Boletim informativo

Promover a leitura
Esta edição faz do tema a leitura o seu foco. Apresentamos algumas opiniões de quem na escola se preocupa com a língua portuguesa, com o sucesso escolar dos educandos, alicerçado no conhecimento e domínio da leitura e da escrita da língua materna. A Associação de Pais entende que pode contribuir ativamente para a excelência desta motivação, que deve ser de todos e incluir todos. Os nossos educandos necessitam de se rever em algumas das nossas atitudes. Mostrar que gostamos de ler, ler em família, levá-los a serem consumidores de livros da biblioteca da escola, participarmos nos momentos de leitura em sala de aula, são decerto boas atitudes.

Ano 1, Edição 3

Junho 2011

AVISO:
Pede-se a todos que tenham alugado cacifos que até final de Junho os libertem para que possamos realizar a manutenção anual. Devem ficar com os cadeados e chaves.

Próximas actividades da Associação:
• 21 Junho, 17h30m - Entrega dos livros à biblioteca

Queremos ajudar a escola a criar mais e mais leitores. Em sintonia com a biblioteca Porto Maia (a biblioteca da escola) vamos oferecer cerca de 50 livros, escolhidos de uma lista elaborada com as preferências dos educandos. No verso deste boletim passamos a incluir uma sugestão de leitura feita por uma Encarregada de Educação. Esta sugestão estará disponível brevemente na biblioteca, para que possa ser requisitada por qualquer leitor Encarregado de Educação. Tenham umas boas férias e aproveitem para promover a leitura!

Próximos eventos programados na Escola EB23:
• •
17 Junho, 21h - Apresentação de um trabalho de bulling 21 de Junho, 10h - Entrega dos prémios dos concursos de língua Portuguesa 20 a 22 de Junho - Mostra Pedagógica 21 de Junho, 21h - Sarau Musical 17 a 22 de Junho, das 9h às 17h exposição das fotografias do concurso “gente e locais” Biblioteca

Em tempos de crise, a biblioteca vale ouro!
por José Barroco
Actualmente, os salários de muitas famílias esgotam-se quase nos bens essenciais, pouco restando para bens de segunda necessidade, como os livros, CD’s ou DVD’s, o que acentua as desigualdades económicas, sociais e culturais dos alunos. Neste contexto económico, desfavorável às famílias, às escolas e aos alunos, as bibliotecas emergem como espaços que contribuem positivamente para atenuar as desigualdades sociais e culturais existentes. De facto, minimizam as carências familiares ao nível da posse de materiais de leitura diversos, fornecendo a todos os alunos, sem excepção, os mesmos recursos e oportunidades. No caso concreto da biblioteca da EB2,3 de Real, a biblioteca Porto Maia, esta proporciona aos alunos o acesso aos computadores durante o período de funcionamento da biblioteca (8:30h às 17:00h), facilita a utilização de equipamento audiovisual, garante o empréstimo domiciliário de todos os livros e jogos de que dispõe e desenvolve actividades culturais, recreativas, lúdico-didácticas na e para a comunidade. Apresentase, desta forma, como um espaço onde se vai e está por gosto, que conquista leitores, que forma alunos críticos e capazes de sobreviverem na actual sociedade da informação. Aos pais, solicitamos a colaboração no sentido de fazer sentir aos seus filhos (nossos utentes da biblioteca) que a biblioteca é um excelente aliado para reduzir o impacto da crise no acesso aos bens culturais e para aumentar o sucesso escolar.

• • •

Curtas:
• http://
www.planonacionaldeleitura.gov.pt/ lermaisemfamilia/

• http://biblioteca-real.blogspot.com

Contacte-nos: asspaiseb23real@gmail.com

Visite-nos em: www.asspaiseb23real.blogspot.com Acompanhe-nos: facebook

Reunião com os Encarregados de Educação Representantes de Turma
No final de Maio ocorreu a reunião trimestral com os Encarregados de Educação Representantes de Turma e a Direcção da escola. Os pontos abordados foram:

