Você está na página 1de 10

Profº. Esp.

Renato Lima
ENFERMEIRO INTENSIVISTA
Enfermagem Neuropsiquiátrica:

Neurologia Psiquiatria

É voltada às doenças do Tem a psique como foco,


sistema nervoso e seus prevenindo, atendendo
impactos nas demais detectando, tratando e
funções do organismo reabilitando as diversas
humano patologias que podem
acometer a mente.
Enfermagem Neuropsiquiátrica:

Neurologia
Dores de Dores
Cabeça musculares
Enfermagem Neuropsiquiátrica:

Psiquiatria

• Transtornos psíquicos;

• Problemas de relacionamento;

• Disfunções comportamentais,
entre outros da mesma natureza.
Enfermagem Neuropsiquiátrica:
 Ramo da Medicina que estuda as doenças neurológicas e
as doenças mentais e os respectivos tratamentos.

 Na Enfermagem Psiquiátrica e Saúde Mental, o


enfermeiro é responsável por não só promover a
supervisão segura do paciente, mas também por
administrar os medicamentos e por oferecer suporte
emocional.
Enfermagem Neuropsiquiátrica:
 No cargo do técnico e auxiliar de enfermagem, o
profissional tem como função receber as pessoas que
procuram o serviço e agendar para os profissionais;
administrar medicações de acordo com as prescrições,
quando solicitadas.
Enfermagem Neuropsiquiátrica:
 Anorexia Nervosa: É um padrão alimentar muito
restritivo, ou seja a pessoa come muito pouco, muito
baixo peso, e medo extremo de engordar.

 Bulimia Nervosa: Pessoas com pesos saudáveis,


ou acima do peso, e costumes de comportamentos
purgativos, com intenção de se livrar das calorias
excessivos obtidos, ex: provocar vômitos, usar
laxantes ou até mesmo fazer exercícios excessivos
para tentar compensar.
Enfermagem Neuropsiquiátrica:
 Ansiedade, ou ataque de pânico.

 É como um curto-circuito gerado no corpo e na mente, provocando


uma descarga de noradrenalina e adrenalina pelo organismo. Essas
substâncias são responsáveis, junto com outros processos, pelas
manifestações físicas da crise, que duram poucos minutos em alta
intensidade.
Enfermagem Neuropsiquiátrica:
 Sintomas:
 Palpitação, coração pulsando forte ou acelerado;
 Sensação de garganta fechada;
 Suor;
 Tremores;
 Falta de ar;
 Sensação de desmaio;
 Náusea ou desconforto abdominal;
 Formigamentos;
 Dor ou desconforto no peito;
 Calafrios e sensação de calor;
 Sentimentos de irrealidade
BOA
NOITE!!!
Não importa quantos passos você
deu para trás, o importante é
quantos passos agora você vai dar
pra frente.

Você também pode gostar