Você está na página 1de 3

COLÉGIO ESTADUAL SÃO SEPÉ

ENSINO MÉDIO

EDUCAÇÃO FISCAL

Augustho, Bruna, Daiane, Helen e Miguel

Turma 301

São Sepé, 2022


→ O que é Educação Fiscal?

É um processo produtivo para a construção de uma consciência voltada ao


exercício da cidadania, visando e promovendo a participação do cidadão no
funcionamento e aperfeiçoamento dos instrumentos de controle social e fiscal do
Estado.

→ O que são tributos?

De acordo com o Código Tributário Nacional (CTN), tributo é: “Qualquer pagamento


obrigatório de dinheiro ou em moeda, e que não constitua sanção por ato ilícito,
estabelecido em lei e cobrado por meio de atividade administrativa totalmente
conexa”. É um valor que deve ser pago em dinheiro e o recolhimento é obrigatório.

Mesmo que obrigatório não quer dizer que todos precisam recolher todos os
tributos. As regras variam para cada caso. Em muitas situações, um certo tributo
não se aplica ou a pessoa pode beneficiar de uma isenção fiscal. O tributo é uma
prestação instituída em lei. Ou seja, um novo tributo só pode ser criado após a
aprovação de lei pelo legislador competente.

→ Taxa

A taxa é um tipo de tributo e, portanto, todas as características daquela definição


que você viu no tópico anterior se aplicam a ela. Ela é recolhida com o objetivo de
financiar um determinado serviço público.

→ Imposto

É recolhido para financiar o Estado e suas atividades de maneira geral. O exemplo


mais lembrado é o Imposto de Renda. Os valores que o governo federal arrecada
com o IRPF são usados para financiar uma série de atividades ligadas à educação,
saúde e segurança pública.

→ Função fiscal

Consistente na finalidade arrecadatória, isto é, sua instituição visa apenas colocar


dinheiro nos cofres públicos, fazer receita.

→ Função extrafiscal

Tem uma função que vai além da arrecadação de receitas, exercendo também uma
função regulatória de mercado.
→ Como o governo controla e investe o dinheiro dos tributos

Os gastos e investimentos do Governo são previstos em um documento chamado


Proposta Orçamentária. Além das estimativas de receita, inclui todos os gastos do
governo.

Assim como na despesa, o governo organiza o orçamento da receita, para saber


quanto recebe de cada uma dessas fontes, por meio da classificação da receita. E
também como nas despesas, o processo de obtenção de receitas é organizado em
fases, que ajudam a planejar e monitorar sua execução.

→ Como a população pode participar e decidir sobre os gastos do governo

A participação popular é indispensável para o bom funcionamento de uma


democracia. No Brasil, embora muita gente não saiba, já existem várias formas de
participar da política. Uma delas é o orçamento participativo.

O Orçamento Participativo (OP) é um processo pelo qual a população decide, de


forma direta, a aplicação dos recursos em obras e serviços que serão executados
pela administração municipal. Inicia-se com as reuniões preparatórias, quando a
Prefeitura presta contas do exercício passado, apresenta o Plano de Investimentos
e Serviços (PI) para o ano seguinte.

→ Por que exigir a nota fiscal?

O pedido da nota fiscal a um estabelecimento, garantimos que todos os impostos


devidos pela empresa estão sendo pagos. E a única maneira que o governo tem
para controlar o pagamento dos impostos.

Você também pode gostar