Você está na página 1de 9

Aula 6 - PRATICAS TRABALHISTAS

Introdução
O 13º salário é uma obrigação do empregador que deve fazer sua provisão mensalmente considerando 1/12 avos do
salário do empregado. Esses valores se acumulam até formar a integralidade do 13º salário no mês de dezembro.

O empregado para ter direito a 1/12 avos do 13º salário terá que trabalhar pelo menos 15 dias no mês. Se a admissão
do empregado ocorrer após o mês de janeiro, este terá direito à proporcionalidade.

O pagamento do 13º salário é feito em folha separada da folha de pagamento mensal. A legislação determina seu
pagamento em duas parcelas, sendo a primeira paga entre os meses de fevereiro e novembro e a segunda em
dezembro.

13º salário: a gratificação de Natal

O 13º salário na realidade é uma gratificação de Natal paga ao empregado em duas parcelas:

⦁ A primeira até o dia 30 de novembro


⦁ A segunda até 20 de dezembro

Convencionou-se chamá-lo de 13º salário por ser um salário integral recebido pelo empregado além dos que tem
direito durante os 12 meses do ano.

Quem tem direito?


O empregado adquire direito à parte (1/12 avos) do 13º salário toda vez que completa um mês de trabalho.

Essa contagem se inicia no mês de janeiro de cada ano, e o empregado já adquire direito ao trabalhar pelo menos 15
dias no mês.

Caso o empregado inicie na empresa durante o ano, ele terá direito a receber o 13º salário proporcional, ou seja, pelos
meses efetivamente trabalhados.

Os adicionais também entram na conta desse salário?

O pagamento de adicionais, como, por exemplo noturno, insalubridade e periculosidade, também formarão base para
o cálculo do 13º salário.

1
Será necessário calcular a média dos valores recebidos pelos empregados que recebem exclusivamente a base de
remuneração variável para que seja estipulado o valor do 13º salário.

Para aqueles que recebem horas extras habituais, o empregador terá que fazer a média das horas extras para somar
ao salário para efeito de pagamento do 13º salário

Como é feito o pagamento?


O pagamento da primeira parcela do 13º salário pode iniciar-se a partir do mês de fevereiro.

Caso a data de pagamento, tanto da 1ª quanto da 2ª parcela, recaiam em domingo ou feriado, o empregador terá que
antecipar o pagamento.

Provisão do 13º salário


Provisão é a estimativa de um valor que o empregador tem para cumprir em determinado período.

O 13º salário é uma provisão porque o empregador terá que reservar mensalmente 1/12 avos do salário do
empregado para que cumpra o pagamento integral do 13º salário no mês de dezembro.

Sobre o valor de 1/12 avos de 13º salário a empresa também provisionará os encargos sociais, assunto que vamos ver
mais adiante.

Como o empregado adquire direito a 1/12 avos a cada mês trabalhado, veja no quadro abaixo como vai se
desenrolando esses avos durante o ano para um empregado com salário de R$ 2.400,00.

Pagamento integral

Já foi dito que o pagamento do 13º salário deve ser feito em duas parcelas. Portanto, quando falamos em
pagamento integral estamos nos referindo à 2ª parcela do 13º salário, onde estará contemplado o valor integral
com os descontos legais e mais o desconto do adiantamento da 1ª parcela do 13º salário.

2
Observe que o empregado vai acumulando durante os meses R$ 200,00 que somados ao longo do ano resultará no
salário integral para efeito de pagamento do 13º salário.

Com isso, fica fácil o entendimento de que dividindo o salário por 12 encontramos o valor de 1/12 avos.

Assim:
⦁ Primeira parcela
Em 30 de novembro, o empregado terá que receber de adiantamento do 13º salário (primeira parcela) 50% de R$
2.400,00 que resultará em R$ 1.200,00, sem nenhum desconto.

⦁ Segunda parcela
Em 20 de dezembro, o empregado terá que receber a segunda parcela no valor de R$ 1.200,00. Nesta entrarão os
descontos previstos na legislação mais o desconto da segunda parcela do 13º salário, que o empregado já recebeu.

Exercício

Se a empresa quiser, o pagamento do 13º salário pode ser pago integralmente no mês de dezembro?

Não, porque a legislação determina que o 13º salário seja pago em duas parcelas, uma em novembro e outra em
dezembro.

Reajuste salarial
O que acontece se esse mesmo empregado recebe um reajuste salarial durante o ano? O que muda nesse cálculo?

Vamos ver esse cálculo com o salário do empregado passando para R$ 2.520,00 a partir do mês de maio.

