MICROSOFT EXCEL

2

SUMÁRIO 1. 2. 3. CONCEITO SOBRE TECLADO ..................................................................... 3 O QUE É EXCEL ............................................................................................ 4 CRIANDO UMA PLANILHA ........................................................................... 5 3.1 CÉLULA .................................................................................................... 5 3.2 CÉLULA ATIVA ......................................................................................... 6 4. CONHECENDO AS BARRAS DE FERRAMENTAS PRINCIPAIS ............... 8 4.1 BARRA DE FERRAMENTAS FORMATAÇÃO .......................................... 8 4.2 BARRA DE FERRAMENTAS PADRÃO .................................................... 9 5. 6. CONHECENDO OS TIPOS DE DADOS DO EXCEL ................................... 10 FORMATAÇÃO ............................................................................................. 11 6.1 FORMATANDO TEXTOS ........................................................................ 11 6.2 FORMATANDO BORDAS ....................................................................... 12 7. 8. PROTEGENDO CÉLULAS ........................................................................... 13 FÓRMULAS ................................................................................................... 13 8.1 FÓRMULAS MATEMÁTICAS .................................................................. 13 8.2 FÓRMULAS LÓGICAS ............................................................................ 14 8.3 CONCEITO SOBRE FUNÇÃO ................................................................ 15 8.4 CONHECENDO O ASSISTENTE DA FUNÇÃO ...................................... 16 8.5 CONSTRUINDO UM GRÁFICO .............................................................. 16 9. 10. 11. 12. TRANSFERINDO INFORMAÇÕES DO R3 PARA O EXCEL ...................... 18 EXEMPLOS DE PROJETOS ....................................................................... 20 EXERCICIO TEÓRICO .................................................................................. 22 EXERCICIO PRÁTICO .................................................................................. 24

3

SUMÁRIO (Assunto Extra) 1. LISTAS .......................................................................................................... 27 1.1 VISUALIZANDO AS LISTAS EXISTENTES ............................................ 27 1.2 ADICIONANDO UMA NOVA LISTA ........................................................ 28 1.3 IMPORTANDO DADOS PARA FORMAR UMA NOVA LISTA ................ 28 1.4 EXCLUINDO UMA LISTA ........................................................................ 29 2. 3. 4. FORMATAÇÃO CONDICIONAL ................................................................... 29 SUBTOTAIS .................................................................................................. 31 VALIDAÇÃO .................................................................................................. 33 4.1 DEFININDO UMA VALIDAÇÃO DECIMAL ............................................. 34 4.2 AJUSTANDO UMA MENSAGEM DE ENTRADA ................................... 35 4.3 DEFININDO O NÍVEL DE BLOQUEIO ................................................... 36 5. 6. 7. ATINGIR META ............................................................................................. 15 5.1 SOLUÇÃO DO ATINGIR META .............................................................. 15 AUDITORIA ................................................................................................... 16 CRIANDO TABELA DINÂMICA .................................................................... 17 7.1 EXERCÍCIO 1: CRIAR O MODO DE EXIBIÇÃO DE RELATÓRIO ......... 17 7.2 EXERCÍCIO 2: ORDENAR O RELATÓRIO ............................................. 18 7.3 EXERCÍCIO 3: DINAMIZAR O RELATÓRIO ........................................... 20 8. MACROS ....................................................................................................... 23 8.1 CONSTRUINDO UMA MACRO ............................................................... 24 8.2 EXECUTANDO UMA MACRO ................................................................. 25 8.3 ATRIBUINDO MACROS A FIGURAS ...................................................... 26 8.4 EXCLUINDO MACROS ........................................................................... 27 9. 10. 11. USANDO O EDITOR DO VISUAL BASIC .................................................... 28 PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETOS ............................................. 28 O EDITOR DO VISUAL BASIC E SUAS JANELAS ..................................... 29 11.1 JANELA EXPLORADOR DE PROJETO ............................................... 29 11.2 JANELA PROPRIEDADES .................................................................... 30 11.3 JANELA CÓDIGO .................................................................................. 30 12. 13. 14. SEGURANÇA ................................................................................................ 31 CRIANDO UMA NOVA BARRA DE FERRAMENTAS ................................. 32 ASSOCIANDO MACROS A BOTÕES .......................................................... 34 14.1 COPIANDO E COLANDO A IMAGEM DE BOTÃO ............................... 35 15 EXCLUÍDO BARRAS DE FERRAMENTAS ....................................................... 36

......... 39 ...... 37 EXERCÍCIOS PRÁTICOS ................................................4 16................. EXERCÍCIOS TEÓRICOS ........................................... 17..................................

Teclas de funções: São as teclas superiores que vão de F1 à F12. teclado numérico. . teclado alfa numérico. Tecla Insert: Ativa ou desativa o modo Inserção. Tecla Home: Localiza o cursor no inicio da linha que esta sendo digitada. Tecla Enter: Envia informações para memória. dependendo do programa que o usuário esteja utilizando essas teclas terão funções diferentes. Tecla Shift: Alterna as funções do teclado. Teclado Numérico: Usado na digitação rápida de números. cancela uma operação Tecla Tab: Possibilita fazer tabulações ou seja dar um espaço maior que o normal entre textos. Tecla Delete: Usada para apagar coisas selecionadas. O teclado alfa-numérico possui teclas especiais que vamos ver suas funções agora. Tecla CapsLock: Ativa ou desativa o modo maiúsculo. Tecla Num Lock: Liga ou desliga o teclado numérico. Tecla Page Up: Página acima Tecla Page Down : Página abaixo Tecla Print Screen: Imprime dentro do sistema operacional MS-DOS. Teclado alfa-numérico: São as teclas normalmente usadas para digitação de letras símbolos e números. Tecla End: Localiza o cursor no final da linha que esta sendo digitada. Tecla Alt: Ativa Menus. Tecla ESC: Abandona. em textos apaga letras à direta do cursor. Tecla Control: Controla as funções do teclado . são elas : Teclas de funções. Tecla Scroll Lock: Trava o modo de rolagem.5 1 CONCEITO SOBRE TECLADO O teclado está dividido em três partes. Tecla Pause: Dar uma pausa. Tecla BacSpace: Apaga caracteres à esquerda do cursor.

Formatados: Marcadores e numeração . Use a figura para familiarizar-se com seus elementos. Ele é um dos componentes do pacote office da microsoft. finalmente.contem os comandos organizados de forma hierárquica. a área de fórmulas. efetuar os mais diversos cálculos e produzir gráficos. 32 Barra de menus . A tela principal do Excel é a que representamos na figura que se segue. onde serão digitados os conteúdos das células. 43 Barras de ferramentas padrão e de formatação – contem os botões de atalho para as principais funções do aplicativo.6 2 O QUE É EXCEL ? O Excel é um programa utilizado na criação planilhas eletrônicas. que são destinados a manipular tabelas. 65 Barras de títulos de colunas – identifica as colunas por meio das letras do alfabeto. a seguir vem os botões de confirmar ou cancelar a digitação e. 54 Barras de Fórmulas – contém três áreas A primeira a esquerda mostra o nome da célula em uso. 76 Célula ativa – é a célula em que você está trabalhando. 3 4 5 6 7 1 2 8 Área de trabalho 9 10 11 12 Onde: 21 Barra de título – mostra o nome do programa e do arquivo que está sendo usado.

As planilhas são compostas de células. Seu nome é definido pela letra de sua coluna seguida pelo número de sua linha.). Pasta de trabalho é o arquivo-padrão do Excel e possui a extensão . As células são definidas pelo encontro de uma coluna com uma linha.7 87 Barra de rolagem vertical – permite que você role as telas na direção das linhas. Área de comunicação. Todas as informações fornecidas estarão contidas nas células. 3. onde você pode solicitar totalizações e outros cálculos. 1110 Guia de planilhas – identifica as planilhas (plan1. 12 Barra de status – Apresenta três áreas distintas.1 CÉLULA É a unidade unidade de trabalho do Excel.. Normalmente em cada nova pasta o Excel coloca 3 planilhas. Ex: célula A1 . 3 Criando uma planilha Antes de botar a mão na massa você deve conhecer alguns conceitos que permitirão um bom desenvolvimento de seu trabalho. que mostra a situação do teclado. 1211 Barra de rolagem horizontal – permite que você role a planilha no sentido das colunas. excluindo as não utilizadas ou simplesmente mudando o padrão do Excel.xls no MS-DOS. Você pode alterar esse número incluindo novas planilhas. plan2..A guia que aparece diferente das demais identifica aquela em que você esta trabalhando. plan3. 109 Botões de rolagem de planilhas – permite que você tenha acesso a diversas planilhas. e a Área de controle. A seguir área de autoCálculo. 98 Barra de títulos de linhas – identifica as linhas por meio dos números. para que novas pastas contenham apenas o número de planilhas de que você precisa. onde o Excel informa você sobre o andamento das tarefas.

Basta clicar duas vezes entre as colunas que o excel automaticamente aumentará o tamanho. Salvar – Destina-se a arquivos já existentes. Salvar como e Salvar área de trabalho. e ela apresentará uma borda mais grossa com um pequeno quadrado no canto inferior direito. Agora que você já viu como é fácil. e a arquivos já existentes com identificação diferente da atual. Não se preocupe se alguns dados não ficarem completamente visíveis.J D PAI JOÃO XAVIER MARCIO JOSÉ E MÃE MARIA ANA PAULA MIRA F ENDEREÇO SQN 309 SQN 309 NGE305 TRY590 G TELEFONE 663-9985 644-5487 232-0135 234-5469 H CEP 70660-040 32356-452 58659-025 63259-321 Vamos salvar seu primeiro trabalho. . Botão opções – Usado para colocar senha em arquivos. Somente uma célula esta ativa a cada instante. A 1 2 3 4 5 NOME PEDRO JOÃO ANDRÉ JORGE B IDADE 19 16 17 52 C APELIDO PE J DEDÉ J. Você já esta impaciente para começar a utilizar o Excel ? Então não vamos perder tempo. promovendo sua atualização. isso pode ocorrer devido a largura insuficiente da coluna. Salvar área de trabalho – Deve ser utilizado quando tivermos mais de uma pasta aberta.8 3. que serão salvos pela primeira vez.2 CÉLULA ATIVA É a célula apta a ser trabalhada. complete os dados da planilha a seguir. Clicando no Menu arquivo você terá acesso as opções salvar. O Excel apresenta três dessas opções: Salvar. Salvar como – Destina-se a arquivos novos.

Figura 2 . da barra de ferramentas padrão equivale a opção salvar Figura1 – Caixa Salvar (será sempre aberta ao salvarmos uma nova pasta).Caixa de texto Salvar em.1 .9 O botão salvar do menu arquivo.Continuando nosso estudo. vejamos os botões dessas barras: . Observe que podemos visualizar a estrutura do computador de forma hierárquica. Figura1. indica a pasta (diretório) em que o arquivo será salvo.

separador de milhar. Centralizar e Alinhar á Direita: Usados para formatar o texto alinhando à esquerda. diminuir casas decimais. 4 CONHECENDO AS BARRAS DE FERRAMENTAS PRINCIPAIS 4. 2. aumentar casas decimais: Usados em formatação de planilhas administrativas Botões diminuir recuo e Aumentar recuo: Usados para aumentar ou diminuir espaço entre palavras Botão Bordas: Usado para aplicar bordas à planilha Botão Cor do preenchimento: Usado para da cor ao fundo de uma planilha Botão cor da fonte: Altera a cor da letra . Estilo de porcentagem. 2. Botão tamanho da fonte: Usado para modificar tamanho de letra Botões Alinhar à Esquerda. salvando o arquivo em seguida. onde poderão ser colocados os arquivos onde você deseja acessar rapidamente. Botões Estilo de moeda.1 O botão um nível a cima permite que o usuário volte a visualizar a estrutura como ela estava antes de se aprofundar.1 BARRA DE FERRAMENTAS FORMATAÇÃO Botão fonte: Usado para escolher tipo de letras Botão Negrito Itálico e Sublinhado: Usado para realçar o formato do texto. 2. direita ou centralizar Botão mesclar e centralizar: usado para unificar várias células centralizando-as.10 Se você desejar identifica-los.3 O botão criar nova pasta permite que no momento de salvar o aquivo o usuário possa criar uma nova pasta ou subpasta. basta posicionar o cursor sobre o botão e aguardar alguns instantes.2 O botão verificar em favoritos. O Windows definirá uma pasta chamada favoritos.

Botão Colar Funções: Exibe uma lista de funções e seus formatos. (aumenta ou diminui).2 BARRA DE FERRAMENTAS PADRÃO Botão Novo : Exibe uma nova área de trabalho Botão Abrir : Abre um arquivo já existente Botão salvar : salva o arquivo atual (ativo) Botão Imprimir : Imprimi a planilha atual Botão Visualizar Impressão : Visualiza como será impressa a planilha atual Botão Verificar Ortografia : Procura erros de ortografia em uma planilha. Inserir Gráfico: Usado para inserir um gráfico da seleção atual. Botão Colar: Cola o ultimo item que foi copiado Botão Pincel: Copia o formato do objeto ou texto selecionado e aplica ao objeto ou texto clicado. Botão Assistente de Office: Fornece tópicos de ajuda e dicas para ajuda-lo a concluir suas tarefas. Botão Desfazer: Reverte o ultimo comando. Botão Copiar : Copia a seleção atual. Classificação Crescente: classifica os itens da primeira letra do alfabeto do menor número ou da data mais antiga. Botão AutoSoma: Usado para somar valores selecionado. Botão Refazer: Refaz a ultima ação Botão Inserir hiperlink: Insere ou edita o hinperlink especificado.11 4. . Mapa: Usado para inserir um mapa. Desenho: Exibe barras de ferramentas desenho. Botão Barra de Ferramentas Web: Exibe ou oculta a barra de ferramentas Web. Botão Recortar: Recorta a seleção atual. Botão Zoom: Altera o tipo de visualização do trabalho atual. Classificação decrescente: classifica os itens da ultima letra do alfabeto do maior número ou da data mais recente.

5 CONHECENDO OS TIPOS DE DADOS DO EXCEL As células de uma planilha podem conter números. As fórmulas representam a única exceção à definição de células textuais enunciada anteriormente.) vírgula (. serão vistas somente na prática). Observe a seguir como são digitados os números das planilhas. Normalmente os dados numéricos são alinhados a direita das células. para indicar que a largura da coluna é insuficiente para mostrar o número. O usuário de Excel pode optar em criar sua barra de ferramentas. Caracteres como ponto(.) e utilizados na posição correta. que não deixam de ser importante (não sera colocadas nessa apostila. exponencial (E) só podem ser Células que apresentam algarismos juntos com texto não são numéricas. e quando seu tamanho ultrapassa a área visível da célula a mesma será preenchida com símbolos. Qualquer célula cujo conteúdo comece por “ = “ ou “ + “ será reconhecido pelo Excel como contendo uma fórmula. .12 Vimos anteriormente as duas barras de ferramentas mais utilizadas no Excel. isso pode ser feito através da opção personalizar do sub menu barra de ferramentas localizado no menu exibir. colocando somente os botões necessários para a utilizar em seu trabalho. textos ou fórmulas. Algumas células dessa planilha apresentam fórmulas. Existem mais 11 barras de ferramentas dentro do Excel. que são normalmente invisíveis.

13 Alguns usuários ficam amedrontadas com as fórmulas O Excel coloca à sua disposição um conjunto bastante amplo de fórmulas e funções para facilitar seu trabalho. SE O conteúdo As fórmulas usadas nessa planilha serão Ex. A formatação pode ser feita através da opção Células do menu Formatar ou através das barras de ferramentas. O título médias escolares nome. ou seja. basta selecionar a célula que contém e olhar na barra de fórmulas o seu conteúdo real (fórmula). Procure utilizar sempre as fórmulas conhecidas. e não seu conteúdo aparente (valor). aquelas que você sabe utilizar mesma sem o Excel. O visual de seu trabalho deve ser agradável e conduzir quem o utiliza a prestar atenção aos pontos mais importantes. Caso você precise ver a fórmula. médias. a formatação tem início pela seleção do intervalo a ser formatado. matérias. Como você já pôde perceber. Vamos fazer nossa 1ª planilha. mas não se deixe encantar pela formatação. formatar células é simples e divertido. .: 6 FORMATAÇÃO 6.1 FORMATANDO TEXTOS Assim como todas as operações com o Excel. pois sua atenção deve estar sempre focada nas informações que deseja transmitir. notas. conceito MÉDIA .

O Excel considera numéricas as entradas: a) b) c) d) (ex. Compostas apenas de algarismos. Desse modo o estudo dos formatos numéricos deve ser cuidadoso.4 FORMATANDO NÚMEROS A formatação de números difere dos outros assuntos de formatação visto até agora. Para facilitar a visualização você pode inserir uma linha em branco antes da linha1 e uma coluna em branco antes da coluna A. pois não tem como objetivo principal a aparência da informação. O que poderá levar o usuário da planilha a conclusões incorretas. 6. Uma data por exemplo colocada como um grupo de algarismo dificilmente será entendido. 6. utilizando-se como separador a barra “/” ou hífen “-“ Contendo horas utilizando como separadores dois pontos “:” Contendo frações de forma inteiro espaço numerador/denominador decimais e pontos separadores de milhar.14 6. sinais de mais ou menos.2 FORMATANDO BORDAS Para isolar a área de informações sobre responsáveis das demais informações presentes na planilha.: 2 5/8) e) f) g) Percentuais com o símbolo “%”. A formatação das bordas poderá ser feita através da opção Células do menu formatar ou através do botão bordas da barra de ferramentas formatação. A importância dessa providência ficará mais clara quando formos imprimir nossa planilha. podemos utilizar uma borda ao redor dessa área. vírgulas Contendo datas. Números em notação científica na forma NNE+X ou NNE-XX Moedas com símbolos definidos no Windows para representa-las. chamar a atenção ou tornar mais suave a leitura da planilha.3 FORMATANDO CORE E PADRÕES Utilizamos as cores no Excel para realçar. .

8. o Excel facilita sua tarefa. mas não faz por si só. Tudo que o usuário fizer aparecerá em todas as planilhas agrupadas.1 FÓRMULAS MATEMÁTICAS Como toda ferramenta. Agrupando planilhas: Para agrupar planilhas basta manter a tecla shift pressionada e clicar em um determinado intervalo de planilhas. Lembre-se: a inteligência é sua. OPERAÇÃO Exponenciação Produto Divisão Divisão resto OPERADOR ^ * / MOD OBSERVAÇÃO 2^4 quer dizer 2 elevado a 4 O quociente aparece com decimais Somente o resto da divisão . Valores em moedas são exemplos disso. pois são apresentados com o símbolo de moeda e armazenados como números puros. 8 FÓRMULAS Existem dois conceitos de fórmula para o Excel: O conteúdo real de uma célula e uma sentença iniciada pelo sinal de igual (=). Se você esquecer sua senha não poderá alterar as células protegidas da planilha. existem cinco operadores aritméticos básicos e dois operadores adicionais. mantiver a tecla shift pressionada e clicar em plan3 ocorre o agrupamento.15 7 PROTEGENDO CÉLULAS Proteger células significa impedir que seu conteúdo seja alterado por pessoas não autorizadas ou que suas fórmulas (caso existam) não sejam visualizadas. o Excel é apenas uma excelente ferramenta. A diferença entre o que é mostrado (valor) e o conteúdo (fórmula) será importante quando você precisar localizar uma informação na planilha. O conteúdo real de uma célula muitas vezes não é aquilo que vimos quando olhamos a planilha. por exemplo se o usuário estiver em plan1. Enquanto existe apenas um operador para textos.

Ex.2 FÓRMULAS LÓGICAS Outra classe interessante de fórmulas é composta pelos operadores lógicos e pelas funções lógicas.critérios.Valor_se_falso) Funcionalidade Retorna um valor se a condição especificada for avaliada como VERDADEIRO e retorna um outro valor caso seja avaliada como FALSA.SE CONT. Você pode usar parênteses para ignorar a ordem de precedência e fazer com que algumas partes de uma expressão sejam avaliadas antes de outra. Adiciona as células especificadas por um determinado critério ou condição.valor_se verdadeiro. deparamos com expressões daquele tipo.: 2x5+4x2 será resolvido da esquerda para direita ou seja 2x5=10 e 4x2=8 após isso deve ser efetuada a soma. Você se lembra daquelas grandes expressões aritméticas que resolvíamos no ensino fundamental e médio ? Algumas vezes. 2x(5+4x2) o cálculo será iniciado pelo conteúdo dos parênteses 8.intervalo_da_so ma) CONT.critérios) . na construção de uma fórmula. cada parte é avaliada e resolvida segundo uma ordem predeterminada. Calcula o número de células não vazias em um intervalo que corresponde a uma determinada condição. Quando várias operações ocorrem em uma expressão. Utilizando esse tipo de formulas podemos comparar conteúdos de células e tomar decisões baseadas nessas comparações. Exemplos de fórmulas: Nome Sintaxe SE(Teste_lógico.16 Soma Subtração Negativo + - Coloca antes do primeiro terno da fórmula ou entre parênteses. SE SOMASE SOMASE(Intervalo.SE(intervalo.

..num_ Como padrão.matriz_tabela. ou opcionais.Num2. ESQUERDA ESQUERDA(texto. Quando HOJE é inserido em uma célula o Microsoft Excel formata o número como uma data. parâmetro3..17 Retorna um número que representa a data de hoje. o nome estará correto..) . a tabela deve estar classificada índice_coluna. O Excel sempre coloca o nome das funções em maiúscula.) em ordem crescente.núm_dígitos) Retorna o número de série da data e da hora atual.num_caract) Retorna o(s) primeiro(s) caracter(es) em uma seqüência de caracteres de texto. PROCV(valor_procurado. Você pode usar esse fato para verificar se digitou corretamente o nome da função que estiver utilizando. PROCV Procura um valor na primeira coluna a esquerda de uma tabela e retorna um valor na mesma linha de uma coluna especificada.. quando sua presença permite cálculos mais sofisticados e sua ausência não impede obtenção de resultado Ex.: =SOMA(Num1. mesmo que a função não tenha parâmetros Parâmetros: são as informações de que as funções precisam para produzir um resultado. Basta digitar sempre em letras minúsculas. quando a função não pode ser calculada sem eles.3 CONCEITO SOBRE FUNÇÃO Funções só podem ser utilizadas em fórmulas. senão eles serão considerados texto pelo Excel.. coso contrário o nome está incorreto. 8. portanto qualquer célula que contenha funções deve começar com o sinal de igual (=). Se o Excel converter para maiúscula. Os parênteses são obrigatórios.. parâmetro2.. Arredonda um número até a quantidade especificada de dígitos. HOJE() HOJE() AGORA() ARRED AGORA() ARRED(núm.Num3. Os parâmetros podem ser obrigatórios. no código data-hora do Microsoft Excel. A forma geral das funções do Excel é: NOME DA FUNÇÃO (parâmetro1.).

O título deve ser “acompanhamento das atividades culturais” Após criar seu gráfico o usuário poderá formata-lo totalmente se assim desejar. 2. Para utiliza-lo.18 8. Para aprender como construir um gráfico com o Excel. Selecione o intervalo A2:G9 (títulos e dados) Clique no botão auxiliar gráfico da barra de ferramentas padrão Escolha o tipo de gráfico. na barra 1. colunas. ele não precisa digitar sinal de igual. 4. 3. Mas fazer um grande trabalho com gráficos depende de você. Quando o usuário utiliza o botão assistente de função. 8.4 CONHECENDO O ASSISTENTE DA FUNÇÃO O assistente de função é um tutorial (conduz você até completar a tarefa) especializado na construção de funções. A fórmula usada será SOMA. .5 CONSTRUINDO UM GRÁFICO O Excel pode auxiliá-lo muito na construção de gráficos. mudando cores e tipos de letras. basta selecionar a célula onde deseja colocar a função e clicar sobre o botão assistente de função de ferramentas padrão. digite os dados mostrados a seguir em uma nova pasta de trabalho. para isso basta selecionar o item desejado e utilizar o menu formatar dependendo do item selecionado.

