Você está na página 1de 9

Roteiro de estudos de Psicologia da Gestalt – Prof. Dr.

Roberto Evangelista

Questões 01 a 10 referem-se a psicologia acadêmica da Gestalt

Questões 11 a 16 referem-se a Gestalt terapia

1) Explique o significado da palavra Gestalt.


Resp. PSICOLOGIA DA FORMA. Gestalt : termo que deriva do alemão que significa
aproximadamente forma, configuração organizada ou todo organizado (em contraste
com uma coleção de partes).

2) Por que a Gestalt surgiu em oposição ao atomismo de Wundt.

Resp, Movimento de Reação ao atomismo (visão elementarista/visão estruturalista)

Gestalt faz parte de um movimento de reação à Psicologia Estruturalista na Europa (Wundt) e


a Psicologia Behaviorista no EUA (Watson).

Wundt – 1832-1920 representante Maximo do estruturalismo considerado o pai da


psicologia experimental preocupado com o estudo da estrutura da mente com ênfase no
estudo da consciência, do pensamento consciente em suas unidades fundamentais como
sensações, imagens e ideias através do método da introspecção controlada objetiva e não a
introspecção qualitativa (em que o sujeito descreve as suas experiências interiores
subjetivas, mas sim a descrição objetiva dos estímulos).

Para Wundt, o objeto de estudo da Psicologia é a experiência consciente e o método é a


introspecção controlada (observador treinado a relatar e descrever objetivamente suas
experiências resultantes de uma situação experimental no laboratório, ou seja, o observador
deve descrever objetivamente suas percepções resultantes de estímulos visuais, auditivos e
tácteis em termos de forma, tamanho, intensidade, duração, etc. O observador faz
julgamentos conscientes dos estímulos tais como o seu tamanho, intensidade, forma,
luminosidade, etc.), estímulos agradáveis e desagradáveis são formas subjetivas (sentimentos),
devendo o observador evitar ao máximo esta descrição subjetiva dentro do escopo wundtiano.
Wundt afirmava que a percepção de objetos é devida a aglomeração ou acumulação de
elementos (suas unidades) em grupo ou coleções – daí a necessidade de decompor os
elementos da consciência de forma isolada (conjunto de sensações elementares, feixes de
informações).

Vale dizer que os gestaltistas aceitaram o valor da consciência proposto por Wundt,
mas rejeitaram a tentativa de analisar a consciência em elementos/unidades
componentes (visão estruturalista, visão elementarista, atomista).
3) De que maneira a gestalt contraria o behaviorismo de Watson
Resp. Os gestaltistas rejeitaram também a ideia de se estudar o comportamento em
si mesmo em unidades fundamentais em termos de S-R (visão behaviorista, visão
molecular).
Já os behavioristas por sua vez recusaram terminantemente a lidar com a
consciência e aceitar a sua existência. Para os behavioristas não é necessário invocar a
consciência - o comportamento em si, é o objeto de estudo da psicologia e o seu
método de investigação é a observação objetivada (direta e quantificada) em termos
de sua medida tais como sua ocorrência e frequência diante de um estimulo.
Paradigma S – R. (visão behaviorista).

4) Comente a influência de Ehrenfels sobre a Psicologia da Gestalt.

Resp. Christian Von EHRENFELS (1859 – 1932) Precurssor da Psicologia da Gestalt - é um


expoente muito importante do movimento Gestaltista vienense. Afirmava Ehrenfels: A mente
humana cria formas a partir de sensações elementares (conteúdo das experiências).

Ex: Ao olhar uma nuvem no céu não vemos um amontoado de partículas de vapores (que
correspondem as sensações elementares/sensações concretas- fisicas) ou seja, o conteúdo
da experiência e sim, formatos muito precisos de coisas, objetos que conhecemos tais como:
nuvens em formato de animais, algodão, castelos, flores, etc. (sensação de relação). Portanto,
uma coisa é a sensação elementar (nuvens no céu = aglomerado de partículas de vapores)
outra coisa é a sensação de relação (nuvens no céu = formatos de coelho, algodão, castelo).

