Você está na página 1de 12

C OL ÉGIO ME NDE L

PR OJ E TO V INIC IUS DE MOR A E S

“Por mais longa que seja a caminhada o mais importante é dar o primeiro
passo.”

                                

J us tificativa:

C onsiderando que a leitura e a escrita são trabalhadas, ainda que de forma não
convencional; e que é importante o educador propor atividades lúdicas que
favoreçam a evolução da escrita das crianças; utilizando-se, sobretudo da
linguagem do desenho e da pintura, permitindo que as crianças sejam autoras
de suas próprias obras;

C onsiderando ainda que, a formação dos futuros leitores está vinculada à


presença constante dos diversos gêneros textuais, mesmo no contexto escolar
da E ducação Infantil E E fundamenta I, é que daremos continuidade ao Projeto
Literatura e Arte, que se estenderá do inicio do ano letivo de 2107 até a sua
culminância em setembro, quando acontecerá a 3ª edição da “Primavera
Literária”.

Objetivo Geral:

Oportunizar as crianças do F undamenta I, o acesso ao universo literário de


V inícius de Moraes, mobilizado pela poesia, música, encenações, jograis,
danças, etc.;levando-as a constituírem uma relação diferenciada com linguagem
literária  e, consequentemente, tornarem-se futuros leitores e produtores de
textos competentes.

Des envolvimento das A tividades :

Identidade e A utonomia:

.Identificar progressivamente a vida do poeta e compositor V inícius de Moraes;

. C omunicar e expressar seus desejos, desagrados, necessidades, preferências


e vontades em brincadeiras e nas atividades cotidianas.

. Participar em brincadeiras, casinha, pular corda, imitar cantor (a), dançarino(a),


etc., meninos e/ou meninas.

L inguagem oral e es crita:

• Ouvir poemas, e poesias lidas pelo professor;

. E stabelecer relações entre leitura e escrita;

•Ouvir poemas e poesias lidas pelos colegas;

• Leitura coletiva dos poemas e poesias de V inícius de Moraes

• C onversar sobre as obras de V inícius de Moraes;

• Descobrir a importância da poesia como forma de expressão e comunicação;

. Perceber a função social da leitura e da escrita através de diversos usos da


língua;

• Ler e interpretar oralmente pequenos textos poéticos de V inícius de Moraes;


• Produzir rimas;

• Produzir poemas e poesias coletivamente;

• Declamar poemas e poesias;

• Diferenciar letra, desenho e números.

• Ouvir, recontar, e escrever usando a professora como escriba, a biografia de


V inícius de Moraes;

• Leitura  coletiva dos poemas e poesias de V inícius de Moraes

• C ompreensão oral e escrita de textos poéticos;

• Montagem coletiva de pequenos textos, com frases fatiadas;

• Ilustração de poesias e poemas;

. C onfeccionar um livro da turma, com ilustrações das canções trabalhadas.

• Declamação de poemas e poesias;

• Dramatização de poemas e poesias de V inícius de Moraes

• R ealização de S arau das poesias estudadas ou produzidas pelos alunos.

. E laborar listas das canções, ou poesias conhecidas e trabalhadas em classe.


L inguagem Mus ical:

.Distinguir os sons nas canções trabalhadas: altura (graves ou agudos), duração


(curtos ou longos), intensidade (fracos ou fortes) e timbre (característica que
distingue e “personaliza” cada som).

. E scutar obras musicais de V inícius de Moraes; S amba, Bossa Nova, V alsa,


cantiga de roda.

. R econhecer elementos musicais básicos: frases, partes, elementos que se


repetem etc. (a forma).

. C onhecer as diversas obras do compositor V inícius de Moraes;

. E scuta de sons do ambiente: pássaros, cães, a sirene da ambulância, o


barulho do carro e identificá-los;

. E scutar música sem texto, para que as crianças possam perceber sentir e
ouvir, deixando-se guiar pela sensibilidade, pela imaginação e pela sensação
que a música lhes sugere e comunica.

.Atividades de audição e apreciação musical, para o desenvolvimento da


capacidade de atenção e concentração das crianças.

.Ampliar o conhecimento de diversos aspectos referentes à produção musical: os


instrumentos utilizados; tipo de profissionais que atuam e o conjunto que formam
(orquestra, banda etc.);

L inguagem C orporal:

.Ouvir um impulso sonoro curto, longo, em movimentos repetidos, muito fortes,


muito suaves, graves, agudos etc., a criança realizará um movimento corporal
transpondo o som percebido para a linguagem corporal e/ou gráfica. (em
desenho) trazendo para o gesto gráfico aquilo que a percepção auditiva
identificou, criando códigos que podem ser lidos e decodificados pelo grupo.

.Incentivar as crianças a produzirem coreografias de acordo com as ideias que


as letras das canções de V inícius de Moraes sugerem. E x: Lá vem o pato; A
foca; A casa; O gato; O pinguim; O elefantinho, etc.

.Brincadeira de faz de conta utilizando fantasias variadas, maquiagem, roupas


velhas de adultos, sapatos, bijuterias e acessórios, para diante do espelho
construir e afirmar a imagem corporal e perceber que sua imagem muda sem
que se modifique a sua pessoa.

.Perceber estruturas rítmicas para expressarem-se corporalmente por meio da


dança, brincadeiras e de outros movimentos.
L inguagem Matemática:

.Listar e fazer a contagem dos elementos contidos nas letras das canções de
V inícius de Morares.

.Utilizar a contagem oral nas brincadeiras e em situações nas quais as crianças


reconheçam sua necessidade.

.C omunicar quantidades, utilizando a linguagem oral, a notação numérica e/ou


registros não convencionais.

. Identificar a posição de um objeto ou número numa série, explicitando


a noção de sucessor (vem depois) e antecessor (vem antes).

. Utilizar noções simples de cálculo mental como ferramenta para resolver


problemas.

.Ler histórias, incluindo o índice e a numeração das páginas, para que as


crianças investiguem as regularidades do sistema numérico.
.C onfeccionar um livro, com uma das canções, com a ajuda do professor,
observando a organização do índice e a numeração das páginas.

Natureza e S ociedade:

.Perceber e representar o corpo como instrumento de auto expressão e


comunicação.

. Perceber a existência de regras sociais de convivência.

. C onhecer modo de ser, viver e trabalhar do poeta e compositor V inícius de


Moraes.

. V alorizar atitudes de manutenção e preservação do espaço escolar.

E s tratégias e recurs os das atividades

Iniciar o projeto contando, nas rodas de leitura, a história de Noé ou exibir vídeo
da história em DV D, e em seguida listar ,no quadro, com a ajuda dos alunos os
possíveis  animais que poderiam ter entrado na arca. Aproveitar a lista de
animais e  trabalhar com os  seus respectivos pares (masculinos e femininos).
R ealizar essa atividade formando   agrupamentos  produtivos(duplas) de acordo
com o nível de cada aluno. Atenção professor:  Utilize o alfabeto móvel para
montar  as palavras com os alunos pré-silábicos e silábicos , permitindo que
façam reflexões sobre a escrita sob sua intervenção.  
Apresentar aos alunos o livro A AR C A DE NOÉ e aproveitar para identificar
algumas informações na capa: ilustração, conteúdo, editora e  autor, etc.
Aproveite e fale um pouco sobre o poeta V inícius de Moraes.

 
A TIV IDA DE 1 - Poema: O PA TO

O professor deverá escrever (previamente) em papel pardo (em forma de cartaz)


o poema O PATO PATE TA  e em seguida afixá-la na parede da sala, em local
visível e acessível, para  realizar a leitura junto com os alunos. Na sequência o
professor poderá colocar o C D (disponível no youtube) com a música do poema
 e em seguida cantar com os alunos. Após cantarem o poema do Pato, os
alunos deverão realizar as seguintes tarefas:
Alfabéticos: escreverem a música de cor.
Pré-silábicos e silábicos :  fazerem  lista de animais com a letra P utilizando o
alfabeto móvel.
Trabalhar versos, estrofes e rimas.
Todos deverão ilustrar o poema.
O professor poderá assumir o papel de escriba e escrever no quadro, com a
ajuda dos alunos,  um texto narrativo sobre o pato .
Utilizar o poema  como quebra-cabeça   para que os alunos possam colocar os
 versos e palavras na seqüência correta.
Disponibilizar o poema xerocado em forma de  texto lacunado para ser
preenchido com palavras que faltam. Mas atenção: Alunos pré-silábicos e
silábicos disponibilizar um banco de palavras para realizar esta atividade.
 
C D A rca de Noé

 
E xemplo de texto lacunado:

O Pato (V inícius de Moraes )


 
Lá vem o ..................
Pata ..................,
pata ........................
La vem o ......................
Para ver o que é que há.

O Pato .............................
Pintou o ........................
S urrou a ........................
Bateu no .........................
Pulou do .........................
No pé do ..........................
Levou um .........................
C riou um .........................
C omeu um .......................
De ..............................
F icou ..............................
C om dor no ..................
C aiu no ...........................
Quebrou a .................
Tantas fez o .................
Que foi pra ....................
 