19 Vamos colocar alguma coisa em prática: Faça a planilha usando os dados da tabela abaixo.5)/100+c3 Preço total =(b3*f3) Planilhas a serem vistas: Planilha folha de pagamento Comparativo de lojas . seguidos das fórmulas Mais barato: Preço total =(b3*c3) Mais caro: Preço unitário =(c3*12.

onde o usuário irá escolher em que formato deseja gravar o arquivo. . Em seguida o R3 exibirá uma tela de opções de transferências.20 9 TRANSFERINDO INFORMAÇÕES DO R3 PARA O EXCEL Para transferirmos informações do R3 para o Excel Utilizaremos a subopção File da Opção Gravar e Enviar do menu Lista.

o R3 direcionará o usuário para uma janela onde informará o local em que vai ficar armazenado esse arquivo. .21 Após o usuário ter escolhido o formato do arquivo. Geralmente o R3 Armazena estes arquivos na pasta SapWorkDir.

xls Filtra informações do ZMM07. com o objetivo de obter melhoria no sistema de MRP.xls Recebe informações do Excel. TRANSIÇÃO.xls Recebe informações reduzidas do TRANSIÇÃO. Informações de alarmes? Sim Não ALARMES.XLS O exemplo usado é um conjunto de Arquivos desenvolvido pelo departamento de Projetos.22 Exemplos de planilhas criadas a partir de informações vindas do R3.xls MATRIZ_REAL.xls Não Informações continuam em Matriz.xls Recebe Informações Fim . Inicio ZMM07.xls Recebe Informações Produtos por grupo e produtos por loja? Sim M2.

23 O exemplo a seguir esta dentro de um só arquivo. O exemplo em questão é um arquivo criado pelo departamento de Finanças que possui três planilhas Para controle de Orçamento do Centro de Distribuição. Fim . mas distribuído em três planilhas. Planilha resultados Recebe o total de cada classificação de informações da Planilha CD. Inicio Planilha Bruto-CD Recebe informações do R3 Planilha CD Recebe informações da planilha Bruto-CD e organiza essas informações classificando-as.

) Para que serve o botão assistente de office ? 6.A2+3.0).) Faça a tradução da seguinte formula: SE(esquerda(A2.) Explique o procedimento para colocar senha em arquivos. 5.24 Exercícios Teóricos 1.) Para que serve o botão Autosoma e onde está localizado ? .2)=12.) O que é Excel? 2.) Qual a diferença entre célula e célula ativa ? 4. 3.) Explique o procedimento para agrupar planilhas. 7.

) Qual o conceito de fórmulas ? .25 8.) Qual a diferença entre a opção Salvar e SalvarComo ? 9.) Como é feita a transferência de informações do R3 para o Excel? 10.

) Faça um gráfico da planilha construída. 1.25 TOTAL 14.90 1. quantos Faça uma planilha de comparação de lojas Crie um gráfico dessa planilha Faça uma listagem no R3 (mb52) do produto de cód 10585.26 Exercícios Práticos 1. Faça três planilhas de folha de pagamento em área de trabalho Salve esse arquivo com o nome exercício A Loja A vendeu 50.) 15%.25 Faça uma planilha de médias escolares totalmente formatada (bordas Utilizando a tabela abaixo construa uma planilha com acréscimo de 3. transfira porcento vendeu a loja A com relação ao grupo.000. PRODUTO ARROZ FEIJÃO MACARRÃO OLEO LEITE QUANTIDADE 12 11 05 06 09 PREÇO UNIT.00 20. 5.50 9.20 1.) e fonte).) 6.80 0.) 8.000.) 4.) Seguindo o conteúdo dado na apostila faça uma planilha de acompanhamento das atividades culturais.50 2.) diferente. essa listagem para o excel e crie uma planilha onde serão visualizados somente os estoques livres desse produto nos centros.40 19.) 7.) 9.00. 2. 10.80 4.00 e todo grupo vendeu 250. .

Dom. e ainda com os dias da semana sem abreviar. tais como: Jan. Dez. 1. Mar. Será apresentada a janela abaixo: . Veja como funciona.27 Assunto Extra. O Excel trás consigo algumas listas já prontas.. Quando você soltar o botão do mouse. 1 LISTAS Recurso incorporado pelo Excel para facilitar a digitação de listas comuns.... Digite em qualquer célula do Excel a palavra Agosto. Fev. Clique no Menu Ferramentas – Opções – e em seguida na guia Listas..1 VISUALIZANDO AS LISTAS EXISTENTES. a lista contendo o nome dos meses começando em Agosto foi inserida das células de destino. Ter. Você deve estar pensando como é que o Excel sabe o nome dos meses subseqüentes. Qua. Seg. Note que enquanto você arrasta o Excel apresenta o nome de outros meses. Sab.. Agora aponte o mouse na alça de preenchimento da célula onde você digitou a palavra agosto e arraste até certo ponto.

Selecione na planilha as células que você deseja incluir na lista e clique no botão Importar.2 ADICIONANDO UMA NOVA LISTA Clique na caixa de listagem Entradas da lista e digite os componentes da nova lista. use vírgula (ou ENTER) para separar os itens. clique no botão Adicionar e em seguida OK. 1. Pronto a nova lista já está criada e poderá ser usada em novas planilhas. arrastando.3 IMPORTANDO DADOS PARA FORMAR UMA NOVA LISTA. digite qualquer um dos componentes da lista e copie. Clique no Menu Ferramentas – Opções – e em seguida na guia Listas.28 1. Agora clique dentro do objeto selecionar. quando a lista estiver completa. Para verificar se está funcionado. até onde desejar. As vezes você já tem a lista digitada na planilha e não teria sentido ter que re-digitar para incluí-la na lista. .

2 FORMATAÇÃO CONDICIONAL As vezes é necessário formatar uma ou mais células. são apresentadas 2 (duas) opções. na caixa combinação. . Por exemplo.4 EXCLUINDO UMA LISTA Abra a guia a que se refere a figura principal desse assunto. Sob o título Condição 1. Veremos um exemplo de como formatar uma célula de acordo com seu conteúdo. de acordo com seu preenchimento ou de outras células. Será apresentada a janela acima.29 1. é possível fazer com que células que tenham valores inferiores a certo limite. fiquem com a cor da fonte ou tenham um sombreamento diferente. Clique no menu Formatar e em seguida Formatação Condicional. a saber: “O valor da célula é” é usada quando queremos formatar a célula de acordo com o seu conteúdo e “A fórmula é” é usada quando queremos formatar uma célula de acordo com o conteúdo de outra. clique na lista e clique no botão Excluir.

fechando a janela de formatar células. altere o nome de outro vendedor para José Augusto e veja que ela já fica também azul. onde temos o nome dos vendedores. . 4. Clique OK para confirmar a formatação condicional. Defina a cor azul e clique OK. Note que as células que já tiverem o seu conteúdo igual a José Augusto. 3.30 Suponha que as células da coluna A. Certifique-se de que as opções estejam iguais as da tela acima e clique no botão formatar. já estão azuis. Clique no menu formatar – formatação condicional. Para verificar com funciona. 5. Passo a passo: 1. 2. fiquem com a cor da fonte azul. Selecione as células da coluna A. quando seu conteúdo for igual à José Augusto.

00 2 70.31 3 SUBTOTAIS Esse recurso do Excel nos permite realizar totalizações em planilhas. observe também que no exemplo acima a tabela já esta classificada.00 300.00 140.00 980.00 400. se não estivesse.00 600.00 2 490.00 2 200.00 2 70.00 490.470.00 800. Muito bem. O primeiro passo é selecionar a tabela inteira (clique dentro da tabela e pressione CTRL + asterisco).00 4 70.00 3 200.00 980.00 70.00 3 200.00 2 300. subtotalizando por dia. será apresentada a tela abaixo: . agora vamos usar o recurso subtotais.00 600.00 1 70. Para resolver este problema é necessário classificar a tabela pela coluna em que você deseja agrupar. feito isso clique no Menu Dados – Subtotais.00 70. seríamos obrigados a classificá-la.00 400. No nosso exemplo é necessário classificar a tabela por data.00 2 300.00 1 490.00 70. Observe a planilha abaixo: Data 05/05/00 05/05/00 05/05/00 08/05/00 08/05/00 08/05/00 08/05/00 09/05/00 09/05/00 10/05/00 10/05/00 10/05/00 10/05/00 11/05/00 11/05/00 011/05/00 11/05/00 11/05/00 Produto Cama Cadeira Mesa Cama Mesa Cadeira Mesa Cama Fogão Cadeira Fogão Cama Cama Cadeira Mesa Cama Fogão Cadeira Preço UnitárioQuantidade 200.00 600.00 1 200.00 1.00 1 Valor total 400.00 3 490.00 2 300.00 140.00 1 490.00 600.00 2 200.00 Suponha que você queira gerar um relatório de vendas.00 2 70.

A caixa de seleção Substituir subtotais atuais deve ser ativada quando a tabela já estiver com algum subtotal e você quiser substituir os subtotais já apresentados pelos que você está fazendo agora. uma quebra de página após uma mudança da coluna indicada na caixa de combinação A cada alteração em. Observe como ficou a nossa tabela após aplicação do recurso estudado. Selecione Data. pois queremos que a coluna somada seja ela. A caixa de seleção Resumir abaixo dos dados deve ser ativada se quiser que os dados sejam totalizados abaixo de cada quebra e o total geral abaixo da tabela. A caixa de seleção Quebra de página entre grupos deve ser ativada se quiser que o Excel coloque. exemplo) deixe desativada. Na caixa de combinação “Usar função:” são apresentados todas as funções disponíveis. valores. Selecione Soma. No nosso exemplo quando mudar de data. Na caixa de combinação “Adicionar subtotal a:” são apresentados todos os títulos das colunas. O default é subtotalizar antes. No nosso caso (1o. automaticamente. pois queremos que quando mudar a data ele totalize. Selecione Valor total. pois queremos que sejam somados os .32 Na caixa de combinação “A cada alteração em:” são apresentados todos os títulos das colunas.

Exercício Total de Pontos . são apresentados símbolos – e +. Imagine que você está preenchendo uma planilha de notas escolares. 4 VALIDAÇÃO Permite que os dados digitados em células obedeçam a regras previamente estabelecidas.Exercício Matrícula 2o. Esses símbolos sevem para aplicar nos subtotais filtros de visualização (exibição). Aluno: Bruna de Oliveira Disciplina Pesquisa de Campo Redação Português Lingüística 1o. quando apresentada com subtotais.33 Note que do lado esquerdo da tabela. e que as notas devem ser sempre numéricas e devem variar entre 0 (zero) e 10 (dez).Exercício 220000671 Curso Jornalismo Média 3o. O sinal de adição volta a apresentar as linhas que estavam ocultas. Clique no sinal de – (subtração) e observe que o conjunto de linhas associadas é ocultado e é apresentada apenas a linha de totalização correspondente ao conjunto.

inclusive as duas. No nosso exemplo selecione a área amarela.1 DEFININDO UMA VALIDAÇÃO DECIMAL Clique na caixa de combinação Permitir e escolha a opção Decimal. pois. pois.5. as notas inseridas podem ser decimais. proceda assim: Primeiro selecione a área correspondente. Na primeira guia você especifica a validação em si. Será apresentada a tela a seguir: Note que a janela Validação de dados possui 3 (três) guias. Tendo selecionado a área em que desejamos colocar a validação e estando no Menu Dados – Validação. será apresentada uma mensagem de orientação. A segunda guia você define uma mensagem de entrada.34 No exemplo acima. certifique-se de que a guia Configurações está em primeiro plano. Por . Vamos deixar de papo-furado e começar logo a incrementar a validação necessária. Durante a digitação é provável que o operador cometa um erro de digitação e coloque. uma nota 65 quando seria 6. ou seja. quando você clicar na célula. a área com sombreamento amarelo deve receber as notas das dos exercícios de cada disciplina. o valor de cada nota pode variar dentro de um intervalo. Para resolver esse problema a garantir que as notas devem variar entre 0 e 10. por exemplo. Depois clique no Menu Dados – Validação. agora clique na caixa de combinação Dados e selecione Entre. 4. A terceira guia serve para que você defina o nível de bloqueio.

.35 último clique nas caixas de texto Mínimo e Máximo. a cada célula a ser preenchida a mensagem de entrada se repete se tornando cansativo. especificando os limites 0 (mínimo) e 10 (máximo). Orientação para a prática A configuração de uma mensagem de entrada só é utilizada na prática quando a validação é feita numa célula onde se recebe um parâmetro. 4. ou coisa parecida. A colocação de mensagens de entrada em células próximas (região) numa tabela não fica muito boa.2 AJUSTANDO UMA MENSAGEM DE ENTRADA Clique na guia Mensagem de Entrada e sob o título “Título:” digite um título para a mensagem de entrada e sob o título “Mensagem de entrada:” digite um texto para orientar o usuário. pois.

Esse nível inibe totalmente a transcrição de dados para célula se o valor estiver contrariando a validação. .3 DEFININDO O NÍVEL DE BLOQUEIO Clique na guia Alerta de erro O Excel oferece 3 (três) níveis de bloqueio. O segundo um pouco mais flexível. quando for cometido um erro no preenchimento da célula. O primeiro deles e o mais “rígido” é o Estilo Parar. O terceiro dará apenas uma informação.36 4. Em todos eles você pode colocar um texto para ser lido pelo operador.

Veja o exemplo abaixo: Produtos Cama Fogão Geladeira Mesa Televisor Produto Preço Unitário 200.00 Quantidade 2 1 2 3 1 2 3 2 Valor total 400.00 140.00 Data 05/05/00 05/05/00 05/05/00 08/05/00 08/05/00 08/05/00 08/05/00 09/05/00 .00 200.00 490.00 490. comprimento do texto e também com Listas e Fórmulas. Na sala de aula seu professor fará mais exemplos.470.00 70.00 200.00 490.00 1.00 70. A validação de dados não serve apenas para números decimais.00 490.00 70.00 980.00 400. Hora.00 600.37 Escolha o nível de bloqueio e coloque uma mensagem apropriada para cada situação. Gostaria de enfatizar a validação de Lista. use validação para criticar o preenchimento de células com: números inteiros. Data.

clique no Menu Dados – Validação. clique na setinha e veja a lista.38 Observe que os nomes (descrição) dos produtos estão digitados na tabela. Mensagem de Entrada e Alerta de Erro. abaixo do título Produto). faremos uma validação de Lista. na guia Configurações selecione Permitir Lista e na caixa de texto Origem defina a área da tabela onde já estão digitados os nome de todos os produtos (lista). Depois de definir. opcionalmente. Para resolver esse problema. selecione na tabela a área onde os nomes dos produtos serão digitados (coluna B. Não é interessante! . feita a seleção. clique no botão OK e vamos testar. Para garantir que durante a digitação do nome do produto vendido não seja transcrito de forma errada. Clique numa das células onde foram inseridas validações de lista e note a presença de uma “setinha”.