Ernest MACH (alemão – 1838-1916) afirmava: As sensações não correspondem precisamente


à realidade física. O que percebemos são sensações de relação e não sensações elementares.

OU SEJA, FEIXE DE SENSAÇÕES DIFERE DE SENSAÇÕES DE RELAÇÃO

Ex: (três pontos isolados versus uma configuração organizada e disposta em triangulo).
Individualmente os pontos em si nada indicam ser e nem a soma de suas partes. É sim, a sua
configuração organizada, a sua forma que indica ser um triangulo. - as partes estão
dinamicamente relacionadas. Vê-se um todo (triangulo) que é mais do que a somatória de
suas partes. O TODO É ALGO MAIS DO QUE A SOMA DE SUAS PARTES.

Obs: a percepção depende muito mais da configuração, (sua forma) do que dos estímulos em
si.

5) Explique como se deu a fundação da Psicologia da Gestalt e as contribuições dos


fundadores da Escola de Berlim para a gestalt

Resp. Fundação – formalmente estabelecida em 1912

Movimento liderado pela escola de Berlim pelo grupo de fundação composto por
WERTHEIMER o mais velho dos três gestaltistas- 1880-1943. Ele teve a formação acadêmica na
Alemanha e com ascensão do nazismo em 1933 emigrou para EUA. Ele foi o Líder intelectual
do movimento (o famoso experimento do Fenômeno PHI – movimento aparente marco
inaugural da nova escola, formalmente estabelecida em 1912).

KOHLER nascido na Estônia, 1887-1941 formação acadêmica realizada também na Alemanha.


O mais jovem dos três e foi o porta voz do grupo (experimentos com chimpazes com foco na
aprendizagem por insight na ilha das canárias em Tenerife Africa : livro A mentalidade dos
simeos) versus a crítica ferrenha aos experimentos com gatos e galinhas de ensaio e erro de
thordinke (EUA behavorista). Aprendizagem por insight em animais solução de problemas
visando uma reestruturação do campo perceptivo, formando uma nova configuração-
insight. Para ocorrer o insight é necessário que o sujeito esteja apto a ver relação entre as
varias partes de um problema.

KOFFKA nascido em Berlim 1886-1967 formação acadêmica realizada na Alemanha ( as leis


que regem a organização da percepção são as mesmas aplicadas na aprendizagem por
insight. Enfatiza também a diferenciação entre a aprendizagem por insight e compreensão
versus a aprendizagem mecânica por condicionamento.

Obs: Posteriormente os três intelectuais foram convidados para lecionar e fazer pesquisas nas
universidades americanas, erradicando-se posteriormente para EUA. Os seus estudos iniciais
estavam centrados no funcionamento da percepção e da aprendizagem e depois foram
ampliados e estendidos para a psicologia social (dinâmica de grupo) e a psicologia clínica
(Gestalt-terapia de Perls).

6) O que é o fenômeno PHI

Resp. FENOMENO PHI (movimento aparente) Na realidade são duas luzes, primeiramente
uma que se ascende e outra que se apaga em um ambiente escuro.

Lâmpada A acende-se durante 200” em seguida apaga-se por 60” e, em seguida, a Lâmpada B
acende-se por 200”, apaga-se por 60” e assim sucessivamente, dando uma ideia de um
movimento (é só aparente). Portanto o movimento é a sensação de relação. As luzes
acendendo e apagando referem-se as sensação elementares (físicas e reais). O movimento é a
sensação de relação. Portanto, O TODO (MOVIMENTO) E MAIS DO QUE A SOMA DE SUAS
PARTES (LUZES ACESAS E APAGADAS).

Obs: em nossa percepção há mais do que os nossos olhos veem. Vai muito além dos dados
físicos (reais)

7) Explique e exemplifique o postulado principal da Gestalt.

