Você está na página 1de 3

Prezado Aluno(a),

O INFOCE CURSO em uso de suas atribuições e no dever de orientar a profissionais da


educação e alunos em formação, preparamos algumas sugestões para que você seja um
profissional atualizado e que tenha um diferencial neste momento de desafio de uma novo
normal educacional.

A educação de um modo geral hoje esta pautada no desenvolvimento das políticas publicas e
não podemos deixa de visualizar a EDUCAÇÃO INFANTIL e a BNCC. E tudo que ela vem
aplicando para o beneficio dos nossos alunos.

Vejamos materiais de apoio:


Além de alfabetizar, o que já é uma grande missão, o professor da Educação Infantil tem ainda
outra enorme responsabilidade, que é a de promover importantes mudanças na sociedade,
por meio de suas aulas. Faz-se isso a partir do momento em que trata sobre temas diversos e
relevantes para a formação de idéias e valores em crianças pequenas, de até 5 ou 6 anos.

Por exemplo, falando sobre diversidade, sobre responsabilidade social e ambiental ou sobre
emoções, sempre de forma lúdica, começa desde muito cedo a contribuir para o
desenvolvimento de um ser mais plural, aberto ao diálogo e às diferenças. As aulas
da Educação Infantil têm influência sobre muitas decisões que serão tomadas no futuro, desde
a escolha profissional, até o modo como aquele estudante irá encarar o mundo à sua volta.

Diante de tanta responsabilidade, é natural que o profissional da Educação Infantil precise se


aprofundar nos fundamentos e métodos necessários para que seu trabalho renda bons frutos.
Além de claro, compreender quais as suas funções e quais as funções da família nesta fase da
vida da criança. Mas o fato é que, cada vez mais, as creches e pré-escolas passam a ser vistas
não mais como uma opção, mas como uma necessidade para o melhor desenvolvimento da
criança dos primeiros meses de vida até o ingresso na escolarização obrigatória.

Então, o que é importante trabalhar nesta fase?

Fundamentos e Métodos na Educação Infantil

A proposta pedagógica da Educação Infantil deve valorizar a construção da identidade pessoal


e da sociabilidade, o que está diretamente ligado às noções de Direitos e Deveres. Vamos aos
principais pontos:

1. As temáticas das aulas devem incentivar o convívio com as diferenças e as práticas de


cidadania;
2. O conceito de aprendizagem ativa e a inclusão de brincadeiras são bastante antigo, o
que ocorre hoje é o fortalecimento destas idéias e a possibilidade de agregar mais
liberdade ao ensino, não mais necessariamente ligado à imagem da maternidade, mas
da auto-descoberta daquela criança como um ser único;
3. A interação entre as crianças é algo primordial para o desenvolvimento;
4. As atividades planejadas devem levar em consideração o desenvolvimento da
motricidade, da linguagem e da cognição: convide as crianças a definirem, por meio de
palavras ou desenhos, o que é determinado objeto, na opinião delas;

Brincadeiras, imaginação e criatividade são necessárias para criar o faz-de-conta e promover


leituras não-convencionais do mundo, assim como para o aprendizado de regras sociais.

Para criar os parâmetros da sua proposta pedagógica, que tal ouvir a opinião de pais e
professores sobre a visão que eles têm de quais as funções e os objetivos das creches e pré-
escolas? A partir daqui, vamos para o nosso próximo ponto que é...

A parceria com a família na educação da criança. De extrema importância para o "sucesso" no


processo de desenvolvimento, a parceria com a família precisa superar o campo das
"acusações" e, de fato, buscar soluções em comum, pensando no bem-estar e aprendizado da
criança.

Você também pode gostar