00 150. e que a célula que irá variar deve fazer parte do cálculo. entretanto existem alguns truques para contornar esta limitação.000. Imagine que o durante o curso. O total das despesas não atingir o limite de R$ 3. os alunos resolveram utilizar o recurso Atingir Meta do Excel e decidiram que o dinheiro que sobraria seria aplicado em Brindes. que é calculada somando todos os itens acima.00 350.00 450.00 3.000. e eles sabem que não pode haver sobra.00 350.00 450.00 350. verificaram que houve sobre de dinheiro. Depois de lançarem os valores das despesas.00 A célula que do valor total dos itens tem uma fórmula de soma.00 100. 5.39 A origem de dados para a validação de listas só é permitida na mesma planilha. os alunos juntaram através de cota.00 500.1 SOLUÇÃO DO ATINGIR META . Comente com seu professor que truques seriam esses. e resolveram gastar tudo na festa de formatura. a célula que irá atingir determinado valor deve ter uma fórmula. Claro.00 (três mil reais). com quem ficaria a sobra ? Para solucionar o problema. Vejamos no exemplo abaixo: Festa de Formatura do PFSU10 Descrição das despesas Aluguel do clube Placa comemorativa Recursos humanos Descartáveis Conjunto "Os Incríveis" Alimentação (carnes) Alimentação (acompanhamentos) Bebidas Brindes Total Valor 300.00.000. um montante em dinheiro equivalente a R$ 3. Naturalmente. variando uma outra célula. 5 ATINGIR META Esse recurso tem o objetivo de fazer uma célula atingir um determinado valor.

Será apresentada a tela abaixo: Ajuste as informações solicitadas: Definir célula: Indique a célula que tem o somatório. Veremos esse tópico mais adiante. Existe um recurso no Excel. 6 AUDITORIA Algumas vezes você é surpreendido no Excel com fórmulas com erros. No exemplo 3000. dependendo do tamanho da planilha é importante usar o recurso auditoria para . Para valor: Defina o limite a ser atingido. a célula somatório passou a ter R$ 3. Depois de pressionada a tecla OK. como estava na célula que tinha a fórmula ela já aparece correta.000. a principal é que somente uma célula pode variar. o Solver. com certeza. preencher suas expectativas em tudo que o atingir meta não resolveu. As limitações do atingir meta são visíveis. que é coisa de gente grande e que vai.40 Clique na célula que tem a fórmula de soma.00 e a célula que tem o valor dos brindes passou a ter R$ 350. Variando a célula: Indique a célula que tem (ou terá) o valor a ser gasto em brindes.00. clique no Menu Ferramentas – Atingir meta.

clique em Relatório de Tabela e Gráfico Dinâmicos. Delete as outras planilhas Exercício 1: Criar o modo de exibição de relatório 1. 4. selecione qualquer célula que contenha dados. e assim tentar descobrir o porquê do erro e também saber quais as células que serão afetadas por esse erro. Para utilizar esse recurso. 3. 2. Código do Pedido. clique no Menu Ferramentas – Auditoria. pergunta. Por exemplo. Vendedor. No menu Dados. Verifique se a opção Tabela Dinâmica está selecionada como Na Etapa 1 do assistente. Na planilha. clique ativando a barra de ferramenta auditoria. . O assistente é exibido. Data do Pedido.41 rastrear erros em células antecedentes e precedentes. Clique em Concluir. 7 CRIANDO TABELA DINÂMICA Passos Criar uma planilha com as informações necessárias Colunas: País. coloque o cursor na célula que tem o erro. clique na célula A4. Clicando nos botões rastrear antecedentes e precedentes são apresentadas setas coloridas indicando as células que originaram o erro e também para as células que dependem da célula que tem o erro. verifique se a opção Banco de dados ou lista do Microsoft Office Excel está selecionada como resposta da primeira resposta da pergunta seguinte. Valor do Pedido.

Essa planilha contém três itens: a Lista de Campos da Tabela Dinâmica. clique no botão Mostrar Lista de Campos lado). Se a barra de ferramentas Tabela Dinâmica não estiver visível. aponte para Barras de Ferramentas no menu Exibir e clique em Tabela Se desejar. Se ainda assim não puder ver a lista de campos. você poderá arrastar a lista de campos e a barra de ferramentas para locais diferentes à medida que concluir os exercícios seguintes. Ele irá reaparecer quando você clicar na planilha. Quando você rolar para baixo a fim de ler as outras etapas da sessão prática. "Plan4. a área de layout do relatório.42 Observação É só isso. separadas por contornos. Uma nova planilha. na barra de ferramentas Tabela Dinâmica (essa barra deve ser exibida flutuando na planilha ou encaixada de um Observação Dinâmica. Ao clicar em Concluir. mas isso não é necessário agora. É possível continuar com o assistente clicando em Avançar em vez de Concluir. Se você não puder ver a lista de campos. o texto da área de layout desaparecerá. . você instrui o assistente para usar as configurações padrão dele para criar uma área para o relatório de Tabela Dinâmica. que contém áreas para soltar os dados." é inserida na planilha da sessão prática. que tem esta aparência: clique na área contornada. e a barra de ferramentas Tabela Dinâmica. nas quais você soltará os campos arrastados.

1. Se você soltar um campo na área para soltar errada. . Em Lista de Campos da Tabela Dinâmica. eles permanecerão na lista. A aparência do layout do relatório muda à medida que você solta os campos nesse local. basta arrastálo para a área correta. Você pode arrastar selecionando o nome do campo ou o botão na frente do nome do campo. arraste o campo Vendedor até a área para soltar chamada Solte Campos de Linha Aqui. mas ficarão em negrito.43 Exercício 2: Ordenar o relatório Agora você irá ordenar o relatório para saber o volume de vendas de cada vendedor. Observação Após soltar os nomes de campos.

Exercício 3: Dinamizar o relatório Neste exercício você mudará a orientação dos dados. que exibe um total para cada vendedor. . Arraste o campo Valor do Pedido da Lista de Campos da Tabela Dinâmica até a área para soltar chamada Solte Itens de Dados Aqui. Quando você solta um campo na área para soltar itens de dados. o contorno colorido desaparece e você vê o relatório. assim como a Lista de Campos da Tabela Dinâmica. na parte superior da planilha: clique em qualquer local fora da área de layout. Clique no título do campo Vendedor (na célula A4). Clique na célula C4. Para arrastar corretamente. Arraste e solte o título do campo Vendedor para a célula B3. As primeiras linhas do relatório de Tabela Dinâmica têm esta aparência: Para ver o relatório sem a área para soltar campos de página vazia. de linha para coluna. que é a célula acima de "Total". por exemplo. 1. você deve ter o cursor com a caixa cinza e apontá-lo para a célula de destino. 2. A área de campos de página desaparece.44 2.

Neste exemplo. Se ainda assim não puder ver a lista de campos. Você precisa saber como mover um campo de uma orientação para outra. Agora esta é a aparência do relatório: . arraste-o para a célula • Arraste e solte o campo País da Lista de Campos da Tabela Dinâmica na área Solte Campos de Página Aqui. Esses dados em particular não são muito fáceis de ler no formato de coluna. Você arrastará e soltará um campo na área para soltar chamada Solte Campos de Página Aqui. clique na área de layout. com totais para diferentes países em diferentes páginas. Veja como A4 e solte-o. Em seguida. mas esse formato pode ser muito útil com outros dados. clique no botão Mostrar Lista de Campos na barra de ferramentas Tabela Dinâmica. Observação Se não puder ver a lista de campos. mova o campo Vendedor de volta para a orientação de linha. Clique no título do campo Vendedor. Exercício 4: Criar modos de página Agora você tentará algo novo: criar modos de página.45 A aparência do relatório muda e os nomes dos vendedores são exibidos com orientação de coluna e não de linha. você exibirá os valores dos pedidos dos vendedores.

3. selecione uma página e clique em OK. Quando o campo é solto. Antes de iniciar. Agora você verá como remover os campos. arraste-o e solte-o em qualquer local fora do contorno. Observação Um "X" vermelho aparece abaixo do ponto de inserção depois que o campo é arrastado para fora da área do layout. 1. observe que agora os campos da exibição de relatório são mostrados com letras em negrito na Lista de Campos da Tabela Dinâmica. Neste exemplo. Você pode exibir três páginas. clique na seta ao lado do nome da página.46 O nome da página visível aparece na célula. O X significa que o campo foi removido do layout do relatório. Clique no campo País da planilha (célula A1). ao lado do campo País. • Para exibir uma página diferente. . a página visível possui dados de todos os países da lista. Exercício 5: Arrastar campos para fora do relatório Dissemos que é fácil mudar de idéia sobre as informações que devem constar de um relatório. Clique no título do campo Vendedor na planilha (célula A4). Por exemplo. arraste-o e solte-o em qualquer local fora do contorno. 2. Isso ajuda a controlar quais campos já foram arrastados e soltos no relatório. O total de vendas por país aparece para cada vendedor na página desse país e os totais de ambos os países juntos aparecem na página "(Tudo)". Clique no título do campo Soma de Valor do Pedido na planilha (célula A3). solte-o na célula D2. arraste-o e solte-o em qualquer local fora do contorno. o contorno se expande.

