Você está na página 1de 15

Universidade Católica de Moçambique

Instituto de Educação à Distância

Tema:
 Origem etimológica da Pedagogia;
 A relação entre Pedagogia com a Didáctica;
 Fundamentos Humanos da Didáctica;
 As categorias pedagógicas;
 A relação entre as diferentes categorias pedagógicas.

Urias João Lemos - 708213173

Curso: Licenciatura em Ensino de Biologia


Disciplina: Didáctica Geral
Ano de Frequência: 1° Ano
Tutor: Lucas Mário Paulo

Milange, Outubro, 2021


Folha de Feedback
Classificação
Categorias Indicadores Padrões Pontuação Nota do
Subtotal
máxima tutor
 Capa 0.5
 Índice 0.5
Aspectos  Introdução 0.5
Estrutura
organizacionais  Discussão 0.5
 Conclusão 0.5
 Bibliografia 0.5
 Contextualização
(Indicação clara do 1.0
problema)
 Descrição dos
Introdução 1.0
objectivos
 Metodologia
adequada ao objecto 2.0
do trabalho
 Articulação e
domínio do discurso
académico
Conteúdo 2.0
(expressão escrita
cuidada, coerência /
coesão textual)
Análise e
 Revisão bibliográfica
discussão
nacional e
internacionais 2.
relevantes na área de
estudo
 Exploração dos
2.0
dados
 Contributos teóricos
Conclusão 2.0
práticos
 Paginação, tipo e
tamanho de letra,
Aspectos
Formatação paragrafo, 1.0
gerais
espaçamento entre
linhas
Normas APA 6ª
 Rigor e coerência das
Referências edição em
citações/referências 4.0
Bibliográficas citações e
bibliográficas
bibliografia

ii
Folha para recomendações de melhoria: A ser preenchida pelo tutor
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________

iii
Índice
Introdução ........................................................................................................................................ 5

1. Origem etimológica Pedagogia (história da Pedagogia e Didáctica ........................................ 6

1.1. História da Pedagogia ........................................................................................................... 6

1.2 História da Didáctica ............................................................................................................ 6

2. A relação entre Pedagogia com a Didáctica. ............................................................................ 8

3. Fundamentos Humanos da Didáctica ....................................................................................... 8

4.1 Características da Didáctica....................................................................................................... 8

4.2 Concepções históricas e contemporâneas da Didáctica ........................................................... 10

4.2.1 A Didáctica geral .................................................................................................................. 10

4.2.2 A Didáctica especial ............................................................................................................. 10

4.2.3Objecto e objectivos da Didáctica ......................................................................................... 11

4.3 A Didáctica e as metodologias ................................................................................................ 11

4. As Categorias Pedagógicas .................................................................................................... 11

5. A relação entre as diferentes categorias pedagógicas. ........................................................... 13

Conclusão ...................................................................................................................................... 14

Referencias Bibliográficas ............................................................................................................. 15

iv
Introdução
O presente trabalho científico, em cumprimento com a cadeira de Gidatica Geral, aborda: origem
etimológica da Pedagogia (a história da pedagogia e didáctica) ; a relação entre Pedagogia com a
Didáctica; Fundamentos Humanos da Didáctica; as categorias pedagógicas, e a relação entre as
diferentes categorias pedagógicas.
A história da Pedagogia é longa, remonta da Grécia; era papel dos escravos acompanhar as
crianças dos senhores aos locais de instrução, aos poucos essa actividade deixou de ser do
escravo e passou a ser de um profissional a que hoje chamamos de pedagogo.
A Didáctica é a parte da Pedagogia que utiliza estratégias de ensino destinadas a colocar em
prática as directrizes da teoria pedagógica, do ensino e da aprendizagem
A dependência da didáctica em relação a pedagogia se verifica na impossibilidade de se
especificar objectivos da instrução, das matérias e dos métodos, fora de uma concepção do
mundo de uma opção metodológica geral e uma concepção de práxis pedagógica, uma vez que A
pesquisa tem como objectivo geral:
 Conhecer origem etimológica da pedagogia; A relação entre pedagogia com a didáctica;
Fundamentos humanos da didáctica; As categorias pedagógicas,; e relação entre as diferentes
categorias pedagógicas.
Em relação os objectivos específicos são:
 Conceituar a pedagogia e a didáctica;
 Explicar a origem etimológica da pedagogia e a relação com a didáctica;
 Descrever as partes que compões a pedagogia e a didáctica;
 Explicar os fundamentos da didáctica e a relação entre as diferentes categorias
pedagógicas.

5
1. Origem etimológica Pedagogia (história da Pedagogia e Didáctica

1.1. História da Pedagogia


De acordo com Piletti (1990), refere que:
A história da Pedagogia é longa, remonta da Grécia; era papel dos escravos acompanhar
as crianças dos senhores aos locais de instrução, aos poucos essa actividade deixou de ser
do escravo e passou a ser de um profissional a que hoje chamamos de pedagogo.
Etimologicamente, pai, paidós=crianças, agein=conduzir; logo= ciência, assim a
Pedagogia significa ciência para a condução das Crianças (p.7).
Kilpatrick,WillianKilpatrick (1974)
É o idealizador da pedagogia de projectos, ou seja, ele propõe que toda as actividades
escolares se realizem por meio de projectos, subsidiados por problemas reais vivenciados
no dia-a-dia do estudante, baseado na importância do espaço escolar, o educando realiza
projectos a partir de propósitos pessoais. Isto porque unicamente uma actividade aceita e
projectada pelos alunos pode fazer da vida escolar uma vida que eles sintam que vale a
pena viver. (p.31).
Kilpatrick (1974), classificou os projectos em quatro grupos: o de produção, que resulta um
produto; o de consumo, que se utiliza algo já produzido; o de resolução de problemas e, por
último, o de aperfeiçoamento de técnicas de aprendizagem (p.31).

1.2 História da Didáctica


SegundoTavares, Rosilene Horta, (2011),“Didáctica surgiu do grego Τεχνήδιδακτική
(technédidaktiké), que se traduz por “arte” ou técnica de ensinar” (p.13).
"A Didáctica é a parte da Pedagogia que utiliza estratégias de ensino destinadas a colocar em
prática as directrizes da teoria pedagógica, do ensino e da aprendizagem"(Tavares, Rosilene
Horta. 2011. p.13).
Segundo Santos (2003):
ADidáctica passou de (...) apêndice de orientações mecânicas e tecnológicas para um
actual (...) modo crítico de desenvolver uma prática educativa, forjadora de um projecto
histórico, que não se fará tão-somente pelo educador, mas pelo educador,
conjuntamente,com o educando e outros membros dos diversos sectoresda sociedade
(p,139).

6
De acordo com Libâneo (1992), refere que:
A Didáctica é o principal ramo de estudo da Pedagogia. Ela investiga os fundamentos, as
condições e os modos de realização da instrução e do ensino. A ela cabe converter
objectivos sociopolíticos e pedagógicos em objectivos de ensino, seleccionar conteúdos e
métodos em função desses objectivos (p.25).
Segundo Gil (1997), "ao abordar a Didáctica, entendeesta como (...) a sistematização e
racionalização do ensino, constituídade métodos e técnicas de ensino de que se vale o professor
paraefectivar a sua intervenção no comportamento do estudante" (p.109).
Conforme Comenius, J. Amós (1657):
A Didáctica é um ramo da Pedagogia, é uma disciplina voltada às questões do ensino e
aprendizagem, preocupa-se em tornar a acção do professor mais consciente e eficiente
possível, ao mesmo tempo em que busca intervir de forma interessante, proporcionando
proveitosas experiências educacionais aos alunos, com o objectivo de que estes possam
adquirir a competência para aprender a aprender (p.18).
Libanêo, José Carlos (1994), " a Didáctica é uma disciplina pedagógica que estuda os objectos, as
condições do processo de ensino e meios educacionais. Porque os conteúdos da disciplina de
ensino decorrem da ciência que lhes servem de base" (p.13).
Segundo por Comenius, J. Amós (1657), "O termo Didáctica origina-se do vocábulo grego,
didaktiké, que etimologicamente quer dizer: a arte de ensinar" (p.18).
"O termo foi empregado, pela primeira vez, em 1690, por Wolfgang Ratke Ratichius (1571-
1635), em seu livro Aphorismididacticiprecipui (Principais aforismas didáticos)" (Comenius, J.
Amós 1657, p.18).
Segundo Zych, Anizia Costa, (2010) refere que:
A Didáctica Magna ou a Grande didáctica contém as teorias educacionais de Comenius,
que faz uma tentativa de criar a ciência da educação. Ele foi pioneiro na aplicação de
métodos que despertassem e ampliassem a experiência do quotidiano, elevando o
interesse do aluno (p.18).
Pela repercussão de suas ideias, Comenius é considerado o pai da Didáctica, ele foi o
primeiro educador a formular a ideia da difusão dos Anizia Costa Zych18conhecimentos a
todos e a criar princípios e regras do ensino, que se tornam presentes na educação
contemporânea (Zych, Anizia Costa, 2010, p.19).

7
A relação entre Pedagogia com a Didáctica.
Segundo Araújo (2012) refere que:
A dependência da didáctica em relação a pedagogia se verifica na impossibilidade de se
especificar objectivos da instrução, das matérias e dos métodos, fora de uma concepção
do mundo de uma opção metodológica geral e uma concepção de práxis pedagógica, uma
vez que essas tarefas pertencem ao campo pedagógico. É verdade que a finalidade
imediata do processo didáctico é o ensino de determinadas matérias e de habilidades
cognitivas conexas; todavia por se tratar de materiais ou temas de ensino, implicando,
portanto dimensão formativa, a eles se sobrepõe objectivos e tarefas mais amplas
determinadas sociais e pedagogicamente. Dai considera-se a didáctica como disciplina de
intersecção entre a teoria educacional e as metodologias específicas das matérias que se
esclarecem e se particularizam sob características comuns, básica, da actividade
pedagógica e, em particular, do processo de ensino aprendizagem. (Araújo, 2012)
"A didáctica opera a interligação entre a teoria e a prática. Ela engloba um conjunto de
conhecimentos que entrelaçam contribuições de diferentes esferas científicas (teoria de educação,
teoria do conhecimento, psicologia, sociologia, etc), junto com requisitos de operacionalização"
(Araújo,2012, p.33).
"As Didácticas ou Metodologias especificas são uma base importante para a Didáctica Geral, e
esta, por sua vez, generaliza os resultados de estudo sobre o ensino das disciplinas específicas"
(Araújo,2012, p.34).

2. Fundamentos Humanos da Didáctica


"A educação é um processo histórico, colectivo e dinâmico que visa a humanização do homem.
Humanização entendida como processo de construção do homem e da sociedade numa constante
busca de superação de condições opressoras e desumanizantes" (Marafon, 2001).

4.1 Características da Didáctica


Segundo Zych, Anizia Costa (2010), diz que:
A Didáctica preocupa-se com a sistematização do saber, objectivando estabelecer as
condições necessárias para atender o movimento de transformações que fundamentam
suas relações na prática social, considerando os modos de produção, o desenvolvimento
humano e a formação individual do educando. Compõe uma área do conhecimento
humano, cujo estudo caracteriza a pluralidade do ato educativo (p.15).
8
Schmitz (1993) refere que:
A acção educativa de que se preocupa a didáctica é uma acção humana por natureza, o
homem vive na família, na escola, na igreja, o estado, a comunidade, essas todas
instâncias são vivenciadas pelo homem e o campo escolar é social daí as influencias que
este homem sofre. Mas a vida humana é mais do que uma simples recepção de influências
e informações. Ela caracteriza-se pela participação, pelo relacionamento e pela
convivência entre pessoas; por isso há necessidade de criação de um ambiente em que se
dê o encontro humano em todas suas dimensões (p.19).
ʺA Didáctica constitui-se na disciplina integradora dos conhecimentos teóricos e práticos
voltados à formação profissional do professor, tendo em vista, a melhoria da qualidade dos
resultados das intervenções educativas, distinguindo como seu objecto de estudo, o processo de
ensino aprendizagem (Zych, Anizia Costa2010).
Zych, Anizia Costa (2010), refere:
Como mediação da acção educativas, a Didáctica busca centrar sua atenção na dimensão
humana do trabalho docente, constituindo-se o centro configurador das intenções
pedagógicas, sem desconsiderar o componente efectivo das demais disciplinas, que deve
permear toda a dinâmica desse processo. Cabe-lhe a conversão dos objectivos
sociopolíticos e pedagógicos do ensino, bem como, a preocupação com o estabelecimento
de vínculos entre a forma como são disseminados os conteúdos de ensino e a qualidade
das apropriações que se efectuam na aprendizagem, visando o desenvolvimento das
capacidades mentais do aluno em busca de mudanças comportamentais, entendidas como
necessárias à melhoria de sua formação (p.16).
"O fundamento da vida do aluno como sujeito da educação e membro da sociedade é que deve
inspirar e fundamentar toda a acção da Didáctica" (Zych, Anizia Costa, 210, p.16).
"Compreende-se que a mesma interage com as transformações que ocorrem na sociedade, e, se
reflectem na escola, pela mediação do processo educativo, conjugado à interdependência entre as
instituições"(Zych, Anizia Costa, 210, p.16).
"Desta forma, o contexto da prática social é que orienta as mudanças projectadas na escola e que
se reorganizam, conforme suas exigências, sob um procedimento dinâmico, inter-relacional"
(Zych, Anizia Costa, 210, p.16).

9
4.2 Concepções históricas e contemporâneas da Didáctica
"Inicialmente, a Didáctica foi entendida como a arte de ensinar e, por este motivo, esteve
relacionada ao jeito de ensinar, à intuição do professor" (Zych, Anizia Costa, 2010, p.19).
"Mais tarde, passou a ser conceituada como ciência e arte de ensinar, preocupando-se em realizar
pesquisas visando encontrar melhores formas de ensinar" (Zych, Anizia Costa, 2010, p.19).
De acordo com Zych, Anizia Costa (2010):
A autonomia da Didáctica, abrangendo um campo de estudo determinado, preocupa-se
com a valorização do professor enquanto orientador do processo de ensino. O aluno passa
a ser visto como ser concreto, que traz consigo um saber próprio, que deve ser valorizado
no bojo da Pedagogia crítica. Portanto, a Didáctica interfere na formação docente, na
construção do processo de conhecimento do professor e na operacionalização de sua
prática educativa. A Didáctica, desta forma, marca a trajectória pessoal e profissional do
professor-educador, iluminando sua acção antes, durante e após a sua prática pedagógica.
Surgem então novos encaminhamentos em direcção a uma Didáctica mais contextualizada
e socialmente comprometida com a formação do professor, enquanto profissional
responsável pela formação das novas gerações (p.19).

4.2.1 A Didáctica geral


Segundo Zych, Anizia Costa (2010):
Estabelece uma teoria fundamental do ensino, examinando-lhe criticamente os diferentes
métodos e procedimentos. Estuda as questões intrínsecas relacionadas ao ensino-
aprendizagem, de maneira geral, a fim de indicar procedimentos aplicáveis a todas as
disciplinas, para tornar o ensino mais eficiente.
"Destina-se aos estudos dos aspectos de ensino válidos para a orientação de todas as disciplinas,
de forma ampla e abrangente, congregando as finalidades da prática pedagógica das disciplinas
em âmbito geral" (Zych, Anizia Costa, 2010, p.20).

4.2.2 A Didáctica especial


Conforme Zych, Anizia Costa (2010):
Fundamenta-se em analisar a função e os objectivos de cada disciplina, considerando suas
particularidades. Destina-se ao estudo e orientação especialmente relacionados ao ensino
das diversas áreas de conhecimento, estudo ou disciplinas, ainda, aplica os princípios
gerais da Didáctica geral no campo específico dos diferentes sectores do ensino.
10
"Sentido pedagógico: apresenta compromisso com o aspecto sociomoral da aprendizagem do educando,
visando a formação de cidadãos conscientes e responsáveis" (Zych, Anizia Costa, 2010, p.20).

4.2.3 Objecto e objectivos da Didáctica


Zych, Anizia Costa, (2010) refere que:
O objecto da Didáctica é o ensino, a acção educativa. Caracteriza-se pelo fato de prover
circunstâncias para que o educando aprenda e aproprie-se do conhecimento, adquira
hábitos, habilidades, convicções e atitudes para desenvolver suas capacidades de modo
consciente, podendo transformar a realidade (p.21).
Zych, Anizia Costa, (2010):
Os objectivos da Didáctica convergem para possibilitar a efectivação do conceito da
educação, em seus aspectos gerais ou particulares, mediatos ou imediatos, sob critérios
claramente definidos. Sua preocupação com o ato educativo é no sentido de possibilitar a
assimilação dinâmica, consciente e significativa dos conhecimentos (p.21).

4.3 A Didáctica e as metodologias


De acordo com Saviani (1991), refere que:
Ressalta que compreender a realidade implica aprofundar a visão de mundo, ultrapassar as
aparências para captar o que não é visível de imediato, assumindo uma posição crítica,
com a percepção dos determinantes básicos do funcionamento da sociedade. Torna-se
fundamental que no aluno seja desenvolvida a capacidade de fazer associação, estabelecer
as relações entre diferentes saberes e linguagens que se articulam no universo da
multiculturalidade (p.23).
Conforme Libâneo (1994), "pode-se atribuir à Didáctica funções peculiares ao trabalho específico
da acção pedagógica, uma vez que a disciplina preocupa-se com tal organização" (p.24).
Didáctica descreve e explicita os nexos, relações entre ensino e aprendizagem; investiga
os factores com determinantes desses processos; indica princípios, condições e meios de
direcção do ensino, tendo em vista a aprendizagem, que são comuns ao ensino das
diferentes disciplinas de conteúdos específicos. (Libâneo, 1994, p.28).

3. As Categorias Pedagógicas
De recordar com Brandão (2007):
A educação acontece tanto na escola como na família, no grupo de amigos, na rua, no bar,
em casa, em todos lugares está presente a educação nas diferentes formas de manifestação
11
(formal, não-formal e informal). É essencialmente na educação formal que está presente a
educação escolar, já no sentido mais amplo, a educação enquanto fenómeno social,
integra todas componentes descritas anteriormente (p,21).
Para Araújo (2012):
A pedagogia como ciência e técnica de educar o Homem, desenvolve com base nas suas
categorias. As suas manifestações constituem conceitos precisos de acordo com as
conformidades da sua natureza. Os seus conceitos e a sua natureza justificam como a
ciência e suas formas de operacionalização" (p.22).
Araújo (2012), Pedagogia é o campo de conhecimento que se ocupa do estudo científico da
educação. Deste modo podemos destacar as seguintes categorias:

1-Educação 3-Instrução 5-Ensino Educação

2-Auto-Educação 4-Auto-Instrução

De acordo com Gohn (2006), "a Educação tem como função de determinar se o indivíduo esta
mais apto por natureza de modo a prepara-lo para esses serviços" (p,29).
Gohn (2006):
O termo educação tem sua origem do latim educare que significa alimentar, criar. Este
verbo expressa, portanto, a ideia de que a educação é algo externa, concedida a alguém. A
educação é um processo que visa o desenvolvimento nos Homens nos aspectos morais
intelectual, físico e a sua inserção na sociedade.
De acordo com Gohn (2006) “são instituições regulamentadas por lei, certificadoras, organizadas
segundo directrizes nacionais” (p.31).
"Educação não formal, programas educacionais que não conduzem a obtenção de grau académico
ou ocupacionais, certificados"(Gohn, 2006, p.32).
"Educação informal, corresponde a acções e influencia exercidas pelo meio, pelo ambiente
sociocultural que se desenvolvem, pelo meio das relações dos indivíduos e grupos com seu
ambiente social, humano, ecológico e físico" (Gohn, 2006, p.34).
Segundo Haydt (2000), "a educação do ponto de vista social é a acção que as gerações adultas
exercem sobre as gerações jovens, orientando sua conduta por meio da transmissão de conjunto
de normas, valores, crenças, usos e costumes aceites pelo grupo social" (p.11).

12
Haydt (2000):
A Educação no sentido restrito ou Pedagógico trata se da educação que compreende o
trabalho educativo, planificado e dirigido para a formação de certas qualidades. Ė aquela
em que actuam elementos pedagógicos para a formação e desenvolvimento da
personalidade. Realiza-se nas instituições como Creches, Jardins Infantis e escola. Em
sentido restrito ou pedagógico, a educação compreende todos aqueles processos,
institucionalizados, que visam ensinar aos jovens determinados conhecimentos e padrões
de comportamento, a fim de garantir a continuidade de Cultura na sociedade (p.18).

4. A relação entre as diferentes categorias pedagógicas.


De acordo com LibâneO (1994), refere que:
A disciplina de ensino implica numa selecção de conhecimentos pautada por critérios
pedagógicos e didácticos; do mesmo modo, os métodos da ciência e os métodos de ensino
são conexos, não idênticos, porque a actividade de ensino implica uma relação
pedagógica que lhe é peculiar, distinguindo-se daquela que ocorre na actividade científica
(p.13).
Para Decroly (1974),"a escola em vez de somente proporcionar aos conhecimentos visando a sua
formação profissional, deverá também estar centrada no estudante com particular objectivo em
prepará-lo para a vida em sociedade" (p.32).
"A proposta mais conhecida de Decroly é a ideia de globalização de conhecimentos (inclui o
chamado Método Global de Alfabetização) e os Centros de Interesse" (Decroly,1974, p.32).
Decroly (1974):
O princípio de globalização de Decroly propõe que o individuo apreende a realidade que
o rodeia tendo como suporte uma visão do todo e de que este futuramente pode se
organizar em partes. Como reflexo desta ideia, Decroly propõe que a aprendizagem da
leitura, comece não do conhecimento isolado de sílabas e letras, mas nas actividades de
associação de significados, de discursos completos (p.32).
De acordo com Luckesi (1994), "a educação escolar funciona como modeladora do
comportamento, oportunizando ao mercado de trabalho, indivíduos tecnicamente competentes"
(p.34).

13
Conclusão

Levando em observação os aspectos observados nesse trabalho, é de facto e imprescindível


perceber que os estudos realizados evidenciaram a viabilidade a compreende-se a Didáctica como
uma acção humana e humanizadora, básica para a intermediação do processo de ensino
aprendizagem, que pode ser compreendida no espaço sócio educacional, como a responsável por
reestruturações e aperfeiçoamentos equivalentes à optimização do ensino e ao sucesso da
aprendizagem.

A acção educativa de que se preocupa a didáctica é uma acção humana por natureza, o homem
vive na família, na escola, na igreja, o estado, a comunidade, essas todas instâncias são
vivenciadas pelo homem e o campo escolar é social daí as influencias que este homem sofre.

o desenvolvimento da pessoa depende de processos internos e externo, dirigidos e espontâneos.


Este tipo de procedimento pode ser utilizado para a crianças a ter maior controlo sobre
actividades que precisa realizar, assim como pode fornecer a si mesmo, auto-instrução no sentido
de controlar o seu comportamento agressivo.

A educação é um processo histórico, colectivo e dinâmico que visa a humanização do homem.

a disciplina de ensino implica numa selecção de conhecimentos pautada por critérios pedagógicos
e didácticos; do mesmo modo, os métodos da ciência e os métodos de ensino são conexos, não
idênticos, porque a actividade de ensino implica uma relação pedagógica que lhe é peculiar,
distinguindo-se daquela que ocorre na actividade científica.

14
Referencias Bibliográficas

Casimiro, Amado. (2007).História da Pedagogia e da Educação – Guião para acompanhamento


das aula. Univ. de Evora.
Tavares, Rosilene Horta. (2011).Didáctica Geral. (UFMG Ed.). Belo Horizonte.

Golias, Manuel. (1999). EducaçãoBásica: Temáticas e conceitos, Maputo.

Schmitz, Egídio Francisco. (1993)Fundamentos da Didáctica, RS: Ed. UNISINOS. São


Leopold.

YIN, Robert K. (2010). Estudo de caso: planejamento e métodos. 4. ed. Porto Alegre: Bookman.

15

Você também pode gostar