Reunião mensal com a Direcção
Nas reuniões mensais com a Direcção os principais temas debatidos têm sido: resumo das avaliações do 2.º período. controlo de entradas e saídas dos educandos do recinto escolar está a ser analisado, algumas medidas foram já tomadas no sentido de melhorar e outras estão a ser pensadas para o próximo ano lectivo. •Tem-se assistido a situações de interpelação dos educandos por empresas que pretendem cativar a atenção para promover produtos ou interesses. A escola apenas deixa que entrem no recinto empresas certificadas e autorizadas pela DREN mas vai avisando que fora do recinto escolar essas interpelações também existem e, aí, apenas poderá vigiar. •A preocupação em elevar o cuidado dos nossos educandos com a língua portuguesa foi transmitida à Direcção. Fizémos e recebemos sugestões. A leitura em família é um acto muito importante para promover o gosto pela leitura. A biblioteca Porto Maia é hoje um espaço cada vez mais apreciado pelos educandos, com as suas actividades. A participação dos encarregados de educação nas actividades direccionadas para eles é também motivadora para os educandos.
•O •O

Deu-se a conhecer as actividades da biblioteca da escola - biblioteca Porto Maia) e a necessidade de haver mais envolvimento dos Encarregados de Educação nessas actividades. A Direcção apresentou o projecto “Prémio Escolar Montepio”, que vai possibilitar criar um espaço de estudo e de entreajuda entre os educandos. Este espaço será geridos por alunos e supervisionado por professores. O objectivo será o de contribuir para a subida da média geral das notas. A Direcção apresentou o plano de atvidades da mostra pedagógica, ainda não fechado. Apelou fortemente à nossa presença nesses dias na escola. Abordou-se a questão da ainda fraca presença dos Encarregados de Educação nas actividades promovidas pela escola e pela associação de pais. A opinião foi unânime: a comunidade educativa só fica completa com a presença efectiva dos Encarregados de Educação. Surgiram ideias que irão ser exploradas no próximo ano lectivo.

ENVIE-NOS UM EMAIL E RECEBERÁ TODOS OS MESES A ACTA DE CADA REUNIÃO MENSAL.

Uma sugestão de leitura
(sugestão retirada do boletim da biblioteca Porto Maia e escrito por uma Encarregada de Educação na rubrica “Ler para Crer”). ...O livro que mais me marcou foi “Mutilada”… Fiquei impressionada com a realidade de tantas mulheres que ainda hoje sofrem a violência física e psicológica, Só porque as crenças e tradições falam mais alto do que o respeito por um ser que o destino quis que fosse mulher. A mesma que é filha, que é escolhida para ser esposa por imposição, será mãe e perpetuará a raça e apesar de sofrer brutalmente é ela própria a agente que faz com que a tradição se mantenha.

A Opinião
A leitura

Maria Augusta Rodrigues

A leitura comporta, em primeiro lugar, uma função informativa e lúdica. Além disso, representa uma tomada de consciência do mundo facilitando o desenvolvimento da consciência cívica e um melhor conhecimento do outro, contribuindo para um enriquecimento afectivo e harmonioso da personalidade. A leitura permite, ao leitor, a possibilidade de intervir e reconstruir as histórias que vai lendo, de acordo com a sua experiência e os seus interesses. É um constante apelo ao imaginário sonhador, tão comum nas idades mais jovens e um contributo à criatividade. A leitura de um livro requer um contínuo esforço durante um determinado período de tempo. As crianças e jovens leitores têm de interiorizar que, grande parte das vezes, é necessário despender tempo e empenho para conseguirem atingir os objectivos neste e noutros aspectos da sua vida. Este esforço exigido na leitura ajuda a desenvolver a atenção, a concentração, a memória, o raciocínio e contribui para o enriquecimento vocabular. Fazer com que os alunos adquiram competências de leitura e gostem de ler é um dos primordiais objectivos dos professores de Língua Portuguesa. A escola é um local privilegiado para criar bons leitores, no entanto, o amor e o respeito pelos livros devem ser adquiridos, fundamentalmente, no seio da família. As crianças, mesmo de tenra idade, devem ter a oportunidade de poder manusear livros (de pano, de cartão grosso, de plástico) e de ouvir contar e ler histórias. Para que se motivem e adquiram hábitos de leitura é necessário que recebam o testemunho de pais leitores e que o ambiente familiar seja culturalmente estimulante. Jornais, revistas, livros… o importante é ler! Boas leituras!

Passatempo
O Encarregado de Educação António Matos, da aluna Ana Matos, da turma 9F, foi o vencedor do segundo passatempo. Esteve presente na última reunião mensal da Associação, onde recebeu o prémio.

Contacte-nos: asspaiseb23real@gmail.com

Visite-nos em: www.asspaiseb23real.blogspot.com Acompanhe-nos: facebook

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful