Você está na página 1de 5

TEMA:

Introdução aos evangelhos

Objetivo do professor: que a criança entenda que a bíblia é dividida. E que o estudo do novo testamento
é fala sobre a história de Jesus na terra.
Verdades central relacionadas à criança: Jesus foi o homem perfeito que morreu e ressuscitou por
nós e que através dele somos perdoados.

Cronograma da aula:
 Receba as crianças com alegria. Faça com que se  Palavra de oferta: De a oportunidade para a criança
sintam bem e especiais. escolhida falar sobre a importância de ofertar na
 Momento de descontração “quebra-gelo” para casa do Senhor.
conectar a criança a você  Palavra principal
 Faça uma oração fervorosa pelas crianças
 Crie um ambiente de adoração: Escolha três
louvores que tenham haver com o tema que será
trabalhado.

Bem-Vindo Ao Novo Testamento


O novo testamento é a pare da bíblia escrita depois que o senhor Jesus veio à
terra. Encontramos nele histórias sobre a vida de Jesus, sobre os seus discípulos, e
sobre a igreja primitiva. O último livro do novo testamento conta como será
quando o Senhor Jesus vier pela segunda vez.

Como encontrar os evangelhos


O primeiro livro do Novo Testamento é Mateus. É fácil encontrar esse livro. Vamos tentar. Ache
primeiro o meio de sua bíblia. Se não achar salmos de primeira, tente de novo. Uma vez que
vez que achou salmos, segura as páginas dali para trás e abra novamente ao meio. Ótimo!
Agora você sempre vai encontrar Mateus, o livro que começa o Novo Testamento. Mas vamos
ver como encontrar os outros livros do Novo Testamento?
Volte ao índice e veja a seção do Novo Testamento. Achou? Leia agora os quatro primeiros
nomes sob o título. (leia.) Mateus, Marcos, Lucas e João são chamados de Evangelhos. Estes
livros nos contam que Deus filho, que vivia no céu com Deus Pai e com o Espirito Santo, antes
do mundo começar, nasceu nesta terra como uma criancinha (Lucas 2:10).

O objetivo dos evangelhos


A bíblia inteira fala do filho de Deus, o Senhor Jesus Cristo. Mas, Mateus e os outros três livros
do Evangelhos nos contam tudo sobre a vida de Jesus na terra. Deus queria que
conhecêssemos tão bem Seu Filho que fez que quatro homens diferentes O apresentassem a
nós.
Os Evangelhos de Mateus, Marcos e Lucas passam mais tempo contando o que Jesus fez.
João, o discípulo que, provavelmente, conhecia melhor Jesus, apresenta o Senhor de outro
ângulo; Jesus como o filho de Deus, Ele enfatiza Quem Jesus é – Deus em um corpo humano.
Ao ler os quatro Evangelhos, podemos ter uma visão completa de como Jesus era realmente
durante Sua vida neste nosso planeta. Apesar de Mateus, Marcos, Lucas serem semelhantes,
cada um dá uma visão de Jesus um pouco diferente daquela dos demais.

O objetivo dos evangelhos


Mateus escreveu especialmente para os judeus. Ele apresentou Jesus como o Cristo - o
messias- o rei prometido no Antigo Testamento. Aprendemos em Mateus a história dos magos
que foram adorar o Rei dos Judeus (2:1-12). Ele registra também as Bem-Aventurança,
bênçãos prometidas por Jesus para aqueles que fariam parte de Seu reino.
Mateus aponta para 128 profecias do Antigo Testamento, cumpridas durante a vida do Senhor
Jesus! Veja Mateus 1:22. Cada detalhe do nascimento especial de Jesus foi planejado por
Deus. Ele havia partilhado alguns de seus planos maravilhosos aos profetas. Vamos ler agora
o v.23 (se as crianças aprenderam os livros do Antigo Testamento, você talvez queira que elas
procurem Isaias 7:14 para verificar isso por elas mesmas). Essas palavras foram ditas pelo
profeta Isaias centenas de anos antes de Jesus nascer. Os muitos detalhes sobre o nascimento
e a vida de Jesus revelados por Deus aos profetas, com bastante antecedência, nos mostra
que a bíblia é Verdadeiramente a Sua palavra. (Estes são outros versículos que você pode usar
para ensinar às crianças as muitas profecias cumpridas no nascimento e ministério de Jesus:
Mateus 2:5,6 com Miqueias 5:2; Mateus 2:17,18 com Jeremias 31:15; Mateus 8:16,17 com
Isaias 53:4, Mateus 21:4,5 com Zacarias 9:9; Mateus 27:35 com Salmos 22:18). Ao apontar
uma profecia após a outra, cumpridas pelo Senhor Jesus, Mateus mostrou claramente aos
judeus –e a nós- que Jesus é o Salvador que Deus prometeu enviar.

Marcos
Marcos apresentou Jesus como aquele que se tornou voluntariamente servo. Ele veio para
sofrer e dar a sua vida para que pudéssemos ser salvos. Em quase todos os capítulos de
Marcos, vemos o Senhor operando milagres (caps.1—11), de fato, Marcos se concentra mais
no trabalho de Jesus do que na sua pregação. Marcos 10:45 é o versículo-chave. Procure o
versículo e vamos lê-lo. (Faça as crianças lerem.) Jesus, o Servo Sofredor, é nosso grande
exemplo. Uma vez que O reconheçamos como nosso Salvador, Ele quer que sejamos também
servos.
Lucas
Lucas era médico e mostra Jesus como o Filho do homem. Aprendemos sobre a sua entrada
no mundo um ser humano (1:26-38; 2:1-20). Só Lucas nos fala da infância de Jesus (2:40-52).
Em vista de Jesus ter um corpo humano como o seu e o meu, Ele sabe como nos sentimos,
pode ser compreensivo conosco e orar por nós. Lucas dá muitas ilustrações do interesse de
Jesus pelas pessoas. Vemos a bondade de Jesus com Zaqueu (19:1-10). Aprendemos as
histórias que Jesus contou sobre como tratar os outros: o Bom Samaritano (10:25-37) e o Filho
Prodigo (15:11-32).

João
João apresentou Jesus como o Filho de Deus. Lemos em João o relato do encontro de Jesus
com o líder, Nicodemos (3:1-21). Ficamos sabendo da sua conversa com a mulher pecadora
em Samaria (4:1-26). Compreendemos cada vez mais que Jesus é Quem Ele afirmava ser – o
filho de Deus. João registra também as respostas do Senhor aos que se recusavam a aceitá-lo
como Filho de Deus (8:12-58; 10:31-39). Eles tinham livre-arbítrio para decidir não crer, mas
um dia saberão que Ele falou a verdade. No capítulo 10 Jesus se identifica como o Bom pastor,
Aquele que veio para salvar-nos de nossos pecados. Em 20:31 João resume a sua mensagem.

Como sabemos que Jesus é Deus


Os Evangelhos nos dão quatro versões de uma maravilhosa mensagem. Eles nos mostram
claramente que Jesus é o filho de Deus. Falam sobre os milagres que ele realizou enquanto
estava aqui. Jesus podia curar os doentes (Marcos 2:8-12), dar vista aos cegos (Lucas 7:21), e
fazer andar os paralíticos (Marcos 11:5). Ele podia até ressuscitar os mortos (João 11). Jesus
fez estas coisas por amar as pessoas. Mas, acima de tudo, Ele as fez para que pudessem
compreender Quem Ele era.
Jesus fez outras coisas que ninguém mais tinha condições de fazer: Andou sobre as águas
(Mateus 14:25), acalmou o vento e o mar (Lucas 8:24) e alimentou cinco mil pessoas com
apenas cinco pães e dois peixinhos (Mateus 8:24). Jesus fez todas essas coisas porque queria
que soubéssemos que Ele era o Filho de Deus. A bíblia diz que enquanto Jesus se achava na
terra, Ele tinha um corpo como seu e o meu. Seu corpo sentia fome e se cansava. Sentia dor.
Jesus foi às vezes tentado a agir erradamente, da mesma forma que nós. Mas, uma coisa era
diferente nEle: Jesus nunca pecou.

