Você está na página 1de 33

Prólogo

O livro O Auto-Conhecimento aborda aspectos fundamentais do


trabalho interno e os tempos em que vivemos. Tratamos de temas atuais,
sobre a sexualidade, as drogas, as competições, os relacionamentos, os meios
de comunicação, a mecanicidade da sociedade que suga e condena as pessoas
ao fracasso, à pobreza e à miséria espiritual, numa busca por uma felicidade
que jamais será alcançada, já que suas buscas são externas, ilusórias, não
possuem realidade nas supra-dimensões da natureza.

O comportamento humano, os meios de comunicações, a exploração dos


seres humanos e de tudo planeta, o perfil psíquico da humanidade
mergulhada no materialismo, nas disputas, na inveja, nas buscas
desenfreadas pelo acúmulo de coisas ilusórias, que pertencem ao tempo e
que com o tempo serão consumidas, inevitavelmente!

Compartilhamos compreensões vividas que expõem diretamente as


feridas, as enfermidades psíquicas que afligem toda humanidade.

De forma direta e prática esclarecemos e convidamos a todos para


profundas reflexões sobre a maneira equivocada com a qual estamos
conduzindo nossas vidas, sugerindo à todos as emergentes transformações
internas, já que a sociedade decadente e auto-destrutiva como um todo é o
reflexo da decadência moral de cada elemento que a compõe, ou seja, cada
um de nós!

Aplicando a dualidade, a eliminação do ego, enfim, todas as lições aqui


entregues, nos permitimos compreender profundamente sobre o sentido de
nossas existências, à manter a integridade física e moral não nos deixando
sucumbir diante das atribulações, exigências e turbulências que a sociedade
pretende nos impor. É preciso que saibamos nos conduzir sem de forma
alguma nos deixar corromper ou sonhar a consciência, assim se fará o sábio
que diante das tentações jamais se deixará cair, seguindo decididamente em
busca de sua Essência Divina se integrando e se tornando senhor dos Quatro
Elementos da Natureza: Água, Fogo, Terra e Ar.

Felizmente as chaves para a cura, a total regeneração em todos os


sentidos, para a Autêntica Felicidade estão disponíveis à toda Humanidade!

Fraternalmente;

VM Uriel
O Pentagrama: O Homem Auto-Realizado

Leonardo da Vinci inspirou-se no trabalho do arquiteto romano Marcus


Vitruvius Pollio para idealizar este trabalho conhecido como O Homem
Vitruviano, que se trata de um modelo de perfeição, de proporções
matemáticas e relações simétricas entre os membros do corpo físico, como
um modelo clássico de beleza. Este é considerado um símbolo de simetria do
micro-cosmo, ou corpo humano e sua extensão ao Macro-Cosmo, ou
Universo!

O trabalho de auto-conhecimento se encontra sintetizado


maravilhosamente nas palavras do Antigo Templo de Delphos na Grécia:

"Te advirto, seja tu quem fores!

Oh! Tu que desejas sondar os arcanos da natureza, que se não achas


dentro de ti mesmo aquilo que buscas, tão pouco poderás achar fora.

Se tu ignoras as excelências de tua própria casa, como pretendes


encontrar outras excelências?

Em ti está oculto o Tesouros dos tesouros.

Oh! Homem! Conhece a ti mesmo e conhecerás o universo e os


Deuses..."

O Homem Vitruviano – Leonardo da Vinci


O umbigo, ou plexo solar é o centro da Esfera onde o Homem está
inserido. Notamos também que há um Quadrado e é interessante conferir
que matematicamente o volume do Quadrado é idêntico ao volume da
Esfera. O Quadrado representa o Quaternário, os Corpos: Físico, Vital, Astral
e Mental aos quais devem ser transformados através do trabalho com os Três
Fatores de Revolução da Consciência: Eliminação do Ego, Castidade
Científica e o Sacrifício pela Humanidade.

Porém, a busca pela Perfeição do ponto de vista externo, puramente


estética está totalmente equivocada! Devemos buscar o Perfeito dentro de
nós, libertando a Essência Pura e Divina no trabalho de auto-conhecimento e
auto-superação aqui entregue para o resgate as virtudes da Alma!

O Homem na posição de Estrela, com os braços estendidos e as pernas


afastadas, representa a Estrela de Cinco Pontas, o Pentagrama, que significa
o Homem que Revolucionou a Consciência! O Homem que eliminou o ego e
nasceu para as supra-dimensões da natureza! O Herói Solar! Aquele que
subiu ao Pai! O Homem Auto-Realizado!

O Auto Conhecimento e Os Tempos em que Vivemos

Se torna ainda mais fértil o trabalho interno à medida em que


aumentam nossas dificuldades, já que estas fazem parte do maravilhoso
ginásio psicológico que como bons alunos devemos tirar boas notas!

Ao longo do dia podemos observar o mal do lado de fora muito


facilmente, porém, se estamos no trabalho de vigilância interna de segundo à
segundo percebemos claramente que não somos tão bonzinhos quanto
pensávamos ser, pois, como um espelho da alma as maldades que vemos do
lado de fora temos também do lado de dentro!

Resulta maravilhoso e fecundo o trabalho interno nestes tempos


degenerados do fim! Onde devemos aprender a viver como as flores, que
extraem do estrume mal cheiroso todo necessário alimento mas jamais se
deixam macular, mantendo o frescor e o aroma agradável de suas pétalas!
Isto é o que chamamos no trabalho interno de nutrição psicológica, o que
devemos realizar de segundo à segundo sem jamais nos esquecermos de nós
mesmos.

O escravo das circunstâncias se faz como massa de manobra dos eventos


externos indo de um extremo a outro! O senhor de si mesmo se mantém
sempre em auto-observação contínua e suplicante à Mãe Divina, se faz
soberano, tranqüilo, sereno diante das mais diversas e adversas situações e
dificuldades.
“Que venham as dificuldades e as vencerei!” Do livro A Obra Magna.

A Morte Psicológica

O termo Morte Psicológica significa o trabalho de morte psicológica de


segundo à segundo, ou seja, seguimos com continuidade na lapidação
interior para ativar a Essência e dali extrairmos a Consciência.

Na Bíblia, Mestre Jesus nos ensina: ORAI e VIGIAI. Que se refere


exatamente ao trabalho de auto-superação, na auto-observação (VIGIAI) e
na lapidação interior (ORAI), suplicando à Divindade Interna, à Deus-Mãe
que elimine de nós as imperfeições observadas. Este trabalho deve ser hiper-
esforçado e contínuo, pois, à cada segundo virá uma tentação, um
pensamento para nos tirar destas disciplinas internas.

Orai e Vigiai incessantemente, ou seja, pratique a auto-observação e a


morte psicológica (morte psicológica) imediatamente à cada pensamento de
ira, inveja, impaciência, luxúria, cobiça, gula, vaidade, orgulho, preguiça,
medo, preocupações, etc... Bem como à todo e qualquer pensamento
involuntário, àqueles pensamentos em desacordo com a atividade que
estivermos realizando no momento.

Fazer uma atividade por vez, com a atenção naquilo que se está fazendo,
se vierem pensamentos contrários como lembranças do que já fizemos ou
teremos de fazer depois, preocupações, etc... Aplicamos a morte psicológica,
suplicamos à nossa Mãe Cósmica, a Mãe Divina que elimine de nós estes
agregados. Para então voltarmos a concentração na atividade.

Através destas disciplinas interiores não deixaremos a mente solta,


"viajando", perdendo energias indo atrás de cada pensamento que nos
chega... Nos tornamos pessoas mais centradas, concentradas, disciplinadas...
Gradualmente cometeremos menos erros, portanto, maiores serão os
acertos... Evitaremos acidentes... E desta forma vejam todos quanto Carma
deixamos de acumular!

Nos tornamos veículos de expressão da vontade e Obra do Pai!

Rumo à Autêntica Felicidade


Ter percebido em nós mesmos a maldade dentro já é um grande passo,
porém, para eliminá-la é necessário tremendo inconformismo pela
lamentável situação interior, vontade de querer mudar, de se transformar
radicalmente, nos hiper-esforços nas súplicas seguidas à nossa Mãe Cósmica,
na continuidade de propósitos na batalha interior, no arrependimento
profundo e o coração entregue ao Pai! Do contrário o fracasso é algo mais do
que certo!

Para o ego não há saída: Felizmente o mal tem um final, o mal não pode
ser disseminado pelo Cosmos! Ou o eliminamos através dos padecimentos
voluntários, o "Negar à si mesmo" (Marcos-8-34), ou vamos ao abismo da
Morte Segunda Bíblica.

Agora que todos estamos começando a compreender sobre a grande


rameira (ego) à qual a Bíblia se refere, cabe à todos nós que nos lancemos a
colocar as bases no autêntico trabalho Cristão para eliminar estas impurezas
de forma voluntária, pois, está evidente que os raciocínios que as pessoas
buscam nada mais são do que mais agregados que querem raciocinar,
ponderar, buscar algo mais fácil... Que não os padecimentos de segundo à
segundo, "Orando e Vigiando" incessante para descobrir, compreender e
eliminar os malvados do lado de dentro.

A mente se encontra por demais ativa querendo achar algo mais


cômodo, que seja calculável, para assim continuar em seus maus hábitos e
manias, justificando os agregados, que certamente desejam se safar... Assim
atua o ego que não quer morrer. Por isto é preciso retirar estes atores de
cena, para que o Pai possa conduzir o filho obediente que busca no silêncio
mental, nas disciplinas internas, nas condutas estreitas, nas práticas
contínuas a eliminação dos pensamentos que atordoam, que colocam
dúvidas, que sabotam a obra do Pai!

Portanto, a "linha de raciocínio" que as pessoas buscam estão


equivocadas. Nada compreenderam por absoluta falta de praticar. Aquele
que pratica não alimenta dúvidas, incertezas, inseguranças... Aquele que
pratica não alimenta tagarelices internas... Aquele que pratica não teme
passar fome, frio, sede por servir ao Pai... Pois a Fé no Pai é inabalável e
como filho obediente se lança a eliminar todas as pré-ocupações,
justificativas e evasivas do ego. Aquele que trabalha em auto-superação luta
sem tréguas para vencer à si mesmo! O caminho de volta ao Pai não está nas
linhas de raciocínios dos agregados.

À todos que estão chegando ao Grupo e mesmo aos que já receberam os


ensinamentos e ainda não começaram a praticar, sugiro que comecem desde
já a praticar as lições que aqui entregamos nas didáticas de auto-observação
e eliminação do ego para que possam comprovar por si mesmos tudo o que
aqui damos como testemunho vivido.
Os Departamentos Mentais

Os departamentos da mente são os recôndidos, as pregas mentais, as


profundezas abismais dentro de cada um de nós, onde se escondem os mais
terríveis agregados psíquicos, demônios que criamos, eus diabos que nos
escravizam, que nos tornam habitantes seguros do Averno, enfrascando a
Essência pura e divina. Estes agregados possuem morada nas infra-
dimensões da natureza.

Na prática como isto funciona?

Conforme nos aprofundamos em nós mesmos, à medida em que vamos


nos limpando de todo lixo psicológico, no trabalho interno de auto-
observação e auto-superação aqui entregue, iremos captar defeitos até então
desapercebidos, escondidos em nossas mais obscuras profundezas mentais.

Alguém que se julgue muito honesto, com muito espanto poderá ver em
si mesmo o defeito da desonestidade, o eu da trapaça, que quer levar
vantagens sobre os semelhantes. Aquele que se julga casto, eis que tem
dentro de si descobrirá o defeito da fornicação. Aquele que se julga caridoso,
tremenda será sua surpresa ao se deparar com o eu do egoísmo, da
crueldade, etc... Por isto há que se eliminar os agregados e suas múltiplas
ramificações, com todos os seus ângulos distintos nas inumeráveis pregas
mentais, pois, os defeitos se encontram irmanados, um alimentando ao
outro. Necessitamos eliminar os defeitos que aqui e agora observados para
avançar no trabalho para captar e compreender os defeitos até então
desapercebidos.

Será preciso trabalhar muito firme e decididamente de forma a nos


fazermos fortes e corajosos para investigar toda podridão interior, enfrentar
e vencer a nós mesmos!

O Trabalho Interior e os Meios de Informações

As mensagens que aqui são entregues necessitam ser compreendidos por


todos nós através das práticas. Assim tornaremos o diário viver uma eterna
prática em busca do Silêncio Mental, pois, não há como dar o segundo passo
sem ao menos ter dado o primeiro, há estágios, patamares, níveis distintos
de compreensões sobre os 3 Fatores. O Revolucionário de si mesmo travará
uma verdadeira batalha interior contínua para dar oitavas ascendentes no
trabalho interior.

É preciso apertar a auto-observação sobre nós mesmos, assim como as


disciplinas internas para ver quem dentro protesta! É algo como que ao
longo de muitos anos ao limpar a casa fôssemos empurrando, ou varrendo
toda sujeira para debaixo de tapete da sala. Se não quisermos conviver com
todo este lixo, este chiqueiro mal cheiroso, certamente que teremos que
retirar o tapete para observar e limpar todo lixo acumulado. Este paralelo
faço com relação ao trabalho contínuo de lapidação interior para realizarmos
a emergente limpeza psicológica.

Podemos dar ênfase na questão da televisão, internet, assim como


ampliar isto com relação aos demais maus hábitos, manias, atos mecânicos e
hábitos em geral que alimentamos amarras, travas para o nosso despertar...
Devemos romper com tudo isto, se é que realmente queremos nos tornar
revolucionários de nós mesmos!

Através da auto-observação vamos descobrindo que não somos tão


bonzinhos como achávamos, vamos percebendo que somos uma pilha de
defeitos psicológicos, envoltos em manias, em egoísmos, em busca do saber
subjetivo, intelectual que nos mantém adormecidos e desconectados da
Infinita Sabedoria do SER!

Sendo assim, defeito observado deve ser defeito eliminado


imediatamente! Não podemos continuar passando as mãos, sobre a cabeça
do ego.

Inconformados conosco mesmo, com esta triste situação interior em que


nos encontramos, buscaremos nas práticas de morte do ego a nossa
libertação de tudo o que criamos ao longo destes anos todos, vivendo na mais
absoluta inconsciência de nós mesmos.

Com a prática da morte do ego, haveremos de realizar profundas


transformações em nós mesmos. Se não nos transformamos, se não
rompemos com toda a mecanicidade em que estamos mergulhados, significa
que não estamos morrendo. Que estamos nos auto-enganando.

Quem não morre em si mesmo não pratica, não é um revolucionário,


mas sim um simpatizante do ensinamento, gosta de participar das reuniões,
ouvir as palestras, as conferências, etc... Mas está sempre justificando isto ou
aquilo para continuar no adormecimento e robustecer os gostos, os hábitos,
as manias, a mesmice... Não quer mudar, não quer se transformar, tem
medo, tem apegos pelo ego, não quer morrer, é um eterno pré-ocupado
consigo mesmo, pré-ocupado com as suas múltiplas necessidades, um
egoísta, não quer se revolucionar e isto é tudo!

Eliminando o egoísmo, nos lançamos a servir o semelhantes, não vamos


esperar que aqueles que necessitam venham até nós, mas sim vamos até eles!
Com o gradual despertar nos libertamos destes maus hábitos antigos, pela
busca pelo saber subjetivo, pré-ocupados apenas com o “próprio umbigo”,
com o próprio divertimento, entretenimento, com o acúmulo de
conhecimentos de todas as fontes externas que não entregam as
compreensões sobre os 3 Fatores. Isto não é “privilégio” apenas da televisão,
mas das revistas de todos os tipos que por ai abundam, dos livros pseudo-
esotéricos, 100% místicos...

O ego curioso faz as pessoas se perderem muito facilmente pelas buscas


subjetivas, assuntos fantasiosos, meias-verdades, pois, não gosta de
disciplinas, se dispersa muito facilmente, já que se encontra perdido em
múltiplos pontos conflitantes entre si.

Vamos despertando quando percebemos que o sentido da vida está em


servir aos semelhantes, quando eliminamos os eus que gostam disto ou
daquilo, que nos faz perder horas e horas diárias atrás de entretenimentos,
jogos, disputas, sonhos de consumo já tão massificados pelos meios de “des-
informações”, para fazer as pessoas consumirem desenfreadamente e assim
serem consumidas pelo sistema degenerado.

Com a morte do ego compreendemos onde nossa psicologia se apoiava


naquele tempo que passávamos a buscar algo externo, inferior, vamos
morrendo em nós mesmos, vamos mudando, nos transformando, colocando
“nossas vidas”, entre aspas pois não nos pertence, mas sim ao Pai! E a Obra
do Pai está em servir a Humanidade, realizar boas obras, pagar as dívidas,
eliminar o ego! Revolucionar a Consciência!

Os meios de “des-informações” conduzem as pessoas ao consumismo, a


consumir impulsivamente até aquilo que não necessitam, o descartável, o
inútil, o fútil, o mais “bonito”, o mais “moderno” apenas para satisfazer o
desejo momentâneo em “ter” isto ou aquilo, tal ou qual produto, que todos
estão comprando, inclusive os vizinhos, colegas da escola, colegas de
trabalho, etc... Então, o ego que não quer ficar para trás, quer ter também,
pois, o ego é um eterno insatisfeito, quanto mais tem, mais ainda quer
possuir, se robustecendo conduzindo as pessoas à involução. Seguem as
pessoas assim alimentando as cobiças, a inveja, o materialismo!

Tudo a volta está o sono da consciência, nos jornais, nas revistas, no


rádio, na televisão, etc... Os anunciantes alimentam o consumismo através
das propagandas em massa, saturam as pessoas de informações que feito
robôs se colocam a consumir, a obedecer às ordens do sistema, sem ao
menos se questionar internamente, apenas pelo “prazer” de ter e consumir.

É urgente compreendermos isto tudo, para que nos façamos auto-


observadores conscientes de nós mesmos e de tudo à volta, para que não nos
tornemos mais um em meio à multidão, para que desgarremos desta manada
involutiva e despertando a consciência, possamos ajudar aos semelhantes,
alertando-os, entregando estas compreensões vividas à todos. Se estivermos
diante das revistas, dos out-doors, dos programas de tv, dos comerciais, das
propagandas, iremos nos manter suplicantes, transformando as impressões
que nos chegam ao corpo mental de segundo a segundo, para não nos
deixarmos dormir, para não nos deixarmos seduzir pelo fútil, pelo inútil,
pelo ilusório, pelo que pertence ao tempo e com o tempo será consumido
inevitavelmente. Reflitam: Qual o programa de televisão que entrega as
compreensões sobre os 3 Fatores de Revolução da Consciência à
Humanidade?

A internet da mesma forma que é usada pela loja negra para alimentar o
consumismo, a pornografia, a maldade, iremos transcender a tudo isto
usando-a disciplinadamente para levar os Três Fatores de Revolução da
Consciência à todos os irmãos da Humanidade, à todos que querem! Assim
comprovaremos que este meio se torna um veículo maravilhoso a serviço da
Fraternidade Universal Branca, que inclusive já foi previsto pelo VM Samael
que o ensinamento seria divulgado de forma diferente no futuro. Eis a hora!

Estamos vivendo isto, pois, as mensagens veiculadas chegam aos mais


diversos pontos do país, desde o interior do Estado do Amazonas, no meio da
floresta, como atravessa os Oceanos chegando aos demais continentes. Isto
tudo fui compreendendo nas práticas, buscando a transformação interior,
compreendendo a emergência de morrer em mim mesmo os múltiplos
desejos, para fazer a Única Vontade do Pai. Assim precisamos nos direcionar,
pois se não estamos praticando, implantando e estreitando as disciplinas
interiores em auto-observação e auto-superação, estaremos robustecendo o
ego, criando formas mentais com as quais iremos sonhar, ao invés de termos
desdobramentos conscientes no astral.

Despertar a Consciência é descobrir que o motivo pelo qual estamos


aqui é o de auto-superação, de realização de boas obras, enfim, viver para
realizar a Obra do Pai servindo os semelhantes!

O tempo que perdíamos com os maus hábitos passamos agora à nos


dedicar a realização da vontade e Obra do Pai, realizando algo superior por
nós mesmos e pela Humanidade, servindo-a, mas em secreto, sem fazer
alarde, sem ficar fazendo propagandas do que estamos fazendo, o Pai sabe e
isto nos basta.

Vale o que fizermos pela Alma!


A Música Infra-dimensional

As músicas infra-dimensionais com seus ritmos sensuais,


demasiadamente barulhentas, cheias de distorções e gritos, refrões
repetitivos e letras degeneradas recheadas de maledicências, paixões e
luxúria; fazem uma verdadeira salada sinistra ao mesclar todo este tipo de
degenerações com a violência, a ira... Emitem vibrações negativas às pessoas,
que hipnotizadas por estas ondas sinistras externas se identificam devido às
sintonias internas, ou seja, devido aos próprios defeitos psicológicos! Na
total ausência de um trabalho de auto-observação e morte do ego de segundo
à segundo. Desta forma seguem alimentando o sinistro que se encontra
dentro de si mesmas: o ego animal.

“Des-governadas” por estas ondas sinistras, as pessoas cometem erros


seguidos contra si mesmos e contra os semelhantes, contra o Pai e o Cristo
Íntimo! Certamente que na total ausência de um trabalho de nutrição
psicológica de segundo a segundo, toda escória dos mais diversos defeitos
psicológicos afloram, conduzindo as pessoas ao delito, às drogas, aos vícios,
às paixões, ao crime, à auto-destruição, ao Abismo!

As músicas infra-dimensionais, cujo cunho comercial visa a venda, o


consumo, a exploração financeira, em busca do pseudo e fugaz “sucesso”,
pela “fama”, pelo acúmulo do “papel pintado”, serve aos esquerdos
propósitos do Pai. Serve à loja negra, que através dos refrões repetitivos,
ficam impregnados no corpo mental, “martelando” a cabeça das pessoas que
permanecem inconscientemente tagarelando infinitamente frases e
mensagens degeneradas, completamente alheias às buscas ascendentes e
superiores!

Milhares de casos e ocorrências ao longo dos tempos que se degeneram


irremediavelmente por todo o mundo, dão conta de que muitas tragédias,
sejam elas pessoais, familiares, etc... Sofrem influência direta destes meios
degenerados de “des-informações”, pois, conduzem as pessoas aos vícios, às
drogas, ao fumo, aos modismos, às bebidas alcoólicas, à rebeldia contra os
familiares, contra os semelhantes. Incitam as pessoas à violência, à
promiscuidade, às degenerações sexuais de todos os tipos.

Todo aquele que se lança a eliminar o ego, que trabalha transmutando


as energias sexuais criadoras se sacrificando pela Humanidade entregando
estas compreensões sempre de forma totalmente gratuita, ao vencer as mais
terríveis provas dos Mistérios Maiores, se tornará um Iniciado, passando a
dar os primeiros passos na Senda rumo à Libertação Final.

Todo Iniciado deverá baixar às infra-dimensões para reconhecer à si


próprio, compreender e eliminar as próprias criações abismais, para então
libertar a Essência pura e Divina que se encontrava encarcerada no defeito. É
preciso baixar para subir!

O Iniciado não apenas poderá como deverá investigar dentro de si


mesmo toda escória, toda espécie de imperfeição ou degeneração criada,
pois, optou por seguir o caminho estreito rumo ao Pai que é Pura Perfeição.
Resultando algo mais que impossível subirmos ao Pai carregando as
imperfeições que criamos, os traidores Dele dentro de nós.

O que aqui afirmo poderá parecer espantoso à todos, mas é preciso


alertar que precisamos nos libertar de todo e qualquer tipo de mal hábito. O
ego não pode ter gostos! O ego não pode ter vez! O gosto pelas músicas infra-
dimensionais também conduzem as pessoas à fornicação. Terrível “pedra nos
sapatos” daqueles que estão se lançando a trilhar o caminho da Santidade.

Baixando a certas regiões infra-dimensionais, o Iniciado investigará os


circos macabros, onde as músicas infra-dimensionais constituem trilha
sonora para os shows de horrores, onde magas negras de beleza maligna,
dançam completamente nuas se insinuando, se oferecendo, convidando a
todos para a orgia, para a fornicação... O Iniciado deverá se manter sereno,
tranqüilo, sem qualquer tipo de reação. Muitas vezes se manterá suplicante o
tempo todo para dissolver imediatamente qualquer aspecto de sua psicologia
que venha a se identificar com a situação. Assim se fará Luz se mantendo
eliminando as trevas internas e vencendo às tentações e logo, a cena toda se
desfaz, pois, é o Pai Quem conduz no astral o filho obediente.

Faço o alerta, pois, aos incautos, aos adormecidos, aos que se


identificam no mundo físico com tudo à volta, seja pelos apelos sexuais das
revistas, dos out-doors, dos programas de televisão, etc... Certamente que se
deixarão ser seduzidos, eis aí onde ocorrem as quedas sexuais através das
poluções noturnas!

