Você está na página 1de 7

Estatística/UP-Niassa/Msc.

Alfino – 1

Universidade Pedagogica
Delegacao de Niassa
3º Ano|Psicologia|2017|Regular

ESTATISTICA
Introducao a teoria de probabilidade

EXPERIMENTO ALEATÓRIO

Chama-se Experimento aleatório ao acontecimento que repetido em idênticas condições produz


produz resultados diferentes. Embora não possamos prever qual o resultado que irá ocorrer num
experimento, em geral, podemos descrever o conjunto de todos os resultados possíveis que podem
ocorrer.

Exemplos
- lançar 3 moedas e registar as marcas da face de cima
- lançar um dado e observar o número da face de cima
- retir com (ou sem) reposição bolas de uma certas urna com bolas de cores diferentes
- de um baralho de 52 cartas, seleccionar uma e observar a sua marca.

 ESPAÇO AMOSTRAL
Chama-se de espaço amostral (S ou ) ao conjunto formado por todos os resultados possíveis de um
experimento aleatório

Exemplos
- E: lançar duas moedas e observar a face de cima
S={(k, k), (c, k), (k, c), (c, c)}

- E: lançar um dado e observar o número da face de cima


S={1, 2, 3, 4, 5 , 6}

N.B: o conjunto S (espaço) pode ser finito ou infinito, dependendo do tipo de experimento. Para o
nosso estudo, vamos considerar apenas os espaços finitos

 EVENTO
Dado um experimento, chama-se evento a todo o subconjunto do espaço S.
Em geral os eventos são representados pelas letras maiúsculas como subconjuntos do espaço S.

Exemplo
experimento
____________________________________ 1
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)
Estatística/UP-Niassa/Msc. Alfino – 2

E: lança-se um dados e observa-se o número da face de cima

espaço
S={1, 2, 3, 4, 5, 6}

Eventos
A: ocorrência de um número par. A={1, 3, 5}
B: ocorrência de número primo. B={2, 3, 5}
C: ocorrência de um número par. C={2, 4, 6}
D: ocorrência de um número menor que 4. D={1, 2, 3}
G: ocorrência de um maior que 7. G=

Tarefa
1. Experimento
E: uma moeda é lançada 3 vezes, e observa-se a sequencia das marcas que saíram nas faces de cima
- dê o espaço amostral
S={(k,k,k), (k,k,c), (k,c,k), (c,k,k) (c,c,k) (k,c,c) (c,k,c) (c,c,c)}

- formule alguns eventos a partir desse espaço


Eventos
A: ocorrência de carra (k) no primeiro lançamento
B: ocorrência de exatamente uma carra
C: ocorrência de no máximo duas corroas

2. Experimento
E: lançamento de dois dados

- formule o espaço amostral e elabore alguns eventos

OPERAÇÕES SOBRE OS EVENTOS - (combinação de eventos)

1. UNIÃO DE EVENTOS
- Seja A e B dois eventos, AB será um novo eventos formado por todos elementos de A e de B
(sem repetição).

2. INTERSECÇÃO DE EVENTOS
- Seja A e B dois eventos, AB será o evento formados por elementos que estão em A e em B
simultaneamente.

3. COMPLEMENTAR DE UM EVENTO

____________________________________ 2
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)
Estatística/UP-Niassa/Msc. Alfino – 3

Seja A um evento do espaço S, diz-se cpmplementar de A as evento que ocorre quando A não ocorre.
Ou ao evento formado por todos elementos do espaço S que não fazem parte do evento A.

Tarefa
Lança-se um dado e observa-se a face de cima
a) formule o espaço
b) defina cinco eventos diferentes A, B, C, D, e E
c) efectue AB, CD, (BC)E, AD AD E, A, B, C, D, E

EVENTOS MUTUAMENTE EXCLUSIVOS

- Dois eventos A e B são mutuamente exclusivos se eles não podem ocorrer em simultâneo. Isto é:
Se AB=

Nos acontecimentos mutuamentes exclusivos, a ocorencia de um impede ao outro.

* A partir da tarefa acima, indicar os eventos que são mutuamente exclusivos.

TEORIA DE PROBABILIDADE

Definição clássica
- se a um experimento se podem associar n resultados possíveis mutuamente exclusivos (e igualmente
prováveis), e se desses resultados k forem de um evento A, então a probabilidade do evento A
ocorrer será dado pela razão k/n. Isto é:

P(A)= Error! onde

 n – número de casos possíveis que formam o espaço S.


 k – número de casos favoráveis para a ocorrência do evento A .

