Você está na página 1de 28

INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS

Campus Penedo

MEIO AMBIENTE – 1° ANO


PROJETO CONHECENDO O MEIO AMBIENTE

Discente: Daniel Pereira Barbosa

Penedo, AL - BRASIL
2018.
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE

O QUE É MEIO AMBIENTE?


INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE

O QUE É MEIO AMBIENTE?


É o conjunto dos seres Abióticos, Bióticos e Cultura Humana se relacionando
uns com os outros.

O meio ambiente é o local onde se desenvolve a vida na terra, ou seja, é a
natureza com todos os seres vivos e não vivos que nela habitam e interagem.

Em resumo, o meio ambiente engloba todos os elementos vivos e não-vivos
que estão relacionados com a vida na Terra. É tudo aquilo que nos cerca, como
a água, o solo, a vegetação, o clima, os animais, os seres humanos, dentre
outros.
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE

O QUE TEM NO MEIO AMBIENTE?


Seres Bióticos → Fauna e Flora


Seres Abióticos → Água, Ar e Rochas


Cultura Humana → Tradições e Construções
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE


FAUNA
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE


FLORA
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE


ÁGUA
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE


AR
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE


CULTURA HUMANA
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE


CONSTRUÇÕES
POLUIÇÃO AMBIENTAL

O QUE É POLUIÇÃO AMBIENTAL?


Poluição ambiental é o resultado de qualquer tipo de ação ou obra humana capaz de
provocar danos ao meio ambiente. É a introdução na natureza de substâncias nocivas à
saúde humana, aos outros animais e ao próprio ambiente, que altera de forma significativa o
equilíbrio dos ecossistemas.

Definição (o que é)
Podemos definir poluição ambiental como a ação de contaminar as águas, solos e ar. Esta
poluição pode ocorrer com a liberação no meio ambiente de lixo orgânico, industrial, gases
poluentes, objetos materiais, elementos químicos, entre outros.


Problemas causados:
A poluição ambiental prejudica o funcionamento dos ecossistemas, chegando a matar várias
espécies animais e vegetais. O homem também é prejudicado com este tipo de ação, pois
depende muito dos recursos hídricos, do ar e do solo para sobreviver com qualidade de vida
e saúde.
POLUIÇÃO AMBIENTAL
LIXO

O QUE É LIXO?


Significado de lixo: são resíduos sólidos, materiais produzidos pela atividade
humana e descartados por já terem servido seu propósito ou serem inúteis.


São sinônimos de lixo as palavras: entulho, resíduo, detrito e despejo.


Chamamos de lixo tudo aquilo que não nos serve mais e jogamos fora. Os
dicionários de língua portuguesa definem a palavra como sendo: coisas inúteis,
imprestáveis, velhas, sem valor; aquilo que se varre para tornar limpa uma casa
ou uma cidade; entulho; qualquer material produzido pelo homem que perde a
utilidade e é descartado.
LIXO
LIXO / COLETA SELETIVA

O QUE É COLETA SELETIVA?


Coleta seletiva é o recolhimento dos resíduos orgânicos e inorgânicos, secos ou
úmidos, recicláveis e não recicláveis que são previamente separados na fonte
geradora, recolhidos e levados para seu reaproveitamento.


Para iniciar um processo de coleta seletiva é preciso avaliar, quantitativamente e
qualitativamente, o perfil dos resíduos sólidos gerados em determinado município,
afim de estruturar melhor o processo de coleta.
LIXO / COLETA SELETIVA

Vermelho – Plástico
Azul – Papel
Amarelo – Metal
Verde – Vidro
Marrom – Orgânico
LIXO / REUTILIZAR

O QUE É REUTILIZAR?


Diferentemente da reciclagem, a reutilização de um material não o coloca em um novo
ciclo de produção, mas sim o reaproveita para outras finalidades. A reutilização implica
dar uma nova função para um material, combatendo, também, o desperdício. Por
exemplo, papéis usados que se transformam em blocos de rascunho, móveis que
podem ganhar novos usos, garrafas que se transformam em objeto de decoração, etc.


