Você está na página 1de 2

Quiromancia Básica

A quiromancia (do grego cheiro, “mão”, e mancia, “profecia”) é um


método complexo de adivinhação e de interpretação de sinais
baseado nas linhas da palma da mão e no seu formato, tamanha e
textura.Esse sistema de adivinhação deve ter se originado na Índia há
pelo menos cinco mil anos.Era praticado na China, no Tibet, na Pérsia,
na Mesopotâmia e no Egito.As lendas nos contam que o filósofo grego
Aristóteles, que dizia que a mão é o “principal órgão” do corpo,
ensinou a quiromancia a seu mais famoso pupilo Alexandre o
Grande.Dizem também que Júlio César acreditava ter tanta habilidade
para decifrar palmas da mão que julgava seus homens pela aparência
das mãos.
Ainda que os méritos da quiromancia já tivessem prestígio na
antiguidade, os guias sistemáticos sobre a arte só foram
desenvolvidos durante o Renascimento. O primeiro manual completo
sobre o assunto, A arte da quiromancia, foi publicado na Alemanha
em 1475, pouco depois da invenção da imprensa.Nessa obra, e em
muitas outras que vieram depois, os leitores tinham acesso a mapas
detalhados da mão que davam nomes e significados específicos para
cada linha, monte e vale da palma da mão.Acreditava-se que a
interpretação desses detalhes não só davam pistas sobre a
personalidade e destino de uma pessoa como também servia de
advertência quanto a problemas de saúde.No século XVII, as aulas de
quiromancia faziam parte do currículo de diversas grandes
universidades.
A leitura de mãos atingiu seu apogeu no final do século XIX, com a
ascensão de seu praticante mais conhecido, o conde Louis
Hamon.Trabalhando em Londres sob o pseudônimo de Quiros, Hamon
fazia milhares de leituras todo ano, usando um sistema que havia
aprendido com sua mãe, uma irlandesa.Ele ficou conhecido por sua
impressionante precisão e atraiu muitos clientes notáveis, entre os
quais estavam os reis Eduardo VII da Inglaterra, o rei Leopoldo da
Bélgica, Thomas Edison, Oscar Wild...A animação causada pelo
sucesso de Hamon nunca desapareceu completamente, e os leitores
de mão profissionais ainda existem na maior parte da Europa e dos
Estados Unidos.

- PRINCÍPIOS BÁSICOS DA LEITURA DE MÃO

A maioria dos leitores de mão examina as duas mãos.Dizem que a


esquerda revela características que a pessoa herdou, enquanto a
direita indica as escolhas que deverão ser feitas e as vitórias e
derrotas do futuro.Cada linha ou monte da palma da mão é
examinado separadamente, mas uma leitura completa leva em
consideração o significado geral de todos os seus traços.
Se você der uma olhada rápida em suas mão, verá dezenas de linhas,
compridas e curtas, grossas e finas.Muitos sistemas complexos de
quiromancia dão um significado para cada linha, assim como para a
distância entre elas e a forma como elas se cruzam.Todos eles,
contudo, começam, com cinco “linhas primárias”, que são mais
visíveis na mão esquerda.

1. A LINHA DA VIDA: Localizada ao lado do “dedão”. Ao contrario da


crença popular (e do que a professora Trelawney nos disse), essa
linha não indica quanto tempo uma pessoa vai viver.Na verdade, ela
dá uma idéia geral da qualidade de vida e da vitalidade dessa
pessoa.Uma curva acentuada para baixo, mesmo em uma linha curta,
indica força física.Já uma linha relativamente reta sugere pouca
resistência.

2. LINHA DA CABEÇA: Localizada um pouco acima da Linha da


Vida.Mostra a capacidade intelectual da pessoa.Ela revela a
criatividade latente, o poder de concentração e a capacidade para
resolver problemas.Quanto maior a linha, maior a capacidade de
concentração.

3. LINHA DO CORAÇÃO: Localizada mais acima da Linha da Cabeça,


perto dos dedos.Essa linha é a chave para se entender as
emoções.Ela revela a maneira como o indivíduo interage com os
outros e suas expectativas em relação ao amor e a relacionamentos.

4. LINHA DO DESTINO: Ela atravessa a linha da Cabeça e do Coração,


passa mais ou menos no meio da mão.Indica grau de controle que se
exerce sobre a vida e os acontecimentos.Ela também revela como a
pessoa lida com responsabilidades e se faz uso dos seus talentos
naturais.

5. LINHA DE APOLO: Começa mais ou menos onde começa a Linha do


Destino, porém mais para a direita. Também conhecida como linha do
sol, mede a satisfação pessoal.Nem todo mundo tem uma linha de
Apolo, mas, quando ela existe, é um sinal da capacidade de
aproveitar a vida e de encontrar satisfação no trabalho.Em alguns
sistemas, uma linha de Apolo comprida é sinal de sorte.