As Más Notícias: Nós pecamos


O que é pecado? É qualquer coisa que desagrada a Deus. A bíblia diz que todos pecamos
(Romanos 3:23). Todos, significa todas as pessoas que já viveram. Cada pessoa, isto é, exceto
Jesus (1 Pedro 2:21,22). A bíblia afirma também que o castigo para o pecado é a morte
(Romanos 6:23). A não ser que nosso pecado seja removido, ficaremos separados de Deus
num lugar de castigo por toda a eternidade.

As Boas Notícias: Podemos Ser Perdoados


Jesus morreu na cruz, foi sepultado e ressuscitou (1 Co 15:3,4). Ele derramou Seu sangue para
que nosso pecado pudesse ser perdoados. Por que teve de morrer desse modo? Porque a
Bíblia diz.... (Hebreus 9.22b). Estas são as boas notícias! O meu e o seu pecado podem ser
perdoados. Tudo o que você tem a fazer é aceitar o Senhor Jesus como seu Salvador do
pecado – creia que Ele morreu para receber o castigo que você merecia, e será salvo (Atos
16:31).

O Plano de Jesus para seus Discípulos


O plano de Des é que todos ouçam as boas novas e sejam salvos (Mateus 18:14). Mas, como
vão ouvir? Enquanto aqui na terra, Jesus escolheu 12 homens dentre Seus discípulos, aos
quais chamou de apóstolos, para ajudá-lo a levar as boas novas a todo o mundo. Você
consegue encontrar o nome deles me Mateus 10:2-4?
Jesus ensinou cuidadosamente esses homens e outros. Ele falou—lhes sobre seu Amor pelos
povos do mundo (Mateus 6:9-13). Disse a eles que iria morrer e ressuscitar – embora não
compreendessem até que isso aconteceu (Lucas 24:37- 45). Prometeu que estava indo para o
Céu, a fim de preparar um lugar para eles (João 14:2). Prometeu também que após Sua partida,
enviaria o Espírito Santo para ser seu consolador (João 14:26). E prometeu ainda que voltaria
para eles (João 14:3).

O plano de Jesus para Você e para Mim


Ao lermos os Evangelhos, Jesus compartilha conosco esses mesmo ensinos. Eles quer que
aprendamos tudo a Seu respeito e do Seu plano Salvação, a fim de podermos transmitir a
outros esse conhecimento. As últimas palavras de Jesus no Evangelho de Marcos dão a Sua
última ordem para nós. Vamos encontrá-la e lê-la. (Encontre Marcos 16:15, e leia.) O que Jesus
nos manda fazer? Ir e contar o Evangelho a todos. Quais são as boas notícias que devemos
contar? Que Jesus morreu, foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, para que nossos pecados
pudessem ser perdoados. Que trabalho importante! Devemos ler os evangelhos para conhecer
melhor Jesus, a fim de O apresentarmos aos nossos amigos. A quem você vai contar as boas
novas hoje?
(Professor: recapitule os livros do Antigo Testamento e acrescente os Evangelhos. Faça as
crianças lerem o nome dos livros da bíblia no índice, em conjunto, várias vezes. Pratique citar
livros sem olhar. Peça a dois voluntários para brincar de “pingue-pongue Bíblico”. Uma criança
menciona o primeiro livro da bíblia, a outra o segundo, e assim por diante. Elas alternam até
que alguém não saiba ou elas terminem o Evangelho de João. Quando uma criança não sabe
é substituída por outra. Quem ficar em pé mais tempo é o campeão do “Pingue-Pongue” do
dia.)

Você também pode gostar