marthon Mendes
A SEGURANÇA DA SALVAÇÃO (Rm 8)
Cântico de encerramento _ Ousado amor
Oração final e bênção _ Rev. Marthon Mendes
UM AMOR DECLARADO E PROVADO

1
A
Rm 8.31-39
Não há dúvidas de que as pessoas se sentem inseguras. E 31
Que diremos, pois, à vista
esta sensação de insegurança pode ser real ou não, mas o destas coisas? Se Deus é por
fato é que há diversas razões para este sentimento e tam- nós, quem será contra nós?
bém diversas formas desta insegurança se manifestar. Neste
32
Aquele que não poupou o
seu próprio Filho, antes, por
tempo de mudanças repentinas há muitas pessoas que se todos nós o entregou, porven-
sentem inseguras quanto ao seu emprego. O mercado de tura, não nos dará graciosa-
mente com ele todas as coi-
trabalho muda muito rapidamente, e profissões vão sim- sas?
plesmente deixando de existir à medida em que o tempo vai 33
Quem intentará acusação
passando e o mercado de trabalho vai evoluindo. contra os eleitos de Deus? É
Deus quem os justifica.
Também existe uma grande insegurança nos relaciona- 34
Quem os condenará? É
mentos, coisa que não existia há algumas décadas atrás, Cristo Jesus quem morreu ou,
porque as pessoas tinham a pretensão de conhecer alguém antes, quem ressuscitou, o
qual está à direita de Deus e
a com quem conviveriam até que a morte separasse. Atual- também intercede por nós.
mente simples desajustes de agenda ou interesses profissio- 35
Quem nos separará do amor
nais conflitantes já colocam fim a um casamento. E por que de Cristo? Será tribulação, ou
angústia, ou perseguição, ou
não mencionar a insegurança política, econômica, sanitária,
fome, ou nudez, ou perigo, ou
patrimonial ou pessoal? Estamos cada dia mais trancados espada?
em casa, cada dia mais reféns do medo de sair em determi- 36
Como está escrito: Por
nados horários ou ir a determinados lugares - e já há muitos amor de ti, somos entregues à
morte o dia todo, fomos consi-
lugares onde nem mesmo as forças da lei conseguem ou po- derados como ovelhas para o
dem entrar. Outro tipo de insegurança mais comum é a pa- matadouro.
rental, onde filhos não se sentem mais seguros e protegidos
37
Em todas estas coisas, po-
rém, somos mais que vence-
por seus pais - e o pior é que a cada dia mais e mais ‘pais’ dores, por meio daquele que
são absolutamente incapazes de cuidar e proteger seus fi- nos amou.
lhos, já que não conseguem cuidar nem de si mesmos. 38
Porque eu estou bem certo
de que nem a morte, nem a
Vamos falar de religião? Parece que as coisas não estão vida, nem os anjos, nem os
muito melhores nesta área. Ao lado de pessoas que tem principados, nem as coisas
do presente, nem do porvir,
medo do que encontrarão após a morte há pregadores que nem os poderes,
distorcem a única mensagem que pode trazer segurança e 39
nem a altura, nem a profun-
paz ao coração dos homens ameaçando-os com um deus didade, nem qualquer outra
que muda de idéia a cada segundo, cujo humor depende criatura poderá separar-nos
do amor de Deus, que está em
das ações dos homens, dizendo que deus salva e depois re- Cristo Jesus, nosso Senhor.
jeita aqueles que ele salvou porque não agiram como ele
esperava e então ele se vinga ‘des-salvando’. Um deus pe-
queno e mesquinho demais para ser Senhor do universo.
Mas o que a bíblia nos diz a respeito deste assunto?
PARA TER SEGURANÇA VOCÊ PRECISA
31
Que diremos, pois, à vista
destas coisas? Se Deus é por
CONHECER O DEUS DAS ESCRITURAS nós, quem será contra nós? 32
Aquele que não poupou o seu
Porque as pessoas estão tão inseguras? Porque não co- próprio Filho, antes, por todos
nhecem nenhuma base realmente sólida para descansarem, nós o entregou, porventura,
não nos dará graciosamente
para colocarem sua vida e confiarem. Seus alicerces estão
com ele todas as coisas?
colocados algo menos sólido que um charco de areia move-
diça. Há alguns séculos a humanidade começou a, cada vez Rm 5:8 Mas Deus prova o seu próprio
amor para conosco pelo fato de ter
mais, colocar sua confiança em duas propostas: a razão e a Cristo morrido por nós, sendo nós ain-
ciência. Isto parecia um avanço sobre o que chamavam de da pecadores.

‘obscuridade da religião’, de atraso e misticismo. Rm 5:6 Porque Cristo, quando nós


ainda éramos fracos, morreu a seu
Qual o resultado desta migração? Acaso alguém conse- tempo pelos ímpios.
guiu encontrar respostas racionais para todas as dúvidas e Ef 2:1 Ele vos deu vida, estando vós
mortos nos vossos delitos e pecados,
questionamentos humanos? Para onde o racionalismo le-
Jo 3:16 Porque Deus amou ao mundo
vou? Quantas filosofias diferentes, divergentes e antagôni- de tal maneira que deu o seu Filho uni-
cas surgiram deixando o homem perdido num vazio existen- gênito, para que todo o que nele crê
não pereça, mas tenha a vida eterna.
cialista sem direção. Tudo o que o homem sabe hoje é que
ele existe. E para que? Qual o propósito da existência? Não
há resposta na razão.
Ao lado disso, a ciência com todos os seus avanços sem
dúvida proporcionou muitas melhoras na qualidade de vida
e ao mesmo tempo também foi a causa de muitas mortes. O
homem, a joia da criação, se tornou apenas um acaso den-
tre os muitos descendentes de simples bactérias ou ratos ou
parentes simiescos, e por isso pode ser tratado como qual-
quer rato em laboratório, como uma simples cobaia porque
nada mais é que um animal evoluído.
Mas a bíblia afirma que não é assim que as coisas real-
mente são. Ela afirma a existência de um Deus pessoal, com
identidade, vontade, propósito. O Deus que governa todas
as coisas e se importa profundamente com o bem estar de
suas criaturas que se rebelaram contra Ele e caíram em pe-
cado e estão condenadas à morte eterna. Somos apresenta-
dos a algo que a ciência ou a razão são incapazes de alcan-
çar - e também de contraditar: somos apresentados ao Deus
eterno e gracioso, o Deus criador e preservador, o Deus
amoroso que provou seu amor por suas criaturas ao dar seu
único filho, Jesus Cristo, para morrer por elas numa cruz
(Rm 5.8). Ele faz isso por pessoas incapazes e que agiam co-
mo seus inimigos (Rm 5.6), incapazes de pedir (Ef 2.1) e in- PERGUNTA PARA MEDITAÇÃO
É possível encontrar segurança
capazes de retribuir porque ele simplesmente não precisa num ambiente onde tudo é duvi-
de ninguém para continuar sendo o que é, mas, por amor, doso é mutável e numa divindade
que não tem firmeza em sua pa-
deu seu filho para salvar os que nele cressem (Jo 3.16). lavra?
PARA TER SEGURANÇA VOCÊ PRECISA
35
Quem nos separará do amor
de Cristo? Será tribulação, ou
CONHECER O ALCANCE DO AMOR DE DEUS angústia, ou perseguição, ou
fome, ou nudez, ou perigo, ou
O que é o amor? Para nossa geração que está acostuma- espada?
da com enredos românticos e novelescos, o amor é pouco 36
Como está escrito: Por amor
mais que uma atração momentânea, circunstancial. Há pes- de ti, somos entregues à mor-
te o dia todo, fomos conside-
soas que se entregam de maneira totalmente apaixonadas rados como ovelhas para o
em nome do amor, mas a verdade é que é cada vez mais co- matadouro.
mum vermos pessoas fazendo declarações de amor eterno 37
Em todas estas coisas, po-
rém, somos mais que vence-
poucos dias depois de se conhecerem e, uns poucos dias dores, por meio daquele que
mais, afirmarem que o amor acabou. nos amou.
Também consideramos como especiais pessoas capazes agapaw agapao. agaph agape
de atitudes altruístas, que beneficiam as pessoas e nada re- Amor fraterno, amor de irmão, afei-
ção, boa vontade, benevolência. Rece-
cebem em troca, pelo menos por parte destas pessoas - sem ber com alegria, acolher, gostar muito
dúvida que esse amor sacrificial, abnegado, é cada vez mais de, amar ternamente, estar satisfeito,
estar contente sobre ou com as coisas.
raro e ao mesmo tempo não consegue ser totalmente
Cl 2:13 E a vós outros, que estáveis
abrangente. Não alcança todos, não alcança todos os luga- mortos pelas vossas transgressões e
res, nem supre todas as necessidades dos alvos desta abne- pela incircuncisão da vossa carne, vos
deu vida juntamente com ele, perdoan-
gação sacrificial e quando esta pessoa se vai, as necessida- do todos os nossos delitos;
des continuam porque o amor de pessoas não é permanen- Lc 19:10 Porque o Filho do Homem veio
te, por mais que queira que seja assim. buscar e salvar o perdido.
Pv 1:33 Mas o que me der ouvidos habi-
Mas a bíblia, no entanto, fala de um amor para o qual não tará seguro, tranqüilo e sem temor do
há barreiras, um amor que não está sujeito a intempéries, mal.

mudanças de humor, barreiras físicas ou quaisquer tipo de Sl 49:7 Ao irmão, verdadeiramente,


ninguém o pode remir, nem pagar por
circunstâncias: o amor de Deus por suas criaturas caídas. O ele a Deus o seu resgate 8 (pois a re-
amor resgatador de Deus que vence até mesmo a morte, denção da alma deles é caríssima, e
cessará a tentativa para sempre).
porque o alvo de seu amor estava morto em delitos e peca-
eneka heneka, eneken heneken
dos (Cl 2.13). É um amor que vence a distância mais intrans-
wineken heineken
ponível, porque foi capaz de buscar o que estava perdido (Lc A fim de que, por causa de, para, por
esta causa, consequentemente.
19.10). É um amor que vence a perseguição porque oferece
1Jo 5:4 ...porque todo o que é nascido
abrigo seguro a quem nele se refugia (Pv 1.33). É um amor de Deus vence o mundo; e esta é a vi-
de valor infinito porque resgata o pecador apesar do preço tória que vence o mundo: a nossa fé.
ser demais para ser tentado por qualquer pessoa (Sl 49.7-8). u)pernikaw hupernikao
Ser mais que vencedor, alcançar uma
Este amor é o amor que vence. Cristo não é um pobre e vitória inigualável, insuperável.
esquálido pregado em uma cruz de braços abertos esperan-
do inutilmente seu amor. A morte de Cristo não foi uma
simples demonstração de amor sacrificial, mas um sacrifício
que obtém vitória completa sobre a morte. A cruz foi o patí-
bulo e o estrado pelo qual ele ascendeu ao trono. Cristo
venceu, e por seu amor, todos aqueles que nele creem são PERGUNTA PARA MEDITAÇÃO
Você já se sentiu ‘não amado’.
vencedores sobre todos os poderes e circunstâncias do Se o amor de Deus tem alcance
mundo (1Jo 5.4). Cristo venceu a morte, seu amor é vitorio- ilimitado, onde você acha que
pode estar o problema de cone-
so e nos traz a segurança de nos fazer mais que vencedores. xão com este amor?
PARA TER SEGURANÇA VOCÊ PRECISA
38
Porque eu estou bem certo
de que nem a morte, nem a
EXPERIMENTAR O AMOR DE DEUS vida, nem os anjos, nem os
principados, nem as coisas do
Existe alguma coisa sobre a qual você pode dizer que tem presente, nem do porvir, nem
inteira certeza? Há algo de que você possa dizer: eu estou os poderes,
bem certo, como Paulo faz aqui no verso 38? Você tem cer-
39
nem a altura, nem a profun-
didade, nem qualquer outra
teza de que terminará o dia empregado amanhã? Ou por criatura poderá separar-nos
quanto tempo ainda contará com o carinho de sua família? do amor de Deus, que está em
Continuará amando quem diz amar hoje, ou quem diz que Cristo Jesus, nosso Senhor.