A PROBABILIDADE também pode ser definida como sendo a frequência relativa de um evento A.
- Consideremos um experimento aleatório com espaço amostral S de n resultados (nas mesmas
condições de ocorrência), e seja k o número de resultados de um evento A. Definimos a probablidada
de A como sendo a sua frequência relativa em relação ao espaço.
k
P(A) = fA = n

____________________________________ 3
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)
Estatística/UP-Niassa/Msc. Alfino – 4

PROPRISDADES DO CÁLCULO DE PROBABILIDADES

1. A probabilidade total de um espaço é igual a um


P(S) = 1

2. Se A é um evento qualquer contido em S, então a probabilidade da P(A) será sempre menor que
a probabilidade do espaço P(S)

i. P(A)  P(S) ii. 0  P(A)  P(S)

3. Se A e B são acontecimentos (eventos) mutuamente exclusivos teremos:


P(AB) = P(A) + P(B)

4. Se A e B são acontecimentos não mutuamente exclusivos, teremos:


P(AB) = P(A) + P(B) – P(AB)

5. i. P(ĀA) = P(Ā) + P(A) ii. P(Ā) = 1 + P(A)

Tarefa
A partir da tarefa sobre o lançamento de um dado, verfique a aplicabiliddeda dessas
propriedades.

Ficha de Exercicios – I

1. Determine o espaço amostral e defina no mínimo 3 eventos para cado experimento:


a) duas letras são escolidas entre as letras da palavra PSICOLOGIA
b) uma urna contem 4 bolas amarelas e 3 brancas . Duas são extraídas sem reposição e
observadas suas cores.
c) um casal planaja ter 3 filhos, mas sem definir o sexo.
d) 3 moedas são lançadas ao ar e observa-se as marcas das faces de cima
e) dois dados são lançados e observa-se os números das faces de cima
f) uma pessoa nascida em Março de 1990 é perguntado sobre a data do seu nascimento.

2. Um par ordenado (a, b) é escolhido entre os pares ordenados do produto cartesiano AxB onde
A={1, 2, 3, 4} e B={1, 2, 3, 4, 5}.
– Considere S={ (a, b) aA  bB} descreva os seguintes eventos:

a) D={(x, y) x=y}; b) F={(x, y) xy}; c) G={ (x, y) x+y=5}


d) H={(x, y) x =y}
2
e) L={(x, y) y=2}

____________________________________ 4
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)
Estatística/UP-Niassa/Msc. Alfino – 5

3. Uma urna contem 25 bolinhas numuradas de 1 a 15. Uma bolinha é retirada e observada o seu
número.
Seja S={1, 2, 3, 4, . . . , 22 23, 24, 25}
a) Indique os elementos dos seguintes eventos;
A: O número obtido é par,
B: O número obtido é impar
C: O número obtido é primo
D: O número obtido é maoi que 10
E: O número obtido é múltiplo de 2 e de 5
F: O número obtido é múltiplo de 3 ou de 4
G : O número obtido é muntiplo de 6

b) A partir dos eventos da alínea anterior (a) determine:


AD, (BF)C, AB, ĀE , ĒG, ĒB, DB, FG, ĒĀ

c) Com os mesmos eventos, calcule as seguintes probabilidades:


P(A); P(B); P(C); P(D); P(E); P(F); P(G); P(AB), P(AB); P(AD)

4. Determine a probabilidade de cada um dos seguintes acontecimentos:


a) um número par aparece no lançamento de um dado não viciado
b) um rei aparece ao extrair-se uma carta de um barralho de 52 cartas
c) pelo menos uma cara aparece no lançamento de 3 moedas
d) uma carta de copas e uma de ouro aperecem ao extrair-se duas cartas de um barralho

1 1
5. seja P(A)= 2 ; P(E)= 4 onde A e E são mutuamente exclusivos. Calcule:
a) P(Ā) b) P(Ē) c) P(AE) d) P(AE) e) P(AE)

6. Numa urna há dez bolas numeradas de 1 a 10. duas bolas a e b são retiradas sem reposição. Qual
a probabilidade de a+b=10?