A TIV IDA DE 2 - Poema : A PUL GA
 
A Pulga
V inícius de Moraes

Um, dois, três


Quatro, cinco, seis
C om mais pulinho
E stou na perna do freguês

Um, dois, três


Quatro, cinco, seis
C om mais uma mordinha
C oitadinho do freguês

Um, dois, três


Quatro, cinco, seis
Tô de barriguinha cheia
Tchau
Good bye
Auf Wedersehen

Para trabalhar o poema A PULGA, o professor deverá utilizar a mesma


sequência de trabalho desenvolvida no poema O PATO :
E screver o poema em papel pardo, fixar o cartaz na parede, fazer leitura coletiva
e individual.
C antar o poema com os alunos.
Trabalhar com lista de palavras (animais nocivos ao homem).
Trabalhar a escrita dos números de 1 a 10.
Os alunos alfabéticos devem escrever o texto de cor e os pré-silábicos e
silábicos  utilizar alfabeto móvel para montar palavras do poema.
Ilustrar o poema.
Trabalhar com lista de palavras no diminutivo (nh) .
Aproveitar o tema  e trabalhar com anúncios ( texto informativo )sobre
orientações para a prevenção de doenças transmitidas por animais (raiva,
calazar, etc). 
F azer, coletivamente, uma lista de cuidados que devemos ter com nossos
bichinhos de estimação.
                                                              
A TIV IDA DE 3 - Poema: A C A S A
 
A C asa
V inícius de Moraes

E ra uma casa
Muito engraçada
Não tinha teto
Não tinha nada
Ninguém podia
E ntrar nela não
Porque na casa
Não tinha chão
Ninguém podia
Dormir na rede
Porque na casa
Não tinha parede
Ninguém podia
F azer pipi
Porque penico
Não tinha ali

Mas era feita


C om muito esmero
Na rua dos bobos
Número zero.

C onfeccionar cartaz com o poema A C AS A e fixar na sala de aula.


Levar C D com a música do poema e cantar com os alunos.
Ilustrar o poema.
Trabalhar versos, rima e estrofes.
F azer leitura coletiva do poema com os alunos e pedir que  identifiquem, no
cartaz, algumas  palavras . E xemplo: Ana, onde está a palavra C AS A no poema
do V inícius? V enha até aqui a frente identificar no cartaz. Muito bem! C om que
letra começa a palavra C AS A turma? Quantas letras tem a palavra C AS A?
V amos contar juntos? Quantos pedacinhos(sílabas) tem essa palavra? V amos
contar nas palminhas? C A-S A ...muito bem, dois pedacinhos (duas sílabas). Que
outras palavras vocês conhecem iniciam com essa mesma letra? V amos
escrever uma lista de palavras que iniciem com a letra C ?  
Professor, faça outras perguntas desse tipo escolhendo outras palavras do
poema. Observe que esse tipo de atividade fará com que  o aluno pré-silábico  e
silábico reflita acerca da leitura e escrita  avançando assim nas suas hipóteses
sobre o sistema alfabético.
O poema  A C AS A  poderá ser  aproveitado também para trabalhar conceito de
família  .Os alunos poderão pesquisar sua árvore genealógica, fazer dobraduras
em origami de casa, e  pesquisar seus endereços com os pais.Identificar tipos
de moradias diferentes e listar os materiais usados  para se construir uma casa.
Na sequência pedir que os alunos elaborem um texto sobre o lugar onde moram.
Utilizar o texto de um aluno silábico-alfabético e realizar correção coletiva, sem
identificar o nome do autor. 
Origami C AS A

 
A TIV IDA DE 4 - Poema: O R E L ÓGIO
 
O R elógio
V inícius de Moraes

Passa tempo, tic-tac


Tic-tac, passa hora
C hega logo, tic-tac
Tic-tac, vai-te embora
Passa, tempo
Bem depressa
Não atrasa
Não demora
Que já estou
Muito cansado
E já perdi toda alegria
De fazer meu tic-tac
Dia e noite
Noite e dia
Tic-tac
Tic-tac
Dia e noite
Noite e dia

F azer leitura coletiva do poema fixado na parede da sala.


C antar o poema (utilizar C D) .
E screver lista de palavras com R .
F azer lista dos dias da semana e dos meses do ano ( professor, leia depois cada
palavra com os alunos, identifique meses que começam com a mesma letra ,
que tem o mesmo número de sílabas, identifique o mês em que os alunos fazem
aniversário, etc. F aça o mesmo com os dias da semana).
Montar calendário,identificando os feriados , dias úteis da semana e finais de
semana.
 
A TIV IDA DE 5 - Poema: A F OC A
A F oca
V inícius de Moraes

Quer ver a foca


F icar feliz?
É por uma bola
No seu nariz.

