Você está na página 1de 3

ATIVIDADES DE SOCIOLOGIA 2º ANO D

UNIDADE 3 CAPÍTULO 8
PROFESSORA: ALDICES
ALUNA: TIAGO DA LUZ OLIVEIRA

1 - Elaborar o conceito de: Movimentos sociais


Os movimentos sociais são ações coletivas mantidas por grupos
organizados da sociedade que visam lutar por alguma causa social. Em
geral, o grito levantado pelos movimentos sociais representa a voz de
pessoas excluídas do processo democrático, que buscam ocupar os
espaços de direito na sociedade.
Os movimentos sociais são de extrema importância para a formação de
uma sociedade democrática ao tentarem possibilitar a inserção de cada
vez mais pessoas na sociedade de direitos. Os primeiros movimentos
sociais visavam resolver os problemas de classes sociais e políticos, como
a ampliação do direito ao voto. Hoje, os movimentos sociais baseiam-se,
em grande parte, nas pautas identitárias que representam categorias
como gênero, raça e orientação sexual.
2 – Escrever uma frase que contemple a questão motivadora abaixo
Questão motivadora:
Qual é o papel dos movimentos sociais na transformação política e na
ampliação e manutenção dos direitos de cidadania da população?
O papel dos movimentos na transformação política consiste em cobrar a
criação de políticas públicas que sejam capazes de garantir direitos e
liberdades individuais e coletivas. Nesta perspectiva, os movimentos
sociais são vistos como agentes de transformação social, uma vez que
lutam pelos direitos dos seus membros.
(3.UECE/2019/Janeiro)
 
Atente para o enunciado a seguir: “O Movimento dos Trabalhadores Sem
Terra – MST – é um dos mais importantes movimentos sociais do Brasil,
tendo como foco as questões do trabalhador do campo, principalmente
no tocante à luta pela reforma agrária brasileira”.
 
Disponível em: https://brasilescola. uol.com.br/sociologia/mst.htm.
 
No que diz respeito ao conceito de “movimentos sociais”, é correto
afirmar que são
 
A. Organizações de interesse público mantidas por meio de fundos
públicos com o objetivo de cooperar na organização das instituições
privadas da sociedade, em parceria com os governos.
B. Ações coletivas de segmentos socialmente organizados que têm como
objetivo alcançar mudanças sociais por meio do embate político, dentro
de uma determinada sociedade e de um contexto específico.
C. Expressões individuais dos sujeitos em seus cotidianos na busca de
realização de seus desejos e sonhos a serem alcançados no mercado de
trabalho e no reconhecimento de seus méritos pelo Estado.
D. Organizações governamentais com o objetivo de mobilizar setores da
população para fazerem valer os direitos sociais e civis, tendo como
referências o acesso a serviços que reconheçam a plena cidadania.

 4. (UFGD MS/2017)


 
“A história social ensina que não existe política social sem um movimento
social capaz de impô-la, e que não é o mercado, como se tenta convencer
hoje em dia, mas sim o movimento social que ‘civilizou’ a economia de
mercado, contribuindo ao mesmo tempo para sua eficiência”.
 
(BOURDIEU, Pierre. Contrafogos 2: por um movimento social europeu. Rio
de Janeiro: Jorge Zahar, 2001. p. 19) .
 
Em diferentes momentos históricos, seja no Brasil ou em outros países do
mundo, existiram diversos e distintos movimentos sociais no campo e na
cidade. Considerando a dinâmica dos movimentos sociais e a citação de
texto, do autor Pierre Bourdieu, extraída do seu livro “Contrafogos 2: por
um movimento social europeu”, considera -se que:
 
A. Os movimentos sociais são institucionalizados e tem buscado se
aproximar do Estado para transformações profundas na sociedade.
B. Os movimentos sociais, homogêneos por essência, são fundamentais
para as transformações políticas.
C. A história da humanidade tem evidenciado que os movimentos sociais
têm desenvolvido pouca participação na vida política e cultural dos países.
A participação dos movimentos sociais tem sido, sobremaneira, nas
formas de organização social.
D. Os movimentos sociais se caracterizam como grupos sociopolíticos
relevantes para inovações e transformações sociais.

Você também pode gostar