Resp. Gestalistas afirmam: Quando os elementos sesnsorias são conjugados (e não somados),
ALGO NOVO se forma. Portanto, O TODO É MAIS DO QUE A SOMA DE SUAS PARTES.(visão
molar e não molecular, nem atomista e nem elementarista ). As partes nunca podem
proporcionar uma real compreensão do todo.
O todo (homem) é um sistema integrado, organizado e indivisível. Há uma interdependência
(corpo/mente/espirito)

Assim, um objeto NÃO É APENAS UM FEIXE DE SENSAÇÕES, tal como o estruturalismo


afirmava.

Em nossa percepção há mais do que os nosso olhos veem. Nossa percepção vai muito além dos
dados físicos básicos fornecidos pelo órgão sensorial.

8) Explique os conceitos de figura e fundo.

Resp. FIGURA/FUNDO . Os nossos interesses e necessidades determinarão que nossas


percepções sejam focadas para certos aspectos de uma situação. Ex: Em uma festa:
paquerar (foco nas garotas) beber (foco nas bebidas) comer (foco na mesa de
alimentos). Lembrar que a figura/fundo é reversível em função de nossas necessidades
e interesses. Portanto, se meu interesse na festa é paquerar vou focar mais a minha
atenção nas garotas do que nas demais coisas que tem na festa.

9) Apresente algumas características que permitem diferenciar a figura do fundo.

Resp.. somente a figura tem forma, sendo o fundo dela destituído;

. somente a figura se constitui em termos consciente;

. só a figura é uma estrutura forte e o fundo uma estrutura fraca;

. só a figura projeta-se em um plano mais próximo do observador do que o fundo;

. a linha de contorno pertence a figura e não ao fundo;

. o fundo continua por trás da figura;

. na memória só a figura é objeto de evocação,.

10) Pregnancia ou boa forma é possibilitada por quais leis perceptuais, exemplifique-as

Resp. A Boa Forma é possibilitada pelas leis:

a) Familiaridade- atribuir um sentido ou significado de familiaridade com base em


experiências prévias. Ex: em uma festa com muitas pessoas um sujeito tenta achar
alguém familiar ou parecido – controle e domínio da situação. A mente humana não
suporta ficar no vazio, no desconhecido, vai tentar obturar o seu buraco com algo
familiar. Dá mais segurança e confiança o aspecto familiar. Por isto, o sujeito que está
só na festa tenta achar alguém que se pareça com algum conhecido.

b) Agrupamento por proximidade entre os estímulos ou por semelhanças entre os Ss.


Ex: O sujeito não fuma baseado, mas se estiver andando com um grupo próximo ou
junto de usuários de maconha – ele que não usa passa a ser visto com um deles ou
fazendo parte deles em função da proximidade.

c) Simetria (formas simples, regulares equilibradas e estáveis são mais fáceis de serem
percebidas). Ex: RESUMO de um livro, ESQUEMA DE UM TRABALHO. Elementos são
omitidos, retirados e acrescidos para simetrizar (facilitar, simplificar) o que se percebe.

d) Fechamento (formas bem definida, completa e acabada). Ex: vários pontinhos ou


pontilhados em forma de um circulo. A tendência é afirmar tratar-se de um circulo.

Sentimentos de completude quando se termina uma tarefa ou quando se chegou a


uma solução de uma situação-problema, refere-se também a um fechamento.

11) Quem foi o lidere da Gestalt terapia. Comente sobre ele

Resp. Seu líder foi Frederick Fritz Perls, psiquiatra alemão, filho de pais judeus de
classe média baixa, nasceu em Berlim (1893) e faleceu em (1970) na Ilha de
Vancouver.

Perls foi analisado por W. Reich (que tinha sido assistente de Freud). Perls encontrou-
se uma única vez com Freud (1936), mas ficou muito decepcionado com Freud e este
não lhe deu muita atenção principalmente sobre as ideias de Perls - foi na verdade um
encontro muito rápido.

Perls fundou dois grandes centros de formação e treinamento em Psicoterapia da


Gestalt nos EUA, saber: (1952) Instituto Nova Iorquino e em (1960) Instituto Esalem na
California.

12) Comente sobre a Gestalt-terapia

Resp. A Gestalt terapia é holística, sendo uma integração de diferentes abordagens


psicológicas, a saber:

Psicanalise (aproveitando os conceitos de repressão e projeção)

Corporal de Reich (couraças musculares)

Gestalt propriamente dita (teoria do funcionamento perceptual)

Psicodrama de Moreno (roll play, dramatização das experiências vividas, desempenho


de papeis)

Humanística (crença no potencial de crescimento em todo o individuo humano)

Fenomenológica (experiência imediata no aqui-agora e não no passado e nem no


futuro).
A Gestalt-terapia é mais descritiva e não interpretativa, é mais vivencial, experiencial
no aqui-agora, sempre no tempo presente. Visa recuperar o potencial do sujeito,
ampliando as áreas de autoconsciência do sujeito, integrando as suas características e
facetas normalmente negadas em si mesmo, promovendo a abertura para o novo,
tornando a comunicação mais eficiente, de forma mais direta e assertiva, assumindo a
total responsabilidade pelo seu pensamento, sentimento, emoções e ações, parando
de culpar os outros, assumindo as consequências de suas ações.

13) Quais os pressupostos teóricos da Gestalt terapia


Resp. 1. Homem enquanto totalidade (corpo-mente)

Trabalha-se no sentido de promover o crescimento e o desenvolvimento do


potencial humano através do processo de integração (das partes conhecidas com
as desconhecidas do eu, das características aceitas e as negadas da mente).

Parte-se do principio que há uma tendência da pessoa em direção à saúde, ao


crescimento e a auto-realização. VISÃO HUMANISTA

A saúde e a maturidade psicológica são definidas pela capacidade do sujeito se


tornar independente, emancipado, devendo ele se apoderar de si mesmo, assumir
a responsabilidade por seus atos e as consequências deles derivados (implicar-se).

Ex. se algo muda em qualquer uma de suas partes (emocional, mental, física,
espiritual) o todo é reconfigurado surgindo uma nova organização, uma
configuração, uma nova forma de ser e estar, portanto uma nova gestalt.
Qualquer comportamento é considerado uma manifestação do todo. Na sessão
psicoterápica o que o cliente faz (seus atos) fornecem informações quanto ao que
ele pensa e diz. Portanto, a forma como pensamos e percebemos revela quem
somos.

“Oração” da Gestalterapia de Perls :

“Eu faço minhas coisas, você faz as suas.

Não estou neste mundo para viver de acordo com suas expectativas. E você não
está neste mundo para viver de acordo com as minhas.

Você é você. Eu sou eu.

E se por acaso nos encontrarmos, é lindo.

Se não, nada há a fazer”.

2. Conscientização (awareness – uma escolha consciente). Capacita o


sujeito a realizar seu equilíbrio ótimo consigo e com o meio.
Auto percepção presente e imediata (aqui e agora) que o sujeito tem de seu
meio (situações, pessoas) e de si mesmo – é um dos conceitos centrais de sua
teoria da personalidade.

O campo perceptual rígido e restrito e a autoconsciência limitada distorcem


a percepção da realidade e geram comportamentos disfuncionais.

Ex. gestalten inacabadas de relacionamentos afetivos anteriores (traição)


sendo transpostos para os novos relacionamentos, seguindo os mesmos
scripts como tentativa de boicotar e sabotar o aqui e agora da nova relação
afetiva-emocional. Preso ao passado.

A conscientização coloca você em contato com o que se é, com o que a


pessoa sente e percebe no aqui e agora em relação ao ambiente físico, social,
interpessoal e afetivo-emocional.

Portanto, a fuga da conscientização inibe o crescimento, o desenvolvimento e


põem em risco a sua saúde e maturidade psicológica.

Obs. SEM CONSCIENCIA NÃO HÁ MUNDOI E SEM MUNDO NÃO HÁ O NOS.

Obs: O INDIVIDUO SO PERCEBE E DÁ SIGNIFICADO SE HÁ INTENCIONALIDADE

14) Quais os objetivos do processo psicoterapêutico na Gestalt-terapia

Resp. Processo Psicoterapeutico: Recuperação do potencial do paciente através


dos seguintes objetivos:

. ampliar áreas de autoconsciência (quebrar a rigidez da percepção de si e do


mundo)

. integrar características e facetas negadas em si mesmo e das situações


vividas(polaridades)

. viver o momento presente, aqui e agora, de forma plena substituindo a


imaginação e a fantasia excessiva pelo contato com o real e o óbvio.