____________________________________ 5
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)
Estatística/UP-Niassa/Msc. Alfino – 6

2. PROBABILIDADE CONDICIONAL

Tarefa.
– Um grupo de alunos da 8ª , 9ª e 10ª classe foram submetidos a três provas de Matematica, português
e Gergrafia, de acordo com a rabema abaixo.
Mat. Port. Geog.
Total
8ª classe 50 60 40 150
9ª classe 45 35 25 105
10ª classe 20 15 55 90
Total 115 110 120 345

Um Aluno deste grupo é escolhida ao acaso, Qual é a probabilidade de :


a) Ser da 8ª classe?
b) Ter feito a prova de Portugues?
c) Se da 9ª classe e tenha feito a prova de Portugues?
d) Ser da 10ª classe ou tenha feito a prova de Matematica?
e) Se da 9ª ou 10ª classe?
f) Sabendo que é da 8ª classe, tenha feito a prova de Geografia?
g) Ser da 9ª classe, sabendo que fez a prova de Portugues?

DEFINIÇÃO

Chama-se probabilidade condicional a uma probabilidade de um acontecimento A ocorrer apois de


um acontecimento B ter ocorrido.

A sua notação é: P(A/B) – le-se probabilidade de A apois B.


P(AB)
E calcula-se : P(A/B) =
P(B)
Onde P(AB) é a probabilidade da intersecção entre os acontecimentos A e B.

TEOREMA DE PRODUTO
A partir da probabilidade condicional podemos definir o teorema de produto que diz:
– A probabilidade da ocorrência simultânea de dois acontecimento A e B, do mesmo espaço
amostral, é igual ao produto da probabilidade de um deles pela probabilidade condicional de do
outro, dado o primeiro.

P(AB)
P(A/B)= |P(B)  P(AB)=P(B).P(A/B) , Se A e B forem indepedentes temos:

P(A/B) =P(A)
____________________________________ 6
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)
Estatística/UP-Niassa/Msc. Alfino – 7

Sendo assim, para dois acontecimentos independentes A e B (em que a ocorrência de um não depende
do outros) a probabilidade da intersecção será:

P(AB)=P(B).P(A)
Exemplo

2. Uma urna I contém 2 bolas vermelhas e 3 bolas brancas, e a urna II contém 4 bolas vermelhas e 5
bolas brancas. Uma urna é escolhida ao acaso e dela uma bola é extrida ao acaso. Qual a probabilidade
da bola ser da urna A e de cor vermelha.
– primeiro os ramos que indicam a escola da urna (p=0,2 para cada) depois a previsao da cor da bola
por urna.
1 2 1
P(IV) = P (I).P(V/I)  P(IV)= 2 x5 = 5

3. Um lote contém 50 peças boas e 10 defeituosas. Uma peça é retirada ao acaso, e sem reposição
desta, outra peça é escolhida ao acaso.
10 9 90 3
a) qual a probabilidade de ambas serem defeituosa? Resolucao, P = 60 x59 = 3540 = 118
b) qual a probabilidade da primeira ser boa e a segunda se defeituosa?

Ficha de Exercicios – II

1. Um colégio tem 800 alunos, destes: 280 estudam a Matemática; 225 estudam Física; 300 estudam
Química; 50 estudam Matemática, Física e Química; 70 estudam Matemática e física; 80 estudam
Física e Química; 90 estudam estudam somente Química.
Um aluno é escolhido ao acaso. Qual a probabilidade de:
a) estudar somente a Matemática;
b) ele estudar a Física?
c)estu dar Matemática e Química?
d) estudar Química ou Matemática
e) de estudar as três disciplinas?
d) estudar uma das três disciplinas?
f) não estudar nenhuma das três disciplinas?

2. Uma caixa I contém 2 bolas vermelhas e 3 bolas brancas, e a caixa II contém 4 bolas vermelhas e 5
bolas brancas. Uma caixa é escolhida ao acaso e dela uma bola é extrida ao acaso. Qual a
probabilidade da bola ser da caixa I e de cor vermelha?.

3. Uma comissão de 3 pessoas é formada escolhendo-se ao acaso entre António, João, Benedito, Olga e
Helena. Se a Olga não pertencer a comisao, qual a probabilidade do joão fazer parte dela?

____________________________________ 7
Aula de Probabilidade|Ezequil Alfino (Msc.)

Você também pode gostar