Você está na página 1de 9

DIREITO CONSTITUCIONAL – DIREITOS HUMANOS

1°) João questionou José sobre a possibilidade de um tratado internacional de


direitos humanos ser incorporado à ordem interna com natureza equivalente a
emenda constitucional.
José respondeu corretamente que isso:
A ) não pode ocorrer, pois exigiria a alteração da ordem constitucional, que
expressamente nivela os tratados internacionais à lei ordinária.
B ) pode ocorrer, desde que seja aprovado em dois turnos, por três quintos dos
votos dos membros de cada Casa do Congresso Nacional.
C ) pode ocorrer, desde que seja aprovado pelo Congresso Nacional, em turno
único de votação, pela maioria absoluta dos seus membros.
D ) não pode ocorrer, pois um ato de direito internacional jamais pode assumir
a mesma natureza de uma norma constitucional.
E ) pode ocorrer, desde que seja aprovado pelo Senado Federal, em dois turnos
de votação, pelo voto de dois terços dos seus membros.

2°) Em relação à organização do Estado, a Constituição Federal traça regras de


competência, estabelecendo ser competência privativa da União legislar sobre:

A ) Juntas comerciais.
B ) Trânsito e transportes.
C ) Orçamento.
D ) Procedimentos em matéria processual.
E ) Proteção à infância e à juventude.

3°) Compete ao Ministério Público:

A ) a titularidade concorrente da ação penal pública


B ) o exercício do controle externo da atividade policial
C ) a condução dos inquéritos administrativos
D ) a defesa de interesses de natureza privada.
E ) a aplicação de penalidades a militares e bombeiros.

4°) Maria sofria constantes agressões físicas e psicológicas do seu marido no


âmbito da unidade doméstica. Esse estado de coisas gerou intensos dissabores
para Maria, que levou o caso ao conhecimento das autoridades competentes.
À luz da sistemática estabelecida pela Lei nº 11.340/2006, é correto afirmar que
Maria, entre outras providências, pode, no âmbito do Juizado de Violência
Doméstica e Familiar contra a Mulher,

A ) receber medidas protetivas, que busquem assegurar a sua incolumidade


física, propor ação de divórcio e resolver a partilha de bens.
B ) obter provimento que impeça o ofensor de dilapidar o patrimônio comum e
ainda obter a partilha dos bens do casal.
C ) propor ação de divórcio e resolver a partilha de bens, e ainda obter o
afastamento do ofensor do lar conjugal.
D ) receber medidas protetivas, incluindo o recebimento de alimentos, e propor
ação de divórcio.
E ) receber medidas protetivas, mas não discutir questões afetas ao casamento
ou à sua dissolução.

5°) Com relação à recente legislação que disciplinou os crimes de abuso de


autoridade (Lei n° 13.869/2019), é correto afirmar que:

A ) a legislação prevê apenas, como pena restritiva de direitos, a prestação de


serviços à comunidade, que poderá ser aplicada de forma autônoma ou
cumulativa.
B ) a inabilitação para o exercício de cargo, mandato ou função pública é
considerado um efeito automático da condenação por crime de abuso de
autoridade e independentemente de reincidência.
C ) faz coisa julgada em âmbito administrativo-disciplinar, a sentença penal que
reconhecer ter sido o ato praticado em estrito cumprimento de dever legal.
D ) a perda do cargo é considerada um efeito automático da condenação por
crime de abuso de autoridade e independentemente de reincidência.
E ) a legislação prevê apenas, como pena restritiva de direitos, a suspensão do
exercício do cargo pelo prazo de até 6 (seis) meses, que poderá ser aplicada de
forma autônoma ou cumulativa.