. tornar a comunicação mais eficiente, expressando de forma direta e assertiva,


aprendendo de fato a ouvir. EX: ao invés de afirmar: Ele me deixar com raiva –
DEVO DIZER – SINTO RAIVA QUANDO ESTOU PERTO DELE.

. assumir total responsabilidade por nossos pensamentos, sentimentos, emoções


e ações (parar de culpar os outros), bem como lidar com as consequências das
ações feitas.

. estar aberto para o novo, promovendo a integração das mudanças em seu viver
cotidiano.
15) Qual o papel do Gestalt terapeuta
Resp.Papel do psicoterapeuta (CATALISADOR) Ajuda o paciente a passar pelos
impasses da vida.

. não interpretar o comportamento do cliente como na psicanalise;

. não tentar modificar ou sugerir soluções como na comportamental;

. o papel é de facilitador para ampliar a autoconsciência do ambiente e das


pessoas que o cercam, bem como sobre os acontecimentos. Assim, a tomada de
consciência da pessoa por si mesma pode promover efeito curativo sobre o
sintoma do cliente.

O Gestalt terapeuta utiliza um método descritivo e não explicativo, procura


investigar o que está acontecendo com o cliente e como está acontecendo.
Através de uma postura interessada, presente, acolhedora, coloca de lado os
julgamentos, os conhecimentos anteriores, os pré-conceitos, e trabalha aquilo que
o cliente manifesta no momento/presente da relação terapêutica. O Gestalt
terapeuta procura facilitar o processo de auto-conhecimento do cliente, o
processo de conscientização sobre si mesmo na relação com o mundo,
conhecendo seus recursos, habilidades, seus impedimentos, suas dificuldades, o
aspecto saudável, o não saudável sempre na busca pela satisfação das suas
necessidades.

O gestalt terapeuta acredita numa sabedoria organismica, ou seja, acredita que


quando o individuo encontra um ambiente e relações favoráveis, confirmadoras e
não judicativas, ele tende naturalmente ao crescimento e desenvolvimento de
suas potencialidades, tende a realizar novas e melhores escolhas no seu processo
de construção e reconstrução de si mesmo e da sua vida.

16) Comente sobre as técnicas para a expansão da autoconsciência

Resp. Ajudar o sujeito a :

. expressar sentimentos reprimidos;

. reconhecer conflitos não resolvidos no passado;

. ajudar o sujeito a externalizar livremente seus sentimentos, buscando


promover a congruência entre pensamento-sentimento-ação;

. reconstruir no presente a experiência vivida.

A gestalterapia utiliza-se de varias Técnicas visando:

1) Descrição : ver se existe congruência ou incongruência entre a linguagem


falada com a do corpo. O corpo fala., ele transmite muito.
2) Exercícios para expansão da consciência para vivenciar sentimentos,
pensamentos e sensações corporais. Deve permitir o exame da situação
no presente. A consciencia do “como” o sujeito se comporta é mais
relevante do que a compreensão do “porque”.

3) Exercícios para transmitir comunicar mensagens diretas e assertivas. Ex:


ao invés de dizer “ele me deixa com raiva”, dizer “sinto raiva quando
estou na presença dele” Assim a pessoa pode vivenciar e entrar em
contato com seus sentimentos.

4) Criação de cenas vividas com o recurso do psicodrama. Reconstruir no


presente no aqui e agora uma fantasia, relacionando a um conflito
(dramatizar e não falar simplesmente). Ex: dramatizar um sonho e não
apenas relata-lo. O sonho não é interpretado. Tudo o que está no sonho
são facetas do sonhador. Deve personificar cada elemento e componente
do sonho (pessoas, objetos, animais, contextos) para integras cada parte
num todo. Personificar é vivenciar, experienciar e introjetar para então
resignificar uma parte sua colocada no sonho.

Você também pode gostar