Você está na página 1de 3

1.

Sistema respiratório:
O Sistema Respiratório é formado por um conjunto de órgãos interconectados de forma
O sistema respiratório é responsável pela absorção, por meio das vias respiratórias,
do oxigênio e da eliminação do gás carbônico.sinérgica. Podemos dizer que ele é
formado por um sistema de tubos que garante a comunicação dos pulmões com o meio
exterior.

a) Estrutura e função;
Estrutura
O sistema respiratório humano é composto pelos seguintes órgãos: cavidades nasais,
faringe, laringe, traqueia, brônquios, bronquíolos, alvéolos e pulmões.

b) Mecanismo do intercâmbio gasoso em repouso e durante o exercício físico.

2. Sistema circulatório:

a) Estrutura e função e importância;


Estrutura
O sistema cardiovascular é formado pelo coração e os vasos sanguíneos. O coração
funciona como uma bomba, permitindo que o sangue seja impulsionado. As artérias são
vasos sanguíneos que levam sangue do coração para o corpo. Veias são vasos
sanguíneos que garantem o retorno do sangue ao coração.

Função
O sistema circulatório é responsável por conduzir elementos essenciais para todos os
tecidos do corpo: oxigênio para as células, hormônios (que são liberados pelas glândulas
endócrinas) para os tecidos, condução de dióxido de carbono para sua eliminação
nos pulmões, coleta de excretas metabólicos e celulares, entrega desses rejeitos
nos órgãos excretores, como os rins. Além disso, apresenta importante papel no sistema
imunológico contra infecções, na termorregulação (acima da temperatura normal, efetua
a vasodilatação dos vasos periféricos e, abaixo dela,
produz vasoconstrição periférica). O transporte de nutrientes desde os locais de
absorção até as células dos diferentes órgãos também é realizado por este sistema. De
modo geral, o sistema circulatório mantém as células em condições adequadas para que
consigam sobreviver e desempenhar suas funções individuais da melhor maneira,
portanto permite a manutenção da homeostase.

Importância
O sistema circulatório, também chamado de sistema cardiovascular, é o responsável
pelo transporte de sangue, oxigênio e nutrientes para todo o corpo humano. Ele é
formado pelo coração e pelos vasos sanguíneos (veias, artérias e capilares).

b) Como funciona a frequência cardíaca?

Qual deve ser a diferença entre a frequência cardíaca de indivíduos treinados e dos
não treinados?
1- Em repouso, os músculos esqueléticos recebem somente cerca de 15 por cento do
fluxo sanguíneo por minuto e suas arteríolas estão constrictadas por uma actividade
vasoconstritora continua e de alguma forma um tónus vascular espontâneo. Poucos
capilares estão abertos, mas os capilares individuais abrem e fecham alternadamente. A
frequência cardíaca é mantida baixa devido ao estímulo parassimpático do nervo vagal.
2- Quando do começo do exercício, ou mesmo antes, há uma inibição da actividade
parassimpática e um aumento do tráfego de impulsos simpáticos. O coração escapa
desta inibição e bate mais rápido e com força aumentada. Eventualmente, impulsos
provenientes de nível superior do SNC transmitidos pelas fibras simpáticas colinérgicas
vasodilatadoras dilatam arteríolas nos músculos, aumentando desta forma seu fluxo
sanguíneo.

3. Sistema digestivo (sistema digestório em literatura brasileira):

a) Falar da importância da alimentação no atleta.


A prática regular de atividade física beneficia variáveis fisiológicas, psicológicas e
sociais. O aumento da força muscular, o aumento do fluxo sanguíneo para os músculos,
o aprimoramento da flexibilidade e amplitude de movimentos, a diminuição do
percentual de gordura, a melhora dos aspectos neurais, a redução dos fatores que
causam quedas, a redução da resistência à insulina, a manutenção ou melhora da
densidade corporal óssea diminuindo, assim, o risco de osteoporose, a melhora da
postura, podem ser considerados alguns dos benefícios fisiológicos que a atividade
física propicia ao organismo. Além disso, a alimentação aplicada à atividade física tem
como objetivo promover saúde, proporcionar o funcionamento dos processos
metabólicos ligados ao exercício, retardar a fadiga, auxiliar na recuperação de lesões ou
traumas, reduzir o tempo de recuperação dos estoques de energia e promover o aumento
da massa muscular. A adequação da dieta é condição para que a alimentação cumpra
seu papel no processo de nutrição, e satisfaça as necessidades globais dos indivíduos.

4. Sistema endócrino: a) Estrutura (componentes);


b) Papel na regulação do organismo durante o exercício físico.

5. Sistema nervoso: a) Estrutura e funções principais


b) Importância para a actividade física

Você também pode gostar