3
Observe que o valor de 1/12 avos se altera no mês de maio de R$ 200,00 para R$ 210,00.

Sendo assim, os valores de janeiro, fevereiro, março e abril devem ser ajustados em face do novo salário, pois, ao
conceder o reajuste, ele também refletirá no pagamento do 13º salário.

Fazendo o ajuste, compõe-se os valores para que, no final do ano, o 13º salário seja o mesmo do salário atual.

Você agora já sabe como é composto o 13º salário mensalmente:

⦁ Primeira parcela
Em 30 de novembro, o empregado terá que receber de adiantamento do 13º salário (primeira parcela) equivalente a
50% de R$ 2.520,00, que resultará em R$ 1.260,00, sem nenhum desconto.

⦁ Segunda parcela
Em 20 de dezembro, esse empregado terá que receber a segunda parcela no valor de R$ 1.260,00. Nesta entrará os
descontos previstos na legislação, mais o desconto do adiantamento da primeira parcela.

Exercício

Complete a sentença corretamente com um dos termos encontrados nos parênteses:

Se houver reajuste salarial no mês de julho, a empresa deve pagar o 13º salário com valor ___________ ao salário
reajustado. (IGUAL/ PROPORCIONAL/ INFERIOR)

Igual, porque a legislação determina que o valor do 13º salário deve ser o mesmo do salário de dezembro.

13º salário proporcional


4
Agora veremos o que ocorre quando o empregado é admitido na empresa, por exemplo, no mês de junho.

Como será feito esse cálculo?


A contagem dos avos para direito ao 13º salário não se modifica, ela se inicia a partir do mês de admissão do
empregado.

Como vimos, o empregado só adquire 1/12 avos do 13º salário a partir de pelo menos 15 dias trabalhados no mês.
Sendo assim, se o empregado foi admitido na empresa no mês de junho, como em nosso exemplo, temos que verificar
quantos dias efetivamente possui esse mês. No caso de junho são 30 dias.

Então, se ele foi admitido até o dia 16 de junho, a contagem dos avos do 13º salário se inicia no próprio mês de junho.
Já se a admissão ocorrer a partir de 17 de junho, ele já perdeu 1/12 avos relativo ao mês de junho e a contagem se
inicia a partir de julho.

Veja abaixo o quadro com a contagem dos avos e os respectivos valores com a admissão do empregado na data de 1º
de junho e com salário de R$ 2.400,00.

Observe que o empregado tem direito a 7/12 avos de 13º salário que resulta em R$ 1.400,00.

Para ser mais rápido, basta pegar o salário de R$ 2.400,00, dividir por 12 e multiplicar por 7.

Veja:

Salário Base dividido por 12 meses (𝑅$ 2.400,00) / 12 = 𝑅$ 200,00

Resultado multiplicado pelos meses trabalhados R$ 200,00 X 7 = R$ 1.400,00

Assim:

⦁ Primeira parcela
Em 30 de novembro, portanto, o empregado terá que receber de adiantamento do 13º salário (primeira
parcela) 50% de R$ 1.400,00, que resulta em R$ 700,00, sem nenhum desconto.

⦁ Segunda parcela
Em 20 de dezembro, esse mesmo empregado terá que receber a segunda parcela no valor de R$ 700,00. Nesta
já entrará os descontos previstos na legislação mais o desconto da segunda parcela do 13º salário que ele já
recebeu.

5
Exercícios

Um empregado admitido em 17 de abril terá quantos avos de 13º salário no mês de dezembro?

a) 10/12

b) 9/12

c) 8/12

d) 7/12

Gabarito

8/12, porque a contagem se iniciará no mês de maio, já que ele perde o mês de abril por não ter trabalho no mínimo
15 dias.

O empregado que é admitido na empresa no mês de junho irá acumulando 1/12 avos de 13º salário a
cada mês trabalhado. Se este empregado se afastar da empresa por mais de 20 dias no mês de outubro
perderá 1/12 avos do 13º salário?

a) Sendo o afastamento menor do que 30 dias, ele não perderá 1/12 avos do 13º salário.

b) Por ser admitido em junho, não receberá o 13º salário integral, já que os 20 dias não irão influenciar no cálculo
do 13º salário.

c) Por ter sido admitido antes do mês de julho, este empregado poderá faltar mais de 15 dias em um só mês e não
perderá esse 1/12 avos.

d) Por ter trabalhado menos 15 dias no mês, o empregado perderá 1/12 avos quando receber o 13º salário.

e) Se for o primeiro emprego, a perda de 1/12 avos não influenciará, pois não terá direito ao 13º salário.

Gabarito

A legislação determina que, para ter direito a 1/12 avos, o empregado precisa ter trabalhado pelo menos 15 dias no
mês.

Saul foi admitido na empresa ABS em 21 de março com salário de R$ 1.200,00. Qual será o valor do seu
13º salário em 20 de dezembro?

a) R$ 1.200,00

b) R$ 1.000,00

c) R$ 1.100,00

d) R$ 900,00

e) R$ 800,00

Gabarito
6
Em face da perda de 1/12 avos relativo ao mês de março. Ele terá direito a 9/12 avos de 13º salário.
Veja abaixo o cálculo:
R$ 1.200,00 ÷ 12 = R$ 100,00
R$ 100,00 X 9 = R$ 900,00

Pagamento do 13º salário


O empregador terá que providenciar o pagamento do 13º salário em folha de pagamento exclusiva.
Veja abaixo como fica demonstrado o pagamento da primeira parcela do 13º salário:

Observe que não há descontos no contracheque, mas se torna obrigatório o depósito do valor do FGTS de 8% sobre o
valor do adiantamento. O prazo para pagamento é até o dia 30 de novembro, como já vimos nesta aula.
Agora veja o contracheque do 13º salário relacionado ao pagamento da segunda parcela:

Observe que nesse contracheque o valor do 13º salário aparece integralmente no campo de proventos.

Na parte relativa aos descontos, teremos os valores do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e do IRRF (Imposto
de Renda Retido na Fonte).

O adiantamento da primeira parcela aparece na parte de descontos.

7
Caberá ao empregador recolher para o FGTS 8% sobre o valor da segunda parcela do 13º salário, isso porque já foi
recolhido o valor sobre o adiantamento da primeira parcela.

Atenção

Também são lançadas no contracheque:

• As bases para cálculo do INSS, do IRRF e do FGTS;


• O valor do FGTS;
• A quantidade de dependentes para o cálculo do Imposto de Renda.

Exercício

Selma foi admitida na empresa JOTA em 15 de maio com salário de R$ 1.800,00. De quanto será o valor do FGTS
quando Selma receber a primeira parcela do 13º salário?

a) R$ 144,00

b) R$ 48,00

c) R$ 72,00

d) R$ 12,00

e) R$ 84,00

Gabarito

Veja o cálculo:
R$ 1.800,00 / 12 = R$ 150,00
R$ 150,00 X 8 = R$ 1.200,00
50% de R$ 1.200,00 = R$ 600,00
R$ 600,00 X 8% = R$ 48,00

Descontos
No pagamento do 13º salário somente são permitidos os descontos do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e do
IR (Imposto de Renda).

Nenhum outro desconto que não seja de forma legal pode ser inserido no contracheque do 13º salário.

Mas fique atento, pois, se o empregado é descontado mensalmente para pensão alimentícia, você deve
verificar o ofício encaminhado pelo juiz e se nele está previsto o desconto sobre o 13º salário.

Caso afirmativo, esse desconto deve ser efetuado na segunda parcela do 13º salário.

Você deve ficar atento também ao adiantamento do 13º salário (primeira parcela), pois não há descontos neste valor.
Os descontos, como estamos estudando, só ocorrerão quando do pagamento da segunda parcela do 13º salário. Eles
incidirão sobre o valor integral do 13º salário.

Diferença
8
Além do pagamento da primeira parcela até o dia 30 de novembro e da segunda parcela até o dia 20 dezembro, o
empregador poderá ter que fazer o pagamento de uma diferença até o dia 10 de janeiro.

Em que casos isso acontece?


Isso ocorre quando o empregado possui verbas habituais em seu pagamento, como, por exemplo, horas extras, ou
para aqueles empregados que recebem a base de remuneração variável.

Como é feito?
Logo no início de janeiro, o empregador terá que refazer os cálculos do 13º salário inserindo na média da remuneração
o mês de dezembro.

O valor encontrado deve ser comparado ao valor base de referência para o pagamento do 13º salário no dia 20 de
dezembro.

Caso o cálculo resulte em diferença negativa, caberá ao empregador decidir se desconta ou não o valor da diferença
no próximo pagamento do empregado.

Demais situações relativas ao 13º salário

⦁ Licença não remunerada


⦁ Demissão por justa causa
⦁ Afastamento pela Previdência Social
⦁ Solicitação de adiantamento de 13º

Você também pode gostar