DIREITO PENAL MILITAR E PROCESSUAL MILITAR

6°) Com base no Código Penal Militar (Decreto-Lei nº 1.001/1969), marque a


alternativa CORRETA:
A ) Incorre na mesma pena do crime de deserção o militar que tendo cumprido
a pena, deixa de se apresentar, dentro do prazo de oito dias, ou o militar que
consegue exclusão do serviço ativo ou situação de inatividade, criando ou
simulando incapacidade.
B ) Enquanto no crime de motim o militar pode agir isoladamente contra a ordem
recebida de superior, no crime de revolta há a necessidade da reunião de dois
ou mais militares e do uso de armas de fogo.
C ) Para a caracterização do crime de desrespeito a superior não é necessário
que o autor cometa o ato diante de outro militar.
D ) O fato de exigir, para si ou para outrem, direta ou indiretamente, ainda que
fora da função ou antes de assumi-la, mas em razão dela, vantagem indevida,
se amolda ao crime de corrupção passiva.

7°) Com base no disposto no Código Penal Militar, assinale a afirmativa


incorreta.

A ) A qualidade de superior ou de inferior deixa de ser elemento constitutivo do


crime quando não conhecida pelo agente.
B ) Se uma lei posterior deixar de considerar um fato um crime, nenhum agente
poderá ser punido, ainda que tenha sido condenado por sentença irrecorrível.
C ) Se sobrevier lei que, de qualquer forma, favoreça o agente, aplica-se a lei
nova retroativamente, ainda que o agente tenha sido condenado por sentença
irrecorrível.
D ) Quanto às medidas de segurança, se houver divergência entre a lei vigente
ao tempo da sentença e a lei vigente ao tempo da execução, prevalece a lei em
vigor ao tempo da execução.
E ) Aplica-se a lei penal militar, sem prejuízo de convenções, tratados e regras
de direito internacional, ao crime cometido em parte no território nacional, salvo
se o agente tiver sido julgado pela justiça estrangeira.

8°) Quanto ao crime no CPM, assinale a alternativa CORRETA.

A ) O agente que, involuntariamente, desiste de prosseguir na execução ou


impede que o resultado se produza, só responde pelos atos já praticados.
B ) Pune-se a tentativa com a pena correspondente ao crime, diminuída de um
a dois terços, devendo o juiz, no caso de excepcional gravidade, aplicar a pena
do crime consumado.
C ) O erro dos elementos constitutivos do tipo exclui o dolo, ao passo que o erro
sobre uma causa de justificação exclui a culpabilidade.
D ) O Código Castrense não prevê a figura do arrependimento posterior.
E ) O crime é tentado, quando, iniciada a execução, não se consuma em razão
da vontade do agente.

9°) O Sd. Calvino estava escalado para fazer a vigilância do paiol de munições
do seu quartel no dia 01/01/2017. No entanto, ele, sem avisar aos seus
superiores, não compareceu ao quartel no dia 01/01/2017.
Sobre o ocorrido, é correto afirmar que o Sd. Calvino cometeu:

A ) uma transgressão disciplinar.


B ) o crime de deserção especial, previsto no Aer. 190 do CPM.
C ) o crime militar de insubmissão, previsto no Art. 183 do CPM.
D ) o crime militar de omissão de vigilância, previsto no Art. 373 do CPM.
E ) o crime de abandono de posto ou serviço, previsto no Art. 195 do CPM.

DIREITO PENAL

10°) O Vereador “X” dirigindo seu veículo Mercedes-Benz Classe A, embriagado,


vem a colidir com a viatura composta pelos Sd PM “X” e Cb PM “Y”
(encarregado). Após o acidente, o Vereador abandona seu veículo e tenta fugir,
sendo contido pela guarnição, porém agride violentamente o Cb PM “Y”.Diante
dessa situação e nos termos do Processo 3.02.00 (Ocorrência envolvendo
autoridades) e do Processo 5.03.00 (Uso de algemas), é correto afirmar que o
Vereador “X”:
A ) possui imunidade relativa e poderá ser preso em flagrante, sendo autorizado
o uso de algemas nos termos da Súmula Vinculante 11.
B ) poderá ser preso em flagrante apenas na hipótese de cometimento de crime
inafiançável.
C ) somente poderá ser preso após a autorização (mesmo que verbal) do
Presidente da Câmara dos Vereadores.
D ) poderá ser preso em flagrante, porém não poderá ser algemado em razão de
imunidade parlamentar.

11°) De acordo com o Código de Processo Penal, com as alterações incluídas


pela Lei n° 13.964/2019, assinale a opção correta.

