Você está na página 1de 2

Estágio Supervisionado I

Observação na/da escola


Prof. Luan do Carmo

O exercício direcionado de observação é um procedimento metodológico que compõe


o corpus do conhecimento geográfico, desse modo, adaptar essa atividade ao contexto
da escola e da sala de aula se mostra pouco problemático aos estudantes em processo
de formação inicial.
Esse documento apresenta alguns pontos importantes para pensar a observação na/da
escola sob pressupostos da Geografia e da literatura pertinente aos Estágios
Supervisionados. Observar é uma etapa prática, mas nem por isso abre-se mão da
dimensão teórica envolta neste exercício.

Observação em • O que há?


caráter geral • Por que tem isso?
• O que não tem?
• Por que não tem?
• Onde está?
• O que justifica sua localização?
• Quem são os sujeitos?
• Como se relacionam esses sujeitos?
• Quais os regulamentos e regulações formais e
informais?
• Quais as culturas presentes nesse espaço?
O que é importante • Discursos,
de ser observado • sujeitos,
• documentos,
• organização das aulas,
• dinâmicas de funcionamento da instituição,
• livros/materiais,
• a realidade socioespacial,
• jornada de trabalho docente,
• o programa da disciplina,
• Sentidos de docência e de geografia.
Observação da • Comunidade na qual está inserida – onde, por que aí,
escola como é esse lugar;
• Organização e estrutura física – tamanho, número de
salas, quantidade de estudantes, auditório,
laboratórios, biblioteca, quadra, pátio;
• Materiais pedagógicos – livros, Datashow, mapas,
murais;
• Documentos orientadores – Currículo em movimento,
PPP, planos de aula, outros regimentos;
• Processos de gestão e desenvolvimento do trabalho
docente;
• Diálogos entre escola e comunidade;

Página 1 de 2
• Dinâmicas do cotidiano escolar – entrada, saída,
“recreio”, brigas, brincadeiras;
• (Des)compasso entre cotidiano e PPP.
Observação do • Onde formou;
professor • Tempo de atuação;
• Área de atuação;
• Formação continuada;
• Quanto tempo na escola;
• Como se relaciona com os alunos;
• Como se relaciona com a gestão;
• Como se relaciona com o conhecimento;
• Como se relaciona com os documentos.
Observação da aula • Dinâmicas de ensino;
• Maneiras como o professor opera com a Geografia
Escolar;
• Fundamento das aulas e sentidos de Geografia e
Educação evidenciados e discursados;
• Articulação do conteúdo com os objetivos e
metodologias de ensino;
• Como o estudante é “lido” pelo professor;
• Outras metodologias de trabalho e como estas são
executadas;
• Recursos e instrumental que o professor utiliza;
• Quais as conexões desses pontos;
• Por que os eventos ocorrem da maneira verificada.
Quais recursos são • Registros fotográficos;
pertinentes para • Entrevistas;
coleta de dados • Aplicação de questionários;
• Anotações de campo;
• Literatura pertinente;
• Estudos direcionados;
• Análise de documentos.

Página 2 de 2

Você também pode gostar