te ama continuará dizendo a mesma coisa? Ou tem certeza peiqw peitho


Persuadido, induzido a crer, favoreci-
de que não adoecerá? Tem certeza de ser capaz de cumprir
do, agraciado, tranquilizado, com ra-
as promessas que fez, de realizar os planos que elaborou ou zões para crer, inteiramente confian-
te.
alcançar as metas que estabeleceu? A verdade é que você
não tem certeza. Você sabe perfeitamente que não, não sa- 2Tm 1:12 ...e, por isso, estou sofren-
do estas coisas; todavia, não me enver-
be sequer se estará vivo quando o novo amanhecer chegar. gonho, porque sei em quem tenho crido
e estou certo de que ele é poderoso
Mas há algo de que você pode ter absoluta certeza. Se para guardar o meu depósito até aque-
você experimentar o amor de Deus você poderá ter a mes- le Dia.

ma certeza que o apóstolo Paulo afirmava ter. Ele sabia que Jo 10:28 Eu lhes dou a vida eterna;
jamais perecerão, e ninguém as arre-
o Senhor era e é fiel, e guardará você em segurança até o batará da minha mão.
dia final (2Tm 1.12), o dia em que ele voltará para buscar os Tt 1:2 ...na esperança da vida eterna
que lhe pertencem, resgatar a sua herança. Até este dia che- que o Deus que não pode mentir pro-
meteu antes dos tempos eternos
gar saiba que o mundo continuará sendo inseguro. Ainda
Tg 1:17 Toda boa dádiva e todo dom
haverá todo tipo de circunstâncias com as quais o crente perfeito são lá do alto, descendo do
tem que lidar, mas agora com uma certeza: não há nada que Pai das luzes, em quem não pode exis-
tir variação ou sombra de mudança.
tenha sido feito ou que seja possível fazer capaz de tirar
Is 53:11 Ele verá o fruto do penoso
aquele que crê no Senhor Jesus das suas mãos (Jo 10.28). trabalho de sua alma e ficará satisfei-
to; o meu Servo, o Justo, com o seu
Esta é uma promessa daquele que não mente (Tt 1.2) conhecimento, justificará a muitos,
nem muda de idéia (Tg 1.17). Esta é a promessa que o Se- porque as iniqüidades deles levará so-
bre si.
nhor fez e que ele cumprirá integralmente. Nos verso 38
Paulo diz que nem as coisas que estão por acontecer ou po-
dem passar por nossa mente, qualquer coisa, tem poder ou
força suficiente para afastar alguém de Deus por causa do
seu amor manifestado em Cristo Jesus, um amor tão mara-
vilhoso que Ele nos deu a Cristo como dádiva, como recom-
pensa pelo penoso trabalho de sua alma na cruz (Is 53.11).
Aquele que crê em Jesus é salvo porque pertence a Cris-
to, porque o Pai o deu a Cristo, e da mão de Cristo ninguém
é capaz de tomar, nem mesmo o poder de satanás é capaz
de tirar alguém das mãos do Senhor e salvador Jesus Cristo.
PERGUNTA PARA MEDITAÇÃO
É por isso que o crente pode viver confiante: porque, embo- Existem coisas que fazem bem
ra ele se conheça e saiba o quanto é falho (e por si mesmo aos olhos, mas outras que preci-
sam ser interiorizadas. Você
estaria perdido), ele conhece o Salvador e sabe que ele não consegue sentir o amor de Deus
sendo derramado sobre você
falha, nunca falhou nem falhará jamais. mesmo sem você merecer?
CONSIDERAÇÕES FINAIS OBS. Esta era também pode ser definida
como a era pós-histórica baseada na tese
A história da humanidade já foi dividida em diversas eras, de fim da história esposado por Fukuya-
e esta que vivemos é tão difícil de ser definida que tem sido ma, e cuja principal característica é afir-
