Você está na página 1de 2

Guião de visionamento do filme

Midnight in Paris

Título original: Midnight in Paris (Meia-Noite em Paris)


Ano: 2011
Diretor: Woody Allen
Produção: Letty Aronson, Stephen Tenenbaum, Jaume Roures
Roteiro: Woody Allen
Música: Stephane Wrembel
Elenco Owen Wilson, Rachel Adams, Kurt Fuller, Mimmi Kennedy,
principal: Michael Sheen, Nina Arianda, Carla Bruni.
Género: Comédia
Prémios: Óscar de Melhor Roteiro Original, Prémio Globo de Ouro:
Melhor Roteiro de Cinema, entre outros.
Link oficial: https://www.sonyclassics.com/midnightinparis/home.html
Gil e Inez (Owen Wilson e Rachel McAdams) estão noivos e de visita a Paris. De casamento
marcado, eles têm ainda algumas dificuldades em acertar agulhas no que diz respeito à vida em
comum. Ele é um argumentista de Hollywood com "síndroma da Idade de Ouro" que sonha viver
em Paris e escrever o romance da sua vida seguindo os parâmetros dos grandes escritores da
história da literatura. Já ela é uma mulher pragmática que aspira a uma vida estável e luxuosa
Sinopse: em Malibu, nos EUA. Uma noite, embriagado pela beleza da cidade (e algum vinho), Gil perde-
se na cidade e vive a mais extraordinária experiência da sua vida num encontro com
personagens que ele julgava existir apenas nos livros e que o farão reformular toda a sua
existência.Uma comédia romântica que marca o regresso de Woody Allen ao seu registo
habitual, e que conta ainda com as participações de Marion Cotillard, Léa Seydoux, Carla Bruni,
Michael Sheen, Kurt Fuller, Kathy Bates e Adrien Brody.

PARTE A

1. Formule correntemente a problemática filosófica que considera subjacente ao filme.

2. Gil é fascinado pelo contexto histórico parisense entre a Primeira Guerra Mundial e o início da
Segunda. Como é intitulada esta época?

3. Por que razão o cineasta Woody Allen e Gil são particularmente atraídos por esta época?

4. Woody Allen representa, de forma divertida, a geração de artistas num certo período histórico na
cidade de Paris que se tornaram figuras emblemáticas nas diversas correntes do modernismo na arte.

4.1. Explique porque é que os conceitos de “vanguarda” e de “novo” eram importantes neste período.

4.2. Referencie, pelo menos, 3 artistas identificando o movimento e/ou arte que representam.

5. Gil pede a um artista para o ajudar na elaboração do seu livro. Quem é e porque o escolhe?

6. Quem é Mark Twain e qual é a sua obra mais emblemática?

7. Qual do(s) artista(s) retratado(s) no filme gostou mais? Porquê?

8. Qual foi o momento / cena que mais apreciou no filme? Justifique.

DIMENSÃO ESTÉTICA - ANÁLISE E COMPREENSÃO DA EXPERIÊNCIA ESTÉTICA


Prof.ª Joana Inês Pontes
9. Atente nas seguintes imagens.

Figura 1 Figura 2 Figura 3

9.1. Identifique para cada uma das imagens o local, a obra e o artista que as personagens se
encontram a apreciar.

PARTE B

O filme de Woody Allen permite-nos vislumbrar um dos grandes sonhos da humanidade, a possibilidade viajar
no tempo e, neste caso em particular, regressar ao passado.

“É isso o que o presente é. É um pouco insatisfatório porque a vida é insatisfatória”.


Gil - Midnight in Paris

1. Na sua perspetiva, qual é a melhor forma de apreciarmos e entendermos acontecimentos e/ou


personagens do passado?

2. O que é que este exercício de “voltar no tempo” nos pode ensinar sobre o nosso presente?

3. Se fosse possível viajar no tempo, qual a época que escolheria revisitar?*

A sua resposta deve: apresentar claramente a ideia que vai defender e desenvolver, pelo menos, dois
bons argumentos que justifiquem a sua escolha.

DIMENSÃO ESTÉTICA - ANÁLISE E COMPREENSÃO DA EXPERIÊNCIA ESTÉTICA


Prof.ª Joana Inês Pontes

Você também pode gostar