Você está na página 1de 4

Por favor, desligue o cirlula

Igreja em Oração
Semanário litúrgico-catequético
CNBB 17 de abril de 2022 - Ano "C" - São Lucas - Cor litúrgica: branco

Domingo da Páscoa na Ressurreição do Senhor


Missado Dia
passamos das trevas à luz. Ele nos
RITOS INICIAIS leva a compreender a plenitude da sua
vida entregue por amor. Alegremo­
Refrão Orante: -nos juntamente com toda a Igreja que
(Deforma orante, repete-se algumas vezes) celebra este dia santo e exultemos em
Alegrem-se os céus e exulte a terra: Deus, nosso Redentor.
ressuscitou Jesus Cristo!
4. BÊNÇÃO E ASPERSÃO DA ÁGUA
1. CANTO DE ABERTURA ( Utilize-se a água abefl{oada na Vigília Pascal.)
R. O Senhor ressurgiu, aleluia, aleluia! É o ( O rito substitui o Ato penitencia/)
Cordeiro Pascal, aleluia, aleluia! Imolado CP. Irmãos e irmãs em Cristo,
por nós, aleluia, aleluia! É o Cristo, o invoquemos o Senhor nosso Deus para vossa imensa glória. Senhor Jesus Cristo,
Senhor, ele vive e venceu, aleluia! que se digne nos abençoar com esta Filho Unigênito, Senhor Deus, Cordeiro
1. O Cristo, Senhor ressuscitou, a nossa água que vai ser aspergida sobre nós, de Deus, Filho de Deus Pai. Vós que
esperança realizou; vencida a morte para recordando o nosso batismo. <2.!ie ele se tirais o pecado do mundo, tende piedade
sempre, triunfa a vida eternamente! digne ajudar-nos a permanecermos fiéis de nós. Vós que tirais o pecado do mundo,
2. O Cristo remiu a seus irmãos, ao Pai ao Espírito que recebemos. (silêncio acolhei a nossa súplica. Vós que estais à
os conduziu por sua mão; no Espírito (Asperge-se o fmw) direita do Pai, tende piedade de nós. Só
Santo unida esteja a família de Deus, vós sois o Santo, só vós, o Senhor, só vós,
que é a Igreja! S. CANTO PARA ASPERSÃO o Altíssirno,Jesus Cristo, com o Espírito
3. O Cristo, nossa Páscoa, se imolou, seu R. Vi a água saindo do lado direito do Santo, na glória de Deus Pai. Amém.
sangue da morte nos livrou; incólumes templo, aleluia, aleluia. Todos a quem
o mar atravessamos, e à Terra prometida chega esta água recebem a salvação e 7. ORAÇÃO DO DIA
caminhamos! (L. e M.: Pe. Ney Brasil) proclamam: aleluia, aleluia. CP. Oremos. (,tléncio) Ó Deus, por vosso
CP. Deus todo-poderoso nos purifique Filho Unigênito, vencedor da morte,
2. SAUDAÇÃO dos nossos pecados e, pela celebração abristes hoje para nós as portas da
CP. Em nome do Pai e do Filho e do desta Eucaristia, nos torne dignos da eternidade. Concedei que, celebrando a
Espírito Santo. mesa de seu Reino. ressurreição do Senhor, renovados pelo
T.Amém. T.Amém. vosso Espírito, ressuscitemos na luz da
CP. Irmãos eleitos segundo a presciência CP. Senhor, tende piedade de nós! vida nova. Por Nosso Senhor Jesus Cristo,
de Deus Pai, pela santificação do T. Senhor, tende piedade de nós. vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.
Espírito para obedecer a Jesus Cristo CP. Cristo, tende piedade de nós! T.Amém.
e participar da bênção da aspersão T. Cristo, tende piedade de nós.
do seu sangue, graça e paz vos sejam CP. Senhor, tende piedade de nós!
concedidas abundantemente. T. Senhor, tende piedade de nós.
T. Bendito seja Deus que nos reuniu no L. Pela sua Palavra o Senhor nos
amor de Cristo. 6. HINO DE LOUVOR (mntaáo) alimenta e nos fortalece para sermos um
Glória a Deus nas alturas, e paz na terra povo ressuscitado e renovado.
3. INTRODUÇÃO AO MISTÉRIO CELEBRADO aos homens por ele amados. Senhor
L. (ou CP.): Irmãs e irmãos, verda­ Deus, rei dos céus, Deus Pai todo­ 8. PRIMEIRA LEITURA-At W,3411.37-43
deiramente ressurgiu Jesus! Celebramos -poderoso: nós vos louvamos, nós vos Leitura dos Atos dos Apóstolos.
o Dia santo da Ressurreição do bendizemos, nós vos adoramos, nós vos Naqueles dias,u.Pedro tomou a palavra
Senhor. Com o Cristo Ressuscitado, glorificamos, nós vos damos graças por e disse: 11"Vós sabeis o que aconteceu
em toda a Judeia, a começar pela 11. SEQUÊNCIA discípulo, que tinha chegado primeiro
Galileia, depois do batismo pregado por ( O solista se dirige até a Mesa da Palavra e lá canta ao túmulo. Ele viu, e acreditou.
João: 3�omo Jesus de Nazaré foi ungido intercalando com a assembleia) 9De fato, eles ainda não tinham
por Deus com o Espírito Santo e com 1. Solo: Cantai, cristãos, afinal: "Salve, compreendido a Escritura, segundo a
poder. Ele andou por toda a parte, ó vítima pascal!". Cordeiro inocente, o qual ele devia ressuscitar dos mortos.
fazendo o bem e curando a todos os Cristo abriu-nos do Pai o aprisco. Palavra da Salvação.
que estavam dominados pelo demônio; 2. T Por toda ovelha imolado, do T. Glória a vós, Senhor.