Uma macro é uma seqüência de comandos e funções armazenados em um módulo do Visual Basic (VBA) e pode ser executada sempre que você precisar executar a tarefa. 8 MACROS O que são Macros? São procedimentos editados (VBA) ou gravados. Existem duas maneiras para se trabalhar com Gráficos Dinâmicos. Nenhum dos nomes da lista de campos está em negrito porque nenhum deles foi usado na área de layout da Tabela Dinâmica. o Excel escreve as ações realizadas à medida que você executa uma seqüência de comandos em módulos . Desta forma o gráfico ficará exposto na mesma área de trabalho Clicar fora da tabela dinâmica Clicar no botão Assistente de gráfico Escolher o gráfico desejado Marcar área de onde o gráfico extrairá informações (tabela 2ª Maneira • • • Permanecer na área da tabela dinâmica Clicar no botão Assistente de gráfico O Excel entenderá que o usuário solicitou um gráfico de toda tabela e adicionará uma planilha para esse gráfico. 1ª Maneira • • • • dinâmica). é simples. usados para automatizar tarefas executadas com maior freqüência.47 O contorno tem a mesma aparência inicial. Portanto. Quando você grava uma macro. se você quiser começar tudo de novo. Em segundos você tem uma área limpa.

48

que são anexados a uma pasta de trabalho. Em seguida, você executa a macro para repetir, ou "reproduzir", as ações. Antes de gravar uma macro, planeje as etapas e os comandos que você deseja que a macro execute. Se cometer um erro durante a gravação da macro, as correções feitas também são gravadas. Segurança da macro: O Microsoft Excel fornece proteção contra vírus que podem ser transmitidos através das macros. Se você compartilha macros com outros usuários, você pode certificá-las com uma assinatura digital de forma que os outros usuários possam verificar que as macros são de origem confiável. Sempre que você abrir uma pasta de trabalho que contenha macros, poderá verificar a origem das macros antes de ativá-las. (menu ferramentas – macro - segurança)

8.1 CONSTRUINDO UMA MACRO:

1.

Planejando as ações de uma macro.

Suponha que queremos criar uma macro para simplesmente mudar de planilha.

2.

Gravando uma macro.

Você pode fazer isso partindo do Menu Ferramentas – Macro – Gravar nova macro.

Uma outra maneira é na barra de ferramentas Visual Basic, clicar no botão Gravar nova macro.

49

3.

Na janela Gravar macro você define:

a. b. c. d.

O nome da macro – O Excel sempre irá sugerir um nome genérico Apesar de poder definir uma tecla de atalho, combinando CTRL+ Defina também o local de armazenamento da macro. Se você definir a Na descrição (opcional) define um comentário a respeito das funções

(macro1, macro2,....) , coloque um nome mais sugestivo. (Tecla), na prática isso é muito raro. pasta pessoal de macros, ela estará disponível em todas as pastas.(XLS). da macro que será gravada.

Depois de clicar no botão OK da janela de Gravar macro, note a presença de uma nova barra de ferramentas.

Observação: O botão todas as ações forem efetuadas. 4.

(parar gravação) só deve ser pressionado quando

Agora clique na guia que corresponde a planilha destino.

5.

Agora clique no botão Parar gravação.

50

8.2 EXECUTANDO UMA MACRO As macros podem ser executadas das seguintes formas: 1. Pressionando a combinação de teclas, CTRL+(tecla), definida no

momento da gravação. 2. No Menu Ferramentas – Macro – Macros.

Note que na janela Macro, todas as macros gravadas (e também as codificadas em VBA) são apresentadas dentro da caixa de listagem, para executar uma delas e só clicar no seu nome e em seguida clicar no botão executar. A janela macros também é apresentada quando você clica no botão Executar macro, da barra de ferramentas Visual Basic. 3. Clicando numa figura (imagem) que esteja associada a uma macro. Esta figura servirá como botão acionador da macro. Veremos no próximo tópico como fazer essa associação. 4. Clicando num botão que esteja associado a uma macro, numa barra de ferramentas qualquer. 5. Macros automáticas – No Excel existem macros que são executadas automaticamente quando uma determinada pasta (arquivo) é aberta ou fechada. Mais adiante saberemos mais a respeito dessas macros automáticas.

pede essa atribuição assim que é inserido na planilha. . Essa figura pode ser até um botão da barra de ferramentas formulários ou uma auto-forma da barra de ferramentas desenho. para fazer a atribuição é necessário clicar com o botão direito e em seguida clicar na opção atribuir macro. 2. Na janela acima. Insira uma figura qualquer dentro da planilha. Alguns objetos. . já em outros (maioria) dos objetos (figuras).3 ATRIBUINDO MACROS A FIGURAS 1. clique no nome da macro e em seguida clique no Você vai notar que ao passar o ponteiro do mouse sobre a figura. ele se transformará em uma mãozinha. botão OK.51 8. tal como o botão da barra de ferramentas de formulário.

) Para abrir uma macro específica.52 8. aponte para Macro no menu Ferramentas e. 9 USANDO O EDITOR DO VISUAL BASIC O Editor do Visual Basic é uma ferramenta poderosa que permite a você estender os recursos e a versatilidade das macros para qualquer tarefa que possa ser executada através de gravação.4 EXCLUINDO MACROS Para excluir uma macro. Para abri-lo. em seguida. pressione ALT+F8. clique em Editor do Visual Basic. (Se preferir. (Ou pressione ALT+F11. . clique no Menu Ferramentas – Macro – Macros.) Na caixa de diálogo Macro. selecione a macro que deseja editar ou exibir e clique em Editar para abrir o Editor do Visual Basic. aponte para Macro no menu Ferramentas e clique em Macros. clique na macro a ser excluída e clique no botão Excluir.

um programa é nada mais do que um conjunto de instruções que o computador executa em uma ordem especificada. que são definições dos objetos definidos pelo usuário criados para sua pasta de trabalho . que funciona como o modo de exibição de árvore do Windows® Explorer. O Explorador de Projeto apresenta todos os projetos (agrupamentos de código) e as macros que eles contêm em um modo de exibição de árvore. a janela Propriedades e a janela Código. Os objetos raiz ou base na estrutura de árvore são a pasta de trabalho atual na qual está trabalhando e todas as outras pastas de trabalho e suplementos abertos. cada aspeto do código do computador é baseado em elementos do seu ambiente. 11. Você deve conhecer estas janelas quando começar a escrever macros: a janela Explorador de Projeto. A princípio. e todas as ações e os dados são encapsulados nesses objetos. você pode usar programação orientada a objetos para criar os seus próprios programas. Em uma linguagem de programação orientada a objetos. intervalos de células e arquivos externos.1 JANELA EXPLORADOR DE PROJETO Quando você abre o Editor do Visual Basic diretamente. Os principais elementos usados pelos projetos VBA estão armazenados em uma pasta separada dentro de cada projeto. Esses "elementos" (não surpreendentemente) são representados como objetos. que contêm o código de macro associado a uma planilha Módulos de classe. 11 O EDITOR DO VISUAL BASIC E SUAS JANELAS O Editor do Visual Basic exibe informações diferentes em várias janelas. Esses elementos incluem: Objetos (descritos anteriormente neste artigo) Módulos. planilhas.53 10 PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETOS NO EDITOR DO VISUAL BASIC No Editor do Visual Basic. você pode usar a janela Explorador de Projeto para selecionar a macro na qual deseja trabalhar. No Excel. os objetos podem ser pastas de trabalho.