As Poluções Noturnas

Será preciso que cada qual se aplique cada vez mais nas súplicas para
não serem levados ao longo do dia pelos apelos sexuais dos out-doors,
bancas de jornais e revistas, televisão, etc... De forma à não criarmos formas
mentais luxuriosas com as quais iremos sonhar, perder energias, fornicar no
astral, resultando nas poluções noturnas.

Vaso cheio transborda! Os solteiros deverão sublimar as energias


diariamente através da prática do Ham Sah. Os casados mesmo que não
tenham praticado a Magia Sexual naquele dia deverão igualmente
transmutar as energias sexuais diariamente.
É preciso praticar a morte do ego com afinco e continuidade. Praticar a
dualidade para que não se deixe identificar com a situação e morrer no ego
de segundo à segundo.

Precisamos transformar as impressões que nos chegam, para não nos


identificarmos com as coisas que pertencem ao tempo e com o tempo logo
estarão velhas, corroídas, enferrujadas... Com relação à luxúria também,
pois, com o tempo, o que hoje parece belo aos olhos, logo estará
pelancudo(a), enrugado(a) e decrépito(a)...

Na prática da Dualidade fazemos exatamente isto, transformamos as


impressões de forma a compreendermos os defeitos.

Na foto já há grande ensinamento, que dispensa palavras. Então agora


todos compreenderão na prática o que é a Dualidade e a Transformação das
Impressões.

Portanto, qual a verdade do orgulho? Da vaidade? Da luxúria?

Assim com estas compreensões "quebramos as pernas" do ego! Defeito


compreendido deve ser defeito eliminado imediatamente! Com o defeito
compreendido e à nossa mercê tratamos de dar-lhe o "golpe de
misericórdia"! Suplicamos à Força Superior capaz eliminá-lo
terminantemente:

Mãe Divina destrua este defeito desintegra-o.

Paciência, persistência, tenacidade entre tantas outras, são importantes


virtudes a serem conquistadas trabalhando na eliminação dos defeitos
diretamente relacionados.

É preciso levar o agregado ao julgamento, à prática da Decaptação. É


preciso levar o agregado à Morte Intensiva! Suplicando à Mãe Divina que o
elimine quantas vezes forem necessárias até que vá perdendo as forças e ser
totalmente aniquilado!

A Devoção às Divindades Internas, ao Pai, à Mãe Divina, o


arrependimento profundo, o coração entregue ao Pai nos abrirá as portas e
receberemos auxílio Divino!

Jamais nos esqueçamos de realizar as proteções com as conjurações ao


longo do dia e antes das práticas.

Se assim todos fizerem trabalhando com afinco e de forma seguida,


contínua fatalmente o ego morrerá!

Cessando a causa cessa o efeito.

A Luxúria e a Fornicação

Qual o motivo dos divórcios? De toda discórdia e violência nos lares do


mundo todo? Dos abusos sexuais e atrocidades cometidas contra as
crianças?

Vejam irmãos: As respostas se encontram em nós mesmos! Pois basta


que passemos a nos recordar de quando éramos enamorados, dos sonhos e
fantasias criadas. As pessoas se apaixonam criando ilusões sobre o par
perfeito, ideal...

Sonham com um esposo ou esposa de grande aparência, buscam as


maravilhas do lado de fora e se esquecem completamente de buscar as
maravilhas do lado de dentro, as virtudes da Alma! Resulta que desta forma
logo experimentarão a decepção, a angústia, o desconsolo, a dor... É como o
ditado popular: “Por fora: Bela viola! Por dentro: Pão bolorento!”

Pois, os relacionamentos em que não se colocam as bases no trabalho de


auto-observação e eliminação dos defeitos psíquicos, estão fadados ao
fracasso, cedo ou tarde, esta é a terrível realidade! Mesmo que em alguns
raros casos hoje em dia e após décadas de união não tenha ocorrido a
separação, o divórcio, porém, é fato constatado que a vida entre o casal se
torna um verdadeiro inferno, de discussões inúteis, picuinhas, cobranças,
impaciências... O que nada mais é do que a exteriorização do inferno que as
pessoas alimentam dentro!

Casais se apaixonam e no calor da paixão vem o desejo incontrolável


pela fornicação, quando gradualmente vai se perdendo toda a ternura, todo
carinho... Já que a fornicação alimenta a imunda luxúria, o ódio, os ciúmes,
as cobranças, os sentimentos de posses pelas pessoas, que sufoca, que
maltrata, tornando a convivência algo mais que insuportável!

Logo alimentam fantasias e como o ego é um eterno insatisfeito, tudo


acaba caindo na rotina, na mecanicidade, na mesmice... Secretamente o
esposo passa a sonhar com a bailarina do programa de auditório e a esposa
com o galã da telenovela. Eis aí já caracterizado o adultério, pois, mesmo que
não se tenha praticado o ato em si, já se adulterou em seus mais sórdidos
desejos e fantasias sexuais! Já se adulterou em seu coração!

A luxúria se robustece nas manias, nos abusos, na fornicação! A luxúria


também se encontra irmanada com a ira, o orgulho, a vaidade... Dentre
milhares de outros defeitos psíquicos. A luxúria vai degenerando as pessoas
que mergulham do mal para o mal... Lamentavelmente vemos que há eus, ou
defeitos, que se criam e se robustecem no casal que alimenta este tipo de
fantasias... O sexo passa a ser praticado com certa violência! Da mesma
maneira como homens que tratam as esposas com violência e estas aceitam ,
até gostam e se comprazem disto, vão se tornando sado-masoquistas e
habitantes dos infernos dantescos!

O Sexo Sagrado é profanado, praticado feito um jogo em busca de


prazeres fugazes e terminada a satisfação, vem o vazio, a falta de carinho, o
fastio... E com o tempo até mesmo o total desinteresse... Ou pelo outro
extremo a obsessão, a promiscuidade, o homossexualismo! O fundo do poço!

Os Enredos do Ego

Aquele que morre no ego de segundo à segundo não fica se remoendo


em hipóteses, antecipando possíveis dificuldades, se remoendo em situações
que jamais ocorrerão... Através destes pensamentos atraímos as tragédias
pessoais, pois, vamos criando sintonias sinistras, os pensamentos
cristalizam!

Precisamos ir mais à fundo na questão, pois, certamente que há


trabalhos e trabalhos...

Aqui vos dou o próprio testemunho vivido, sendo que se fosse pela
vontade dos pais físicos, infelizmente adormecidos, estaria este pó que vos
escreve de gravatinha por trás de uma mesa de escritório... Igualmente
adormecido por cargos, conquistas pessoais, financeiras, status, salários,
bonificações, etc... etc... etc...

Mas digo, que nada falta ao filho que busca a realização da Vontade e
Obra do Pai.
Convido a todos para reflexão:

O que nos faz buscar por empregos? As escravidão por horários a serem
cumpridos? Salários? Patrões?

À que tipo de escravidão estamos nos acorrentando diariamente?

Vivemos sonhando por concursos? Para ter maiores salários?


Segurança? Estabilidade? Aposentadoria garantida? Poses? Aceitação da
sociedade?

Alimentando o orgulho por termos superados nossos irmãos nas


disputas, nos concursos?

Quais são os enredos em que nos metemos? Estamos nos lançando


verdadeiramente para morrer no ego e nos libertando dos laços que nos
prendem?

Será que estamos vivendo o momento e obedecendo a vontade do Pai,


entregando os Três Fatores a todos? Ou vivendo sempre “pré-ocupados” com
o próprio umbigo?

“Qual o Pai que entrega pedras ao filho que lhe pede o pão?” (JC)

As Competições e As Disputas

Esta mensagem se faz urgente e necessária à todos pelos momentos em


que vivemos, servindo de alerta para que não se deixem levar pelo sono da
consciência, sendo conduzidos pelas marés da vida, à respeito das tragédias,
das comédias, dos dramas cotidianos.

O ego é reacionário, sempre irá aflorar diante das mais diversas


circunstâncias da vida, provocando reações até violentas nas pessoas,
escravizando-as aos extremos: Em um determinado momento se deixa tomar
pela euforia, para em seguida ser tomado pela angústia, a depressão, etc...

Devemos nos tornar Senhores de nós mesmos, sem nos deixar


identificar pelos mais diversos acontecimentos externos, vendo tudo à volta
como um filme, mantendo a serenidade diante de tudo à volta, diante de
todas as dificuldades, problemas, etc... etc... etc...

Agradecendo ao Pai por todas as oportunidades de aprendizado, de


auto-conhecimento e auto-superação deste Maravilhoso Ginásio Psicológico,
fazendo jus à todo auxílio e misericórdia Divina por todos nós, os pecadores.
Nestes instantes, onde as disputas externas são cada vez mais intensas,
irmãos contra irmãos, nações contra nações por trás da fachada do
"desporto"; se robustecem terrivelmente o ego animal: O orgulho, a euforia,
a vaidade... Aos equivocadamente anunciados "vencedores"; por outro lado,
a tristeza, a decepção, a vergonha... Aos "perdedores". Resulta que todos
igualmente fracassam ao robustecer a besta interna, o ego animal.

Vemos irmãos dedicando toda existência se sacrificando inutilmente,


sonhando, se preparando para uma disputa, uma competição com o intuito
de superar os semelhantes, se esquecendo, vivendo completamente alheios
da própria Objetividade Existencial.

São existências inteiras desperdiçadas pela busca da "glória", da "fama"


que dura tão só alguns e efêmeros momentos neste plano físico denso,
material, até cair no completo esquecimento, sendo tragados pela involução.

São capazes de doar a vida, amam bandeiras e hinos, pela "glória"


daquilo que não tem verdade alguma, que se refere a um determinado
território demarcado por fronteiras à qual equivocadamente denominam
"nação".

A Nação Humana sim! É a grande família.

Mas qual destes seriam capazes de viver em carne o Drama Cósmico?


Negar à si mesmos, o orgulho? A vaidade? A "fama"? As buscas externas?
Negar à si mesmos as "glórias" terrenas para buscar os Tesouros dos Céus?

Qual destes seriam capazes de viver em Castidade? Morrendo em si


mesmo cada diminuto detalhe, cada mínimo pensamento de luxúria durante
a cópula metafísica?

Qual destes seriam capazes de doar a vida para que os semelhantes


vivam? Morrer pela realização da Vontade e Obra do Pai? Vivendo e
entregando à todos os Três Fatores da Revolução da Consciência?

Diante das Leis Cósmicas, da Lei de DEUS, as fronteiras, as medalhas


dos homens, suas glórias terrenas, etc... etc... etc... Não tem valor algum.
Vale sim o que fizermos pela Alma, pela Obra do Pai, pelos irmãos da
Humanidade.

O julgamento da Alma se dá através da leitura da "cana", o Fogo Sagrado


e sua ascensão ao longo da coluna.

VIGIAI E ORAI: O Cristão não se deixa levar por estas baixas emoções
das torcidas, se tornando cúmplices com o delito de irmãos que buscam
superar outros irmãos, por onde veladamente, mas nada está oculto diante
do Pai, se alimentam rixas e rivalidades.

O Cristão se faz consciente de si mesmo, negando à si mesmo de


segundo à segundo toda e qualquer tentação de se entregar ao delito, busca
as práticas de Morte Psicológica, Morte Intensiva o "PONTO" dentro, ao qual
o mantém conectado às Divindades Internas, sem jamais esquecer-se de si
mesmo, se deixando levar pelo sono da consciência, fazendo valer esta
existência terrena se tornando valente Guerreiro de si mesmo, sem molezas,
sem justificativas, sem evasivas, sem deixar a "mente" solta um segundo
sequer, se fazendo disciplinado, objetivo em sua busca, pois, através das
próprias comprovações e buscas incansáveis fica cada vez mais nítida a
diferença entre a Essência e o ego.

As Desilusões “Amorosas”

No mundo da mente criamos ilusões, sonhamos acordados, desejando


coisas, satisfações, sempre apoiados em coisas inferiores, de apegos,
conveniências sociais, materialismos, luxúria, saudosismos, etc... Pois a
mente é múltipla, não há uma unidade consciente, mas sim múltiplos desejos
e vontades, manias que escravizam as pessoas em seus maus hábitos.

Certamente que isto tudo irá conduzir as pessoas ao sofrimento, à dor,


ao pranto! Pois são "des-governadas" pelos milhares aspectos inferiores, os
defeitos psicológicos!

Logo, o "eu" que hoje jura amor perpétuo, "amanhã" será trocado pelo
"eu" que não quer mais!

Por estas e outras atrocidades cometidas contra a Estrela do Amor, os


humanóides profanadores do Sagrado já foram condenados ao abismo:

"Tomou a palavra o Logos de Vênus, Uriel; montado em sua


carruagem rosada, repartiu a cada um dos Logói uma rosa, e começou a
enumerar, um a um, os crimes cometidos contra a Estrela do Amor:

A Fraude moral: homens e mulheres que juram amor eterno e nunca o


cumprem; que utilizam a palavra Amor para justificar seus erros e suas
paixões; são máquinas humanas que escondem seus delitos atrás de uma
máscara." (VM Samael)

Agora que os véus da ignorância estão sendo retirados, o que importa à


todos é que se lancem ao trabalho de eliminação do ego, de forma que a Lei
lhes coloquem o esposo ou esposa, onde juntos constituirão um Autêntico
Lar Cristão!

O Amor Consciente é firme, não é cúmplice com o delito, com a


preguiça, com a auto-importância, com o egoísmo, com a auto-piedade, com
a falta de vontade de praticar a morte do ego...

Certamente que sob as lentes do ego, o Amor Consciente será visto como
ódio, pois, o ego quer ser "paparicado", o ego quer ser "massageado", o ego
quer ser "colocado no colo"...

O ego nos faz passar por "ridículos". Então virão os protestos, as auto-
considerações, as auto-piedades numa tagarelice quase que insuportável
para aqueles que não praticam as lições entregues pelos Mestres.

Mas se não praticam as lições entregues pelos Mestres, resulta


contraditório que venham protestar Àquele que as entrega, sendo que se
estivessem vivendo o ensinamento estariam eliminando os infernos mentais
criados, teriam a cura para todos os seus males.

O ego jamais irá apontar o dedo para si mesmo, o ego não quer morrer.
Resulta muito difícil ao ególatra julgar o defeito e condená-lo à morte!
Suplicando à Mãe Divina que o elimine terminantemente. Mas sim é muito
mais fácil ir pelo caminho largo, o caminho mais fácil, aquele que todos vão
sendo sugados até o abismo!

O Mestre não busca agradar aos egos alheios, não busca seguidores... Se
esperam a cumplicidade do Mestre, certamente que estão redondamente
enganados... Aqueles que assim buscam, fazem suas escolhas: Se apartam
cada vez mais do Mestre Interno e conseqüentemente dos Mestres do lado de
fora.

Por outro lado, aqueles que praticarem com afinco e continuidade as


lições que o Mestre entrega, certamente que estarão se aperfeiçoando e se
aproximando do Mestre Interno. Ao eliminar o egoísmo que os mantém com
os olhares fixos para o próprio umbigo, reconhecerão e se lançarão à auxiliar
estes Mestres do lado de fora, fazendo suas Obras, se sacrificando, ajudando
antes de esperar ajuda, realizando igualmente a Obra do Mestre Interno,
pois, heresia seria querer separar as Divindades do TODO.

Faço este alerta para o bem da Humanidade! Pois, Aquele que pratica,
elimina o egoísmo, se lança à ajudar e não espera ser ajudado!

Um problema tem a dimensão que damos à ele! Diante de um problema


teremos sempre duas opções:
Alimentar os pensamentos sobre ele, tornando-o um monstro, nos
escravizando por estes infernos mentais criados e sofrer terrivelmente... Ou
eliminar cada diminuto pensamento, lembranças ou preocupações sobre o
problema suplicando assim:

Mãe Divina destrua este defeito desintegra-o

Aquele que quer morrer no ego pratica desta forma seguidamente, com
afinco! Com fervor! Com o Coração! Com Fé que a Mãe Divina está
eliminando o defeito!

Quantas vezes forem necessárias! Mas sem ficar contando!

Certamente que ao eliminar o egoísmo, nos dedicaremos a ajudar os


semelhantes levando à todos estas compreensões sobre os 3 Fatores de
Revolução da Consciência.

A vida dedicada ao trabalho à serviço da Humanidade, nos abre os olhos


para ver que nossas dores são ínfimas diante de todo sofrimento à volta.

Ao nos dedicarmos a sanar a dor de nossos semelhantes, nos


esquecemos de nossas dores. E eis que com espanto! Nos curamos de todos
os males que nos afligem!

As Drogas, Os Chás e as Muletas para o Despertar

O Despertar da Consciência não depende de muletas, seja através de


drogas, alucinógenos, chás, etc... etc... etc... O uso de entorpecentes
aprisionam as pessoas às infra-dimensões da natureza.

