Você está na página 1de 5

#TROPADEMENTORES

PDF RESUMO
AULA 2

SIGA @THIAGOVIDAFERA
Muitas pessoas saem por aí oferecendo Mentoria e conseguem vender. O mercado
está muito carente de Mentores. O problema é que a maioria das pessoas oferece
Mentoria sem ter um processo e como eu já avisei.... Vai dar merda!

É necessário estruturar o seu programa de Mentoria para você conseguir replicar e aperfeiçoar
o seu processo. Como é possível saber se os resultados do seu Mentorando foram sorte ou se
foi um resultado construído com Mentoria?

Nas operações policiais, mesmo quando as equipes entram em uma situação de risco
completamente incontrolável os policiais tem sucesso em suas missões por um simples fato.
Eles têm um processo para lidar com aquelas situações.

É isso que você precisa fazer no seu programa de Mentoria. Você precisa ter um passo a passo
para ter segurança no que está fazendo.

Um processo que você deve aplicar em todas as sessões de Mentoria é o F.E.R.A.

Farejar
Examinar
Racionalizar
Atacar
Farejar – É você usar a sua intuição para perceber os sinais e elementos. Perceber os
comportamentos. Muitas das vezes o seu Mentorando esconde coisas de você ou não tem
consciência do que realmente precisa ser resolvido. Você tem que ir percebendo os detalhes.

Examinar – Baseado nos sinais e elementos que você percebeu na primeira fase, você deve
construir teses e validá-las com dados reais. Chegou a hora de você analisar as ações do seu
cliente em relação ao objetivo que o seu Mentorando quer alcançar. Você deve criar critérios
objetivos para analisar.

Racionalizar – Você precisa criar um plano para o seu Mentorando com as ações que ele
precisa realizar.

Atacar – Nesta etapa o plano é colocado em prática.

O seu plano de Mentoria tem que ser um ataque igual ao de um Leão. Ser certeiro.

Para levar uma pessoa do ponto A para o ponto B não faz sentido você especificar um número
fixo de sessões. Cada caso é um caso e tem necessidades diferentes.
Em geral, 6 sessões de Mentoria são o suficiente para alcançar resultados pela minha
experiência e o Mentor consegue cobrar um ticket interessante. É o plano ideal para quem
está começando no mundo das Mentorias.

Outra coisa importante é perceber o estado emocional do seu Mentorando. Você sempre
precisa elevar o estado emocional para que o seu cliente esteja preparado para receber as
orientações e tirar o máximo proveito delas.

Quando o Mentorado está em um estado emocional elevado, com confiança no Mentor e


desejando evoluir as chances de sucesso são muito maiores.

Um processo FERA na sua sessão de Mentoria gera segurança para o Mentor e traz clareza
para o Mentorado.

Em todas as sessões de Mentoria você vai começar farejando o estado emocional e os sinais.
Em seguida você deve elevar o estado emocional.

Você já percebeu que em todos os treinamentos presenciais existem dinâmicas para


movimentar o corpo e elevar o estado emocional? Isto é uma técnica amplamente difundida e
você deve coloca-la no seu processo de Mentoria.

Os intervalos entre as sessões de Mentoria devem ser de 7 até 21 dias. Este é o tempo
suficiente para o Mentorando ter tempo para fazer as “tarefas”. Mais de 21 dias não é
recomendado porque a relação de confiança esfria.

Na etapa de examinar é importante que sejam elencadas todas as contingências para que você
com a sua experiência possa ajudar a resolver as dificuldades encontradas.

Na hora de racionalizar você traça um plano de ação para os próximos dias em relação ao
objetivo. O ideal é marcar compromissos públicos para o Mentorado sair da zona de conforto.

No encontro 3 você deve voltar para parte teórica para dar ferramentas para o seu Mentorado
a lidar com as diferentes situações.

No encontro 4 é importante fazer o Mentorando usar os aprendizados e as teorias trabalhadas


no encontro anterior e coloca-las em prática.

Se o seu programa de Mentoria tiver mais do que 4 sessões você deve ir alternando sempre
entre sessões teóricas e sessões com objetivos práticos. Ou seja, uma sessão o Mentor
fornece as bases e a teoria. E na outra sessão você coloca o conhecimento em prática.
Uma ferramenta que eu utilizo muito é o R=C-I
Resultado é igual a capacidades menos interferências.

01 - Você precisa ter clareza do plano que você oferece para resolver uma dor ou uma dúvida
especifica do seu cliente

02- Divulgar da maneira correta e ter segurança no processo

Para ser um Mentor de Elite você precisa desenvolver 4 áreas:

Finanças
Empreendedorismo
Relacionamento
Alta-performance

As pessoas aprendem por 2 formas:


1-Forte impacto emocional

2- Repetição

Nas redes sociais você precisa usar a repetição para conseguir passar a sua mensagem para as
pessoas e fazer com que elas aprendam o que você tem para ensinar.

Assim chegamos à metade da Formação Gratuita de Mentores, está sendo incrível para você
assim como está sendo para mim?

Há por aí pessoas que sonham em viver de Mentorias, mas acham que isso é um sonho
distante ou que nunca irá acontecer. O que eu quero que você entenda é que eu consegui e
não sou um super-herói não tenho superpoderes, mas também não estou dizendo que vai ser
fácil.. Você terá que se esforçar e ter a disciplina para aplicar tudo que eu compartilho com
você durante as minhas Mentorias. Hoje posso dizer que fiz do meu sonho a minha profissão.

Eu quero que você também viva esse sonho, então não perca a terceira aula dessa formação e
não se esqueça de clicar aqui e baixar o Workbook do Mentor para se organizar corretamente
para aula de hoje. Te vejo às 20h.

Abraço, Thiago Vida Fera.


PROGRAMA
DE MENTORIA

@thiagovidafera Comunidade FERA de Mentores ThiagoVidaFera

@thiagovidafera
O mentor dos mentores

Você também pode gostar