porque Deus estava com ele. 3.J: nós mundo lava o pecado. Duelam forte e
somos testemunhas de tudo o que Jesus mais forte: é a vida que vence a morte. 14. HOMILIA
fez na terra dos judeus e em Jerusalém. 3. S. O Rei da vida, cativo, foi morto, mas
Eles o mataram, pregando-o numa cruz. reina vivo! Responde, pois, ó Maria: no
«Mas Deus o ressuscitou no terceiro caminho o que havia? 15. PROFISSÃO DE FÉ
dia, concedendo-lhe manifestar-se 4. T "Vi Cristo ressuscitado, o túmulo (Símbolo Niceno-Constantinopolitano)
41não a todo o povo, mas às testemunhas abandonado. Os anjos da cor do sol, Creio em um, só Deus, Pai Todo­
que Deus havia escolhido: a nós, que dobrado no chão o lençol". -Poderoso, criador do céu e da terra,
comemos e bebemos com Jesus, depois 5. T O Cristo que leva aos céus, de todas as coisas visíveis e invisíveis.
que ressuscitou dos mortos. ,..zEJesus nos caminha à frente dos seus! Ressuscitou, Creio em um só Senhor, Jesus Cristo,
mandou pregar ao povo e testemunhar de verdade! Ó Cristo Rei, piedade! Filho Unigênito de Deus, nascido do
que Deus o constituiu Juiz dos vivos Pai antes de todos os séculos: Deus de
e dos mortos. 43Todos os profetas dão 12. AClAMAÇÃO AO EVANGELHO -1Cor,7b-8o Deus, luz da luz, Deus verdadeiro de
testemunho dele: 'Todo aquele que crê R. Aleluia, Aleluia, Aleluia. Deus verdadeiro, gerado, não criado,
em Jesus recebe, em seu nome, o perdão V. O nosso cordeiro pascal,Jesus Cristo, consubstancial ao Pai. Por ele todas as
dos pecados"'. Palavra do Senhor. já foi imolado. Celebremos, assim, esta coisas foram feitas. E por nós, homens,
T. Graças a Deus. festa na sinceridade e verdade. R. e para nossa salvação, desceu dos céus:
(aqui todos se inclinam) e se encarnou pelo
9. SAlMO RESPONSORJAL -SI 117(118) 13. EVANGELHO - Jo 20,1-9 Espírito Santo, no seio da Virgem
R. Este é o dia que o Senhor fez para (Nas missas vespertinas do Domingo de Páscoa, pode-se Maria, e se fez homem. (aqui todos voltam
nós: alegremo-nos e nele exultemos! também proclamar o Evangelho de Lc 24,13-35) à posição anterior) Também por nós foi
1.J)ai graças ao Senhor, porque ele é CP. O Senhor esteja convosco. crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu
bom!*/ "Eterna é a sua misericórdia!"./ T. Ele está no meio de nós. e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro
zA casa de Israel agora o diga: */ "Eterna CP. � Proclamação do Evangelho de dia, conforme as Escrituras, e subiu aos
é a sua misericórdia!". R. Jesus Cristo segundo João. céus, onde está sentado à direita do Pai.
2.1 mão direita do Senhor fez T. Glória a vós, Senhor. E de novo há de vir, em sua glória, para
maravilhas, * / a mão direita do Senhor 1No primeiro dia da semana, Maria julgar os vivos e os mortos; e o seu reino
me levantou,/ nNão morrerei, mas Madalena foi ao túmulo de Jesus, bem não terá fim. Creio no Espírito Santo,
ao contrário, viverei */ para cantar as de madrugada, quando ainda estava Senhor que dá a vida, e procede do
grandes obras do Senhor! R. escuro, e viu que a pedra tinha sido Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho
3.iiA. pedra que os pedreiros rejeitaram, retirada do túmulo. iEntão ela saiu é adorado e glorificado: ele que falou
*/ tornou-se agora a pedra angular. correndo e foi encontrar Simão Pedro pelos profetas. Creio na· Igreja, una,
nPelo Senhor é que foi feito tudo isso: e o outro discípulo, aquele que Jesus santa, católica e apostólica. Professo um
*/ Qye maravilhas ele fez a nossos amava, e lhes disse: "Tiraram o Senhor só batismo para remissão dos pecados.
olhos! R. do túmulo, e não sabemos onde o E espero a ressurreição dos mortos e a
colocaram". J8aíram, então, Pedro e vida do mundo que há de vir. Amém.
10. SEGUNDA LEITURA -O 3,1-4 o outro discípulo e foram ao túmulo.
leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses. 4Üs dois corriam juntos, mas o outro 16. PRECES DA COMUNIDADE
Irmãos: 1Se ressuscitastes com Cristo, discípulo correu mais depressa que CP. Unidos em prece, apresentemos ao
esforçai-vos por alcançar as coisas do Pedro e chegou primeiro ao túmulo. Senhor as nossas orações:
alto, 20nde está Cristo, sentado à direita Dlhando para dentro, viu as faixas (Resposta cantada ou rezada)
de Deus; aspirai às coisas celestes e não de linho no chão, mas não entrou. R. Iluminai, Senhor, a vossa Igreja!
i
às coisas terrestres. :J>ois vós morrestes, 6Chegou também Simão Pedro, que
e a vossa vida está escondida, com vinha correndo atrás, e entrou no
® f 2 1 J1 i□
F

.o
1 :E ji J 3 1 J .l li
Gm

I -lu-mi-nai,.Se - 1 , a
C' F

vos-saJ-gre-j,l!

Cristo, em Deus. .Qyando Cristo, vossa túmulo. Viu as faixas de linho deitadas 1. Ó Deus da vida, por meio da
vida, aparecer em seu triunfo, então vós no chão ;e o pano que tinha estado Ressurreição de vosso Filho, abri a
aparecereis também com ele, revestidos sobre a cabeça de Jesus, não posto com todo o ser humano as portas do Reino.
de glória. Palavra do Senhor. as faixas, mas enrolado num lugar à Conduzi a vossa Igreja nos caminhos da
T. Graças a Deus. parte. sEntão entrou também o outro santidade, nós vos pedimos.
2
2. Em vossa bondade, revigorai cada CP. Corações ao alto. T. Em comunhão com toda a Igreja
família através da alegria da Ressurreição T.O nosso coração está em Deus. aqui estamos!
de Cristo, nós vos pedimos. CP._Demos graças ao Senhor,nosso Deus. CP. Recebei, ó Pai, com bondade, a
3. Qye esta nossa comunidade, vivendo T.E nosso dever e nossa salvação. oferenda dos vossos servos e de toda a
este dia e este Tempo da Páscoa, Na verdade, é justo e necessário, é nosso vossa família. Nós a oferecemos também
seja renovada no compromisso fiel dever e salvação dar-vos graças, sempre por aqueles que fizestes renascer pela
e empenhada no serviço à vida e à e em todo o lugar, mas sobretudo neste água e pelo Espírito Santo, dando-lhe
transformação do mundo, nós vos dia em que Cristo, nossa Páscoa, foi o perdão de todos os pecados. Dai­
pedimos. imolado. Ele é o verdadeiro Cordeiro, -nos sempre a vossa paz, livrai-nos
( Outras intenções preparadas pela equipe) que tira o pecado do mundo. Morrendo, da condenação e acolhei-nos entre os
CP. Ó Deus que, com o Espírito Santo, destruiu a morte, e, ressurgindo, deu­ vossos eleitos.
ressuscitastes o Cristo e o libertastes -nos a vida. Transbordando de alegria Dignai-vos, ó Pai, aceitar e santificar
da escuridão do túmulo da morte, ouvi pascal, nós nos unimos aos anjos e a estas oferendas, a fim de que se tornem
as nogsas súplicas neste dia solene da todos os santos, para celebrar a vossa para nós o Corpo e o Sangue de Jesus
Páscoa. Por Cristo, nosso Senhor. glória, cantando (dizendo) a uma só voz: Cristo, vosso Filho e Senhor nosso.
T.Amém. T.Santo, Santo, Santo... T.Santificai nossa oferenda, ó Senhor!
/}k,,W.. CP. Pai de misericórdia, a quem sobem CC. Na noite em que ia ser entregue, ele
LITURGIA EUCARÍSTICA,." nossos louvores, nós vos pedimos por tomou o pão em suas mãos, elevou os
Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor olhos a vós, ó Pai, deu graças e o partiu e
nosso, que abençoeis � estas oferendas deu a seus discípulos, dizendo: lOMAI,
17. PREPARAÇÃO DAS OFERENDAS apresentadas ao vosso altar. TODOS, E COMEI: ISTO E O MEU
1. Em procissão vão o pão e o vinho, T. Abençoai nossa oferenda, ó Senhor! CORPO) QUE SERÁ ENTREGUE
acompanhados de nossa devoção, pois CP. Nós as oferecemos pela vossa Igreja POR VOS. Do mesmo modo, ao fim
simbolizam aquilo que ofertamos: nossa santa e católica: concedei-lhe paz e da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos,
vida e o nosso coração. proteção, unindo-a num só corpo e deu graças novamente e o deu a seus
R. Ao celebrar nossa Páscoa e ao vos governando-a por toda a terra. Nós as discípulos, dizendo: TOMA}, TODOS,
trazer nossa oferta, fazei de nós, ó Deus oferecemos também pelo vosso servo E BEBEI: ESTE E O CALICE DO
de amor, imitadores do Redentor! o Papa Francisco, por nosso bispo N., MEU SANGUE, O SANGUE DA
2. A nossa igreja, que é mãe, deseja que e por todos os que guardam a fé que NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE
a consciência do gesto de ofertar se receberam dos apóstolos. SERÁ DERRAMADO POR VÓS E
atualize durante toda a vida, como o T.Conservai a vossa Igreja sempre unida! POR TODOS PARA REMISSÃO
Cristo se imola sobre o altar. lC. Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM
3. Eucaristia é sacrifício, aquele mesmo filhos e filhas N. N. e de todos os MEMÓRIA DE MIM.
que Cristo ofereceu. O mundo e o que circundam este altar, dos quais CC. Eis o mistério da fé!
homem serão reconduzidos para a nova conheceis a fidelidade e a dedicação em T. Anunciamos, Senhor, a vossa morte
Aliança com seu Deus. vos servir. Eles vos oferecem conosco e proclamamos a vossa ressurreição.
(L.: D. Carlos Alberto Navarro IM.: Waldeci Farias) este sacrifício de louvor por si e por Vinde, Senhor Jesus!
todos os seus, e elevam a vós as suas CC. Celebrando, pois, a memória da
18. CONVITE À ORAÇÃO preces para alcançar o perdão de suas paixão do vosso Filho, da sua ressurreição
CP. Orai, irmãos e irmãs... faltas, a segurança em suas vidas e a dentre os mortos e gloriosa ascensão
T. Receba o Senhor por tuas mãos este salvação que esperam. aos céus, nós, vossos servos, e também
sacrifício, para glória do seu nome, para T.Lembrai-vos, ó Pai, de vossos filhos! vosso povo santo, vos oferecemos, ó
nosso bem e de toda a santa Igreja. 2C. Em comunhão com toda a Igreja, Pai, dentre os bens que nos destes, o
celebramos o dia santo da ressurreição sacrifício perfeito e santo, pão da vida
19. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS de Nosso Senhor Jesus Cristo. eterna e cálice da salvação.
CP. Transbordando de alegria pascal, nós Veneramos também a Virgem Maria e T.Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!
vos oferecemos, ó Deus, o sacrifício pelo seu esposo São José, os santos Apóstolos CC. Recebei, ó Pai, esta oferenda, como
qual a vossa Igreja maravilhosamente e Mártires: Pedro e Paulo, André recebestes a oferta de Abel, o sacrifício
renasce e se alimenta. Por Cristo, (T iago e João, Tomé, T iago e Filipe, de Abraão e os dons de Melquisedeque.
nosso Senhor. Bartolomeu e Mateus, Simão e Tadeu, Nós vos suplicamos que ela seja
T.Amém. Lino, Cleto, Clemente, Sisto, Cornélia levada à vossa presença, para que, ao
e Cipriano, Lourenço e Crisógono,João participarmos deste altar, recebendo
20. ORAÇÃO EUCARÍSTICA 1 (MR, p. 469) e Paulo, Cosme e Damião), e todos o Corpo e o Sangue de vosso Filho,
(Prefácio da Páscoa, I - MR. p. 421) os vossos Santos. Por seus méritos sejamos repletos de todas as graças e
CP. O Senhor esteja convosco. e preces concedei-nos sem cessar a bênçãos do céu.
T. Ele está no meio de nós. vossa proteção. T.Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!
3
3C. Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos e filhas N. N. que 6. Foi o Senhor que operou estes prodígios, é maravilhoso
partiram desta vida, marcados com o sinal da fé. A eles, e a para quem contempla! (M.: Série "Povo de Deus")
todos os que adormeceram no Cristo, concedei a felicidade, a
23. DEPOIS DA COMUNHÃO
luz e a paz.
T. Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos! CP. Oremos. (silêncio) Guardai, ó Deus, a vossa Igreja sob a vossa
4C. E a todos nós, pecadores, que confiamos na vossa imensa constante proteção para que, renovados pelos sacramentos
misericórdia, concedei, não por nossos méritos, mas por vossa pascais, cheguemos à luz da ressurreição. Por Cristo,
bondade, o convívio dos Apóstolos e Mártires: João Batista e nosso Senhor. T.Amém.
Estêvão, Matias e Barnabé, (Inácio, Alexandre, Marcelino e
Pedro; Felicidade e Perpétua, Águeda e Luzia, Inês, Cecília, 24. BREVES AVISOS (caso necessário)
Anastácia) e todos os vossos santos. Por Cristo, Senhor nosso.
T. Concedei-nos o convívio dos eleitos! 25. BÊNÇÃO FINAL (MR, p. 522)
4C. Por ele não cessais de criar e santificar estes bens e CP. O Senhor esteja convosco.
distribuí-los entre nós. T. Ele está no meio de nós.
CP. Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a vós, Deus Pai todo­ CP. �e o Deus todo-poderoso vos abençoe nesta solenidade
-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda pascal e vos proteja conta todo pecado.
a glória, agora e para sempre. T.Amém.
T.Amém. CP. Aquele que nos renova para a vida eterna, pela ressurreição
do seu Filho vos enriqueça com o dom da imortalidade.
21. RITO DA COMUNHÃO
T.Amém.
CP. Obedientes à palavra do Salvador e formados por seu CP. E vós, que transcorridos os dias da paixão do Senhor,
divino ensinamento, ousamos dizer: celebrais com alegria a festa da Páscoa, possais chegar
T. Pai nosso... exultantes à festa das eternas alegrias.
CP. Livrai-nos... T.Amém.
T. Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre! CP. Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho ffi e
CP. Senhor Jesus Cristo... Espírito Santo. T.Amém.
T.Amém. CP. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe, aleluia, aleluia!
CP. A paz do Senhor esteja sempre convosco. T. Graças a Deus, aleluia, aleluia!
T. O amor de Cristo nos uniu.
26. CANTO FINAL (a ser escolhido pela equipe de canto)
CP. Irmãos e irmãs, saudai-vos em Cristo Jesus.
T. (cantado) Cordeiro de Deus...
CP. Felizes os convidados para o Banquete nupcial do Cordeiro. MEDITANDO A PALAVRA DE DEUS
Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. Os Atos dos Apóstolos proclamam a fé que a Igreja, neste
T. Senhor, eu não sou digno(a) de que entreis em minha domingo, anuncia alegre e feliz: Deus ressuscitou Jesus dentre
morada, mas dizei uma palavra e serei salvo(a). os mortos! João, utilizando-se da reação das personagens já
conhecidas por seus leitores, traça o itinerário da fé pascal.
22. CANTO DA COMUNHÃO
Da escuridão desesperadora da morte à fé clara e inabalável.
R. Celebremos nossa Páscoa na pureza, na verdade: aleluia, Maria Madalena, ainda envolvida nas trevas da morte, viu a
aleluia! pedra removida, e concluiu terem roubado o corpo de Jesus.
1. Dai graças ao Senhor, pois Ele é bom, eterna é a sua Pedro dá um passo adiante, mas perante os sinais fica confuso:
misericórdia. um ladrão não teria tempo nem interesse em dobrar os panos
2. Repita o seu povo eleito: "Eterna é a sua misericórdia!". mortuários. O discípulo amado, o modelo, vê apenas os
3. O poder do Senhor fez maravilhas, o poder do Senhor me sinais e crê! "Ele viu, e acreditou"! Depois, o próprio Jesus
exaltou. nos alertará: "Bem-aventurados os que creram sem terem
4. Não morrerei, hei de viver, e cantarei as maravilhas do visto" (Jo 20,29)! Paulo apóstolo nos convida, aos que cremos:
Senhor. "Se ressuscitastes com Cristo, esforçai-vos por alcançar as
5."A pedra que os construtores rejeitaram tornou-se a pedra coisas do alto, onde está Cristo, sentado à direita de Deus;
angu1ar ". aspirai às coisas celestes e não às coisas terrestres".

Leituras da Semana (Semana da Oitava da Páscoa) Sex.: At 4,1-12; SI 117(118),1-2.4.22-24.25-27a (RI. 22);Jo 21,1-14
Seg.: At 2,14.22-32; SI 15(16),1-2a.5.7-8.9-10.11 (Rl. 1); Mt 28,8-15 Sáb.: At 4,13-21; SI 117(118),1.14-15.16ab-18.19-21 (RI. 21a); Me 16,9-15
Ter.: At 2,36-41; SI 32(33),4-5.18-19.20.22 (RI. 5b);Jo 20,11-18 Dom.: 2° Domingo da Páscoa: At 5,12-16; SI 117(118),2-4.22-24.25-27 (Rl.1);
Qua.: At 3,1-10; SI 104(105),1-2.3-4.6-7.8-9 (RI. 3b); Lc 24,13-35 Ap 1,9-lla.12-13.17-19;Jo 20,19-31
Qii.: At 3,11-26; SI 8,2a.5.6-7.8-9 (RI. 2ab); Lc 24,35-48

Direção-Geral: Mons. Jamil Alves de Souza Imagem: Antonio Batista de Souza Júnior
Organização: Frei Telles Ramon, O. de M. Projeto gráfico: Henrique Billygran Santos de Jesus Edições CNBB
Edição:João Vítor Gonzaga Moura Diagramação: Suelen Rodrigues da Silva SAAN, Qiadra 3, Lotes 590/600 CEP: 70.632-350 - Zona Industrial- Brasília-DF
Revisão: Letícia Figueiredo e Lohana Gregorim Impressão: Foxy Editora Gráfica Televendas: 0800 940 3019 - (61) 2193 3019/ vendas@edicoescnbb.com.br

Você também pode gostar