Quer ver a foca


Bater palminha?
É dar a ela
Uma sardinha.

Quer ver a foca


C omprar uma briga?
É espetar ela
Na barriga!
Assim como os outros poemas este também deverá ser escrito no cartaz e
afixado em sala de aula.
F azer leitura coletiva do poema.
C antar o poema com os alunos.
Ilustrar o poema.
E screver lista de palavras que iniciam com a letra F .
E screver texto coletivo ( professor assume o papel de escriba) sobre a foca ou
outros animais que vivem no circo. 
 
OB S E R V A ÇÕE S :
C omo forma de estimular mais ainda a leitura , convide algumas mães para
participar do projeto lendo poemas de outros autores para as crianças ,tornando-
se, assim,  um momento especial para os   filhos. 
E m todas as etapas do projeto devem ser realizadas   atividades diversificadas
de aprendizagem problematizadoras e desafiadoras que levem  os alunos a
refletirem  acerca da leitura e escrita.
Use o barbante  e massinha   para modelar a grafia correta das letras sempre
relacionando-as com  a escrita de palavras (alunos pré-silábicos ) .
R ealize atividades em dupla considerando os níveis de aprendizagem próximos
dos alunos em relação a leitura e escrita.
Aproveite para colocar em ordem alfabética as palavras escritas nas listas.
R ealize atividades de cruzadinhas envolvendo adivinhações sobre os animais.
Peça que recortem e colem  letras e jornais ou revistas  para montarem  palavras
no caderno.
Brinque de Bingo com nomes de animais e objetos.
Utilize o alfabeto móvel para construir frases relacionadas aos poemas.
Promova J ogos de sílabas e letras .
F aça auto  ditado utilizando gravuras com as palavras dos poemas .
E stimule a escrita dos poemas que os alunos já conhecem de cor.
 
Professor, quando as atividades de leitura e escrita realizadas em sala de aula
possibilitam a criança participar e interagir de forma concreta, ela vai ,aos
poucos, construindo idéias sobre como se lê e escreve, por isso não se
preocupe em encher o quadro com atividades longas e cansativas para o aluno
responder , o mais importante, porém, é trabalhar com atividades  que permitam
aos alunos  refletirem acerca da leitura e escrita e para isso a  qualidade das
atividades torna-se mais importante que a quantidade.
No laboratório de informática:
Peça que os alunos ilustrem as poesias de V inícius no Tux;
Oriente os alunos a escreverem  as letras dos poemas  no Writer.
Imprima os textos e as imagens produzidas pelos alunos.
Produzam  um livro de poemas com os materiais do  lied (imagens e texto) e
apresentem  uma cantata com as músicas aprendidas, para a comunidade
escolar.
Grave as poesias cantadas em C D e distribua entre os alunos(eles vão adorar!).
R ecursos C omplementares

S ugestão de poesias e músicas trabalhadas na ilustração do livro:


As Abelhas (V inicius de Moraes);
O girassol (V inicius de Moraes);
O relógio (V inicius de Moraes);
Leilão de J ardim (C ecilia Meirelles);
A Arca de Noé (V inicius de Moraes);
O leão (V inicius de Moraes);
A casa (V inicius de Moraes);
A C achorrinha (V inicius de Moraes);
As Borboletas (V inicius de Moraes);
O elefantinho (V inicius de Moraes);

Origami :
http://jiprimeirociclo.blogspot.com/p/origami-fonte-desconhecida.html
V ídeo Arca de Noé (vídeo)
http://www.youtube.com/watch? v=8jF 83o2NpUM
O Pato Pateta (vídeo)
http://www.youtube.com/watch? v=z8-yWOX X J 4Y
A C asa (vídeo)
http://www.youtube.com/watch? v=Tr64alpIxeY &feature=related
A Pulga (vídeo)
http://www.youtube.com/watch? v=OBxeS NgD7ME &feature=related
A F OC A (vídeo)
http://www.youtube.com/watch? v=eIKX cb5ua2U&feature=related
Avaliação
 
Avaliação
Processual e contínua , deverá ser  realizada em todas as etapas do projeto
envolvendo a observação, participação, realização de atividades, interesse dos
alunos e análise reflexiva constante  das tarefas desenvolvidas em sala de aula
para que assim o professor possa perceber os avanços , necessidades e
dificuldades dos alunos e fazer as intervenções necessárias.
E laborar um portfólio individual, em relação a evolução da escrita,  que mostre o
que cada aluno aprendeu durante o projeto. 

http://educacaoi.blogspot.com.br/2012/01/arca-de-noe-de-vinicius-de-moraes-
e.html

Você também pode gostar