Você está na página 1de 2

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Comunicação Social/Jornalismo- 1° período Introdução às Ciências Sociais Jéssica de Oliveira Ramos

Sociabilidade ± Georg Simmel

Um pouco do universo intelectual de Georg Simmel é retratado em sua obra ³Questões fundamentais da sociologia ± Individuo e sociedade´, de 1917. O autor alemão embora um dos grandes responsáveis pela consolidação da sociologia em seu país, ainda ocupa um lugar a margem dentre os autores clássicos; principalmente quando em questão está a tão presa à tradição escola brasileira. Seus escritos são amplos, abarca moda, filosofia, história, cultura, arte, religião e vem sendo crescentemente resgatados na busca de inspiração de algumastendências das ciências sociais. Um adendo, o texto em questão é intitulado como pequena sociologia, pois precede a obra, do mesmo autor: ³Soziologie´, conhecida como ³a grande sociologia´. No terceiro capítulo da obra, que especificamente gera a resenha em questão, Simmel retoma os questionamentos sobre o principal objeto da sociologia: a sociabilidade. Para o autor a sociedade parte da interação entre os indivíduos, e provem de diversas motivações; por exemplo, as paixões. Contudo, esses conteúdos isolados não são objetos sociais, apenas quando há interação entre membros ± cooperação e colaboração ± é que é formada uma sociedade. A sociação é a forma que os indivíduos encontraram para atingir seus objetivos, satisfazem seu interesse através da unidade. Paralelo a sociação surge à sociabilidade. Visto que a sociação é a forma de interação com o outro, e a partir deste envolvimento há a valorização do individuo a , sociabilidade é aquilo que transforma a sociação em um valor em si. Ou seja, a sociabilidade é a ³forma lúdica da sociação´ (p. 65).Na sociabilidade não importam, necessariamente, as motivações, ela se comporta sim como um jogo simbólico. O autor

desde a Idade Média com irmandades de cavaleiros até a Sociedade de Corte do Antigo Regime. Segundo Simmel. Ele encerra esta parte do texto com suas excelentes metáforas teatrais e comparações a vida cotidiana. ³Toda sociabilidade é um símbolo da vida quando esta surge no fluxo de um jogo prazeroso e fácil´ (p. fortes ou não.80). em uma brincadeira seria. que tem seus reflexos em nossa forma atual de sociedade. ainda que como arte esteja acima da vida tem como papel fundamental o de entrelaçar a vida. Contudo a sociabilidade não pode se manifestar apenas como um jogo. conduzindo o leitor a compreensão de que o homem deve colher da sociabilidade sua libertação e alívio.nos leva a passear pela história e compreender tal ação de simbolismo. De tais vínculos. . devemos aprender a equilibrar seu peso e convertê-lo em estimulo para a permanência do estado social.