Você está na página 1de 8

ENCOMENDE CONOSCO ESTE PORTFÓLIO

WHATSAPP (91)988309316
E-mail: portfoliouniversitario@gmail.com
https://www.flashuniversitario.com.br/

PLANO DE TRABALHO
CURSO DE FARMÁCIA

Reformulação devido à Pandemia COVID-19


Sumário
1. PLANO DE TRABALHO: ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA ............................3
1.1 ORIENTAÇÕES PARA AS ATIVIDADES ..................................................................................................... 3

2. PRODUÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO ..................................................................................................8


1. PLANO DE TRABALHO: ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA

A seguir, você terá as atividades a serem realizadas no estágio supervisionado em


assistência farmacêutica, este Plano de Trabalho foi elaborado devido ao contexto da
pandemia COVID-19.

1.1 ORIENTAÇÕES PARA AS ATIVIDADES

Seja bem-vindo ao Estágio Supervisionado em Assistência Farmacêutica!


No decorrer dessas semanas de estudos de casos do Estágio Supervisionado em
Assistência Farmacêutica, iremos juntos aprender como lidar com diferentes situações da área
de assistência farmacêutica, seja no âmbito de atividades relativas ao ciclo de assistência
farmacêutica, seja no processo de dispensação e acompanhamento do paciente.
No primeiro caso clínico, iremos elaborar um planejamento organizacional tomando
como base o ciclo de Assistência Farmacêutica, de acordo com os dados da sua realidade local
(municipal, regional, ou até de mesmo do bairro em que reside) e com as evidências científicas
disponíveis que garantam a melhor tomada de decisão clínica.
E no segundo caso clínico, iremos abordar o processo de dispensação e orientações
do paciente, sob a ótica do uso racional de medicamentos e polifarmácia.
Baseie sua produção nas melhores evidências disponíveis nas bases de dados
científicas, que podem ser acessadas por meio da sua Biblioteca Virtual, para garantir o
raciocínio crítico e reflexivo, importantes na sua futura jornada profissional.
Bons Estudos!
Equipe de Docentes do Curso de Farmácia

3
ATIVIDADE A – Ciclo de Assistência Farmacêutica

O ciclo de assistência farmacêutica tem como objetivo garantir aos cidadãos brasileiros
a amplificação e a qualificação do acesso a medicamentos, por meio de suas fases como
seleção, programação, aquisição, armazenamento, distribuição, dispensação e utilização nos
níveis de gestão do SUS.
Dentro desse modelo, temos que o ciclo de assistência farmacêutica promove o acesso
da população não só aos medicamentos, bem como garante seu uso racional e dessa forma
promover a saúde e o bem-estar na população.
Assim, dentro deste panorama temos diversos pontos de atuação, que garantem o
acesso universal e permeia toda a rede de serviços do Sistema Único de Saúde (SUS).
Suponha que você ao finalizar a graduação em Farmácia, inicie sua jornada profissional
no Sistema Único de Saúde com assistência farmacêutica. Baseado nisto, trace as estratégias
que utilizaria no componente básico da assistência farmacêutica por meio dos seguintes
passos:
a) Defina o grupo específico de atuação da sua área, com base na prevalência de doenças
do seu município, bairro ou região; Por exemplo: idosos, hipertensos, tabagistas,
diabéticos, entre outros.
b) Determine a organização do componente básico da atenção farmacêutica com base no
grupo populacional escolhido?
c) Analise criticamente a Relação Municipal de Medicamentos (Remune) e relacione se esta
relação garante o acesso universal desse grupo de risco aos medicamentos necessários
para garantir a sua saúde e bem-estar.
d) Levante as possibilidades mais comuns de polifarmácia para o grupo populacional
escolhido.
e) Identifique quais estratégias podem ser utilizadas para se evitar a polifarmácia nesse
grupo escolhido.
f) Elabore orientações que serão dadas ao grupo populacional escolhido com base no
conceito do uso racional de medicamentos.
g) Determine a forma de orientação escolhida: verbal, escrita, cartilha, mensagens de texto
4
(WhatsApp, SMS), entre outros.
h) Analise criticamente as estratégias que podem ser utilizadas para se ter uma relação de
confiança com a população atendida pelo serviço de saúde e as melhores formas de se
garantir uma comunicação assertiva e com bons resultados sob a ótica da assistência
farmacêutica.

5
ATIVIDADE B – Dispensação, Uso Racional de Medicamentos e Polifarmácia

O processo de dispensação de medicamentos, parte importantíssima do ciclo da


assistência farmacêutica, permite dentre seus vários pontos um melhor controle do uso de
medicamentos, um maior acesso da população a medicamentos adequados, com base nos
critérios clínicos e epidemiológicos, e o devido acompanhamento profissional de acordo com
as necessidades clínicas do paciente.
Sabemos que é parte do processo, trabalharmos com o uso racional de
medicamentos, com vistas a garantir à população a ciência dos riscos causados pelos
medicamentos, evitando assim problemas e agravos comuns quanto ao uso inadequado,
como as intoxicações e as reações adversas.
Uma das formas de atuação nesse cenário se dá por meio de programas de
educação em saúde/orientações para sociedade, esclarecendo por exemplo os riscos de danos
causados pelo uso inadequado de medicamentos e de polifarmácia. Essas orientações
perpassam por cenários como a conscientização da população, problemas da automedicação,
armazenamento e descartes corretos dos medicamentos, além é claro de permear maior
adesão e eficiência dos tratamentos propostos.
Essas formas de atuação baseadas na orientação devem atingir não somente os
usuários do Sistema Único de Saúde, mas também os prescritores desses medicamentos.
Assim como, devem contemplar os medicamentos, fitoterápicos, homeopáticos, e plantas
medicinais.
Você como profissional responsável pela atenção farmacêutica, com base nos
dados epidemiológicos da sua Regional de Saúde/Unidade de Saúde, elabore:

a) Manual de Boas Práticas de Dispensação e Procedimentos Operacionais, com base nas


resoluções vigentes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)

b) Proposta de monitoramento do medicamento pós-medicação.

6
c) Elaboração de programa de dispensação de medicamentos excepcionais.

d) Elaboração de protocolo técnico efetivo de uso racional de medicamentos.

7
2. PRODUÇÃO DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO

Para a elaboração do relatório final de estágio, você deverá fazer o download do


Modelo no AVA e reunir todo o material elaborado no desenvolvimento das diferentes
atividades descritas no Plano de Trabalho.

2.1 Elementos pré-textuais

Inserção de elementos de apresentação/identificação do estudante e do estágio


cursado no semestre, conforme Modelo disponibilizado no AVA:

• capa;
• folha de rosto;
• sumário.

2.2 Elementos textuais

Inserção das atividades realizadas, conforme descritas no Plano de Trabalho, seguindo


o Modelo disponibilizado no AVA:

• Introdução: inserção de texto com a contextualização sobre o estágio realizado.

• Desenvolvimento: inserção, em sequência, de todos os materiais elaborados nas


atividades, conforme Modelo disponibilizado no AVA e orientações descritas no
Plano de Trabalho.

• Considerações finais: inserção de reflexões decorrentes da realização do estágio.

Atenção:
 Verifique o plano de trabalho específico do estágio que você está cursando no semestre.
 O relatório deve ser postado em formato word.

2.3 Elementos pós-textuais

Inserção de elementos complementares para fechamento do relatório, conforme


Modelo disponibilizado no AVA:

• referências;
• anexos;
• apêndices.

Você também pode gostar