Mas sim de nossos hiper-esforços contínuos no trabalho com os 3


Fatores de Revolução da Consciência:

Eliminação dos Agregados Psíquicos

Castidade Científica

Sacrifício pela Humanidade

As drogas viciam, nos escravizam, degeneram as células cerebrais,


destruindo o corpo vital assento básico da vida orgânica.

Através destes maus hábitos há o comprometimento de todos os corpos.


Tudo isto vem se desdobrando de cima para baixo: dos corpos mais sutis
como o mental, astral, vital até o corpo físico.

Um corpo vital comprometido dará base à formação de um corpo físico


igualmente doente. A degeneração das células cerebrais pelas drogas e
demais substâncias nocivas causará a deficiência mental dentre tantos outros
males.

O ego são os agregados psíquicos, que neste caso, nos escravizam na


cobiça, na ansiedade, na expectativa por experiências lúcidas, na busca por
algo mais fácil ou cômodo rechaçando completamente as disciplinas e o
trabalho de lapidação interior de segundo à segundo aqui entregue.

O ego se robustece na total ausência de um trabalho interno em busca do


real sentido de nossas vidas. O ego nos conduz aos erros consecutivos.

Estes erros geram Carma. São os delitos cometidos contra nós mesmos,
contra os semelhantes, contra as Leis de Deus, contra o Espírito Santo,
contra o Cristo Íntimo, contra o Pai!

O Carma se anula com as nossas boas obras, porém, se não há boas


obras e não temos como pagar, pagaremos com a dor... Vem as
enfermidades, as tragédias pessoais, o sofrimento, a dor...

É preciso alertar a todos que neste momento estão sendo ludibriados


pela trama negra do comércio dos elementais dos vegetais. Magos negros
fazem apologias ao uso dos popularmente conhecidos como daime, yagué,
ayuaska e tantos outros nomes... Seduzindo as pessoas com as falsas
promessas para o despertar a consciência rápido, fácil e sem grandes
esforços, desde que, obviamente, paguem pelos serviços!

Ora, se assim fosse, não teria sido necessário todo Drama Cósmico e
todos os sacrifícios de todos os Mestres em entregar o Ensinamento Sagrado
ao longo de todos os tempos por Amor à Humanidade doente. As Sagradas
Escrituras e todos os ensinamentos de todos os Grandes Mestres da Grande
Fraternidade Branca, Avatares, Budas, Cristos, etc... Então poderiam ser
trocados pela simples frase: "Beba o chá".

Vejo como lamentável esta situação, pois, até nas escolas tenho recebido
notícias de pseudo-professores que, à serviço da loja negra, passam a
incentivar jovens adolescentes para a bebericagens destes chás, alimentando
este comércio nefasto, se apropriando indevidamente dos elementais das
plantas, escravizando-os e escravizando as pessoas na dependência e no vício
destas substâncias pelo pretexto e na cobiça pelo Despertar da Consciência,
pelas faculdades da Consciência que ao Pai pertencem.
Faço o alerta, pois, apartados das tarefas Cristãs estes estão praticando
magia negra! Tanto os preparadores e comerciantes do chá, como os que
defendem estas práticas e seus seguidores vão se tornando habitantes dos
Círculos Infernais Dantescos, onde só há a dor, o pranto e o ranger dos
dentes.

Todos os traidores, enganadores e exploradores da Humanidade, assim


como aqueles que praticam a Magia Sexual sem morrer no ego, caem do mal
para o mal, desenvolvem inteligência maligna, na cobiça por possuir
faculdades psíquicas, fazendo os Chackras girarem no sentido contrário. Nos
mundos internos poderão ser vistos com os chakras do baixo ventre e a
cauda de satã em pleno desenvolvimento.

Aqui entregamos a saída à todos:

O PROFUNDO ARREPENDIMENTO PELOS ERROS


COMETIDOS!

E o trabalho com OS 3 FATORES DE REVOLUÇÃO DA


CONSCIÊNCIA!

Não há outra saída! Sugerimos que protejam-se da lábia grudenta dos


lobos em peles de ovelhas!

Faço o alerta para o bem e por Amor à Humanidade!

O Problema das Drogas que Assola a Humanidade

As drogas destroem as células cerebrais e todo organismo de uma forma


geral, tornando as pessoas escravas destes vícios e maus hábitos, gerando
terríveis carmas já que passam a se auto-destruir cometendo o suicídio lento
e doloroso.

Da mesma forma que as pessoas vão destruindo o corpo físico, órgãos e


cada célula; passam igualmente a destruir os corpos astrais, vitais e
mentais...

O agravante desta situação é que o corpo vital é o assento básico da vida


orgânica, se nós comprometemos o corpo vital com estes maus hábitos
certamente que estaremos prejudicando o corpo físico desta e numa próxima
existência, por isto os bebês já nascem deformados, deficientes mentais, etc...

Precisamos em caráter emergencial iniciar o trabalho de eliminação do


ego que aqui entregamos para limpar o corpo mental de todo lixo indesejável
que inclusive muitos já perceberam o grau de escravidão e dependência que
causam a si mesmos!

O pior que se possa fazer é buscar as inúmeras doutrinas equivocadas


dos transes mediúnicos, destas que não ensinam o trabalho interno para
eliminar de forma definitiva todos estes aspectos inferiores da psicologia,
como o vício e a ansiedade pelo uso das drogas, pois, o vício se torna um
meio de auto-destruição, assim sendo, é preciso eliminar o mal pela raiz,
eliminando o ego que é a causa de todos os males, já que todas as respostas
se encontram dentro de nós mesmos!

Certamente que o trabalho de eliminação das imperfeições psicológicas


é individual, hermético e intransferível, porém, as pessoas sempre poderão
contar conosco para o que for preciso! Para esclarecer todas as dúvidas e
entregar as compreensões que necessitam para que possam ir
compreendendo este verdadeiro trabalho em busca da Autêntica Felicidade!

Quando alimentamos a maldade dentro de nós, os vícios, os maus


hábitos, os pensamentos inferiores vamos estabelecendo o elo de ligação
com as pessoas e entidades com as mesmas baixas vibrações e sintonias, por
isto, ao eliminarmos estas imperfeições dentro de nós gradualmente irá se
formando uma redoma de proteção que nos envolverá e nos protegerá dos
ataques dos tenebrosos!

O medo é mais um agregado psíquico a ser eliminado, algo em nosso


Íntimo sabemos que estamos em dívida com o Pai, com a Humanidade, por
isto sentimos medo. Aquele que realiza boas obras vence o medo,
eliminando-o! Já que não há verdade neste sentimento inferior, assim sendo,
é preciso mudar de forma radical a maneira com a qual temos conduzido
nossas vidas, nos arrependendo pelos erros e passando a buscar algo
superior para a existência!

A doutrina é a doutrina do Coração, que possamos todos seguir nos


auto-observando e nos lançando ao trabalho de auto-superação para
eliminar o fútil, o inútil, o ilusório e assim poder ver o Sublime! O
Ascendente! O Divino!

Muitos viciados se justificam alegando que se sentem muito bem usando


as drogas, porém, será preciso se esforçar além do máximo para
compreender e eliminar estas falsas sensações e buscas por prazeres fugazes,
que após o seu efeito logo virá a angústia, a tristeza, o vazio interior e toda
dor...

O ego é a raiz de todos os males, é o ego que escraviza as pessoas nas


drogas, é o ego que destrói o planeta e causa as guerras!
Velhice: Sinônimo de Doença?

Nos tempos em que vivemos a velhice se tornou um sinônimo de


doença, mas não era para ser assim, não deveria ser assim! Pois, a
humanidade está sendo condicionada a viver para superar os semelhantes.
Logo em tenra idade nos ensinam que devemos superar os amiguinhos, os
coleguinhas... Mas jamais nos ensinam estas emergentes lições: O sentido de
nossas vidas que é de fato muito distinto do acúmulo de bens, em busca de
poses e posses, diplomas, para fazer inveja às pessoas, alimentar cobiças, o
orgulho, desejos que nos escravizam e destroem completamente a saúde das
pessoas.

É preciso que todos nós aprendamos a viver e certamente que viveremos


mais felizes e saudáveis, realizando boas obras, ajudando os semelhantes,
pois, ao nos doarmos pela humanidade esquecemos de nossas dores e eis que
os problemas serão naturalmente resolvidos. A Luz se alimenta de Luz, da
mesma forma que o Amor se alimenta do Amor, então, quanto mais nos
doarmos mais iremos receber, mas sem pensar em receber, pois, à cada
segundo existe um pensamento ou defeito que vem para nos roubar energias,
o ego nos trai de forma sutil sabotando a Obra do Pai, por isto é preciso Orar
e Vigiar de segundo à segundo para não nos deixarmos sonhar, sendo
enganados pelos inimigos que moram dentro. Precisamos desalojá-los de nós
mesmos, expulsá-los, compreendê-los e suplicar à Mãe Divina que os
elimine! Que nos limpe de todo mal!

As pessoas se tornam cada vez mais dependentes e cada vez mais cedo
das drogas devido a total ausência de um trabalho sério em suas psicologias,
de auto-observação e auto-superação. Vivem a vida preocupadas,
estressadas, apressadas, irritadas, impacientes, ansiosas... E tudo isto
contribui para desgastá-las física e emocionalmente. Suas energias são
consumidas. As pessoas são desvitalizadas abrindo o canal para as
enfermidades, pois, antes mesmo de chegarem ao corpo físico já se
encontravam instaladas em nossos corpos sutis.

As drogas apenas camuflam os sintomas, porém, é preciso buscar a cura


em sua profundidade. A hipocondria é um mal que vem sendo cada vez mais
presente em todos nós. As pessoas se tornam dependentes, escravas das
drogas, pois, ninguém lhes ensina a eliminar o mal pela raiz. Certamente que
para cada doença existe um defeito psíquico como raiz de cada enfermidade,
alguns médicos já estão admitindo este fato.

Os defeitos psicológicos de ansiedade, de impaciência que se não


eliminados são robustecidos servindo para alimentar a raiva, a ira, o ódio!
Estes defeitos, dentre outros tantos, são os causadores das gastrites, das
úlceras, dos problemas de pressão, hipertensão, causam fortes dores de
cabeça, enxaquecas e até impotência sexual, pois, neste caso, durante estes
ataques de ira se desestabilizam os centros vitais das pessoas, a máquina
orgânica já desgastada irá roubar energias do centro sexual que é poderoso,
tornando as pessoas incontroláveis para agredir, para brigar, para fazer o
mal.

Aqui deixo o testemunho vivido sobre a maneira com a qual consegui


me curar uma rinite alérgica que muito me afetava, pois, ao eliminar os
defeitos que causavam este mal, eis que a doença simplesmente desapareceu!
O uso de produtos químicos para aliviar a obstrução das narinas pelas
secreções tornara-se algo como um vício, já que impaciente e ansioso, diante
de um mínimo sintoma já corria para usar o remédio pingando-o nas
narinas, não deixando que as mucosas se recuperassem, como uma defesa
natural do organismo. Eliminando estes defeitos pude me curar eliminando
igualmente a dependência destes remédios.

A indústria das drogas explora a humanidade no comércio


extremamente lucrativo para os cobiçosos que vivem e enriquecem às custas
das doenças e desgraças da humanidade. Na cidade do litoral em que
morava, com o tempo, as sorveterias foram fechando de forma gradual para
então abrirem novas farmácias para atender a crescente população de idosos
em busca de cada vez mais drogas.

É lamentável, mas as pessoas destroem suas vidas, se escravizando e


adoecendo para adquirir e acumular bens e dinheiro, em busca da satisfação
dos múltiplos desejos do ego e quando chegam à velhice, gastam o que
acumularam para tentar recuperar a saúde.

A Maldade Banalizada

Certa vez um viciado em drogas me perguntou: “Mas porque não me


sinto alimentando a maldade dentro de mim?”

Nós não sentimos que estamos alimentando a maldade dentro de nós


por absoluta falta de buscar algo superior para nossas vidas, vemos que a
maldade no mundo em que vivemos está disseminada por todos os cantos,
banalizada! Basta olharmos ao mundo à volta para constatarmos isto, nas
guerras, na violência urbana, nos crimes, no tráfico de drogas que nós
mesmos alimentamos devido aos nossos maus hábitos consumistas, no
materialismo que provoca a destruição da natureza, a poluição dos ares, dos
rios, da terra e dos mares, na total inconsciência de nós mesmos e do sentido
de nossas vidas!

Assim fica evidente que o mal não reconhece em si o mal, mas sim que
se acha sempre justo e bondoso. Haja visto que nos mundos infra-
dimensionais os sofredores do averno ao verem os Anjos ficam horrorizados
como se tivessem visto um demônio!

Assim o ego jamais saberá o que é o Amor, o Amor Consciente, pois, em


sua inconsciência irá chamar de Amor os aspectos inferiores dos ciúmes, do
apego, das cobranças, das carências, etc... Por isto o criminoso passional diz
diante do Tribunal justificando as atrocidades cometidas:

Fiz o que fiz por amor!

Que de fato nada tem a ver com Amor!

Assim segue toda humanidade doente sempre se achando muito justa,


sempre justificando seus maus hábitos se auto-destruindo e destruindo a
própria casa onde vive numa total inconsciência!

Alguns até admitem saber disto, mas saber que é preciso eliminar o ego
não basta, é preciso trabalhar eliminando cada diminuto defeito em cada um
de nós, pois, até o mais "bonzinho" dos seres carrega o ego dentro e ninguém
está livre deste trabalho de auto-observação e superação interior!

A Essência é Divina, o problema é que o ego não quer mudar, é muito


difícil eliminar o ego e fazer a vontade do Pai libertando esta Essência que se
encontra engarrafada nos agregados psíquicos, assim, o ego irá rechaçar
estas palavras e ensinamentos Solares para continuar justificando a falta de
vontade, preguiça e falta de coragem em morrer psicologicamente.

É lamentável, mas aos ególatras que assim procedem estão fazendo suas
escolhas e mais uma existência se desperdiça em vão.

As Grandes Catástrofes: Uma Mensagem Atual

Diretamente ao assunto todos temos visto através dos noticiários ou até


sentindo na pele mesmo, vivendo os dramas na carne, à respeito do que
ocorre a uma humanidade que vem rechaçando à milênios o trabalho de
auto-superação que aqui entregamos diariamente.

Certamente que a violência urbana, a criminalidade, a corrupção, a


exploração aos semelhantes, as tragédias coletivas e catástrofes climáticas
possuem aspectos que se encontram relacionados aos nossos defeitos
psicológicos, pois, ao contrário dos nossos maus exemplos, as Humanidades
revolucionadas, nossos irmãos intergalácticos aprenderam o modo operante
para a dissolução do ego, colocando-o em prática, assim conseguem
controlar a natureza em benefício de todas estas humanidades.

Estas tragédias e catástrofes notoriamente vem em ciclos que se


intensificam à medida em que robustecemos o ego, destruímos e poluímos o
planeta! Vem para devastar o castelo de areia construído pelo homúnculo, ao
mesmo tempo que já adverte sobre a emergência das transformações
interiores, também avisa que não foi a primeira nem tampouco será a última
catástrofe!

Por isto, convém lembrarmos que o ego é por demais comodista, então
passado o susto, logo terá esta tendência ao esquecimento e então tornará
mais uma vez as pessoas reféns da suas prisões psicológicas, seja por apegos
às coisas, locais, pessoas, empregos, negócios, etc...

Devemos aprender a buscar o novo! E esta busca parte de nós mesmos!


É tudo interno! Aquele que se transforma internamente compreende que não
existe apenas tal ou qual local no Universo e que o simples fato de ter
nascido em determinado local não quer dizer que deverá ali permanecer
preso, criando raízes, esperando a morte chegar...

O país é grande! O Planeta maior ainda! O Universo é infinito! Por isto é


preciso aprender amar “grande”! Não se prender ou se enfurnar numa "toca"
e teimosamente bater o pé e só sair desta "toca" em um paletó de madeira!

Há casos de pessoas que arriscam as vidas para "salvar" um aparelho de


televisão... Outros que morreram soterrados, pois, preocupados voltaram
para pegar os documentos!

Vemos que os agregados sempre irão justificar: "... minha casa...", "...
meu emprego...", "... meu isto... meu aquilo..." E assim vai se auto-
enganando, colocando em risco desnecessário o veículo físico do Mestre
Interior, já que há muito trabalho a ser realizado pela humanidade, na
construção dos corpos existenciais na Alquimia, no rompimento das
recorrências, nas boas obras e anulação dos carmas, etc...

Há tempos em que o VM Rabolú através de seu budhisatwa já nos


alertava quanto aos perigos de se permanecer em áreas de risco como os
litorais, grandes rios, etc...

Vamos levar estas mensagens de compreensão à todos irmãos! E assim


sendo, à partir das transformações internas, o Pai os tirará de todo e
qualquer perigo! Por Amor à Humanidade!
Grandes Lições de Vida

Conforme vamos trabalhando sobre nós mesmos aprendemos que é o


ego o motivo de toda discórdia entre irmãos, de toda maledicência, pois, as
pessoas ao invés de eliminar os inimigos internos, ou seja, seus próprios
defeitos, perdem precioso tempo e energias passando a cultivar inimigos do
lado de fora, acusando, julgando e condenando seus semelhantes.

Isto nada mais é do que o retrato de tudo o que estamos vivendo nos
dias de hoje, basta ver os noticiários, assim, vemos irmãos lutando contra
irmãos. Eis aí a origem das guerras, das intrigas, da violência urbana e
violências em todos os sentidos contra a vida! Porém, cada vez que
apontamos um dedo a um semelhante os outros três dedos da mão apontam
para nós mesmos.

Por isto, todas as dificuldades, todas as maledicências e todas as pedras


que nos atiram devem ser recebidas com carinho. Isto tudo faz parte do
processo do Iniciado que busca servir aos semelhantes, que trabalha com
muita alegria, atenção e Amor para com todos os irmãos!

Precisamos transformar tudo! O elogio não nos enaltece, assim como as


críticas não nos entristecem, pois, há um trabalho a ser feito e nada poderá
nos tirar da execução do Plano e realização da Obra do Pai. Há muita Força
dentro daqueles que tem o Pai dentro!

Quando lhe acusarem de algo indevido, silencie e perdoe, não se


preocupe em fazer sua defesa, se ocupe na realização da Obra, quanto mais
lhe acusarem mais forças tome para ti mesmo! Para vencer à si mesmo! E se
doe em sacrifício! Igualmente doando toda Luz que recebes!

Siga perdoando à todo que te perseguem e trabalhando pela


Humanidade em silêncio... Aqueles que igualmente trabalham sobre si
mesmos na eliminação do ego e buscam o Pai dentro te reconhecerão.

Lembre-se de que sempre haverão os contrários à Obra de Teu Pai, seja


por inveja, seja por ódio, seja pelas maledicências, etc... Mas felizmente este
“sempre” que foi dito, não se alonga à Eternidade, pois, para todo mal há um
dique final! Porque aqueles que atiram pedras em ti, na verdade estão a
atirar pedras contra o próprio Pai, contra o Cristo Íntimo, pois, os
semelhantes somos nós mesmos! Procedendo desta forma, você se tornará
senhor de si mesmo e jamais escravo das circunstâncias!

Assim disse um Grande Mestre, Amigo e Irmão que muito me ajudou e


ajuda tanto nos desdobramentos, nas supra-dimensões da natureza, como
aqui no físico:
"Pois como poderia dizer de Deus, se não soubesse amar o próximo!
Mesmo que ameacem agredir-me, compreenderei que isso é falta de
compreender e praticar as lições de Deus. E de certo perdoaria. Pois é fato
se amasse à Deus, também me amaria! Do mesmo modo que amo a todos
os seres, sem exceções!" (VM Raphael)

Em Mateus 5,11 encontramos estas palavras:

Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguiram e,


mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa.

Aquele na vivência dos ensinamentos do Cristo, compreendeu que o


sentido da vida está em servir, não dispõe de tempo para comentar as
injúrias e calúnias, não perde tempo se preocupando com a auto-defesa,
pois, está tudo muito bem pesado pelos Senhores da Lei Divina. Nada está
oculto ao Pai e à Lei Cósmica.

Existe nas supra-dimensões da natureza os Registros do Akasha onde ali


se encontram os registros de tudo o que aqui fizemos, sejam as boas, sejam
as más obras.

Aqueles que quiserem buscar a verdade que trabalhem para o Despertar


da Consciência, se desdobrem conscientemente em astral e acessem os
Registros do Akasha comprovando tudo por si mesmos, em busca da própria
verdade e então comprovarão igualmente sobre o trabalho de todos os
Mestres pela Humanidade!

Portanto, que só tenhamos boas obras, pois, aquele que julga pelo
mesmo será julgado.

Os momentos difíceis são maravilhosas oportunidades para o auto-


conhecimento, para o trabalho de auto-superação e para a prática do perdão.

Sempre houveram Mestres vivendo e entregando estes ensinamentos à


todos e sempre haverão, quer queiram crer as pessoas ou não. A
Humanidade jamais fora deixada desamparada ou abandonada pelas
Hierarquias Celestiais.

Ao longo da história todos os Mestres que vieram ao mundo físico


ensinar estas lições sempre encontraram opositores, para maldizer, caluniar,
agredir e até assassinar!

Portanto, não seria isto diferente nos tempos degenerados em que


vivemos, tempos de grandes aflições e tragédias, violência e caos...
Exatamente pelo fato das pessoas rechaçarem ou até desprezarem todo o
trabalho de auto-conhecimento, auto-observação e auto-superação que aqui
entregamos sempre de forma totalmente gratuita.

Todos aqueles que viverem o que aqui ensinamos, comprovarão por si


mesmos tudo o que aqui comprovamos e damos como testemunho sobre o
que vivemos todos os planos ou dimensões da natureza.

Quem viver verá!

Perdoem-me por algo mas vamos adiante, pois, independentemente das


opiniões contrárias a Obra não para!

Jamais deveríamos protestar, reclamar ou ficar lamentando, mas sim


apenas agradecer:

Muito obrigado!

Mensagem de Natal

O Verdadeiro "Presente" que possamos dar à Humanidade, não apenas


no Natal, como a todo ano, a todo mês, a todo dia, minuto e segundo é a
entrega do Ensinamento Sagrado, para que todos os irmãos tenham a
oportunidade de buscar pelo sentido de suas vidas, pela Autêntica
Felicidade!

Os Ensinamentos estão chegando à todos! Disponibilizamos os livros e


os filmes a serem exibidos, além de todo material indispensável sempre de
forma totalmente gratuita.

O trabalho realizado na vivência e divulgação maciça do Ensinamento


Sagrado é a Força Ascendente que impulsiona as pessoas a se libertarem do
materialismo, das gastanças, do consumismo, das comilanças, das
bebedeiras, do "oba-oba" destas épocas onde são deturpados completamente
o real sentido do Natal!

Natal que todos devemos fazer em nós mesmos. No trabalho para


aglutinar as Energias Crísticas dentro de nós! Na eliminação do ego, na
castidade e no sacrifício pela Humanidade.

Por isto, sugerimos que reúnam as famílias, que entreguem à todos estas
compreensões, promovendo encontros públicos para a exibição dos filmes e
distribuição dos livros gratuitos, tanto para adultos como crianças, levando
os livros infantis de introdução do Ensinamento Cristão à todas as crianças!
Que os livros cheguem às escolas, bibliotecas, projetos sociais, orfanatos,
casas de abrigo, etc...

Se torna de extrema importância que estes Ensinamentos cheguem às


crianças, através dos exemplos dos pais que deverão constituir um Autêntico
Lar Cristão, na vivência do Matrimônio Perfeito; para que os "pequeninos"
tenham a oportunidade de praticar o ensinamento e não cometer os erros
que todos nós cometemos vivendo apartados dos Três Fatores, da Obra do
Pai !

Desta forma, não está ao acaso que todos estes materiais de filmes e
livros estão sendo disponibilizados nesta época de final do ano de 2008,
nestes finais de tempos degenerados em que vivemos, pois, tão logo as
crianças vão crescendo, os adultos e o sistema como um todo já lhes colocam
e impõem seus modos degenerados de vida... Que o Natal é o papai noel,
brinquedos, presentes, folia, fogos de artifício, champagne, etc...

É preciso incentivar as crianças para a reflexão sobre o meio ambiente, a


poluição, os maus exemplos dados pelos adultos, nos vícios, nas drogas, nos
maus hábitos... Mostrando a raiz, a causa de todos estes males: o ego! Bem
como o modo operante para ir dissolvendo os defeitos que destroem toda
vida! Contem conosco para o que for preciso!

FELIZ NATAL!

PAZ INVERENCIAL

VM Uriel
BIBLIOGRAFIA:

A Obra Magna - 2005

A Obra do Pai - 2006

Ajuda-te que te ajudarei - 2006

O Desdobramento Astral - 2006

Os Sonhos, As Simbologias & A Objetividade Existencial - 2007

Para Recordar das Vidas Passadas - 2007

Meditação & Iluminação Interior - 2008 (livro e filme)

Projeto Criança e Consciência - 2008 (livro e filme)

O Auto Conhecimento - 2008

E-mail para contato:

urielheart@yahoo.com.br

Interesses relacionados