Você está na página 1de 5

Escola Secundária com 3º Ciclo de Vagos

Direcção Regional de
Educação do Centro
C u r s o E FA / S e c u n d á r i o – 2 0 0 8 / 0 9

Núcleo Gerador: 2 – Complexidade e mudança


Tema: Relacionar-se de modo confiante com a complexidade da informação.

Critérios de evidência:
• Identificar novos processos de trabalho.
• Relatar a insuficiência dos suportes técnicos/ organizacionais nos processos de trabalho e adaptação a
situações inesperadas.
• Exercer iniciativa e criatividade em novos processos de trabalho

Nome
________________________________________________________________ Data ___/____/__

Ficha 01

As novas tecnologias e o progresso tecnológico

Introdução

Como sabe, o progresso da técnica tem sido fundamental para assegurar o desenvolvimento das sociedades e
do mundo. Quando ao longo dos tempos se tem vindo a aplicar as novas tecnologias, por exemplo à
produção, é garantido o seu desenvolvimento, através do aparecimento de novos produtos que, de uma forma
ou de outra, alteram o modo de vida das pessoas e as suas relações sociais.

Neste âmbito, pode referir-se um conjunto extremamente vasto de inovações, que com certeza são-lhe
bastante familiares, não só porque já ouviu falar delas ou porque de uma forma ou de outra está em contacto
com elas. É o caso, por exemplo, da máquina a vapor, dos satélites ou mais recentemente da introdução nas
nossas vidas do telemóvel e internet.

Existe uma relação directa entre tecnologia e desenvolvimento, que, por sua vez, produz alterações no
modo de viver das pessoas. No entanto, esta relação é dialéctica, uma vez que também as inovações são
produto da acção humana, são construções sociais.

As inovações são constantes e contribuem para o desenvolvimento dos povos. Parece ficar claro também que
as inovações técnicas têm uma duração muito curta, uma vez que rapidamente são ultrapassadas por outras,
passando as primeiras ao esquecimento e a cair em desuso.

Muitas vezes a sensação que temos na gestão do nosso dia-a-dia é que estamos completamente
ultrapassados e desactualizados. Em termos mais globais é o que acontece nos países que não reúnem as
condições de natureza económica ou de outra ordem para acompanhar o desenvolvimento da tecnologia,
sendo por isso considerados menos desenvolvidos ou mesmo atrasados.

Tarefa 1

- Identifique e descreva algumas alterações no modo de viver das pessoas que resultaram de
inovações tecnológicas.
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

Cidadania e Profissionalidade Formadores: Ana Paula Guerreiro e Pedro Vitória 1/5


Escola Secundária com 3º Ciclo de Vagos
Direcção Regional de
Educação do Centro
C u r s o E FA / S e c u n d á r i o – 2 0 0 8 / 0 9

Tarefa 2

- Nos dias que correm, qual é o papel do telemóvel na vida da maioria das pessoas em Portugal?
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________

Cidadania e Profissionalidade Formadores: Ana Paula Guerreiro e Pedro Vitória 2/5


Escola Secundária com 3º Ciclo de Vagos
Direcção Regional de
Educação do Centro
C u r s o E FA / S e c u n d á r i o – 2 0 0 8 / 0 9

Para quem viveu no século XIX, o telégrafo e o telefone não passavam de miragens ou invenções prodigiosas.
E, no entanto, o tempo para realizar e multiplicar estes milagres da vida moderna foi extremamente breve. No
início do século XX, com o aparecimento da rádio, pensava-se já noutra revolução: a comunicação
individual.

Para ler

A comunicação individual

“A ideia de uma pessoa poder comunicar com outra, de forma privada, a partir de
qualquer ponto do globo, era tão forte, que a especulação foi imensa. Em 1910, a
Technical World Magazine publicou um relato entusiasta acerca dos telefones sem fios.
Um tal Frederick Collins prometia fabricar aparelhos que permitiam "falar com pessoas
que estivessem em partes distantes de um edifício ou até mesmo em edifícios
adjacentes, independentemente da espessura das paredes ou chão", e que podiam ser
transportados "em automóveis, barcos a motor, iates, aviões ou submarinos, dentro de
túneis ou minas". Como nada disto era verdade, Collins e os seus associados
acabaram por ser presos por fraude.
Collins podia ser um charlatão, mas era, também, um visionário. Só nos anos
50 é que os primeiros automóveis com telefone saíram para as ruas. A
tecnologia móvel continuou a evoluir e, no final da década de 70,
comercializaram-se os primeiros telefones celulares portáteis. Nos anos 80, o uso dos telemóveís
espalhou-se pelo globo.
Os primeiros telefones móveis pesavam quase um quilo. Hoje, parecem pré-históricos. Vivemos
no futuro. Podemos ter um telefone que mede menos de dez centímetros e pesa menos de 100 gramas.”

Joana Vilela, in revista Xis

Tarefa 3

- Depois de ler texto, esclareça em que medida os sonhos e os desejos das pessoas influenciam o
desenvolvimento tecnológico?
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

As tecnologias da informação
As comunicações sofreram grandes transformações a partir da Segunda Guerra Mundial, permitindo que as
pessoas comuniquem umas com as outras em tempo real, em qualquer ponto do planeta. A rádio já constituía
a partir dos anos 30 uma importante fonte de informação, contudo a televisão e, mais tarde, os computadores
foram os principais responsáveis pela profunda alteração da vida em sociedade.

É esta ligação entre as telecomunicações e a informática que vai dar origem às tecnologias da informação,
encurtando tempo e espaço.

Cidadania e Profissionalidade Formadores: Ana Paula Guerreiro e Pedro Vitória 3/5


Escola Secundária com 3º Ciclo de Vagos
Direcção Regional de
Educação do Centro
C u r s o E FA / S e c u n d á r i o – 2 0 0 8 / 0 9

Os media electrónicos permitiram o aparecimento da "aldeia global", uma vez que a informação rapidamente
se torna de fácil acesso para todos.

As tecnologias da informação vieram revolucionar toda a vida social e caracterizam-se sobretudo pela
sua flexibilidade, produtividade e integração do conhecimento. Dependem sobretudo da capacidade
humana, isto é, o seu maior ou menor impacto depende da capacidade, do conhecimento e da criatividade de
quem as usa.

Uma vez que o seu desenvolvimento e aplicação são directamente dependentes da formação dos recursos
humanos, é fundamental proporcionar às pessoas conhecimento e reciclagem para que estejam
completamente actualizadas e contribuam para uma aplicação satisfatória das tecnologias.

Actualmente encontramo-nos na era de transição dos computadores para as comunicações. A


generalização do uso da Internet e a televisão digital revolucionaram as tecnologias de informação.

Como sabemos, o Internet é um mundo virtual paralelo ao real. Podemos ler livros e jornais, fazer compras no
supermercado, reservar passagens de avião e resolver mil dilemas práticos. A informação circula de forma livre
e está acessível a qualquer pessoa. Nunca estivemos tão perto do conhecimento da aldeia global. Uma aldeia
atravessada por auto-estradas de informação e com comunicações virtuais, resultantes da era da
comunicação mediada por computador.

Tarefa 4

- A partir do que foi referido, o que podemos entender por “Aldeia Global”
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________

Tarefa 5

- Porque razão a nova sociedade da informação e do conhecimento exige uma aprendizagem ao longo
da vida?
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________

Proposta de trabalho 6

- Sugerimos-lhe que proceda a um levantamento de artigos alusivos à introdução das novas


tecnologias e, em grupo, analise as vantagens e inconvenientes decorrentes dessa aplicação. Poderá
elaborar um plenário com os restantes elementos da turma para discussão e análise das conclusões.

Cidadania e Profissionalidade Formadores: Ana Paula Guerreiro e Pedro Vitória 4/5


Escola Secundária com 3º Ciclo de Vagos
Direcção Regional de
Educação do Centro
C u r s o E FA / S e c u n d á r i o – 2 0 0 8 / 0 9

Proposta de trabalho 7

- Comente os seguintes documentos:

Documento 1
“Estamos mais sós. Para Noel, a mediatização da comunicação conduz a uma multiplicação dos intercâmbios
e comunicações pelas quais os indivíduos tentam ligar-se ao mundo, ao mesmo tempo que assistimos a um
empobrecimento dos conteúdos, tanto na sua variedade como no seu significado. Com o objectivo de
aumentar a comunicação, de querer comunicar com o mundo inteiro, chegamos a uma sociedade feita de
indivíduos isolados que, paradoxalmente, cada vez menos comunicam entre si, verdadeiramente.”

Documento 2
Página de BD

Documento 3
“O teletrabalho é, hoje em dia, uma opção cada vez mais tida em conta. A transição do trabalho centralizado
para o "chalé electrónico" é, segundo A. Toffler, a escolha do futuro. E com ela, a deslocação da população
citadina para zonas rurais, onde a qualidade de vida é melhor, desenvolvendo, por sua vez, a região através da
implementação de novas actividades económicas para suporte deste novo fenómeno social, a rurbanização.”

Cidadania e Profissionalidade Formadores: Ana Paula Guerreiro e Pedro Vitória 5/5