TUTORIAL LIINUX

Sumário 1- Intodução_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _
1. 1 Linux_ _ 1.1.1 Caracteristicas

você não precisa pagar nada para usar o Linux. o sistema agora tem colaboração de grandes empresas.02. versão 0. O Linux Criado pele finlandês Linus Torvalds.Introdução O objetivo principal deste documento é servir como referência de aprendizado e guia de consulta. ►Convive sem nenhum tipo de conflito com outros sistemas operacionais no mesmo computador. Em outubro de 1991 Torvalds anunciou a primeira versão “oficial” do núcleo Linux. hackers e contribuidores espalhados ao redor do mundo. do Departamento de Ciências da Computação da Universidade de Helsink na Finlândia. ►Multitarefa real (característica dos sistemas operativos que permite repartir a utilização do . e não é crime fazer cópias para instalar em outros computadores.1. A principio desenvolvido e utilizado por grupos de entusiastas em computadores pessoais. O Linux é um sistema Operacional de código aberto distribuído gratuitamente pela Internet. operação e configuração de sistemas LINUX. com o objetivo de contribuir para melhoria e crescimento deste sistema operacional. Características ►Livre e desenvolvido voluntariamente por programadores experientes.

►Acessa corretamente discos formatados pelo DOS. onde o Linux se destaca como plataforma preferida para execução de múltiplos sistemas operacionais com performace e segurança. Fiber Channel. failover. ►Suporte a mais de 63 consoles (terminais virtuais). OSPF. e etc. ►O Linux não é vulnerável a vírus! Devido a separação de privilégios entre ► . DOS.). ►Proteção entre processos executados na memória RAM . ARM. os drives dos periféricos e recursos do sistema podem ser carregados e removidos completamente da memória RAM a qualquer momento. ►Conectividade com outros tipos de plataformas como Apple. acrecentar recursos úteis e melhor desempenho do sistema. Windows. ►Suporte nativo a virtualização. OS/2. O sistema roda bem em computadores 386Sx 25 com 4MB de memória RAM (sem rodar o sistema gráfico X. etc. Athlon Duo. ips alias. ►O crecimento e novas versões do sistema não provocam lentidão. Sparc. placa mãe. tanto em 32 ou 64 bits. Somente é necessário reiniciar o sistema no caso de uma instalação interna de um novo periférico. ►Modularização (somente carrega para memoria o que é usado durante o processamento. ►Suporte nativo a multiplas CPUs. ►Suporte nativo a rede e tecnologias avançadas: balanceamentos de cargas. a cada nova versão os desenvolvedores procuram buscar por maior compatibilidade. vlans. falha em algum hardware (queima do processador.processador entre varias tarefas aparentemente simultaneamente). Quad Core tem seu poder de processamento integralmente aproveitado. ►Em virtude da modularização. PATA. ►Suporte nativo a dispositivos SATA. ►Multiusuário (característica dos sistemas operativos que permite acesso simultâneo de múltiplos usuários ao computador). que é recomendado 32MB de RAM). diretórios e programas em execução na memória RAM. Alpha. Novell. Sun. ►Não há a necessidade de se reiniciar o sistema após a modificar a configuração de quaquer periférico ou parâmetros de rede. ►Suporte a nomes extensos de arquivos e diretórios (255 caracteres) . etc. ► Não precisa de um processador potente para funcionar. BGP. Core Duo. ►Utiliza permissões de acesso a arquivos. . pelo contrario. liberando totalmente a memória assim que o programa/dispositivo é finalizado). assim processadores como Dual Core. .

Raramente são necessários drivers externos. • Suporte completo e nativo a diversos dispositivos de comunicação via infravermelho. • Ponte entre Redes. a velocidade de transmisCapítulo 1. Tanto com criptografia WEB e WPA PSK • Vários tipos de firewalls avançados de alta qualidade na detecção de tráfego indesejável. • Permite a montagem de um servidor de publicação Web. • Suporte nativo a dispositivos I2C • Integração com gerenciamento de energia ACPI e APM • Dispositivos de rede Wireless. Muitos deles estavam cansados do excesso de propaganda (Marketing) e baixa qualidade de sistemas comerciais existentes . sendo muito útil para situações de manutenção em servidores de redes ou para a emulação de “múltiplos computadores”. vmware. etc. programas como vírus tornam-se inúteis pois tem sua ação limitada pelas restrições de acesso do sistema de arquivos e execução. mas o usuário que se conecta tem a impressão que a rede possui servidores diferentes.• O LINUX NÃO É VULNERÁVEL A VÍRUS! Devido a separação de privilégios entre processos e respeitadas as recomendações padrão de política de segurança e uso de contas privilegiadas (como a de root. Firewire. ou emulação como o DOSEMU. Ext3. • Suporte a dispositivos Plug-and-Play. Introdução 8 são é 10% maior. como veremos adiante). jfs) organiza os arquivos de forma inteligente evitando a fragmentação e fazendo-o um poderoso sistema para aplicações multi-usuárias exigentes e gravações intensivas. WINE. • Suporte a rede via rádio amador. usando uma boa distribuição que tenha um eficiente sistema de atualização e bem configurado. hackers. Qualquer programa (nocivo ou não) poderá alterar partes do sistema que possui permissões (será abordado como alterar permissões e tornar seu sistema mais restrito no decorrer do guia). Basta conectar e o seu dispositivo é automaticamente reconhecido. • Possui recursos para atender a mais de um endereço IP na mesma placa de rede. com um baixo custo e alta performance. USB. você terá 99. e contribuidores espalhados ao redor do mundo que tem como objetivo a contribuição para a melhoria e crescimento deste sistema operacional. Frequentemente são criados exploits que tentam se aproveitar de falhas existentes em sistemas desatualizados e usa-las para causar danos. • Roteamento estático e dinâmico de pacotes. • Executa outros sistemas operacionais como Windows. E-mail. Bluetooth. • Rede TCP/IP mais rápida que no Windows e tem sua pilha constantemente melhorada. reiserfs. O GNU/Linux tem suporte nativo a redes TCP/IP e não depende de uma camada intermediária como o WinSock. OÉ livre e desenvolvido voluntariamente por programadores experientes. dando ao administrador uma excelente ferramenta de proteção e controle de sua rede. DOS ou outro sistema Linux através de consagrados sistemas de virtualização como Xen. MacOS. xfs. O servidor WEB e FTP podem estar localizados no mesmo computador.9% de sua tranquilidade. News. dispositivos de armazenamento e cartões de memória. proxy arp • Proxy Tradicional e Transparente. QEMU. Erroneamente este tipo de ataque é classificado como vírus por pessoas mal informadas e são resolvidas com sistemas bem mantidos. Em acessos via modem a Internet. • Os sistemas de arquivos usados pelo GNU/Linux (Ext2. • Suporte nativo a pen drivers. Em geral. exceto no caso de dispositivos muito novos que não tenham o suporte ainda adicionado no sistema.

jfs) organiza os arquivos de forma inteligente evitando a fragmentação e fazendo-o um poderoso sistema para aplicações multi-usuárias exigentes e gravações intensivas. xfs. HP.• Também recebe apoio de grandes empresas como IBM. Sun. você pode ver o que o código fonte (instruções digitadadas pelo programador) faz e adapta-lo as suas necessidades ou de sua empresa. O mesmo acontece com o Sendmail. mas o usuário que se conecta tem a impressão que a rede possui servidores diferentes. etc. o Apache. • Permite a montagem de um servidor de publicação Web. etc. • Por ser um sistema operacional de código aberto. O servidor WEB e FTP podem estar localizados no mesmo computador. News. O melhor servidor Web do mercado. Ext3. E-mail. com um baixo custo e alta performance. Esta característica é uma segurança a mais para empresas sérias e outro . • Os sistemas de arquivos usados pelo GNU/Linux (Ext2. para seu desenvolvimento muito útil para situações de manutenção em servidores de redes ou para a emulação de “múltiplos computadores”. reiserfs. é distribuído gratuitamente junto com a maioria das distribuições Linux.