54 Formulários de usuário. Plan2 e Plan3). 11. Quaisquer módulos de classe ou formulários do usuário são exibidos em uma pasta Módulos de Classe ou Formulários. (Por exemplo. respectivamente. As planilhas têm propriedades adicionais que podem ser alteradas. eles . que fornecem uma superfície visível na qual você pode colocar controles gráficos. os nomes não devem ter espaços. devem começar com uma letra. As três planilhas incluídas na pasta de trabalho (Plan1. que é usada para examinar e alterar as várias propriedades associadas ao objeto selecionado. Observação O nome que é exibido para um objeto na caixa de propriedade Nome da janela Propriedades não será necessariamente o mesmo que o nome do objeto correspondente no Excel.) Mesmo se os nomes forem diferentes.2 JANELA PROPRIEDADES Bem abaixo da janela Explorador de Projeto está a janela Propriedades. imagens e áreas de texto No próximo exemplo. são exibidas na pasta Objetos do Microsoft Office Excel. no entanto. As macros programadas no VBA ou gravadas são exibidas na pasta Módulos. não podem ser uma palavra reservada e não devem ter mais de 31 caracteres. A alteração das propriedades na janela Propriedades é feita com mais freqüência quando estiver trabalhando com formulários de usuários. como botões. mas também podem ser diferentes devido às regras de nomeação padrão que o Editor do Visual Basic usa para objetos. como StandardWidth e DisplayPageBreaks. a pasta de trabalho atual é identificada como um VBAProject. normalmente a propriedade Nome é a única disponível. Os dois nomes podem parecer semelhantes. junto com toda a pasta de trabalho (EstaPastaDeTrabalho). Para módulos.

ou ainda alterar inadvertidamente a formatação total de seu documento. por exemplo. Esses códigos nocivos podem estar presentes num documento copiado inocentemente por você. À medida que macros forem adicionadas e excluídas do módulo. elas também serão adicionadas e excluídas da caixa Procedimento. São chamados vírus de macro.3 JANELA CÓDIGO A janela Código é a maior janela do Editor do Visual Basic e é coberta com duas caixas suspensas. 12 SEGURANÇA Como já comentamos no início desse assunto. a caixa exibe o objeto Geral padrão. como. A segunda caixa suspensa — a caixa Procedimento — é usada para selecionar macros individuais no módulo atual. Macros. À medida que navegar pelo código. Uma linguagem de programação possui recursos que podem ser usados para prejudicar a performance de seu sistema. Quando estiver trabalhando somente com o código. as macros podem ser gravadas ou escritas numa linguagem de programação. Você usa a caixa suspensa à esquerda — a caixa Objeto — para selecionar um objeto com o qual trabalhar. a caixa Procedimento será atualizada para refletir a macro atual. 11. fazendo com que seu arquivo não possa ser mais aberto. Para garantir que o seu . Você também pode usar as teclas SETA PARA CIMA e SETA PARA BAIXO para navegar pelas listagens de código até que chegue na macro desejada.55 ainda podem estar vinculados internamente para garantir que o objeto correto seja mencionado.

. A terceira ativa automaticamente todas as macros sem perguntar nada ao usuário. o Excel perguntará se as macros devem ser ativadas ou não. Note a presença da nova barra de ferramentas.xls e outros arquivos) não será contaminado por essas pestes. Na barra de ferramentas Visual Basic. apresentada acima. Nova. aparece um título Segurança. Depois clique no botão. . o Excel foi implementando com um recurso que iremos comentar agora.. quando um arquivo do Excel aberto e ele possui macros. clicando nela é apresentada a janela abaixo: Como pode ser lido no próprio texto da janela. 13 CRIANDO UMA NOVA BARRA DE FERRAMENTAS Clique no Menu Ferramentas – Personalizar – Guia Barra de ferramentas.56 Excel (Pasta pessoal. existem 3 (três) opções. A segunda opção faz com que. A primeira opção ativa ou desativa automaticamente as macros dependendo de sua origem.. digite o nome da nova barra de ferramentas e clique em OK.

57 .

Pode ser a nova ou até uma outra barra de ferramentas qualquer. clique na guia Comandos e selecione a categoria Macros. Ainda com a janela Personalizar aberta.58 14 ASSOCIANDO MACROS A BOTÕES DE BARRAS DE FERRAMENTAS. Observe que as macros estão sob o título Comandos. . Aponte o mouse e arraste até a barra de ferramentas desejada.

o ponteiro do mouse se transforma numa barra vertical. Serão apresentados vários tipos de ícones (desenhos) e você deve selecionar um deles para ficar representando a macro na barra de ferramentas. • botão. Aponte o mouse sobre essa identificação e clique com o botão direito do mouse. Insira uma figura qualquer na planilha. Quando você solta o botão do mouse.59 Quando você arrasta até a barra de ferramentas. a identificação da macro fica como mostra a figura acima. Para definir a dica que será apresentada quando o ponteiro do mouse estiver sobre o botão altere o parâmetro nome dessa tela. Selecione a figura e clique no botão copiar. • • barra de ferramentas que você está trabalhando. 14. Será apresentada a figura ao lado: Clique em Estilo padrão e em seguida Alterar a imagem do botão. . indicando o local exato onde será inserido o botão.1 COPIANDO E COLANDO A IMAGEM DE BOTÃO Esse recurso é interessante porque permite que você personalize seu botão usando qualquer figura que esteja na área de transferência. A intenção é apenas copiá-la. Vamos testar? Feche a janela Personalizar e volte à planilha. Volte a exibir a janela personalizar e aponte o mouse sobre o botão da Clique com o botão direito e em seguida clique em colar imagem de • • jogando na área de transferência.

15 EXCLUÍDO BARRAS DE FERRAMENTAS Faça aparecer a janela personalizar. poderá sentir alguma dificuldade em usar um Excel com os botões mais comuns diferentes. um operador menos capacitado ou até mesmo você. . selecione a barra a ser excluída e clique no botão Excluir. alterando os padrões normais. clique na guia barra de ferramentas. mas não faça isso indiscriminadamente.60 Não é incrível?! Cuidado! Com esse recurso você poderá alterar a imagem de todos os botões de todas as barras de ferramentas de seu Excel.

Quando o usuário precisa utilizar a opção validação do menu Dados? 6. Qual critério para utilizar a opção subtotais. Em que situação o usuário utiliza a formatação condicional? 3. do menu Dados? 5.. Quando o usuário utiliza a opção atingir metas do menu ferramentas? . O que são macros? 2. O usuário tem liberdade para modificar o layout dos botões no Excel? 8. Para que serve a opção auditoria do menu ferramentas? 4. Quais são os riscos de criar ou editar barra de ferramentas? 7.61 Exercícios Teóricos (Assunto Extra Fogás) 1..

Como o usuário visualiza um código VBA referente a uma macro? . ou somente aqueles que ele criou? 10. O usuário pode associar macros a qualquer botão.62 9.

* Locomover-se para o plan2 * Copiar o conteúdo da coluna A * E colar na coluna B do plan1 5.00 200. se for acima ou igual a R$ 2000 deve aparecer em azul e se for igual a 3500 deve aparecer verde. para quando o Construa uma macro que faça a seguinte tarefa: usuário digitar o 1º nome e arrastar com o mouse.00 450.00 150. Crie uma nova lista no Excel e deixe-a disponível.000.00 450.00 20. 7.63 Exercícios Práticos (Assunto Extra Fogás) 1. usuário). todo restante da lista apareça.00 200. 6.00 3. Utilizando a opção atingir meta (alterando somente o valor da placa comemorativa) faça a seguinte planilha: Festa de Final de Ano Fogás Descrição das despesas Aluguel do clube Placa comemorativa Recursos humanos Descartáveis Alimentação (carnes) Alimentação (acompanhamentos) Bebidas Brindes Total Valor 350. * Se o salário do funcionário for superior a R$ 980 . . valores entre 0 e 9 na célula A1. 2. Crie uma planilha com as seguintes características: * Coluna de Funcionários: com 5 funcionários * Coluna de Salário: Entre R$ 980 a R$ 3500. 4.00 3. deve aparecer em vermelho.00 500. Crie uma barra de ferramentas com seu nome e coloque ter botões Crie uma mensagem de entrada onde o usuário poderá digitar somente Elabore uma tabela dinâmica (Conteúdo da tabela a critério do diferentes nela.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful