Você está na página 1de 16

AULA 11

RETIFICADOR
MONOFÁSICO DE
ONDA COMPLETA
NÃO CONTROLADO
Profa. Msc. Julia Maria Arrabaça
OBJETIVOS
• Estudo dos Retificadores Monofásicos
de Onda Completa Não Controlados;
• Estudo Qualitativo (Formas de
Ondas);
• Estudo Quantitativo (Equações
Matemáticas);
• Carga Fortemente Indutiva;
• EXERCÍCIOS;
CARGA INDUTIVA
dic t 
– Cargas: Vc (t)  L 
dt
 R  ic (t)

» Fortemente Indutiva; »Garante que i tende a zero e a


corrente na carga seja constante;
»Em regime permanente, L é um
curto, tendo que: Vcm
I
R
»Substituindo a carga por uma
Real Ideal fonte de corrente ideal, tende a
»O indutor real é utilizado manter iC constante no instante
para representar um de comutação dos elementos
motor CC; que fazem chaveamento do
circuito retificador;
» L tende ao infinito;
RETIFICADOR

* Circuito completo do 1Փ onda completa;


 Carga fortemente indutiva através da
associação série entre R e L;
RETIFICADOR

 L ideal é substituído por uma fonte de corrente


constante;
Tende a manter a corrente na carga constante;
RETIFICADOR
• Roteiro para fazer a ANÁLISE
QUALITATIVA do Retificador:
1) Fazer a análise do circuito;
2) Desenhar as formas de onda senoidal da tensão de
entrada;
3) Analisar o comportamento dos diodos, na parte
positiva e negativa, da forma de onda;
4) Verificar quais diodos conduzem na parte positiva e
negativa da forma de onda;
5) Desenhar as formas de onda das correntes;
RETIFICADOR
• Semi-círculo Positivo • Diodos 1 e 2 conduzem;
• Diodos 3 e 4 estão
abertos (reversamente
polarizados);
• Diodos ideais – tendem
ao infinito;
• Indutor é considerado
um curto em regime de
corrente continua;
• Tensão na Entrada é
igual à Tensão na carga;
RETIFICADOR
• Semi-círculo Negativo
• Diodos 3 e 4 conduzem;
• Diodos 1 e 2 estão
abertos (reversamente
polarizados);
• Tensão na Entrada é
igual à Tensão na carga;
• Portanto a forma de
onda das tensões não se
alteram;
RETIFICADOR
• FORMAS DE ONDA DA TENSÃO
RETIFICADOR
• FORMAS DE ONDA DA CORRENTE
- O indutor na carga alisa a as formas de onda
da corrente;
- Todas com mesma amplitude (I);
- L em série com R alisa a forma de onda da
corrente, da mesma forma que o capacitor em
paralelo com R alisa a forma de onda da tensão
na carga;
RETIFICADOR
• FORMAS DE ONDA DA CORRENTE
RETIFICADOR
• ANÁLISE QUANTITATIVA :
1) Tensão e Corrente na Entrada do Retificador:
2) Tensão e Corrente Média na Carga:
3) Tensão Máxima Reversa:
4) Corrente Média no Diodo:
5) Potências na Carga e no Retificador:
6) Rendimento de Retificação:
7) Tensão Eficaz da Carga:
8) Fator de Potência:
RETIFICADOR
• ANÁLISE QUANTITATIVA :
1) Tensão na Entrada do Retificador:
Vep
Ve ef 
2

2) Corrente na Entrada do Retificador:


2  Vep
I  1  π 2
 

   I e ef
2π  0 π
2
 I  dθ   I
2
 dθ 
e ef  RC  π

3) Tensão Média na Carga:



1 1  2Vep
  
VCM   2 Vep  cos()  d ou

 Vep  sen()  d 
 0 VCM 
2 
RETIFICADOR
• ANÁLISE QUANTITATIVA :
4) Corrente Média na Carga:
VCM
I CM 
RC

5) Tensão Máxima Reversa:


Observando a forma de onda da tensão no
diodo, verifica-se que a tensão reversa máxima
aplicada é igual a tensão máxima de alimentação,
ou seja:
VR max D  Vep
RETIFICADOR
6) Corrente Média no Diodo:
1  I
I DM    I  d  I DM 
2 0 2

7) Potência na Carga:
2  Vep
PCM  VCM  I CM  PCM 

I

8) Potência Entrada do Retificador:


Vep
S  Ve ef  Ie ef  S I
2
RETIFICADOR
9) Rendimento de Retificação:
P 2
  CM  V
   CM


PCef
 VCef 

10) Tensão Eficaz da Carga:


1 
VCef 
2
 
 0  
Vep 2  sen2 ()  d  VCef 
Vep
2

11) Fator de Potência:


PCM
F.P. 
S

Você também pode gostar