Você está na página 1de 5

Graça e Paz irmãos amados.

Que benção, que alegria, estarmos juntos nesta noite tão preciosa.

Então quero que você por gentileza abra sua BIBLIA comigo no livro de SALMOS e vamos ler o
primeiro SALMO, dos versos de 1 ao 6. E ao ler o texto mantenha a sua BIBLIA aberta por favor
para que nós consideremos juntos esta passagem.

<leitura SALMO>

Eu queria pensar com você sobre o seguinte tema hoje:

É possível ser feliz? Esse é o nosso tema.


É possível ser feliz? Pense nisso.

O reformador JOÃO CALVINO disse que este SALMO é o prefácio do saltério, ou seja, ele introduz
os outros SALMOS. E ele é a síntese dos outros SALMOS. E ele trata da essência daquilo que os
outros SALMOS tratarão.

Este SALMO começa na versão da septuaginta que é a versão à grega do antigo testamento, com a
mesma palavra que JESUS começou as bem-aventuranças.

Ele trata neste texto, sobre este assunto sublime, momentoso, o assunto da felicidade.
Na verdade, é muito comum você escutar até mesmo em alguns redutos evangélicos hoje, que diz o
seguinte: O propósito de DEUS na sua vida é fazer de você uma pessoa santa e não uma
pessoa feliz.

Quase que passando a ideia de que ser crente é quase incompatível com felicidade.
É como se ser um cristão é viver a parte das alegrias e delícias dessa vida.

Então volta a pergunta: É possível ser feliz?

Eu concordo com um escritor contemporâneo nosso, muito conhecido aqui no brasil, escritor
americano, doutor JOÃO PIPER, quando ele disse que “o problema da humanidade, seu e meu,
nosso, não é a busca da felicidade, não é a procura da felicidade, não é o hedonismo, esse é um
sentimento legítimo, é uma busca não só legitima, mas necessária. O maior problema nosso, da
nossa geração, é contentar-nos com felicidade pequena de mais, limitada de mais, terrena
demais, temporal demais, quando DEUS nos criou e nos salvou para a maior de todas as
felicidades”.

Talvez os teólogos puritanos entenderam bem isso, quando escreveram os chamados


símbolos de fé.

E a primeira pergunta do catecismo menor, segundo os puritanos é “qual é o fim principal do


homem”?

E a resposta deles foi: O fim principal do homem é de glorificar a DEUS e gozá-lo para sempre.
De tal maneira que DEUS criou e salvou você para a maior de todas as felicidades, a maior de
todas as alegrias.

A alegria de conhecê-lo, de amá-lo, de desfrutar prazerosamente.

Então esse SALMO é como que um mapa na mão de um viajante a procura da felicidade.
Este SALMO é uma espécie de receita da verdadeira felicidade.

Respondemos ao tema, é possível ser feliz?

A resposta é um sonoro não, claro, sim. Você quer saber como?

Vamos examinar esse texto.

1.Em primeiro lugar, você é feliz, POR AQUILO QUE VOCÊ EVITA.

Na vida cristã sempre tem o lado negativo e o lado positivo.

O lado negativo é aquilo que você não faz, que você evita, você foge, você não entra.
O lado positivo é aquilo que você faz, que você busca, que você procura.
E notem comigo o verso 1º “Bem aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios,
não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores”.

Existem três progressões aqui dignas de destaque:

Primeiro, chamo sua atenção para os verbos “anda”, ”detém”, “se assenta”.
A uma progressão no sentido de ir aumentando os passos.
ANDAR, PARAR, SE ASSENTAR.

Segunda progressão, confira comigo: conselho, caminho, roda.


Uma coisa conceitual, outra dinâmica, a outra é participação.

Há uma terceira progressão no texto, confira: ímpios, pecadores, escarnecedores.

O ÍMPIO é aquela pessoa que pode até ter uma vida socialmente aprovada, é um bom pai, é um
bom cidadão, é um bom trabalhador, cumpre com seus deveres, mas não leva DEUS em conta.

O PECADOR é aquele que deliberadamente o transgrede, deliberadamente (intencionado,


premeditado, preconcebido, intencional, voluntario).

Mas O ESCARNECEDOR é aquele que despreza, menospreza, que escarnece, que zomba, é o que
faz escárnio das coisas sagradas.

Então, como é que você pode ser feliz?

Evitando andar com certas pessoas, não adotando o estilo de vida de certas e deixando de
frequentar determinados lugares.

SE você adotar uma determinada cosmovisão, um jeito de olhar para vida, que não leva DEUS em
conta, você vai entrar pela rota da infelicidade. Você pode ter prazeres imediatos, mas o final é
uma tristeza, é uma angústia, é uma dor profunda.

SE você andar com determinadas pessoas, você vai se dar mal. Há um ditado brasileiro que é
assim: DIZE-ME COM QUEM ANDAS E DIR-TE-EI QUEM ÉS!

SE você frequentar alguns ambientes, alguns lugares, você também não vai encontrar lá felicidade,
ao contrário, vai beber o cálice amargo da dor, da culpa, da amargura.

Você quer ser feliz?

Cuidado! No que você põe na sua mente, com quem você anda e onde você vai.

Segundo lugar, é possível ser feliz? Sim é possível.

Agora por aquilo que não só você evita, mas por aquilo que você faz.

Olha o verso 2: “Antes, o seu prazer está na lei do SENHOR e na sua lei medita de dia e de
noite.”

Agora, observem que contrasta aqui o conselho dos ímpios com a lei do SENHOR.

O que governa a sua vida? O que rege as suas decisões, suas palavras, suas ações, suas
reações, seus sentimentos, seus desejos, seus sonhos, seus alvos, seu projeto de vida?

Se você pautar a sua vida pela palavra de DEUS, pelos preceitos de DEUS, pela vontade de
DEUS, você vai encontrar a verdadeira felicidade.

Agora note que não é ter uma BIBLIA em casa, não ter uma BIBLIA na prateleira, não é botar a
BIBLIA aberta no SALMO 91 como se fosse amuleto. Não é abrir a BIBLIA como se fosse um livro
mágico botando os dedos e dizendo quero saber o que DEUS tem pra mim hoje....

O SEU PRAZER ESTÁ NA LEI DO SENHOR E NA SUA LEI MEDITA DE DIA E DE NOITE.

É claro que esse texto não está dizendo que você vai parar de trabalhar, que você vai abandonar
seu emprego, que agora você vai ficar lendo BIBLIA o tempo inteiro, não é isso que ele está
dizendo.
O que ele está dizendo é que aquilo que você leu, que você entendeu, você vai ruminar, você vai
mastigar, você vai aplicar na sua própria.

Você vai pautar sua conduta por este ensinamento que você está recebendo.
É nesse sentido que a BIBLIA diz que você não pode ser apenas um mero ouvinte da palavra de
DEUS, mas um praticante da palavra de DEUS.

Se você assim fizer, você vai ser feliz.

É possível ser feliz? A resposta é sim, é possível.

Primeiro lugar, por aquilo que você evita, segundo por aquilo que você faz, e terceiro por
quem você é.

Olha o verso 3, acompanha comigo: “ele é como árvore plantada junto a corrente de águas,
que no devido tempo dá o seu fruto, cuja folhagem não murcha e tudo quanto ele faz será
bem sucedido”.

Presta atenção que ele não tá falando de uma árvore nativa, nem de uma erva daninha.

Ele tá falando de uma árvore que foi planejada, pensada, plantada propositalmente.

Eu quero dizer que você está aonde você está porque DEUS planejou sua vida.

Ele amou você desde a eternidade, ele escolheu você, ele chamou você, ele plantou você no
solo da graça e você está agora plantado junto a corrente de águas, isso tem a ver com o
ESPÍRITO SANTO de DEUS.

E quando você está plantado junto a corrente de águas, significa que vem o calor, vem o sol
implacável, vem a seca dolorosa e você continua plantado junto a corrente de águas, enfrentando
os temporais sem sofrer os choques das circunstâncias.

Você não vai perder suas exuberâncias e você vai dar no tempo oportuno os frutos para os quais
DEUS designou que você produza.

E mais, tudo quanto você fizer vai ser bem sucedido, é o resultado.

Lembra de JOSUÉ, capítulo primeiro, quando JOSUÉ estava para entrar na terra prometida e
conquistar a terra prometida?

DEUS falou para JOSUÉ assim: “você vai fazer o seguinte JOSUÉ, você vai fazer tudo de
acordo com que está na palavra, você não vai desviar nem para lá nem para cá, você vai ler,
você vai meditar, você vai viver, você vai ensinar e você vai ser bem sucedido .”

Irmãos amados, se nós pautarmos as nossas decisões pela palavra de DEUS, vamos ser bem
sucedidos. Aí está a felicidade.

Se nós não vivemos de acordo com a palavra de DEUS, vamos tomar decisões erradas, na vida, no
casamento, na criação de filhos, nos negócios, nos investimentos, nos relacionamentos, na vida
espiritual, em todas as áreas.

Mas se você amar a lei de DEUS, se você meditar na lei de DEUS, se você andar de acordo com os
princípios de DEUS, então você será como uma árvore. A sequidão está ai, castigando aí fora.
Você tem raízes profundas, fortemente alimentadas, tem seiva, tem vida, tem fruto, tem beleza, tem
êxito.

Confira comigo, que a partir do verso 4 ele vai fazer um contraste radical. O que a princípio no
verso 2 você vai ver que o ímpio tem conselho para dar, o pecador tem um caminho largo para
caminhar, o escarnecedor tem uma roda para rasgar a cara em ruidosas gargalhadas. Mas quando
ele agora vai pensar no ímpio, ele diz que o ímpio é como palha que o vento dispersa.

Eu não consigo encontrar nenhum contraste mais convincente do que este: uma árvore plantada
junto a corrente de água, sempre verde, sempre frutífera, sempre bem-sucedida. Já a palha é
seca, palha não tem raiz, palha não tem densidade, palha não tem vida, palha não tem peso, palha
é levada pelo vento, palha é consumida pelo fogo, esse é o ímpio... Muito viçoso agora, mas não
suporta o juízo.
Na linguagem do SALMO 73, quando DEUS acorda, ele fica completamente desamparado, ele não
tem pra onde sair, ele não tem pra onde fugir, ele não tem paz, ele não tem pra quem recorrer.

DUAS COISAS AQUI ACONTECEM COM O ÍMPIO:

Primeiro - veja o versículo 5, por isso os perversos não prevalecerão no juízo. Pensem bem comigo
nesta cena irmãos...

Os ímpios hoje cometem seus crimes por uma razão muito simples, eles têm a convicção de que
vão escapar. Embora um expediente jurídico legítimo e talvez até necessário, mas nós temos hoje
uma coisa no brasil chamada de delação premiada. E o cara rouba milhões, bilhões, ano passado
teve um que devolveu um bilhão. Já pensou o que que é isso? Devolver um bilhão daquilo que
você surrupiou?

Mas as pessoas pensam: “agora o seguinte, eu vou fazer, depois eu faço uma delação
premiada e leva uns dois anos, ai eu já estou com um apartamento cinco estrelas, em prisão
domiciliar e eu escapo”.

No mundo de hoje você vê um ÍMPIO no trono. Você vê um HERODES ANTIPAS julgando e um


JOÃO BATISTA sendo julgado. Você vê um NERO no trono e um PAULO sendo julgado. Você vê
um PONÇO PILATOS no trono e um JESUS DE NAZARÉ sendo julgado.

No mundo de hoje o ímpio compra as testemunhas, suborna juiz, corrompe as cortes e


escapa.

Mas aí eu pergunto: Quem poderá subornar o reto e justo juízo de DEUS? Como ficará o ímpio
diante do tribunal de DEUS? Como ficara aquele que zombou e escarneceu de DEUS quando
ele tiver que enfrentar o DEUS todo-poderoso no seu julgamento?

É só você olhar APOCALIPSE 6:12 a 17 para perceber que os poderosos deste mundo, todos os
homens livres e escravos, naquele grande dia ficarão completamente desamparados.

E esse SALMO está nos mostrando que aqueles que beberam todas as taças dos prazeres desta
vida, quando tiverem que enfrentar o tribunal de DEUS, o juízo de DEUS, eles não prevalecerão no
juízo.

Mas em segundo lugar, veja comigo, no versículo 5 na parte b tá escrito assim: “nem os
pecadores prevaleceram na congregação dos justos”.

A igreja militante, a igreja local, a igreja de hoje que nós somos, ela é uma mistura, uma mistura.
Mistura de trigo, de joio, de ovelhas e bodes, de salvos e não salvos, de regenerados e não
regenerados.

Nem um de nós que está aqui tem autoridade para dizer “esse aqui é trigo, esse aqui é joio, esse
aqui é ovelha, esse aqui é bode, esse aqui é salvo, esse aqui não é salvo...” , não cabe a nós,
nós não temos essa competência... Aliás, é tão grave esse assunto que muitas pessoas nem
sabem, elas mesmas, se elas são regeneradas ou não, ou seja, se nasceram de novo ou não.

Algumas pessoas apostam que elas são regeneradas e não são. Quem disse isso foi o próprio
JESUS. Ele disse que naquele grande dia do juízo, muitos vão dizer “SENHOR, SENHOR,
porventura não profetizamos em teu nome? Por ventura não fizemos milagres em teu nome?
Porventura não expelimos demônios em teu nome? E naquele dia,, no dia final, JESUS vai
dizer: “Apartai-vos de mim vós que praticais a iniquidade, eu nunca vos conheci”. Até então
estavam enganadas acerca delas mesmas.

O que esse texto está nos dizendo com muita solenidade é o seguinte: naquele dia, não só os
ímpios não prevalecerão no juízo, mas também os pecadores não permaneceram na
congregação dos justos.

Quando o SENHOR vier e os anjos de DEUS fizerem um levantamento e forem recolhendo a


aqueles que são do SENHOR, diz que é como se recolhesse o trigo e colocasse no celeiro e
colocasse a palha e o joio no fogo.

Naquele dia não é possível, preste bem atenção no que eu vou lhe dizer, nenhum salvo será
lançado no inferno e nenhum inconverso será levar para o céu. Eles não prevalecerão na
congregação dos justos.
Como é que termina esse SALMO?

Será que é possível ser feliz?

Esse SALMO termina assim: vejamos o verso 6.

“pois o SENHOR conhece o caminho dos justos”, e a palavra conhecer aqui não é conhecer de
saber a respeito de, ser informada a respeito de, mas conhecer na palavra mais íntima, mais
pessoal de intimidade, DEUS conhece, DEUS conhece você.

Aliás, o apóstolo PAULO diz lá em Segundo Timóteo 2:19 “que só o SENHOR conhece os que
lhes pertencem”. Saiba disso: “DEUS conhece você”.

DEUS ama você, DEUS tem intimidade com você, você é precioso para DEUS, você é a
propriedade de DEUS, você é a herança de DEUS, você é a ovelha de DEUS, você é a menina
dos olhos de DEUS, você é a delícia de DEUS, ele conhece o seu caminho, ele conhece a sua
vida, ele amou você primeiro, ele atraiu você para ele, VOCÊ É DELE .

Mas o texto diz assim: “mas o caminho dos ímpios perecerá”

Então eu quero crer que, fechando agora, que DAVI está fazendo o que MOISÉS fez no final da
vida, quando estava no portal da terra prometida, propondo ao povo o seguinte: “olha eu coloco
diante de vocês hoje duas opções, duas escolhas, dois caminhos, duas decisões, a vida e a
morte, o que vocês vão escolher?”

MOISÉS encoraja: ESCOLHAM A VIDA PARA QUE VOCÊS VIVAM...


DAVI, está apresentando pra nós aqui duas opções, A FELICIDADE E A INFELICIDADE.

Se você quiser de fato experimentar o que é a verdadeira felicidade, EVITE, FAÇA, SEJA.

E se você então fugir do caminho errado, amar a palavra de DEUS, você vai ser como árvore,
naquele grande dia.

DEUS que conhece a sua vida e o seu caminho, vai receber você para a maior de todas as
felicidades dizendo: vem filho, vem bendito do meu pai, entra na posse do reino. Aqui tem
felicidade plena. Aqui tem felicidade eterna. Aqui não tem choro, aqui não tem dor, aqui não
tem lágrima, aqui não tem luto, aqui não tem tristeza, aqui não tem doença, aqui não tem
fraqueza, aqui não tem defeito, aqui não tem pecado, aqui você vai beber desta felicidade e
ela nunca vai acabar e ela nunca vai terminar, esta felicidade é eterna.

QUAL SUA ESCOLHA HOJE?

É POSSÍVEL SER FELIZ?

SIM, é possível. Sabe porquê? Esta felicidade não é um sentimento, esta felicidade não é a
ausência de problemas, nem apenas presença de coisas boas.

Essa felicidade é uma pessoa, esta felicidade é JESUS.

Se você tem JESUS, você é feliz, e ele é a razão da nossa felicidade, maiúscula, superlativa e
eterna.

Agrada-te do Senhor e Ele satisfará o desejo do teu coração.   (Salmos 37.4)

Que Ele nos abençoe. Amém.

Você também pode gostar