A ) Nos casos em que militares figurarem como investigados em inquéritos


policiais que digam respeito a missões para a Garantia da Lei e da Ordem, cujo
objeto for a investigação de fatos relacionados ao uso da força letal praticados
no exercício profissional, de forma consumada ou tentada, o indiciado poderá
constituir defensor.
B ) As medidas cautelares serão decretadas pelo juiz, de ofício ou a
requerimento das partes ou, quando no curso da investigação criminal, por
representação da autoridade policial ou mediante requerimento do Ministério
Público.
C ) Decretada a prisão preventiva, deverá o órgão emissor da decisão revisar a
necessidade de sua manutenção a cada semestre, mediante decisão
fundamentada, de ofício, sob pena de tornar a prisão ilegal.
D ) Se a infração for inafiançável, a falta de exibição do mandado obstará a
prisão, e o preso, em tal caso, será imediatamente apresentado ao juiz que tiver
expedido o mandado, para a realização de audiência de custódia.
E ) Em qualquer fase da investigação policial ou do processo penal, caberá a
prisão preventiva decretada pelo juiz, de ofício, se no curso da ação penal, ou a
requerimento do Ministério Público, do querelante ou do assistente, ou por
representação da autoridade policial.

12°) No que se refere ao regramento legal e constitucional concernente à teoria


das provas, assinale a alternativa correta.

A ) Quando a infração deixar vestígios, o exame de corpo de delito, direto ou


indireto, será indispensável, mas a confissão do acusado poderá supri-lo.
B ) São inadmissíveis, devendo ser desentranhadas do processo, as provas
ilícitas, assim entendidas as obtidas em violação a normas constitucionais ou
legais.
C ) Havendo mais de um acusado, os interrogatórios devem ocorrer,
preferencialmente, de forma conjunta e simultânea
D ) A confissão será indivisível e irretratável, sem prejuízo do livre
convencimento do juiz, fundado no exame das provas em conjunto.
E ) As buscas domiciliares serão executadas de dia ou de noite,
independentemente do consentimento do morador, desde que autorizadas por
ordem judicial escrita e fundamentada, sendo que, antes de penetrarem na casa,
os executores mostrarão e lerão o mandado ao morador, ou a quem o
represente, intimando-o, em seguida, a abrir a porta

13°) Acerca da prisão preventiva e da prisão temporária, assinale a assertiva


correta.

A ) Um dos pressupostos para a decretação da prisão preventiva é o crime ser


doloso punido com pena privativa de liberdade máxima superior a 4 (quatro)
anos.
B ) O juiz poderá decretar, ex officio, a prisão preventiva no curso do inquérito
policial a fim de garantir a ordem pública.
C ) Consoante posicionamento consolidado do Pretório Excelso, a prisão
temporária pode ser decretada no curso da ação penal quando o réu estiver
ameaçando testemunhas e destruindo provas.
D ) Caberá prisão temporária na fase inquisitorial, assim como no curso da ação
penal.
E ) Segundo entendimento recente da 6º turma do STJ, a prática de
contravenção penal, no âmbito de violência doméstica, não é motivo idôneo
para justificara prisão preventiva do réu.

14°) Em se tratando de ação penal, de acordo como princípio da


indisponibilidade, é correto afirmar o seguinte:

A ) A queixa-crime apenas pode ser oferecida pelo ofendido em juízo quando a


investigação policial logrou a obtenção de prova cabal da autoria e da
materialidade delitivas.
B ) O Ministério Público pode oferecer a queixa-crime em juízo, caso o ofendido,
mesmo diante de prova cabal da autoria e da materialidade delitiva, decida não
exercer o seu direito de ação.
C ) Após oferecer a denúncia em juízo, o Ministério Público não pode desistir da
ação penal.
D ) A vítima, mesmo após o oferecimento da queixa-crime, pode desistir do
processo criminal.
E ) Considerando que a investigação policial tenha obtido a chamada justa
causa, ou seja, o mínimo conjunto probatório necessário para o exercício do
direito de ação, pode o Ministério Público deixar de oferecer a denúncia em juízo.

CRIMINOLOGIA

15°) Acerca das Escolas da Criminologia, assinale a afirmativa correta.


A ) A Escola da Criminologia Clássica tem ênfase na implementação de políticas
criminais preventivas.
B ) A Escola da Criminologia Científica Moderna tem como principais teóricos
Césare Lombroso, Enrico Ferri e Rafael Garófalo.
C ) A Escola da Criminologia Crítica analisa a seletividade e propõe a
deslegitimação do sistema penal.
D ) A Escola da Criminologia Positivista tem como principal expoente Césare
Beccaria.
E ) A Escola da Criminologia Positivista rechaça a análise científica sobre a
criminalidade.

16°) A ideia de desorganização social, segundo a qual a cidade produz


delinquência, ocupa posição fundamental na caracterização de certa teoria
sociológica. O efeito criminógeno da grande cidade, que invoca o debilitamento
do controle social nos modernos núcleos urbanos, é uma explicação da teoria:

A ) da anomia.
B ) do etiquetamento.
C ) da associação diferencial.
D ) ecológica.
E ) da subcultura.

17° ) Assinale a alternativa que indica objetos da criminologia.

A ) Delinquência infanto-juvenil, delinquente, vítima e interdisciplinaridade.


B ) Delito, delinquente, vítima e controle social.
C ) Delito, delinquente, empiria e interdisciplinaridade.
D ) Empiria, interdisciplinaridade, vítima e controle social.
E ) Delito, delinquente, vítima e controle moral.

SEGURANÇA PÚBLICA

18°) No combate à ação de milícias privadas, devem ser observados alguns


critérios de identificação por parte dos órgãos de Segurança Pública. Alguns
desses critérios estão listados à seguir, à exceção de um. Assinale-o.
A ) Domínio territorial, ânimo de lucro e participação ativa e reconhecida de
agentes do Estado.
B ) Organização paramilitar, milícia particular, grupo ou esquadrão.
C ) Controle territorial coativo e discurso de legitimação referido à proteção dos
moradores e à instauração de uma ordem.
D ) Controle de um território e da população que nele habita por parte de um
grupo armado irregular.
E ) Cooperação da sociedade civil armada com os órgãos de segurança pública.
19°) David Bayley e Jerome Skolnick, os primeiros estudiosos sobre
policiamento comunitário nos Estados Unidos, indicam quatro principais
características desse tipo de policiamento. Nesse sentido, avalie os itens a
seguir.
1. Construção de unidades policiais em áreas de conflito conflagrado.
2. Descentralização do comando por área
3. Emprego de civis na polícia e no trabalho de policiamento.
4. Ênfase no policiamento de confronto bélico
5. Estabelecer um plano de segurança pública prévio e, posteriormente, divulgá-
lo para a comunidade
6. Relação de reciprocidade entre a polícia e a população
7. Relação verticalizada entre a polícia e a população
8. Reorientação da patrulha de modo a engajar a comunidade na prevenção do
crime
Assinale a opção que indica somente as características do policiamento
comunitário.
A ) 1, 2, 3 e 7.
B ) 1, 2, 5 e 6.
C ) 2, 3, 6 e 8.
D ) 3, 4, 6 e 7.
E ) 4, 6, 7 e 8.

20 ° ) De acordo com o texto da Constituição Federal de 1988, assinale a opção


que indica apenas órgãos de Segurança Pública.

A ) Corpos de Bombeiros Militares; Polícia Rodoviária Federal; Polícia Ferroviária


Federal e Polícias Penais.
B ) Polícia Federal; Polícias Militares; Polícias Civis e Guardas Municipais.
C ) Polícia Federal; Polícias Penais; Polícias Civis e Guardas Municipais.
D ) Corpos De Bombeiros Militares; Polícias Militares; Forças Armadas e Polícias
Civis.
E ) Polícias Militares; Polícia Federal; Força Nacional De Segurança Pública e
Polícias Civis.
GABARITO

1–B 11 – A
2–B 12 – B
3–B 13 – E
4–D 14 – C
5–C 15 – C
6–A 16 – D
7–E 17 – B
8–D 18 – E
9–A 19 – C
10 – A 20 – A

Você também pode gostar