A reutilização não contribui diretamente para o problema dos resíduos, mas colabora
na gestão do lixo, ao reaproveitar um material que poderia ser descartado, e na
exploração de recursos naturais, já que evita o consumo de produtos.
LIXO / REUTILIZAR
LIXO / RECICLAR

O QUE É RECICLAR?

A ideia de reciclar envolve a transformação de algo novo. “Reciclar” significa


colocar um material em um novo ciclo de produção, transformando-o em um outro
produto com uma nova utilidade. Por exemplo, uma garrafa PET pode se
transformar em fibra de poliéster, assim como a compostagem, processamento de
resíduos degradáveis (casca de frutas e legumes, poda de árvores, produtos
alimentícios vencidos, restos de alimentos, etc.), também é considerada
reciclagem.

Vários tipos de materiais podem ser reciclados e transformados em novos


materiais ou produtos: papel, metal, vidro, tecido, plástico e componentes
eletrônicos.
LIXO / RECICLAR
LIXO

PARA ONDE VAI O LIXO?

Cerca de 76% do lixo diário brasileiro, que chega a 70 milhões de quilos, são despejados
em céu aberto. Somente 10% vai para lixões controlados, 9% vai para aterros sanitários
e somente 2% é reciclado.

Lixões:
Local onde os resíduos e rejeitos são jogados misturados a céu aberto e sem qualquer
proteção ao meio ambiente, provocando poluição do solo, do ar e da água. Isso causa
mau cheiro, proliferação de doenças e animais daninhos como ratos, baratas, moscas e
urubus.

Geralmente existem catadores de lixo que sobrevivem retirando alimentos e separando


lixos recicláveis para comercializar. Esse tipo de trabalho, por questões óbvias, é
proibido, mas a situação nos lixões é tão desprezível que proibir os catadores de
trabalhar ali os deixa ainda mais vulneráveis, sem opções de renda.
LIXO / LIXÃO
OBJETIVOS

• OBJETIVO GERAL:

• Despertar uma consciência critica nos alunos de escola pública


sobre as graves questões ambientais da cidade.
OBJETIVOS

• OBJETIVO ESPECÍFICO:

• Promover debates, palestras e seminários voltados


para a conscientização do meio ambiente;

• Promover atividades de educação ambiental com


dinâmicas interativas em escolas públicas;

• Desenvolver oficina de criação de hortas orgânicas


RESULTADOS ESPERADOS

• Formação de alunos com conhecimento em educação


ambiental que contribuam para disseminação de
informações sobre como preservar o meio ambiente;

• Ao final do projeto espera-se que os envolvidos


tenham desenvolvido uma visão crítica em relação ao
meio ambiente e uma posição de ação e mudança
frente aos problemas relacionados ao tema.
ORÇAMENTO

DESCRIÇÃO QUANTIDADE VALOR UTILITÁRIO VALOR TOTAL


Emborrachado 5 R$ 2,00 R$ 10,00
Piloto de quadro 1 R$ 4,00 R$ 4,00
Saco 6 R$ 2,00 R$ 12,00
Colete 6 R$ 2,00 R$ 12,00
Bexiga 1 R$ 3,50 R$ 3,50
Palito de dente 1 R$ 1,50 R$ 1,50
Pelito de chur. 1 R$ 2,50 R$ 2,50
Tecido TNT 4 R$ 2,00 R$ 8,00
Pirulito 1 R$ 7,00 R$ 7,00
Pipoca 3 R$ 2,50 R$ 7,50
Guardanapo 1 R$ 2,50 R$ 2,50
Frutas 7 R$ 3,50 R$ 24,50

Obs: A tabela de materiais acima, são para a organização das dinâmicas do Projeto.
INTRODUÇÃO AO MEIO AMBIENTE
CURSO TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE

DANIEL PEREIRA BARBOSA


dannyelpereira07@gmail.com

“Ambiente limpo não é o que mais se limpa e sim o que menos se suja.”
- Chico Xavier

Você também pode gostar