chamada de “era fluida”. Filósofos e estudiosos das ciências mar que os fatos não importam, o que
importa é como eles são percebidos e
humanas dizem que não há mais história, mas apenas narra- narrados. Com o decorrer do tempo são
tivas. George Orwell, em seu livro 1984, mostra um quadro as narrativas, e não os fatos, que impul-
de totalitarismo onde a verdade era desnecessária e substi- sionam o desenrolar dos acontecimentos
futuros.
tuída por uma narrativa dominante e inquestionável num
Ef 3:19 ...e conhecer o amor de Cris-
ambiente de absoluta insegurança pois a mentira nunca tra- to, que excede todo entendimento,
rá segurança. E você deseja viver em segurança. Por isso co- para que sejais tomados de toda a ple-
nitude de Deus.
loca bons pneus no carro, verifica os freios, coloca grades,
MÚSICA: OUSADO AMOR
câmeras, alarmes e cães em casa - para ao menos se sentir
seguro. Mas, para ter segurança quanto ao que há de mais APLICAÇÃO
essencial, o destino eterno de sua alma, você precisa: Você não pode ter segurança
I. CONHECER O DEUS DAS ESCRITURAS se não tiver um lugar seguro pa-
ra colocar os seus pés. Jesus ad-
Viver sem Deus no mundo é viver com vãs filosofias, ado- verte que você nunca estará se-
rando o ídolo da ciência mutável e curvando-se no altar da guro se sua vida não estiver edifi-
razão cada vez mais irracional, arbitrária e totalitária. Você cada sobre algo que não pode
precisa conhecer o Deus imutável e totalmente suficiente ser movido. Você conhece a rea-
lidade dos asiáticos e os constan-
revelado nas Escrituras como aquele que ama e se sacrifica
tes terremotos que enfrentam
para salvar o pecador. porque a região onde moram
II. CONHECER O ALCANCE DO AMOR DE DEUS não lhes oferece estabilidade e
para isso eles precisam inventar
O amor de Deus não mede distância, supera todos os diversos subterfúgios para mini-
obstáculos, vence todas as circunstâncias, é maior do que mizar os prejuízos.
todos os poderes naturais ou espirituais. E tudo isto para Se você quiser ter segurança
alcançar você, por mais pecador que você seja, por mais você precisa ter sua vida consoli-
longe que você tenha ido em seu caminho de rebelião. dada sobre uma base estável,
imutável, por mais que o tempo
III. EXPERIMENTAR O AMOR DE DEUS passe e as circunstancias cultu-
Você precisa mais do que saber sobre o amor de Deus - rais, políticas e econômicas mu-
você só entenderá o amor de Deus em Cristo Jesus, que ex- dem. Só em Cristo você tem se-
gurança, só com sua vida inteira-
cede todo o entendimento, se o experimentar. Amor não é
mente alicerçada na rocha dos
teoria, não é descrição, é experiência, é vida! Você pode ou- séculos, na rocha eterna, em
vir todos os dias sobre o Deus amoroso e mesmo assim não Cristo Jesus e em sua palavra há
ser salvo se não estiver em Cristo, se não amá-lo e confiar segurança. Você só vai encontrar
inteiramente nele, e só estando nele saberá o que é sentir- segurança em Cristo e em nin-
guém mais, nem em lugar algum.
se seguro, inteiramente seguro, nos braços do Pai.
1. Quais as duas palavras mais importantes do texto para você (palavras chaves).
Palavra 1: Palavra 2
1. O que cada uma delas significa em sua vida.
Palavra 1:
Palavra 2
1. Reescreva o versículo com suas próprias palavras.

1. Como você pode aplicar o ensino deste texto em sua vida?

Você também pode gostar